UA-130521384-1 Jump to content
Forum Cinema em Cena

Questão

Members
  • Content count

    15,716
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    51

Everything posted by Questão

  1. Questão

    Falcão e Soldado Invernal (Série - Disney+)

    Mesma duvida aqui. Acho que a Marvel não quis fazer um CAPITÃO AMÉRICA 4 com novo ator, e resolveu arriscar nessa minissérie pra ver se rendia, e depois botar o Sam como novo Capitão em um Vingadores 5. Mas uma coisa me deixa intrigado em relação ao Zemo. Embora nos quadrinhos, ele seja muito mais inimigo do Capitão, no filme, botaram a treta dele muito mais com os Vingadores em geral do que com o Capitão. Será que podem usar a série pra plantar uma semente pros Mestres do Terror liderados pelo Zemo pra explorar no cinema? Talvez o Sam e o Bucky descobrindo que o Zemo tá investigando supercriminosos pra montar a própria equipe, e aproveitar agora que os Vingadores tão "dispersos" depois da batalha com o Thanos?
  2. Questão

    Os Vingadores 4: End Game

    Dizem que a atriz não participou do RAGNAROK por causa de conflitos de agenda com a série dela (BLINDSPOT), e acho que se aparecesse, ia ser só pra morrer. Se não me engano, no filme dizem que o Odin (na real, o Loki disfarçado) exilou ela. Se ela foi vítima do estalo, ela voltou. E com o fim da série dela, não é impossível que a personagem possa aparecer no futuro do MCU (imagina ela, que tinha uma quedinha pelo Thor, encontrando o Thor gordão em GUARDIÕES VOL. 03?😃)
  3. Questão

    Mulher Maravilha 1984

    MULHER-MARAVILHA 1984 – PATTY JENKINS, A DIRETORA DO FILME, EXPLICA POR QUE ESCOLHEU OS ANOS 80! 6h - 299 – Nossa amazona está voltando! POR CRISTIANO RANTIN → Em breve veremos a nova aventura solo de Diana que, em Mulher-Maravilha 1984, deve brilhar no auge dos anos 80. Mas qual seria o motivo para o segundo filme da amazona se passar nessa data em específico? Patty Jenkins, a diretora do filme, falou um pouco mais sobre isso. Depois do primeiro longa ser ambientado na Primeira Guerra Mundial, a nova aventura de Diana será na Guerra Fria. Segundo Jenkins, a escolha pela data de 1984 foi muito deliberada, uma vez que os anos 80 serão de extrema importância pra história. “O ano de 1984 é definitivamente muito evocativo do que é importante no filme e ressoa com o agora… Foi o pináculo do sucesso dos anos 80,” explicou Jenkins em uma entrevista ao podcast do Deadline. A diretora continuou, dizendo que havia “algo sobre o excesso nesse período, algo que está tão ligado a onde estamos no mundo atualmente, isso foi escolhido por um motivo.” E ai, animados para o filme? FONTE: LEGIÃO DOS HERÓIS
  4. Questão

    Mulher-Maravilha 3

    Caso Diana ganhe um terceiro filme, minha aposta é Circe para vilã principal, já que depois do Ares e da Mulher Leopardo, ela é a maior pedra no sapato da Diana.
  5. Questão

    Um Lugar Silencioso 2

    O Deadline anunciou nesta sexta-feira (24) algumas mudanças feitas no calendário da Paramount Pictures, que foi alterado após o adiamento de Sonic: O Filme. O grande destaque fica para a nova data do terror Um Lugar Silencioso 2, que trará a continuação para o elogiado filme de John Krasinski. De 15 de maio de 2020, o filme agora estreia em 20 de março de 2020. FONTE: OBSERVATÓRIO DO CINEMA
  6. Questão

    Um Lugar Silencioso 2

    Confirmada pela Paramount Pictures, a sequência de “Um Lugar Silencioso” deve contar com o retorno de John Krasinski na direção. Em entrevista ao Collider, o produtor Andrew Form garantiu que Krasinski estará envolvido com a produção. Disse. Um Lugar Silencioso mostra uma família que é forçada a viver em silêncio enquanto se esconde de criaturas que caçam por ondas de som. A direção foi de John Krasinski, que também estrelou o elenco ao lado de Emily Blunt. FONTE: O VÍCIO Não acho que o primeiro filme pedia uma sequência, mas vamos ver o que sai. Mas eles tem que vir com algo novo, já que perderam a novidade da ambientação sem diálogos falados do primeiro filme.
  7. Questão

    Falcão e Soldado Invernal (Série - Disney+)

    Acho que o Bucky assumir a identidade do Capitão, mesmo temporariamente, não rola. Até por que isso seria meio desrespeitar a escolha do Steve e tal, e o Bucky parecia super de boa com a escolha. Mas acho que o Bucky ainda vai ter que lidar com consequências do tempo em que trabalhou com a Hidra. Alias, fica a duvida, depois de tudo que rolou com o Thanos, o tratado de Sokovia ainda vale? Nas Hqs, depois de um tempo, a lei do registro (Que equivale ao tratado nas Hqs caiu). Acho que com todo o lance do Thanos, o tratado deva cair também.
  8. Questão

    Creed 2

    Creed 2 | Ivan Drago estará na sequência, confirma Sylvester Stallone Publicado em21 de julho de 2017 às 22h57 Depois do sucesso do primeiro, Creed 2 será feito e parece que trará de volta um velho inimigo de Rocky Balboa. Em seu Instagram, Sylvester Stallone publicou uma foto de um rascunho do filme, indicando a presença de Ivan Drago, que foi interpretado por Dolph Lundgren, nas hashtags. “TERMINEI… E se você estiver curioso, cerca de 439 páginas escritas à mão se traduzem em cerca de 120 páginas digitadas de roteiro.” A presença do personagem já tinha sido indicada há algumas semanas, quando o próprio Stallone publicou uma montagem mostrando Creed e Drago. FONTE: JOVEM NERD O primeiro filme é excelente. Não sei se ele pedia uma sequência, mas vamos ver o que rola. O fato do Stallone estar no roteiro pode ser muito bomou muito ruim, já que ele é um roteirista do tipo "08 ou 80".
  9. Questão

    Spawn (Novo Filme)

    Spawn | Novo filme deve começar filmagens no meio de 2018, diz o produtor Jason Blum na CCXP17 Ele veio ao Brasil ao lado de Lin Shaye divulgar Sobrenatural: Capítulo 4 10/12/2017 - 11:30 - CAMILA SOUSA Em entrevista na live do Omelete na CCXP - Comic Con Experience 2017, o produtor Jason Blum revelou que o novo filme de Spawn deve começar suas filmagens no meio de 2018: “Spawn está sendo escrito, Todd (McFarlane) está trabalhando nisso agora, ele está no décimo primeiro rascunho do roteiro, mas eu espero, com sorte, que a gente comece a filmar no primeiro semestre do ano que vem”. “Todd está trabalhando nisso há muito tempo, mas nós estamos faz 6 meses. Fui para o Arizona vê-lo e temos uma relação muito boa, e ele está fazendo versões atrás de versões do roteiro, está ficando cada vez melhor. Acho que o filme será incrível e Todd vai dirigir o filme”, completou. Blum veio ao Brasil ao lado de Lin Shaye, para divulgar Sobrenatural: Capítulo 4. O filme chega ao Brasil em janeiro. Já McFarlane trabalha no projeto de Spawn pelo menos desde 2014, quando falou sobre ele ao Omelete – leia aqui. A data de lançamento de Spawn não foi anunciada. FONTE: OMELETE O próprio Mcfarlane vai dirigir? Ih, não levei fé. Espero que revejam isso ai. Em tempo, o orçamento inicial do filme é bem baixo. Por um lado é bom, que concede mais liberdade. Mas por mais contraditório que possa parecer quando se fala de Spawn, vai ter que ser um filme bem "pé no chão".
  10. Questão

    Avatar 2 - James Cameron

    Avatar 2: ator de Legion, Jemaine Clement estará na continuação Mais um nome acaba de se juntar a Avatar 2, sequência do sucesso de James Cameron. Trata-se de Jemaine Clement, ator que teve grande destaque na série Legion. O anúncio se deu através do perfil no Twitter do próprio filme. Confira: Ver imagem no Twitter Colaborador frequente de Taika Waititi (diretor de Thor: Ragnarok e dublador do personagem Korg), Jemaine Clement é showrunner da série O Que Fazemos nas Sombras, adaptação do filme homônimo para o canal FX. Recentemente, a atriz Michelle Yeoh também foi anunciada oficialmente para integrar o elenco. A franquia Avatar tem estado em pauta nos últimos dias pelo risco de ter seu posto de maior bilheteria de todos os tempos – em valores brutos – ultrapassado pelo mais recente lançamento da Marvel Studios, Vingadores: Ultimato. Atualmente, restam cerca de US$ 250 milhões de diferença entre o montante de cada projeto. Será que dá tempo? FONTE: COSMO NERD
  11. Questão

    Halloween (nova sequência da Blumhouse)

    'Halloween': Jasom Blum relembra fãs que está trabalhando na sequência Por Thiago Nolla Publicado em 22/05/2019 às 18:10 FacebookTwitterWhatsAppE-mailMais... COMPARTILHE! Ano passado, 'Halloween' tornou-se um dos filmes de maior sucesso da franquia, que começou 40 anos atrás, arrecadando mais de 253 milhões de dólares no mundo todo e recebendo 79% de críticas positivas do site agregador Rotten Tomatoes. E apesar de uma sequência não ter sido oficialmente confirmada, o produtor Jasom Blum lembrou os fãs que está trabalhando em uma sequência em seu Twitter oficial. Confira: Um dos fãs, durante a sessão de perguntas e respostas, implorou para que Blum anunciasse 'Halloween 2' o quanto antes possível. Como resposta, o produtor disse "estou trabalhando nisso". O mais recente filme, ainda que ignore todos os anteriores até o original, é o 11º da série e o segundo a obter o certificado "Fresh" no site supracitado. Blum acrescentou que o novo filme ofereceu ao público uma nova experiência, algo que gostaria de colocar nas continuações. FONTE: CINEPOP
  12. Halloween | Sequência terá roteirista de “Narcos: Mexico” BRUNO GOMES 18 HORAS AGO 0299 VIEWS De acordo com um relatório do Collider, Scott Teems está em negociações com a Blumhouse para roteirizar a sequência de “Halloween“. O roteirista é mais conhecido por seu trabalho na aclamada série da Netflix, “Narcos: Mexico“. Vale destacar que apesar de várias informações do desenvolvimento, a sequência ainda não foi oficializada pela produtora. As atrizes Jamie Lee Curtis, Judy Greer e Andi Matichak devem retornar nos papéis principais. FONTE: O VÍCIO Diferente da maioria, não curti tanto o novo filme. Acho que está longe de ser a melhor sequência da série, como grande parte da crítica alardeou. Mas vamos ver no que vai dar.
  13. Questão

    A Dama e o Vagabundo (Live Action)

    A Dama e o Vagabundo | Remake usará cachorros reais A discussão sobre ser live-action acabou! Modo noturnoPublicado em17 de dezembro de 2018 às 19h19 Depois de toda a discussão sobre O Rei Leão ser live-action ou não, dá para firmar que o remake de A Dama e o Vagabundo será uma versão real da animação. Isso porque o filme usará cachorros de verdade em suas filmagens, como revelou o ator Thomas Mann ao Collider. Por enquanto, o elenco conta com Tessa Thompson (Thor: Ragnarok), Justin Theroux, de Cidade dos Sonhos, vivendo o Vagabundo; Sam Elliott, de O Grande Lebowski e Ashley Jensen, de O Lagosta. Brigham Taylor, que esteve envolvida em Mogli de Jon Favreau, está produzindo o filme que será lançado diretamente para o novíssimo serviço de streaming da Disney — que tem previsão de lançamento para 2019. O longa tem um orçamento estimado de US$ 80 milhões. Charlie Bean, mais conhecido por LEGO Ninjago: O Filme, fechou um contrato para dirigir a nova versão do filme, que misturará filmagens em ambientes reais com atores e CGI para os cachorros icônicos. Andrew Bujalski, de Computer Chess e Resultados, escreveu o roteiro do filme ao lado de Brigham Taylor (Christopher Robin). O filme original foi lançado em 1955 e conta a história de uma cadela nobre e com pedigree que se apaixona por um cão vira-lata no auge de sua astúcia. A nova versão ainda não tem previsão de estreia. FONTE: JOVEM NERD Agora sim um Live action de verdade. Hehehe
  14. Questão

    Homem-Aranha: Longe de Casa (02/07/2019)

    DIABO DA GUARDA, um dos grandes clássicos do Demolidor, escrito pelo Kevin Smith. E fechando com a imagem que eu ainda sonho ver no cinema ou no Disney Plus/Hulu E fechando com a
  15. Questão

    Homem-Aranha: Longe de Casa (02/07/2019)

    Vai com um pé atrás, JAIL. O cara que falou em multiverso, foi o mesmo que convenceu o Demolidor que o juízo final havia chegado. Pra mim, tem treta ai.
  16. 1- Custa dinheiro pra caramba. 2- Monopólico comercial. A Disney não pode mais comprar empresas deste porte. Já foi um parto pra comprar a Fox 3- BIG abriu um tópico pra você chamado Disney, pra não precisar abrir um tópico pra cada pergunta que você tenha. Dê uma passada lá, pois todos os seus tópicos foram reunidos lá. Segue o link
  17. Questão

    Universo Cinematográfico da Marvel

    Exato, JAIL. Acho que a ideia é criar um ponto zero para a revelação dos mutantes no MCU (como o "I am the Iron Man" foi para os superseres., para então jogar com os impactos sociais que isso pode causar. Afinal, agora não é mais uma ou outro cara super poderoso ou cara de armadura que existe por ai. Gera uma paranoia no MCU, pois qualquer um pode ser um mutante. Não vejo dessa forma. Até por que embora o multiverso seja apresentado em ULTIMATO, eles estão bem longe de ser o foco, que é mais a viagem no tempo em si. O multiverso parece mais uma consequência, e a saída mais fácil pra não ferrar com a Timeline estabelecida. Pra mim, nem os diretores e nem os roteiristas prestaram muita atenção nesse conceito em particular, por que estavam focados demais no que acontece no Universo "de verdade" (eles nem sabem explicar direito se o Capitão casou com a Peggy no nosso passado, ou em outro passado) Mas então você pode argumentar "Mas eles vão abordar multiverso já no filme seguinte ao ULTIMATO, que é HOMEM ARANHA: LONGE DE CASA"? Então, há controvérsias. A gente não pode esquecer que quem veio com a história de multiverso foi o Mystério, o mesmo cara que nos quadrinhos fez o Demolidor acreditar que o juízo final tava chegando e o inferno ia se materializar na Terra. Então não se surpreenda, se no fim das contas, a trama de HOMEM ARANHA: LONGE DE CASA, não tiver nada a ver com multiverso, e ser tudo um plano do Mysterio, se aproveitando do que rolou em ULTIMATO, Assim sendo, não vejo como um risco a introdução do multiverso aqui. Se a Marvel quisesse (e não acho que seja o caso) ela podia nunca mais falar em Multiverso de novo. Os Nove reinos do Thor lá não seguem praticamente inexplorados? O Mandarim sugerido desde o primeiro Homem de Ferro deu as caras (excetuando o Mandarim fake de HDF 3)? Cara, acho que sim, até por que diz o Feige, ele já tinha a fase 3 finalizada antes mesmo de sonhar em ter os X men e o Quarteto na mão. Me parece que os fãs estão dando muito mais importância para a questão do multiverso do que a Marvel em si (apesar de LONGE DE CASA, mas tenho pra mim que faz parte do truque, como disse acima). Então, sim, acho que eles teriam usado a teoria do multiverso com ou sem as propriedades da Fox. Se pararmos pra pensar, era o jeito mais simples que eles tinham de trabalhar com a viagem no tempo no cenário que eles tinham ali. Por que se pararmos pra pensar, eles realmente iam introduzir o multiverso pra justificar o surgimento dessas aquisições, se tem explicações mais simples pra isso (tipo o rato que aperta o botão pro Homem Formiga voltar)? Ai é que tá. Não necessariamente a Marvel vá usar a questão do multiverso como fio condutor para futuras sagas (pode usar), mas não acho que ULTIMATO criou uma obrigação pra isso. Quando se lida com universo expandido (o que vale pros quadrinhos também, mas principalmente no cinema e na TV) você tem que fazer algumas concessões. Pega as críticas do Pablo dos filmes da Fase 2 como HOMEM DE FERRO 3, THOR: O MUNDO SOMBRIO e CAPITÃO AMÉRICA: O SOLDADO INVERNAL, e o Pablo (não só ele, mas diversos críticos) questionavam "por que eles não chamaram os Vingadores pra ajudar?" Claro, você pode procurar justificativas na história que respondam essas perguntas, mas a resposta mais rápida é "por que não era um filme da equipe". Ou em um caso mais recente "por que o Fury não chamou a Capitã Marvel quando o Loki liderou uma invasão alienígena, ou quando o Ultron quase detonou o Planeta Terra"? Podemos inventar várias explicações pra isso, mas a resposta mais honesta é "por que a Capitã Marvel não havia sido introduzida". Assim, você explica essas questões. X Men podiam nem ter sido formados durante esses eventos. O Quarteto podia não ter sofrido o acidente, enfim. A explicação não é complicada. Mas isso um filme teria que inserir essa informação, pois ULTIMATO não indica que o multiverso seja afetado pelo estalo, e sim somente aquele universo onde ele é feito. Tanto que acho que se forem pra 2014 sem Thanos, nunca vai acontecer estalo nenhum. Na verdade, não foi bem fundir todos em uma unica linha temporal, certo? E sim, acabar com o excesso de realidades alternativas (especialmente o Universo Ultimate) e trazer para o universo regular personagens que haviam se tornado populares, como o Miles Morales e o Velho Logan. E isso sim é complexo se pararmos pra pensar. A Marvel vai criar todo um universo alternativo com o Quarteto e os X men, pra depois destruir esse universo e fundir tudo em um só? Isso sim é complexo. Só vejo a Marvel fazendo isso se for pra ter um reboot completo do MCU, e acho que eles estão bem longe dessa marca. Confesso que não me empolguei muito com esse. Hehehe. Até gosto do filme, mas não envelheceu bem comigo, e acho fácil o filme mais fraco que os Russo dirigiram para a Marvel. Cara, minha opinião é que o multiverso (que não necessariamente envolve realidades espelhos da nossa) vai ser usado sim pelas propriedades da Fox (mas também pelas que a Marvel já tem) pra brincar com coisas que você geralmente não poderia. Dá pra brincar aqui com um "Marvel Zombies", uma "Marvel 1602", um Mojoverso, uma Zona Negativa, uma "Era do Apocalipse", um "Dinastia M", até um "Fox verse, com os X men da Fox", por que não? Dá pra fazer uma adaptação de "Homem Aranha no Aranhaverso" pra passar o bastão do Peter pro Miles Morales (o que vai acontecer, cedo ou tarde quando o Tom Holland largar o papel), da pra introduzir uma Spider Gwen. Até um Porco Aranha e uns X Babies se quiserem pirar. Então, acho que o multiverso vai ser uma coisa muito pontual no MCU, que pode até vir a assumir um papel central se a Marvel resolve adaptar alguma saga que gire em torno dele, como "Massacre", "Dinastia M", "Dinastia Kang", ou a própria "Guerras Secretas 2015" citada por você, mas que não acho que tenha sido posto ali pra servir de porta de entrada pra X Men ou Quarteto Cara, eu acho que os X Men não tão no pensamento imediato do Feige não. Acho que ele tá muito mais preocupado com o Quarteto agora, e a cartela cósmica (e geopolítica) que ele traz. "O Futuro imediato é cósmico'" é o que o Feige diz. Ai, acho que ele quer se aprofundar mais nos Krees e Skrulls, apresentar o Galactus, e as ramificações trazidas pelos Eternos, apresentar o Império Xiar (que veio com a cartilha dos X Men), e por a vai. Sem falar na própria geopolítica da Terra. Com a revelação de Wakanda, imagino que Latveria e Atlântida não devem estar muito atrás. Enfim, esse foi o meu textão, pra explanar o meu ponto de vista do por que eu acredito que os fãs estão dando mais importância para o multiverso do que ele realmente tem (por enquanto).
  18. Questão

    The Lighthouse (Robert Eggers)

    Festival de Cannes 2019: Protagonizado por Robert Pattinson, novo filme do diretor de A Bruxa é só elogios pela crítica Por Renato Hermsdorff — 20/05/2019 às 09:19 Cem por cento de aprovação no Rotten Tomatoes (até agora); nota máxima no AdoroCinema. Divulgação Depois do sucesso de A Bruxa, coprodução brasileira de terror, era grande a expectativa em torno novo projeto de Robert Eggers. Pois contrariando o dito de que “quanto mais alto, maior é a queda”, o diretor vem conquistando a crítica com The Lighthouse, protagonizado pelo (futuro Batman) Robert Pattinson e o (ex-Duende Verde) Willem Dafoe, exibido no Festival de Cannes pela programação da Quinzena dos Realizadores (portanto, fora da disputa pela Palma). A produção, que se passa no Início do século XX, traz Thomas Wake (Dafoe) como o responsável por cuidar de uma farol de uma ilha isolada. Depois de perder seu assistente, ele contrata o jovem Ephraim Winslow (Pattinson) como substituto. Mesmo assim, o experiente funcionário não permite que o novato acesse de fato farol, o que alimenta (claro) a curiosidade do personagem de Pattinson. Getty IMages Pattinson e Dafoe em evento da revista Vanity Fair. O AdoroCinema, que classificou o filme como “visceral”, conferiu nota máxima, 5,0, ao longa: “O resultado não se contenta com a beleza estonteante das imagens nem com o refinamento da produção. Quando chega a hora de partir para o terror, Eggers oferece cenas chocantes, de uma brutalidade explícita e banalizada – mais uma vez, os animais desempenham um papel importante, como em A Bruxa. O diretor aproxima-se de Lars von Trier na estética da violência, apostando na possibilidade de ser ao mesmo tempo mais gore e mais refinado” (Leia mais aqui). Pela crítica internacional, a recepção não foi diferente. “Realizado com habilidade extraordinária, The Lighthouse é um filme que você não pode classificar, e isso é parte de seu apelo”, aponta o texto da Variety. “Eggers confirma sua reputação instantânea como um mestre do ‘New England Gothic’ com esse claustrofóbico segundo longa”, destacou o profissional do The Hollywood Reporter. A indieWire tascou: “É o melhor filme sobre companheiros de quarto [‘roommates’] já feito. Até a publicação desta matéria, ainda não havia um consenso sobre a avaliação do filme no site Rotten Tomatoes. Com 12 textos contabilizados, no entanto, a provação é de 100%. The Lighthouse ainda não tem previsão de estreia no Brasil FONTE: ADORO CINEMA
  19. Questão

    The Lighthouse (Robert Eggers)

    The Lighthouse | Novo filme do diretor de 'A Bruxa' pode ser filmado em preto e branco Sangue Tipo B - Filmes de Terror .FILMES Imagem de 'A Bruxa', de Robert Eggers The Lighthouse, filme que marcará a nova parceria entre o diretor Robert Eggers e a produtora A24, pode ser filmado em preto e branco. A informação foi revelada ao Mandy News por Louise Ford, responsável pela edição do longa. "Estamos filmando em preto e branco 35mm", disse Ford, que também foi responsável pela edição de o O Homem nas Trevas e trabalhou com Eggers em seu filme anterior, A Bruxa. "É algo praticamente inédito hoje em dia. A maioria dos filmes em preto e branco é gravado em cores e depois convertido na pós-produção". Eggers dirige e também assina o roteiro do filme, que é descrito como uma fantasia de horror. A trama será ambientada no século 18, e deve abordar mitos marítimos. Conforme já noticiamos, o ator Willem Dafoe (Anticristo) foi confirmado no elenco no papel do guardião de um antigo farol. Robert Pattinson (Crepúsculo) também foi escalado, mas seu personagem ainda não foi revelado
  20. Questão

    A Dama e o Vagabundo (Live Action)

    A Dama e o Vagabundo: Live-action terá canções inéditas de Janelle Monáe Por Vitória Pratini — 07/05/2019 às 20:00 Música dos gatos siameses vai ser refeita para filme do Disney+. Walt Disney Animation Studios; Axelle/Bauer-Griffin/FilmMagic O live-action de A Dama e o Vagabundo, desenvolvido para o serviço de streaming da Disney, terá canções inéditas de Janelle Monáe. A atriz de Moonlight: Sob a Luz do Luar e Estrelas Além do Tempo, que dará voz à Peg, cadelinha do canil, também contribuirá para a trilha sonora e cantará duas músicas originais do filme. De acordo com a Variety, o coletivo de artistas da Monae, Wondaland, também está "reinventando" uma faixa do filme original de 1955. Trata-se da canção dos "Gatos Siameses", gravada originalmente para a versão animada por Peggy Lee. Na trama, a dupla felina Si e Am vem do Sião para os Estados Unidos. Eles e seu famoso refrão — "Somos siameses, se você quiser / Somos siameses, se você não quiser... Essa casa é nosso novo lar, se gostarmos vamos por aqui ficar" — há muito são considerados uma representação digna de constrangimento da cultura asiática. Alguns ainda afirmam que a representação de Si e Am são resultado de uma ansiedade pós-Segunda Guerra americana sobre o "outro" estrangeiro, mostrando o imigrante como parte de um grupo duvidoso e sedutor com motivos obscuros. Os colaboradores da Wondaland, Nate "Rocket" Wonder e Roman GianArthur, estão trabalhando em uma versão diferente para a dupla. No novo filme, eles não serão gatos siameses. Ainda há a possibilidade de Wondaland fazer uma nova versão da canção "He's a Tramp" ("Infiel", em português), cantada pela personagem de Monae, Peg. A reformulação da música dos gatos não seria a primeira mudança que a Disney fez a um clássico animado em sua versão live-action. A Bela e a Fera apresentou Le Fou, interpretado por Josh Gad, como homossexual. Na animação original, o personagem ansiava pelo corpulento macho alfa Gaston sem uma motivação clara. Os próximos live-action da Disney, como Aladdin e Mulan, também vão buscar representar com mais precisão a etnia de seus respectivos personagens. A Dama e o Vagabundo tem previsão de estrear exclusivamente no Disney+, nos Estados Unidos, no dia 12 de novembro. Ainda não há previsão de estreia no Brasil. Tessa Thompson e Justin Theroux dublarão os protagonistas. FONTE: ADORO CINEMA
  21. Questão

    Jogos Mortais (Spin-Off - Prod.: Chris Rock)

    Pra mim, JOGOS MORTAIS acabou no 6º filme (na verdade, considero os três primeiros, e o sexto) o resto pra mim é ruim demais. Nem me dei ao trabalho de ver aquela tentativa de reinício que foi o JIGSAW.
  22. A Variety anunciou nesta terça-feira (21) que a adaptação de The Long Walk, baseado na obra de Stephen King, encontrou seu diretor. De acordo com o site, André Øvredal (Histórias Assustadoras para Contar no Escuro) foi escolhido para comandar a produção, que acontece pela New Line. A história de The Long Walk é ambientada no futuro, e gira em torno de 100 adolescentes que embarcam em uma competição chamada de “A Longa Marcha”, onde os participantes precisam manter uma velocidade de 4 milhas por hora, ou serão baleados caso contrário. FONTE: OBSERVATÓRIO DO CINEMA Houve um tempo em que o Darabont tava interessado em adaptar este livro. Pena que não rolou. O romance é bom, mas acho difícil imagina-lo como um filme.
  23. Questão

    Os Vingadores 4: End Game

    Baita troca, na minha opinião. Valquíria tem mil vezes mais carisma do que a Lady Sif sequer sonhou ter um dia. Mas ainda queria saber o que aconteceu com a Sif.
  24. Questão

    Universo Cinematográfico da Marvel

    Todo mudo fala que os mutantes vão ser apresentados via multiverso, ou pelos poderes da Wanda, mas acho que o caminho vai ser mais simples. Esses dias tava zapeando (sim, tem gente que ainda faz isso) e me deparei com uma reprise da animação "X Men Evolution". E lá, acho que durante as duas primeiras temporadas, a existência de mutantes foi mantida em segredo, embora houvessem aqueles que sabiam (como o governo e a Shield). Tanto que quando a existência dos mutantes se torna publica, os X Men já tão formados há muito tempo. To achando que é isso que o MCU vai usar pra introduzir os mutantes, tipo, sempre estiveram por aqui mas na moita. Acho que não vão apelar pra multiverso ou pra Wanda, ainda mais que vão fazer reboot total, sem reaproveitar atores.
  25. Questão

    Falcão e Soldado Invernal (Série - Disney+)

    os códigos do Zemo não devem funcionar mais, creio eu. Afinal, a Shuri passou um bom tempo desprogramando o cara, e na cena pós crédito do filme do Pantera, ela fala pra ele que ela conseguiu eliminar todos os gatilhos de controle que tinham. E tomara que a Sharon Carter finalmente tenha algum destaque. Ela é bem importante nos quadrinhos, mas nos filmes, ela foi bem escanteada, já que a Marvel ficou meio assim de botar ela de interesse amoroso do Steve, afinal, ela é sobrinha neta da Peggy. E outras funções que ela desempenha na história foram entregues a Viúva. Vamos ver se nessa minissérie (ou série, não decidiram ainda) ela vai ter algum destaque de verdade. f
×