Jump to content
Forum Cinema em Cena
Jailcante

19 Dias de Horror

Recommended Posts

"Get Out" é outra pérola indie que seria uma versão macabra do fofuchis "Adivinhe quem vem pra Jantar", com Sidney Pointier. Uma forma bem original, criativa e nervosa de falar de preconceito. Mas aviso, quanto menos se souber do filme, melhor. Evite o trailer pois ele entrega demais. 9-10

GetOut_Chair_UK-600x888.jpg

 

"The Dark Tapes" é mais uma antologia found-footage com quatro contos focando sobrenatural. Muito irregular entre seus segmentos, prefira ficar com o muito melhor "VHS". Na boa, não sei de onde veio a penca de premio do poster abaixo. Esta é uma coletanea de médio pra ruim. O terceiro é uma bosta e aumentaria a nota se tivesse sido cortado do conjunto. 7-10

The-Dark-Tapes-Movie-poster.jpg?ssl=1

 

"I Know You Are In There" é um indie que pretende ser terror psicológico com grande reviravolta final, mas sua precariedade em todos os aspectos (desde técnicos até interpretativos) nem valem mencão.. vai vendo,  é um sub "O Iluminado" com alguns trechos em primeira pessoa. Ruim.  Passe longe. 4-10

i-know-youre-in-there.58087.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

 Visto DEMON

 

 MV5BYzE4MTdjZDUtNzlhOS00YWQxLTgxZWItZDMx

 

 

  Curioso drama sobrenatural polonês com toques de terror, que conta a história de um homem inglês que viaja a Polônia para se casar, mas acaba sendo possuído durante a festa de casamento. Ultimo filme Marcin Wrona (que acabou cometendo suicídio poucas horas antes da premiere do filme), DEMON é um filme estranho, pra se dizer o mínimo, o que não é ruim. O roteiro passa longe dos clichês de filmes de possessão, embora ainda torne bastante degradante a situação do pobre noivo. Há um quê de Buñuel no filme, ao tratar das pequenas hipocrisias do ser humano, já que a família da noiva parece mais preocupada em se poupar de um escândalo do que descobrir que diabo está acontecendo com o homem que acabaram de aceitar na família. A tal hipocrisia é trabalhada em uma série de personagens, chegando a lembrar um pouco O ANJO EXTERMINADOR do já citado Buñuel. Seguindo a fonte, ao fim da trama DEMON acaba não fazendo muito sentido, tendo um desfecho abrupto e anti climático, e que dá margem pra múltiplas interpretações. No geral, gostei do filme, embora não esteja tão certo sobre o final. No fim das contas, é um filme de possessão, onde o que menos importa é a possessão.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 Visto CRIMES TEMPORAIS

 

 20426519e980e6f1addefd747ba5e57e.jpg

 

 

 Para quem curte filmes de suspense envolvendo viagens no tempo, CRIMES TEMPORAIS, thriller espanhol de 2007 é uma excelente pedida. O roteiro escrito por Nacho Vigalondo, que também atua e dirige a película, é bem redondinho, explorando aspectos interessantes do Sci Fi de viagens no tempo, mas sem se tornar rocambolesco em excesso.  A narrativa ainda contem doses interessantes de drama e humor negro, que tornam a história bem sortida. O roteiro tem alguns movimentos um pouco óbvios pra qualquer um que já tenha visto um filme sobre viagem no tempo vai prever, mas nada que comprometa No quesito direção, Vilongo, que tem aqui seu filme de estréia, tem uma condução bem contida, que não chega a ser excepcional, mas que não compromete. Mas além do roteiro, o filme funciona principalmente pela atuação de Karra Elejalde como Hector, o arquétipo do homem comum, que se vê mergulhado em uma situação fantástica, que mal consegue compreender. 

 

 Com duração enxuta, e história envolvente, CRIMES TEMPORAIS. Não é nenhuma grande pérola escondida ou coisa que se assemelhe, mas vale a pena em uma sessão despretensiosa.

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Attack of the Lederhosen Zombies" é um terrir dinamarquês bem fraquinho pois quer agradar a todo mundo sem atingir ninguém de fato. Nesse quesito, o nórdico "Dead Snow" é muito melhor. 7/10

attack-of-the-lederhosen1.jpg?w=690

 

"Wolves at the Door" é um home invasion de época bacaninha. Um "Os Estranhos" setentista que dá pro gasto...baseado num caso real que até prende o interesse. 8/10
the-wolves-at-the-door_poster_goldposter
 
"The Cure for Wellness" é um thriller de mistério que flerta com terror psicológico até bacaninha não fosse por sua excessiva duracão. Meia hora a menos ali cairia muito bem. Deslumbrante visualmente, se curtiu "A Ilha do Medo" vai reparar nas trocentas referências ao filme do Scorcesse. 8/10
cureforwellnessposter.jpg
 
"Colossal" é um filme bizarro que mistura trocentos gêneros e não se resolve por nenhum. Pode ser um "Godzilla" tocado na comédia ou até um "Pacific Rim" metaforizando alcoolismo, sei lá.. Achei bem estranho. 7/10
Colossal-new-poster-1.jpg?ssl=1
 
"The Bride" é um terror russo que parte de uma premissa interessante e cria uma mitologia bacana pra entidade maligna em questão. Seu prólogo e desfecho são fantásticos, mas o seu miolo... 8,5/10
C175bAyWEAAT8nn.jpg
 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 Visto INVASÃO ZUMBI

 

 hqdefault.jpg

 

 

  E mais uma vez a Coréia do Sul no traz um excelente exemplar do gênero, firmando-se cada vez mais como um polo do cinema de horror. Este INVASÃO ZUMBI não traz nada de excepcionalmente novo. Os clichês do sub genero zumbi vistos desde A NOITE DOS MORTOS VIVOS, passando por EXTERMÍNIO, e até a série THE WALKING DEAD estão todos presentes, como a jornada até um refúgio livre dos mortos vivos, os filhos da mãe dispostos a tudo pra sobreviver, o isolamento no ambiente claustrofóbico, está tudo aqui. O filme do estreante em live action Sang Ho Yeon não tem intenção nenhuma de reinventar a roda, quer apenas mostrar o quão habilidoso ele é com essa roda. E faz isso excepcionalmente bem.

 

 Temos um arco dramático simples, mas muito eficaz, sobre um pai workaholic que acaba se reaproximando de sua filha pequena diante do caos que se instala. um grupo de coadjuvantes carismáticos pelos quais torcemos, Um ambiente claustrofóbico muito bem explorado, já que a maior parte da trama se passa a bordo de um trem, e ótimas sequencias de ação e suspense envolvendo os mortos vivos velocistas.

 

 Embora tenha uma ou outra cena mais sangrenta, o gore não é a palavra de ordem aqui, mas nem faz falta. No geral, vale a pena dar uma conferida em INVASÃO ZUMBI. Há tempos não gostava tanto de um filme desse subgênero tão desgastado hoje em dia.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 Visto INVASÃO ZUMBI

 

assista a animação Seoul Station, prequel desse aí...bem legal também. ;)

 

"The Black Room" é um terror marromenos que tem a favor suas protagonistas e a tentativa de evocar os anos 80. Mas peca por ser mais do mesmo, previsível e sem nada de novo. 7/10

the-black-room-poster.jpg

 

"Personal Shopper" é um thriller psicológico mediano travestido de história de fantasmas. A intenção e as metáforas são bem intencionadas, mas o filme é moroso demais e demora a engrenar. Ainda bem que tem uma atriz crepusculete em pêlo, como veio ao mundo, pra levantar a moral pra continuar assistindo esse trem. 8/10
254137.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
"Bedevilled" é um terror ruim sobre um aplicativo de celular do demo..mescla "Chamada Perdida" e "Premonição" de forma tosca..passe longe. So vale pelas gostosas. 5/10

bedeviled-2016-horror-movie-alt-poster.j

 


"Capture Kill Release" é o mesmo que "Festim Diabólico" mas em primeira pessoa. A primeira parte é enfadonha até não poder mais, mas quando começa o gore o bicho pega. No entanto, o conjunto deste "found footage" é mediano. Prefiro o clássico do Hitch. 8/10

capturekillrelease1.jpg

 


"The Dark Song" é uma pérola indie de terror psicológico ao enveredar de como seria um filme real sobre ocultismo. Apesar do seu formato (ótimo) hermético só não curti o razoável desfecho, que teima em passar sermão moralista. 8,5/10

a_dark_song_one_sheet_approved.jpg

 


"Life" é tudo aquilo que "Alien Covenant" quis ser e não foi, com elementos de "Gravidade". Assumidamente B, tenso, divertido e com desfecho corajoso nos finalmentes. Vale muito a bizoiada. PS: Dizem que esse filme seria prequel de "Venom" da Sony. Será? 9,5/10 

555838.jpg

 


"Contratiempo" é um filmaço espanhol que ecoa o oitentista "O Fio da Suspeita". Thriller imprevisivel, tenso e tão bom quanto o ótimo "El Cuerpo". Ja tô até prevendo a refilmagem ianque. 9,5/10

4854081.jpg


 

"Man Vs" é uma scy-fy B que não se leva a sério desde o inicio. Vai vendo, é como se o Bear Grylls encontrasse o "Predador". Só os finalmentes se torna chato e previsivel. Pouco orçamento e cgi tosco, mas muita diversão involuntária. Sacou? 8/10

6e1747892e00471867acb3b184bdbdfb.jpg



Share this post


Link to post
Share on other sites

 Visto CORRA

 

 GetOut_Chair_UK-600x888.jpg

 

 

 Na trama, Chris Washington (Daniel Kaluuya) é um jovem negro que namora Rose Armitage (Allison Williams) uma garota branca. Quando o casal vai passar o fim de semana na casa dos pais de Rose (Bradley Whitford e Catherine Keener) Chris não só percebe o comportamento veladamente racista da família da namorada, como também nota o estranho comportamento dos negros da região. Logo, Chris começa a desconfiar que pode ter entrado em uma armadilha mortal.

 

 Filme de estréia de Jordan Peele na direção, CORRA (cujo título original não é muito melhor) chamou bastante atenção, sendo um dos filmes de terror mais comentados do ano, recebendo muitos elogios pela forma como aborda uma questão social importante como o racismo dentro de uma narrativa tipicamente de gênero. Mas CORRA é mesmo tudo isso? Então, após assistir ao filme, acredito que CORRA é um ótimo trabalho de estréia de Peele, que tem um roteiro muito bem amarrado, claramente buscando inspiração em clássicos como AS ESPOSAS DE STEPFORD, e como apontou o SOTO no começo da página ADIVINHE QUEM VEM PARA JANTAR. Mas embora tenha gostado do filme, ele acabou não sobrevivendo muito as minhas expectativas. Senti que a direção de Peele não acompanhou o seu roteiro da forma que deveria, com algumas cenas tendo um potencial bem maior do que o apresentado. Os alívios cômicos, embora divertidos, surgem deslocados demais para o meu gosto também. Mas apesar dessas escorregadas, CORRA com certeza vale a conferida, pois atinge de forma competente o seu maior objetivo, que é o equilíbrio entre crítica social e uma boa história de terror.

Share this post


Link to post
Share on other sites
"Raw" ta sendo vendido como terror sobre canibalismo mas nem é. Ta mais pra drama francês sobre amadurecimento que se vale da moda dos vegana/vegetariana e esmiuça tabus alimentares pra falar de auto-afirmação e sexualidade. Se for visto assim, vale a pena conferir. Eu curti mais pela ótima performance da atriz principal. 8,5/10 
media.jpg
 
"Dead Awake" é um horror horrivel que tenta emplacar um novo "Freddy Krueger", no caso, a bruxa que provoca paralisia no sono. Mal feito, atuações sofriveis e sem nenhum suspense, quiçá o único que preste sejam suas gostosas atrizes e uma tentativa de copiar o cinema asiático, em especial, "O Chamado". Ainda não foi feito um filme decente que retrate bem o fenomeno da paralisia do sono. 6/10
33169775144_f14d940dea_b.jpg
 
"Crawl" é um thrillerzaço australiano que não inventa nada mas recicla muito bem o melhor do gênero: o suspense do Hithckock, o humor negro dos Coen e a violência do Taranta. Grata surpresa apesar da precariedade da produção. 9/10
crawl.jpg?1452027175
"Hounds of Love" é um thrillerzaço australiano bem bão que tem, em tese, a mesma premissa de "Fragmentado". Mas ao invés dum psico com multiplas personalidades os vilões são um casal apaixonado biruta. Bacana pela construção de personagens e pela sugestão das cenas mais cruas. 9,5/10
houndsoflove_Poster.jpg?resize=693%2C102
 
"The Age of Shadows" é um thriller de época bacaninha, mas é correto demais. Corre corre e reviravoltas garantem alguma tensão neste filme que fez sucesso na Ásia. No entanto, esperava mais do sul coreano que fez o foderoso "I Saw the Devil". 8/10
1704190805231_l.jpg

 

"Bodom" é um terror finlandês que teria tudo pra ser mais um repeteco ianque, não fossem suas três imprevisiveis reviravoltas que elevam a nota desta produção altamente recomendada pra quem curte slasher, thriller, survival e lindas periguetes nórdicas. 9/10

Bodom-poster.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
"Even Lambs Have Teeth" é um thriller de vingança que não se leva a sério desde o inicio. Imagina um "Doce Vingança" feito pela Disney, é isso. Divertidinho e só. vale mesmo pela bela dupla periguete principal, que sequer mostra nada. 7/10

ELHT_1SHT_SN02.jpg

 


"Bornless Ones" bebe totalmente da fonte de "Evil Dead" em cada fotograma. Não quer inovar, nem se tornar clássico, apenas divertir. É inferior sim, mas diverte a contento. 8,5/10

bornless-ones-poster.jpg

 


"The Darkest Dawn" é um indie britânico que é um "Cloverfield", mas sobre invasão alien. Tem alguns bons momentos mas o conjunto geral é fraco pela precariedade da produção. Ainda a de ser feito o crássico de invasão alien em primeira pessoa. 7,5/10

TheDarkestDawn_CharacterPoster_Cowen.jpg

 


"The Voice from the Stone" é um drama sobrenatural marromenos apenas. Tem umas boas idéias mas demora demais pra engrenar. Até lá, o unico que prende interesse é a protagonista de GOT pelada. 8/10

VOICEFROMTHESTONE_635x480.jpg

 


"Tickled" é um ótimo documentario neozelandês que parece episódio de "Black Mirror" ou até "X-Files". Começa banal tipo Globo Reporter sobre fetiches mas termina como um foderoso thriller investigativo, sobre o uso macabro da internet. É daquelas produções que quanto menos se souber, melhor. E é tudo real. 9,5/10

tickl.jpg

 


"Take Me Home" é um terror dramático tailandês que vai além do tema "casa assombrada". Comeca devagar e vai te envolvendo aos poucos, sem previsibilidade alguma, pois não tem narrativa linear, ta cheio de flashbacks e simbolismos. Tem seus defeitos, mas cumpre seu objetivo de assustar saindo do convencional. Imagina "A Casa do Fim dos tempos" e "Os Outros". 9/10


take-me-home-poster_03.jpg



 


 

Share this post


Link to post
Share on other sites
"The Belko Experiment" é um bacanudo thriller de horror que flerta com uma versão macabra de "Jogos Vorazes" (ou qualquer BBB) com "The Office". Estereotipado, sim. Violento, sim. Previsivel (bem, nem muito), sim .Mas muito divertido.. 9/10

rsz_belko_quad_3_lr.jpg

 

"Neve Negra" é um thriller argentino bem fraquinho, com jeitão genérico de Supercine onde até seu maior chamariz, o Ricardo Darin, parece mero coadjuvante de luxo e atua no automático. Pois é, este ano vai ser dificil chegar aos pés do melhor thriller que prestigiei, o espanhol "Contratiempo".  7/10


nievenegra.jpg

 


"A Mumia" é um razoável filme pipoca de ação (e não de terror, que é ruim) como alguns podem acreditar ser. Muito bem feito, tem muitas premissas boas que não desenvolve pra dar lugar apenas a ação, ação e ação. Isso cansa. A múmia gostosa rouba cena do Cruise, sim. No mais, pra quem é cinéfilo vale muito a pena atentar pras trocentas referências a vários clássicos jogadas durante toda projeção, praticamente desde o inicio. 7/10

416018.jpg

 

"Rovdyr" é um bacanudo survival norueguês que é praticamente uma versão mais sangrenta de "Amargo Pesadelo", sem o banjo. A fotografia suja e nivel alto de hemoglobina evocam bastante "Massacre da Serra Eletrica" ou "Viagem Maldita", sem falar nas belíssimas periguetes nórdicas, um colirio pros olhos. 8,5/10

18028244a6400be8263007d2999542f0.jpg


Share this post


Link to post
Share on other sites

 Visto GATA VELHA AINDA MIA

 

 prt_400x400_1440102266.jpg

 

 

  Na trama, Gloria Polk (Regina Duarte) é uma escritora, que foi muito aclamada no passado, mas que agora, vive decadente e solitária. Após quase vinte anos sem escrever, Gloria prepara o lançamento de seu novo livro, e aceita dar uma entrevista para Carol (Barbara Paz), uma jornalista que espera conseguir uma promoção com esta entrevista. Entretanto, a relação entre as duas mulheres guardam mais segredos do que aparenta, e o que era pra ser uma simples entrevista pode ter consequências trágicas.

 

  Houve um segmento curioso do suspense nos anos 60, onde atrizes consagradas na juventude, mas que enfrentaram certa decadência ao envelhecer, ganhavam uma nova chance de voltar aos holofotes em papéis quase metalinguísticos, onde interpretavam "velhas loucas" que tentavam recuperar as glórias da juventude através de esquemas insanos. A lista inclui nomes como Tallulah Bankhead, Shelley Winters, e é claro, a dupla Bette Davis e Joan Crawford e seu clássico O QUE TERÁ ACONTECIDO A BABY JANE.

 

 Embora longe de enfrentar a mesma decadência que essas atrizes sofreram na velha Hollywood, pois Regina Duarte ainda tem uma carreira sólida em seu trabalho de televisão, ela já não goza mais do status de "Namoradinha do Brasil" que tinha na juventude. E Regina Duarte abraça essa desconstrução de sua imagem com vontade, exibindo cada ruga com orgulho, e despindo-se completamente da aura de "boazinha" que a consagrou nas novelas da Globo, vivendo com intensidade o amargor e a insanidade de Gloria Polk, estando verdadeiramente assustadora em cena.

 

 A atuação da veterana acaba sendo a melhor coisa em um filme, que apesar de boas idéias e alguns diálogos muito bem escritos (outros nem tanto) acaba sendo bastante irregular. O diretor estreante em longas Rafael Primot tem dificuldade em lidar com uma história que se passa 99% em um apartamento, o que rende uma decupagem que se torna um pouco cansativa em certo ponto. Apesar das escorregadas, vale a pena dar uma chance para GATA VELHA AINDA MIA, uma boa investida tupiniquim do gênero, que se não é ótimo, pelo mesmo mostra identidade.

Share this post


Link to post
Share on other sites
"Eat Local" é uma razoável comédia de vampiros britânica que parte de uma boa premissa e misturar com humor negro "Quando Chega a Escuridão" com "Assalto ao 13DP". Mas a precariedade da produção e atuações fracas não colaboram no conjunto. Curiosidade é ver a veia cômica do Charlie "Demolidor" Cox, na pele dum dentuço sensivel. 8,5/10

IMG_7089.jpg

 


"Breakdown Lane" é um filme de zumbi que consegue não ser nem terror nem terrir, mas sim um "terruim"! Produção merreca, efeitos meia boca, roteiro sem pé nem cabeça, furos de rodo, etc.. Antes tivesse se assumido comédia esta m.. se tornaria mais palatável. Só se salva a gostosa protagonista, uns lances de estética HQ e a trilha sonora metaleira. Mas continua sendo ruim. 5/10

Breakdown-Lane-poster.jpg

 


"12 Feet Deep" é um thriller dramático que parte duma premissa bizarra: como sobreviver ao ficar preso numa piscina pública!? Mas o troço te fisga mesmo assim, pois fica a curiosidade de como vai terminar. No mais, esta produção simples consegue ser um bom Supercine. 8/10

12-Feet-Deep-poster.jpg


 


"The Recall" é uma ficção B ruim. Wesley Snipes funciona melhor matando vampiros e não aliens. Funciona como paródia mas não a sério como quer ser levado. 6/10

affiche-the-recall-2017-1.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
"The Bad Batch" é um filme curioso que mescla gêneros, desde ficção distópica, terror, western spaguetti e drama romantico (imagina "Mad Max 2" com "A Garota do Rosa Shocking"?) com unico intuito de ridicularizar o sonho americano. Vale só pelo elenco bizonho, que arrola o Aquaman, John Wick e o Maskara.. e a trilha sonora. Destaque pras cenas gore ao som de Ace of Base, Culture Club, etc  8/10

The-Bad-Batch-new-poster.jpg?ssl=1

 


"Berlin Syndrome" é uma versão thriller de confinamento de "Antes do Amanhecer" com bons momentos. Não é top nem tampouco descartável mas prende a atenção, ainda mais quando tem a delicia da Teresinha Palmer em pêlo boa parte da metragem, por sinal clone da crepusculete Kristen Steward, só que bem mais gostosa. 8/10

berlin-syndrome-poster.jpg


 


"Do You Like my Basement?" é um found footage de orçamento merreca que tem ótimas idéias de metalinguagem, mas não a desenvolve a contento. A produção é pobre demais mas entreteem quem não espera muito. Contudo, nota-se bem que o filme não é terror e sim uma declaração de amor obsessivo do diretor ao gênero, além de dar aula de como rola o processo de casting e interpretação. 7,5/10

87272905.jpg

 


"Aaron´s Blood" é um drama indie de horror de produção pobre e tecnicamente bem feia, mas riquissima em outras matizes. Misto de "Deixe Ela Entrar" e "Maggie", é uma das visões mais realistas e atemporais sobre vampiros. Sim,padece dos cacoetes tipicos de telefilme, mas ainda assim merece a conferida pela premissa simplória: "meu filhinho ta virando sanguessuga..o que faço?" 8,5/10

AaronsBlood.jpg

 

"The Imposter" é um bom thriller de suspense tocado como falso documentário. Se bem que qualquer coisa que não tenha exorcismos, fantasmas ou ets já vale a pena ver em primeira pessoa. A impressão deste aqui é que ta se vendo um "Globo Reporter" de tão envolvente jornalisticamente que é. 8,5/10


c5d736809766d46260d816d8dbc9eb44_500x735

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sobrenatural Capítulo 2 (Insidious Chapter 2, Dir.: James Wan, 2013) 1/4


 


Insidious_%E2%80%93_Chapter_2_Poster.jpg


 


 


Olha, não curti, não. Tenta fazer o básico que muita continuação quer fazer, que é tentar expandir o universo do primeiro filme, mas no fim única coisa nesse sentido que faz é dar uma identidade pro vilão (que considero chupinhada do "Sleepway Camp"). Tem a situação do O Iluminado/ Terror em Amytiville do marido loucão. Tem idas ao outro mundo a lá Poltergeist. Tem um final feliz meio forçado (MUITO forçado). Tens uns paranormais bem burrões, que não se protegem muito quando vão entrar em lugares suspeitos ou enfrentar pessoas que nitidamente são perigosas. Enfim, sobrou pouca coisa...


Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Sobrenatural Capítulo 2 (Insidious Chapter 2, Dir.: James Wan, 2013) 1/4

 

Insidious_%E2%80%93_Chapter_2_Poster.jpg

 

 

Olha, não curti, não. Tenta fazer o básico que muita continuação quer fazer, que é tentar expandir o universo do primeiro filme, mas no fim única coisa nesse sentido que faz é dar uma identidade pro vilão (que considero chupinhada do "Sleepway Camp"). Tem a situação do O Iluminado/ Terror em Amytiville do marido loucão. Tem idas ao outro mundo a lá Poltergeist. Tem um final feliz meio forçado (MUITO forçado). Tens uns paranormais bem burrões, que não se protegem muito quando vão entrar em lugares suspeitos ou enfrentar pessoas que nitidamente são perigosas. Enfim, sobrou pouca coisa...

 

 

 Eu até gosto desse filme e do anterior. Não é genial, mas acho que são homenagens interessantes aos clássicos filmes de fantasma, como POLTERGEIST e O ILUMINADO, como você bem citou JAIL. Gosto do elenco do filme também, que segura bem o rojão. O terceiro filme dessa franquia, eu já não curti.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Assim na Terra como no Inferno (As Above, So Below, Dir.: John Erick Dowdle, 2014) 1/4

 

 

Assim-na-Terra-Como-no-Inferno-poster.jp

 

 

Um "found footage" bem mequetrefe. Como levar a sério uma personagem que tá atrás de uma "pedra filosofal" que tá escondida numa "câmera secreta"? Risos aqui. Sério que isso foi o melhor que os roteiristas bolaram como meta pra personagem? Título de Harry Potter? Enfim. No mais, o filme começa Indiana Jones, com a personagem decifrando enigmas pra achar a tal pedra, mas no fim mata uns personagens pra dizer que é terror. Muita câmera balançando, e sem justificativas que mesmos ferrados, esse povo fica carregando essa câmera pesada a torto e a direita (um dos personagens tá quase morrendo soterrado, mas mesmo assim fala pros outros "pega a câmera!". Hein?).

 

Não curto muito esse gênero e esse é um dos piores. Mas tem um poster bonito...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acampamento do Terror (Summer Camp, Dir.: Alberto Marini, 2015) 2/4

 

wefz46l9.jpg?v=1461264128

 

 

Estou meio dividido com esse filme. A ideia dele é algo totalmente idiota que dificilmente poderia dar certo, ou algo genial no talo que não foi muito bem trabalhado. Ora soa "ok, é uma ideia nova" e ora "Ah, que coisa meio debil". Enfim. Meio que mistura/tenta misturar zumbi com serial killer. Personagens agem como zumbis, mas só querem matar os demais, não devorar ou algo mais. A explicação pro comportamento deles é até crível. Por isso, dei um crédito, apesar de achar que eles virando e desvirando zumbis é meio forçado.

 

Spoiler: O começo do filme dá uma informação meio falsa ou mal explicada. Tem um noticiário já informando que 3 americanos estão sumidos. Logo de cara você pergunta: Mas não são 4? Até aí vai, já que deixaram no ar que um poderia ter sobrevivido. Mas ao ver o final fica a dúvida: A polícia não achou 3 deles como? Os corpos ficaram todos ali perto. Se tivessem feito uma busca, não seria difícil achar esse povo. Ou será que alguém sumiu com o corpos deles? O filme não dá essa informação...

 

 

A Última Casa da Rua (House at the end of Street, Dir.: Mark Tonderai, 2012) 3/4

 

a-ultima-casa-da-rua_t48666.jpg

 

Gostei bem desse. O filme me pegou, no sentido que não descobri o mote ali do que tava rolando. Acabei aceitando o que o filme foi me mostrando, e no fim, fiquei surpreso com a revelação. O final bem movimentado, eu também curti bem. A presença da Jennifer Lawrence e da Elizabeth Shue dão um up bom no filme.

 

P.S.: A Elizabeth Shue se nega a envelhecer, e a Jennifer ficou meio "madura" mais rápido, não parecendo mais uma adolescente aqui, daí ficou meio difícil encarar as duas como mãe e filha. hehe Pra mim, ficou parecendo como irmã mais velha-irmã mais nova.

Share this post


Link to post
Share on other sites
"Darkness Rising" é um terror onde tá tudo errado e nada se salva, desde a direção até roteiro, e onde a delicinha Tara Holt se revela uma das piores "scream queen" ja vistas. Tem coisa bem melhor no gênero pra assistir.  6/10

Darkness-Rising-poster-02.jpg

 


"Peelers" é um terrir razoável e parecido com "Zombie Strippers", sobre mortos-vivos atacando uma casa da luz verméia. Mas funcionaria muito melhor se se assumisse pornô light de uma vez, pois os shows das strippers são fantásticos! Aquela baby meldels.. 7,5/10

peelersposter.jpg

 


"Badoet" é um terror indonésio com palhaço sinistro, estilão o Pennywyse do "It" misturado com Freddy Krueger. Orçamento merreca mas muito boa ambientação, com sustos que fogem do padrão ianque. Só peca pelas interpretações abaixo da média e que podiam ter explorado mais a mitologia do personagem. 8/10

badoet-poster.jpg

 


"The Lure" é um curiosissimo terror musical sobre duas sereias assassinas vindo da Polônia. Sim, imagina uma versão terror de "Splash" com "Moulin Rouge". Pois é, o filme cheio de metáforas e que enche os olhos visualmente (com as duas peixonas peladas, principalmente), mas creio que funcionaria muito melhor se a parte musical fosse deixada de lado. 8/10

corki_dancingu_ver2_xlg.jpg

 


"Chronicles of Evil" é um thrillerzaço coreano que prende do inicio ao fim. Tem uma pegada do recente (e ótimo) "Hard Day" com o oitentista "Sem Saida". So não curti o desfecho mastigadinho demais pro espectador, mas no geral ótimo passatempo. 8,5/10

MV5BYzE0MmI0ZjgtNjNlYy00ZGQ0LWFlMzItOGM1

 


"Trapped" é um foderoso thriller de sobrevivência vindo da...India! Imagina "Náufrago" e "127 Hrs" só que ao invés duma ilha, montanha ou selva o infeliz personagem, preso num flat dum prédio abandonado, tem que se virar pra sobreviver(!?). Tenso e muito emocionante, o quotidiano ganha contornos épicos e perfeitamente plausíveis. Grata surpresa que te gruda do inicio ao fim. Obrigatório. 9,5/10

Trapped-Movie-Poster.jpg?fit=1382%2C1000

 

"Rest Stop" é um thriller com slasher bastante correto e de certa forma convencional. O enredo é o de "Silencio do Lago" mas tocado como "Morte Pede Carona". Tem uns sustinhos aqui e ali, além de alguma agilidade, mas não sai disso. 7/10

reststop-boxart.jpg





Share this post


Link to post
Share on other sites

Terror nos Bastidores (The Final Girls, Dir.: Todd Strauss-Schulson, 2015) 3/4

212986.jpg

Primeiro: Que título nacional boshta! "Terror nos Bastidores"?! Bem genérico, e o filme não se passa nos bastidores, se passa dentro do filme. Esse pessoal não assiste o filme antes bolar os títulos, não? Pelamor... Poderiam ser só "As Sobreviventes" ou "Acampamento de Sangue", ou sei lá. Enfim.

Sobre o filme: Difícil d'eu não gostar já que presta homenagens mil ao Sexta-feira 13 e todos slashers dos anos 80. Se bem que foi uma homenagem meio zoação, já que tiram sarro do todos os clichês possíveis do gêneros. É um "Último Grande Herói" do Swarza, com o pessoal entrando na tela e participando do filme, mas em vez de um filme de ação, é um slasher bem vagabundinho da época. Sexta-feira 13 genérico. Meio misturado com Acampamento Sinistro com A Vingança de Cropsy e outros. Tem umas pitadas de  A Hora do Pesadelo (A Hora do Pesadelo 4) na batalha final e ainda citam Halloween (Halloween 2 de 81) mais a frente. E gostei da história mãe/filha.

Única reclamação seria a máscara do assassino. Achei bem zoada. Podem zoar com tudo ali, mas o assassino tem que parecer assustador, mas com aquela máscara não dá pra levar ele a sério.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 17/07/2017 at 11:02 AM, Jailcante said:

Terror nos Bastidores (The Final Girls, Dir.: Todd Strauss-Schulson, 2015) 3/4

esse ai eu tb curti pelo simpático exercicio de metalinguagem...e só.

 

"Seklusyon" é um terror dramático filipino muito bem ambientado e com puta premissa, mas ele te empolga somente até pouco depois da metade pois dali em diante se torna convencional e repleto de falhas. Mas que a pirralha mete medo, isso é. 8/10
Seklusyon-International-Poster.jpg

 

"Hellhouse LLC" é mais um falso documental que se vale duma tragédia numa "casa de Hallowen" ianque, nos moldes da boate Kiss (RS). Até prende atenção e tem uns sustinhos, mas enrola demais até chegar nos finalmentes. 7,5/10
 Hell.House_.LLC_.2016-poster02.jpg

 

 "Zlo" é o "Bruxa de Blair" esloveno em todos os sentidos, desde a câmera tremida, gritaria e um bréu total que mal dá pra ver nada. Vale mesmo pela procedência curiosa da Bratislava, e olhe lá. 7/10
 zlo1.jpg

 

 "Be Afraid" é um terrorzinho com boa premissa, mas termina tudo rolando como telefilme preguiçoso com desfecho meia-boca, simplório demais. 7,5/10

MV5BMDdhNjA5MDItMzEwZC00YjFhLWIyYWEtODdmNTNhMTQwNjQ3L2ltYWdlXkEyXkFqcGdeQXVyNDYzODg4MzE@._V1_SY1000_CR0,0,679,1000_AL_.jpg

 

"Lake Alice" é um thriller de terror ruim que parece refugo de "Os Estranhos". Perde muito tempo apresentando personagem pra depois ficar mais desconexo e sem graça alguma. 7/10
Lake-Alice-movie-poster.jpg?ssl=1

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Vampire Cleanup Department" é um filme família que resgata a outrora safra chinesa de filmes fantasticos com kunf fu. É divertidinho mas sua mistura de gêneros, fofurice, gore e cota de dramalhão mexicano junta não é de fácil digestão. 8/10

Vampire-Cleanup-Department-Poster-701x1024.jpg

 

"Sete Desejos" é um terror teen mediocre e enfadonho sobre "objetos malditos". Uma produção previsivel pra adolescentes que não passará vergonha nem glória. Tinha tudo pra ser bom quanto "A Profecia" ou até "Premonição", mas ta mais pra "Ouija". PS: tem uma cena no meio dos créditos.  6/10

Wish-Upon-new-poster.jpg?ssl=1

 

 "Phoenix Forgotten" é um mockumentary que poderia ter vingado mais, a despeito da boa premissa e de ser produção do Ridley Scott. O problema é que é um documentário de um documentário que além de redundante se torna confuso e inconcluso. Imagina "Contatos Imediatos do 3º Grau" em primeira pessoa..é isso. Mas isso "Alien Abduction" faz melhor. 7,5/10

phoenix-forgotten.jpg

 

"The Neighbors" é um ótimo thriller de suspense coreano, uma espécie de "Babel" só que de mistério. Só achei que tem duração exagerada, mas vale a bizoiada. 9/10
neighbors-poster.jpg

 

 "Exhibit A" é um recomendável "found footage" que te prende do inicio ao fim como thriller dramático que termina em tragedia. Sem fantasmas, monstros ou ets, o formato em primeira pessoa beneficia a estória da desintegração gradual (e mental) duma familia diante do pior demônio da atualidade: o do desemprego. 9,5/10

MV5BOWI5OWZkMzktMmZjZC00NDNmLWJmYmUtNTkyOGQyODQwMzJhXkEyXkFqcGdeQXVyMzA0NzY5NDE@._V1_.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×