Jump to content
Forum Cinema em Cena
Jailcante

19 Dias de Horror

Recommended Posts

 

image.png

  Sci-fi de horror mexicano que parece um episódio esticado de ALÉM DA IMAGINAÇÃO (na verdade a influência da série de Rod Selinger é bem clara, desde o narrador que fecha e abre a trama, passando pelo fato de ter sido filmado em PB, até a referência mais que clara a um dos episódios mais célebres do programa). Não chega a ser genial, mas vale a conferida, por abraçar com gosto o absurdo de sua premissa sem perder a dignidade. Falar mais estragaria a experiência, mas quem curte ALÉM DA IMAGINAÇÃO deve curtir esse filme.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

image.png.662df27390f130ef5521d905f52edba7.png

 

 Situado no mesmo universo de INVASÃO ZUMBI (pelo menos é o que diz a sinopse, por que fora os zumbis não tem nada que indique isso) este longa animado comandado pelo mesmo diretor de INVASÃO ZUMBI é uma história padrão de mortos vivos, contando a história de uma garota tentando sobreviver a um surto zumbi em Seoul, enquanto o seu pai e o seu namorado tentam salva-la. Apesar de possuir algumas ideias interessantes (a sequência inicial com um velho sem teto com uma ferida no pescoço sendo sumariamente ignorado pelos cidadãos deixaria Romero orgulhoso) o filme em geral não tem grandes atrativos, apesar do final guardar uma boa reviravolta. Mas o maior defeito é a falta de carisma dos personagens, algo fatal em um filme de zumbi. Eu sugeriria ficar só com o live action mesmo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

"The Envelope" é um thriller sobrenatural russo bem bacana com pegada de conto insólito esticado, tipo "Além da Imaginação" com "Coração Satânico". Ágil e bem feito, dá um banho em toda produção da Blumhouse. Essas russas... 8,5-10

MV5BODE1ZjlhZDMtMTI5Ni00NTE5LWFjYjktOGYzZmRmZGU1ZTdjXkEyXkFqcGdeQXVyODAzNDM4MzY@._V1_.jpg

 

"Observance" é daqueles terror psicológicos mais cerebrais e intimista. Imagina um "It Follows" com "Janela Indiscreta".. é isso. É interessante mas não é pra qualquer um. 7,5-10
1459557664636

Share this post


Link to post
Share on other sites

"ABC´s of Death 2.5" é uma antologia de curtas medonhos que, acredite, é a melhor entrega desta trilogia até então bastante irregular. Aqui são 26 curtas onde a maioria presta, e acredite mais ainda, o destaque são dois brazucas bem legais. Tão bom quanto o primeiro "V/H/S". 8,5-10

jxfup1sw.jpg

 

"The Devil´s Gate" é um curioso terror que começa muito bem como slasher, mas depois passeia pela scy-fy conspiratória com trocentas reviravoltas meia-boca. Antes tivesse ficado no slasher.. 7-10

Devils-Gate-2017-490x640.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 Visto CAPITÃO KRONOS: O CAÇADOR DE VAMPIROS

 Resultado de imagem para Capitão kronos o caçador de vampiros

 

  Produzido pela lendaria Hammer Films quando a produtora começava a entrar em sua decadência nos anos 70, CAPITÃO KRONOS foi a tentativa da Hammer de iniciar uma nova franquia de horror, incluindo dentro da clássica fórmula de terror gótico, generosas doses de ação e aventura. Essa franquia abortada, diferente das outras investidas da Hammer focaria no herói, e não nos monstros, no caso, esse "herói" é o personagem título, um ex militar que roda a Europa com seu amigo corcunda exterminando os mais variados tipos de vampiros. O filme tem bons valores de produção, e Caroline Munro, uma das musas da Hammer é um colírio para os olhos como a bélissima cigana Carla. Mas falta atmosfera ao filme, e ao fim da projeção, percebe-se que ele parece mais um piloto esticado de alguma série do que um filme em seu próprio direito. Não ajuda também o fato de o protagonista não ter carisma nenhum. Não chega a ser um filme ruim, mas é bem esquecível, e falta-lhe o climão que a Hammer sabia fazer tão bem.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 23/01/2018 at 10:32 AM, Jailcante said:

Vende-se esta Casa (The Open House, Dir.: Dir.: Matt Angel, 2018) 0/4

Porque Netflix investiu dinheiro nesse lixo? Personagens bocós numa trama insossa e inverosímel.

Asissti este trem sem ter visto este post do Jail, que teria me poupado tempo precioso neste feriado  em Sampa...aff..:( Realmente o filme é fraco e, a despeito da boa quimica da dupla de personagens principais, obriga desde cedo o espectador a se manter interessado no longa. Ja vi muitos telefilmes assim bons, mas este não é o caso. "Dismissed", por exemplo, é bem bom.

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Mom & Dad" é uma vigorosa comédia de terror que me lembrou muito o noventista "A Guerra dos Roses" pelo humor ácido e os temas que levanta. Acredite, a canastrice do Nic Cage o favorece no longa e a premissa é bem original (virus faz pais matar seus filhos!?). Seu porém é o desfecho, abrupto, parece que ficou esquecido na sala de edição. 9-10

unnamed-8.jpg?fit=432%2C640&ssl=1


"The Strange Ones" é um thriller de suspense frouxo que demora muito pra engrenar. É daqueles indies que você precisa montar um quebra-cabeça pra ver do que o filme trata, no final, é cujo tema é bem delicado e complexo. Mas é tudo tocado morosamente que duvido não pestanejar, como eu. 7-10

MV5BNTMwMDg3OTY0OF5BMl5BanBnXkFtZTgwODMzNDEzNDM@._V1_UY1200_CR90,0,630,1200_AL_.jpg

 

"The Open House" é um thriller de suspense que obriga logo de cara a pessoa manter o interesse, sem sucesso, a despeito da boa quimica de seus personagens principais. Ja vi muitos telefilmes bons, mas este não é o caso. 4-10
2418041.jpg

 

"Numb" é um thriller de sobrevivência pequeno, porém eficiente. Parece até telefilme, mas dentro de sua proposta de "caça-ao-tesouro-que termina-mal" entretem mais que muito bloockbuster.  8-10

NUMB-poster-122216.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Memoir of a Murderer" é um thrillerzaço coreano que te prende do inicio ao fim. Quase um mix de "Memento" e "Dexter", o filme faz um grande estudo de uma mente fragmentada em forma de filme de serial-killer. 9-10

22638675_152138105392745_7381257226410786816_n.jpg
 

"Freehold" é um pequeno thriller que lembra muito o noventista "Criaturas atrás das paredes" em sua proposta, mas ele é bem mais critico que isso. Só decai no desfecho, simples demais prum indie que ousou no inicio.  7,5-10
FREEHOLD_DVD_SLV_V0t.jpg?resize=725%2C1024

 

"The Midnight Man" é mais uma tentativa fraquinha de emplacar um novo Freddy Krueger num filme de terror fracote. O modus operandi do bicho até é interessante, mas o mais do mesmo em termos de cinema de gênero não deixa de ser genérica, previsivel e desconexa. 6,5-10

The-Midnight-Man-720x1080.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 Visto A CURA

 

 Resultado de imagem para A Cura

 

 

  Dirigido por Gore Verbinsky, cineasta responsável pela primeira trilogia da franquia PIRATAS DO CARIBE, e pela já clássica versão americana de O CHAMADO com Naomi Watts, traz em seu mais recente filme, A CURA, um thriller psicológico, que parece carregar forte influência do terror gótico, ao colocar a trama em uma clinica de repouso situada em  um castelo com um passado macabro, e que tem nas proximidades apenas uma antiga aldeia suíça cheia de aldeões pouco amistosos. O protagonista, vivido por Dane Dehaan, que inicialmente foi a clinica a mando da empresa onde trabalha apenas buscar um executivo hospedado lá, logo passa a ser tratado como paciente pelos médicos locais após sofrer um acidente, e logo se vê as voltas com os mistérios do lugar. Os maiores méritos de A CURA são mesmo os seus aspectos técnicos, que trazem uma fotografia linda, que ao mesmo tempo que explora as belezas das locações, concede um ar sinistro ao ambiente da clínica. O roteiro não é brilhante, e muitas de suas reviravoltas são previsíveis, mas ainda é uma história que prende atenção até o desfecho. Talvez o maior problema do filme de Verbinsky sejam as suas quase duas horas e meia de duração, que se revelam injustificáveis e roubam o ritmo do filme. O desfecho também é um pouco débil. Mas no geral, é um filme que vale a conferida, se não for com muita expectativa.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 Visto THE VAULT

 

Resultado de imagem para the vault

 

   Na trama, Leah (Francesca Eastwood) e Vee (Taryn Manning) são duas irmãs que executam um assalto á banco para salvar o irmão Michael (Scott Haze) que deve muito dinheiro a uma quadrilha. Durante o assalto, os irmãos descobrem que não há dinheiro o suficiente no banco para que eles possam quitar a dívida, mas um funcionário misterioso (James Franco) informa ao grupo que há muito mais dinheiro no antigo cofre localizado no subsolo do banco. Enquanto a polícia cerca o local, os assaltantes descobrem que um mal inexplicável e mortal habita o velho cofre.

 Puta perda de tempo esse filme dirigido por Dan Bush, e escrito pelo próprio Bush em parceira com Conal Byrne. A ideia de um assalto que ocorre em um banco assombrado tem seus atrativos, mas é completamente mal executada, em uma direção absurdamente frouxa por parte de Bush, que não consegue criar um pingo de suspense ou mesmo alguma sequência decente de gore, não sabendo lidar mesmo com clichês básicos do terror. O roteiro também é péssimo tanto no desenvolvimento dos personagens (nunca fica claro exatamente por que Vee acusa Leah de ter abandonado ela e o irmão) e nem em sua parte sobrenatural, com uma mitologia absolutamente non sense (no mal sentido). James Franco parece que só tá ali pelo cheque, atuando sem vontade nenhuma. Se alguém realmente estava interessado em salvar o filme são os três irmãos protagonistas (especialmente as irmãs) que conferem certa intensidade aos seus papéis. Mas de resto, é totalmente dispensável. Ruim demais. Passem longe.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 09/02/2018 at 10:55 PM, Questão said:

 

 Visto THE VAULT

 esse filme é curioso.. como thriller de assalto comeca legal, mas quando desanda no sobrenatural vai pro saco logo, logo..

 

"Hellraiser: Judgment" é o triste canto do cisne de uma franquia oitentista que comecou muito bem. O filme até começa bem, mas seu miolo (a investigação policial) é frouxa e desinteressante. Resta apenas o gore, que não basta pra segurar um filme. 6/10

Hellraiser-Judgment.jpg

 

"Zone of Silence" é mais um found footage fraco sobre abdução. Ele enrola, enrola e enrola até que algo de fato aconteca..e quando acontece, é bem decepcionante. Nem a periguete salva essa joça. Tem outros do gênero melhores, tipo "Skywalker Ranch" ou até o recente "Phoenix Forgotten". 6/10

Aliens-Zone-of-Silence-Poster-600x889.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 hours ago, Jorge Soto said:

 esse filme é curioso.. como thriller de assalto comeca legal, mas quando desanda no sobrenatural vai pro saco logo, logo..

 Bem por ai. O 1º ato com a parte com o começo do assalto até promete algo bacana, mas depois... Que bosta.

 

 Visto BETTER WATCH OUT

 

 image.jpeg.0a8c389ec1998941186b384e7f4b1052.jpeg

 

   Na trama, Ashley (Olivia DeJonge) é uma jovem babá prestes a deixar a pequena cidade aonde vive pra ir para a faculdade. Próximo do natal, ela é chamada para cuidar de Luke (Levi Miller) um menino de doze anos de que a garota cuida á anos, e que é secretamente apaixonado por ela. Com a ajuda do amigo Garret (Ed Oxenbould) Luke pretense se declarar para a sua babá. O que Ashley acreditava que seria uma noite tranquila entretanto, logo se transforma em uma luta pela sobrevivência, quando alguém armado com uma espingarda invade a casa.

  É difícil falar deste filme sem dar alguns SPOILERS, então estou avisando. Aviso dado, vamos em frente. Vendido como um Terrir natalino, esta produção australiana chegou a ser comparada com A BABÁ da Netflix, por ambos envolverem histórias de garotos apaixonados por suas babás que se envolvem em tramas brutais, precisando cometer atos de violência insana. Mas as semelhanças param por ai. Há humor em BETTER WATCH OUT, mas ele vem muito mais do absurdo da situação (perturbadora) em que a pobre Ashley se encontra do que por inserções cômicas propriamente ditas. Afinal, os vilões são as próprias crianças de quem a babá deveria estar tomando conta. O menino Levi Miller manda muito bem, fazendo de Kevin um vilão odioso, e que realmente transmite ameaça, como uma espécie de "Kevin do Mal" (ESQUECERAM DE MIM é referenciado diretamente) mas diferente do personagem de Macaulay Culkin, as armadilhas de Luke machucam pra valer.

 Fui ver esperando outra coisa, e fui agradavelmente surpreendido. Uma verdadeira versão mirim de VIOLÊNCIA GRATUITA, ou FESTIM DIABÓLICO. Vale a visita, com certeza.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dead Rising Watchtower (Dir.: Zach Lipovsky, 2015) 2/4

220px-Dead_Rising_Watchtower_poster.jpg

Dead Rising End Game (Dir.: Pat Williams, 2016) 2/4

MV5BMTU1NzY2MzgxMF5BMl5BanBnXkFtZTgwMzIx

Filmes baseados na série de games da Capcom, a mesma da série Resident Evil. Ambos games envolvem histórias de zumbis, mas RE é mais série de terror mesmo, já Dead Rising é mais ação desenfreada, com mais humor. Nos filmes rolou meio que o contrário, RE tem muito mais ação desenfreada, aqui nem tanto. Não que esses filmes DR sejam terror mais sério, mas a baixa produção (filmes foram produzidos para o Crackle) não deixou eles fazerem muitos malabarismos nas cenas de ação/lutas (primeiro filme tem muita coisa mal coreografada, no segundo deram uma melhorada), mas aí sobrou focar mais nos personagens (male que veio pro bem). Achei que ficaram melhores que os filmes do RE com uma história mais relevante. Não é grande coisa, a produção pobre atrapalha, mas dá pra assistir sem problemas. Ainda mais pra quem conhece os games.

**Curioso que tem games que são continuações de filmes (De Volta Para o Futuro, Os Caçafantasmas, Scarface ganharam continuações nos games), aqui são filmes que são continuações dos jogos. Se passam depois do segundo game, mas com outros personagens mostrando outro surto zumbi, mas várias referências aos games, inclusive o personagem principal do primeiro game (Frank West) aparece numa participação bem legal no primeiro filme, contando suas experiências com o primeiro surto zumbi.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×