UA-130521384-1 Jump to content
Forum Cinema em Cena
Sign in to follow this  
Dook

Star Wars: Episódio I

Recommended Posts

 

E sobre Darth Plagius' date=' o sábio, os sith podem manipular a vida, e a não explicada concepção do Anakin, pode ter algo haver com os poderes do lado negro, por isso q ele é o escolhido...

 

[/quote']

 

"pode"

Mas é especulação. Pra mim aquele discurso foi só para trazer o Anakin para o lado negro. No fim ele não conseguiu manipular nada.

Inclusive, o Yoda é que diz no final que o Qui Gon (certo?) conseguiu uma forma de "enganar" a morte. E ele não era Sith.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tudo nos filmes é especulação... de onde vem a força? quem é o pai do Anakin? pq o qui-gon acreditou em partenogeneses? pq o Yoda falou ao Obi-wan sobre o qui-gona apenas no final do epIII, sendo q eles já haviam "conversado" no ep.II? Seria o Palpatine o pai do Anakin?

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pô, mas essa do Palpatine não tem nem sequer uma pista no filme. E eu não acredito tanto assim no Lucas... com ele é tudo preto e branco.06

E a mãe do Anakin diz claramente que o menino não teve um pai. Isso não especulação.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Por falar em intolerante' date=' lembrei de outra intragável. Aquela corrida (de pods?) é pavorosa. Sequência chata, longa... ela sozinha quase afunda o filme inteiro.
Feita sob medida para virar jogo de video game, aliás, ela em si parece um jogo de video game... pensei até que iria ganhar um joystick na hora06

Lucas é um visionário06
[/quote']

 

Eu já acho que esta é uma das grandes sequências do filme... ao lado do duelo final. Lucas conseguiu passar a ideia de estar numa corrida perigosa como aquela, cheia de obstáculos... e méritos de Ben Burtt que comandou o espetáculo do som. A sequência completa, que pode ser vista no DVD... é como se fosse um curta à parte...

 

-------------------------------------------------

 

Sobre a conversa entre Anakin e Palpatine sobre Darth Plagueis... e a técnica de Qui-Gon. Preste atenção na conversa outra vez... a ironia de tudo é que, segundo Palpatine, os Sith podem impedir a morte de outra pessoa... mas são incapazes de impedir a própria. A ironia maior disso é que o grande objetivo dos Sith é a eternidade, mas é um Jedi, Qui-Gon que consegue o feito. Isso porque este conhecimento vem da libertação do ego... jamais da sua exaltação...

Share this post


Link to post
Share on other sites
Pô' date=' mas essa do Palpatine não tem nem sequer uma pista no filme. E eu não acredito tanto assim no Lucas... com ele é tudo preto e branco.06
E a mãe do Anakin diz claramente que o menino não teve um pai. Isso não especulação.
[/quote']

 

Todo o resto é...

 

E porra... conversa do teatro... conversa do teatro!!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu fui ao cinema duas vezes para assistir, tinha acabado de conhecer os outros filmes e fiquei empolgadíssima para ver. Eu me lembro que, na época, a publicidade do filme foi fenomenal.

 

A Pepsi lançou latinhas comemorativas, com personagens do Episódio I (eu tinha 5!! 04); a Elma Chips lançou um álbum de figurinhas (esse eu ainda tenho!!) e saiu um poster super bacana na Veja.

 

Falando sobre o filme... pensando isoladamente, é um filme muito bom. Mas, comparado aos outros da série, é fraquíssimo. Sei lá... é o único que não tem "cara" de Star Wars. Acho que foi uma perda de tempo considerável... e isso acabou avacalhando os outros dois, principalmente o III. Poderíam ter colocado o Christensen já no Episódio I.

 

Bom, essa é a minha opinião.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Por falar em intolerante' date=' lembrei de outra intragável. Aquela corrida (de pods?) é pavorosa. Sequência chata, longa... ela sozinha quase afunda o filme inteiro.
Feita sob medida para virar jogo de video game, aliás, ela em si parece um jogo de video game... pensei até que iria ganhar um joystick na hora06

Lucas é um visionário06
[/quote']

 

Renato, a cada post seu eu tenho cada vez mais convicção que a teimosia gera cada estultice tremenda e a intenção de ficar cutucando mostra que aquele que cutuca não tem muito para dizer de relevante...

 

Sim, a corrida de pods foi feita para virar jogo de video game... Assim como a fuga dos heróis da Estrela da Morte em Episódio IV que não tem função narrativa NENHUMA e que ninguém reclama! Pq será???

Share this post


Link to post
Share on other sites

E chega a ser bem engraçado vc meter o pau na corrida de pods, acusando-a de servir apenas para virar video game, sendo que vc gostou de Speed Racer, filme igualmente longo, amparado basicamente em suas sequências de corrida, coreografadas para.... hmmmmm... virarem video game...

 

Esse nosso Mal da Conveniência...

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Assim como a fuga dos heróis da Estrela da Morte em Episódio IV que não tem função narrativa NENHUMA e que ninguém reclama! Pq será???

 

estava dentro do contexto.06

 

 

E chega a ser bem engraçado vc meter o pau na corrida

de pods' date=' acusando-a de servir apenas para virar video game, sendo que

vc gostou de Speed Racer, filme igualmente longo, amparado basicamente

em suas sequências de corrida, coreografadas para.... hmmmmm... virarem

video game...

 

Esse nosso Mal da Conveniência...
[/quote']

 

Acontece que Speed Racer é um filme sobre corrida, oras. Ep I não.

Não teria uma outra forma de mostrar que o Anakin era um bom piloto?

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não que seja importante... mas é engraçado.

 

The Big Screen's Scariest Hair

Natalie%20Portman%20in%20"Attack%20of%20the%20Clones"%20Im%20sorry,%20but%20perhaps%20if%20Sen.%20Amidala%20spent%20more%20time%20on%20her%20policies%20and%20less%20time%20concocting%20these%20elaborate%20hairstyles,%20maybe%20--%20just%20maybe%20--%20her%20planet%20would%20have%20fared%20better.

15 of 24

 

 

Natalie Portman in "Attack of the Clones"

 

I'm sorry, but perhaps if Sen. Amidala spent more time on her policies

and less time concocting these elaborate hairstyles, maybe -- just

maybe -- her planet would have fared better.

 

http://www.nypost.com/photos/galleries/gossip/popwrap/20090515_popwrap_bad_hair/photo15.htm

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Assim como a fuga dos heróis da Estrela da Morte em Episódio IV que não tem função narrativa NENHUMA e que ninguém reclama! Pq será???

 

estava dentro do contexto.06

 

 

E chega a ser bem engraçado vc meter o pau na corrida

de pods' date=' acusando-a de servir apenas para virar video game, sendo que

vc gostou de Speed Racer, filme igualmente longo, amparado basicamente

em suas sequências de corrida, coreografadas para.... hmmmmm... virarem

video game...

 

Esse nosso Mal da Conveniência...
[/quote']

 

Acontece que Speed Racer é um filme sobre corrida, oras. Ep I não.

Não teria uma outra forma de mostrar que o Anakin era um bom piloto?

Mas se a corrida é boa e não atrapalha o filme, eu acho que não tem problema. E de que outra forma mostrariam que ele é um bom piloto? A melhor opção não seria mesmo o que fizeram? Mostra lo pilotando.

 

(Não quis dizer que a a corrida é boa. E nem quis dizer que é ruim)

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Assim como a fuga dos heróis da Estrela da Morte em Episódio IV que não tem função narrativa NENHUMA e que ninguém reclama! Pq será???


estava dentro do contexto.06


E chega a ser bem engraçado vc meter o pau na corrida de pods' date=' acusando-a de servir apenas para virar video game, sendo que vc gostou de Speed Racer, filme igualmente longo, amparado basicamente em suas sequências de corrida, coreografadas para.... hmmmmm... virarem video game...

 

Esse nosso Mal da Conveniência...
[/quote']

Acontece que Speed Racer é um filme sobre corrida, oras. Ep I não.
Não teria uma outra forma de mostrar que o Anakin era um bom piloto?

 

Obrigado por mostrar que vc só quer "causar" aqui... Smiley

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

 Obrigado por mostrar que vc só quer "causar" aqui... Smiley

 

nem.

A inteção do tópico é só para falar bem do filme? Tem coisas nele que não gosto, oras. Qual o problema?

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

A corrida de pods não estava dentro do contexto? A vitória do Anakin garantia não só o fim da sua escravidão como o conserto da nave. Não podemos esquecer que Qui-Gon não estava ali a passeio... ele estava preso em Tatooine com uma Rainha que precisa chegar a Coruscant antes que esta não tenha lugar algum para reinar...

====

 

Bom... a intenção do tópico não é nem falar bem, nem falar mal do filme... é discutí-lo... Ser contrariado é parte da brincadeira... guenta...

 
Lucas2009-05-21 19:47:02

Share this post


Link to post
Share on other sites

 Obrigado por mostrar que vc só quer "causar" aqui... Smiley


nem.
A inteção do tópico é só para falar bem do filme? Tem coisas nele que não gosto' date=' oras. Qual o problema?
[/quote']

 

Vc quer realmente discutir o filme? Até agora não é isso que vc tem demonstrado...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho que o Episódio I ganha muito com a conclusão da nova trilogia. Você passa a enxergar as sementes que o GL lançou e que não eram tão visíveis assim na época de lançamento do filme.

 

Mas Jar Jar permanece insuportável ^^

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

episodei.jpg

 

 

Revisto. Episódio I é um daqueles filmes que gera sentimentos conflituosos mesmo em quem gosta do filme. Comigo não é exceção. Há muitas coisas fantásticas em A Ameaça Fantasma e outras que não são. Os primeiros 20 minutos são um porre. É Star Wars, mas parece dirigido por alguém que não tem a mínima idéia do que é Star Wars, nenhuma familiaridade com aquele universo. É Lucas estranhando seu próprio habitat natural ou vice-versa. Ok, tem cenas de ação bacanas, visual lindo na cidade gungan, uma trama que, em tese, deveria empolgar, mas tudo parece trôpego, sem ritmo, mostrando um Lucas cheio de teias de aranha, que parece ter parado no tempo, sendo que este prólogo enfadonho é fundamental não só para se entender o filme, mas também montar as bases de todas as traições e maquinações que tomariam conta desta nova trilogia. Se o filme fosse apenas esses 20 minutos, eu daria razão aos detratores. Porém, a coisa muda quando Anakin entra na história. Ali, Lucas de fato está em casa. Minto, a coisa muda quando chegamos em Tatooine. Ali sim percebe-se Lucas e a sua criação em fina sintonia. Os diálogos estão melhores aqui, há momentos fantásticos e tocantes. Ali, todo o aparato tecnológico e toda técnica avançada na questão dos efeitos está a serviço da narrativa, daquela coisa gostosa de sermos tirados deste mundo e levados para outro lugar distante, que é, em última instância, o objetivo de toda e qualquer obra cinematográfica. Quando o filme deixa Tatooine fica a sensação de que o filme vai descambar de novo, mas ao que parece, Lucas recarregou as baterias em Tatooine e toda a trama de impostos elevados, bloqueios e tramas políticas começa a ganhar uma forma mais interessante, culminando no explosivo terceiro ato, onde Lucas mostra mais uma vez que é mestre em editar várias subtramas paralelas criando suspense, onde o diretor revisita um de seus temas, ao contemplar a morte do herói, mostrando que em seus filmes os personagens não estão protegidos por nenhuma regra e tudo pode acontecer a eles. Tudo remontando àqueles grandes filmes e seriados de aventura do passado que influenciaram Lucas, Star Wars e Indiana Jones. A coisa só não é perfeita por causa de um certo gungan do inferno e suas gracinhas inconvenientes. Mesmo com os problemas citados, Episódio I é manifestamente o elo fraco da saga inteira. Mas hoje, 10 anos depois de seu lançamento, o filme sobrevive graças aos seus predicados (que não são poucos) e seu lugar garantido como parte da maior saga cinematográfica da história.
Dr. Calvin2009-12-29 20:29:42

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vcs já viram esse review do Ameaça Fantasma que está fazendo bastante sucesso pela internet?

 

Eu particularmente achei uma porcaria, as criticas do cara se resumem a apontar os furos na trama e ficar comparando com a trilogia clássica.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Enquanto meu box não chega do Amazon (sim, comprei lá fora pq tava mais barato, mas como o dolar aumento e com a greve dos correios, acho q me fudi bonito) revi ontem o Ep.I em .mkv 1080p bd-rip... e só poso falar uma coisa, gostei muito do Yoda CG no filme, mto melhor q aquele boneco feio p/caralho... e realmente, A Ameaça Fantasma comigo cresce cada vez mais, ele superou o Ep. 2 para mim, realmente, a Ameaça Fantasma é um novo clássico do cinema moderno, se não fosse pelo Jar-Jar estaria no mesmo patamar da trilogia clássica... e o ritmo lento do filme serve muito bem para contextualizar a galáxia e o universo de SW, nos apresentando os Sith, e como os Jedi agiam para manter a paz na galáxia, fazendo assim o link com o ANH quando o Obi fala q os jedi eram os guardiões da paz na antiga república, Nesse filme Lucas se preocupa bastante em nos apresentar os personagens, falar a importancia de cada um na ópera espacial, e agora 12 anos depois de sua estrei, finalmente posso dizer q o filme tem mais acertos do que erros, ao analizarmos a saga como um todo, não como filme isolado.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Espero ter essa mesma impressão Claudio, Episodio I  é o único de todos os filmes que não fiz questão de comprar. Ainda não me desce como Lucas deu uma sobrevida ao miserável do Jar Jar Binks e limou sem dó um personagem como Darth Maul, que diga-se, é de longe o responsável pelo melhor momento do filme.

 
 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

×