Jump to content
Forum Cinema em Cena
Sign in to follow this  
Perucatorta

Sugira/Avalie/Comente Filmes

Recommended Posts

Adoro o Verhoeven, mas a sua OP absoluta para mim é o Starship Troopers. Além de ser o filme mais Verhoeven do Verhoeven que eu vi, é a pegadinha mais cara já feita. Ele chama todos os atores de imbecis e gasta tufos de grana dos Produtores para entregar o maior pesadelo dos mesmos. Genial.

 

Wall Street, além de extremamente datado, é ruim mesmo. Mas sou suspeito, já que não gosto do Stone e do Sheen fazendo papel sério.

 

Do Jordan, revi Entrevista com o Vampiro recentemente e, embora ainda goste, perdeu um pouco da força que tinha. Só que ainda acho a atuação da Dunst genial. Ela nunca mais fez algo melhor depois que cresceu.

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Eu até engulo isso' date=' mas o PT é fissurado em BD e HT, ficou mal acostumado.06
[/quote']

 

Eu vou baixar os filmes da lista. Muito melhor um divx no formato de tela original e tals do que um DVD podreira, foolscreen, etc. Além disso, tem a praticidade de jogar tudo no PS3 e ver a hora que der na telha.

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Para o Stradivaruis, veja A Conversação, feito entre os dois primeiros Godfather, e é simplesmente genial. Um roteiro que vai muito além dos filmes do gênero e uma ótima atuação do Gene Hackman.

 

E também veja O Selvagem da Motocicleta, filmado quase todo em preto-e-branco, com uma fotografia genial, ótima atuação de um elenco na época revelação (Matt Dillon, Diane Lane, Mickey Rourke, Nicolas Cage, Chris Penn, entre outros) e uma trilha sonora ótima de Stewart Copleand, ex-Police.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Do Verhooven, recomendo esse aqui:

 

5104HE40DRL.jpg

 

1962771_4.jpg

 

Flesh + Blood - Título original

Conquista Sangrenta - Brasil

 

Foi o último filme dele antes do Robocop, pouco comentado aqui então pelo jeito pouca gente deve ter visto, e etc.

 

Gosto do jeito que a idade média é retratada. Uma época suja, violenta, cheia de personagens com carater duvidoso, sem pseudo heroísmos. Os pobres vivem na sujeira física e os ricos vivem na sujeira moral. Mas todos ali são meio dúbios de carater. Bem Verhoovão mesmo (E tem nu frontal da Jennifer Jason Leigh, numa personagem bem PP - "Pura Puta").

 

Enfim, não sei comentar e acho difícil ficar recomendando filmes (já que tenho um gosto bem específico), mas esse eu curto esse muito. 4/4

Share this post


Link to post
Share on other sites
Aliás people' date=' se estiverem a fim de me sugerir algo e conheçam a filmografia do Verhoeven, filmes no estilo dos dele se encaixam perfeitamente no meu gosto (humor negro+sangue+depravação). [/quote']

 

Thirst, do Park Chan-Wook. Depravado, sangrento e hilário, embora um pouquinho longo.

 

thirst.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas o Park Chan Wook tem uma tara por melodrama, no começo não incomoda, mas conforme vc vai assistindo mais filmes dele, enjôa. Pelo menos foi o meu caso. E ao criticar o melodrama, na verdade estou apontando justamente essa mania de prolongar a história com pieguices.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Esses DVDs da Lume são horríveis. Aluguei Underground' date=' do Kusturica, e não tive condições de chegar até o final. A imagem é cheia de chuviscos e o som parece "tampado".[/quote']

Mas pra uma alugada até que dá pro gasto...06

 

Não dá não. Esse dvd é simplesmente horrendo, uma das piores transfers que já vi. Mas é um problema isolado, a Lume tem uns dvds bons.

 

Belo tópico, quando tiver com mais tempo venho aqui meter o bedelho.

Preliminarmente (olhando essa lista do pt), diria que só tem filmão, os dois melhores talvez sejam F For Fake e Stalker. (apesar de não ter certeza se ele vai curtir o segundo). E o Fanny e Alexander tem 3 horas, 5 horas é a versão minissérie...
Schonfelder2010-01-26 16:59:34

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

The Vanishing - Sluizer

 

Tem muito filme bom aí nessa lista, mas eu iria nesse antes de qualquer outro.

Se for o de 1988: é um triller de suspense onde a tensão cresce gadualmente e é elevada ao infinito a partir da sua metade. A questão não é descobrir quem, mas como e o porque numa foda mudança de foco e estudo de personagens.

 

Se for o de 1993, esqueça. 06

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ah, legal. Um pretexto a mais pra comentar filmes. den.gif Pena que eu cheguei atrasado, mas vou falar dos que eu vi mesmo assim, e que não foram muitos.

 

 

 

Bad Lieutenant - Abel Ferrara

 

 

 

Se pedir pra definirem o Ferrara em uma palavra, a maioria vai usar "visceral", e Vício Frenético é o mais extremo deles. Incrível o Harvey Keitel ter sobrevivido a esse filme.

 

 

 

Blue Velvet - Lynch

 

 

 

Absurdo, o melhor do Lynch, e o Dennis Hopper totalmente encarnado. "Mommy, baby wants to fuck!" 16.gif

 

 

 

Bring Me the Head of Alfredo Garcia - Pekinpah

 

 

 

Ora, é Peckinpah, não tem como errar, e Alfredo Garcia é o filme de macho por excelência, um faroeste moderno cheirando a poeira e sangue seco.

 

 

 

Carne Trêmula - Almodovar

 

 

 

Bom filme, mas não gosto de Almodóvar.

 

 

 

Come and See - Klimov

 

 

 

É lindo e muito, muito perturbador. Tem vários momentos simplesmente históricos (a metáfora do tiro, o olho do boi, o bombardeio da floresta... tem gente que passa a vida sem filmar algo perto disso).

 

 

 

Death in Venice - Visconti

 

 

 

É sensacional porque o Visconti sabe MUITO das coisas e porque tem o Dirk Bogarde, que é um dos 3 ou 5 maiores de todos os tempos, mas tu não vai gostar não. 06.gif Um véio fruta passa umas 2 horas e meia comendo um viadinho pré-adolescente com os olhos pelas ruas de Veneza. Deve ser o filme mais gay que existe, cujo ritmo extremamente lento pode irritar muita gente. Mas enfim, esteja avisado, de todo modo eu acho maravilhoso.

 

 

 

Don't Look Now - Roeg

 

 

 

Inverno de Sangue em Veneza 16.gif (não dá pra deixar de falar o melhor título de filme que existe). Deve ter sido o final mais chocante que eu já vi, me deixou tonto mesmo. Tem algo do mal pairando em Don't Look Now o tempo inteiro, uma sensação de iminência de que algo de muito ruim vai acabar acontecendo, e você sabe.

 

 

 

F for Fake - Welles

 

 

 

Talvez seja o meu filme favorito hoje. E é um documentário, por mais absurdo que isso pareça.

 

 

 

In The Mouth Of Madness - Carpenter

 

 

 

O melhor Carpenter. É um pesadelo filmado, com todas as ciladas e os nonsenses de um sonho mesmo (narrativamente, é algo como o que o Lynch fez em Mulholland).

 

 

 

King of New York - Ferrara

 

 

 

Obra-prima do caralho, Walken assombroso e tem um dos maiores finais do cinema (aliás, ninguém sabe acabar seus filmes como o Abel Ferrara, ninguém mesmo)

 

 

 

MS.45 - Ferrara

 

 

 

Meu 2º favorito dele, obra-prima e tal também etc.

 

 

 

New Rose Hotel - Ferrara

 

 

 

Em suma, pegue o Ferrara que você quiser. 16.gif Apesar de que esse é perigoso, ele simplesmente se quebra ao meio (literal-metaforicamente falando, seja lá o que diabos isso signifique). Pode facilmente se tornar o seu favorito assim como você pode achar uma merda, ou seja, é fascinante.

 

 

 

Phenomena - Argento

 

 

 

Phenomena é interessante. Pra mim ele começa muitíssimo bem, acaba melhor ainda, mas hiberna durante quase uma hora, é um buraco narrativo gigantesco onde NADA acontece. Ainda assim é um dos meus favoritos da década de 80. Phenomena atinge um nível de wtfuckice muito além do limite até pro horror italiano. Pra ter uma idéia, há uma cena de sexo entre a Jennifer Connelly (com 14 aninhos, uma loucura) e um BESOURO, por sua vez narrada por um véio pedófilo paraplégico. Os últimos 15 minutos são inenarráveis, eu considero o melhor final de todos os tempos.

 

 

 

Profondo Rosso - Argento

 

 

 

etc.

 

 

 

Straw Dogs - Peckinpah

 

 

 

A cena toda do estupro deve durar entre 10 e 15 minutos, e é talvez a melhor cena de sexo num filme. É violento, é de muito mau gosto, mas não deixa de ser absolutamente erótico, e isso é truque do Sam. Filmar algo teoricamente tão repulsivo de modo a te jogar pra dentro do filme pra estuprá-la também. Talvez com exceção apenas de Rabid Dogs o homem-animal foi tão exposto quanto aqui.

 

 

 

The Beyond - Fulci

 

 

 

Nunca me canso de declarar meu amor a esse filme. é um fenômeno, um evento que nunca mais vai se repetir no mundo. Terror nas Trevas é um monstro costurado por todos os gêneros de horror que existem, um bolo narrativo onde NADA deveria funcionar mas que, por ordem de bruxaria do velho Fulci, funciona. A impressão é a de que o Fulci chegava no estúdio e dizia "bem, acordei hoje com vontade de filmar umas aranhas carnívoras e tal", "mas senhor Fulci, e o roteiro?", "roteiro é o teu cu. Depois a gente vai filmar uns zumbis", "mas Fulci, e a casa mal-assombrada que a gente filmou ontem?", "não lembro disso".

 

 

 

The Funeral - Abel Ferrara

 

 

 

É o Ferrara mais 'acessível', um dos filmes mais amargos que existem. É como assistir durante 90 minutos um carro correndo em direção a uma árvore, você sabe muito bem que tudo vai dar errado e não pode fazer nada a respeito.

 

 

 

They Live - Carpenter

 

 

 

Hahaha, surtos. They Live me faz abrir um sorrisão de imediato, é imperdível. Tem a melhor cena de luta que já filmaram.

 

 

 

Viskningar och Rop - Bergman

 

 

 

Bah, Gritos e Sussurros é pura maldade. Tem que estar bem pra assistir essa porra, porque o Bergman vai te derrubar e pisar em cima.

 

 

 

White Dog - Fuller

 

 

 

Tenho certeza de que todo mundo já falou desse, e por mais que tenham dito, aposto que ninguém conseguiu exagerar. Cão Branco é uma lição de cinemão clássico, de colocar a câmera ali ao invés de aqui, de mover-se para a direita ao invés da esquerda, de cortar nesse momento, não 1 segundo antes nem 1 segundo depois. Filme pra quem gosta de filme.

 

 

 

Zombie - Fulci

 

 

 

Zombie eu acho um dos mais fracos do Fulci, mas de qualquer forma tem 3 ou 4 momentos de se levantar e aplaudir. Ainda assim iria atrás de outras coisas antes.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Blue Velvet - Lynch

Absurdo' date=' o melhor do Lynch, e o Dennis Hopper totalmente encarnado. "Mommy, baby wants to fuck!" 16.gif [/quote']

 

A atuação do Hopper nesse filme é um caso à parte, não tem uma cena com ele que não seja antológica...

"You know what a love letter is? It's a bullet from a fucking gun, fucker! You recieve a love letter from me, and you're fucked forever!" 16

Share this post


Link to post
Share on other sites

Calma, nem é pra ser um tópico de um dia só.

 

E gente, não precisa ser listas, se tiver algum filme que vcs vão ver/viram e querem saber a impressão do povo. Acho que falta algo do tipo, especialmente com textos curtos.

 

Estou adorando os comentários, de verdade.10

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Tem muito filme bom aí nessa lista' date=' mas eu iria nesse antes de qualquer outro.

Se for o de 1988: é um triller de suspense onde a tensão cresce gadualmente e é elevada ao infinito a partir da sua metade. A questão não é descobrir quem, mas como e o porque numa foda mudança de foco e estudo de personagens.

 

Se for o de 1993, esqueça. 06

[/quote']

 

É o desse cara aí, não sei de qual ano...06

 

Mas valeu pelo comentário!

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu tava esperando o pessoal terminar de comentar as outras listas, mas agora que o Vicking falou, aí vai a minha, hehehe.

 

São diretores aclamados por aí e que eu não vi nada ou só vi uma coisinha ou outra (se puderem, coloquem qual filme é melhor pra "iniciantes").

 

- Fellini

- Antonioni

- Godard e o pessoal da nouvelle vague

- Buñuel

- Craven

- Bertolucci

- Kusturica

- Wenders

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Straw Dogs - Peckinpah

 

 

 

A cena toda do estupro deve durar entre 10 e 15 minutos' date=' e é talvez a melhor cena de sexo num filme. É violento, é de muito mau gosto, mas não deixa de ser absolutamente erótico, e isso é truque do Sam. Filmar algo teoricamente tão repulsivo de modo a te jogar pra dentro do filme pra estuprá-la também. Talvez com exceção apenas de Rabid Dogs o homem-animal foi tão exposto quanto aqui. [/quote']

 

Esse comentário me instigou a ver, até porque vi um terrorzinho moderno recentemente (Last House on the Left) que fez com que eu me achasse um FDP por desejar uma mina que supostamente era uma adolescente. Nem sei se foi por querer, mas curto quando diretores fazem você derrubar seus próprios valores morais. Além disso, o unico do Peck que eu vi, adorei (Wild Bunch).

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Eu tava esperando o pessoal terminar de comentar as outras listas' date=' mas agora que o Vicking falou, aí vai a minha, hehehe.

 

São diretores aclamados por aí e que eu não vi nada ou só vi uma coisinha ou outra (se puderem, coloquem qual filme é melhor pra "iniciantes").

 
- Craven

[/quote']

 

Pra falar a verdade não vi muita coisa nem do Craven, mas tu já viu a trilogia Pãnico? Acho o primeiro e segundo OP ou quase (e geniais na metalinguagem) e o terceiro muito foda.

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Do Verhooven' date=' recomendo esse aqui:

 

5104HE40DRL.jpg

 

 

 

Flesh + Blood - Título original

Conquista Sangrenta - Brasil

 

Foi o último filme dele antes do Robocop, pouco comentado aqui então pelo jeito pouca gente deve ter visto, e etc.

 

Gosto do jeito que a idade média é retratada. Uma época suja, violenta, cheia de personagens com carater duvidoso, sem pseudo heroísmos. Os pobres vivem na sujeira física e os ricos vivem na sujeira moral. Mas todos ali são meio dúbios de carater. Bem Verhoovão mesmo (E tem nu frontal da Jennifer Jason Leigh, numa personagem bem PP - "Pura Puta").

 

Enfim, não sei comentar e acho difícil ficar recomendando filmes (já que tenho um gosto bem específico), mas esse eu curto esse muito. 4/4
[/quote']

 

 

Humm.... poucas vezes o diretor seria tão cru depois desse aqui. OP.

 

Tentem esses:

 

O Casal Osterman - Sam Peckinpah - Historinha: Todos os anos um cara (Rutger Hauer) convida seus melhores amigos (no caso 3) para um fim de semana divertido, acontece que a CIA (na pessoa de John Hurt) convence o anfitrião que eles fazem espionagem para KGB. Ele aceita que a casa passe a ser monitorada. Você sabe que vai dar merda assim que a cara do John Hurt aparece...den  (dvd duplo decente da Flashstar, ficou um tempão a 9,90 nas Americanas tijolo)

 

Farrapo Humano - Billy Wilder - Como diz o release na capinha do dvd: Violento olhar sobre os devastadores efeitos do alcoolismo. Vejam do que uma manguaça é capaz... meu queixo caiu com a atuação de Ray Milland.

 

O Barco - Wolfgang Petersen - Magistral direção de um diretor considerado por muitos como fraco. Claustrofobia em nível máximo. Se tiver um HT tenha o telefone de um bombeiro hidráulico à mão... 06

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Posteriormente comentarei, mas a princípio recomendo esses dentre os que vi, Luizz:

 

 

 

Antonioni - Blowup: Depois Daquele Beijo

 

Buñuel - Um Cão Andaluz / Ensaio de um Crime

 

Wenders - Asas do Desejo

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

- Fellini

- Antonioni

- Godard e o pessoal da nouvelle vague

- Buñuel

- Craven

- Bertolucci

- Kusturica

- Wenders

 

 

Nouvelle Vague: Comece pelo começo, Os Incompreendidos.

 

Fellini: NÃO comece com A Doce Vida, senão há grandes possibilidades de vc considerar o cara um nojo. Só vi 2 dele, então aconselho o outro, Noites de Cabíria, que é lindo, com um daqueles finais que deixam até os mais tímidos com um sorrisinho meia boca.

 

Buñuel: Só vi 2, O Anjo Exterminador que é o supra-sumo do sabor (...). Imagine um Eça de Queiroz parando de analisar a burguesia com descrições intermináveis e ao invés disso dar uma bifa na cara dela.

O outro é O Alucinado, da fase mexicana (?), que é bem dirigido mas confesso que esqueci.

 

 

Kusturica: Esse é um que me proporcionou duas das melhores experiências no ano passado, Underground e Um Sonho Americano. Underground é larger than life, poucas linhas não fazem jus. É tipo uma coisa que ficou soterrada por muito tempo, e neste filme teve a oportunidade de sair de uma vez. Arizona Dream também é genial, o Kusturica vê beleza na confusão de sentimentos e situações, aliás é justamente isso, um diretor contemplando coisas complexas (mas não randômicas, diga-se).

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Tem muito filme bom aí nessa lista' date=' mas eu iria nesse antes de qualquer outro.

Se for o de 1988: é um triller de suspense onde a tensão cresce gadualmente e é elevada ao infinito a partir da sua metade. A questão não é descobrir quem, mas como e o porque numa foda mudança de foco e estudo de personagens.

 

Se for o de 1993, esqueça. 06

[/quote']

 

É o desse cara aí, não sei de qual ano...06

 

Mas valeu pelo comentário!

 

O mesmo diretor refilmou seu próprio filme nos EUA. O primeiro é holandês. O segundo tem a Sandra Bullock...

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

×