Jump to content
Forum Cinema em Cena

Questão

Members
  • Content Count

    16744
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    71

Everything posted by Questão

  1. Pois é, olhando por esse angulo, sabe q tem razão.
  2. Eu entendi a função de ambas as falas, a primeisa com Schrek pensando(todo mundo pirou?) e a segunda pra criar tensão sexual e revelarem a identidade. Eu não empregaria a palavra sutileza no contexto nessas duas falas. Mas acho q ficou mal empregado, principalmente a segunda, largaram aquilo alí de qualque jeito, pois simplesmente não encontraram nada mais inteligente pra por, pelo menos eu penso assim. Valeu
  3. Sim, ele diz isso que o RAZIEL escreveu, e o Bayman simplesmente responde - digite seu nome ao sair Dando a entender q ele aceita a demissão do Fox. Mas quando o Fox digita seu nome no final, o sonar se autodestroi. Resumindo, o Fox ainda trabalha pro Wayne, e o sonar já era.
  4. - Bruce Wayne, oq faz vestido de Batman? - Ele é o Batman, idiota! -Aquela planta é mortal se comida(Oq a planta tinha a ver com a historia?)
  5. Entendo oq quer dizer, Bruce ao menos teve Alfred para se apoiar, enquanto Selina teve q se virar sozinha. Cria um contraste interessante. Mas bancando o chato, vc ainda não me respondeu CINEFILO, acha q existe lugar para o Bane em um possivel 3º filme?
  6. Interessante ideia de homenagem CINEFILO, embora mesmo sem ser a Mulher gato, Selina Kyle nunca fez o genero mocinha. E oq acha do Bane, CINEFILO, existe lugar pra ele nessa franquia?
  7. Site diz que diretora de Punisher: War Zone foi demitida Lexi Alexander teria se oposto às escolhas de trilha sonora da Lionsgate 25/07/2008 Enquanto a Lionsgate mostrou na Comic-Con o segundo e o terceiro trailer de Punisher: War Zone, novo filme do Justiceiro, nos bastidores a coisa está ainda mais violenta. Segundo o site AICN, quando a produtora Gale Anne Hurd comentou na Comic-Con que a diretora do filme, Lexi Alexander, não pôde estar presente por conta da sua "lua-de-mel", Hurd estava usando um infeliz eufemismo. Uma fonte da Lionsgate diz que Alexander foi, sim, demitida pelo estúdio. O motivo: a trilha sonora, como a música metaleira que embala o trailer violento exibido na convenção. Basicamente a Lionsgate queria uma trilha mais pesada e a diretora, pelo que dá pra ver, se opunha. Cineastas de primeira viagem em Hollywood não têm a última palavra em relação a seus filmes e frequentemente são forçados a assinar um termo jurando confidencialidade acerca dos bastidores. O site oficial de Lexi Alexander dá, então, o recado em silêncio. A fonte do AICN dramatiza a situação dizendo que a Lionsgate vai lançar um filme que não é aquilo que os amantes de Garth Ennis e Tim Bradstreet - roteirista e desenhista da fase do Justiceiro nos quadrinhos que inspirou o filme - estão esperando. Vamos ver. Punisher: War Zone estréia nos EUA em 5 de dezembro. FONTE:OMELETE Como diria o Capitão nascimento" ISSO AQUI VAI DÁ MERDA"
  8. E antes do home aranha e dos X men, o Superman sofreu com a maldição do 3º filme, e o proprio Batman sofreu do mesmo mal na antiga franquia. Cabe ao Batman de Nolan quebrar a maldição.
  9. Quando decidiram produzir a serie dos anos 60, os produtores acharam que um Batman sombrio, como era o dos quadrinhos, não agradaria, pois os States estava passando por uma fase "faça amor, não faça guerra", dai nasceu a palhaçada de 69, bem mais uma satira ao heroi mesmo. O curioso, é q a serie acabou ficando bem mais popular q as hqs, e muitos pararam de comprar, e nem novos fãs eram atraidos, pois o heroi das telas, não era o mesmo das revistas. Conclusão, as hqs tiveram q aderir as historias mais infantis e inocentes, coisa q só acabou no fim dos anos 70 com Dennis Oneil. Os filmes do Schumacher foram feitos em outro contexto, tanto o cenario mundial, quanto as historias em quadrinhos passavam por situações bem diferentes aos dos anos 60, por isso, o Batman apresentado por ele, era simplesmente inaceitavel, a não ser se quisesse ser visto como satira, oq não era a intenção. Valeu
  10. WATCHMAN, dá uma olhada no tópico dos batmans de Burton, lá eu postei quais eram as ideias de Burton para a sequencia.
  11. Burton pretendia q Bruce wayne "encontrasse a paz" no 3º filme da serie. E nisso seria essencial a figura da Dra Chase Meridian q na versão de Schumacher foi interpretada por Nicole Kidman. Burton declarou q tinha Rene Russo em mente pra viver essa personagem. Isso criaria um triangulo amoroso com a Mulher gato, novamente vivida por Michele Pfeifer. Ela teria se tornado uma especie de Robin Wood, roubando dos ricos para dar aos pobres. Burton tinha Robin Willams em mente para viver o Charada, q seria bem mais violento q o representado no Filme de Schumacher. O Duas caras tambem estaria no roteiro, tendo sua origem mostrada. Ele seria vivido pelo mesmo ator q viveu Harvey Dent no filme de 89. Inclusive o Duas caras estava no 1º tratamento do roteiro de Returns escrito por Sam Hamm, mas foi descartado por Burton para dar espaço a Max Schrek. Poderia polemizar pelo fato do Duas caras ser negro, mas isso seria um mero detalhe. Mas com certeza a maior frqueza desse 3º filme teria sido o Robin, ou como ele se chamaria "the kid"(Burton conseguiu transformar um nome tosco, num mais tosco ainda). Ele seria um garoto negro, q teria seu pai, um capanga, morto pelo Charada. Seria salvo pelo Batman e bla bla bla. Isso seria bom? Não sei, em uma primeira leitura, eu diqia q Não, mas sabe-se lá como isso seria representado na tela. O proprio roteiro de Returns não é seu ponto forte, com alguns dialogos bem fracos. Mas o filme tem um visual, e um clima tão bem construido, q nos faz esquecer do resto. Valeu
  12. HOMEM ARANHA 3 foi uma confusão. Eles começaram a filmar sem sequer ter um roteiro pronto
  13. Batman eternamente é mediocre, e descartavel e quanto a Batman e robin, é uma ofensa ao cinema, mesmo q não fosse um filme do Batman.
  14. Tô ligado DR CALVIN, cedeu foi força de expressão. Oq aconteceu foi q RETURNS não repetiu a bilheteria estrondosa do filme anterior, e os produtos relacionados ao filme tambem não venderam bem. Os produtores creditaram isso ao fato do filme ser sombrio demais, e entregaram a direção do seguinte a Schumacher, inclusive o roteiro de Forever é baseado no roteiro q Burton havia feito pro 3º filme, obvio q o clima era totalmente diferente, e contava com a presença da Mulher gato, em breve eu detalho como seria. PERUCATORTA, eu não considero o 1º Batman um genuino Tim Burton, se é q vc me entende. Tem até algumas sequencias em q vc indentifica a assinatura dele, como na sequencia da catedral, mas em RETURNS, o estilo dele esta em cada canto do filme. A culpa na verdade nem foi dele, mas o estudio ficou em cima do cara, com o sucesso do 1º, ele ganhou carta branca pra levar as coisas como queria, e nos entregou o excelente Returns. ValeuQuestão2008-07-25 22:02:52
  15. Vc já se perguntou PERUCATORTA, oq aconteceria se Burton não tivesse cedido a direção a Joel Schumacher no 3º filme? Questão2008-07-25 21:34:48
  16. Vc não gostou do confronto final, REI DO CUCO? Oq vc acha q faltou? Pessoalmente, eu acho q ficou muito bom. Não se espera uma grande cena de ação de um combate corpo a corpo entre Batman e Coringa. A coisa alí era muito mais psicologica e ideologica do q meramente fisica. Os melhores duelos entre o morcego e o palhaço foram assim. Não senti falta dele sendo arrastado pro Arkham, como alguns. Ficar em suspense se morreu ou não? Isso é cliche. Coringa visitar Batman no Arkham? Pra que?, aquele dialogo final entre os dois é simplesmente perfeito. REI DO CUCO, então lhe lanço uma questão, se pudesse reescrever aquele encontro final, oq vc deixaria e oq mudaria ou acrescentaria? Valeu
  17. Questão

    Watchmen

    O painel seguiu com perguntas e respostas. Pra começar, Snyder falou sobre os desafios de adaptar Watchmen. Segundo ele a pior parte foi conseguir encontrar maneiras de usar todo o material complementar à história principal - os trechos de Sob a Máscara, os relatórios psiquiátricos e as pequenas lembranças, como a história da morte de Dollar Bill. "Isso tudo foi muito difícil, mas foi importante para mim, porque eu queria mostrar esse universo sob um espectro mais amplo", disse. Mas será que o público está preparado para um filme de super-heróis tão adulto? "Eu acho que o público tem que entender agora que super-heróis não são mais tema de filmes de verão, mas que eles falam de humanidade, de realidade... É uma nova onda de filmes de super-heróis surgindo", acredita. Snyder também voltou a explicar a história de como assumiu o projeto. "A Warner me ligou oferecendo o filme e eu inicialmente não tinha a menor intenção de aceitar. Mas aí fiquei pensando... Eles não iam parar com aquilo. Iriam encontrar outro diretor pra fazer o filme e se esse cara fizesse uma bobagem seria minha culpa. Então na minha cabeça eu seria responsável de qualquer maneira - e decidi aceitar". Para Snyder, a maior surpresa foi o interesse e humildade com que seu elenco abraçou seus personagens. Não houve qualquer problema com egos... Se um ator não soubesse ao certo como agir em determinada cena não recorria às suas próprias concepções sobre aquele personagem, mas à história em quadrinhos. Exemplificando isso, Patrick Wilson deu a melhor declaração: "Eu sinto falta de Dan. Adoro o personagem. E adorei o fato de poder recorrer às ilustrações de Dave Gibbons para guiar minha atuação. Olhar nos olhos de Dan como Dave o desenhou, buscar nas expressões dele o que eu precisava, foi incrível. Uma experiência e um presente, sem falar que era legal demais vestir o uniforme". Além dele, Jackie Earle Haley foi outro que apreciou recorrer às HQs. "Mas também fiz muita pesquisa na Internet para entendê-lo, em blogs, sites..." Para Gibbons a experiência foi "quase como um sonho". Segundo o ilustrador, "estar ali no set, caminhando dentro de coisas que eu criei no papel, era como estar na minha cabeça". O desenhista disse também que ganhou uma homenagem easter egg no filme. Uma das pichações nas paredes de Nova York é a assinatura dele. "Eles me deixaram assinar o filme", disse. FONTE:OMELETE
  18. Eu acho q o Nolan volta pra mais um.
  19. o Nolan não matou ela pra dar espaço pra Mulher gato
  20. Questão

    Watchmen

    Para a apresentação de Watchmen na Comic-Con, Zack Snyder mostrou a uma sala H lotadíssima aqui em San Diego um clipe exclusivo do filme. Com três minutos, a prévia não tinha diálogo algum, só uma bela seqüência de cenas curtas mostrando momentos clássicos da graphic novel de Alan Moore e Dave Gibbons, agora transformados em movimento. A prévia, musicada com um canto gregoriano que se transforma em trilha incidental dramática, começou com um close na máscara de Rorschach no qual era possível ver em detalhes as manchas movendo-se lentamente. Depois, o famoso broche com a carinha sorridente sendo manchado pela gota de sangue, Rorschach abrindo o armário do Comediante e olhando suas coisas - armas, recordações -, Dan Dreiberg sentado em seu porão olhando tristemente o broche (a roupa do Coruja ao lado), os coloridos Minutemen tirando sua famosa foto. Segue com a estrutura de cristal em Marte erguendo-se no ar (Dr. Manhattan e Espectral lá dentro), o acidente que criou o Dr. Manhattan, a explosão, ele sendo desintegrado até não restar nada, o belíssimo beijo de Coruja e Espectral com uma explosão ao fundo, a Nave-Coruja no Ártico, Rorschach saltando entre prédios e para dentro do Rumrunner, o Comediante sendo atacado pela vietnamita com uma garrafa, uma celebração no bar dos cientistas, Ozymandias, vários trechos de ação curtíssimos, o Comediante sendo arremessando na janela - cacos de vidro pra todos os lados em câmera lenta, o broche manchado voando em direção à tela e o Comediante caindo, caindo... E o broche de novo em foco. "Watchmen". FONTE:OMELETE
  21. De fato, ele é irreal, mas Ras al ghul tambem era, e ele deu um jeito de inseri-lo em seu universo, e com certeza pode fazer o mesmo pelo Bane.
  22. Questão

    Watchmen

    SALLY JUPITER OZYMANDIAS COMEDIANTE CORUJA ROSCHARCH DR. MANHATTAN
  23. Como o Bane esta sendo bastante citado, vamos a ele então. Acho q poderiamos ter excelentes cenas de ação com esse personagem, com Batman utilizando todo seu conhecimento marcial . O de sempre 1- Como inseri-lo no universo do Nolan? 2- Ator para interpreta-lo? 3- Precisaria necessariamente se basear em A QUEDA DO MORCEGO, ou basta alguumas referencias? 4- Alguma ideia d explorar o potencial d Bane para cenas de ação? Valeu
  24. REI DO CUCO, meu brother. Excelente a sua visão do Chapeleiro louco, mas de uma vez já foi insinuado q ele seria pedofilo. Muito bom. Mas não estou tão certo quanto fundir Talia e Hera venenosa. Selina kyle como uma mera mentora tambem não parece cair bem. JOÃO SPIDER, sua intromissão é muito bem vinda. Colocar hera como uma ativista socialite parece interessante. Ela não se autodenominaria Hera venenosa, mas teria apenas seu codinome referido, como foi feito com o Espantalho e o Duas caras. V.B FELIPE, alguma ideia para a Hera venenosa? Valeu
  25. Não esta confirmado, é um nome provisorio.
×
×
  • Create New...