Jump to content
Forum Cinema em Cena

Fulgora

Members
  • Posts

    1474
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by Fulgora

  1. Antes de comprar o meu modesto HT eu pesquisei bastante nesse HTfórum e a primeira conclusão que cheguei foi que não vale a pena pagar mais que 500,00 em um in-a-box, por tudo isso que já colocaram nesse tópico aí. Se é para ser enganado, então que pelo menos seja pagando pouco. Para valores altos compensa muito mais partir para um projeto próprio mesmo.
  2. O que mais me impressiona na coleção do Jim é que ele tem quantidade e qualidade. Lá no Orkut tem uma porrada de neguinho que adora se gabar dizendo que tem 1000, 2000 DVDs, mas a grande maioria sai comprando qualquer merda de 9,90 nos balaios das Americanas só pra fazer número. E depois ainda se dizem "colecionadores".
  3. Sem palavras. Surreal a sua coleção, Jim. Eu tb fui contaminado pelo vírus "R1". Depois que vc pega um DVD lá de fora os daqui parecem todos uma bosta, não dá mais prazer em comprar. Há quanto vc começou a colecionar?
  4. Olhem o que eu achei: Discos de DVD: como guardá-los de modo a não danificá-los <?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" /> Autor: Arnaldo Mefano Um disco de DVD requer um cuidado muito maior se comparado com um disco de CD. Aqui está alguns cuidados básicos que ajudarão a preservar o tempo de vida de seu DVD: Nunca utilize a embalagem de plástico usada para armazenar um CD, para guardar seu DVD. A pressão exercida pela parte de fixação (parte central) de uma embalagem de CD poderá danificar o disco DVD quando este for retirado da embalagem. Utilize as embalagens apropriadas para DVD que por uma leve pressão em sua parte central libera o disco. Armazene os discos DVD em posição vertical. O armazenamento em posição horizontal poderá causar empenos ao longo do tempo, inutilizando o disco e colocando em risco a unidade de DVD. Precisando limpar o DVD, utilize material apropriado, porém nunca realizando movimentos circulares e sim movimento do centro para sua extremidade, em linha reta. Não guarde um DVD em envelope de papel. o atrito durante a colocação e retirada do DVD do envelope poderá causar danos na superfície do disco. Não cole adesivos / etiquetas sobre o DVD. http://www.csolutions.com.br/bhtml/bl24062004/b24062004.htm
  5. Fulgora

    Oasis

    Vai ser show em local fechado ou aberto? Qual a estimativa de público?
  6. Fulgora

    Oasis

    Se eles viessem a Porto Alegre eu iria certo. Até cogitei viajar a SP, mas o show foi confirmado em cima de hora, não tive como me planejar com antecedência. Foda-se... vou na próxima vez...
  7. Fulgora

    The L Word

    Que isso! Nunca vi essa série mas pelo tema e por essas imagens já gostei... vou conferir...
  8. Nacka, na última temporada tinha muita gente boa, acho que até mais do que nessa, um deles era o Bo Bice, que foi até a final com a Carrie. Mas é que ela fazia o estilo "bonequinha", bonita e simpática ao extremo, era impossível não gostar. Nesse tipo de competição não adianta ter só a melhor voz, tem que ter um carisma imenso. Ou será que alguém imagina o Kevin ganhando? Nem que ele tivesse a voz do Frank Sinatra. Aliás, a Paula involuntariamente humilhou ele na apresentação dos Top 10, não??
  9. Fulgora

    Queen

    A minha preferida é Under Pressure. Já assisti a banda apresentando essa música uma porrada de vezes no DVD do Live at Wembley e toda vez me dá arrepios. Não acho que seja possível expressar mais magia através da música do que naquele momento, com aquela música, naquele local.
  10. Fulgora

    Oasis

    Sou fã de Oasis, principalmente pela música, mas também pela atitude cara de pau assumida deles. Não tem coisa mais sem graça do que artista metido a Madre Teresa de Calcutá estilo Bono. O Bono é um bundão hipócrita. Fulgora2006-3-8 23:31:12
  11. AsRock K7vt2, Duron 1.3, 512MB ddr 400, Samsung 40GB 5400RPM, Radeon 9200SE, Samsung 713N LCD. Quero trocar tudo em breve, com exceção do meu monitor ultra foda, que acabei de comprar.
  12. "Dormível" é ótimo. E pela primeira vez eu concordo com o Bart.
  13. Não entendo pq tanto drama... dá-lhe um format e deu pra bola. Quando o meu Windows começa a dar pequenos erros eu já formato, imagina com vírus. É quase uma atitude reflexa.
  14. Eu acho curioso como a maioria dessas listinhas aí dizem muito mais sobre as pessoas que as fazem do que sobre os filmes propriamente ditos.
  15. Fulgora

    Orkut

    Eu acho o Orkut uma ferramente fantástica. Qualquer que seja o seu interesse, lá você pode encontrar outras pessoas que tem o mesmo e estão dispostas a trocar idéias sobre. Mas eu prefiro navegar anonimamente por lá....
  16. Amelie é um filme pra ver e achar "bonitinho". Pouca coisa permanece depois que os créditos sobem... Nota 6/10.
  17. Pô, esses HKs são meu sonho de consumo. Logo que eu tiver o meu apartamento essa vai ser a minha primeira compra.
  18. Mas Dookan, faz um exercício aí. Vê no manual quanto consta o consumo máximo deles em Watts. A potência do conjunto nunca poderá ser maior que esse valor, porque, segundo os entendidos, é fisicamente impossível o equipamente simplesmente sair "produzindo" energia. Se a potência RMS é 800W, então ele tem que consumir no mínimo 800W. Se for menos, já começou a enganação. O meu SW tem 40W, mas faz tremer a casa Fulgora2006-2-7 23:40:14
  19. É impressionante como uma pessoa supostamente inteligente seja incapaz de correlacionar uma situação puramente teórica a um contexto maior, onde diversos outros fatores influenciarão no resultado final. Destaquei a parte do texto acima pois acredito que seja a que mais tem relevância dentro do que estamos falando aqui. Em primeiro lugar, é preciso ter consciência de que o salário-mínimo só tem tamanha importância no Brasil exatamente porque grande parte dos salários estão limitados a ele. Logo, podemos concluir que seu fim resultaria em inúmeros trabalhadores ganhando abaixo dele. Após, é preciso saber diferenciar um simples contrato de trabalho de um contrato de exploração em condições injustas, com um empregador, com mair poder de barganha, se aproveitando da fraqueza e, em muitos casos, ignorância do empregado. Se hoje um salário-mínimo já é insuficiente para prover as necessidade mais básicas de uma família, o que dirá um valor ainda menor? Por isso é preciso questionar a validade de um contrato de trabalho que fosse celebrado nesses termos. Além de não ser um contrato propriamente bilateral, porque o empreagado só aceitou porque não havia algo melhor, ele não cumpre a sua função social, que é de distribuir renda e prover o sustento da família. O pior de tudo foi ver como o articulista trata empregador e empregado como se fosse duas empresas negociando um contrato, como se estivessem exatamente na mesmo posição. E ignorar que o tal "fator príncipe" nada mais é do que uma tentativa de equilibrar essa balança. Minha opinião sobre o artigo? Um lixo.
×
×
  • Create New...