Jump to content
Forum Cinema em Cena

Dreyer

Members
  • Content Count

    95
  • Joined

  • Last visited

  1. Mesmo com algum maniqueísmo em certas soluções de roteiro, só perde mesmo para Xmen 2, que continua sendo o melhor da série, disparado. Mas... Interessante como ninguém comenta a respeito da relação Mística e Xavier e como isso sequer é sublinhado com algum olhar ou comentário nos acontecimentos e filmes que retratam eventos futuros. Estranho para dois mutantes com tanta proximidade...e estranho porque nosso crítico aqui costuma prestar atenção para esses detalhezinhos da trama... E sinceramente, a trilha sonora é broxante. Há momentos em que ela tenta criar um tema de fácil lembrança, mas é patética. As trilhas originais, que não tentavam criar um novo ""Superman theme" ou algo assim, eram bem mais condizentes. Por fim, esperava mais verossimilhança - difícil esperar isso num filme de ficção fantástica com mutantes, mas vá lá - em toda a história envolvendo a crise dos mísseis em Cuba. Aquelas cenas dos americanos e russos votando pela retaliação nuclear e aplaudindo ficaram terríveis, parece cena de HQ para crianças de quinta série. Dreyer2011-06-04 23:47:12
  2. Primeira coisa que me veio à cabeça ao ouvir "Sally" foi o Schwarzenegger no helicóptero lá no primeiro filme. Se isso não é referência a um público de fãs específico, não sei o que mais poderia ser... Dreyer2010-08-17 09:30:10
  3. Pablo sobre essa questão das crianças no final do filme elas estão mais velhas, não são as mesmas. Basta olhar a ficha do filme no IMDB para ver que são crianças diferentes interpretando os filhos dele aos 3 e 5 anos. Não haveria esse cuidado para mostrar elas mais velhas ao final daquele tempo se elas devessem ser as mesmas dos sonhos
  4. Estou ficando repetitivo, mas cada vez menos eu consigo chamar esse tipo de texto de uma crítica de cinema. Saudade dos textos de Paulo Emílios do passado ou de análises reais de cinema como da cinética, contracampo e outras revistas de cinema online que realmente criticam cinema... vejo muito conhecimento de causa, teoria e história no Pablo, mas não consigo ler os textos até o fim, porque dissecar cenas, falar desse ou daquele diálogo e monologar consigo próprio estão longe de me parecerem críticas construtivasDreyer2010-06-12 21:06:21
  5. O final do texto me dá a impressão que o cara está pedindo desculpas por ter gostado do filme. Particularmente, o melhor dos enlatados desse ano, ou aquele do qual eu menos esperava e que mais me agradou, anos luz à frente de Robins e Fúrias - ok, Iron Man 2 é legal, mas esse aqui é mais divertido... sem culpa nenhuma por ter saído do cinema com um sorriso e não ter desperdiçado grana.
  6. Não vi o filme ainda... Mas é possivelmente um dos piores textos que eu já li do Pablo. A impressão é de um cara que foi ao cinema aborrecido e malhou de tudo - de vilões brasileiros sambando bebendo caipirinha a lembranças do holocausto, câmara de gás e até o nome do condado surgindo na tela (como se em outros filmes em que aparece a Torre Eiffel não tivesse surgido um PARIS e nada tivesse sido dito). Em termos de crítica, uma das piores que eu li aqui, seja do ponto de vista da análise à relevância do texto.
×
×
  • Create New...