Jump to content
Forum Cinema em Cena

Gustavo B

Members
  • Content Count

    32
  • Joined

  • Last visited

  1. Assisti hoje. Acho que o filme cumpre o papel que é fazer rir e o romancezinho "mela cueca" até agrada as mulheres. Na parte técnica o filme realmente é muito fraco. Concordo plenamente com o Pablo no quesito cenários. Sinceramente, eu ficava imaginando em que lugar do Rio de Janeiro que teria corredores, portas e apartamentos onde vivia o Bruno e o Marconha com decoração tão brega e pobre. Parecia que cada um morava em cortiços. Se a pessoa for com olhar crítico, vai achar o filme uma porcaria. Mas como a maioria não tem essa visão, o filme fará sucesso e já até prevejo qu
  2. Assisti o filme hoje e tive a mesma visão do Pablo. O filme tá bem clichê mesmo e forçado. O Pablo falou que as tomadas lembravam o Rio de 1970, mas assistindo fui mais longe. Toda hora vinha a minha cabeça aquele filme da Disney com o Zé Carioca, Pato Donald e a Carmem Miranda. As vezes achava que a qualquer momentos eles iriam surgir. Mas aí surgia uma lixeira laranja da Comlurb ou um policial de boné e aí eu lembrava que o filme tentava se passar nos dias de hoje. Outra coisa incrível é que quando temos em filmes personagens que tentam se passar por cariocas falando arra
  3. Eu ia postar exatamente isso. A probabilidade de cair com a geléia (manteiga, requeijão, pasta, etc) para baixo é maior, devido as leis da física. Sobre o filme, ainda acho que vale uma conferida.
  4. Concordo! Vi o filme e vou reavaliar o que escrevi. O filme é bom. Tanto para os jovens de hoje, quanto para os saudosos de 84. O filme faz uma boa homenagem ao antigo e cria uma nova identidade. Mas assim como o antigo, é um bom filme apenas.
  5. Pelo visto o filme é mais para os jovens de hoje do que os saudosos de 84.
  6. O filme é excelente. Lembrou muito Matrix e também o ótimo Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças. "Enquanto isso, o compositor Hans Zimmer faz um de seus melhores trabalhos ao criar uma trilha que já confere uma atmosfera sinistra e sombria ao filme" A trilha sonora também ficou perfeita. Em relação a crítica, entendo perfeitamente o Pablo ter se empolgado com o filme e querer explicar algumas partes. Só acho que no final do texto forçou um pouco a inteligência dos leitores ao enfatizar que o filme termina em aberto. Ficou bem óbvio, não? Quem quer que o peão caia,
  7. Esse filme já não dava muita coisa só assistindo o trailer do mesmo. Uma pena! Poderia ter sido promissor.
  8. Simplesmente fantástico! Toy Story 3 fecha a série com chave de ouro Como bem disse o Pablo "montanha-russa emocional" . Quem assistiu Toy Story e se encantou com os dois primeiros, vai sair desse último com uma sensação maravilhosa de "despedida gostosa". Parabéns ao Pablo também por mais um belo texto. Deve ter sido muito difícil descrever a beleza do que é TS 3 sem cometer nenhum spoiler. A mensagem do filme é formidável. Diz que mesmo a vida nos fazendo tomar rumos diferentes dos nossos amigos e entes queridos, é possível manter todos os momentos maravilhosos dentro de noss
  9. Pablo você estava inspirado na sua crítica. Entretanto inspiração demais, prejudicou um pouco o seu texto. Ficou muito longo e cansativo. Não sei das outras pessoas, mas foi empurrando que li toda a sua resenha. Ainda sim, foi uma boa crítica. Sobre o filme, é uma boa surpresa. Não conhecia a história do Kick Ass dos quadrinhos e fui ver o filme apenas levado por boas recomendações. O filme faz um bom equilíbrio entre ação, comédia, drama, romance, etc. Só achei o final um pouco forçado, mesmo assim é um bom filme e que adoraria ver uma continuação. E a Hit Girl é a coisa mais
  10. Não vi o filme e já imagino que realmente não seja lá essa coisa toda. Na crítica do Pablo só não concordei com as citações negativas sobre os filmes Gladiador (excelente filme e ganhador de oscar) e Black Hawk Down (o nome nacional é horroroso) que é um bom filme de guerra.
  11. Engraçado que li mais críticas que elogios e no final ganhou uma boa nota (4 estrelas). Enfim, acho que é um filme que vale conferir com a namorada. Uma pena Rodrigo Santoro mais uma vez ficar com migalhas no filme. Alice Braga já anda ganhando mais destaque do que ele.
  12. Justamente quando eu soube dessa parte "e nem vou abordar o absurdo étnico de Gyllenhaal interpretar um persa" já sabia que o filme não ia ser grande coisa. Mesmo assim, acho que vou dar uma conferida.
  13. Excelente texto do Pablo como sempre. Ainda não vi o filme, mas li o livro, que é muito bom. Vale reforçar que esse filme estava pronto desde o ano passado e seguraram para esse ano visando um Oscar no ano que vem. Sem contar que o autor do livro Cormac McCarthy escreveu outro best seller que também virou filme e foi ganhador de Oscar, Onde os Fracos Não tem Vez. Fiquei feliz com a crítica positiva, não vejo a hora de ver esse excelente filme.
  14. Nem li o resto. Simplesmente perfeito. É o tal do "pessoa certa no momento errado" que poderia ser "filme certo no momento errado". "Este não era o momento certo para se lançar uma cinebiografia de Lula. E não porque isso pode ser visto como uma manobra eleitoreira, já que qualquer pessoa com um mínimo de bom senso percebe facilmente que, em vez de beneficiar o Presidente (que, afinal, nem será candidato nas próximas eleições), é o filme que busca explorar a popularidade de seu protagonista com propósitos comerciais. Não, a questão é que uma obra como esta exige distanciamento h
×
×
  • Create New...