Jump to content
Forum Cinema em Cena

Deadman

Members
  • Content Count

    435
  • Joined

  • Last visited

About Deadman

  • Rank
    Auxiliar de Câmera
  1. Há controvérsias (poucas), mas alguns sites e fãs de carteirinha da Marvel dizem que ele é "O Ser" mais poderoso dentre todos do universo Marvel. Só isso. E, sim, quando vi essa cena, quase chorei!!
  2. DRIVE - 9,0/10,0 Excelente exemplar de filme de gênero, uma verdadeira trágedia anunciada c/ação e violência meticulosamente inseridas no melhor estilo "jogo de gato e rato" (com inversões entre quem é quem). Trilha sonora interessantíssima e atuações perfeitas, com destaque para Albert Brooks (insano) e Ryan Gosling que vai se firmando como um dos melhores atores de sua geração numa atuação minimalista, contida e baseada no olhar. A direção de arte também manda muito bem. A trama é desenvolvida sem demora, com muitos silêncios, frases suspensas, olhares, o que pode incomodar aqueles que vão ao cinema esperando um filme explosivo, cheio de ação. Tudo é contado sem pressa. Mas, quando a situação foge do controle para o protagonista "a coisa" pega legal, com violência inesperada e explícita e o ritmo da narrativa acelerado, mal dando tempo de respirar. Recomendadíssimo!! PS: a cena inicial onde somos apresentados ao personagem de Ryan é GENIAL!
  3. DRIVE - 9,0/10,0 Excelente exemplar de filme de gênero, uma verdadeira trágedia anunciada c/ação e violência meticulosamente inseridas no melhor estilo "jogo de gato e rato" (com inversões entre quem é quem). Trilha sonora interessantíssima e atuações perfeitas, com destaque para Albert Brooks (insano) e Ryan Gosling que vai se firmando como um dos melhores atores de sua geração numa atuação minimalista, contida e baseada no olhar. A direção de arte também manda muito bem. A trama é desenvolvida sem demora, com muitos silêncios, frases suspensas, olhares, o que pode incomodar aqueles que vão ao cinema esperando um filme explosivo, cheio de ação. Tudo é contado sem pressa. Mas, quando a situação foge do controle para o protagonista "a coisa" pega legal, com violência inesperada e explícita e o ritmo da narrativa acelerado, mal dando tempo de respirar. Recomendadíssimo!! PS: a cena inicial onde somos apresentados ao personagem de Ryan é GENIAL! Deadman2012-02-25 10:26:26
  4. M.I.4 - Protocolo Fantasma - 8,0/10,0 Um adjetivo define esse filme: eficiente. Bird, J.J e Cruise entregam (com capricho) exatamente o que prometem. Destaque para a inserção muito bem vinda do humor (Simon Pegg à vontade) e para a criatividade das situações e das traquitranas tecnológicas. Bird brinca com várias referências de modo sútil e prova, de vez, que é um excelente diretor. PS 1: não sei se foi impressão minha, mas me parece que Tom Cruise se "solta" mais depois da primeira hora de projeção, ficando mais à vontade. PS 2: Paula Patton... Quê é aquilo??! Prefiro as loiras, mas essa morena... Potaquepariu!! PS 3: a cena da escalada é foda. Fico imaginando em IMAX. Deadman2011-12-29 09:34:56
  5. Earthlings (Terráqueos) - um fiar imagético sem fim e detalhado das coisas mais horrendas e deprimentes que nós, seres humanos, somos capazes de inflingir à animais para, acreditem, simplesmente subsistirmos, vestirmos, divertir-nos e para termos "saúde"... Fazia tempo que um filme não me deixava tão triste e envergonhado por fazer parte da espécie humana.
  6. Hummmm... Esse aí, promete!! http://releasing.indomina.com/detective-dee/2011/7/25/detective-dee-trailer.html Deadman2011-08-27 09:01:04
  7. Corpo Fechado - 5,0/5,0 Simplesmente, genial. Shyamalan, muito provavelmente, em seu melhor momento como cineasta e roteirista. Consegue ser melhor que "Sexto Sentido" (e olha que eu gosto muito, muito desse filme...). Preciso, enxuto, ritmo certo. A melhor história-em-quadrinhos-que-nunca-foi-história-em-quadrinhos já filmada. Deadman2011-08-01 00:46:45
  8. Infelizmente, por motivos de força maior não pude participar desse festival. Minha lista estava até pronta e os três filmes devidamente escolhidos para eventualmente serem resenhandos, mããs... Não deu. Até tentei entrar pro juri na última hora, mas fui "barrado" pelo Padrinho (o cômite já tava completo). Pena. Entretanto, tô acompanhando as listas e a discussão causada pela lista e pelas "escolhas" do Forasteiro e... Hummm!!! Simplesmente, priceless! PS 1: Alguém aqui "realmente" acreditou nesse papinho do Forasteiro de que ele se equivocou, "...fez uma interpretação errada do que era o festival..." (sic), de que entendeu errado a proposta e blá-blá-blá?? Sério mesmo?!! PS 2: Admito que por trás dessa subversão involuntária (pfff...) do Forasteiro existe uma série de ideias interessantes a serem discutidas. Mas o FATO é que ele as abordou da maneira mais tapada do mundo: não seguindo regras cristalinas e expressas! Desse jeito só mesmo. Se as abordasse no transcorrer do festival e citando os filmes, em especial "Desperado" como exemplo; teria sido o grande destaque do festival! Quiça teria ganho um prêmio pelo insight!! Às vezes, mais do que saber o que falar, o importante é saber QUANDO falar... PS 3: Pérola do humor involuntário proporcionado pelo Forasteiro: "É, eu não achei que o pessoal ficaria tão preso a essa coisa de adaptações = adaptações." WHATA???????!!!!! PS 4: Só pra constar... cheguei a colocar "Darkman" na lista, mas por respeito às regras, desisti. Óbvio que iria mencionar minhas ideias e minhas considerações acerca do desenvolvimento do projeto desse filme pelo Raimi, suas influência para o desenvolvimento do HA etc, mas isso ao longo do festival. Poxa, custava ler e simplesmente, fazer o que estava proposto? A postura do Forasteiro é indefensável na minha opinião. PS 5: acho que o Questão exagerou. Ele não precisava ter saído do júri. Bastava ter dado uma nota negativa pro Forasteiro (rsrs), levantado a lebre (nem precisava...) e pronto. Pena. O festival perdeu um cara que parece conhecer muito do universo de HQ e poderia dar boas contribuições... Deadman2011-07-11 23:32:56
  9. Deadman

    Bullying

    Sobre bullying-> já sofri e sei que é foda. Mas, no geral, concordo com a ideia do Sapo (a de que a pessoa tem que se adaptar, crescer e/ou arranjar alguma forma de quebrar esse ciclo whatever...). PS: Sapo, acredite, palavras podem machucar muito... Sobre esse papo de família -> sou hetero, tenho meus preconceitos, sim, mas acredito que as famílias podem ter bases diferentes do tradicional (homem+mulher+filhos). Cada caso é um caso. Não dá pra botar tudo dentro do mesmo saco. Agora, há que se pensar nos EFEITOS de uma união homo em uma criança, na formação de sua personalidade, gostos e opções. Dizer que isso não influencia é querer tapar o sol com peneira... Particularmente, acho que essa ideia do kit homofobia e essa proposta de criminalizar determinadas posições de pensamento (respeito os gays, mas não enxergo com "naturalidade" sua opção... Muito pelo contrário) sobre grupos e opções sexuais e/ou comportamentais um verdadeiro saco, uma idiotice, uma perda de tempo. Abaixo, uma piada que traduz à perfeição o que penso sobre esses nossos tempos "hipócrita-politicamente corretos": Outro dia estava no mercado quando vi no final do corredor um amigo da época da escola, que não encontrava há séculos. Feliz com o reencontro me aproximei já falando alto: - Oswaldo, sua bichona! Quanto tempo!!!! E fui com a mão estendida para cumprimentá-lo. Percebi que o Oswaldo me reconheceu, mas antes mesmo que pudesse chegar perto dele só vi o meu braço sendo algemado. - Você vai pra delegacia! – Disse o policial que costuma frequentar o mercado. Eu sem entender nada perguntei: - Mas o que que eu fiz? - HOMOFOBIA! Bichona é pejorativo, o correto seria chamá-lo de grande homossexual. Nessa hora antes mesmo de eu me defender o Oswaldo interferiu tentando argumentar: - Que isso doutor, o quatro-olhos aí é meu amigo antigo de escola, a gente se chama assim na camaradagem mesmo!! - Ah, então você estudou vários anos com ele e sempre se trataram assim? - Isso doutor, é coisa de criança! E nessa hora o policial já emendou a outra ponta da algema no Oswaldo: - Então você tá detido também. Aí foi minha vez de intervir: - Mas meu Deus, o que foi que ele fez? - BULLYING! Te chamando de quatro-olhos por vários anos durante a escola. Oswaldo então se desesperou: - Que isso seu policial! A gente é amigo de infância! Tem amigo que eu não perdi o contato até hoje. Vim aqui comprar umas carnes prum churrasco com outro camarada que pode confirmar tudo! E nessa hora eu vi o Jairzinho Pé-de-pato chegando perto da gente com 2 quilos de alcatra na mão. Eu já vendo o circo armado nem mencionei o Pé-de-pato pra não piorar as coisas, mas ele sem entender nada ao ver o Oswaldo algemado já chegou falando: - Que porra é essa negão, que que tu aprontou aí? E aí não teve jeito, foram os três parar na delegacia e hoje estamos respondendo processo por HOMOFOBIA, BULLYING e RACISMO. *Moral da história: Nos dias de hoje é um perigo encontrar velhos amigos!*
  10. Grato a todos que estão participando aqui no tópico com opiniões e sugestões, creio que pelo assunto teremos um Festival bem... movimentado... Putz!! O Padrinho me jogou pra escanteio feio...
  11. De qualquer jeito que for rolar, tô dentro!!
  12. Não gostei da matéria assinada por esse tal Virgílio Souza... Ele tem todo o direito de dizer o que pensa, concordando com a ideia de que vaiar é coisa de idiota mas, dizer que aplausos, em momento algum, se apreende peso de argumentação positiva ou de apreço é passar atestado de imbecil. Tanto a vaia como o aplauso são meros meios da audiência externar sentimentos e ideias. Sempre foram e sempre serão. Concordo que, dependendo do momento, vaias podem ser inconvenientes e até constrangedoras, mas são tão legítimas quanto os aplausos. Esse patrulhamento "politicamente correto", da dita civilidade e inteligência (sic) é coisa de menininha que não aceita rejeição, a possibilidade de não agradar gregos e troianos! Meu filho, quem encara a chuva, tem que saber da possibilidade de se molhar! PS: Será que se essas vinte pessoas, durante a exibição, se levantassem, dessem as costas à tela e saissem teriam sido chamadas de idiotas também? Priceless...
×
×
  • Create New...