Jump to content
Forum Cinema em Cena

Onde, Como e Quando Você Despertou Para o Cinema?


Forasteiro
 Share

Recommended Posts

Meu pai

adora cinema e quando eu era pequeno, me introduziu a esta incrível

arte. Logo comecei a assistir aos filmes que meu pai alugava para vermos e em pouco tempo, já estava adorando ver filmes, mas sempre dependendo de meu pai para fazê-lo. Além de me exibir filmes que adora, ele me jogou na frente do

computador, no já falido site E-Pipoca, onde conheci Rubens Ewald Filho e comecei a analisar cinema de uma nova forma. Mais tarde, quando o E-Pipoca afundou, meu pai me mostrou um novo site muito melhor, que eu e ele acompanhamos até hoje: o Cinema em Cena. Mais tarde criei uma certa autonomia cinematográfica e passei a ver e estudar cinema sozinho. Aos poucos fui conhecendo os clássicos, vendo mais filmes, aguçando minha percepção, blá-blá-blá ...

 

Link to comment
Share on other sites

  • Replies 72
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Eu sempre gostei muito de filmes, alugava e ia no cinema com a mesma frequência que hoje, só que nas antigas, eram filmes do tipo: O Exterminador do Futuro 2, Tropas Estelares, Independence Day, De Volta Para o Futuro, Jurasic Park, terrorzões (principalmente os baseados nas histórias do Stephen King), comédias besteróis, clássicos da sessão da tarde, clássicos do cinema em casa e etc... Ainda adoro todos eles (as comédias besteróis nem tanto, mas tem uma outra que eu ainda dou risada, como Todo Mundo em Pânico), a diferença é que hoje eu vejo também o cinema considerado mais intelectual, os filmes de arte, cult ou qualquer outra definição que dêem pra eles. O meu filme "salvador", foi, coinciedentemente, o meu filme preferido até hoje: Pulp Fiction. Depois dele eu começei a procurar filmes que me proporcionassem prazeres semlhantes, daí que eu encontrei os filmes do Kubrick, Allen e até o resto da filmografia do Tarantino.  

Link to comment
Share on other sites

Há uns 6 ou 7 anos, assisti a 2001: Uma Odisséia no Espaço pela primeira vez. Devo ter ficado quinze minutos paralisado em frente à TV depois que os créditos acabaram (aliás, foi o primeiro filme cujos créditos vi até o final). O que eu tinha visto não me parecia um simples filme, e sim algo muito maior - e aí me dei conta que, se era mesmo só um filme, poderiam existir outros tão fenomenais. Foi o início da cinefilia, mas ela só se consolidou mesmo quando descobri o Cinema em Cena e, mais tarde, o fórum. Noonan2006-11-25 00:19:08

Link to comment
Share on other sites

Há uns 6 ou 7 anos' date=' assisti a 2001: Uma Odisséia no Espaço pela primeira vez. Devo ter ficado quinze minutos paralisado em frente à TV depois que os créditos acabaram (aliás, foi o primeiro filme cujos créditos vi até o final). O que eu tinha visto não me parecia um simples filme, e sim algo muito maior - e aí me dei conta que, se era mesmo só um filme, poderiam existir outros tão fenomenais. Foi o início da cinefilia, mas ela só se consolidou mesmo quando descobri o Cinema em Cena e, mais tarde, o fórum. [/quote']

eu senti a mesma coisa quando vi Menina de Ouro. Vi que o cinema era algo maior e mais poderoso.
Link to comment
Share on other sites

[...] era engraçado pois enquanto minhas amigas compravam capricho eu comprava a set [...]

 

0606

Essa foi ótima! Muito bom gosto....

 

Ué, tem muita garota que só pensa em ter pôster de macho na parede do quarto, e, infelizmente só sabe se preocupar com essas MALDITAS novelas do tipo "Rebeldes"......14

 

Achar alguém que aprecia um bom filme hoje em dia é muito difícil, por isso, o fórum é uma das salvações ! 05
Link to comment
Share on other sites

Eu despertei para o cinema desde o dia em que eu fui ao cinema pela primeira vez' date=' eu tinha 4 ou 5 anos ( não lembro direito) quando meu pai me levou para assitir ao Batman.

 

 

Eu despertei fazem 14 anos agora falta eu sair da cama e começar a descobrir este mundo um tanto quanto desconhecido!
[/quote']

 

Em Abril..."O Cinéfilo 2".Aguarde...

 

06
Link to comment
Share on other sites

Bom,já devo ter comentado isso aqui.Meu despertar aconteceu no início de 2.000.Fui ao shopping,tinha matado aula na faculdade,e pra esperar até a hora de ir pro trabalho resolvi ir ver um filme.Num tinha nada de interessante (pelos títulos),acabei indo ver um tal "Beleza Americana".O poster parecia meio boiola com aquela rosa,mas o slogan "olhe mais de perto" me deixou curioso".Saí em estado de graça do cinema,como costumo dizer,foi meu "filme salvador".Apartir dali o cinema ganhou outro status.
Link to comment
Share on other sites

muitos cinéfilos começam com cinema-pop, e depois aprendem a gostar do cinema-arte tbm. comigo nao foi exatamente assim. passei a me interessar realmente por filmes há 8 anos, qnd eu tive vontade de comprar a revista set pela primeira vez. os criticos falavam dos filmes e eu ficava curiosa pra ver. vários deles eram complexos demais pra mim naquela época, e eu nao consegui entender. com o tempo, fui desenvolvendo minha capacidade de interpretação, e hoje compreendo melhor os filmes.
Link to comment
Share on other sites

Bom ... eu sou o filho mais novo, tenho 2 irmãos e 1 irmã e era costume da família alugar 4, 5 filmes por final de semana ... eu sempre assistia e fiz um caderno de controle onde cada um deles dava uma nota para o filme ... em contrapartida sempre que possível meus pais me levavam para o cinema ( assisti "Caça-Fantasmas", "A Bela e a Fera", "Os Trapalhões e a Árvore da Juventude" e "Esqueceram de Mim" ) ... mas nunca me aprofundei muito no assunto ... era pura diversão ... em 1998, logo depois de um reveillon com a família fui com alguns primos, primas e irmãos assitir "O Advogado do Diabo", curti o filme pra caramba, juntei grana durante 2 semanas pra ir no cinema ... fiquei na dúvida em assitir o novo 007 ou um "tal" de Titanic ... que nem sabia do que se tratava ... topei o filme do transatlântico ( é por essas e outras que tenho um carinho - não cego - pelo filme ... 8/10 ) ... e, uau ... comecei a ler sobre o filme e a partir de então comecei a me interessar mais pela 7ª Arte ... ou seja, são 8 anos de vida de cinéfilo ... comecei com 16 anos ...

Link to comment
Share on other sites

  • 3 months later...

Quando eu era pequena minha mãe não deixava eu ficar sozinho em casa , então eu ia com ela todo dia no escritório da minha tia (*que é onde eu trabalho hoje :) ) que ainda era na casa dela na época , e ficava vizinho de uma videolocadora "KIKA VIDEO LOCADORA" heheheheh ... meu VHS mais locado ? Xuxa Melhores Momentos KKKK

 

Depois amenizou um pouqinho esse negocio de ver filmes todo dia , ae voltou a pouco tempo depois de assistir Efeito Borboleta e começei a ler critica (pouco) e engatou quando assisti Kill Bill e aí não parei mais ...

 

Mas sempre gostei de cinema ... quando tinha uns 12 anos , não trabalhava e estudava de manhã , quando tinha nada pra fazer de tarde , eu ficava o dia inteiro no cinema ... assistia as vezes 2,3 filmes de uma vez ...
Link to comment
Share on other sites

  • 8 months later...
Minha lembrança mais remota da minha infância é no cinema. Nem sei se aconteceu de fato' date=' pois é daquelas coisas que fica na sua mente sem você ter muita noção de como aconteceram de fato.

Mas me lembro de estar no cinema vendo Superman III. Daí em diante comecei a ver filmes, [/quote']

 

Eu também!13 A primeira memória de cinema na infância que tenho é o Superman III.1605

 

Na época (década de 80) era um guri que dava mais importância ao hype que ao filme em si. Não sei se isso mudou hoje em dia (06), mas enfim, acho que evoluí um pouquinho...
Link to comment
Share on other sites

Eu sempre gostei de ver filmes desde criança e olha que eu tinha uns 8 ou 10 anos e já assista Laços de Ternura (Sessão da Tarde)e me emocionava todo que era um drama mas curtia Tubarão,Superman,Star War,Caça Fantasma,Um Tira da Pesada e etç. me lembro que eu meu irmão(aversso a ir cinema) fomos assistir Mad Max  1 em 1986 foi assustador, mas sem dúvida depois que assisti Batman em 1989 eu fiquei fascinado definitivamente pelo cinema tanto que comprei revistas novas e antigas (Set) e vários guias de vhs e hoje dvd para estar sempre antenado aos filmes novos ou antigo graças ao estilo sombrio gótico do Tim Burton que confirmou toda sua irreverência nos extas makin of de Batman dvd duplo  que eu tenho 

Link to comment
Share on other sites

Foi em 2003, quando em um outro fórum (sobre reality shows), teve um tópico sobre o top 10 preferidos dos usuários. E tinha um carinha todo cult lá que citou um filme que me despertou interesse na hora ("One Flew Over the Cuckoo's Nest"). Eu aluguei o VHS do filme e adorei... Vi que o filme tinha vencido o Oscar, e logo me deparei com a lista de todos os vencedores do Oscar. Alguns me despertaram interesse na hora, como o vencedor de 1984, que curiosamente a minha professora tinha passado pra gente no primário, apesar de eu mal ter visto o filme. Era Amadeus, o segundo que aluguei, e que coincidência, era do mesmo diretor de Um Estranho no Ninho.

 

Logo passei a alugar 5 VHS por vez, a grande maioria vencedores ou indicados ao Oscar. Lógico que não demorou pra descobrir o lado negro dessa premiação, e eu passei a ficar cada vez menos tolerante com o cinema de hollywood. Em 2004 entrei na faculdade, comecei a ter aulas de história da arte e daí o meu gosto foi se lapidando, não só para os filmes com ambições mais artísticas como também para os deleites visuais, como As Bicicletas de Belleville, talvez a minha melhor experiência dentro de um cinema (especialmente porque a sala estava vazia).

 

Até hoje ainda busco conferir vencedores e indicados ao Oscar, mais por curiosidade do que qualquer outra coisa, mas a maior parte das minhas alugadas e idas ao cinema é para os filmes menos comerciais, com mais teor. Além é claro de nesse ano ter participado da Mostra SP, em evento totalmente imperdível, que vou fazer de tudo pra sempre acompanhar (sou capaz até de pedir demissão, se for necessário!06).
Link to comment
Share on other sites

O meu interesse por cinema veio, do modo como é hoje, precedido pelo meu envolvimento com filosofia. Minha visão para com os filmes que via se tornavam cada vez mais críticas. Mas, quando li um livreto de Rubens Ewald Filho (Os 100 Melhores Filmes do Século 20), passei a alugar os chamados "clássicos" e os filmes verdadeiramente bons de acordo com a visão da maioria dos cinéfilos. E, de lá pra cá, fazem apenas dois anos. O filme que mais me marcou essa mudança foi, sem dúvida, O Poderoso Chefão.

Link to comment
Share on other sites

Minha vizinha me convidou pra assistir Laranja Mecânica de noite na casa dela sozinha e ela era muito gata e tava me convindando e eu nem podia acreditar naquilo lol como pode, aí eu fui. Acho que foi a partir daí, e como o papai já gosta muito de cinema - mas não conhece muito, é verdade - ele me foi indicando umas coisas aew.

 

Link to comment
Share on other sites

Sessão da tarde dos anos 80,... eu era moleque, terminava o dever de casa, e dá-lhe filmes clássicos!!, isso eu tinha uns 5 pra 6 anos, como é q a gente naum fica viciado, assistindo indiana, guerra nas estrelas, curtindo a vida adoidado, só pérolas!!!16 Ps. Lembro quando a Globo passou Inigma do Outro mundo (do Carpenter) no supercine, inédito!! Putz, morri de medo desse filme, depois disso toda vez q tocava a musica de abertura do Supercine eu sentia arrepios, hehehe!!Giordanno2007-12-26 20:55:00
Link to comment
Share on other sites

 

Foram três fatores principais dos quais ainda me recordo: o primeiro, a ansiosíssima expectativa para a estréia de O Mundo Perdido, em 1997 - comecei a ler matérias sobre a produção e colecionar jornais que a mencionavam; a segunda, o Oscar 1998, que foi espetacular e me despertou para as diversas categorias de artistas que concorrem para a feitura de um filme; a terceira, por fim, foi a ida a um concerto cujo tema era as grandes músicas do cinema.

 

A semente estava plantada.

 

Gusmão_Raimundo2007-12-27 21:30:33

Link to comment
Share on other sites

Foram três fatores principais dos quais ainda me recordo: o primeiro, a ansiosíssima expectativa para a estréia de O Mundo Perdido, em 1197 - comecei a ler matérias sobre a produção e colecionar jornais que a mencionavam; a segunda, o Oscar 1998, que foi espetacular e me despertou para as diversas categorias de artistas que concorrem para a feitura de um filme; a terceira, por fim, foi a ida a um concerto cujo tema era as grandes músicas do cinema.

A semente estava plantada.

[/quote']

 

Cacete, o nome e o linguajar não são à toa... 060606

 

Não resisti... 0606060606
Link to comment
Share on other sites

Sempre gostei de filmes, bons e ruins, assistia todos, de Mad Max à Karate Kid. Sempre influenciado pelo gosto de meu Pai, que era muito bom, conheci muitos filmes bons e aprendi a gostar da 7° arte.

Hoje sou um admirador de cinema, assisto muitos filmes por semana e acho que uma das saídas para esse mundo ficar melhor é assistir mais e mais filmes, bons de preferências, pois se for pra assistir American Pie o mundo piora.

Inté!

 

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements


×
×
  • Create New...