Jump to content
Forum Cinema em Cena

Obituários (in memoriam)


Recommended Posts

CHRISTOPHER PLUMMER, DE UMA MENTE BRILHANTE E A NOVICA REBELDE, MORRE AOS 91 ANOS

Capa da Publicação

Hoje (5) o mundo do cinema perdeu um de seus maiores atores. Christopher Plummer, conhecido por filmes como O Informante, Uma Mente Brilhante e O Homem Que Queria ser Rei, morreu aos 91 anos. A notícia é do site Variety.

Astro é conhecido por longas como A Noviça Rebelde, Entre Facas e Segredos, entre outros
O ator Christopher Plummer, conhecido por filmes como A Noviça Rebelde (1965), Todo o Dinheiro do Mundo (2017) e Entre Facas e Segredos (2019), morreu aos 91 anos de idade. Segundo a Variety, ele morreu em casa na manhã de hoje (5) e estava ao lado da família.
"Chris foi um homem extraordinário, que amou e respeitou sua profissão profundamente, com hábitos antigos, humor autodepreciativo e a música das palavras. Ele era um tesouro nacional, que apreciava profundamente suas raízes canadenses. Por meio de sua arte e humanidade, ele tocou todos os nossos corações, e sua vida lendária vai perdurar pelas próximas gerações. Ele estará conosco para sempre", afirmou Lou Pitt, empresário do astro, em comunicado.
Plummer começou sua carreira profissional ainda na década de 50, fazendo participações em séries e filmes para a TV. Em 1964, fez o papel de Cómodo em A Queda do Império Romano e não parou mais, integrando o elenco de A Noviça Rebelde no ano seguinte. Nos anos 1970, fez Sir Charles Litton em A Volta da Pantera Cor-de-Rosa e Rudyard Kipling em O Homem que Queria ser Rei.
Nos anos 1980, esteve em filmes como Testemunha Fatal (1981), Highpoint - O Código da Morte (1982) e Fúria de Vencer (1986), além de integrar o elenco das minisséries Os Pássaros Feridos (1983) e Passageiros da Ilusão (1986). O ator começou a década de 1990 com os longas Onde está o Coração (1990) e Programada para Morrer (1990) e passou por séries como Berlin Lady (1991), Contra Ataque (1990-1993), Madeline (1990-1994) e As Novas Aventuras de Madeline (1995). 
Nos anos 2000, Plummer integrou o elenco de produções de sucesso, como Uma Mente Brilhante (2001), A Casa do Lago (2006), O Mundo Imaginário do Dr. Parnassus (2009) e Millennium: Os Homens que Não Amavam as Mulheres (2011).
O astro foi indicado ao Oscar três vezes, por A Última Estação (2009), Toda Forma de Amor (2010) e Todo o Dinheiro do Mundo (2017) e venceu em 2010 como melhor ator coadjuvante. Entre seus trabalhos mais recentes estão o já citado Entre Facas e Segredos, (2019), a série Departure (2019) e o filme Verdade e Honra (2019).
Além de todo o sucesso em séries e filmes, Christopher Plummer também venceu dois prêmios Tony de melhor ator na década de 70, se tornando um dos quatro astros do mundo a conseguir o feito. 
 

Link to post
Share on other sites
  • Replies 1.8k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

João Gilberto.  Não é cinema,  mas é uma perda inestimável.   

Posted Images

Mary Wilson, das Supremes, morre aos 76 anos

Uma das cantoras da formação original do trio, ao lado de Diana Ross e Florence Ballard, ficou no grupo até que ele foi oficialmente dissolvido pela Motown em 1977. Causa da morte não foi informada.

ap21040309360561.jpg

Mary Wilson, uma das cantoras da formação original das Supremes, morreu aos 76 anos. Wilson morreu na segunda-feira (8) à noite em sua casa, em Las Vegas, e a causa não foi informada, disse o publicitário Jay Schwartz.

"Fiquei extremamente chocado e triste ao saber do falecimento de um importante membro da família Motown Records, Mary Wilson das Supremes", disse o fundador da gravadora, Berry Gordy, em um comunicado na noite de segunda-feira, segundo a revista Variety. "As Supremes sempre foram conhecidas como as 'queridinhas da Motown’'".

"Sempre tive orgulho de Mary. Ela era uma grande estrela por seus próprios méritos e ao longo dos anos continuou a trabalhar duro para impulsionar o legado do Supremes. Mary Wilson foi extremamente especial para mim. Ela foi uma pioneira, uma diva e fará muita falta. Nossos sentimentos aos familiares de Mary durante este momento difícil", lamentou o empresário.

ap21040334599253.jpg

Wilson, Diana Ross e Florence Ballard foram a primeira formação do The Supremes. O grupo foi formado em 1959, quando Wilson tinha 15 anos de idade.

Ballard foi substituída por Cindy Birdsong em 1967, e Wilson ficou com o grupo até que ele foi oficialmente dissolvido pela Motown em 1977.

A primeira música do grupo com um milhão em vendas, "Where Did Our Love Go", foi lançada em 17 de junho de 1964. Em turnê na época, Wilson disse que houve um momento em que ela percebeu que tinham um hit.

https://g1.globo.com/pop-arte/musica/noticia/2021/02/09/mary-wilson-das-supremes-morre-aos-76-anos.ghtml

Link to post
Share on other sites

Larry Flynt, fundador da revista pornográfica 'Hustler', morre aos 78 anos

Da CNN*
11 de fevereiro de 2021 às 02:49
25504_61F1C1BA7CF6D5B3.jpg&width=400&hei
 

O editor da revista pornográfica Hustler, Larry Flynt Jr., morreu nesta quarta-feira (10) aos 78 anos, disse seu publicitário.

 

Flynt, sofrendo de vários problemas de saúde desde uma tentativa de assassinato em 1978 que o deixou paraplégico, morreu "do início recente de uma doença repentina", de acordo com Minda Gowen, porta-voz da Larry Flynt Publications, que dirige o negócio de entretenimento adulto fundado por ele.

Flynt morreu enquanto dormia no Cedars-Sinai Medical Center em Los Angeles, com sua esposa, Liz, e sua filha Theresa, ao lado de sua cama, disse Gowen em um comunicado.

Celebrado por alguns como um provocador da liberdade de expressão e insultado por outros como um aproveitador da exploração sexual e da misoginia, Flynt foi uma figura popular desde os anos 1970, quando foi fundada sua revista, que rivalizou com a Playboy e causou polêmica por trazer pornografia explícita.

Em 1996, a vida do empresário foi retratada no filme 'O Povo Contra Larry Flynt'.  

Biografia do empresário que causou polêmica nos EUA dos anos 1970 por popularizar a pornografia explícit

Na mais famosa das inúmeras batalhas jurídicas nas quais ele se envolveu, a Suprema Corte dos EUA proferiu uma decisão histórica em favor de Flynt em um processo por difamação movido contra ele pelo evangelista Jerry Falwell.

Flynt publicou um anúncio falso na Hustler que mostrava Falwell dizendo que seu primeiro encontro sexual foi com a mãe em um banheiro externo. Falwell abriu um processo de US  50 milhões e ganhou uma decisão de um tribunal inferior, mas em 1988 a Suprema Corte considerou o anúncio uma paródia e protegido pela Primeira Emenda.

Em sua autobiografia, Flynt que sua primeira experiência sexual foi com uma galinha e contou que fazia sexo a cada quatro ou cinco horas durante um dia de trabalho. Depois de ficar paralítico, o empresário fez uma cirurgia de implante peniano para que pudesse continuar a fazer sexo.

Flynt criou uma empresa com um faturamento estimado em US$ 150 milhões em determinado momento. Conforme a circulação das revistas diminuiu, ele manteve seu negócio rentável investindo em canais de televisão voltados para adultos, um cassino, distribuição de filmes e mercadorias.

https://www.cnnbrasil.com.br/entretenimento/2021/02/11/larry-flynt-fundador-da-revista-pornografica-hustler-morre-aos-78-anos

opovocontralarryflynt_01.jpg

10jan17a.jpg?w=640

 

Link to post
Share on other sites
  • 1 month later...

Yaphet Kotto, vilão de James Bond e ator de 'Alien', morre aos 81 anos

Esposa descreveu ator como 'lenda' em comunicado divulgado em rede social. Causa da morte não foi divulgada.

live-letdie.jpeg
 
 

O ator Yaphet Kotto, que ganhou fama nos anos 1970 como vilão de James Bond em "Com 007 Viva e Deixe Morrer" e também por sua participação em "Alien, O Oitavo Passageiro", morreu aos 81 anos na segunda (15).

Em um comunicado publicado no Facebook, sua esposa, Sinahon Thessa, descreveu o marido como uma "lenda".

"Você interpretou um vilão em alguns de seus filmes, mas para mim você é um verdadeiro herói e para muitas pessoas também", escreveu.

O agente Ryan Goldhar confirmou a morte em um e-mail à AFP, mas não revelou a causa do óbito.

yaphet-kotto.jpg

Nascido em Nova York, filho de um pai imigrante camaronês e de uma enfermeira do Exército americano, Kotto estreou como ator profissional em 1960 em uma representação teatral da obra de Shakespeare "Otelo" no Harlem.

O ator foi muito elogiado por seus papéis, incluindo o primeiro vilão negro de James Bond - o ditador Dr. Kananga em "Com 007 Viva e Deixe Morrer".

Ele também recebeu uma indicação ao Emmy por sua interpretação do ditador de Uganda, Idi Amin, no filme para a TV "Resgate Fantástico" (1976).

Depois interpretou o engenheiro espacial Dennis Parker no clássico da ficção científica "Alien, O Oitavo Passageiro", de Ridley Scott, e lutou ao lado de Arnold Schwarzenegger no thriller distópico de 1987 "O Sobrevivente".

https://g1.globo.com/pop-arte/cinema/noticia/2021/03/16/yaphet-kotto-vilao-de-james-bond-e-ator-de-alien-morre-aos-81-anos.ghtml

 

 

 
 
 
Link to post
Share on other sites
On 3/16/2021 at 12:28 PM, Jailcante said:

Yaphet Kotto, vilão de James Bond e ator de 'Alien', morre aos 81 anos

Esposa descreveu ator como 'lenda' em comunicado divulgado em rede social. Causa da morte não foi divulgada.

live-letdie.jpeg
 
 

O ator Yaphet Kotto, que ganhou fama nos anos 1970 como vilão de James Bond em "Com 007 Viva e Deixe Morrer" e também por sua participação em "Alien, O Oitavo Passageiro", morreu aos 81 anos na segunda (15).

Em um comunicado publicado no Facebook, sua esposa, Sinahon Thessa, descreveu o marido como uma "lenda".

"Você interpretou um vilão em alguns de seus filmes, mas para mim você é um verdadeiro herói e para muitas pessoas também", escreveu.

O agente Ryan Goldhar confirmou a morte em um e-mail à AFP, mas não revelou a causa do óbito.

yaphet-kotto.jpg

Nascido em Nova York, filho de um pai imigrante camaronês e de uma enfermeira do Exército americano, Kotto estreou como ator profissional em 1960 em uma representação teatral da obra de Shakespeare "Otelo" no Harlem.

O ator foi muito elogiado por seus papéis, incluindo o primeiro vilão negro de James Bond - o ditador Dr. Kananga em "Com 007 Viva e Deixe Morrer".

Ele também recebeu uma indicação ao Emmy por sua interpretação do ditador de Uganda, Idi Amin, no filme para a TV "Resgate Fantástico" (1976).

Depois interpretou o engenheiro espacial Dennis Parker no clássico da ficção científica "Alien, O Oitavo Passageiro", de Ridley Scott, e lutou ao lado de Arnold Schwarzenegger no thriller distópico de 1987 "O Sobrevivente".

https://g1.globo.com/pop-arte/cinema/noticia/2021/03/16/yaphet-kotto-vilao-de-james-bond-e-ator-de-alien-morre-aos-81-anos.ghtml

 

 

 
 
 

Nossa... o Yaphet morrendo foi um soco no estômago aqui... estava ótimo em Bond e em Alien... seu último trabalho foi justamente dublando Parker no jogo Alien - Isolation (que é espetacular, diga-se de passagem)

Link to post
Share on other sites

Ator George Segal, da série 'The Goldbergs', morre aos 87 anos

Indicado ao Oscar em 1966 pelo filme 'Quem Tem Medo de Virginia Wolf?', Segal teve uma longa carreira na televisão e no cinema desde os anos 60

image00002.jpeg

O ator americano George Segal, conhecido por sua longa carreira na televisão e cinema desde os anos 1960, morreu aos 87 anos. A informação foi confirmada por sua mulher, Sonia Segal, à revista americana "Deadline".

Segundo ela, o ator, que foi indicado ao Oscar em 1966 pelo filme "Quem Tem Medo de Virginia Wolf?", morreu em Santa Rosa, na Califórnia, por complicações após uma cirurgia de ponte de safena.

image00001.jpeg

Nascido em 17 de fevereiro em uma pequena cidade do estado de Nova York, ele teve seus primeiros papéis em produções teatrais da Broadway. Sua longa carreira no cinema inclui "O Corujão e a Gatinha" (1970), com Barbra Streisand, "A Duquesa e o Vilão" (1976), com Goldie Hawn, e "Adivinhe Quem Vem Para Roubar" (1977), com Jane Fonda. Em 1973, o ator venceu um Globo de Ouro por "Um Toque de Classe", em que atuou ao lado de Glenda Jackson.

Nos últimos oito anos, Segal se destacou por sua verve cômica com o personagem Albert "Pops" Solomon, na série "The Goldbergs". O programa estreou em 2013 e continua no ar na oitava temporada. O último episódio que Segal gravou está programado para ser exibido em abril e será transformado em uma homenagem ao ator.

image00003.jpeg

https://gshow.globo.com/Famosos/noticia/ator-george-segal-da-serie-the-goldbergs-morre-aos-87-anos.ghtml

Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Helen McCrory, de Harry Potter e Peaky Blinders, morre aos 52 anos

Helen McCrory | Harry Potter Wiki | Fandom

Causa da morte foi câncer, segundo marido da atriz

  •  
  •  
  •  
  •  
ARTHUR ELOI
16.04.2021
13h07

Helen McCrory, atriz de Harry Potter e de Peaky Blinders, morreu aos 52 anos de idade. A causa da morte foi câncer [via Variety].

A morte foi confirmada por Damian Lewis, marido de McCrory, que disse: “É com o coração partido que anuncio que, após uma heróica batalha contra o câncer, a bela e corajosa mulher que é Helen McCrory faleceu em seu lar, em paz, cercada por uma onda de amor de amigos e família. Ele morreu da mesma forma que viveu, sem medo algum. Nós a amamos e somos muito sortudos de tê-la em nossas vidas. Ela trilhou um caminho brilhante. Vá, minha pequena, em direção ao ar, e obrigado.

 

A atriz inglesa teve uma longa carreira nos palcos e no audiovisual britânico. Além de participações em grandes sagas como 007 e Doctor Who, seus papéis de destaque foram como Narcisa Malfoy, a mãe de Draco Malfoy, na franquia Harry Potter, e também a valente Tia Polly em Peaky Blinders. Ainda não é certo se ela chegou a gravar sua parte na temporada final da série da BBC e da Netflix.

Link to post
Share on other sites

a dubladora Ana Lúcia Menezes faleceu hoje dia 30 de abril ela era a dubladora da Ashoka de Star Wars , da Sam de i Carly , da Toph de avatar, da Gwen de ben 10 que deus a tenha.
Descanse em paz.

Dubladora Ana Lúcia Menezes morre aos 45 anos

dubladora-peppa-pig-morre-avc-filha-1.jpg

dubladora-peppa-pig-morre-avc-filha-1.jpg

Dubladora de "Peppa Pig", "iCarly" e "Rebelde", Ana Lúcia Menezes morreu nesta terça-feira, dia 20, aos 45 anos. A atriz pernambucana estava internada desde o último dia 13, quando sofreu um AVC, e ganhou uma homenagem da filha nas redes sociais, que confirmou o óbito.

"Esse texto estava preparado desde sexta. Eu já sabia. Você não voltou pra mim. Mas voltou para sua casa, seu lar, sua morada ao lado do nosso Pai. E estou grata a Deus por isso, grata a Deus por te levar para os braços Dele, grata a Deus por fazer. Não foi do nosso jeito, mas foi da maneira mais perfeita possível, como tudo que Ele faz. Você escreveu uma história aqui, e eu terei a obrigação de continuá-la porque sei que seria exatamente como você gostaria que eu fizesse. Você lutou até o último minuto, agora é hora de descansar e usufruir do que Deus preparou para ti. Eu te amo e sempre te amarei, até a eternidade", disse Bia Menezes.

A dubladora, que estava internada na Clínica São Vicente, na Gávea, Zona Sul do Rio de Janeiro, passou por uma cirurgia de emergência no domingo, dia 18. Como informou a revista "Quem", Bia Menezes chegou a fazer uma vaquinha para reunir doações para pagar a cirurgia.

Considerada uma das melhores dubladoras do Brasil, conhecida por seus trabalhos nas atrizes Amanda Seyfried e Kate Mara, além de Ahsoka Tano nas séries animadas de ‘Star Wars‘, Ana Lúcia Menezes morreu nesta terça-feira, 20 de abril, aos 45 anos.
De acordo com as informações divulgadas, a dubladora sofreu um AVC, e não resistiu.
Ana Lúcia Menezes também foi responsável pela voz de Gwen em ‘Ben 10‘, e Tônia em ‘Todo Mundo Odeia o Chris‘.
Fica aqui nossos sentimentos à família e amigos, e também um grande agradecimento por tantos trabalhos marcantes.

PS. Um detalhe muito importante. O AVC foi consequência de sequelas deixadas pelo Covid-19 que ela teve em outubro, segundo informação dada pelos próprios médicos que tratavam dela. O Covid deixou uma série de coágulos no cérebro que se acumularam. Infelizmente, a Ana Luiza foi mais uma vítima dessa terrível doença.

 

Link to post
Share on other sites

Mais uma dubladora:

IARA RIÇA, DUBLADORA DA ARLEQUINA, MORRE AOS 56 ANOS

Deixa um legado imenso na cultura brasileira.

legiao_AZKVI2TJ6jxO.jpg.jpeg

Iara Riça, uma das vozes mais icônicas da dublagem brasileira, faleceu hoje em decorrência de um aneurisma cerebral. A atriz e dubladora tinha 56 anos e estava em coma.

A confirmação veio através de Guilherme Briggs, que estava utilizando suas redes sociais para manter os fãs atualizados sobre o estado de sua amiga. Ele disse:

“Eu recebi a notícia que a nossa querida amiga e colega dubladora Iara Riça não resistiu ao aneurisma e teve morte cerebral, após passar vários dias em coma no hospital. Uma junta médica vai se reunir para os próximos passos. Eu peço, por favor, neste momento tão delicado e de dor, que todos os fãs se unam em orações, com muito amor e luz para nossa querida Iara, juntamente com meus amigos e colegas dubladores.”

Iara Riça era conhecida por ser a voz da Arlequina em praticamente todas as produções. Ela também é lembrada por ser a voz de Jean Grey em X-Men: Evolution. Entre outras produções, ela já trabalhou em Buffy, As Meninas Superpoderosas, Ben-10, A Princesa e o Sapo, Liga da JustiçaScooby-Doo.

legiao_IjuXwlraOEx4.jpg.jpeg

A LH lamenta o falecimento e lembrará eternamente do legado incrível que Iara Riça deixou em nossos corações.

https://www.legiaodosherois.com.br/2021/iara-rica-dubladora-falecimento.html

 

Link to post
Share on other sites

Atriz Olympia Dukakis morre aos 89 anos

Em 1988, Olympia ganhou o Oscar de melhor atriz coadjuvante pelo filme 'Feitiço da Lua'. Causa da morte não foi revelada.

Olympia Dukakis em foto de junho de 2019 — Foto: Theo Wargo/Getty Images North America/AFP/Arquivo

 

A atriz Olympia Dukakis morreu neste sábado (1º) aos 89 anos em Nova York, nos Estados Unidos. A causa da morte não foi revelada.

Em 1988, Olympia ganhou o Oscar de melhor atriz coadjuvante pelo filme 'Feitiço da Lua'.

A morte de Olympia foi confirmada pelo irmão dela, Apollo Dukakis, pelas redes sociais.

"Minha amada irmã, Olympia Dukakis, faleceu esta manhã na cidade de Nova York. Depois de muitos meses de saúde debilitada, ela finalmente está em paz e com seu Louis", escreveu Apollo.

Um dos trabalhos mais recentes de Olympia foi a série Crônicas de São Francisco, exibida pela Netflix.

ap21121710630762.jpg

ap21121710605381.jpg

https://g1.globo.com/pop-arte/noticia/2021/05/01/atriz-olympia-dukakis-morre-aos-89-anos.ghtml

Link to post
Share on other sites

Paulo Gustavo morre de Covid no Rio, aos 42 anos

Criador da personagem Dona Hermínia e um dos humoristas mais populares e admirados do Brasil, ele estava internado desde 13 de março. No domingo, horas após acordar e interagir com o marido, o ator sofreu uma embolia, da qual não conseguiu se recuperar.

Por G1 Rio

04/05/2021 22h04  Atualizado há 10 horas

O ator e humorista Paulo Gustavo, um dos artistas mais populares e admirados do país, morreu nesta terça-feira (4), aos 42 anos, vítima de Covid-19. Criador de Dona Hermínia e de outros personagens inesquecíveis no teatro, na TV e no cinema, ele estava internado desde 13 de março no Hospital Copa Star, em Copacabana, na Zona Sul do Rio

O quadro de saúde de Paulo Gustavo piorou na noite de domingo (2), quando sofreu uma embolia pulmonar. Antes, ele vinha apresentando melhoras significativas – chegou a ter redução de sedativos e bloqueadores e a interagir com médicos e com o marido, Thales Bretas.

Nesta terça, um novo boletim informou que o ator estava com quadro irreversível, mas mantinha os sinais vitais. Às 21h12, no entanto, foi constatada a morte do ator.

O G1 apurou que a direção do Theatro Municipal do Rio ofereceu o espaço para o velório do ator. Mas, até a última atualização desta reportagem, não havia confirmação oficial sobre o local ou o horário da cerimônia.

Com um estilo de humor acessível, baseado em cenas familiares e cotidianas, Paulo Gustavo conquistou o Brasil e teve uma trajetória de enorme sucesso, em produções como o campeão de bilheteria "Minha mãe é uma peça: O filme" (2013), que rendeu duas continuações. Lançado em 2019, o longa mais recente da triologia se tornou a comédia com maior público da história do cinema nacional.

Paulo Gustavo deixa o marido, Thales, e dois filhos pequenos, Gael e Romeu, além do pai, Júlio Marcos, da irmã, Juliana Amaral, e da mãe, Déa Lúcia Amaral, que inspirou a criação de Dona Hermínia.

Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Kentaro Miura, autor do célebre mangá 'Berserk', morre aos 54 anos

Segundo publicação da revista da editora japonesa Hakusensha no Twitter, o artista 'faleceu em 6 de maio vítima de uma dissecção da aorta'.

Kentaro Miura, autor do célebre mangá 'Berserk', morre aos 54 anos — Foto: Reprodução/Facebook
 

O japonês Kentaro Miura, autor da famosa série de mangá "Berserk", morreu recentemente aos 54 anos, anunciou nesta quinta-feira (20) a equipe da revista Young Animal, que publica a obra medieval-fantástica há mais de 30 anos.
Kentaro Miura "faleceu em 6 de maio vítima de uma dissecção da aorta", anunciou no Twitter a revista da editora japonesa Hakusensha, que apresentou condolências e expressou o "imenso respeito e gratidão".
Ambientado em um universo de "fantasia obscura", sombrio e apocalíptico, "Berserk" foi publicado pela primeira vez em 1989 e conta a história de Guts, um guerreiro solitário perseguido e que busca a vingança de seu ex-mestre. Publicada por episódios na revista Young Animal, "Berserk" era objeto também de uma distribuição em mangás. Os 40 volumes publicados até o momento venderam mais de 50 milhõess de exemplares em 15 países. Com sua violência gráfica e desenhos detalhados, "Berserk" influenciou outras produções culturais, como a série de jogos eletrônicos Souls.

Autor de 'Berserk', Kentaro Miura morre aos 54 anos - Geek - Diário do  Nordeste
Kentaro Miura foi homenageado em 2002 por "Berserk" no prestigioso prêmio cultural japonês Osamu Tezuka. A Dark Horse Comics, editora de quadrinhos americana, responsável pela distribuição de alguns dos trabalhos do artista, lamentou a morte de Miura e o descreveu como um mestre da arte e contador de histórias.

 

Miniatura

Miniatura

Link to post
Share on other sites

MARK YORK, DE THE OFFICE, MORRE AOS 55 ANOS

Capa da Publicação

O ator Mark York, conhecido por interpretar Billy Merchant na sitcom The Office, faleceu após uma doença repentina. De acordo com o TMZ, o ator morreu na semana passada em um hospital de Ohio, Estados Unidos.
A causa da morte não foi divulgada, mas o relato é de que a morte do artista veio muito rapidamente após a doença aparecer.
Mark, que era paraplégico, apareceu em alguns momentos memoráveis de The Office, sendo o mais divertido deles na segunda temporada, quando o personagem de Mark é trazido por Michael para para uma reunião de conscientização sobre deficiência.
Além de ator, Mark York era um inventor cujas invenções tinham obtido patentes recentemente. Ele deixou seu irmão, mãe e pai aos 55 anos.
image.png.6e48efa5fb0fa8c8b36e4e39a292e575.png

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

Announcements


×
×
  • Create New...