Jump to content
Forum Cinema em Cena

Roteiristas do CeC


SisterJack
 Share

Recommended Posts

Já escrevi roteiros para 2 curtas e estou ajudando uma amiga num terceiro roteiro (mas aí esse é dela)... Não que signifique muita coisa' date=' mas enfim...[/quote']

 

E como foi o resultado? Usou algum processo pra escrever?

 

Eu também já escrevi e filmei um curta, mas não foi editado ainda (provavelmente será em Janeiro). Foi difícil construir um roteiro interessante, instigante e que conformasse com o nosso ultra-micro-orçamento e nossa (falta de) disponibilidade de atores/cenários/tempo. Sem falar que eu morro de medo de dialogo em português, e como não iamos usar atores profissionais (nem amadores; foram amigos convidados mesmo), a idéia teria que ter a menor quantidade de diálogo possível.

 

Com todas essas gigantescas restrições, eu demorei uns 2 meses (com o meu co-roteirista) pra chegar a uma trama decente e que valesse a pena filmar.

 

Já a filmagem em si, foi um desastre. Mas isso é pra outro tópico.

 

Sou péssima até em redação de temas atuais' date=' quanto mais em roteiro cinematográfico...08 [/quote']

Você tem alguma aspiração a roteirista, ou só postou aqui pra tranquilizar a gente?

 

01
SisterJack2006-12-19 18:09:29
Link to comment
Share on other sites

Eu tenho muitas idéias' date=' visualizo cenas ou algo parecido, principalmente de sonhos.

 

O meu problema é justamente o "roteiro" e o que eu precisaria para encaixar ali no meu cenário/sonho/idéia.

 

Acho que ninguém entendeu nada, mas é isso aí.
[/quote']

 

Filme sem script, visualize o mood das coisas, depois pensa nos temas e etc, como diria o Kubrick.

 

Já escrevi/ produzi/ dirigi dois curtas risíveis de menos de 5 minutos cada um. O roteiro de um tinha três páginas, e o de outro, tinha uma só.

 

Meu irmão me pediu pra eu tentar colocar ele e uns amigos dele num filme de gângster a uns 3 meses, e eu não passei da primeira página do roteiro por falta de compromisso, e também por achar tudo uma merda.

 

Mas se um dia eu for fazer alguma coisa séria, eu filmo algo aleatório em torno de alguns temas e depois desenvolvo a idéia pra ver o bicho escroto que dá.

 

Aliás, um dos meus pseudo-curtas começou com um desenho que um amigo fez. Aí eu criei uma história em torno dele, e por aí foi...
rubysun2006-12-28 03:18:26
Link to comment
Share on other sites

Mas se um dia eu for fazer alguma coisa séria' date=' eu filmo algo aleatório em torno de alguns temas e depois desenvolvo a idéia pra ver o bicho escroto que dá.[/quote']

 

Sem ofensas, mas eu diria que essa é uma idéia muito, muito ruim, a não ser que você queira acabar com um daqueles curtas ultra-pretesiosos e idiotas que estudantes de cinema fazem na faculdade. Até o Wong Kar-Wai e o Lynch filmam com "roteiros", por mais que eles digam que não. Ambos tem idéias bem fortes do que querem antes de porem a camera na mão.

 

Há algo muito valoroso e satisfatorio em conseguir terminar um roteiro bem estruturado, detalhado, perspicaz, com ritmo e emoção e um tema desenvolvido, etc. E eu acho uma idéia muito melhor que aspirantes à cineastas comecem tentando fazer filmes tradicionais baseados em estruturas clássicas de narrativa antes de começarem a "experimentar." Primeiro Wilder, depois (se quiser) Godard.

 

PS: O Kubrick é exatamente o tipo de cineasta que se preocupava tremendamente com temas. Inclusive, ele só adaptava livros onde havia espaço para expô-los com clareza.
SisterJack2006-12-28 09:46:32
Link to comment
Share on other sites

E como foi o resultado? Usou algum processo pra escrever?

 

O processo normal... eu já tinha alguns lances da trama na cabeça (no que se refere ao primeiro roteiro que escrevi), então não foi realmente difícil.

 

Já o segundo roteiro foi uma adaptação de um conto que uma amiga escreveu... Esse teve um pouco mais de dificuldade, pq o conto é meio surreal, sonhos dentro de sonhos, passagens que vc acha que é sonho e é realidade e vice-versa...

 

Não filmei nenhum dos dois pq não tenho o equipamento básico (câmera, alguém?) e não tenho dinheiro e, como trabalho quase o dia todo, não sobra muito tempo para fazer. Mas eles estão aqui guardados no PC... Quem sabe um dia...
Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

Nem queria falar isso aqui, mas...

 

Em 2002, eu tive uma idéia de um filme (não foi planejado, veio do nada a idéia), e tive que colocar em forma de roteiro (tive que vomitar mesmo a budega no papel). Acabei gostando do processo e imendei mais 2. Mas foi só por brincadeira mesmo, hobby. Nada sério (tanto que li só um livro pra saber como se faz um roteiro).

 

Deixo eles guardados no PC, mas vira e mexe, eu resolvo mexer neles (cada um deles está já no 4º Draft). O 1º foi o mais trabalhoso porque tive muitas idéias pra ele e não consegui resumir. Queria deixar com umas 100 páginas no máximo, mas até hoje o mínimo que consegui foi 134.

 

Nunca poderia virar profissional, mas como disse gostei do processo de se fazer. É muito difícil, mas no fim quando se termina não tem coisa melhor!
Link to comment
Share on other sites

Nem queria falar isso aqui' date=' mas...

 

Em 2002, eu tive uma idéia de um filme (não foi planejado, veio do nada a idéia), e tive que colocar em forma de roteiro (tive que vomitar mesmo a budega no papel). Acabei gostando do processo e imendei mais 2. Mas foi só por brincadeira mesmo, hobby. Nada sério (tanto que li só um livro pra saber como se faz um roteiro).

 

Deixo eles guardados no PC, mas vira e mexe, eu resolvo mexer neles (cada um deles está já no 4º Draft). O 1º foi o mais trabalhoso porque tive muitas idéias pra ele e não consegui resumir. Queria deixar com umas 100 páginas no máximo, mas até hoje o mínimo que consegui foi 134.

 

Nunca poderia virar profissional, mas como disse gostei do processo de se fazer. É muito difícil, mas no fim quando se termina não tem coisa melhor!
[/quote']

 

Já mostrou para alguém da área? Porque, mesmo que não dê certo, você pode dar outro destino a eles. Talvez reescrevê-los e mantê-los no papel.
Link to comment
Share on other sites

Mas se um dia eu for fazer alguma coisa séria' date=' eu filmo algo aleatório em torno de alguns temas e depois desenvolvo a idéia pra ver o bicho escroto que dá.[/quote']

 

Sem ofensas, mas eu diria que essa é uma idéia muito, muito ruim, a não ser que você queira acabar com um daqueles curtas ultra-pretesiosos e idiotas que estudantes de cinema fazem na faculdade. Até o Wong Kar-Wai e o Lynch filmam com "roteiros", por mais que eles digam que não. Ambos tem idéias bem fortes do que querem antes de porem a camera na mão.

 

Há algo muito valoroso e satisfatorio em conseguir terminar um roteiro bem estruturado, detalhado, perspicaz, com ritmo e emoção e um tema desenvolvido, etc. E eu acho uma idéia muito melhor que aspirantes à cineastas comecem tentando fazer filmes tradicionais baseados em estruturas clássicas de narrativa antes de começarem a "experimentar." Primeiro Wilder, depois (se quiser) Godard.

 

PS: O Kubrick é exatamente o tipo de cineasta que se preocupava tremendamente com temas. Inclusive, ele só adaptava livros onde havia espaço para expô-los com clareza.

 

Mesmo banido, lendo isso ou não, vou dizer que quando disse aquilo eu tava meio puxado pq tinha acabado de ver o meu primeiro Godard. 06

 

Mas eu me expressei mal: usaria imagens pra pegar inspiração pra escrever, em outras palavras.
Link to comment
Share on other sites

Nem queria falar isso aqui' date=' mas...

 

Em 2002, eu tive uma idéia de um filme (não foi planejado, veio do nada a idéia), e tive que colocar em forma de roteiro (tive que vomitar mesmo a budega no papel). Acabei gostando do processo e imendei mais 2. Mas foi só por brincadeira mesmo, hobby. Nada sério (tanto que li só um livro pra saber como se faz um roteiro).

 

Deixo eles guardados no PC, mas vira e mexe, eu resolvo mexer neles (cada um deles está já no 4º Draft). O 1º foi o mais trabalhoso porque tive muitas idéias pra ele e não consegui resumir. Queria deixar com umas 100 páginas no máximo, mas até hoje o mínimo que consegui foi 134.

 

Nunca poderia virar profissional, mas como disse gostei do processo de se fazer. É muito difícil, mas no fim quando se termina não tem coisa melhor!
[/quote']

 

Já mostrou para alguém da área? Porque, mesmo que não dê certo, você pode dar outro destino a eles. Talvez reescrevê-los e mantê-los no papel.

 

[George McFly Mode on]

 

Mas e se eles não gostaram e disserem que não sou bom? Não conseguiria viver com esse tipo de rejeição.

 

[George McFly Mode Off]

 

06 Brincadeira. Mas, já que comecei a contar... Eu já tentei (em 2004) mandar pro cara do avatar, mas, claro, que não deu nada (voei alto por um momento, fazer o quê?).  

 

A única coisa que estou pensando em fazer agora, é uma nova revisão nos textos e registrar (writters guild of america). Talvez...
Jailcante2007-01-10 09:38:36
Link to comment
Share on other sites

O SisterJack foi banido? Mas porque?

Aqui ninguém avisa nada aos users não?

 

Banido por ter conta dupla.

 

Não sei, o que vc queria? Um aviso no topo do fórum que o fulano foi banido? 06 Mods postando avisos em todos os tópicos que derem na telha? Acho que não é muito viável se comparado com as utilidades...
Link to comment
Share on other sites

O que aconteceu é que ele era muito à vontade, tem 15 dias de cadastro. Aí foram verificar o IP, e ele era o Folco. Folco é um cara que tem não sei quantas mil contas e vários fóruns. Já teve umas 3 contas banidas aqui.

 

Uma vez eu vi num outro fórum um tópico em que tinham uns 3 Folcos tretando. 06
Link to comment
Share on other sites

  • 1 month later...

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...