UA-130521384-1 Jump to content
Forum Cinema em Cena
Código (F)

Eu Sou A Lenda - (I Am Legend)

Recommended Posts

Comentários sobre o que está sendo comentado:

 

- gostei da maneira como foi retratada a solidão do personagem e todo o caos emocional que o personagem passou a ter com os anos de isolamento. Will Smith manda muito bem ... a interação com a cadela, os manequins, o sua "fúria" e a cena do "Shrek" equilibram a equação pra mostrar o impacto que ela situação provoca nele e o peso das coisas que ele perde durante o caminho;

 

- eu não especularia muito sobre a inteligência dos "vampiros-zumbis" (péssimos efeitos digitais), acho que o filme fornece informações para crermos nisso, mas precisaria acompanhar essa evolução (mais uma vez precisamos aceitar que pelo fato de apenas uma das criaturas mostrar uma certa "racionalidade", essa condição valeria pra todos). Com relação ao manequim foi Robert que o colocou lá e no meu entendimento a armadilha foi feita pelo próprio. No meio daquele caos emocional era possível que ele não se lembrasse, se distraiu e caiu na própria armadilha.

 

- existiam mil e uma maneiras pra se terminar o filme ... eles escolheram a pior ... é como falaram ... quais são as garantias que temos sobre as conclusões e escolhas de Neville? Nenhuma. Acho que o roteiro se encontrou na mesma situação sem saída de "Matrix Revolutions" e terminou de uma maneira muito fraca. A condição de "lenda" é balela ... melhor seria se anos mais tarde com a descoberta da cura, os sobrevivente chegassem a NY devastada e encontrasse as gravações de Neville para que tomassem conhecimento tb dos seus esforços para salvar a humanidade.

 

Enfim, o resultado é morno. Gostei, mas tive aquela sensação de que o filme poderia ser muito melhor, principalmente qdo se concentra no drama do personagem.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Questões filosóficas a parte.... foi só eu' date=' ou mais alguém aqui achou os "vampiros" parecidíssimos como os andróides do filme "Eu, Robô"? Até o olhar pálido e os movimentos/saltos lembram demais. [/quote']

 

Eu achei eles parecidos com o Inhotep... 06

Share this post


Link to post
Share on other sites
Questões filosóficas a parte.... foi só eu' date=' ou mais alguém aqui achou os "vampiros" parecidíssimos como os andróides do filme "Eu, Robô"? Até o olhar pálido e os movimentos/saltos lembram demais.

 

Não gostei dos 'vampiros' serem feitos em CGI. 07

 

E alguém aqui já leu o livro? Esses "vampiros" são do jeito que são retratados no filme? Meros mortais doentes? O filme teria sido bem melhor se retratasse vampiros clássicos (mortos-vivos).
[/quote']

Agora que você falou eu fui perceber,mas eles se parecem muitos com os robos de Eu.Robô.Eles andam iguais aos robôs de lá,de quatro.

 

Sim,eu lí o livro e digo,não.O livro mostra vampiros clássicos mesmo,com direito a alho,estaca,espelho,cruz,durante o dia eles ficam em coma etc.....Aliás,no livro Neville faz uma colocação interessante:Será que uma pessoa que era mulçumana,budista,ou atéia,teria medo da cruz?

Os vampíros falam(Eles ficam envolta da casa dele falando:"Neville sai daí!").

 

Edit:A crítica do Krivochein está muito engraçada,mas discordo dele.(Só concordo na cena da malhação,totalmente inútil).
Rafal2008-01-25 09:15:27

Share this post


Link to post
Share on other sites
 Putz!!! O Krivochein se superou e CAGOU no filme e' date=' principalmente, em Will Smith... 13

 Dêem uma olhada:

 

 

 Mais uma que vai ficar pra ser conferido em DVD...   
[/quote']

 

O Krivochein parece que vive em mundo paralelo ... tamanha a sua excêntrica e astúcia e percepção do mundo a seu redor ... 06

 

Ok, é estranho ver Will Smith se filiando a Cientologia ... embora ache que soa meio conspiratório as teorias do Bernardo ... mas eu reconheço ... sou fã do carisma de Smith.03

Share this post


Link to post
Share on other sites
É ridículo? Lógico que sim. Assim como em Bug (do Friedkin)' date=' Eu Sou a Lenda não se importa se provoca o riso involuntário já que este viria de qualquer maneira a partir da premissa que concebe (cara enlouquecendo por causa da solidão). Mas este ridículo ajuda a construir a personagem de Smith de maneira muito boa. Quer dizer, o ataque que ele tem com o manequim (sem dúvidas ele que os pôs ali) é ridículo, mas é um ridículo de dar pena (propositalmente) e que reflete a (in)sanidade mental da personagem. É bem bom sim.

 

Ah, e acho Eu Sou a Lenda e Náufrago são equivalentes no que diz respeito à qualidade.
[/quote']

 

Porque a premissa "cara enlouquecendo por causa da solidão" provoca riso involuntário ? Pelo que já foi falado em alguns outros lugares, senão me engano, essa é uma situação mais do que comum, e abre território pra um baita filme, quando sabe utilizar bem desse argumento.

 

O "riso involuntário" presente pra mim em algumas cenas do filme tá longe de vir disso aí, tanto que o primeiro ato é de longe o mais interessante.

 

Porque expõe o ser humano a uma de suas maiores fraquezas: a solidão. Com isso, situações como a dos manequins pode vir a acontecer. O mesmo ocorreu em Náufrago com a bola Wilson.

 

Então o riso involuntário vem de onde, Beckin? E só por causa disso o primeiro ato é o mais interessante? Por quê?

 

continuo não concordando com aquela tua frase que eu negritei, não vejo nada de riso invonluntário nessas situações...

 

Claro que não, eu não disse isso, apenas coincidentemente essa parte é a melhor do filme, porque a partir do momento em que a personagem da alice braga entra na história... trazendo uma enxurrada de diálogos ruins, final cheesy e por aí vai é onde o tal riso se encontra

 

 
Beckin2008-01-25 19:10:46

Share this post


Link to post
Share on other sites
É ridículo? Lógico que sim. Assim como em Bug (do Friedkin)' date=' Eu Sou a Lenda não se importa se provoca o riso involuntário já que este viria de qualquer maneira a partir da premissa que concebe (cara enlouquecendo por causa da solidão). Mas este ridículo ajuda a construir a personagem de Smith de maneira muito boa. Quer dizer, o ataque que ele tem com o manequim (sem dúvidas ele que os pôs ali) é ridículo, mas é um ridículo de dar pena (propositalmente) e que reflete a (in)sanidade mental da personagem. É bem bom sim.

 

Ah, e acho Eu Sou a Lenda e Náufrago são equivalentes no que diz respeito à qualidade.
[/quote']

 

Porque a premissa "cara enlouquecendo por causa da solidão" provoca riso involuntário ? Pelo que já foi falado em alguns outros lugares, senão me engano, essa é uma situação mais do que comum, e abre território pra um baita filme, quando sabe utilizar bem desse argumento.

 

O "riso involuntário" presente pra mim em algumas cenas do filme tá longe de vir disso aí, tanto que o primeiro ato é de longe o mais interessante.

 

Porque expõe o ser humano a uma de suas maiores fraquezas: a solidão. Com isso, situações como a dos manequins pode vir a acontecer. O mesmo ocorreu em Náufrago com a bola Wilson.

 

Então o riso involuntário vem de onde, Beckin? E só por causa disso o primeiro ato é o mais interessante? Por quê?

 

continuo não concordando com aquela tua frase que eu negritei, não vejo nada de riso invonluntário nessas situações...

 

Claro que não, eu não disse isso, apenas coincidentemente essa parte é a melhor do filme, porque a partir do momento em que a personagem da alice braga entra na história... trazendo uma enxurrada de diálogos ruins, final cheesy e por aí vai é onde o tal riso se encontra

 

Então vc é o único (ou um dos poucos), pois na minha sala a maioria riu. Eu não ri, pois levava o filme com seriedade.

 

Pelo contrário, nessa parte é onde eu lamento a burrice dos realizadores.0909
Bernardo2008-01-25 19:19:11

Share this post


Link to post
Share on other sites

Achei a a resenha do Bernardo fantástica. Os dois últimos paragrafos fazem um resumo perfeito do filme. E se ele é um babaca que sabe soletrar, uma pena ter que conviver com os que não sabem...

 

Dead, veja mesmo em dvd. Quem sabe a decepção não será menor...

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom, acho que aquela armadilha com o manequim foi apresentada pra pensarmos que quem a tinha feito foram os infectados semi-racionais. Mas não tem muito sentido, já que:

 

 

 

1. Neville desmaia (sabe-se lá porquê) e vai acordar no final da tarde, com a Samantha fazendo um escândalo. Nesse meio tempo já tava mais do que na hora dos zumbis que, supostamente estavam esperando a luz ir embora, aparecerem e devorarem a cabeça do pobre-coitado e da sua cachorrinha.

 

 

 

2. Mesmo que não estivessem esperando no local, o escândalo da cachorra os chamaria. Bom, pelo menos chamou os cães-zumbis. Por que diabos só eles atacaram os dois? Onde estavam os amorosos "donos"?

 

 

 

É. Acho que a armadilha pode ter sido criada pelo próprio Neville sim. Pelo menos evita alguns fatos inexplicáveis.

 

 

 

Ah, um comentário: Quem seria estupidamente ignorante e inculto o suficiente pra não conhecer Bob Marley? Uma brasileira. 06.gif

 

 

 

-- Edit --

 

 

 

Agora que li a crítica do Bernardo Krivochein, e até agora me pergunto: O que ele tem contra Will Smith? 06.gifdark_angel2008-01-26 19:02:30

Share this post


Link to post
Share on other sites

A armadilha que o Neville cai é totalmente diferente da que ele constrói antes:

 

. A armadilha dele consiste em chamar atenção dos infectados com sangue, colocar um saco preto no escuro que os captura, e então Neville o nocauteia imediatamente após.

 

. A armadilha que ele cai não tem um saco, e está em plena luz do sol.

Neville queria capturar infectados para experiências. Porque ele faria uma armadilha do lado de fora de um prédio? A única chance de um infectado cair seria a noite, quando o Neville estivesse trancado em casa. Quando ele fosse verificar de manhã, ou o infectado teria se soltado (pela força) ou teria sido morto pelo sol.

Pra mim está bem claro que (alguns) infectados têm uma inteligência reminiscente. O "chefe" encara o Neville quando ele captura a fêmea, solta os cachorros, e investe contra a parede de vidro com determinação, como se quisesse alcançar um objetivo.

Os infectados estão muito mais para animais (no sentido que têm um senso de coletividade, além de um certo nível cognitivo) do que para zumbis (que simplesmente andam a esmo).

Share this post


Link to post
Share on other sites

A armadilha que o Neville cai é totalmente diferente da que ele constrói antes

 

Eu sei.

 

 

 

Mas alguém escreveu algo dizendo que a armadilha em que ele caiu poderia ter sido feita por ele mesmo, mas provavelmente deve ter se esquecido dela (já que ele tá meio 'tan-tan' por estar há tanto tempo sozinho) e caído na própria armadilha.

 

 

 

Mas como você apontou, de fato não teria motivo pra ele ter feito aquela armadilha, já que se algum infectado caísse nela, pela manhã já estaria morto.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu acredito que a armadilha é do próprio Neville ... quem garante que não havia sangue no manequim, colocado estrategicamente próximo à armadilha ??? Quem garante que ele fazia todas as armadilhas exatamente do mesmo jeito ??? Ele fez a armadilha, usou o manequim pra chamar a atenção dos "vampiros-zumbis", mas caiu nela própria ...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Assisti o filme nessa última sexta feira. Minhas impressões são essas:

 

Positivos:

Will Smith

Cadela Sam

Cenas de caçada

NY vazia

Alice Braga, quanto atuação

Negativos:

O personagem de Alice, uma brasileira alienada

Os monstros em CGI, erro gravíssimo. Humanos seriam mais interessantes;

Ainda com os monstros, não se estabelece uma relação com ninguém, não se sabe se existe um líder, o nível de inteligencia, etc

Final totalmente furado: Neville escaparia facilmente pelo mesmo caminho onde escaparam a mina e o garoto. Alias, eu sou a lenda não justifica o filme e sim, o livro. Neville talves seja uma lenda por ter descoberto a cura, mas nada a ver com o sentido da "lenda" dado pelo livro.

Bem, não parei por aí e como ouvi falar de um final alternativo, baseado no livro, corri atrás do livro na internet e acabei lendo ele todo em um tapa só. Realmente, o filme é levemente inspirado no livro, mas não tem muito a ver com o filme.

Alias, o livro é muito interessante, daria um belo e mais interessante filme.

Alguem aqui leu o livro?

 

Gostaria de discuti-lo com alguém, e tentar advinhar como seria tal final alternativo. Alguem leu o livro e quer discuti-lo?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alexander Bell, o filme e as criaturas nada tem a ver com o filme, infelizmente.

Rafal, vc q leu o livro, como acha que pode ser o final alternativo? Anna como Ruth, aquela mezzo criatura? Seria até fato, pq em momento nenhum ela se expoe direto no sol, etc...seria até associável. O que voce acha?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Li num fórum que o final alternativo do filme é o seguinte:



O Dr. Neville entrega a mulher que estava sendo curada para os darkseekers. Eles só teriam ido na casa dele para resgatar a mulher. Daí, eles vão embora e o Neville vai para a colônia com a Anna e o Ethan.

< =1.2 =text/>

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Gostei, tirando os zumbis ninjas digitais (poderiam ter feito

maquiagem, ou, mostrado bem menos, como aconteceu em algumas cenas) e o

final pomposo e fácil demais. Nem os sustos fáceis me desagradaram. A

melhor coisa do filme é a cadela e me chamou a atenção também a

construção do clima de algumas cenas.

 

8/10

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Engraçado essa discussão sobre a origem da armadilha. Só parei pra pensar nisso hoje, qdo um colega comentou comigo. Quando assisti o filme, nem parei pra "filosofar", na mesma hora assimilei que a armadilha era do próprio Neville, que por estar "tan-tan", se esqueceu dela.

 

O que me deu essa impressão foi o mesmo "modus operandi" da armadilha anterior: cabo de aço preso a um carro. Não acho que o líder dos vampiros tivesse inteligência suficiente para isso. E creio que Neville espalhou várias armadilhas pela cidade, como fez com os explosivos em torno da sua casa. Ou seja, não apenas para capturar, mas pra matar tb.

 

E como disse esse meu colega, era pra ter luz ultravioleta dentro da casa dele, inclusive apontado pra fora do quintal. Ajudaria muito, já que os holofotes foram rapidamente destruídos. 06

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alexander Bell' date=' o filme e as criaturas nada tem a ver com o filme, infelizmente.

Rafal, vc q leu o livro, como acha que pode ser o final alternativo? Anna como Ruth, aquela mezzo criatura? Seria até fato, pq em momento nenhum ela se expoe direto no sol, etc...seria até associável. O que voce acha?

[/quote']

Não sei se colocariam toda a estória dos infectados que se adaptaram.O que acho que deve ser esse outro final alternativo têm mais haver com a cura e em mostrar (mais) algum traço de inteligência e humanidade nas criaturas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Engraçado essa discussão sobre a origem da armadilha. Só parei pra pensar nisso hoje' date=' qdo um colega comentou comigo. Quando assisti o filme, nem parei pra "filosofar", na mesma hora assimilei que a armadilha era do próprio Neville, que por estar "tan-tan", se esqueceu dela.

 

 

O que me deu essa impressão foi o mesmo "modus operandi" da armadilha anterior: cabo de aço preso a um carro. Não acho que o líder dos vampiros tivesse inteligência suficiente para isso. E creio que Neville espalhou várias armadilhas pela cidade, como fez com os explosivos em torno da sua casa. Ou seja, não apenas para capturar, mas pra matar tb.

 

 

E como disse esse meu colega, era pra ter luz ultravioleta dentro da casa dele, inclusive apontado pra fora do quintal. Ajudaria muito, já que os holofotes foram rapidamente destruídos. 06
[/quote']

 

Eu lembro que quando ele caiu na armadilha eu tive bastante dúvida. Perguntei pro meu namorado "Quem fez essa armadilha?" Ele: "Ué, os monstrengos."

 

Na hora eu nem discuti, porque considerei, assim como ele, que os monstros "aprenderam" com a armadilha do Neville.

Share this post


Link to post
Share on other sites
A armadilha que o Neville cai é totalmente diferente da que ele constrói antes:

 

. A armadilha dele consiste em chamar atenção dos infectados com sangue' date=' colocar um saco preto no escuro que os captura, e então Neville o nocauteia imediatamente após.

 

. A armadilha que ele cai não tem um saco, e está em plena luz do sol.

Neville queria capturar infectados para experiências. Porque ele faria uma armadilha do lado de fora de um prédio? A única chance de um infectado cair seria a noite, quando o Neville estivesse trancado em casa. Quando ele fosse verificar de manhã, ou o infectado teria se soltado (pela força) ou teria sido morto pelo sol.

Pra mim está bem claro que (alguns) infectados têm uma inteligência reminiscente. O "chefe" encara o Neville quando ele captura a fêmea, solta os cachorros, e investe contra a parede de vidro com determinação, como se quisesse alcançar um objetivo.

Os infectados estão muito mais para animais (no sentido que têm um senso de coletividade, além de um certo nível cognitivo) do que para zumbis (que simplesmente andam a esmo).
[/quote']

Realmente...estes pontos levantados só me fazem acreditar mais que foram os zumbis que fizeram a armadilha....

Até porque,se o Neville colocou sangue no manequim,quando os zumbis começarem a andar pelas as ruas o sangue já estaria coagulado,ou seja,não seria mais um atrativo para os zumbis.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu sou da opinião que foi ele que fez a armadilha ... mas considerando que ele queria os zumbis pra fazer testes ... e considerando que ao prender um zumbi ele o perderia assim que o Sol aparecesse ... tornaria inválido ... esse foi o comentário de uma colega minha que achei pertinente ... talvez as duas versões tenham seus furos ... 09Thiago Lucio2008-01-29 13:17:11

Share this post


Link to post
Share on other sites
Eu sou da opinião que foi ele que fez a armadilha ... mas considerando que ele queria os zumbis pra fazer testes ... e considerando que ao prender um zumbi ele o perderia assim que o Sol aparecesse ... tornaria inválido ... esse foi o comentário de uma colega minha que achei pertinente ... talvez as duas versões tenham seus furos ... 09

Além do que a armadilha dele simplesmente não funcionaria para nada...a "isca" usada na armadilha(O manequim) na atrae zumbi e,mesmo que ele tenha colocado sangue no manequim,até que a noite chegue para os zumbis sairem de suas tocas,o sangue teria coagulado e,sendo um cientista como o Neville era ele saberia disto.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×