Jump to content
Forum Cinema em Cena

Liga da Justiça


Recommended Posts

  • Replies 4k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Ele é bem mais alto que o Cavill se não me engano. Será que para um filme da Liga o Super não teria que ser o personagem mais alto?(sei que posso estar falado uma besteira) 

Eu prefiro que o Lanterna do filme seja o Hal Jordan também.     Agora proponho uma análise diferente. É a análise de um velho arco de histórias da Liga datado da década de 70, que apesar de ter as

Eu votaria no Brad Bird, gostei do último MI e acho que ele seguraria a barra de uma equipe, principalmente em explorar o trabalho em grupo com poderes diferente (Os incríveis). Eu não espero um filme

Liga da Justiça | Filme deve ser lançado em 2015

 

 

O super embate entre os heróis da DC Comics e da Marvel Comics acontecerá em 2015. Nada de mais um crossover meia boca nos quadrinhos, com decisões duvidosas (Lobo, alguém?) e sim, o duelo nos cinemas.

Segundo uma fonte anônima de um malandro do L.A. Times, aWarner planeja começar as filmagens já em 2013 e o lançamento está previsto para a metade 2015.

E o que isso significa? Que o filme da Liga chegará no mesmo ano de Os Vingadores 2, que tem estreia marcada para 1º de maio de 2015. Ou seja teremos o maior super grupo de heróis do planeta medindo força nas bilheteria com o super grupo de heróis da Marvel no mesmo período.

A discussão sobre os filme já gerou até um gráfico comparativo entre as bilheterias e com os dois filmes chegando no mesmo ano a competição promete ficar ainda mais acirrada.

O roteiro de Liga da Justiça será escrito por Will Beall (de Caça aos Gângsteres) e o filme ainda não te um diretor definido.

Link to post
Share on other sites

Olá pessoal!!!

 

Depois de penar um pouco pra tentar reativar minha conta - sem sucesso - havia desistido, mas com o anúncio oficial da estréia de LJA não resisti!!!

 

E como bem disse o Primo é rezar para que a WB tenha aprendido a lição!!!

 

Quanto ao elenco, achei bem interessante a escalação que a Liv postou na página anterior, na qual eu faria as seguintes alterações:

 

- Batman = Josh Hartnett ou Liam McIntyre- Bale não volta;

 

- Lanterna = Bradley Cooper - já era o preferido pelos fãs para o papel de Hal, antes do Ryan "I know right?" Reynolds ser contratado.

Link to post
Share on other sites

Em relação ao talento, não sei no que essa Amanda seria superior à Jessica, que, pelo menos, tem uma beleza exótica (que acho que a MM requer).

 

Gostei da Biel em Vingador do Futuro (apesar do filme ser uma bosta), ela vai bem nas cenas de ação e é ao mesmo tempo sensível.

 

Se este filme sair mesmo em 2015, nada contra a volta do Reynolds, aquela minha lista foi apenas idealizada mesmo.

 

Sou a favor dos filmes-solo antes.

Link to post
Share on other sites

Eu já acho que estes heróis dispensam introduções ou filmes solos, porque são os mais populares, e digo mais ainda, a MM com sua a fralda geriátrica, tiara bumerangue e seu aviaum imbecibel está atrasando a produção e pode ser dispensável, que fique igual uma múmia no museu, colocava um trio ou quarteto e pronto, já arrebentaria, a Mulher Gavião a deixaria igual aos arcanjos do filme Legião e pronto, mas ai vai vir outro e falar, a MM é uma das fundadoras da Liga, para mim que se dane, melhor que pagarem um mico com a tentativa de adaptá-la ao Live-action e com as inúmeras desaprovações dos fãs que a deixam como ela é a 70 anos.

Link to post
Share on other sites

Liga da Justiça | Filme deve ser lançado em 2015

 

 

O super embate entre os heróis da DC Comics e da Marvel Comics acontecerá em 2015. Nada de mais um crossover meia boca nos quadrinhos, com decisões duvidosas (Lobo, alguém?) e sim, o duelo nos cinemas.

Segundo uma fonte anônima de um malandro do L.A. Times, aWarner planeja começar as filmagens já em 2013 e o lançamento está previsto para a metade 2015.

E o que isso significa? Que o filme da Liga chegará no mesmo ano de Os Vingadores 2, que tem estreia marcada para 1º de maio de 2015. Ou seja teremos o maior super grupo de heróis do planeta medindo força nas bilheteria com o super grupo de heróis da Marvel no mesmo período.

A discussão sobre os filme já gerou até um gráfico comparativo entre as bilheterias e com os dois filmes chegando no mesmo ano a competição promete ficar ainda mais acirrada.

O roteiro de Liga da Justiça será escrito por Will Beall (de Caça aos Gângsteres) e o filme ainda não te um diretor definido.

 

 

 

quero ver como vao fazer ate la...se vao explicar origens (Flash e Aquaman, principalmente) ou se vao colocar heroi novo no caldo (Cacador de Marte, Arqueiro Verde, Atomo ou Canario Negro) e pronto...

 

img508066ec0c397.jpg

Link to post
Share on other sites

 

- Batman = Josh Hartnett ou Liam McIntyre- Bale não volta;

 

 

Imagine a imprensa e o público crentes que Bale não vai participar.

 

Daí, em 2015, vem a notícia sobre o retorno dele como Bruce Wayne. É um belo up na divulgação e no hype para o filme da Liga.

Talvez a gente esteja assistindo a uma estratégia.

Link to post
Share on other sites

Bem observado Primo.

 

Seria uma estratégia de marketing que com certeza agrada aos executivos da WB.

 

Sugeri outros nomes com base nas declarações do Bale, se fosse eu faria a mesma coisa, encerrar sua versão do Batman assim como o Pelé, no auge da consagração.

 

Porém, nada como alguns milhares de cifrões para fazer alguém rever decisões.

 

Pegando o gancho dessa sua observação, penso que talvez o adiamento de MoS de dez/12 para jun/13 tenha alguma coisa a ver com a inserção de elementos para dar o "start" na formação de um UDC nas telonas.

 

Link to post
Share on other sites

Verdade, cara

Esse adiamento é realmente suspeito, positivamente.

 

Pensando marketeiramente então, vamos lá:

 

Com o sucesso da franquia "Se beber, não case", a inserção do Bradley Cooper (e no papel do Flash, por favor) seria mais que acertada para chamar a atenção dos civis ( B)).

Na minha humilde opinião, "Liga da Justiça" (2015) NÃO precisa seguir nem de longe a cronologia de fatos que culminaram em nenhuma versão de processo de formação da Liga nos quadrinhos ou nos desenhos animados.

 

O processo de formação da Liga e a lista de membros "fundadores" que vão aparecer no filme precisa, na verdade, potencializar a obra dentro da realidade da Warner no cinema:

-Opa, temos uma trilogia de sucesso com esse sujeito aqui (Bale). O Nolan que se dane. Mas a ambientação que ele usou pode ser uma referência, sem ser algema. Bale deveria ser o Bruce ali, sim.

-Opa, o filme do Superman pode ser uma ponte. Temos que deixar o filme do escoteiro pelo menos levemente "massa véio" puxando o povo para o filme da Liga. Bora plantar a semente da trama de "Liga da Justiça" já no filme do Superman, pois temos pouco tempo.

-Se tiver heróis demais no filme da Liga, vai parecer um samba do kryptoniano doido e sem ligação emocional entre público e heróis.

-O mínimo de cor POSSÍVEL no primeiro filme, pra puxar mais para a ambientação do Nolan, de preferência com uniforme (ou uniforme "original") só onde realmente faria falta.

-Em suma, "Man of steel" vai ter que ter mais um herói da Liga, bicho... nem que seja uma ponta.

-Pra mim, Bale chega apenas no clímax e bota moral, mostrando que um cara foda sem poderes fará a diferença.

Link to post
Share on other sites

PRIMO, de boa, não vejo sentido no Batman aparecer só no climax da trama. O filme, ao meu ver, deve dedicar boa parte do seu tempo na relação desses personagens, e de como eles vêem os metodos um dos outros, e discordam ou concordam com tais métodos. Não vejo como o Batman entraria nesta equação surgindo apenas no climax do filme.

 

Quanto ao Bale, eu não apostaria no seu retorno, mesmo que os eventos da trilogia Nolan sejam levados em conta. Mas eu já me enganei antes.

 

PS: É bom ve-lo de novo, BALROG.

Link to post
Share on other sites

Bem observado Primo.

 

Seria uma estratégia de marketing que com certeza agrada aos executivos da WB.

 

Sugeri outros nomes com base nas declarações do Bale, se fosse eu faria a mesma coisa, encerrar sua versão do Batman assim como o Pelé, no auge da consagração.

 

Porém, nada como alguns milhares de cifrões para fazer alguém rever decisões.

 

Pegando o gancho dessa sua observação, penso que talvez o adiamento de MoS de dez/12 para jun/13 tenha alguma coisa a ver com a inserção de elementos para dar o "start" na formação de um UDC nas telonas.

 

 

 

Este adiamento surgiu antes do sucesso dos Vingadores.

E duvido que a Warner tenha feito isso pensando numa liga.

 

Aliás, estou achando tão precipitado isso tudo.

 

lá vem merda.

 

 

e como diz o Primo,

 

 

OREMOS!

 

por que se estragarem tudo de novo, pode enterrar que nunca mais irá ter credibilidade, só daqui a 100 anos.

Link to post
Share on other sites

Curti essa, Jailcante

 

Questão, o Batman pode ser usado como alguém superior aos que estão ali, até mesmo em detrimento de um Superman mais esquentadinho que o normal.

 

Isso não impede que o resto do grupo tenha conflitos antes do clímax e não impede que o grupo ganhe novos conflitos a partir da inclusão do Batman.

Link to post
Share on other sites

Mas PRIMO, o climax é o momento onde os conflitos são resolvidos. O grupo não pode ganhar novos conflitos depois do climax. O Batman é um personagem, supõe-se, importante dentro da trama. Então, ele precisa de conflitos, que estejão de alguma forma relacionados ao grupo. Não vejo essa interação entre os personagens sendo guardada apenas para o climax.

Link to post
Share on other sites

Concordo com o primo, o Batman não precisa de nada, nem precisa ser o Bale é só usar o filme do Nolan como referência. Um Batman mais heróico, com menos conflito e mais misterioso.um cara inteligente, estrategista que aparece do nada e resolve a parada. O novo Superman está aí, a Warner poderia lançar apenas mais um filme de algum deles, a MM por exemplo e mandar bala no filme.

 

Qto ao um Batman só no climax, não vejo por aí, mesmo porque hoje ele é o personagem mais imoortante da DC no cinema, deixar tanto ele qto o Super só pro final seria uma decepção. Isso funciona para um personagem menor pois as pessoas pagam ingresso para ver o Batman, o Super...

Link to post
Share on other sites

Exato, Big!

 

 

Questão, repare que não sugeri que os conflitos entre os personagens sejam guardados para o clímax.

 

Sou a favor de conflitos internos, mas esses conflitos podem estar, antes do clímax, entre Superman, Diana, Flash, John Stewart, Hal Jordan etc.

 

Defendo que os conflitos podem (e devem) existir, e antes do clímax, mas o Batman não precisa participar desses conflitos, exatamente por estar acima disso, como um cara que pensa além, que tem as respostas, que até se exalta menos, por exemplo. Isso valoriza Bale, valoriza Bruce e valoriza o Batman. Quando digo novos conflitos a partir do clímax, eu me refiro a conflitos inevitáveis e que permanecem, como em qualquer grupo, família etc. Inclusive inveja, orgulho, que pode ser gerado pela própria presença de Bruce Wayne como solução para o conflito inicial.

Link to post
Share on other sites

Não disse que o Batman precisa ser o protagonista, nem que tenha que ter os maiores conflitos, BIG (e concordo que nem precisa ser o Bale). O que eu disse é que ele tem que ter algum conflito que seja, ou que a sua presença gere conflito nos outros personagens. Alias, geralmente é o que acontce. A aparente frieza e obstinação obsessiva do Batman muitas vezes incomoda os colegas de equipe.

 

Ai tambem entra o que você disse. Batman e Superman são os cartões de visita da Liga. Deixar tanto ele quanto o Super só para o climax seria uma decepção.

Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

Announcements


×
×
  • Create New...