Jump to content
Forum Cinema em Cena

Fim dos Tempos (The Happening)


Nacka
 Share

Recommended Posts

  • Replies 585
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

 

Calvin o fato de ter moderadores postando no tópico não significa que eventuais excessos não possam passar. Veja bem, chamar o Deadman de deadfag isso é uma coisa que o Sapo faz desde de quando era apenas...Sapo, mas pelo que me lembre ele nunca trocou o nick do cara por algo perjorativo em um quote como você fez e é a isso que o Deadman se refere quando te avisa do report.

 

Os "afagos" de vocês já vêm de longa data mas se o Deadman se sentiu ofendido agora é direito dele e esperamos que você respeite e pare por aqui.

 

Me lembro ainda da época que o Maul fazia a mesma coisa com meu nick nos quotes, trocava Nacka por Nada... 06 Só que cada um tem uma forma de encarar as coisas. Por favor, sigam com o enterro.

 

[/quote']

 

Posso me sentir no direito de ficar de saco cheio de um BABACA que ao invés de postar algo que minimamente preste aqui faz uso de sua conta para postar chistes jocosos?? Ainda se alternasse as gracinhas com algum comentário minimamente relevante (como eu e o sapo fazemos) até vá lá...

 

De fato, cada um tem uma forma de encarar as coisas... Vir aqui e disparar gracinhas (não só aqui diga-se) e depois reportar à moderação uma zoação com o nick é o cúmulo da criancice, principalmente pq se apela agora para a idiossincrasia. O direito dele termina onde começa o meu... E o meu já foi invadido e violado páginas atrás com comentários totalmente WTF. A diferença é que eu não fico chorando pra moderação quando a corda aperta pro meu lado.

 

Seria interessante essa avaliação por parte de qualquer moderador antes do puxão de orelha...
Link to comment
Share on other sites

Não querendo ser "off", mas já sendo ... o Shyamalan tb ficará responsável pelo roteiro de "Avatar" ou só a direção? Creio que pelos dois, mas é só pra confirmar mesmo ...

 

Em tempo, "Fim dos Tempos" foi o segundo filme mais visto no final de semana de estréia, ficando atrás apenas do Hulk ... creio que o boca a boca não será positivo ... eu, por exemplo, já desencorajei meu irmão e meu primo ... 06
Link to comment
Share on other sites

Não querendo ser "off", mas já sendo ... o Shyamalan tb ficará responsável pelo roteiro de "Avatar" ou só a direção? Creio que pelos dois, mas é só pra confirmar mesmo ...

 

Em tempo, "Fim dos Tempos" foi o segundo filme mais visto no final de semana de estréia, ficando atrás apenas do Hulk ... creio que o boca a boca não será positivo ... eu, por exemplo, já desencorajei meu irmão e meu primo ... 06
[/quote']

 

Ele tb eh responsável pelo roteiro e Thiago, Avatar me parece um filme (até pelas declarações dele) que será mais centrado nos personagens, algo q temos bastante nos seus primeiros filmes....
Link to comment
Share on other sites

 

Posso me sentir no direito de ficar de saco cheio de um BABACA que ao invés de postar algo que minimamente preste aqui faz uso de sua conta para postar chistes jocosos?? Ainda se alternasse as gracinhas com algum comentário minimamente relevante (como eu e o sapo fazemos) até vá lá...

 

De fato' date=' cada um tem uma forma de encarar as coisas... Vir aqui e disparar gracinhas (não só aqui diga-se) e depois reportar à moderação uma zoação com o nick é o cúmulo da criancice, principalmente pq se apela agora para a idiossincrasia. O direito dele termina onde começa o meu... E o meu já foi invadido e violado páginas atrás com comentários totalmente WTF. A diferença é que eu não fico chorando pra moderação quando a corda aperta pro meu lado.

 

Seria interessante essa avaliação por parte de qualquer moderador antes do puxão de orelha...
[/quote']

 

 Parabéns, Dr. Calvin, você acaba de ser reportado de novo. 10

 

 PS: Você tem o direito de se sentir de saco cheio do que quiser e como já sugeri, se quiser e se achar correto, DEVE me reportar. Só não espere que eu o faça por você, por favor! Aí, já é demais, né?  03 06  
The Deadman2008-06-17 07:53:19
Link to comment
Share on other sites

Tire todo o resto e faça um clipe só com as cenas de suicídio.(Tirando o primeiro,da garota com o prendedor de cabelo).

 

Ele colocou cenas "engraçadinhas" ridículas.14

Toda cena na casa da avó  foi descartável,só serve a morte dela.Que,aliás,foi a melhor.Para que colocar aquela cena aonde,do nada e com o volume lá no alto,a avó aparece brigando com o protagonista?Para dar sustinho?14

Para quê tanto suspence para uma boneca na cama?

Cenas da fuga contra o vento foram bizarras....inimigo invisível?Não achei,o vento era bem visível...talvez,se o Shy escondesse mais o vento o filme ficaria melhor.....ao invés de vermos a grama se movendo mostrando o caminho do vento,poderia mostra as pessoas ficando paradas em sequência,como se fosse uma fila,aí sim ficaria legal.

Eu cheguei a reclamar do fato de Shy explicar 3 vezes o porque deles não morrerem,mas acho que deveria explicar mais,já que teve gente na minha sessão que não entendeu.

Enfim,uma ótima estória que foi desperdiçada....aliás,vocês acham que pode ter um "2".
Link to comment
Share on other sites

Porque essa pergunta? Nenhum filme do Shy ganhou uma continuação e não acho que esse vá ganhar alguma.

Pois é....só achei estranho o cara na TV falar que este evento vai voltar,que isto foi só um prelúdio....acho que estou acostumado com os "2".06
Link to comment
Share on other sites

Muitas cenas foram forçadas para tentar agradar a grande massa que movimenta os cinemas (aquelas que só querem saber de "qual CG é o melhor?), e, em razão disso, muitas explicações foram repetidas por 3 vezes. Mas isso não é dada que comprometa o resultado, que, por sinal, eu gostei muito.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Eu tava lendo agora a pouco a crítica no site do Judão e olha o que eu vi lá:

 

"Fim dos Tempos caminha a passos largos para se

tornar o maior cocô cinematográfico do ano – e se você acha que isso é

apenas um devaneio de um criticozinho metido a besta, basta dar uma

busca nas Internets da vida para notar que minha opinião não é um caso

isolado". 06

 

Link to comment
Share on other sites

 

Não querendo ser "off", mas já sendo ... o Shyamalan tb ficará responsável pelo roteiro de "Avatar" ou só a direção? Creio que pelos dois, mas é só pra confirmar mesmo ...

 

Em tempo, "Fim dos Tempos" foi o segundo filme mais visto no final de semana de estréia, ficando atrás apenas do Hulk ... creio que o boca a boca não será positivo ... eu, por exemplo, já desencorajei meu irmão e meu primo ... 06
[/quote']

 

Ele tb eh responsável pelo roteiro e Thiago, Avatar me parece um filme (até pelas declarações dele) que será mais centrado nos personagens, algo q temos bastante nos seus primeiros filmes....

 

Mas eu andei lendo por aí que os criadores do desenho vão ajudar Shyamalan na elaboração do roteiro.

 

Link to comment
Share on other sites

Crítica do Krivochein:

 

Não é o Fim

happening.bmp

Saio imediatamente do cinema para o computador como quem precisa dar uma notícia urgente:

"Fim dos Tempos" é um dos melhores filmes que eu já vi.

Este é o perigoso momento da adjetivação. Chego a ter palpitações ao pensar no quanto eu tenho que escrever sobre o filme que eu acabei de ver. Excitação destilada. Preciso respirar e organizar melhor o pensamento. Muitas vezes no passado, quando eu me animava com um filme, não poupava esforços e o elevava aos céus - apelando ao mais básico - porque eu me sentia na missão de motivar a quem quiser que estivesse lendo para assisti-lo - especialmente porque se tratavam de filmes menores, obscuros, sem distribuidora no Brasil ou que as pessoas simplesmente não estavam prestando atenção. Não vou mentir: é uma táctica que funciona.

O perigo está na hipérbole. Se eu digo que "Fim dos Tempos" é o melhor filme do ano, isto significa que o espectador irá obrigatoriamente gostar? Não. Se "Fim dos Tempos" é de fato o melhor filme do ano, isto não significa que o fator de entretenimento está garantido, que é tecnicamente impecável ou inovador. Neste caso, ser o melhor filme do ano significa sobretudo que "Fim dos Tempos" se trata de um filme com algo de muito importante a dizer sobre o status quo da experiência cinematográfica contemporânea, independente do que você sente ou não por ele - o que é algo menos divertido de se prometer de uma experiência cinematográfica do que um simples abstrato "esse filme é foda para caralho!", que eu sempre fiz muito.

"Fim dos Tempos" é uma das ponderações mais poderosas sobre o rapport do cinema blockbuster e o novo espectador. Vou logo sublinhar os aspectos essenciais do filme para mim, esperando poder dissertá-los melhor no texto que virá a seguir.


3 cenas essenciais para o cinema de entretenimento contemporâneo: os personagens fugindo do vento, Mark Wahlberg conversando com uma planta de plástico e Wahlberg e Zooey Deschanel conversando através das paredes (bela adaptação de "Abelardo e Heloísa").


Já havia falado no texto sobre "Transformers" que, sob o CGI, teríamos planos dignos de um diretor sensualista tailandês. Estas cenas, especialmente a da planta de plástico, vêm sendo ridicularizadas pela crítica. Ora, o que esta cena tem de diferente de uma Liv Tyler interpretando com uma bola de tênis presa a uma vara de pescar, servindo de referência a altura do Hulk que será inserido na pós-produção? Por que Ian McKellen atuando com um Balrog completamente imaginário é digno de apalusos, enquanto os personagens de "Fim dos Tempos" fugindo do mesmo nada é ridículo?


Muitos estão dizendo que "Fim dos Tempos" é um ato de humildade de M. Night Shyamalan, retornando ao seu cinema mais pueril da fase de "Sinais" do que sua defesa feroz de ideologias em "A Vila" e "A Dama na Água". Nada poderia estar mais longe da verdade. "Fim dos Tempos" é o maior dedo médio erguido ao atual cinema de entretenimento hollywoodiano, um sonoro "vai tomar no cu, computação gráfica!" A diferença entre o seu filme de ação hollywoodiano e "Fim dos Tempos" é que simplesmente Shyamalan decide não inserir o CGI no plano. O espectador é levado a confrontar o fato que seu blobckbuster de férias trata-se de ridícula pantomima e que o atores estão fundamentalmente atuando com o nada. Se CGI é a suspensão da descrença, "Fim dos Tempos" é "O Rei Está Nu!" do cinema hollywoodiano. Por exemplo: qual não seria o embaraço geral da platéia aoassistir a um filme como "Garfield" sem seus efeitos visuais ainda inseridos? É bem o que acontece com a cena de Wahlberg e Deschanel conversando sem a presença física do outro: a voz descorporalizada.


E prepare-se para um ataque ao críticos norte-americanos tão cortante quanto aquele encontrado em "A Dama na Água": o último trecho do filme estabelece um programa de televisão com dois personagens discutindo o fenômeno. O entrevistador coloca uma das indiretas mais divertidas ao comportamento elitista e preconceituoso da crítica norte-americana frente a mera sugestão da crítica internacional de que Shyamalan poderia muito bem ser um auteur: "nós poderíamos admitir que o fenômeno se tratasse de um primeiro alerta caso acontecesse em qualquer outro lugar do mundo, menos aqui [costa leste, coração dos EUA]." Ou seja, a arrogância norte-americana em se ver como crucial e absoluta que jamais admitiria ter perdido o reconhecimento de um grande auteur para os críticos internacionais (insistindo agora em negá-lo e destrui-lo de uma vez por todas). Ao estabelecer o último plano no filme no país que o abraçou como grande diretor - fazendo assim um sentido agradecimento - Shyamalan decide premonitoriamente mudar o eixo central cinematográfico e sócio-político para bem longe dos EUA, cada vez mais decadente no cenário mundial, em recessão, etc.


Isto deixando passar os pontos mais viscerais de uma grande sessão de cinema: atmosfera cortante, sustos chocantes, uma história cativante, planos criativos (ainda que aquém do deslumbre visual dos seus filmes anteriores) e um roteiro que não toca uma nota errada. Amei do início ao fim. Alguns fillmes nos motivam a comprar o DVD; eu quero adotar uma película 35mm de "Fim dos Tempos", preservá-la. Pessoal da Fox, me contactem antes de mandar as cópias para a guilhotina, por favor.


O que justifica as críticas negativas? Bem, nada. É como a frase que cunhei para definir a prática: crítica cinematográfica é o pleno exercício do "escrotínio".
Link to comment
Share on other sites

 Putaquepariu!!! Vai escrever bem assim na casa do car§♠&☺!!! 10 10

 

 Pérolas para refletir:

 

"Neste caso, ser o melhor filme do ano significa sobretudo que "Fim dos Tempos" se trata de um filme com algo de muito importante a dizer sobre o status quo da experiência cinematográfica contemporânea, independente do que você sente ou não por ele - o que é algo menos divertido de se prometer de uma experiência cinematográfica do que um simples abstrato "esse filme é foda para caralho!", que eu sempre fiz muito."

 

e

 

"O que justifica as críticas negativas? Bem, nada. É como a frase que cunhei para definir a prática: crítica cinematográfica é o pleno exercício do "escrotínio"."

 BK é o cara! 16 

PS: Tá até começando a voltar a vontade de ir conferir o filme... 08   

 

 


 
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements


×
×
  • Create New...