Jump to content
Forum Cinema em Cena
Big One

Batman - The Dark Knight (# 4)

Recommended Posts

 

 

 

 

 

É o seguinte' date=' eu nao saco quase nada de ingles, mas, dá pra perceber na critica abaixo do Rotten que a crítica compara TDK, a Os Infilrados, Fogo contra Fogo e Os Intocáveis    

 

 

 

Martin Scorsese's The Departed. Michael Mann's Heat. Brian de Palma's The Untouchables. And now, Christopher Nolan's The Dark Knight can join the ranks as one of the best crime dramas in modern movie history. It's only incidental it's set in the fictional gritty city of Gotham, and it just happens to feature a superhero wearing a bat-suit and an arch-villain in clown makeup.

 

<P =Msonormal style="MARGIN: 0in 0in 0pt"><?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" /><o:p><FONT face="Times New Roman"> </o:p>

<SPAN style="FONT-SIZE: 12pt; FONT-FAMILY: 'Times New Roman','serif'; mso-bidi-font-size: 11.0pt; mso-fareast-font-family: Calibri; mso-ansi-: EN-US; mso-fareast-: EN-US; mso-bidi-: AR-SA">Full review coming soon.</SPAN>
[/quote']

 

 

 

Pra mim, essa comparação é péssima... então TDK será outro "filme de gângsters com um louco vestido de morcego", e não o Batman que sempre sonhei em ver. Só me resta esperar que essas comparações sejam errôneas, e que finalmente tenham encontrado um tom próprio para o morcegão.

Share this post


Link to post
Share on other sites

www.ingresso.com.br

 

os cinemas do UCI e do Cinemark já tão vendendo ingresso pro dia 18. Não acho q haverão pré-estreías 04. Eu tmb vou viajar, só q no dia 18, por isso já tratei de comprar o meu ingresso pra primeira sessão, senão, só ia conseguir ver o filme em agosto.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Análise dos virais pelo Judão

____________________

 

Boletim de Virais

 

 

Cada dia que passa eu vou ficando mais tenso. Depois de todo esse tempo falando desse filme, Batman: O Cavaleiro das Trevas

estréia em menos de duas semanas, e eu estou endoidando geral. Como

parte vital da antecipação dos fãs pelo filme, a campanha de marketing

viral está chegando ao seu fim.

Conversando com o Borbs,

eu disse que acho que essa semana acaba tudo. Ele já acha que vai até

dia 17, um dia antes da estréia do filme. Ao final desse boletim eu

explico porque eu acho que essa semana, mais precisamente dia 10, tudo

acaba.

 

Depois de todo o esquema de onde saiu o fodástico novo pôster do filme, o fórum do Citizens for Batman recebeu uma atualização, de um cara chamado Brian Douglass, dizendo que o usuário Batfan73

foi preso por invasão e que ele deixou uma mensagem de voz. Nessa

mensagem ele dizia que não conseguiria sair a tempo para a folia que

aconteceria na terça, dia 08, e que alguém deveria ativar tudo, usando

a senha 38272899.

 

A galera ficou louca e começou a caçar. Através de informações no fórum do Citizens for Batman, e de uma nova atualização no Gotham City Rail, descobriu-se que o usuário Batfan73 é na verdade Chuck Craston, funcionário do Gotham City Rail.

 

No mesmo período de tempo, foi interceptado um e-mail na caixa de

mensagens do policial Glenn Barhyte. O e-mail, que foi enviado pelo Jim

Gordon (JIMBO!), fala que não tem como rastrear as importações do “nosso amigo Maroni”, mas que vai tentar arrumar um jeito.

 

Para ler o e-mail, click aqui e coloque no Username barhyteglenn, e no password tevredenheid. Esse esquema nem eu sabia. =D

 

Através desse e-mail, o povo chegou até o Maroni Imports. Sal Maroni é um mafioso tinhoso que joga coisas na cara de promotores públicos. Ele é feio, bobo e putão. =D

 

Lá no site, que você acessa clickando aqui,

você pode acompanhar o andamento de seus pedidos. Algum fanfarrão

resolveu então usar o número passado pelo Chuck Craston lá, e incluiu o

seu sobrenome. Então, surgiu o pedido de um amplificador, e lá embaixo

tem uma chave serial de um software pra fazer o amplificador funcionar.

 

Ao retornarmos ao site do Citizens for Gotham, tinha um campo para

incluir um serial. O número encontrado foi adicionado e então apareceu essa imagem aqui.

Duas coordenadas, que apontavam para duas cidades. Chicago e Nova York.

É lá que a folia vai acontecer. O tempo acaba hoje, próximo das 22h.

Estaremos aqui para saber o que vai acontecer e depois contar tudo pra

vocês. Mas, de qualquer modo, se você acessar o site Citizens for Batman, no horário certo, poderá acompanhar via internet tudo o que acontece, em um webcast ao vivo.

 

Mas se vocês pensam que acabou, estão enganados. O Jóquer, fanfarrão

que só ele, preparou mais uma surpresinha para nós. As pessoas que

ganharam aqueles celulares receberam ontem algumas mensagens e o pedido

para espalhá-las para que todos pudessem ver. A mensagem exata era essa:

Ok palhaço, eu vejo um último teste no seu futuro. Poste isso onde todos podem ver:

 

* LAM

 

* BOB

 

* BLAM

 

* ZEAL

 

* BABEL

 

* ZOOM

 

* ME

 

* MAZE

 

* LAB

 

* AMBLE

 

Com essas palavras, a galera chegou a palavra Bamboozle. Jogaram no Why So Serious e saiu isso aqui.

Você aperta nos botões e surge um bilhete com uma previsão para você.

Em alguns desses cartões, existe uma parte rasgada. Na ordem exata, os

cartões perfurados estão em negrito.

1–2–3–4–5–6 13-14-15-16-17-18

 

7–8–9-10-11-12 19-20-21-22-23-24

 

Todos os cartões tem uma identificação no canto, como P2, A8 e tal.

Então um fanfarrão pegou os cartões perfurados, cortou a parte

perfurada e colocou em cima do mapa de Gotham.

 

O resultado foi esse aí embaixo.

bamboozleoverlay-552x904.jpg

 

 

Na ordem decrescente, cada rua indicada pelos cartões vazados tem um número. Rua 22, rua 5 e assim em diante.

 

Na ordem, ficou assim:

3 = 8G = 22nd

 

5 = 3P = 1st

 

9 = 6M = 5th

 

14 = 3L = 3rd

 

17 = 2F = 4th

 

21 = 5H = 17th

 

23 = 6E = 14th

 

Logo, a ordem para bater os botões na máquina que diz o futuro ficou: 22- 1- 5- 3- 4- 17- 14.

 

Ao fazer isso você ganha um ticket e vai pra uma outra sessão do site.

É a saída da tenda, e ao clicar pra sair, aparecem vários tickets,

iguais aos que aparecem no final de cada joguinho do Jóquer. Ao clicar

no tickets recebidos nos jogos, no caso o cofre, a bolsa, o alarme e o

ônibus, vamos para um novo site.

 

Why So Serious/Overture.

Lá tem uma bomba em contagem regressiva para o dia 10 aproximadamente

às 23hs. Seria o prólogo que será lançado online numa qualidade

chupetinha?

 

Como eu falei pro Borbs, eu tenho

quase certeza que os testes do viral não são pra atormentar o Batman, e

sim pra recrutar o bando que vai roubar o banco com o Coringa. Já pode

até ser uma coisa manjada, mas agora está mais evidente, pois se vocês

repararem, os tickets que foram dados nos jogos fazem parte do roubo. O

ônibus, o alarme, o cofre…

 

Enfim, hoje uma folia em grupo deve acontecer em NYC e Chicago, o que entra no tópico “Reunir meus fãs” da listinha do Coringa, e talvez a bomba seja o “Deixa uma grande marca.”.

 

O negócio é esperar pra ver.

 

Eu só gostaria de fazer um adendo. Enquanto eu escrevo isso aqui, o

Borbs tá vendo o filme. No momento que você estiver lendo,

possivelmente a cabeça dele já explodiu com o filme. Eu ficaria feliz

por ele, se ele não tivesse me mandado um e-mail com um link e escrito simplesmente “Spooooooooiler!”.

Como a curiosidade é uma das grandes virtudes, e também um dos maiores

defeitos da humanidade, cliquei pra ver o que era. A tela carregou e eu

logo fechei, mas eu acabei vendo mais do que deveria. Por causa disso,

venho por meio dessa falar “Borbs, vai se fuder”. =D

 

Até o desfecho de toda essa folia caótica. =D

 

-----------------------------

 

Fonte: judao.com.br

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Luiz carlos Merten já viu e gostou:

 

por Luiz Carlos Merten, Seção: Cinema s 14:04:02.

Acabo

de ver o segundo Batman de Christopher Nolan e Christian Bale, ‘The

Dark Knight’, o Cavaleiro das Trevas. Amei. não era muito fã dos filmes

que consagraram Nolan e o transformaram num autor cult – ‘Amnésia’ e

‘Insônia’, mas acho que nuym certo sentido eles o preparavam para ‘O

Cavaleiro das Trevas’. ‘Amnésia’ contava sua história de trás para a

frente, ‘Insônia’ subvertia o aspecto sombrio do filme noir com seu

relato desenrolado no gelo (e no sol da meia-noite). Dois filmes em que

a idéia – o conceito – da ‘inversão’ é total. Toda a arquitetura do

novo Batman converge para a cena do discurso do Coringa, quando ele, de

cabeça para baixo, faz a sua celebração do caos social. Não vou tirar a

graça de ninguém, mas a forma como Nolan resolve a cena – como a filma

– dá um significado todo especial, e ionverte a própria inversão,

contida naquelas palavras. É um filme essencialmente político, sobre a

ética, a democracia. Uma tragédia sobre a renúncia e a perda, e o que

se ganha com elas, além de danação eterna. Desculpem fazer este texto

meio cifrado, mas vocês vão entender dia 18, quando o filme,

finalmente, estrear. Sei que muita gente adora o Tim Burton – e eu

próprio gosto de alguns filmes dele, ‘Edward Mãos de Tesoura’, ‘Ed

Wood’ e o melhor de todos, ‘Sweeney Todd’. Mas osd Batmans de Tim

Burton, tirando o visual, não tinham muita coisa a oferecer, um pouco

pela falta de carisma – e pathos – do ator Michael Keaton. Com

Christian Bale, a coisa fica diferente e, embora todo mundo vá dizer

que o Coringa de Heath Ledger seja a verdadeira alma de ‘The Dark

Knight’, quero dizer que discordo, por antecipação. Foi o último papel

de Ledger, ele morreu nas circunstâncias que todo mundo, o que torna

essa derradeira aparição uma coisa emblemática. E ele é mesmo muito

bom, expressando a insanidade do Coringa como tragédia – numa linha

diferente da de Jack Nicholson, no primeiro Batman de Tim Burton, mas

ambas se sustentam nos quadrinhos. Só que, por melhor que ele seja, o

dark knight é Batman e Christian Bale, como sempre, é maravilhoso,

carregando a intensidade do filme. Sei que muitos de vocês não gostam

do Christian Bale, mas eu o acho um p... ator. Para concluir essa

primeira, e rápida, abordagem do filme ao qual voltaremos – com certeza

–, quero dizer que é possível se divertir com outros super-heróis, com

o ‘Iron Man’, por exemplo, que eu acho que ainda detém o recorde

acumulado do ano, mas como tragédia, como cinema, não têm como o

Homem-Aranha de Sam Raimi nem o Batman de Christopher Nolan.

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

 

 

 

 

É o seguinte' date=' eu nao saco quase nada de ingles, mas, dá pra perceber na critica abaixo do Rotten que a crítica compara TDK, a Os Infilrados, Fogo contra Fogo e Os Intocáveis    

 

 

 

Martin Scorsese's The Departed. Michael Mann's Heat. Brian de Palma's The Untouchables. And now, Christopher Nolan's The Dark Knight can join the ranks as one of the best crime dramas in modern movie history. It's only incidental it's set in the fictional gritty city of Gotham, and it just happens to feature a superhero wearing a bat-suit and an arch-villain in clown makeup.

 

 

<P =Msonormal style="MARGIN: 0in 0in 0pt"><?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" /><o:p><FONT face="Times New Roman"> </o:p>

 

<SPAN style="FONT-SIZE: 12pt; FONT-FAMILY: 'Times New Roman','serif'; mso-bidi-font-size: 11.0pt; mso-fareast-font-family: Calibri; mso-ansi-: EN-US; mso-fareast-: EN-US; mso-bidi-: AR-SA">Full review coming soon.</SPAN>
[/quote']

 

 

 

Pra mim, essa comparação é péssima... então TDK será outro "filme de gângsters com um louco vestido de morcego", e não o Batman que sempre sonhei em ver. Só me resta esperar que essas comparações sejam errôneas, e que finalmente tenham encontrado um tom próprio para o morcegão.

 

Eu particularmente acho a comparação ótima, uma porque são ótimos filmes e outra prque leva a adaptação de quadrinhos a outro nível, não somente uma adaptação mas um filme que transcende o gênero adaptção, muitos reviews dizem que é injusto dizer que se trata de uma adaptção porque Dark Knight é um grande filme, de acordo com os reviews.

 

Sobre o Rotten, saiu mais um review, agora do Dark Horizons, até agora são 10 reviews positivos e 0 negativos.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Luiz carlos Merten já viu e gostou:

 

por Luiz Carlos Merten' date=' Seção: Cinema s 14:04:02.

Acabo

de ver o segundo Batman de Christopher Nolan e Christian Bale, ‘The

Dark Knight’, o Cavaleiro das Trevas. Amei. não era muito fã dos filmes

que consagraram Nolan e o transformaram num autor cult – ‘Amnésia’ e

‘Insônia’, mas acho que nuym certo sentido eles o preparavam para ‘O

Cavaleiro das Trevas’. ‘Amnésia’ contava sua história de trás para a

frente, ‘Insônia’ subvertia o aspecto sombrio do filme noir com seu

relato desenrolado no gelo (e no sol da meia-noite). Dois filmes em que

a idéia – o conceito – da ‘inversão’ é total. Toda a arquitetura do

novo Batman converge para a cena do discurso do Coringa, quando ele, de

cabeça para baixo, faz a sua celebração do caos social. Não vou tirar a

graça de ninguém, mas a forma como Nolan resolve a cena – como a filma

– dá um significado todo especial, e ionverte a própria inversão,

contida naquelas palavras. É um filme essencialmente político, sobre a

ética, a democracia. Uma tragédia sobre a renúncia e a perda, e o que

se ganha com elas, além de danação eterna. Desculpem fazer este texto

meio cifrado, mas vocês vão entender dia 18, quando o filme,

finalmente, estrear. Sei que muita gente adora o Tim Burton – e eu

próprio gosto de alguns filmes dele, ‘Edward Mãos de Tesoura’, ‘Ed

Wood’ e o melhor de todos, ‘Sweeney Todd’. Mas osd Batmans de Tim

Burton, tirando o visual, não tinham muita coisa a oferecer, um pouco

pela falta de carisma – e pathos – do ator Michael Keaton. Com

Christian Bale, a coisa fica diferente e, embora todo mundo vá dizer

que o Coringa de Heath Ledger seja a verdadeira alma de ‘The Dark

Knight’, quero dizer que discordo, por antecipação. Foi o último papel

de Ledger, ele morreu nas circunstâncias que todo mundo, o que torna

essa derradeira aparição uma coisa emblemática. E ele é mesmo muito

bom, expressando a insanidade do Coringa como tragédia – numa linha

diferente da de Jack Nicholson, no primeiro Batman de Tim Burton, mas

ambas se sustentam nos quadrinhos. Só que, por melhor que ele seja, o

dark knight é Batman e Christian Bale, como sempre, é maravilhoso,

carregando a intensidade do filme. Sei que muitos de vocês não gostam

do Christian Bale, mas eu o acho um p... ator. Para concluir essa

primeira, e rápida, abordagem do filme ao qual voltaremos – com certeza

–, quero dizer que é possível se divertir com outros super-heróis, com

o ‘Iron Man’, por exemplo, que eu acho que ainda detém o recorde

acumulado do ano, mas como tragédia, como cinema, não têm como o

Homem-Aranha de Sam Raimi nem o Batman de Christopher Nolan.

 

 

[/quote']

 

Show de bola, o Metern fez um review totalmente contra a maré que está colocando o Ledger na alturas, parece que merecidamente, mas foi o primeiro que elgoiou e muito o C. Bale como Batman, e mais, pra fehcar com chave de ouro:

 

"Christian Bale, como sempre, é maravilhoso,

carregando a intensidade do filme"

 

"mas como tragédia, como cinema, não têm como o

Homem-Aranha de Sam Raimi nem o Batman de Christopher Nolan."

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Luiz carlos Merten já viu e gostou:
por Luiz Carlos Merten<!-- php $Item->Author->prefered_name() -->' date=' Seção: Cinema s 14:04:02.

 

                         

Acabo

 

de ver o segundo Batman de Christopher Nolan e Christian Bale, ‘The

 

Dark Knight’, o Cavaleiro das Trevas. Amei. não era muito fã dos filmes

 

que consagraram Nolan e o transformaram num autor cult – ‘Amnésia’ e

 

‘Insônia’, mas acho que nuym certo sentido eles o preparavam para ‘O

 

Cavaleiro das Trevas’. ‘Amnésia’ contava sua história de trás para a

 

frente, ‘Insônia’ subvertia o aspecto sombrio do filme noir com seu

 

relato desenrolado no gelo (e no sol da meia-noite). Dois filmes em que

 

a idéia – o conceito – da ‘inversão’ é total. Toda a arquitetura do

 

novo Batman converge para a cena do discurso do Coringa, quando ele, de

 

cabeça para baixo, faz a sua celebração do caos social. Não vou tirar a

 

graça de ninguém, mas a forma como Nolan resolve a cena – como a filma

 

– dá um significado todo especial, e ionverte a própria inversão,

 

contida naquelas palavras. É um filme essencialmente político, sobre a

 

ética, a democracia. Uma tragédia sobre a renúncia e a perda, e o que

 

se ganha com elas, além de danação eterna. Desculpem fazer este texto

 

meio cifrado, mas vocês vão entender dia 18, quando o filme,

 

finalmente, estrear. Sei que muita gente adora o Tim Burton – e eu

 

próprio gosto de alguns filmes dele, ‘Edward Mãos de Tesoura’, ‘Ed

 

Wood’ e o melhor de todos, ‘Sweeney Todd’. Mas osd Batmans de Tim

 

Burton, tirando o visual, não tinham muita coisa a oferecer, um pouco

 

pela falta de carisma – e pathos – do ator Michael Keaton. Com

 

Christian Bale, a coisa fica diferente e, embora todo mundo vá dizer

 

que o Coringa de Heath Ledger seja a verdadeira alma de ‘The Dark

 

Knight’, quero dizer que discordo, por antecipação. Foi o último papel

 

de Ledger, ele morreu nas circunstâncias que todo mundo, o que torna

 

essa derradeira aparição uma coisa emblemática. E ele é mesmo muito

 

bom, expressando a insanidade do Coringa como tragédia – numa linha

 

diferente da de Jack Nicholson, no primeiro Batman de Tim Burton, mas

 

ambas se sustentam nos quadrinhos. Só que, por melhor que ele seja, o

 

dark knight é Batman e Christian Bale, como sempre, é maravilhoso,

 

carregando a intensidade do filme. Sei que muitos de vocês não gostam

 

do Christian Bale, mas eu o acho um p... ator. Para concluir essa

 

primeira, e rápida, abordagem do filme ao qual voltaremos – com certeza

 

–, quero dizer que é possível se divertir com outros super-heróis, com

 

o ‘Iron Man’, por exemplo, que eu acho que ainda detém o recorde

 

acumulado do ano, mas como tragédia, como cinema, não têm como o

 

Homem-Aranha de Sam Raimi nem o Batman de Christopher Nolan.

 

 

 

[/quote']Show de bola, o Metern fez um review totalmente contra a maré que está colocando o Ledger na alturas, parece que merecidamente, mas foi o primeiro que elgoiou e muito o C. Bale como Batman, e mais, pra fehcar com chave de ouro:"Christian Bale, como sempre, é maravilhoso,

 

carregando a intensidade do filme""mas como tragédia, como cinema, não têm como o

 

Homem-Aranha de Sam Raimi nem o Batman de Christopher Nolan."

 

 

 

A crítica do The Hollywood Reporter, autoria de Kirk Honeycutt, que você postou na página anterior, já enaltecia a atuação do Bale.

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

A valeu J. eu devo ter pulado, estou evitando alguns reviews, acabo não lendo tudo pra evitar dar de cara com algum spoiler como dei agora com um no review do Dark Horizons, nem foi um spoiler de verdade, mas enfim...06

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fotos extremamente spoilerentas!

 

Alguém sabe dizer quem é aquele homem dentro da sala com o Coringa? Eu não consegui reconhecer. Acho que deve ser depois que o Batman já saiu da sala de interrogação.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O G1 já viu: Heath Ledger faz do novo 'Batman' o mais macabro

Ator morto em janeiro encarnou toda a loucura do Coringa dos quadrinhos.
Filme estréia no Brasil, em cerca de 600 salas de cinema, no dia 18 de julho.

Débora Miranda Do G1, em São Paulo ico_email2.gifentre em contato

ALTERA O
TAMANHO DA LETRA

Foi realizada nesta terça-feira (8), em São Paulo, a primeira sessão para a imprensa brasileira do aguardadíssimo “O cavaleiro das trevas”, novo filme do Batman, dirigido por Christopher Nolan, que já havia carimbado sua assinatura também em “Batman begins” (2005). Além do evidente apelo do homem-morcego, personagem criado por Bob Kane, o longa vinha sendo esperado com tamanha ansiedade por revelar a última atuação de Heath Ledger –morto em janeiro de overdose acidental de remédios (ele começou a filmar “The imaginarium of Doctor Parnassus”, mas o filme não foi terminado).

 

Heath Ledger como o perturbado Coringa de ''O cavaleiro das trevas'' (Foto: Divulgação)


Ledger, rosto conhecido e querido das adolescentes por atuações em comédias românticas como “10 coisas que eu odeio em você”, reencarna o papel que foi de Jack Nicholson em 1989, no “Batman” de Tim Burton: o Coringa. E é justamente o vilão que faz deste “O cavaleiro das trevas”, já naturalmente obscuro, o mais macabro entre os filmes do super-herói dos quadrinhos.

Com um humor negro, inteligente e sádico, Coringa deixa toda a população de Gotham City em pânico ao realizar uma série de atentados sem precedentes. Ele ainda se mete com a máfia, se aproveita do serviço de policiais corruptos e ameaça o amor de Brune Wayne, a bela Rachel Dawes (antes vivida por Katie Holmes e agora devidamente substituída por Maggie Gyllenhaal).
Já o homem-morcego continua sendo vivido por Christian Bale, que conta

ainda com o carisma do fiel Alfred (Michael Caine) e do brilhante inventor Lucius Fox (Morgan Freeman), que turbina não apenas a armadura do homem-morcego como também dá a ele novíssimas opções tecnológicas, inclusive um possante batpod, espécie de moto equipada com metralhadoras.

Revelar muito mais que isso tão antes da estréia –marcada aqui no Brasil para o dia 18 de julho em cerca de 600 salas de cinema- seria estragar tantas surpresas preparadas com afinco e genialidade por Nolan e seu irmão, Jonathan, que assinam juntos o roteiro. Mas, na próxima semana, o G1 traz mais novidades sobre o filme, seus bastidores e a relação com os quadrinhos. Fique ligado!

telas2008-07-08 16:52:08

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...