Jump to content
Forum Cinema em Cena
CACO/CAMPOS

Kick-Ass (Quebrando Tudo) Matthew Vaughn

Recommended Posts

Kick-Ass: Veja Nicolas Cage em pôster e cena do filme

"Eu não sei ficar invisível, mas posso chutar a sua bunda"

14/12/2009

Kick-Ass, a adaptação ao cinema da HQ de Mark Millar e John Romita Jr., ganhou mais um pôster e um clipe. Veja na galeria o mascarado vivido por Nicolas Cage e assista abaixo à cena, exibida na Comic-Con, em que ele ensina a filha a tomar tiros da maneira certa.

kickass_27.jpg

Fonte: Omelete.com.br

Share this post


Link to post
Share on other sites

Conheça a Hit-Girl - 18/12/2009 10:36

A Empire divulgou um cartaz da Hit-Girl, personagem do filme Kick-Ass.

Interpretada por Chloe Moretz ((500) Dias Com Ela), a menina de apenas 11 anos de idade treina incessantemente com seu pai - interpretado por Nicolas Cage (Motoqueiro Fantasma) - para se tornar uma formidável assassina.

O filme estreia no Reino Unido e nos Estados Unidos no começo de abril.

kickass_08.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Promoção: Escolha o título nacional de Kick-Ass!

Omelenauta será o autor do nome do filme no Brasil

05/01/2010

 

kickasslivro.jpg

 

Kick-Ass, adaptação ao cinema da HQ de Mark Millar e John Romita Jr., será lançado no Brasil pela Paramount Pictures. E quem escolherá o título nacional do filme será um leitor do Omelete!

No nosso Twitter (clique aqui), você pode deixar a sua sugestão (vale optar pelo título original mais subtítulo), que deverá ser acompanhada pela palavra #omeletekickass (para facilitar nosso processo de seleção). No caso de uma ou mais sugestões repetidas, valerá apenas a primeira ocorrência.

Os dois títulos finalistas receberão um álbum importado Kick-Ass: Creating the Comic, Making the Movie (de Mark Millar, John Romita Jr., Jane Goldman e Matthew Vaughn - capa ao lado), além de ter seu próprio Twitter divulgado no do Omelete e na OmeleTV.

Ao participar, o usuário automaticamente cede à Paramount Pictures Brasil todos os direitos de uso do título (artes promocionais, publicidade, DVD/Blu-ray, mídias eletrônicas, impressos, etc).

Corra lá e participe! A promoção cultural vale até as 18h de 8 de janeiro. O vencedor será divulgado depois dos finalistas serem enviados ao estúdio para aprovação final.

O filme narra a história de um adolescente normal, Dave Lizewski (Aaron Johnson), que decide adotar o codinome Kick-Ass, vestir uma fantasia de super-herói, pintar bastões e combater o crime. Christopher Mintz-Plasse, Nicolas Cage, Chloë Moretz, Lyndsy Fonseca e Duke Clark também estão no elenco, entre outros. Matthew Vaughn (Nem Tudo É o que Parece, Stardust) dirigiu.

O longa-metragem entra em cartaz em abril nos Estados Unidos, mas a data de estreia no Brasil ainda não foi marcada. Estão esperando o título que você vai sugerir... ;-)  

Share this post


Link to post
Share on other sites

Longa vai abrir festival em Austin - 06/01/2010 14:42

Kick-Ass, longa de Matthew Vaughn baseado nos quadrinhos da Marvel, foi o escolhido para abrir o South by Southwest Film Festival, em Austin, no Texas. O filme será exibido na noite de abertura do evento, em 12 de março deste ano. Além desse evento, Kick-Ass também esteve no Butt-Numb-A-Thon Festival, que aconteceu no final do ano passado.

O filme conta a história do adolescente Dave, um fã dos quadrinhos de super heróis que se inspira nos personagens para trazer as aventuras das revistas para a vida real.

Kick-Ass chega aos cinemas em 16 de abril deste ano trazendo Nicolas Cage, Chloë Moretz,Chritopher Mintz-Plasse e Mark Strong no elenco.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Veja um novo cartaz de Kick-Ass

"Cale a boca, chute bundas"

18/01/2010

Kick-Ass, adaptação ao cinema da HQ da Marvel de Mark Millar e John Romita Jr., ganhou mais um cartaz. O quarteto principal de mascarados surge sobre a frase de efeito "cale a boca, chute bundas".

kickass_29.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Kick-Ass ganha título nacional e data de estreia no Brasil

Kick-Ass - Quebrando Tudo chega em 11 de junho aos cinemas daqui

26/01/2010

A Universal Pictures acaba de escolher o título nacional de Kick-Ass, adaptação às telas dos quadrinhos de Mark Millar e John Romita Jr.

O nome foi sugerido por um leitor do Omelete, participante da nossa promoção via Twitter. Será Kick Ass - Quebrando Tudo. Várias pessoas enviaram títulos semelhantes, mas o primeiro a mandar essa ideia foi Alexandre Bulhões (@bulhas), de Itabuna/BA.

O vencedor receberá um álbum importado Kick-Ass: Creating the Comic, Making the Movie (de Mark Millar, John Romita Jr., Jane Goldman e Matthew Vaughn).

O segundo colocado - que sugeriu o título Ação Sem Noção - foi Carlos Fischer (@carlos_fischer), que também receberá Kick-Ass: Creating the Comic, Making the Movie.

A distribuidora do filme por aqui, a Paramount Pictures, aproveitou o resultado da promoção para nos informar, com exclusividade, a data do lançamento do longa no Brasil. Será dia 11 de junho.

Caraca só em junho !!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bicuda no Cu na capa da Empire

 

bicuda0.jpg

 

Aí, nerds amaldiçoados... O filme violence nos picos baseado na HQ de Mark Millar, Kick-Ass está estampando a capa da Empire...

[Mais:]

A edição vem com uma capa tripla, mostrando o jovem herói incompetente Kick-Ass, a serelepe Hit-Girl e o finalmente-consegui-ser-um-herói-fodão-nos=cinemas-sem-rirem-de-mim Nicolas Cage como Big Daddy... Confiram:

 

bicuda1.jpg

 

 

bicuda2.jpg

 

 

bicuda3.jpg

 

O que eu acho? Caras, será que o Big Daddy vai mesmo morrer no final de Kick-Ass: Bicuda no Cu igual na HQ? Porque (pelo que se viu nos trailers) esse seria um ótimo papel pro Cage recuperar o seu prestígio (e orgulho ferido) junto aos super-heróis que ele tanto ama... O personagem poderia até ganhar um spinoff cinematográfico

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bicuda no Cu, mais postereses!

 

kickpostre0.jpg

 

Pois é, macacada... enquanto dia 11 de junho não chega, essa é a data de lançaemnto do filme Kick-Ass: Bicuda no Cu aqui no Brasil, a produção do filme segue liberando põsteres da bagaça...

[Mais:]

Agora podemos ver o elenco principal dos heróis uniformizados em poses heróicas, Kick-Ass, Red Mist, Hit Girl e Big Daddy... Confiram:

 

kickpostre1.jpg

 

 

kickpostre2.jpg

 

 

kickpostre3.jpg

 

 

kickpostre4.jpg

 

O que eu acho? Considerando que esse filme passa lá nos EUA agora em abril, será que vai ter um nerd sequer que não vai ter dado uma olhada na versão pirateichan do filme antes de ir ao cinema pra ver a carnificina em tamanho ampliado? Eu duvido!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Continuação de Kick-Ass deve ser mais pesada

Elenco e quadrinistas contam as novidades durante o SXSW

Marcelo Hessel

A estreia de Kick-Ass - Quebrando Tudo nos EUA só acontece em abril, mas o filme foi exibido neste fim de semana durante o festival SXSW. Os atores Christopher Mintz-Plasse e Aaron Johnson já falaram ao ComingSoon sobre o tom da continuação.

Segundo Mintz-Plasse, o desenhista John Romita Jr. - que assina com Mark Millar a minissérie em quadrinhos na qual o filme se baseia - já deve mostrar o primeiro material da segunda minissérie na Comic-Con deste ano, que acontece em julho.

"Eu encontrei com Mark há alguns meses e ele me disse que quer fazer algo ainda mais sombrio", disse Mintz-Plasse. "O filme já é bastante pesado, mas Mark tem ideias ainda mais sombrias. Matthew [Vaughn, o diretor] usou absolutamente tudo, mas tinha coisas ali que era impossível filme. Ninguém assistiria, porque é nojento demais", emendou Johnson.

Segundo o Cinematical, os quadrinistas prometem "muito mais personagens" na continuação. "Eu vou começar a escrever em abril e Johnny talvez consiga concluir para setembro, assim a gente aproveita pra lucrar ao lado do DVD do primeiro filme", disse Millar. "Veremos mais de Hit-Girl, definitivamente. Acho que encontramos uma nova Han Solo. Não dá pra não se apaixonar por ela."

Os spoilers de verdade começam com as declarações de Millar que estarão no livro Kick-Ass: Creating the Comic, Making the Movie. Ele fala das premissas da segunda minissérie. Se você não leu o primeiro volume até o fim, dê meia-volta:

"Uma das ideias de que mais gosto nos quadrinhos de super-herói é a exposição da identidade secreta. Gosto da ideia de fazer isso com alguém como Kick-Ass, ver as ramificações disso no mundo real. Eu queria isso no primeiro volume, mas não coube, então passei tudo para o segundo. E no segundo filme as coisas vão ficar muito sombrias em relação a Red Mist. A ideia sempre foi acompanhar a transformação em supervilão, mas tê-lo como um papel menor no primeiro filme. Daí vimos do que Christopher Mintz-Plasse é capaz. Assim que vimos, percebemos como ele é bom e já começamos a pensar no que fazer com ele no futuro."

Kick-Ass - Quebrando Tudo narra a história de um adolescente normal, Dave Lizewski (Aaron Johnson), que decide adotar o codinome Kick-Ass, vestir uma fantasia de super-herói, pintar bastões e combater o crime.

Dirigida por Matthew Vaughn (Nem Tudo É o que Parece) a adaptação às telas dos quadrinhos de Mark Millar e John Romita Jr. chega ao Brasil em 11 de junho. Já a primeira minissérie sai em

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vendo o trailer dá pra perceber o potencial desse filme para influenciar adolescentes aventureiros a cometer as mesmas locuras dos personagens. Eu posso até estar errado, mas, até eu, quando assisti, senti vontade de me disfarçar e combater o crime. 06

 

Já fico imaginando a repercussão que o filme terá nos EUA, país conhecido por ter casos de jovens malucos que realizam proezas, na maioria das vezes, mais trágicas do que heróicas. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

o filme vai ser foda... eu vi algumas cenas no clipe novo do Mika (a música nova do Mika também se chama Kick Ass) 

Da Frigideira: Kick-Ass - Quebrando Tudo

Assistimos ao filme e contamos como foi

O Omelete está em Londres para as entrevistas de divulgação de Kick-Ass - Quebrando Tudo. Mas antes de publicarmos as nossas conversas com Christopher Mintz-Plasse (Red Mist), Chloë Moretz (Hit Girl), Aaron Johnson (Kick-Ass) e Matthew Vaughn (o diretor), resolvemos adiantar nossas primeiras impressões sobre o filme.

Pela própria natureza da trama - um herói tornado famoso pelas redes sociais e YouTube -, a adaptação às telas dos quadrinhos de Mark Millar e John Romita Jr. funciona melhor como imagens em movimento do que nas HQs. A linguagem sintetizada do cinema também favorece a história, eliminando tramas paralelas e evidenciando a ação (e reação). O desfecho do primeiro embate de Kick-Ass é prova disso. Dá pra sentir na pele as agruras do protagonista.

Outra coisa que funciona a favor do filme se comparado à HQ é que a obra original depende muito de referências cinematográficas - especialmente aos filmes do Homem-Aranha - e essas imagens ficam muito mais poderosas se replicadas na telona do que emuladas em papel. Apesar do ilustrador, Romita Jr, ser conhecidíssimo artista do herói aracnídeo.

O filme, você já deve saber, narra a história de um adolescente normal, Dave Lizewski (Johnson), que, motivado por uma ideia simples ligada ao culto às celebridades - "Se milhões querem ser Paris Hilton, com tantos fãs de quadrinhos por aí, por que ninguém quer ser o Homem-Aranha?" - decide adotar o codinome Kick-Ass, vestir uma fantasia de super-herói, empunhar bastões e combater o crime.

Vaughn resolve vários problemas do texto de Mark Millar, especialmente relacionados ao final da minissérie. Por enquanto não vamos entrar em detalhes, mas a impressão é que o cineasta estava mais interessado em criar um universo de herói no cinema - um em que as regras rígidas da Marvel e DC não se aplicassem e o humor negro e violência gráfica fossem as regras. É como um Kill Bill com crianças e colantes.

O elenco está ótimo - Nicolas Cage como Big Daddy está muito engraçado - e a menina Moretz é um achado. Suas cenas de ação são as melhores coisas do filme. Sobram referências pop pra todos os lados, corpos explodem a todo instante e jorram palavrões e músicas empolgantes a todo instante. Definitivamente, ainda que siga à risca a estética, não é o tipo de filme-família de super-heróis a que estamos acostumados.

Kick-Ass: Quebrando Tudo chega ao Brasil em 11 de junho.

cinéfilo2010-03-20 01:58:19

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Kick-Ass agradou a crítica!

kickonehome.jpg

Estava

curioso para ver como Kick-Ass foi recebido lá fora. O filme tem

censura Restricted e sua produção independente podia não agradar ao

público mais exigente.

Vasculhei por alguns sites e vi que a recepção tá bem boa!

[Mais:]

No

Rotten Tomatoes, Kick-Ass tem uma nota de 78% (por exemplo, fúria de

titãs tem 30%). Já no IGN, Kick-Ass ganhou 5 estrelas dos leitores e

dos críticos do site. No IMDB, Kick-Ass tem nota 8,5 e excelentes

críticas dos leitores do site.

Legal! Porém, estou curioso para

ver como a crítica nacional receberá o filme, pois os críticos daqiu,

por incrível que pareça, são bem mais conservadores que os de lá.

É...

Fica difícil de saber o que os veículos aqui do Brasil vão falar sobre

Kick-Ass... bom, pelo menos sabemos o que um site vai falar, já que

este costuma fazer uns planos publicitários aí para uns filmes e

acxabam sempre falando bem...

Bicuda no Cu não empolga taaaaanto, mas já é o suficiente.
kickredband.jpg

Bom, Kick-Ass já estreou e a bilheteria e o Box Office Mojo já liberou a bilheteria.

[Mais:]

Segundo

o site, Kick-Ass faturou vinte mião de doletas somente nos EUA -

lembrando que o filme é uma produção independente que custou "só" 30

milhões para fazer. Ou sejE: semana que vem tá pago e o que vier é

lucro.

O filme está logo atrás de "Como Treinar seu Dragão", mas

temos que lembrar que Kick-Ass é um filme cheio de restrições de

censura.

Além disso, o Box Office Mojo tentou levantar casos de

filmes parecidos com Kick-Ass para tentar traçar um perfil do futuro da

película. Foram comparados filmes como Zumbilândia, Kill Bill 2 e

Justiceiro - o primeiro fracassou nas bilheterias e Kill Bill 2, que se

parece muito com Kick-Ass, começou com mais grana - faturando 31 mião

no fim de semana.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bilheteria USA: Kick-Ass contra Como Treinar o seu Dragão

Empate técnico para os dois filmes na semana de 16 a 18 de abril

Fim de semana confuso nas bilheterias norte-americanas. Com uma

diferença mínima entre o primeiro e segundo colocados no ranking

estimado de arrecadação, o estreante Kick-Ass - Quebrando

Tudo e a animação da DreamWorks Como

Treinar o seu Dragão (How To Train Your Dragon)

acabaram tecnicamente empatados.

O desenho, porém, merece maior alarde, já que subiu, em sua quarta

semana (!), da terceira para a primeira posição apesar da queda de

20% em bilheteria. Em um mês o filme soma 165 milhões

de dólares. Na trama, o filho de um viking matador de dragões se torna

amigo de um desses temíveis animais e agora tenta convencer sua vila

de que tudo o que eles sabem sobre os bichos estava errado. O desenho

já está em cartaz no Brasil. Clique aqui para crítica,

galeria de imagens e vídeos e aproveite para saber

onde Como Treinar o seu Dragão está passando.

A abertura de Kick-Ass - Quebrando Tudo foi

bastante positiva considerando o seu custo de produção. A adaptação

dos quadrinhos fez 20 milhões só nos EUA e,

produzido de maneira independente, teve orçamento de 30

milhões. O filme narra a história de um adolescente normal,

Dave Lizewski (Aaron Johnson), que decide adotar o codinome Kick-Ass,

vestir uma fantasia de super-herói, pintar bastões e combater o

crime. O longa chega ao Brasil em 11 de junho. O Omelete já assistiu.

Leia nossa crítica prévia, veja imagens e vídeos de Kick-Ass.

Na segunda posição, Uma Noite Fora de Série

(Date Night), filme que reúne os astros da televisão Steve

Carell e Tina Fey, fez mais 17,3

milhões. Na comédia, um casal descobre que seus habituais

programas noturnos de marido e mulher não precisam ser só

jantar-com-cineminha. Mas quando eles decidem se aventurar, vão parar

em uma trama policialesca com tiroteios, perseguições... O filme já

está em cartaz no Brasil. Leia

a crítica, veja

clipes e confira

a programação de salas de Uma Noite Fora de Série.

Medalha de bronze para o remake hollywoodiano da comédia meio

britânica meio estadunidense Morte no Funeral (Death

at a Funeral). Na história, a morte do patriarca de uma família

provoca uma discussão de relacionamento coletiva durante o funeral,

com filhos, irmãs, familiares, conhecidos e completos estranhos todos

reunidos. Chris Rock, Tracy Morgan, Loretta Devine, Danny

Glover, Regina Hall, Martin Lawrence, James Marsden, Zoe Saldana e

Columbus Short estão no elenco. O filme estreia em 16

de abril de 2010 nos EUA. No Brasil, em 11 de junho. Assista ao

trailer de Morte

no Funeral.

Na quarta posição, Fúria de Titãs (Clash

of the Titans), refilmagem do clássico oitentista, fez 15,77

milhões e soma 132 milhões. Fúria

de Titãs chega aos cinemas no Brasil em 21 de maio,

com versões em 2-D e 3-D. Aguarde entrevistas com o elenco,

incluindo Sam Worthington, Davalos, Gemma Arterton e

o diretor Louis Leterrier na semana que antecede o

lançamento. O Omelete já assistiu. Clique aqui para saber o que

achamos do novo Fúria

de Titãs e assistir aos vídeos e ver fotos.

Novamente fechando o Top5 está The Last Song,

filme da Walt Disney Pictures estrelado por Miley

Cyrus. O drama romântico fez mais 5,8 milhões.

Na trama, uma adolescente rebelde volta a se relacionar com o pai

graças a afinidade dos dois com a música. Com o título A

Última Música, o filme estreia aqui em 14 de

maio.

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu já vi, o filme é muito bacana, nós fãs de quadrinhos vamos adorar. Trilha sonora legal, efeitos bem discretos e eu achei o roteiro melhor do que o quadrinho original. Custou 30 milhões e bota muito filme de quadrinhos com super-orçamentos no bolso, mas tranquilamente... PS. A Hit girl é foda, deixa Elektra (do filme), e outras por ai no chinelo!! A menina parece ser filha da Noiva de Killbill!

Giordanno2010-04-26 10:56:18

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acabei de assistir... A história, após certo ponto, diverge bastante da dos quadrinhos, acaba sendo melhor. Porém, para isso, sacrificou algumas boas idéias presentes na HQ.

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Caramba entrei só para comentar ainda estou escutando a musica dos creditos finais do filme

 

 

 

CARAMBA MEU!!!! sim é um dos melhores filmes de super herois ja feito!!!! um dos melhores filmes dos ultimos anos, eles juntam tudo que se pode imaginar de bom em um filme, é divertido empolgante e arrepiante!!!!

 

 

 

Não acho legal esse filme ficar nessa sessão apesar de ter a ver....mas pela proximidade da estreia deveria estar no CineNews

 

 

 

demorei para achar o topico quase criei um repetido hehehe

Share this post


Link to post
Share on other sites

eu tb gostei bastante.. a piveta leva o filme nas costas e o humor negro é foda e lembra vagamente o do Paul Verhoven, no primeiro Robocop! descontroi tds os filmes de super-heroi de forma bem sarcastica..06 apesar da metade pro final tornar-se bem convencional. Mas ate ali ja valeu!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sabia q a moçada nerd ia adorar!! O filme tem várias refrências a cultura pop, cada vez q vc assiste vc pega algo que deixou passar, como uma frase, um diálogo ou enquadramento. Um exemplo foda é quando:

SPOILER!!

A hit girl chega n saguão do prédio e toca a trilha do Moriconne de Por um punhado de doláres (o estranho sem nome), eu arrepiei!!
Giordanno2010-05-17 11:49:01

Share this post


Link to post
Share on other sites

eu tb.. a violencia nesse filme é grafica e estilizada demais, no estilo do Tarantino.. sem falar no humor negro transbordando aqui e ali, vide a chacina q a Hit-Girl promove numa boca de fumo... ao som do tema infantil Banana Split , dos The Dickies!? 06

Share this post


Link to post
Share on other sites

O filme é tão bom que até o Nicolau Gaiola tá mandando bem como o Big Dad, principalmente na: SPOILER  Hora da tortura quando a hit girl chega detonando tudo e ele passando as instruções via códigos de quadrnhos, foda!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Assisti e gostei bastante. Força um pouco a barra na parte da bugiganga voadora, que pelamor, mas de resto, um ótimo filme. Senti falta do cinismo do final da HQ, mas nada que empobreça a adaptação.

 

 

 

E não achei tão superior a HQ, não. Acho que o ritmo e o conteúdo funcionam melhor como um filme mesmo, é bem mais incomum e impactante ver uma menininha decepando gente em live-action do que um montão de traços e coloridos no papel.Shico2010-05-21 19:38:17

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...