Jump to content
Forum Cinema em Cena

Palmeiras #2


Recommended Posts

  • Replies 2.3k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Já que o Scorrrrrrrrfa devolveu o tópico pra mim (), vou editar o 1º post, pq Palmeiras contratando Paulo Baier e disputando só vaga na Libertadores faz parte do passado, o Palmeiras agora briga pelo

Ganhamos o Paulista, estamos na briga pelo Titulo do brasileiro, e vocês?   Gauchão? não Brasileiro? ja era. ué? nada? puts..   PALMEIRAS 2 X 0 GAYMIOS - como na comunidade do Gaymio no or

Quando o Palmeiras vai tomar vergonha na cara e voltar a pensar como um time grande que tem a 3ª maior torcida do Brasil e parar de pensar como um time pequeno, mediocre e onde tudo pode??? Cada acont

Até onde eu li o custo da comissão ficou em R$ 450 mil reais (300 bancados pelo clube e o restante por um investidor/parceiro ainda desconhecido), sendo que inicialmente era R$ 600 mil (Muricy + Tata), e esse preço final é considerando os dois e já o reajuste do Jorginho que também fará parte da comissão. Ou seja, o Muricy teve que baixar a bola um pouco... apesar que ele terá belos prêmios caso conquiste uma vaga na Libertadores (o que pela bola que o time tá jogando não é difícil) e/ou seja campeão.

Thiago Lucio2009-07-22 20:17:39
Link to post
Share on other sites

20090726_02.jpg

Obina ofusca Ronaldo e Verdão de Muricy bate Corinthians

 

Saudado pelos flamenguistas como "melhor que Etoo", Obina foi melhor que Ronaldo na tarde deste domingo e marcou os gols da vitória por 3 a 0 do Palmeiras diante do Corinthians. Das tribunas, o técnico Muricy Ramalho acompanhou o sucesso de seu time no clássico disputado no Prudentão.

Com este resultado, o Palmeiras constrói uma invencibilidade de seis jogos diante do maior rival. Desde o dia 25 de outubro de 2006, quando o Corinthians venceu com um gol de Marcelo Mattos no Campeonato Brasileiro, foram cinco vitórias alviverdes e um empate.

Desta forma, o Palmeiras chega aos 28 pontos e assume a segunda colocação, com a mesma pontuação do líder Atlético-MG. Na próxima rodada, o Verdão enfrenta o Fluminense no Palestra. Já o Corinthians é o quarto lugar, com 23 pontos, e volta a campo contra o Santo André, em São José do Rio Preto.

Apresentado como novo técnico do Palmeiras na última sexta-feira, Muricy Ramalhou viu o jogo das tribunas e teve seu nome gritado pelos torcedores antes do jogo. De camisa preta, cor proibida pela torcida organizada palmeirense em sua sede, ele vibrou com os gols de Obina e acenou para os torcedores.

Após sofrer falta de Souza, Ronaldo deixou o jogo com uma lesão no punho direito. Sem o Fenômeno, o Palmeiras passou a mandar no jogo e abriu o placar com Obina. Já na etapa complementar, Cleiton Xavier foi derrubado por Chicão dentro da área e Obina ampliou em cobrança de pênalti. No terceiro gol, o centroavante apenas completou após assistência do camisa 10.

O Jogo - Em um primeiro tempo movimentado, o Palmeiras assustou primeiro. Logo aos 7min, Obina tentou o giro e sofreu falta. Na cobrança, Cleiton Xavier acertou a trave de Felipe. Dois minutos depois, o centroavante pegou a sobra dentro da área e estufou as redes, mas o árbitro assinalou impedimento.

Aos 20min, Ronaldo protegeu a bola no meio-campo e sofreu falta do volante Souza. O atacante ficou alguns momentos no chão e deixou o gramado lesionado. Sem o Fenônemo, o técnico Mano Menezes resolveu fortalecer a cabeça de área e promoveu a entrada de Moradei, deixando Souza no banco de reservas.

Contusão tirou Ronaldo ainda no primeiro tempo O Corinthians apagou sem Ronaldo e o Palmeiras passou a mandar no jogo. Aos 31min, Wendel dominou pela direita diante da marcação e viu a ultrapassagem de Pierre pela ala. O volante levou até o fundo e cruzou para cabeçada certeira do centroavante Obina, desta vez em posição legal.

Sem ser ameaçado na defesa, o Verdão manteve o domínio das ações. Aos 34min da etapa inicial, Edmilson pegou a sobra da entrada da área e chutou de primeira para grande defesa de Felipe. No escanteio, Diego Souza subiu dentro da área e cabeceou com muito perigo.

O Corinthians deu sinal de vida no campo de ataque apenas nos últimos momentos do primeiro tempo. Aos 41min, Jorge Henrique chutou para boa defesa de Marcos. Três minutos depois, Souza colocou pela linha de fundo após cobrança de falta de Diogo. No escanteio, Dentinho marcou, mas o arbitrou marcou impedimento.

Logo aos 3 minutos do segundo tempo, Obina recebeu pela direita e chutou cruzado para assustar o goleiro Felipe. O Corinthians voltou mais atento e respondeu no minuto seguinte. Douglas recebeu de Dentinho e bateu com perigo, do lado esquerdo do gol de Marcos.

O Palmeiras acabou com o ímpeto do Timão no segundo tempo aos 12 minutos, quando Chicão cometeu pênalti em cima de Cleiton Xavier. Obina colocou a bola debaixo do braço, ajeitou e estufou as redes. O árbitro Leonardo Gaciba mandou repetir a cobrança e o centroavante manteve a eficiência.

O Verdão fechou o placar aos 19 minutos da etapa complementar. Chicão teve boa chance em cobrança de falta, mas acertou a barreira. No contra-golpe, Cleiton Xavier e Obina sobraram livres na cara de Felipe. Generoso, o meia apenas rolou para mais um gol do centroavante.

Aos 27 minutos, Alessandro cometeu falta em cima de Pierre e foi expulso. Sete minutos depois, Souza bateu falta de longe e Felipe espalmou na última oportunidade de gol do clássico vencido pelo Palmeiras.

GE.Net
Link to post
Share on other sites

Ih, pessoal, não sei porque tanta comemoração, esses aí são fregueses há tanto tempo que daqui a pouco o maior clássico vai ser Palmeiras x São Paulo. 06

 

Mais de mil dias sem perder pros gambás. Nem Ronaldo resolveu e ainda fraturou a mãozinha. Daqui a pouco vão tentar contratar o Cristiano Ronaldo, Ibrahimovic, Eto'o, Deco só pra tentar vencer o Verdão. 06

 

Obina!!!!!!!!!!! 16

 

 

Link to post
Share on other sites

Liderança com gol salvador de Diego Souza pelo menos até o jogo do Galo hoje. 16

Florminense só em decadência, afundado até o pescoço. Que estréia do Renato, hein?  06

 

No Palestra Itália, Diego Souza garante

a vitória magra sobre os cariocas, que têm agonia e jejum prolongados

na zona de rebaixamento

 

Fernando Poffo e Julyana Travaglia

São Paulo

 

Tamanho da letra

 

 

var midiaEmbed = {

tema: "cinzaEscuro",

imagem: '/GMC/foto/0,,21504775-EX,00.jpg' ,

banda: 'TIPO_TXT' ,

corFundo : "FFFFFF",

corFonte : "000000",

corLink : "FF00FF",

corBorda : "00FF00",

autoStart: false,

midiaId: 1092208

};

 

 

var embed = new GMCEmbed(midiaEmbed);

embed.print();

 

Com o time jogando ao seu estilo, na base da paciência o técnico

Muricy Ramalho estreou no Palmeiras com

vitória sobre o Fluminense na

noite desta quarta-feira por 1 a 0. O Alviverde dorme na

liderança do Campeonato

Brasileiro, do jeito que o novo chefe, e atual tricampeão da

competição, gosta. Festa no Palestra Itália, que gritou o nome

do comandante e teve o apoio correspondido com braços para o

alto e murros no peito.

 

 

Agora com 31 pontos, o Palmeiras espera o

resultado do jogo entre Atlético-MG, seu concorrente, e

Flamengo, na noite desta quinta, no Maracanã, para confirmar a

liderança ao encerramento desta rodada – basta que o Galo não

vença para que o Alviverde assuma a ponta de forma isolada.

 

 

Já o Fluminense, apesar do empenho na partida,

segue com 11 pontos, na 19ª colocação, e mantém o clima tenso na

zona de rebaixamento. O time chegou a dez rodadas sem vencer na competição.

No próximo sábado, o Palmeiras tem seu primeiro desafio fora de

casa com Muricy no comando, visitando o Sport, no Recife. Já o

Fluminense encara o Atlético-PR, domingo, na Arena da Baixada.

 

 

CONFIRA A TABELA DE CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO BRASILEIRO  

 

 

 

Chuva e nada de gols 

 

 

O primeiro tempo entre Palmeiras e Fluminense foi movimentado.

Como dono da casa, o Alviverde se arriscou primeiro, com

Souza testando Fernando Henrique, mas sem levar dificuldade ao

arqueiro tricolor, logo no primeiro minuto de jogo. Aos 4, os

cariocas responderam com uma cabeçada de Kieza para fora.

 

 

Aos poucos, o Palmeiras foi dominando o jogo, no

campo encharcado por causa da chuva, e se impondo. Em um bom

lançamento de Danilo, aos 13 minutos, Cleiton Xavier teve a

chance de marcar, mas seu chute procurando o ângulo esquerdo de

Fernando Henrique acabou indo para fora. Dez minutos depois,

Wendel lançou Obina e novamente o goleiro tricolor afastou o

perigo.

 

 

Com os jogadores do Fluminense povoando bem o

meio-campo, as jogadas com Diego Souza e Cleiton Xavier ficaram

raras na partida. O Tricolor, por sua vez, apostou na

fragilidade do lado esquerdo da defesa paulista, aproveitando

para usar bastante Mariano e Conca, que se revezava no setor com

Marquinho. E aos 30 minutos, uma jogada pelo lado destro dos

cariocas quase fez com que o camisa 11 abrisse o marcador.

Marquinho chutou forte e Marcos, meio atrapalhado, afastou para

a linha de fundo.

 

 

- Eles são rápidos no contra-ataque. Temos de ter

mais atenção e pegar a criatividade porque o Diego Souza e o

Cleiton estão bem marcados. Outro jogador tem de aparecer, e o

Muricy deve pedir por esse elemento surpresa no intervalo –

disse Marcos, enquanto pelo lado tricolor, os atletas pediam cautela.

 

O zagueiro tricolor Edcarlos pregava a cautela.

 

- É um jogo difícil contra o líder. Precisamos ter cautela e

tranquilidade. É

se preocupar primeiro em não

perder para poder pensar em ganhar. Se a gente não tomar, vamos

achar um no contra-ataque e ganhar - avisou o zagueiro Edcarlos.

 

 

Gol de Diego Souza e abraço no chefe

 

 

Para tentar furar o bloqueio do Fluminense, Muricy sacou o

volante Souza, mal na partida, e optou por colocar um atacante

de fato ao lado de Obina. Assim Ortigoza deu maior movimentação

na frente palmeirense, fazendo com que o time da casa tivesse

mais posse de bola.

 

 

Apesar disso, foi o Tricolor que assustou, com uma

arrancada em velocidade de Kieza. Aos 11 minutos, o atacante

cortou um defensor palmeirense e, de fora da área, chutou

colocado, rente à trave esquerda de Marcos.

 

 

Depois do calafrio com Kieza, o Palmeiras se

encontrou e abriu o marcador. Com dois homens para se preocupar

em marcar, a zaga do Fluminense não viu Diego Souza receber

passe preciso de Cleiton Xavier e avançar para vencer Fernando

Henrique e fazer 1 a 0. Na comemoração, o jogador que usava a

camisa com o número 100, em alusão ao número de jogos que

alcançou contra o Corinthians, deu um forte abraço no novo

chefe, Muricy Ramalho.

 

Seis minutos depois, Armero tramou boa jogada pela esquerda e

passou para Cleiton Xavier, que ajeitou, mas viu seu chute subir

demais e sair por cima do travessão de Fernando Henrique. Apesar

do gol, o Fluminense não se intimidou. E em nova jogada de

velocidade, outra vez nas costas do lateral-esquerdo

palmeirense, Mariano cruzou e Maicon, que tinha acabado de

entrar, quase empatou a partida de cabeça. Para azar dele e

sorte de Marcos, a bola passou perto, mas um pouco acima do gol.

 

 

Aos 26 minutos, a jogada tricolor saiu pelo lado

esquerdo. Em jogada iniciada por Marquinho, Conca deu lindo

passe para Kieza, que chutou cruzado e viu a bola passar sem ser

tocada por ninguém até sair pela linha de fundo.

 

Com o passar do tempo, o Palmeiras passou a administrar o

resultado e valorizar a posse de bola. Para reforçar o sistema

defensivo, e manter o estilo Muricy de ser, Obina deixou a

partida, muito aplaudido, para a entrada de Marcão. Era a volta

do 3-5-2 ao Alviverde, fórmula com a qual o treinador venceu as

últimas três edições do Brasileiro.

 

Aos 41, Cleiton Xavier se livrou da marcação e acertou o pé da

trave direita de Fernando Henrique. No rebote, Ortigoza mandou

para fora. E o 1 a 0 foi o suficiente para brindar a estreia de

Muricy e deixar a exigente torcida palmeirense contente na fria

e chuvosa noite em São Paulo.

 

 

Link to post
Share on other sites

Aos gritos de ‘Fica, Andrade’, Flamengo vence e afasta Atlético-MG da liderança

Coadjuvantes rubro-negros fizeram os gols da vitória por 3 a 1, e treinador interino recebe apoio da torcida. Galo para nos 28 pontos

No encontro dos goleadores Adriano e Diego Tardelli, o Flamengo fez bom uso dos coadjuvantes para vencer o Atlético-MG por 3 a 1, na noite desta quinta-feira, no Maracanã. Além dos cariocas, quem comemora o resultado é o Palmeiras, que termina a 15ª rodada do Campeonato Brasileiro na liderança isolada, com três pontos de vantagem sobre os mineiros.

Léo Moura, Kleberson e Everton fizeram os gols do Rubro-Negro, e Eder Luis descontou. O resultado garantiu a segunda vitória consecutiva do Fla, ambas de virada, e quebrou a sequência de três jogos sem triunfo em casa. O time pulou para os 23 pontos e está na sétima posição.

Se há oito dias a torcida pedia a a troca no comando depois do empate por 1 a 1 com o Barueri clamando "Adeus, Cuca“, agora o tom mudou. E como. Os rubro-negros estenderam uma faixa (Andrade: estamos com você) e terminaram o jogo dando apoio ao treinador interino gritando: “Fica, Andrade”. Por enquanto, a diretoria avisou que só pensará no assunto depois do jogo de domingo, contra o Náutico, novamente no Maracanã. Até lá, o pedido das arquibancadas será atendido.  

Estacionado nos 28 pontos há duas partidas, o ex-líder Atlético-MG fica em segundo lugar, mas vê o pelotão encostar. Internacional (27) e Goiás (26) são os times mais próximos. A chance de reabilitação será no domingo contra o Coritiba, no Mineirão. 



 

 

Rafael Araujo2009-07-30 23:12:30
Link to post
Share on other sites

Verdão ganha um gol, dispara na ponta e mantém Sport no Z-4

 

 

 

 

Precisou o Sport perder o volante Hamilton, expulso, para o Palmeiras fugir da pasmaceira que tornava o jogo deste sábado, na Ilha do Retiro, muito chato. O jogo se arrastava para um empate sem gols e sem graça, quando o Verdão, com a vantagem de ter um jogador mais, conseguiu o seu gol. Ainda assim, dependeu da forcinha do lateral-esquerdo Bruno Telles, do Leão, que mandou a bola para rede ao tentar cortar cruzamento de Obina (assista no vídeo ao lado). Com o 1 a 0, a equipe do Palestra Itália dispara na liderança do Brasileirão, com 34 pontos, seis a mais que o Atlético-MG, que joga neste domingo contra o Coritiba. Nunca na história dos pontos corridos um time havia chegado à 16ª rodada com tantos pontos. Já o Sport segue na zona de rebaixamento, em 17º lugar, com 13. Dependendo dos resultados deste domingo, o Leão pode descer ainda mais.

 

 

 

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO COMPLETA DO BRASILEIRÃO

 

 

 

Na próxima rodada, o Sport enfrenta o Fluminense, no Maracanã, e o Palmeiras joga contra o Grêmio, no Palestra Itália. Os dois jogos serão quinta-feira, às 21h (horário de Brasília).

 

 

 

Verdão aperta mais, mas placar fica zerado

 

 

 

Os dois times entraram em campo com formações idênticas: três zagueiros, seis jogadores no meio e apenas um atacante. No Verdão, Cleiton Xavier e Diego Souza tinham a missão de encostar em Obina. No Leão, Fabiano e Luciano Henrique tentavam não deixar Ciro tão isolado. No início, o Palmeiras combinou melhor os passes, teve mais a bola e mostrou-se mais entrosado com essa formação alternativa. Cleiton Xavier, bem mais adiantado do que nos tempos de Vanderlei Luxemburgo, aparecia bem, com bastante mobilidade.

 

 

 

Com cinco minutos, o Verdão já havia criado duas boas chances: aos três, após ótimo cruzamento de Armero, Pierre apareceu sozinho na área, mas mostrou porque é volante e não atacante: ele pareceu se assustar com a grande chance e mandou a bola por cima da baliza, num chute torto. Em seguida, Cleiton recebeu na entrada da área, balançou à frente do marcador, e chutou rasteiro. A bola passou à direita.

 

 

 

O Sport tinha dificuldades para sair jogando. Desperdiçava passes no meio e, com isso, atraía o Palmeiras. Diferentemente do que costuma acontecer na Ilha do Retiro, o Leão não marcou a saída de bola para pressionar o adversário. Ficou acuado explorando contra-ataques. Tanto que só apareceu com perigo pela primeira vez aos 21, quando Fabiano surgiu livre no meio da zaga palmeirense e errou o alvo da cabeçada. Mandou por cima.

 

 

 

A partir dos 30 minutos, os times diminuíram o ritmo. Optaram por trocar passes de lado e só levaram algum perigo em jogadas de escanteio: Mauricio Ramos, aos 40, obrigou Magrão a fazer boa defesa, numa cabeçada. Aos 43, foi César, também de cabeça, após tiro canto, quem fez Marcos trabalhar.

 

 

 

Com um a mais, Verdão garante vitória

 

 

 

O segundo tempo começou na mesma toada: muito zagueiro e volante em campo e nenhuma jogada de perigo. Só marcação, divididas e chutões. O Palmeiras tentava colocar a bola no chão, mas o Sport desarmava bem. O problema é que o time pernambucano não sabia o que fazer com a bola.

 

 

 

O panorama mudou aos 17, quando Hamilton atropelou Diego Souza com um carrinho bastante perigoso e acabou expulso. A saída do volante abriu espaço para o Verdão criar jogadas e o resultado disso veio logo aos 24. Obina recebeu pela esquerda e cruzou rasteiro na direção de Cleiton Xavier. O lateral Bruno Telles tentou cortar, mas acabou empurrando para a rede. Com uma baita força do rival, o líder saía na frente.

 

 

 

Após o gol, o Palmeiras apenas controlou o jogo, buscando o ataque de vez em quando. Dava até para ampliar: aos 43, Cleiton Xavier recebeu sozinho dentro da área, ajeitou, mas mandou por cima. O Sport não tinha força, nem jogadores, para levar perigo ao time visitante e o jogo ficou nisso.

 

 

 

www.globo.comMinduim2009-08-01 23:48:18

Link to post
Share on other sites

Figueroa treina e é a novidade da reapresentação

 

 

 

O Palmeiras se reapresentou nesta segunda-feira na Academia de Futebol após ter um dia de folga. No sábado, os comandados do técnico Muricy Ramalho venceram o Sport por 1 a 0 na Ilha do Retiro. A principal novidade foi o primeiro treino com bola do lateral-direito chileno Figueroa após o seu regresso do Chile. Ele deve estar à disposição de Muricy para o duelo contra o Grêmio, quinta-feira, no Palestra Itália. "Estou me sentindo bem. Aprimorei a parte física nos últimos dias e fui liberado para treinar com bola, pois preciso adquirir rapidamente ritmo de jogo", disse o lateral-direito. Os atletas que iniciaram atuando contra o Sport fizeram atividades físicas e na sala de musculação, seguido de um trabalho de massagem de hidromassagem. Já o restante do elenco fez um treino com bola em campo reduzido, sob a orientação do técnico Muricy Ramalho e seus auxiliares, Tata e Jorginho.

 

 

 

UOLMinduim2009-08-04 00:41:11

Link to post
Share on other sites

 

O Palmeiras está perto de afastar a possibilidade de passar por um desmanche em 2009. Uma reunião realizada na sede da Traffic, em São Paulo, alinhavou um acordo em que a empresa parceira do clube se mostra disposta a não realizar lucros com a venda de atletas até dezembro. Faltam alguns detalhes e conversas (até com os jogadores) para que a novidade seja anunciada oficialmente.

 Mas a assessoria de imprensa do Palmeiras chamou os jornalistas para uma entrevista coletiva nesta quarta-feira de manhã. Nela, o presidente Luiz Gonzaga Belluzzo, o vice de futebol Gilberto Cipullo, vão estar ao lado de J. Hawilla (dono da Traffic) e Júlio Mariz (presidente da Traffic). Um pouco antes, os quatro conversam na Academia de Futebol e fecham o acordo. “É importante entender que nós montamos um time para ser campeão. Se quiséssemos ter lucros, montaríamos um banco. Agora, nossa parceira visa o lucro, mas vamos chegar a um acordo”, diz Belluzzo. 

 Na prática, Palmeiras e Traffic garantem a permanência do atual elenco, líder do Campeonato Brasileiro. O volante Pierre, que diz ter uma proposta de uma equipe dos Emirados Árabes, deve receber um aumento para permanecer até o final do contrato atual. O técnico Muricy Ramalho ficou contente ao saber desta decisão. “Já tinha falado para eles que não dava para abrir mão dos jogadores”, disse o técnico, minutos antes de entrar no programa “Encontro de Craques”, no canal BandSports.

Rafael Araujo2009-08-04 22:39:43
Link to post
Share on other sites

Palmeiras marca coletiva para dizer que Pierre fica

Depois de uma reunião de quase três horas, Palmeiras e Traffic decidiram marcar reunião para anunciar que o clube conseguirá manter o volante Pierre. O jogador tinha proposta dos Emirados Árabes, de um clube alemão e do Espanyol de Barcelona, que surgiu nos últimos dias e se tornou a mais vantajosa. O negócio emperrou na vontade do presidente Luiz Gonzaga Belluzzo, que se opõe a assinar a rescisão de qualquer jogador do Palmeiras até o final do Campeonato Brasileiro.

Belluzzo ganhou a primeira batalha, mas não a guerra.

A coletiva anunciada para esta quarta-feira deve contar com a presença de representante da Traffic. A ideia é dizer que o Palmeiras compra a parte que cabia à parceira.
 
Nos últimos dias, também chegaram propostas da Europa por Diego Souza e Cleiton Xavier. O camisa 10 tem oferta do CSKA, de Moscou.
 
Na reunião, ficou decidido que o Palmeiras não vende NINGUÉM.

Diego Souza e Cleiton Xavier serão mantidos com o apoio da Traffic.

Mas a parceira pretendia vender Pierre, por dois motivos:

1. Porque o jogador já tem 28 anos e dificilmente terá outra proposta; 2. porque a permanência significa aumento de salário, aumento do investimento com a certeza de que não haverá retorno no futuro.

Para o Palmeiras, o retorno pode ser o título brasileiro e isso é o suficiente para o presidente Luiz Gonzaga Belluzzo. "Só assino a rescisão se for por cima do meu cadáver", disse Belluzzo pela manhã, ao Bate-Bola primeira edição.

O ponto agora é resolver a situação salarial de Pierre. Não é pouco.

O jogador ganharia em torno de três vezes mais do que recebe, se fosse negociado com o Espanyol, de Barcelona. No elenco do Palmeiras, Mozart, contratado pelo ex-técnico Vanderlei Luxemburgo, recebe o dobro do salário de Pierre. E não joga. Pierre é ídolo.

No Bate-Bola primeira edição, Luiz Gonzaga Belluzzo deu a entender que haverá valorização: "O Pierre não quer sair. Ele quer valorização e isso vai acontecer."

Na guerra do êxodo, o futebol brasileiro ganha uma batalha. Está definido que o Palmeiras não vende NINGUÉM até o final do Brasileirão.

Pelo menos é esse o resultado da primeira batalha.

Link to post
Share on other sites

Robert é o atacante a caminho do Palmeiras

Atacante, de 28 anos, estava no futebol do México e já faz exames. Clube espera para assinar contrato

Robert%20já%20defendeu%20o%20Monterrey,%20do%20México,%20e%20chega%20ao%20Palmeiras

Robert já defendeu o Monterrey, do México, e chega ao Palmeiras

 

Robert é o atacante que está próximo de assinar com o Palmeiras. Nesta quarta-feira, o presidente Luiz Gonzaga Belluzzo afirmou que o Verdão irá anunciar um reforço do exterior, de 26 anos. Belluzzo se enganou. Na verdade, o atacante já tem 28 e estava atuando no América do México.

O jogador já está no Brasil realizando exames médicos e a contratação foi aprovada por Muricy Ramalho. Robert começou a negociar com o Palmeiras há cerca de 20 dias. Ele era uma das opções. O grande sonho era Vágner Love, mas o empréstimo do CSKA (RUS) é inviável e foi descartado. Fernandão, agora no Goiás, foi a outra tentativa.

Com 1,84m, Robert apareceu no Botafogo (SP), vice-campeão paulista em 2001. Ele era o grande destaque, ao lado de Leandro, ex-São Paulo e Corinthians. O atacante já passou pela Suíça, Rússia, México, Espanha, Holanda e Arábia. No Brasil, além do Botafogo (SP), defendeu São Caetano e Coritiba. O último clube brasileiro foi o Azulão, em 2003.

O contrato de Robert com o América terminou no meio desta temporada. Se aprovado nos exames, ele finalmente irá assinar com o Palmeiras. Belluzzo quer fazer o anúncio nesta quinta de manhã. O atleta também passou pelo Monterrey, do México.

Presidente da Traffic: 'Jogadores do Palmeiras são inegociáveis'

Julio Mariz garante manutenção dos atletas do Verdão até o final do ano

O%20presidente%20da%20Traffic,%20Julio%20Mariz,%20na%20Academia

O presidente da Traffic, Julio Mariz, na Academia (Crédito: Eduardo Viana)

LANCEPRESS!

 

A torcida palmeirense pode comemorar. A cúpula alviverde, representada pelo presidente Luiz Gonzaga Belluzzo e pelo vice de futebol Gilberto Cipullo, e o alto escalão da Traffic anunciaram na tarde desta quarta-feira que o elenco do Verdão permanece intacto até o final do ano.

- A informação passada para os atletas é que eles fazem parte do projeto de ser campeão, ir para a Seleção (Brasileira). Eles sabem que vão receber uma valorização esperando uma segunda chance. No fim do ano tem uma janela pequena, podem ser negociados. Os jogadores hoje passam a ser inegociáveis - sentenciou Julio Mariz, presidente da investidora do clube.

De acordo com o dono da Traffic, J. Havilla, nenhum valor será aceito pelos atletas.

- Nós não vamos aceitar nenhuma proposta para vender os jogadores, é um compromisso que assumimos com o Palmeiras. - declarou.

Desde o início da janela de transferências internacionais, em julho, Diego Souza e Cleiton Xavier receberam sondagens do exterior. O primeiro do Zenit (RUS), e o segundo da Fiorentina (ITA). Ademais, Pierre recebeu uma proposta do futebol dos Emirados Árabes e do Espanyol (ESP), mas o Alviverde divulgou nesta quarta que adquiriu 100% dos direitos federativos do volante, que estavam divididos entre Traffic (50%), o clube (25%) e outros (25%

Belluzzo anuncia permanência de Pierre e elenco do Palmeiras

Presidente afirma que clube adquiriu os direitos do volante pertencentes à Traffic e a empresário e que ninguém deixa o Verdão até o final do ano

Da%20esquerda%20para%20a%20direita:%20Julio%20Mariz,%20J.%20Hawilla,%20Belluzzo%20e%20Cipullo

Da esquerda para a direita: Julio Mariz, J. Hawilla, Belluzzo e Cipullo (Crédito: Eduardo Viana)

LANCEPRESS!

Pierre e todos os jogadores do elenco vão permanecer no Palmeiras. Em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira na Academia de Futebol, o presidente do Verdão, Luiz Gonzaga Belluzzo, e representantes da Traffic anunciaram que o clube adquiriu os direitos do volante pertencentes à investidora e ao empresário do atleta e, por isso, o guerreiro não vai deixar a equipe do Palestra Itália rumo aos Emirados Árabes ou à Europa.

- A comunicação de Palmeiras e Traffic é que nós decidimos manter o elenco como ele está, de modo que o Pierre vai se tornar jogador do Palmeiras e os outros que estão sendo mencionados como passíveis de negociação (Cleiton Xavier e Diego Souza) serão mantidos pela nossa parceira até o fim do Brasileiro. Isso mostra a natureza das relações que mantemos entre nós. Isso privilegia a disputa esportiva, sem considerar a situação financeira. Do ponto de vista do Palmeiras, é um orgulho trabalhar com uma parceira que tem essa visão do futebol. O Palmeiras sabe que a questão financeira é importante. É um orgulho para o Palmeiras manter a parceria, e essa decisão é prova disso - disse Belluzzo.

- O Pierre era 50% da Traffic, 25% do Palmeiras e 25% de outros. Agora é 100% do Palmeiras pelo nosso acordo - garantiu J.Hawilla, dono da Traffic.

Hawilla, também compareceu ao CT para dizer que o principal motivo da manutenção de Pierre no elenco palmeirense é para que o time seja campeão do Campeonato Brasileiro.

- A gente tinha dois caminhos: tentar ganhar o Brasileiro, ou realizar as negociações que surgem quase que todos os dias. A Traffic é consultada sempre para vender jogadores. É uma parceria de mão dupla. Queremos que o Palmeiras seja campeão. Nós optamos por não aceitar mais ofertas e repassamos o caso Pierre para o Palmeiras. Vamos nos entender com os investidores do nosso fundo e fazer uma explicação convincente. Ninguém garante que será campeão, mas temos possibilidade de fazer isso com esse elenco. Queremos trabalhar com conjunto com o Palmeiras. Nós não vamos aceitar nenhuma proposta para vender os jogadores, é um compromisso que assumimos com o Palmeiras - declarou Hawilla, ladeado por Gilberto Cipullo, vice de futebol do Alviverde, Julio Mariz, presidente da Traffic, e de Belluzzo.

Rafael Araujo2009-08-05 20:02:08
Link to post
Share on other sites

Discordo, se alguém esteve mais perto da vitória, este alguém foi o Grêmio. Contudo, o placar foi justo e a partida, boa, ainda que bem abaixo da empolgação da cabine de comentaristas. Goiás x Flamengo foi sensivelmente melhor, por exemplo, e nem ele entraria num top 10 de melhores jogos do Brasileirão agora, possivelmente.

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

Announcements


×
×
  • Create New...