Jump to content
Forum Cinema em Cena

Recommended Posts

Bem' date='

Eu gostei do filme,

Porem alguem sabe para onde as crianças vão no final??

O filme esta indo bem até o final, onde coisas surreais aconteceram...

 

Filme muito interessante.


03
[/quote']

 

eu acredito q elas vao passear na Disneyworld, pela Stella Barros..e sem duvida vao comemorar uma pascoa muito bonitinha levando os coelhinhos juntos..0208
Link to comment
Share on other sites

  • Replies 86
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Com spoilers...

 

Normalmente há um tópico exclusivo para discutir a crítica de Pablo e outro para discutir o filme. Depois de tanto procurar, percebi que concentraram tudo aqui. Então vamos lá...

 

Na minha humilde opinião, o filme é muito bom. Um dos melhores que vi neste ano, até agora, num ano tão fraco de filmes que nos apresentou decepções como Spirit, Dragonball, Punisher 2 e nem seria ético falar de Wolverine agora.

 

Pensei que Presságio iria pelo mesmo caminho, ainda mais tendo Cage como Protagonista. Mas acabou sendo uma grata surpresa.

 

Discutir se aqueles seres eram anjos ou ETs é o mesmo que discutir a Identidade e imortalidade de Ra's Al Ghul. Todos nós temos certeza de que é o Liam Neeson e que ele não é imortal, mas sempre tem alguém para discordar.

 

E afirmar que os seres são anjos é muita ingenuidade, uma vez que a idéia do filme é justamente defender a idéia de que "Eram os Deuses Astronautas", como a maioria dos colegas acima esta coerentemente comentando.

 

E achei extremamente interessante e pertinente a idéia exposta pelo nosso cologa Ben Wade, ao especular que a Terra tenha sido colonizada exatamente da mesma forma como aquele planeta visto no final do filme.

 

E Sunder, na boa, por tudo o que você leu na Bíblia e apredeu nas aulas de catequismo, você jura que acredita que os anjos viajam em Naves espaciais? ;)
Link to comment
Share on other sites

Com spoilers...

 

Normalmente há um tópico exclusivo para discutir a crítica de Pablo e outro para discutir o filme. Depois de tanto procurar' date=' percebi que concentraram tudo aqui. Então vamos lá...

 

Na minha humilde opinião, o filme é muito bom. Um dos melhores que vi neste ano, até agora, num ano tão fraco de filmes que nos apresentou decepções como Spirit, Dragonball, Punisher 2 e nem seria ético falar de Wolverine agora.

 

Pensei que Presságio iria pelo mesmo caminho, ainda mais tendo Cage como Protagonista. Mas acabou sendo uma grata surpresa.

 

Discutir se aqueles seres eram anjos ou ETs é o mesmo que discutir a Identidade e imortalidade de Ra's Al Ghul. Todos nós temos certeza de que é o Liam Neeson e que ele não é imortal, mas sempre tem alguém para discordar.

 

E afirmar que os seres são anjos é muita ingenuidade, uma vez que a idéia do filme é justamente defender a idéia de que "Eram os Deuses Astronautas", como a maioria dos colegas acima esta coerentemente comentando.

 

E achei extremamente interessante e pertinente a idéia exposta pelo nosso cologa Ben Wade, ao especular que a Terra tenha sido colonizada exatamente da mesma forma como aquele planeta visto no final do filme.

 

E Sunder, na boa, por tudo o que você leu na Bíblia e apredeu nas aulas de catequismo, você jura que acredita que os anjos viajam em Naves espaciais? ;)
[/quote']

 

Sinceramente, não é questão de catequismo... Isso não se aplica aqui... O que se aplica é o que eu entendi da mensagem... E, sinceramente, cada qual entende a mensagem como bem acha, não é mesmo?03

 

E, pergunto mais uma vez... Em que parte do filme é mostrado que eles são ET's?

 

No meu entender, de acordo com todas as citações feitas, o filme me leva muito mais a crer que a mensagem do filme é muito mais próxima do religioso do que qualquer outra coisa... A oliveira, o livro de Ezequiel, os "Cavaleiros do Apocalipse", o fim do mundo em fogo, os protagonista filho de pastor que duvida da existência de Deus (alguém aí por acaso lembra de um apóstolo?), isso só pra ficar em algumas coisas poucas...

 

E, pra terminar, se não é pra manter discussão e é pra aceitar todos os argumentos colocados por outros aqui, o fórum perde seu propósito... É um fórum de discussão, ou seja, ele serve para discutamos as mais diferentes teorias... No meu entender, eu tenho muito mais provas de que eles são anjos do que vocês tem de que eles são extraterrestres... E, só pra finalizar, citando algo bem tosco, mas ninguém notou "asas" quando eles revelam sua verdadeira forma? É a visão clássica dos anjos: Seres alados, belíssimos e com luz própria...

 

Mas, bom... Alguns simplesmente consideram que sua opinião é a verdade absoluta e ao invés de contra-argumentar com quem discorda, simplesmente parte para ironias desrespeitosas e nada mais, o que só demonstra a incapacidade de discutir sobre o assunto...
Link to comment
Share on other sites

Olá a todos!

 

Venho acompanhando alguns tópicos do fórum já há muito tempo, mas só agora tomei a iniciativa de me cadastrar...

 

Eu vi o filme segunda-feira. O filme tem um enredo muito bom, porém um desfecho que deixa a desejar, além disso, considero que o gênero que mais se destaca na trama seja de ficção científica, o que eu não esperava. O marketing do filme roda em torno do suspense.... enfim... me preparei psicologicamente pra um filme, e vi outro.... uhauahuah!

 

Reparei que há um confronto de interpretação quanto àquelas criaturas exageradamente brancas... Concordo em parte com a comparação a anjos, até mesmo devido a eles dizerem o tempo todo que a mãe da menina estaria em um lugar melhor, depois que morreu. Contudo, se viermos a crer nisso, baseado no que o pai de "Cage" diz, que a morte não seria o final, e logo depois se abraçam, pq aqueles que acreditavam na salvação não foram levados na nave???? Seriam os escolhidos os da tribo de Davi??? E o resto, vai pra outro plano astral???

 

Bom, na concepção de que são criaturas ETs, ficaria difuso todo o discurso determinista do filme, uma vez que o tempo todo há a compreensão dos acontecimentos frente a bíblia... e mesmo após o encontro do "Cage" com as criaturas, ele vai até o pai, que ja tinha mostrado sua concepção de aceitar a morte como vontade de Deus, e o abraça, demonstrando ter voltado a acreditar em Deus.

 

Bem, foi isso que observei!

 

 

Beijossss....

 
Link to comment
Share on other sites

Sunder, na boa... tú é cheio de "não me toque". Qualquer coisinha já fica todo sentido. E isso eu percebo desde a época de Batman Begins.

 

Pergunte a qualquer colega aqui do fórum se meu post faltou com respeito a você e tenho certeza que a maioria dirá que não. Minha ironia é simplesmente para causar humor e mostrar o quanto o seu ponto de vista é falho. E não para desrespeitar você ou qualquer outra pessoa.

 

>> E reforço a pergunta para todos que ainda acreditam na teoria dos anjos: Onde já se viu anjo viajar em nave espacial??? Me respondam isso, por favor.

 

E você, melhor do que ningúem, deveria saber que eu não faço o tipo que sai atropelando a opinião alheia. Respeito a sua, mas discordo totalmente. Vc acreditar que os seres são anjos porque têm asas, é muita ingenuidade, sim (e te chamar de ingênuo não é faltar respeito, até onde eu saiba).

 

Mas a idéia do filme é justamente essa, mostrar que toda a nossa cultura religiosa, inclusive a imagem que temos dos anjos, decorre de aparições desses seres alienígenas, mais uma vez batendo na gasta tecla, de que "os deuses eram astronautas".

 

Isso não é uma verdade absoluta, só é o ponto de vista mais plausível e coerente. É só fazer uma enquete aqui e agora e perguntar para todos os usuários o que eles acreditam (Et's ou Anjos?) A verdade absoluta está na cabeça do diretor (ou roteirista). Talvez em alguma entrevista eles coloquem um ponto final nessa discussão.

 

Até hoje espero que os irmãos Wachowski digam se Zion é ou não uma outra simulação. rs!
Alexander_Bell2009-04-23 00:43:06
Link to comment
Share on other sites

Da mesma forma que não fica claro se eles são ETs também não é nada explícito que são anjos.

 

Pra mim, o indício primordial de que são ETs é que eles vão embora em naves (arcas).

E o lance da luz... bom, existem vários relatos de ETs de forma luminosa... no próprio cinema inclusive tem referência em O Segredo do Abismo e principalmente Cocoon.

 

Agora, Veras, acho que o filme, da mesma forma que Sinais, quer passar a mensagem de fé, de que nada é por acaso e tudo mais. O personagem de Nick Cage acredita que tudo é obra do acaso e durante o filme ele percorre um caminho para compreender que é exatamente o contrário.

 

 

Enfim, especulando agora sobre o final. O que vocês acham? Quando vocês viram aquele monte de naves saindo da Terra, vocês acham que em cada nave daquela tinha um casal escolhido e diversos animais ou em cada nave ia apenas uma espécie de animal?

 

Eu fico com a primeira opção, o que considero brilhante. Seria forçado demais acreditar que "adão e eva" eram americanos e que toda a humanidade voltaria descendendo apenas deles. Acho que é coerente que cada nave tivesse seu próprio casal... o que de certa forma explicaria a diversidade racial.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Acredito sim' date=' que cada nave tinha um casal de crianças e provavelmente vários casais de animais (pura especulação, apenas por fazer mais sentido). E ainda acredito que naves partiram de todos os lugares do planeta. Não faria sentido levar apenas a fauna norte-americana para uma nova colonização.[/quote']

 

entao se partiu tb alguma nave daqui do Brasil, deve ter levado junto o Lula e a Sandy, dois especimes raros de nossa fauna tupiniquim.. um burro q governa e uma piriquete..
Link to comment
Share on other sites

 

 

 

Sunder' date=' na boa... tú é cheio de "não me toque". Qualquer coisinha já fica todo sentido. E isso eu percebo desde a época de Batman Begins.

 

Pergunte a qualquer colega aqui do fórum se meu post faltou com respeito a você e tenho certeza que a maioria dirá que não. Minha ironia é simplesmente para causar humor e mostrar o quanto o seu ponto de vista é falho. E não para desrespeitar você ou qualquer outra pessoa.

 

>> E reforço a pergunta para todos que ainda acreditam na teoria dos anjos: Onde já se viu anjo viajar em nave espacial??? Me respondam isso, por favor.

 

E você, melhor do que ningúem, deveria saber que eu não faço o tipo que sai atropelando a opinião alheia. Respeito a sua, mas discordo totalmente. Vc acreditar que os seres são anjos porque têm asas, é muita ingenuidade, sim (e te chamar de ingênuo não é faltar respeito, até onde eu saiba).

 

Mas a idéia do filme é justamente essa, mostrar que toda a nossa cultura religiosa, inclusive a imagem que temos dos anjos, decorre de aparições desses seres alienígenas, mais uma vez batendo na gasta tecla, de que "os deuses eram astronautas".

 

Isso não é uma verdade absoluta, só é o ponto de vista mais plausível e coerente. É só fazer uma enquete aqui e agora e perguntar para todos os usuários o que eles acreditam (Et's ou Anjos?) A verdade absoluta está na cabeça do diretor (ou roteirista). Talvez em alguma entrevista eles coloquem um ponto final nessa discussão.

 

Até hoje espero que os irmãos Wachowski digam se Zion é ou não uma outra simulação. rs!
[/quote']

 

Cheio de não me toques? Se querer respeito a minha opinião é ser "cheio de não me toques", então sou sim... E, não me venha com essa desculpa esfarrapada de ser pra fazer graça, que fazer graça com a opinião alheia é uma forma de desrespeitá-la, isso é algo mais que óbvio (pelo menos para mim... e aí, sempre é bom lembrarmos que estamos, em um fórum de discussão, lidando com os mais diversos tipos de pessoas...), e se vc percebe desde a época de Begins, então isso é algo que nem te assusta mais, e nem entendo pq vc vem aqui encher a paciência falando que sou "cheio de não me toques"... Cada qual na sua Bell... Se vc sabe que quando fazem graça com minha opinião eu me ofendo, pq vc não muda de postura? É tão difícil assim entender que as pessoas gostam de ter a sua opinião respeitada e que consideram que brincadeirinhas são demonstrações de desrespeito à opinião delas? Mas, vamos ao que realmente interessa...

 

Mas, falando sobre questão de igenuidade... Pq seria igenuidade da minha parte achar que o roteirista e diretores queriam demonstrar que os seres eram anjos ao se utilizarem de uma visão clássica de anjos? Não vejo igenuidade alguma, na verdade, vejo é a constatação de algo óbvio, só isso...

 

Agora, sem dúvida que é provável que eles sejam ET's... Mas, continuo achando que existem mais "provas" de que eles são anjos do que extraterrestres... Mas, como vc bem disse, essa é uma discussão tão complexa quanto a questão do Ducard/Ra's ou sobre Zion (e nessas duas, eu acredito que Liam Neeson não foi o filme inteiro Ra's, e considero que Zion é uma outra simulação dentro da própria Matrix...)

 

Quanto a questão de anjos sairem em naves espaciais... Bom... Na sua cabeça aquilo lá é uma nave espacial... E, na minha cabeça, aquilo é uma espécie de "arca"... Tá sacando o que eu tô a todo instante dizendo nos meus post's? Opinião, interpretação... E em momento algum eu estou sendo irônico e fazendo graça com a sua opinião, com a sua interpretação, ao contrário de vc... Mas, bom... Vc vai mais uma vez dizer que eu sou cheio de "não me toques", e eu tô pouco me lixando pra isso...

sunderhus2009-04-23 16:42:15

Link to comment
Share on other sites

 

Acredito sim' date=' que cada nave tinha um casal de crianças e provavelmente vários casais de animais (pura especulação, apenas por fazer mais sentido). E ainda acredito que naves partiram de todos os lugares do planeta. Não faria sentido levar apenas a fauna norte-americana para uma nova colonização.[/quote']

 

O que o filme dá a entender é que as "arcas" saíram de vários lugares diferentes do planeta...

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

Eu fico com a primeira opção' date=' o que considero brilhante. Seria forçado demais acreditar que "adão e eva" eram americanos e que toda a humanidade voltaria descendendo apenas deles. Acho que é coerente que cada nave tivesse seu próprio casal... o que de certa forma explicaria a diversidade racial.

 

[/quote']

 

PERFEITO!!!10

 

Link to comment
Share on other sites



Eu fico com a primeira opção' date=' o que considero brilhante. Seria forçado demais acreditar que "adão e eva" eram americanos e que toda a humanidade voltaria descendendo apenas deles. Acho que é coerente que cada nave tivesse seu próprio casal... o que de certa forma explicaria a diversidade racial.
[/quote']

PERFEITO!!!10

 

Tb concordo. Imaginem ai, os dois teriam um filho ou filha e depois?? incesto??????
Link to comment
Share on other sites

 

 

Eu fico com a primeira opção' date=' o que considero brilhante. Seria forçado demais acreditar que "adão e eva" eram americanos e que toda a humanidade voltaria descendendo apenas deles. Acho que é coerente que cada nave tivesse seu próprio casal... o que de certa forma explicaria a diversidade racial.

[/quote']

 

PERFEITO!!!10

 

Tb concordo. Imaginem ai, os dois teriam um filho ou filha e depois?? incesto??????

 

Mas... Bom... Adão, Eva... Caim e Abel... Caim matou Abel... E o restante da humanidade?0906

06

Link to comment
Share on other sites



Eu fico com a primeira opção' date=' o que considero brilhante. Seria forçado demais acreditar que "adão e eva" eram americanos e que toda a humanidade voltaria descendendo apenas deles. Acho que é coerente que cada nave tivesse seu próprio casal... o que de certa forma explicaria a diversidade racial.
[/quote']

PERFEITO!!!10

 

Tb concordo. Imaginem ai, os dois teriam um filho ou filha e depois?? incesto??????


Mas... Bom... Adão, Eva... Caim e Abel... Caim matou Abel... E o restante da humanidade?0906
06

 

Por isso q eu não discuto religião, a Bíblia é o roteiro com mais furos já escrito ever!!!!
Link to comment
Share on other sites


Enfim' date=' especulando agora sobre o final. O que vocês acham? Quando vocês viram aquele monte de naves saindo da Terra, vocês acham que em cada nave daquela tinha um casal escolhido e diversos animais ou em cada nave ia apenas uma espécie de animal?

[/quote']

 

As crianças levaram um casal de coelhos, então em cada nave/arca/whatever deveria ter um casal de crianças, junto com um casal de alguma espécie de animal. É o que acho.
Link to comment
Share on other sites

Sim, logicamente que cada um tem sua leitura do filme. Mas ninguém precisa ficar dizendo em todos os posts que o que está ali é a conclusão de cada um, né?

 

Para mim, o filme foi completamente cientologista. Justamente, como disse o Alexander_Bel... reforçando que a idéia que teríamos de religião, na verdade teria cunho alienígena. O filme fez comparações tipologicas bíblicas com as naves; trouxe espécimes et's com asas e luz, assemelhando-se à idéia que alguns têm de anjos; mostrou os 4 cavaleiros do apocalipse, etc. E por fim, ainda mostra uma colonização alienígena, da forma como a cientologia acredita. E de fato, ainda ilustra o planeta inicial a ser colonizado semelhante aos descritos Jardim do Éden e Árvore da vida. Ou seja, a idéia que nós teríamos do gêneses e que transformamos isso em Deus, seria uma colonização alienígena, com todas as tipologias religiosas mostradas como tipologias alienígenas.

 

O que eu não gostei do filme, foi justamente porque acreditei que ele fosse fazer um embate de paradigmas filosóficos... e quando estava hiper feliz, de repente, não foi.

 

Agora' date=' Veras, acho que o filme, da mesma forma que Sinais, quer passar a mensagem de fé, de que nada é por acaso e tudo mais. O personagem de Nick Cage acredita que tudo é obra do acaso e durante o filme ele percorre um caminho para compreender que é exatamente o contrário.[/quote']

 

Veja bem... o filme mostra o Cage acreditando na CASUALidade, mas AFIRMA que ele está errado, e o que vinga mesmo é a CAUSAlidade. Afirmou. Chegou e disse e pronto. Sendo esse um determinismo cientologista ou religioso, cristão, que seja. Não criou um embate. Mostrou que o personagem ficou "oh, não era o que eu pensava" e só.

 

Esse é um dos pontos que enfraqueceu o filme pra mim. Em nenhum momento Sinais afirmou NADA com respeito a crenças... ele mostrou um embate... e aí as conclusões e discussões são de cada um.

 

Honestamente... já vimos a Terra ser destruída, ou quase isso, 1 milhão de vezes... seja por água, por meteoro, congelada, pelos próprios ets... Pela irradiação solar é só mais uma. Se o filme quisesse ter sido realmente bom, teria ido além disso. O que, PARA MIM, não foi.

 

Jogar informações na tela não é ir além... é só criar alegorias diferentes. Manteve um certo suspense ATÉ certa altura... ok. As cenas de catástrofe foram boas... ok. Mas ficou por aí... e eu esperei mais, então me frustrei.

 

Porém (se a pessoa não for do gênero que odeia finais catastróficos e/ou sci-fi viajante demais) vale a pena ver. Mas não precisa ser no cinema. Pode ser em casa mesmo.
Link to comment
Share on other sites

 

Agora' date=' Veras, acho que o filme, da mesma forma que Sinais, quer passar a mensagem de fé, de que nada é por acaso e tudo mais. O personagem de Nick Cage acredita que tudo é obra do acaso e durante o filme ele percorre um caminho para compreender que é exatamente o contrário.[/quote']

 

Veja bem... o filme mostra o Cage acreditando na CASUALidade, mas AFIRMA que ele está errado, e o que vinga mesmo é a CAUSAlidade. Afirmou. Chegou e disse e pronto. Sendo esse um determinismo cientologista ou religioso, cristão, que seja. Não criou um embate. Mostrou que o personagem ficou "oh, não era o que eu pensava" e só.

 

Esse é um dos pontos que enfraqueceu o filme pra mim. Em nenhum momento Sinais afirmou NADA com respeito a crenças... ele mostrou um embate... e aí as conclusões e discussões são de cada um.

 

 

Discordo.

Em Sinais a discussão sobre coincidência e determinismo é mais aprofundada, até por ser um personagem principal um reverendo. Mas não acho que deixa margens a nenhuma interprtação que não seja que os Sinais (todos) acontecem por um motivo. Tudo por um motivo.

 

Presságio não enfoca tanto na questão, mas creio que deixa a mesma mensagem. Nick Cage acredita (ou pelo menos não quer acreditar que não seja) na casualidade, que tudo seja coincidência, mas sua jornada durante o filme o leva a crer que as coisas acontecem por um motivo maior.

E a cena final, de seu confronto com os Ets é clara ao mostrar isso. Ele se ajoelha e chora, quase como uma redenção (ou rendição).

 

Ah, e em defesa dos não cientologistas, não só os cientologistas que acreditam nessa teoria alien. Muitos ufólogos não cientologistas acreditam nesa tese.
Link to comment
Share on other sites

Tem Spoiler no meu texto todo. Aliás.. tem Spoiler no tópico todo... rsrs

 

-------------------------------------------------------

Sinais não disserta exatamente sobre livre-arbítrio e determinismo.

 

Em Sinais a discussão é sobre se existe um Deus que interfere, ou se ele é alheio. Em nenhum momento ele deixa de crer em Deus... ele tem raiva dele... pq ele não interferiu na vida dele quando ele mais precisou. Se ele não interfere, não adianta ser devoto. Então ele abandona a batina.

 

E no fim o personagem, fez as pazes com Deus. Porque ELE acreditou que Deus interveio na vida dele. Porque a razão pela qual Deus teria feito o menino ter asma era para que, quando aquela situação acontecesse, ele não inalasse o veneno.

 

Mas você achou que, em Sinais, tudo ocorre por um motivo? Pois pra mim, em Sinais é tudo coincidência. Mas o personagem viu aquilo como uma intervenção, mostrando que Deus está para aquele que o consegue enxergar. Nada foi fechado e esfregado como verdade na cara do espectador.

 

Presságio mostra que o personagem se "redime" sobre o determinismo... pois é isso mesmo que é, e ele estava errado em pensar diferente antes. As coisas são mostradas de fato. Como você mesmo afirmou, não há espaço para outras interpretações (quanto à causalidade).

 

Desenhando:

Não há como o espectador sair do filme e dizer "ah, mas na verdade no filme foi tudo uma grande coincidência." Estava escrito, literalmente.

Interpertações de que são Ets ou anjos é outra história.

 

Link to comment
Share on other sites

Olá Kiko , Também já passei por estes problemas no Cinemark.Sobre o filme Presságio concordo com você sobre os furos na trama , a seguir lhe apresento um comentário que fiz sobre o filme em outro forum que talvez lhe dê uma outra visão sobre o filme.01

 

< ="Content-" content="text/; charset=utf-8">< name="ProgId" content="Word.">< name="Generator" content="Microsoft Word 10">< name="Originator" content="Microsoft Word 10"><>

 

Apesar das críticas negativas ao filme , acredito que este

seja um dos melhores trabalhos realizados sobre o tema apocalipse. Para aqueles

que possuem algum conhecimento bíblico sobre o fim dos tempos, o filme

apresenta conceitos básicos sobre a sequencia de eventos que a Bíblia relata

que acontecerão no fim dos dias.

 

Pelo fato do tema ser complexo ,para quem não possui contato com a bíblia ou

algum conhecimento sobre o Livro do Apocalipse, o diretor coloca na estrutura

do filme pontos de contato entre o espectador e a realidade atual dos

acontecimentos, como as diversas tragédias que são totalmente verídicas ,a não

ser as 3 ultimas que são fictícias mas tambem utiliza a mesma simbologia que a

Bíblia utiliza para trazer o conhecimento(Knowing) sobre o final dos tempos. O

título do filme em ingles Knowing quer dizer "conhecimento" foi

traduzido para o português como "Presságios" o que não retrata a

proposta do filme pois a menina Lucinda foi avisada por anjos dos acidentes em

sequencia ou seja fatos que aconteceriam , enquanto um presságio é , de acordo

com os dicionários,um sinal que se supõe indicar um acontecimento futuro.

 

 

 

O filme como relatei é carregado de simbologia bíblica alguns deles são os

seguintes :

 

 

 

Crianças prevendo o futuro : A bíblia relata que nos ultimos dias cranças

profetizarão alertando as pessoas sobre o fim iminente.

 

 

 

Anjos na Terra : Como em Sodoma e Gomorra os anjos visitaram estas cidades para

avisar algumas pessoas e tentar salva-las da catastrofe iminente que se

abateria sobre as duas cidades.

 

Como na sequência em que Nicolas Cage persege um dos estranhos que lhe cega

momentaneamente com uma luz intensa , o mesmo ocorreu em Sodoma quando as

pessoas daquela cidade quiseram abusar sexualmente dos mensageiros(anjos).

 

 

 

A pedra negra : A pedra negra era utilizada nos tribunais antigos para dar uma

sentença de condenação e uma pedra branca indicava absolvição daquele que

estava sendo julgado. O filme por algumas vezes mostra pessoas recebendo pedras

negras que significam ,no contexto a condenação daqueles que rejeitaram o

conhecimento de Deus através dos meios que Deus proveu para avisar toda a

humanidade como a Bíblia , os profetas ,etc.

 

 

 

No caso de Tedy Myles (Nicolas Cage) depois da morte de sua mulher ele

abandonou sua fé , pois seu pai era pastor e provavelmente o ensinou deste a

infancia o instruiu sobre estes acontecimentos e sobre a fé em Deus.

 

 

 

A Explosão Solar: Uma das pragas finais que a bíblia relata , descreve que o

sol subiria sua temperatura em sete vezes , mas não destruiria totalmente a

humanidade. Quando da segunda vinda de Cristo , O livro do Apocalipse que a

Terra será purificada pelo fogo e renovada.

 

 

 

A roda com olhos de Jeremias 1 : Numa das sequencias Tedy encontra uma figura

bíblica retratanto a roda com olhos e os seres viventes que foram mostrados a

Jeremias em visão.Alguns estudiosos interpretaram estas viões como contato com

visitantes espaciais.

 

 

 

A Árvore da Vida : Na sequencia final é mostrada uma bela arvore no centro do

que parece ser um grande jardim . A biblia relata que na Terra renovada a

Arvore da Vida retornará para a este mundo e os eleitos se reunirão em torno

dela uma vez por semana para adorar a Deus na terra renovada.

 

 

 

Uma das melhores sequencias do filme é quando Tedy (Cage) se desespera ao ver

que não pode acompanhar o filho pois foi condenado por rejeitar a Deus e a

crença na vida eterna.A sensação de desespero destas pessoas também é relatada

na Bíblia , elas pedem que as rochas caiam em suas cabeças pois não têm

salvação ou seja perderam a vida eterna por não tomarem tempo para conhecer a

Deus.

 

 

 

Finalizando , acredito que este filme é uma das visões que mais se aproximam do

que a Bíblia relata dos últimos acontecimentos deste planeta

 

 

 

 

Link to comment
Share on other sites



Eu fico com a primeira opção' date=' o que considero brilhante. Seria forçado demais acreditar que "adão e eva" eram americanos e que toda a humanidade voltaria descendendo apenas deles. Acho que é coerente que cada nave tivesse seu próprio casal... o que de certa forma explicaria a diversidade racial.
[/quote']

PERFEITO!!!10

 

Tb concordo. Imaginem ai, os dois teriam um filho ou filha e depois?? incesto??????


Mas... Bom... Adão, Eva... Caim e Abel... Caim matou Abel... E o restante da humanidade?0906
06

 

Por isso q eu não discuto religião, a Bíblia é o roteiro com mais furos já escrito ever!!!!

 

hehehehehhehe... Mais pura realidade... Tem furos sim...06
Link to comment
Share on other sites

Olá ,Bia . Suas observações são plenamente pertinentes e muito boas , o

roteiro do filme é baseado na interpretação bíblica dos momentos finais

do planeta de acordo com o livro do Apocalipse , no roteiro foram

colocadas diversas referências biblicas que não são explicadas, por que

nos Estados Unidos , como é um país predominantemente protestante, onde

as crianças normalmente são ensinadas a aprender a bíblia diariamente ,

estas referencias são facilmente entendidas pelo publico americano ,

quem não conhece muito bem esta simbologia bíblica realmente fica

confuso diante do filme. Nos comentários deste forum e de outros, 

muitos  acreditaram serem extraterrestres que sabiam do destino da

Terra e preparam um novo recomeço para a civilização e outros que eram

anjos realmente que estavam recolhendo os salvos ou eleitos.Na minha

opiniao a produção foi realizada com o intuito de captar tanto o

publico aficcionado por SCi-FI como o publico interessado em suspense

religioso e ainda os que gostam de filmes catástrofe. Com relação a

sequencia onde milhões de pessoas são deixadas para morrerem na Terra ,

o livro do Apocalispe diz que no dia final deste planeta existirão duas

classes de pessoas os eleitos ou salvos e os rejeitados ou ímpios. Os

salvos serão levados desta Terra por mil anos e reinarão com Deus

durante esses  mil anos  e os impios serão destruidos pela gloria de

Deus , que no filme é mostrado como o Sol. Se raciocinarmos que o filme

mostra extraterrestres transportanto pessoas para outro planeta haveria

uma incoerencia muito grande pois com suas naves eles poderiam evacuar

todas as pessoas do planeta , não precisariam escolher algumas pessoas

no caso poucas crianças .Em suma foi uma adaptação livre da bíblia.

 

Abraços , Carlos

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

Mas... Bom... Adão' date=' Eva... Caim e Abel... Caim matou Abel... E o restante da humanidade?0906
06[/quote']

 

Por isso q eu não discuto religião, a Bíblia é o roteiro com mais furos já escrito ever!!!!

 

Sem querer entrar no mérito aqui, a Bíblia relata a continuidade da humanidade após Caim e Abel... Genesis 5:3-5

 

3

Viveu Adão cento e trinta anos, e gerou um filho à sua semelhança, conforme a sua imagem, e lhe chamou Sete.

4

Depois que gerou a Sete, viveu Adão oitocentos anos; e teve filhos e filhas.

5

Os dias todos da vida de Adão foram novecentos e trinta anos; e morreu.
Link to comment
Share on other sites

Sunder, na boa... paz.

 

Jailcante... se cada nave levasse apenas um casal de animal, seria um baita desperdício de espaço e seriam necessárias muito mais naves para levar todas as espécies.

 

Mas, por outro lado, talvez os Aliens não estivessem tão preocupados em salvar toda a fauna e realmente só tenham levado uma dúzia de espécies, pois a missão primordial era salvar a espécie humana.

 

E quanto a Sinais, como diria o próprio personagem do Gibson, há duas formas de enxergar a vida: Uma, achando que não existem milagres (tudo é coincidência). A outra, é achando que todas as coisas são um milagre (nada é por acaso).

 

Mas concordo que nesse filme, Shyamalan levanta um bandeira do tamanho de um estádio e defende todas as cores, com toda as forças, da segunda teoria.

 

Achar que as frases delirantes da esposa moribunda, a rebatida forte do irmão, a doença do filho e a mania de largar copo com água da filha é "mera coincidência" ... é forçar a barra.

 

Poucos filmes conseguem jogar um debate no ar sem defender um ponto de vista. Cito como exemplo O Exorcismo de Emily Rose. O filme acaba e não há como afirmar com certeza se a garota estava possuída ou se era doente. Claro que cada um sai do cinema com sua própria opinião, mas o filme não põe um ponto final no debate.
Alexander_Bell2009-04-24 15:30:45
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements


×
×
  • Create New...