Jump to content
Fórum atualizado. Avançar páginas e Links do Youtube Voltaram a funcionar. ×
Forum Cinema em Cena
henrique felipe

Prometheus (dir Ridley Scott) 2012

Recommended Posts

Vejo como mais uma evolução da espécie. O alien mostrado em Prometheus é diferente, uma etapa anterior ao que conhecemos em "Alien, o 8º Passageiro" onde temos a criatura completa. O final aberto de Prometheus não quer dizer que haverá uma continuação. Não é incomum os diretores trabalharem dessa forma, fazem um filme com um pé no futuro infelizmente é como a coisa funciona em Hollywood. E é aberto porque a história claramente não termina ali.

 

Eu recomendo a quem tiver a versão tripla do filme assistir todo o processo de produção de Prometheus eu sei que muita gente não liga pra isso, ou mesmo considera importante mas é lá que está grande parte da visão do diretor, suas ideias e projeções para o filme, neste caso, fundamental as explicações da equipe de produção e do próprio Ridley Scott, esclarecendo as conexões existentes não só entre Alien/Prometheus mas apontando caminhos interessantes (e lógicos) entre a Tyrrel Corporation de Blade Runner e a Weyland Corp., o equívoco do título (não há conexão alguma com o mito de Prometeu), os documentários que "carregam" o espectador para dentro dos cenários gigantescos do filme fazendo tudo parecer tão incrivelmente real, talvez não só pela opção do pouco uso do CGI mas também pelo rigor técnico do diretor que detalhou tudo em storyboards e pelo comprometimento da equipe técnica. Esse é um extra interessantíssimo e pouco explorado por quem compra um bluray,

 

Enfim, acho Prometheus um filme que a seu devido tempo terá o seu lugar entre as obras de ficcão mais instigantes já produzidas, algo que irá além do já batido "prometeu e não cumpriu" e sim, independente de gostarem ou não, este é um filme com pré requisitos, sem conhecer o universo de Alien (a fundo) dificilmente você irá "comprar" a proposta oferecida aqui.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Também não vi o que interpretar ali. É só o fim do ciclo pra se criar um Alien. Esse ciclo aqui:

 

prometheus_infographic.jpg

 

Só achei estranho que pra se chegar em um Alien é necessário 2 engenheiros irem pro saco e humano, no fim, só precisa matar um.

 

Eu perguntei, por que no 8 passageiro, o "Engenheiro" está morto (com o buraco na barriga e tudo) na cadeira de comando e o no final de Prometeus, ele morre no chão da nave humana.

Acho que teve mais um Alien depois desse final de Prometeus.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Há notícias amplamente fartas sobre Prometheus 2 (e não faz nem 6 meses que o primeiro foi produzido). O primeiro já foi concebido obviamente para que haja um segundo. Isso prejudicou a narrativa, criou ecos inadmissíveis e eventos inexplicáveis. Acho até que o filme vai ter um status de cult em breve, mas para mim não justifica. Arrastar-se por temáticas interessantes, como eu disse, quando você não se propõe a discuti-las (ou é extremamente superficial) é uma falha enorme, intransponível para mim. Deixar algo implícito é uma coisa, deixar lacunas para continuar em outra oportunidade é outra, detesto. E, sim, ADORO o primeiro Alien (e mais ainda sua continuação). Quem é Prometheus perto...bom, deixa pra lá.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vejo como mais uma evolução da espécie. O alien mostrado em Prometheus é diferente, uma etapa anterior ao que conhecemos em "Alien, o 8º Passageiro" onde temos a criatura completa. O final aberto de Prometheus não quer dizer que haverá uma continuação. Não é incomum os diretores trabalharem dessa forma, fazem um filme com um pé no futuro infelizmente é como a coisa funciona em Hollywood. E é aberto porque a história claramente não termina ali.

 

Eu recomendo a quem tiver a versão tripla do filme assistir todo o processo de produção de Prometheus eu sei que muita gente não liga pra isso, ou mesmo considera importante mas é lá que está grande parte da visão do diretor, suas ideias e projeções para o filme, neste caso, fundamental as explicações da equipe de produção e do próprio Ridley Scott, esclarecendo as conexões existentes não só entre Alien/Prometheus mas apontando caminhos interessantes (e lógicos) entre a Tyrrel Corporation de Blade Runner e a Weyland Corp., o equívoco do título (não há conexão alguma com o mito de Prometeu), os documentários que "carregam" o espectador para dentro dos cenários gigantescos do filme fazendo tudo parecer tão incrivelmente real, talvez não só pela opção do pouco uso do CGI mas também pelo rigor técnico do diretor que detalhou tudo em storyboards e pelo comprometimento da equipe técnica. Esse é um extra interessantíssimo e pouco explorado por quem compra um bluray,

 

Enfim, acho Prometheus um filme que a seu devido tempo terá o seu lugar entre as obras de ficcão mais instigantes já produzidas, algo que irá além do já batido "prometeu e não cumpriu" e sim, independente de gostarem ou não, este é um filme com pré requisitos, sem conhecer o universo de Alien (a fundo) dificilmente você irá "comprar" a proposta oferecida aqui.

 

Nacka, como eu disse, sou fã da série há décadas e JUSTAMENTE por isso, achei o filme um engodo, um filme..."todo errado". Sério. Minha decepção filmíca do ano. Mas, como disse o Scofield, deixa pra lá. Sigamos com o cortejo!

 

Afinal, sempre haverá os que gostam e os que desgostam, aqueles que "entenderam" e os que "não entenderam" um filme...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Infelizmente, Dook estava certo e eu errado no tocante à contribuição de Jon Spaihts ao produto final. Um dos rascunhos dele se chamava Alien: Engineers e já trazia toda a bagagem dos gigantes brancos como "jardineiros da galáxia".

 

O interessante é notar que no texto dele o ponto mais nevrálgico e também mais obscuro da nova "mitologia Prometheusiana" era deixado quase explícito: que um Engenheiro foi enviado à Terra há cerca de 2000 anos e, sabe-se lá por quê, acabou crucificado. Em outras palavras, Jesus Cristo era um Engenheiro - e o fato de nós termos acabado com a raça dele teria motivado a fúria dos nossos ancestrais, explicando por que eles estavam se preparando para jogar aquelas urnas cheias de gosma preta na Terra.

 

Scott e Lindelof reconheceram publicamente que a ideia era essa, mas optaram por sinalizá-la de modo bem sutil na versão final.

 

Sorry aí, haters, quanto mais leio sobre este filme, melhor e mais esperto ele se revela.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Eu não sou nenhum perito em parasitologia . Tudo que eu sei , ou que basicamente sei , é que um dado parasita pode ser de um desses dois tipos : 

 

 

 

heteroxenico - refere-se ao ciclo de parasitas em que são caracterizados por só ser completado (o ciclo) quando possui dois ou mais hospedeiros. Um exemplo é o Trypanossoma cruzi. (palafita) 

 

monoxenico - são parasitas que realizam seu ciclo evolutivo em um único hospedeiro. Isto é, a fase de reprodução e desenvolvimento ocorre em somente um animal, não sendo necessário que esse seja repassado a outro individuo

 

Essa informações , embora pequena, na minha humilde opinião são as respostar para quase todas as perguntas do filme. O do por que o Engenheiro tenta matar todos os tripulante , por exemplo, é perfeitamente respondida quando pensamos na nossa relação com os mais variados hospedeiro de parasitas heteroxenico . 

engenheiro-fala.jpg

Não entenderam ainda ?

 

Tal como Aedes aegypti é vetor do parasita heteroxenico Flavirus , eramos - no filme- vetor do parasita heteroxenico Alien . 

 

Em suma : O engenheiro tenta matar a tripulação pelo mesmo motivo que matamos os mosquitos Aedes Aegypti.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Outra pergunta que os personagens do filme fazem e que os telespectadores cismaram em repetir , tal como o personagens do filme tivessem todo o conhecimento da  real situação, é do por que os Engenheiros queriam destruir toda raça humana .

 

Os engenheiros no filme não queriam destruir toda a vida na terra com os chamados " veneno ".  No filme, aliais, não existia nenhuma veneno. Aquilo que eles estavam levando para terra era somente os ovos dos parasita Aliens . 

prometheus+imgs.jpg

 

 

O personagem Charlie Holloway não se transformou num monstro por que ingere esse "veneno" que eu disse que não existia . A cara de charlie fica toda estranha por que o organismo dele não reage bem ao parasita. 

 

fifield.jpg?w=360&h=420

 

Quando o personagem Charlei Holloway transa com a personagem Elizabeth Shaw , as larvas que estavam dentro dos ovos  migram de seu organismo para o organismo de sua cônjuge . 

 

A personagem Elizabeth Shaw , portanto, não engravida do personagem Charlei . O que ela sente no seu corpo são os parasitas que o  personagem Charlei a transmitiu .

 

Aquele monstro gigante com aspecto de lula não era o filho que personagem Elizabeth nunca teve, mas a larva crescida que o personagem Charlei havia lhe transmitido  . 

 

Quando a larva gigante encontra os Engenheiros, ela também encontra seu segundo hospedeiro .

Trilobite+-+Body+Hugger+1.jpg

 

 

Depois que ela encontra o seu seu segunda hospedeiro , ela ( as larvas ) se desenvolve.

 portanto, o que vemos no final do filme é o parasita adulto :

 

protoxeno.jpg

 

 

Os engenheiros nos criaram por que , como já disse, queriam montar um exercito de Aliens . Um fato que corrobora para essa minha teoria é o próprio final onde o único engenheiro vivo tenta retornar ao planeta terra com vários ovos de alien. 

mapa.jpg

 

O do por que os engenheiro queriam criar um exercito de Alien é respondida com a cena qual os personagens do filme dizem que os Engenheiros estavam fugindo de uma ameaça . Os Aliens serviriam para combater esse ameaça.

154394_306556759458058_1974423624_n.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Já eu acho que os Engenheiros estavam fugindo de algo que eles mesmos criaram.

 

Pelo que eu entendi do filme, aquela cabeça de engenheiro decepada pela porta estava infectada com a gosma negra - quando Shaw e a outra cientista a "revivem" usando eletricidade, elas percebem que uma matéria diferente estava "crescendo" nela e depois de um tempo um líquido negro começa a brotar dela até a mesma explodir. Outro ponto interessante é a pilha de cadáveres de engenheiros encontradas por Fifield e Milburn: todas com crateras na cabeça.

 

Mas a maior dica fica na cena em que David descobre a sala de comando da espaçonave alien, com os engenheiros em estado criogênico: 3 deles têm uma cratera na altura do peito (exceto, óbvio, o Engenheiro que estava vivo e acorda depois): deles deve ter saído um chestburster, logo estavam "grávidos" de algum alien.

 

bbbnn_zps8ff32853.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

O primeiro 'Alien' deixa tanto para a imaginação/especulação do espectador quanto este. De onde surgira aquela espaçonave alien no planeta deserto? Quem era o elefantão fossilizado na cadeira da nave? De onde ele veio, e por quê? Para onde estava indo? Quem botou todos aqueles ovos? Por que a companhia Weylan-Yutani plantou um androide para assegurar que o xenomorph chegasse com vida à Terra? Como a companhia sabia da possibilidade de a equipe encontrar vida alienígena? Ninguém reclama de "furos no roteiro". Mas o filme de 1979 agora é clássico e conhecidíssimo, com vários elementos desenvolvidos nas continuações. Acho estranho o pessoal não perceber esta ironia. Ainda bem que ainda há cineastas como Ridley Scott e roteiristas como Lindelof que curtem fazer uma ficção científica cheia de mistério, em vez de só ação desenfreada e enredo fechadinho.

 

Sempre há quem reclame que os filmões de Hollywood são reciclados, mais do mesmo, mas quando aparece um que foge um pouquinho da fórmula (como Prometheus, A.I., Guerra dos Mundos), também reclamam...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...