Jump to content
Fórum atualizado. Avançar páginas e Links do Youtube Voltaram a funcionar. ×
Forum Cinema em Cena

Recommended Posts

Astro de Pantera Negra aparece de surpresa para fãs em vídeo tocante

Chadwick Boseman, o astro de Pantera Negra, realizou o sonho de vários fãs do filme recrutados pelo Tonight Show para dar depoimentos dizendo o que o longa significou para eles.Enquanto eles falavam diretamente à câmera, Boseman emergia de um local onde estava escondido, deixando muitos deles sem palavras.Um homem confessou para a câmera que viu o filme duas vezes – uma delas em uma cópia pirata. “Você vai piratear meu filme, cara?”, brincou Boseman ao aparecer, rindo.Uma fã apareceu com seu filho para dar o depoimento, e disse: “A vida dele foi definida por Barack Obama, e pelo Pantera Negra”. Boseman, igualmente lisonjeado, apareceu dizendo: “Você é gentil demais. Barack Obama?! Uau”.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

HILLARY CLINTON ELOGIA A MENSAGEM DO FILME!

Pantera Negra, novo longa da Marvel, já recebeu elogios de diversas personalidades, como celebridades da cultura pop e figuras políticas, passando pela ex-primeira dama Michelle Obama até o diretor de Guardiões da Galáxia. Agora, a ex-secretária do estado dos EUA, conhecida também por ter sido candidata à presidência em 2016, compartilhou sua opinião sobre o filme que narra a trajetória de T’Challa para assegurar o trono da nação de Wakanda. Confira uma tradução livre do Tweet de Clinton abaixo:
“Vi Pantera Negra com Bill nesta tarde e amei. Lindo filme, muita ação e uma ótima mensagem. Não perca!”

5f3127131955514e2aaeec9e354d2b8f79b0ac32dbd3962dc70b37b8afbf0e58.gif

 

jogo de  tabuleiro

thanos-1-630x420.jpg

thanos-2-630x420.jpg

thanos-3-630x420.jpg

thanos-5-630x420.jpg

tjanos-4-630x420.jpg

 

1-6-408x420.jpg

2-6-630x420.jpg

3-6-630x420.jpg

4-5-630x420.jpg

5-5-449x420.jpg

6-5-551x420.jpg

7-4-630x420.jpg

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

BILHETERIA DO FILME ULTRAPASSA MARCA DE 1 BILHÃO DE DÓLARES!

Capa da Publicação

O filme é um dos maiores sucessos da Marvel! Pantera Negra é um grande sucesso – e não tem como alguém negar isso. O filme não só conquistou a crítica especializada e os fãs, como também vem quebrando recordes de bilheteria desde sua estreia. Agora mesmo a Variety acaba de anunciar que a bilheteria do primeiro filme solo focado em um herói negro da Marvel Studios ultrapassou a marca de 1 bilhão de dólares. Em apenas 26 dias desde o seu lançamento, Pantera Negra atingiu essa grande marca na bilheteria mundial, se tornando o 33º filme a fazer isso (e o 16º filme da Disney a bater essa marca). Assim sendo, o filme se junta ao lado de Vingadores, Vingadores: Era de Ultron, Homem de Ferro 3 e Capitão América: Guerra Civil como as maiores bilheterias da Marvel Studios. Segundo a Variety é esperado que o filme arrecade mais 500 milhões de dólares apenas nesse fim de semana, graças a estreia espetacular que o filme fez na China.

9474f014ae7a404002ebb00abb75a9ec9a8b36610f40a88f136d9a05be899d4f.gif

d3da67b3d134187b66da717e5903a8e55fedfbc3c1fa9d9087cde21e4b282869.gif

giphy.webp

0150b04176a1c586674028b35f1856a009953e16030db3b761786505de90967e.png

d9864d82956f4385c7e1537d140d6278afe67b94f1b8e2ec5a8bc66a177908d9.jpg

36268be23fa5446ea91322df9ec64d156edd8330930eab2152674104fedc49e3.jpg

b3e440dff2b13f891edf5c0d301a3f1818a772c8e4767a0d3e00df8f62cd12a9.gif

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

PANTERA NEGRA – FILME SE TORNA A MAIOR BILHETERIA DE FILMES DE SUPER-HERÓIS NOS EUA!

 4h -  1.3k – Isso é uma marca e tanto.

 

POR MIKE SANT'ANNA → Desde seu lançamento, Pantera Negra tem alçado vôos altos, trazendo grande receptividade da crítica e do público. O filme ao longo dos dias que ficou em cartaz mostrou que tinha um grande potencial de ficar entre os maiores nomes da sua categoria, e agora ele alcançou um marco importante.

Agora, Pantera Negra é o filme de super-heróis com maior bilheteria nos EUA, passando o seu companheiro de estúdio, Os Vingadores. O filme atingiu a marca de 630.9 milhões de dólares dentro dos EUA,  enquanto Vingadores atingiu a marca de 623.3 Milhões.

Não somente isso, o filme atingiu outro marco, se tornando o terceiro maior filme de super-herói mundialmente falando. O filme passou Homem de Ferro 3, e com o total de 1.237 bilhões de dólares, o filme agora fica apenas atrás dos dois primeiros Vingadores.

Obviamente, esses rankings devem mudar com a estreia do tão aguardado Vingadores: Guerra Infinita, já que o filme já bateu recorde de pré-venda. 

https://legiaodosherois.uol.com.br/2018/pantera-negra-filme-se-torna-maior-bilheteria-de-filmes-de-super-herois-nos-eua.html

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 Finalmente vi o filme

 Uma das melhores "histórias de origem" da Marvel. O filme tem ritmo e os personagens são cativantes. As piadas e a famosa "Fórmula Marvel" estão ali, mas de um jeito bem contido, lembrando O SOLDADO INVERNAL nesse sentido. O humor não arruína tensão ou drama nenhum, como acontece em DOUTOR ESTRANHO, por exemplo.

 Mas o mais legal é que esse pode ser um filme da Marvel, mas é também um filme de Ryan Coogler, e percebemos ali toda a identidade e temas caros que o diretor de CREED e FRUITVALE STATION: A ULTIMA PARADA costuma empregar em suas obras. O roteiro é muito bom em construir o fictício pais de Wakanda, em uma mistura legal de futurismo e tradição. O elenco está ótimo, com um protagonista que consegue transmitir a imponência de sua realeza, e as dúvidas que vem com ela. Em torno desta temática, PANTERA NEGRA é um dos filmes mais relevantes da Marvel dentro de seu acervo, ao falar de racismo, dividas históricas, exploração internacional e nacionalismo protecionista. A maior parte destes conflitos está no excelente vilão Killmonger, vivido com intensidade por Michael B Jordan, parceiro habitual do diretor, se juntando a seleta categoria de vilões do Universo Marvel que não estão lá apenas como uma escada para o heróis. Falando em vilões, o sempre talentoso Andy Serkys tem uma participação divertida como o vilão Garra Sônica (seu codinome nos quadrinhos) criando uma espécie de vilão "estilo 007" em uma sequência claramente feita para isso. Não posso também deixar de falar de Shuri, vivida por imenso carisma por Letitia Wright, e das sempre leais Dora Milaje.

 O filme só não ganha a nota máxima, por que a ação do filme é funcional, mas dificilmente memorável. Coogler manda muito bem nas cenas mais físicas, como as disputas pelo trono nas cachoeiras, mas perde um pouco a mão na ação mais "super heroica". O climax é intenso, mas alguma coisa não me deixou sentir tal intensidade.

 

 Ainda assim, um ótimo filme no que está sendo um grande ano para a Marvel Studios.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O que não me agradou eh que o Black Phanter não eh um herói clássico no sentido de qye o acaso o levou a ser herói ou num acidente   Pra ficar na Marvel, um Tony Stark dizendo “Eu sou o Homem de Ferro” ou um Peter Parker que por acidente ganhou habilidades e decidiu ser herói. O Black Phanter herdou o “manto” de seu pai. Talvez seja também por não vê-ló salvando civis, a não ser pela cena inicial. Mas ali ele queria buscar seu affair. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 hours ago, Big One said:

O que não me agradou eh que o Black Phanter não eh um herói clássico no sentido de qye o acaso o levou a ser herói ou num acidente   Pra ficar na Marvel, um Tony Stark dizendo “Eu sou o Homem de Ferro” ou um Peter Parker que por acidente ganhou habilidades e decidiu ser herói. O Black Phanter herdou o “manto” de seu pai. Talvez seja também por não vê-ló salvando civis, a não ser pela cena inicial. Mas ali ele queria buscar seu affair. 

Mas sabe que eu acho que isso é parte do conflito do filme? O que o Pantera Negra deve ser? Um rei ou um herói? O filme não o coloca como um herói tradicional mesmo. Acho que essa é uma das razões do Killmonger ser um vilão tão bom. Dentro do seu ponto de vista, ele é o herói da história. Tanto que o T'challa  resolve largar o protecinismo nacionalista, e dividir os recursos e riquezas de Wakanda com o mundo, mas sem o extremismo revanchista proposto pelo Killmonger. Acho interessante este conflito.

Share this post


Link to post
Share on other sites
16 hours ago, Big One said:

O que não me agradou eh que o Black Phanter não eh um herói clássico no sentido de qye o acaso o levou a ser herói ou num acidente   Pra ficar na Marvel, um Tony Stark dizendo “Eu sou o Homem de Ferro” ou um Peter Parker que por acidente ganhou habilidades e decidiu ser herói. O Black Phanter herdou o “manto” de seu pai. Talvez seja também por não vê-ló salvando civis, a não ser pela cena inicial. Mas ali ele queria buscar seu affair. 

Pois pra mim, AINDA BEM em negrito que não teve esse lance idiota de herói salvando criancinhas e um acaso o transformando em semi deus, como se a vida fosse simples, não caindo no vício reducionista da nossa cultura de achar que mudar o mundo basta uma mudança de atitude. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 hours ago, Questão said:

Mas sabe que eu acho que isso é parte do conflito do filme? O que o Pantera Negra deve ser? Um rei ou um herói? O filme não o coloca como um herói tradicional mesmo. Acho que essa é uma das razões do Killmonger ser um vilão tão bom. Dentro do seu ponto de vista, ele é o herói da história. Tanto que o T'challa  resolve largar o protecinismo nacionalista, e dividir os recursos e riquezas de Wakanda com o mundo, mas sem o extremismo revanchista proposto pelo Killmonger. Acho interessante este conflito.

E o que já era discutido em Wakanda e foi exposto pelo vilao que queria fazer a coisa certa mas do jeito errado. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 6/3/2018 at 4:02 PM, Gustavo Adler said:

e um acaso o transformando em semi deus, como se a vida fosse simples, 

 Tá falando do cara que ganhou poderes e um mega traje de combate por que nasceu na família certa? (mesmo o seu treinamento físico é algo imposto pela tradição familiar). Eu chamo de um puta acaso (o que pra mim não é demérito).

 

23 hours ago, Big One said:

E o que já era discutido em Wakanda e foi exposto pelo vilao que queria fazer a coisa certa mas do jeito errado. 

 Verdade. o T'challa não trouxe nada novo ali. Era algo já discutido em Wakanda bem antes dele (A Nakia pensava assim, o pai do Killmonger também). Mas ele era o cara que tinha o poder de fazer acontecer, e fez. No fim das contas, o grande feito do Pantera Negra é muito mais politico ao decidir dividir os recursos de Wakanda do que super heroico (embora provavelmente ele salvou uma pá de gente detendo o Killmonger).

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

On 6/3/2018 at 5:35 PM, Big One said:

Salvndo civis não se resume a salvar criancinhas ( coisa da sua cabeça). Interpretação de texto e educação passaram longe. 

Você entendeu o que eu quis dizer

E educação? eu não te xinguei, xinguei o clichê, que me desculpe, em pleno seculo 21 é ridiculo sim (mais uma vez, a visão reducionista de que a caridade vai resolver as relações contubardas da sociedade). 

 

On 6/4/2018 at 5:15 PM, Questão said:

 Tá falando do cara que ganhou poderes e um mega traje de combate por que nasceu na família certa? (mesmo o seu treinamento físico é algo imposto pela tradição familiar). Eu chamo de um puta acaso (o que pra mim não é demérito).

 

Não é acaso, é estrato social, determinismo cultural. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
34 minutes ago, Gustavo Adler said:

 

Você entendeu o que eu quis dizer

E educação? eu não te xinguei, xinguei o clichê, que me desculpe, em pleno seculo 21 é ridiculo sim (mais uma vez, a visão reducionista de que a caridade vai resolver as relações contubardas da sociedade). 

 Espere ai. Pegando o "clichê" básico do gênero super herói. Como, por exemplo, salvar uma criança de um atropelamento se constitui caridade? Pegando um dos exemplos mais clássicos que é a puta cena do Homem Aranha salvando um trem em HOMEM ARANHA 2 constitui caridade? Nada disso é caridade.

 

On 6/3/2018 at 4:02 PM, Gustavo Adler said:

 um acaso o transformando em semi deus, como se a vida fosse simples, 

Mas no caso desses personagens que ganham poderes pelo acaso, Homem Aranha, Flash, Demolidor, Jessica Jones, o Hulk, e por ai vai. Esses poderes não são bençãos; São maldições que colocam os personagens na responsa com o mundo. A vida deles não fica mais simples, muito pelo contrário.

 

Acho que o que o BIG quis dizer é que você tem todo o direito de criticar qualquer clichê. Mas é importante entender o clichê que tu tá criticando e o contexto em que ele é usado.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 6/22/2018 at 9:57 PM, Questão said:

 Espere ai. Pegando o "clichê" básico do gênero super herói. Como, por exemplo, salvar uma criança de um atropelamento se constitui caridade? Pegando um dos exemplos mais clássicos que é a puta cena do Homem Aranha salvando um trem em HOMEM ARANHA 2 constitui caridade? Nada disso é caridade.

 


AAah, então o super poder do homem aranha, do super homem, é subir em uma arvore e salvar gatinhos? 

Fiz essa provocação com o intuito de que super poderes não é mudança de hábito. O Super man é super forte, super rápido, tem uma super visão. Se ele as usa ou não, isso é problema dele. Agora, apesar de entender a metáfora de que uma mudança de hábito já é como adquirir um super poder, adquirir super poder não se resume a mudança de hábito, é muito, muito, muito mais (e põe muito nisso). É tão muito mais que tem o potencial de influenciar o mundo, e se fosse explorado esse potencial, ele seria mais parecido com o Dr. Manhattan da vida (que ainda sim, é uma baita redução). 

E é isso que está por trás desses cliches fáceis. Mudança de hábito não é nada a ponto de correr o risco de ser desnecessário  pra se ter um poder de influencia que seja significativa pra uma sociedade complexa como a nossa (digo o risco de ser desnecessário pois até que ponto a mudança de hábito tem alguma influencia significativa na aquisição de poder de influênciar a sociedade, ai já não tenho uma opinião bem clara). 

Quote

Mas no caso desses personagens que ganham poderes pelo acaso, Homem Aranha, Flash, Demolidor, Jessica Jones, o Hulk, e por ai vai. Esses poderes não são bençãos; São maldições que colocam os personagens na responsa com o mundo. A vida deles não fica mais simples, muito pelo contrário.

 

Acho que o que o BIG quis dizer é que você tem todo o direito de criticar qualquer clichê. Mas é importante entender o clichê que tu tá criticando e o contexto em que ele é usado.

 

Pera ai, o simples não é a vida da pessoa, não falei que a vida de fulano se tornará simples ou dificil. 

A vida ser simples vida da qual me refiro, é o fenomeno em geral, a vida, com toda a sua complexidade (que é muito maior do que qualquer compreensão que possamos ter dela ou de qualquer entidade divina ou real). 

Mais especificamente falando, um ser vivo <adquirir uma nova habilidade, ou desenvolver uma nova habilidade, ou melhorar uma habilidade, ou aperfeiçoar uma habilidade> + <utilizar essa habilidade pra resolver os problemas dos quais ele encontra na sua frente, quando precisar> + (ou -) <mudar a perspectiva e compreensão do mundo> + (ou -) <ter um novo hábito utilizando essa nova habilidade>   (os em vermelhos são os processos mais complexos e que não precisam ocorrer caso haja uma aquisição de uma nova habilidade).

O pantera negra fugiu do cliche de uma forma brilhante, pois ele não precisava mudar a perspectiva e compreensão de mundo de forma tão drástica, uma vez que no filme a visão da função de um rei em representar os povos de Wakanda e defender sua autonomia já estava estabelecido culturalmente e a mudança de hábito se restringiu a questionar a ação de representar, ajudar, defender só os que moram em wakanda ou os seus descendentes espalhados pelo mundo, ou seu povo explorado fora de wakanda. 

Na verdade, nem o fato de adquirir uma nova habilidade foi um fato fora do planejado pelo personagem principal, muito pelo contrário. O ato de se tornar heroi fazia parte da tradição cultural da época, que bastava tomar um chá de ayahuasca pra ele ganhar super poderes (e não fiz essa relação como uma simples metáfora, e muito menos como uma depreciação, ao meu ver, um condutor de cerimonias de ayahuasca é um ser com poder de influênciar a psique positivamente ou negativamente dos outros). E esse ato culturalmente preparado pra se tornar herói já é um atalho fundamental de evitar reduzir um fenômeno complexo sem perder agilidade e objetividade do filme. 

Sinceramente, depois de tanto assistir argumentos simples de uma mudança de transformação do herói, já estou meio saturado. Não por ser ruim, sei lá, mas porque acho que há formas de assumir ou fazer o ato complexo, deixando o filme mais rico e interessante, sem perder ritmo, sem deixar o filme chato.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

legiao_hN6qEx8nc0dzrUS4saPmItMTlOG1KobZg

“PANTERA NEGRA” É INDICADO AO GLOBO DE OURO POR MELHOR FILME!

 34m -  899 – Será que tem chances de ganhar?

POR LEO GRAVENA → Na manhã de hoje as nominações do Globo de Ouro foram liberadas e, para a surpresa de muitos fãs, Pantera Negra recebeu três indicações.

Pantera Negra foi indicado nas categorias de Melhor Filme Dramático, uma das mais importantes e disputadas da premiação, Melhor Trilha Sonora  Melhor Canção Original, por “All the Stars”. Obviamente, isso não significa que o filme também será indicado ao Oscar, porém o Globo de Ouro, junto do Critic’s Choice Awards, são considerados dois grandes termômetros para a premiação da Academia.

Na categoria de Melhor Filme Dramático, o filme da Marvel vai concorrer contra Infiltrado na Klan, Bohemian Rhapsody, Se a Rua Beale Falasse Nasce uma Estrela. Após recentemente várias premiações terem sido criticadas pela falta de diversidade em suas premiações, é interessante notar que dos cinco filmes, três são protagonizados por atores negros.

Anteriormente, o primeiro filme do Deadpool também foi nominado para a categoria de Melhor Filme de Comédia ou Musical. Agora, com a nominação de Pantera Negra, fica claro que a Marvel e Disney estão realmente investidas em fazer com que o filme seja reconhecido nas premiações. A Disney, inclusive, sugeriu 15 premiações diferentes nas quais o aclamado filme por ser indicado.

https://legiaodosherois.uol.com.br/2018/pantera-negra-e-indicado-ao-globo-de-ouro-por-melhor-filme.html

Share this post


Link to post
Share on other sites

SAG AWARDS 2019 – PANTERA NEGRA GANHA PRÊMIO DE “MELHOR ELENCO”!

Capa da Publicação

 Ontem, aconteceu em Los Angeles o Screen Actors Guild Awards, premiação que prestigia os desempenhos dos melhores atores de Hollywood ao longo do ano. Depois de ter sido indicado na categoria de “Melhor Filme” no Oscar 2019, Pantera Negra também mostrou sua força no SAG Awards ao levar para casa o prêmio de “Melhor Elenco”.
Parte do elenco composto por nomes como Chadwick Boseman, Michael B. Jordan, Lupita Nyong’o, Letitia Wright, Winston Duke, Danai Gurira, Andy Serkis, Sterling K. Brown, Martin Freeman, Forest Whitaker e Angela Bassett, subiu ao palco para agradecer o prêmio.
Ao receber o prêmio, o ator Chadwick Boseman, elogiou a genialidade do diretor Ryan Coogler, além de agradecer os executivos da Disney Bob Iger e Alan Horn, o produtor Nate Moore, o copresidente da Marvel Studios Louis D’Esposito, a produtora Victoria Alonso e, segundo ele, deixou o “melhor para o final,” o presidente da Marvel Studios Kevin Feige.

“Eu não vou me esquecer do Kevin Feige. Kevin Feige… e esse elenco, essa equipe… quando eu penso em ir trabalhar todos os dias e paixão e a inteligência, a competência, a disciplina que todos mostraram, eu também penso em duas questões que todos recebemos ao longo das entrevistas promocionais do filme,” disse Boseman.
“Uma delas é, se nós sabíamos que esse filme receberia esse tipo de resposta, significando que faria um bilhão de dólares, se isso se estenderia para as premiações? E a segunda era se ele havia mudado a indústria? Na verdade ele mudou a maneira que a indústria funciona, como eles nos vêem? E minha resposta para isso é: ser jovem, talentoso e negro.
“Porque, todos nós aqui sabemos – Andy, nós incluímos você, também,” disse Boseman rindo, enquanto Serkis se unia ao elenco de estrelas no palco. “Cara, estamos em um belo momento, um belo momento!”
“Para ser jovem, talentoso e negro, todos nós sabemos como é nos dizerem que não têm lugar para nos encaixarem. Mas ainda assim você é jovem, talentoso e negro. Todos sabemos como é nos dizerem que não têm um tela para nos exibirem, um palco para nos apresentarmos, sabemos como é estar por baixo e não no topo. E é assim que íamos trabalhar todos os dias,” disse o ator.
“Porque nós não sabíamos se seríamos notados pelas premiações ou que o filme faria um bilhão de dólares, mas sabíamos que tínhamos algo especial que queríamos dar para o mundo Que poderíamos ser seres humanos completos nos papéis que estávamos interpretando, que podíamos criar um mundo que exemplifica um mundo que queremos ver.”
“Sabíamos que tínhamos algo que queríamos dar e poder trabalhar todos os dias, resolver problemas com esse grupo de pessoas todos os dias, com esse diretor, isso é algo que eu desejo que todos os atores tenham a oportunidade de viver. Se você experimentar isso, você será um artista completo.”
O ator continuou seu discurso mesmo por cima da música de fundo que indicava que ele deveria sair do palco:
“A questão de estarmos presentes na temporada de premiações, eu só posso dizer que é um prazer poder ser elogiado por vocês, ser amado por vocês e de uma coisa eu sei, isso mudou a indústria?
“Eu sei que agora você não pode ter um Pantera Negra sem um ‘2’ nele. Então nós amamos vocês e comemoramos isso.”
Além da ser premiado como o melhor elenco, Pantera Negra também levou para casa o prêmio de “Melhor Equipe de Dublês”, desbancando filmes como Missão: Impossível – Efeito Fallout, Homem-Formiga e a Vespa e Vingadores: Guerra Infinita.
 

b1f90e3942d07e80aa782d8b96c6d701247656f033b9ece4156af7b635eef4da.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ryan Coogler, diretor do filme, se emociona ao conhecer jovem fã

trailer-pantera-negra2-1-1068x601.jpg
Pantera Negra é o primeiro filme de super-herói a ser indicado ao Oscar de Melhor Filme e configura um marco da representatividade negra nos cinemas.
O longa-metragem foi um divisor de águas para muitos jovens negros, que ansiavam se verem representados no mundo do entretenimento. O diretor de Pantera Negra, Ryan Coogler, em encontro com uma jovem fã, nesta quinta-feira, dia 21, percebeu a magnitude de seu trabalho.
O vídeo do encontro foi divulgado no Twitter de um fã e faz parte de uma entrevista do cineasta com Elvis Mitchell. Nele, Ryan encontra uma pequena fã vestida como Shuri, irmã do rei T’Challa, que também é super inteligente.
Emocionado, Ryan indaga: “Qual é o seu nome querida?” ao que a garota responde: “Eu sou a irmã do Pantera Negra”. Ela, então, mostra o seu visual para o diretor, que a elogia: “Você está linda” ao tentar segurar as lágrimas.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...