Jump to content
Forum Cinema em Cena

Viuva Negra


CACO/CAMPOS
 Share

Recommended Posts

20 hours ago, Jailcante said:

O Larry Zerner foi ator no Sexta-feira 13 Parte 3, mas hoje é advogado e especialista nesses lances de Hollywood. Ele deu uma esclarecimento sobre essa coisa toda Disney x Scarlet.

 

Muitos estão questionando se a Emma Stone (por Cruela) e a Emily Bunt (por Jungle Cruise) poderiam processar a Disney, mas são coisas diferentes. As duas foram contratadas pela própria Disney, então não poderiam.

Scarlet está questionando que a Disney interferiu no seu contrato com a Marvel, que produziu o Viúva Negra. Scarlet argumenta que Marvel e Disney são duas entidades separadas e a Disney meteu o bedelho onde não poderia.

Ele diz que esse argumento, provavelmente, não vai funcionar.

Segundo o Deadline, fontes próximas afirmam que Dwayne "The Rock" Johnson e sua produtora Seven Bucks não tem a intenção de entrar em uma briga com a Casa do Mickey, pois “ele estava em sintonia com o estúdio quando foi feito o anúncio de que o filme seria lançado globalmente em um momento em que certos mercados estrangeiros estão offline”. Em seu primeiro fim de semana, Jungle Cruise espera faturar algo em torno dos US $ 65 milhões em salas de cinema dos Estados Unidos e exterior. A Disney deve divulgar os números do Premier Acess do filme em algum momento próximo.

 

Resumindo acima, "sintonia" pro The Rock significa ficou sabendo antes e pediu uma grana. Mas também tem "e sua produtora", ele produz algumas pro D+, como ator talvez até queria processar mas como empresário é mais vantajoso manter a parceria.😉

Link to comment
Share on other sites

Essa coisa da Scarlett e Disney é aquela história de os dois terem razão mas ao mesmo tempo não terem razão, então a Disney tem seus intere$$e$ assim como a Scarlet tem os intere$$e$ dela.

 

A Pandemia ao mesmo tempo que é real também foi usada como cortina de fumaça e truque de espelhos pelas duas partes.

Link to comment
Share on other sites

1 hour ago, Jailcante said:

Mas por parte da Scarlet, ela sempre disse que processo é por dinheiro, ela não acha que recebeu o justo pelo filme por causa da Disney ter colocado no streaming.

A Disney é que enfiou a pandemia no meio pra se fazer de coitada.

Acha que se a Disney lançasse os filmes em meia dúzia de sala, durante a pandemia em cinemas abertos (alguns em alguns países foram com os protocolos) iria ter boa bilheteria? A Scarlett ficaria feliz com essa bilheteria? Sim, acho justo a Scarlett receber pelo "ingresso" do Streaming cobrado adicionalmente, mas ela tá puta por não ter assinado um contrato levando em conta outras plataformas além da bilheteria do cinema.

 

Aquela velha história de que o bom senso seria o acordo, mas ela assinou o contrato e no contrato não falava sobre nada além de bilheteria nos cinemas (não sei exatamente as clausulas nesse sentido) e agora tá processando algo que CONTRATUALMENTE não se tem obrigação nenhuma de cumprimento pois não existia isso previsto no contrato.

Existia uma clausula proibindo o lançamento que não no cinema?

O que especifica a clausula de receber uma parte das bilheterias? Especifica cinema ou outros meios?

Tá cheio de gente que assina contrato sem ler e daí quando acontece alguma desgraça não prevista em contrato, fica bravo, por exemplo:

 

- Seguro de Celular que só cobre Roubo (onde há ameaça). A pessoa é FURTADA (sem emprego de ameaça, o ladrão simplesmente roubou do bolso da pessoa sem ela perceber), aciona o seguro e não recebe e fica puta.

- Seguro de Carro que não cobre incidentes naturais ou outras causas específicas. Devido ao vento uma arvora cai em cima do carro e quando o proprietário aciona o seguro não recebe nada por ter sido causa natural.

 

Enfim, tá cheio de exemplos por aí. Contrato é Contrato.

Link to comment
Share on other sites

BOB IGER, EX-CEO DA DISNEY, FICOU CHOCADO COM O PROCESSO DE SCARLETT JOHANSSON, DIZ SITE

image.png.519c3ccc03d3dec3c136efa8a6779075.png

Nos últimos dias, nada tem abalado mais o mundo do entretenimento que o processo movido por Scarlett Johansson contra a Disney, por conta do lançamento híbrido de Viúva Negra nos cinemas e no Disney+. A defesa da atriz alega que ela perdeu parte dos lucros que ela teria ganhado como participação na bilheteria, além dela estar sendo usada para promover o Disney+ sem ganhar um centavo por isso.
Farpas foram trocadas por parte do estúdio, que acusou a atriz de ser “insensível” com a pandemia, mas agora, um novo artigo jornalístico escrito por Sharon Waxman para o TheWrap pode ter mostrado como o processo abalou as estruturas da Disney, especialmente no que diz respeito ao ex-CEO da empresa, Bob Iger. No artigo, ela diz que ele teria ficado “mortificado” com o processo de Scarlett Johansson.
Além disso, Sharon diz ter falado com vários executivos que conhecem bem a Disney e disse que descobriu um fato peculiar: Bob Iger teria “deixado” Bob Chapek, o atual presidente do estúdio, “dar um tiro no próprio pé” por não participar das negociações com a atriz para que pudessem, juntos, definir uma solução mais pacífica do que o processo:
“Eu falei com meia dúzia de executivos familiares com a Disney e a cultura interna do estúdio. Parece que [Bob] Iger ou deixou intencionalmente que [Bob] Chapek desse um tiro no pé com a Scarlett Johansson ao se recusar a participar das negociações para uma alternativa ao processo, ou ele esta tão desconectado de seu sucessor que ele não estava pronto para dar as caras, como normalmente estaria.”
No próprio artigo, Sharon diz que Zenia Much, a chefe de comunicações da Disney, teria negado veementemente essas alegações.
Pelo visto, o processo de Scarlett Johansson ainda terá muitas ramificações para o estúdio – ainda mais agora que outras atrizes também estão pensando em fazer o mesmo (como Emma Stone por Cruella e Emily Blunt por Jungle Cruise, ambos planejados originalmente para os cinemas mas lançados no Disney+, o que diminuiu o valor das bilheterias e, consequentemente, os lucros das atrizes). Resta saber se a Justiça americana será favorável a elas ou ao estúdio.

 

Bob Iger

Miniatura

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

Viúva Negra: CEO da Disney se pronuncia sobre processo de Scarlett Johansson

Segundo Bob Chapek, decisão foi tomada por questões estratégicas e briga judicial é uma anomalia

  •  
  •  
  •  
  •  
FLÁVIO PINTO
12.08.2021
20H42
ATUALIZADA EM
13.08.2021
10H29

O CEO da Disney Bob Chapek se pronunciou hoje (12) pela primeira vez desde que a atriz Scarlett Johansson decidiu processar a companhia por lançamento de Viúva Negra no streaming Disney+. A declaração foi dada durante a teleconferência de resultados do terceiro trimestre [Variety].

Bob Iger e eu, junto com a equipe de distribuição, determinamos que essa era a estratégia certa para nos permitir alcançar o maior público possível”, disse Chapek em seu discurso de abertura, invocando seu antecessor durante um discurso reverente sobre o compromisso contínuo de Disney com a narrativa do longa-metragem da personagem Natasha Romanoff.

 

O líder da companhia também fez questão de descrever a briga jurídica de Johansson como uma anomalia, sugerindo que, quando a companhia passou a alterar os planos de lançamento de filmes, todos os acordos para compensar as estrelas cujos bônus estavam atrelados ao desempenho de bilheteria foram remanejados — um dos pontos críticos que levou à decisão judicial orquestrada por Johansson.

Nós descobrimos maneiras de compensar de forma justa nosso talento para que não importa qual seja o modelo de negócios... Todos se sintam satisfeitos”, disse Chapek. Segundo ele, todas as decisões sobre as estratégias de lançamentos são feitas filme por filme, analisando as condições do mercado global e do comportamento do consumidor. 

Em comunicado enviado ao jornal The New York Times na época em que Johansson deu início ao processo, a Disney afirmou que o processo movido por Johansson "não tem qualquer mérito" e que ele é "triste e inquietante em seu completo desprezo aos efeitos globais terríveis e prolongados da pandemia de covid-19".

"A Disney cumpriu totalmente seu contrato com a Sra. Johansson e, além disso, o lançamento de Viúva Negra no Premier Access do Disney+ aumentou significativamente sua habilidade de ter ganhos adicionais além dos US$ 20 milhões que ela já recebeu até agora", acrescentou a empresa.

Viúva Negra foi um dos títulos que a Disney decidiu lançar também no streaming, pelo valor adicional de R$ 70 (US$30, nos EUA), em razão da pandemia do coronavírus. Na sua estreia, o longa arrecadou mundialmente US$ 215 milhões, dos quais US$ 80 milhões vieram apenas do mercado norte-americano. Embora seja um valor impressionante, o filme enfrentou a maior queda de bilheteria da história do Marvel Studios na sua segunda semana

 

FONTE: OMELETE

Link to comment
Share on other sites

Disney foi pega desprevenida por processo de Scarlett Johansson, diz site

Fontes do estúdio afirmaram à Variety que equipe legal da atriz não avisou sobre ação

  •  
  •  
  •  
  •  
EDUARDO PEREIRA
18.08.2021
19h37

O processo movido por Scarlett Johansson contra a Disney, por conta do lançamento simultâneo de Viúva Negra nos cinemas e no serviço Premier Access do Disney+, teria pegado a empresa de surpresa. Ao menos é isso que afirmam fontes da Casa do Mickey à Variety. Segundo matéria veiculada pela revista, os advogados da atriz não teriam entrado em contato com a companhia, avisando que tomariam medidas legais em nome de Johansson. A versão, entretanto, é contestada pelos representantes da estrela, que afirmam terem sim feito o aviso.

Os autos do processo movido pela atriz contra a Disney registram que Johansson vê o lançamento de Viúva Negra simultaneamente nos cinemas e no Disney+ como uma quebra de contrato, considerando que o documento falava em lançamento exclusivo nos cinemas. Consta neles também que a estrela e seus representantes tentaram renegociar os termos com a Disney e a Marvel, sem sucesso nas tentativas de discutir a questão.

 

FONTE: OMELETE

Link to comment
Share on other sites

Que decepção esse filme hein. Nem lutas da Viúva em grande estilo teve ao menos. Muita conversa sobre família, que aliás que família a dela hein. Algumas cenas de ação, sim são boas, mas eu o mínimo que se espera. Mas sem empolgar muito. E ainda invez de meter uma vilā badass, foram humaniza-la pra acabar de ferrar com tudo. Triste despedida da Viúva Negra. 

Link to comment
Share on other sites

On 7/16/2021 at 7:19 PM, Jorge Soto said:

SPOILER

alguem aqui ficou surpreso pelo fato do Treinador nao ser o do HQ e sim a filha do vilão, ou seja, Treinadora? Eu fiquei é frustrado por isso pois o Treinador é bem mais que isso😔... sem falar que outra coisa que mais me surpreendeu foi que conseguiram deixar feia a gatíssima atriz ucraniana Olga Kurylenko😍

image.png.d59d46301cd0ff6e0d177428953946da.png

1c9351b982a15ede32a508953859bd89786f9c5604bf4539c302b9ff8d23db72.jpg

 

Achei bem ruim essa decisão de humanizar. As vezes só queremos um vilāo bem fdp e fodāo pra arrebentar ele no final. E nem tudo precisa ter ligação.

Essa atriz está em 007 The Quantum of Solance. 

 

Link to comment
Share on other sites

EQUIPE LEGAL DE SCARLETT JOHANSSON ACUSA DISNEY DE MISOGINIA E MÁ CONDUTA

Capa da Publicação

A batalha legal entre Scarlett Johansson e a Disney chegou em um novo estagio e agora a equipe legal da atriz acusou a companhia de misoginia e sugeriu que ela possui coisas que quer esconder do público, com a equipe de Johansson divulgando uma declaração sobre a tentativa da Disney em “abafar” o caso.
Após a maneira bastante agressiva que a Disney lidou com a notícia do processo, acusando Johansson de não se importar com vítimas da Covid-19 e divulgar seu salário em uma tentativa de mudar a opinião da atriz após ela processar a empresa por quebra de contrato, a Disney apresentou uma moção para a corte de Los Angeles para forçar uma arbitragem com portas fechadas sobre o assunto em Nova York, com a moção essencialmente acusando Johansson de estar preparando o processo apenas pela visibilidade.
Em resposta (via ComicBook), John Berlinski, o advogado da atriz, disse:
“Após responder inicialmente à esse processo com um ataque misógino contra Scarlett Johansson, a Disney, agora, está previsivelmente tentando esconder sua má-conduta em uma arbitragem confidencial. Porque a Disney tem tanto medo de resolver esse processo em público? Porque ela sabe que a Marvel prometeu dar a Viúva Negra um lançamento típico nos cinemas ‘como seus outros filmes’, teve tudo a ver com a Disney não querendo canibalizar a bilheteria na tentativa de aumentar as inscrições no Disney+. Foi exatamente isso o que aconteceu e esperamos apresentar todas as evidências que provam isso”.
A ação judicial de violação de contrato movida por Johansson é a primeira vez que uma estrela de Hollywood leva um grande estúdio ao tribunal desde que as empresas começaram a adotar os lançamentos simultâneos no cinema e no streaming. Recentemente, um rumor disse que a Disney teve uma resposta agressiva para com a atriz por que os executivos da companhia não receberam um aviso sobre o processo.
Já outros rumores apontam que Kevin Feige não gostou nada do posicionamento da Disney. A ação pode ter incentivado Emma Stone a também processar a empresa. Por outro lado, Dwayne Johnson não parece interessado em uma disputa judicial pelo lucro de seu longa, Jungle Cruise, recém-lançado no Disney+ pelo Premier Access.
 

 

Não tem mais Premier Acess. Nem com Jungle Cruise nem nada. Eles sabem que isso não estando nos contratos é errado e é prejuízo pros atores, mas é excelente pra Disney.🤣

Link to comment
Share on other sites

a Feitoca é #TeamScarlett..  Elizabeth Olsen deu entrevista a Vanity Fair:
“Eu acho que ela é tão forte e, literalmente, quando eu li [sobre o caso] eu pensei ‘Bom pra você, Scarlett’.” 
Ao longo da conversa, a atriz falou sobre os lançamentos nos cinemas durante a pandemia, demonstrando preocupação sobre os filmes pequenos terem menos oportunidade de serem vistos nos cinemas, mas deixando claro que:
“Não estou preocupada com a Scarlett”. Olsen continuou: “Quando se trata de atores e seus pagamentos, quero dizer, isso é apenas… são apenas todos os contratos. Portanto, ou está no contrato ou não está.” 

🤣

 

ad89087d12afa0b204acf1688a2871f0405f0088e9d42a37da8ae872b11cecf0.jpg

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...
  • 2 weeks later...

Benedict Cumberbatch se pronuncia sobre o processo de Scarlett Johansson

 
 
 
 
 
Doutor-Estranho-Viuva-Negra-1024x576 Benedict Cumberbatch se pronuncia sobre o processo de Scarlett Johansson

Quando achávamos que o processo de Scarlett Johansson ainda não daria o que falar, outros nomes do Universo Marvel resolveram se pronunciar em nome da atriz. Scarlett pegou a todos de surpresa quando decidiu processar a Walt Disney Company pelo lançamento de Viúva Negra via streaming. Segundo a atriz, seu contrato previa que o filme seria lançado de forma exclusiva nos cinemas, algo que também influenciava seu salário. Com o lançamento no Premier Access do Disney+, Scarlett alega ter perdido uma grande quantia, que viria como bônus das bilheterias.

Viúva Negra já saiu dos cinemas e agora pode ser conferido no Disney+, mas os planos da atriz não mudaram. A batalha legal entre Scarlett e a Disney ainda não chegou a um acordo, mas ambos os lados já se pronunciaram publicamente a respeito, com a Casa do Mickey chegando a comentar que a atitude de Scarlett foi “triste e desnecessária”. Já Kevin Feige, presidente da Marvel Studios, sempre defendeu o lançamento exclusivo nos cinemas, o que o coloca de certa forma do lado de Scarlett, com fontes afirmando ainda que ele ficou “irritado e envergonhado” com a situação.

Agora, outro veterano do MCU resolveu se pronunciar sobre a disputa jurídica. Benedict Cumberbatch vive o Doutor Estranho da Marvel desde 2017 e sua participação nos novos projetos só vem aumentando. Ele não apenas irá ganhar uma sequência em 2022, como também será um dos protagonistas de Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa. Além disso, o ator britânico também causou um grande alvoroço nos fãs em What If…?, onde conhecemos sua versão sombria.

Em uma entrevista ao The Hollywood Reporter, Cumberbatch comentou sobre o que vem acontecendo e que está confuso sobre isso:

“É muito triste ver o que está acontecendo entre os advogados. Apenas a verborragia e as acusações de ‘Coloque tudo isso em um contexto pandêmico’. Toda a coisa é uma grande confusão. Estamos apenas tentando entender qual deve ser a receita para os artistas que contribuem para o negócio de bilhões de dólares que é a Disney. E isso precisa estar no contrato”.

O ator ainda complementou, observando que em tempos de Pandemia e serviços de streaming, tudo ainda é muito novo:

Como funciona a remuneração normal de um artista com bônus de bilheteria? É um novo paradigma e muito complexo. Ninguém previu isso, e ninguém deve usar a retrospectiva para dizer: ‘Bem, deveria ter sido feito assim’. Esse foi o primeiro desses filmes que teria um lançamento nos cinemas durante a pandemia e acabou sendo adiado e adiado e adiado. Estamos em um território completamente novo.”

 

FONTE: DISNEY PLUS BRASIL

Link to comment
Share on other sites

43 minutes ago, Questão said:

Benedict Cumberbatch se pronuncia sobre o processo de Scarlett Johansson

JAMIE LEE CURTIS, DE HALLOWEEN, SE MANIFESTA A FAVOR DE SCARLETT JOHANSSON

Capa da Publicação

Em 2021, a Disney decidiu lançar Viúva Negra em um modelo misto, simultaneamente através dos cinemas e do premiere access do Disney+. O filme acabou não fazendo o esperado nas bilheterias, já que muitos decidiram vê-lo em casa, e em resposta, a atriz Scarlett Johansson está processando o estúdio por uma série de motivos: por não ter recebido o bônus esperado em cima do resultado das bilheterias (como teria sido o caso se o filme tivesse uma estreia exclusiva nas salas) e por terem usado sua imagem para divulgar o streaming, mesmo sem sua autorização.
O processo tem dividido Hollywood ao meio. De um lado, a Disney continua atacando Scarlett Johansson e fazê-la ficar descreditada, enquanto defende seu lado nos negócios. Mas a atriz tem encontrado o apoio de vários colegas de trabalho, tanto do Universo Cinematográfico da Marvel quanto fora dele. E agora, foi vez de Jamie Lee Curtis demonstrar seu apoio.
A atriz de Halloween, Entre Facas e Segredos e Sexta-Feira Muito Louca escreveu uma breve homenagem para Scarlett no artigo especial da revista Time das 100 pessoas mais influentes de 2021, deixando claro que está torcendo para Scarlett e que se admirou com as atitudes da atriz:
“Eu recentemente vi ela dominar as telas como a Viúva Negra, que realiza sua vingança contra uma poderosa figura que manipula (ênfase no fato de que é um homem) mulheres para lutar por ele. E então eu vi sua brilhante resposta à manipulação da vida real (mesma ênfase), quando ela fez um processo a respeito da quebra de contrato contra o estúdio, alegando que a decisão de lançar o filme simultaneamente nos cinemas e no streaming custou perdas substanciais em seu salário.”
Jamie Lee Curtis termina falando sobre todos os estágios em que admira Scarlett Johansson, seja como “assassina” (nos filmes da Marvel), como atriz e como mãe. Ao fim, ela ainda deixa um recado indireto para a Disney, falando para “não mexerem” com Scarlett:
“Seja como uma assassina com consciência, uma atriz com um centro emocional ou então, tendo acabado de dar luz ao seu segundo filho, uma mãe durona, a mensagem é clara: Não mexam com essa mãe urso.”
O processo de Scarlett contra a Disney continua e os dois lados estão muito ferrenhos em sua defesa do caso. De um lado, a Disney defende que não houve quebra de contrato e que Scarlett está sendo leviana com todos os impactos da pandemia na indústria cinematográfica, enquanto do outro lado, Scarlett critica os ataques ao seu próprio caráter, ao mesmo tempo em que cobra o que é seu de direito.
 

 

Scarlett pediu apenas cem milhoes de doletas... metade do orcamento de um filme dos Vingadores.. sera que a Disney paga?🙄

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

×
×
  • Create New...