Jump to content
Forum Cinema em Cena

O Que Você Anda Vendo e Comentando?


Nacka
 Share

Recommended Posts

 

 

Já eu acho bem besta essa postura sobre os textos do garoto. 

[/quote']

 

Bom, eu acho besta sua postura sobre 99% das coisas, então isso não me impressiona.

 

Scofa quer ser canonizado antes de completar 40 anos.06

 

Se achasse, não responderia meus posts. Como responde, então essa postura sua é fake. Got it?

Agora vamos crescer e discutir como adultos?

Mr. Scofield2010-12-28 21:47:07

Link to comment
Share on other sites

 

Já eu acho bem besta essa postura sobre os textos do garoto. Ele escreve bem, seleciona os filmes sobre os quais quer escrever e parece que não é permitido porque o certo é escrever mal (porque senão você está se achando) e dedicar tempo falando de filmes ruins. Não há padrões, galera. O legal é você escrever o que quiser. Não é porque aqui é um fórum de discussão que devemos discutir só o que x ou y quer discutir. Todos são pessoas diferentes aqui. Muitos não gostam da minha forma de dar notas. Eu digo foda-se, dou a gradação de notas que eu quiser, mas acredito que alguém aproveita algo dos textos ou nenhum post meu geraria discussão. Se bem que... 06 [/quote']

 

Pois é, a nota, além de ser bem subjetiva, não significa nada, comparada com o texto. Cada parágrafo fala sobre um aspecto especial. Roteiro, direção, fotografia. Enfim, basta ler, caso tenha interesse, em vez de julgar apenas por um número.

Lógico. Até porque notas exigem referências. O Soto, por exemplo, dá dez para tudo. A Shy dá onze em dez (WTF? 06).

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

Já eu acho bem besta essa postura sobre os textos do garoto. 

[/quote']

 

Bom, eu acho besta sua postura sobre 99% das coisas, então isso não me impressiona.

 

Scofa quer ser canonizado antes de completar 40 anos.06

 

Se achasse, não responderia meus posts. Como responde, então essa postura sua é fake. Got it?

Agora vamos crescer e discutir como adultos?

 

Não tonho, eu não respondo apenas posts que eu concordo. Aliás, a idéia é meio que o oposto.06

 

Eu estou discutindo como adulto.

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

Pois é, a nota, além de ser bem subjetiva, não significa nada, comparada com o texto. Cada parágrafo fala sobre um aspecto especial. Roteiro, direção, fotografia. Enfim, basta ler, caso tenha interesse, em vez de julgar apenas por um número.
[/quote']

 

Bem, eu acho que seus textos (que já são bons) ficariam melhores se você não se privasse de falar dos defeitos que achou. Dariam uma impressão mais honesta e mais completa da sua opinião.

 

Mas se discorda, beleza. É uma crítica construtiva.

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

Já eu acho bem besta essa postura sobre os textos do garoto. 

[/quote']

 

Bom, eu acho besta sua postura sobre 99% das coisas, então isso não me impressiona.

 

Scofa quer ser canonizado antes de completar 40 anos.06

 

Se achasse, não responderia meus posts. Como responde, então essa postura sua é fake. Got it?

Agora vamos crescer e discutir como adultos?

 

Não tonho, eu não respondo apenas posts que eu concordo. Aliás, a idéia é meio que o oposto.06

 

Eu estou discutindo como adulto.

 

 

Eu não falei em concordância em nenhum momento.

 

Link to comment
Share on other sites

 

Pois é, a nota, além de ser bem subjetiva, não significa nada, comparada com o texto. Cada parágrafo fala sobre um aspecto especial. Roteiro, direção, fotografia. Enfim, basta ler, caso tenha interesse, em vez de julgar apenas por um número.
[/quote']

Bem, eu acho que seus textos (que já são bons) ficariam melhores se você não se privasse de falar dos defeitos que achou. Dariam uma impressão mais honesta e mais completa da sua opinião.

Mas se discorda, beleza. É uma crítica construtiva.

 

Quando os defeitos me incomodam, eu cito. O que vocês têm que entender, é que, não tenho o que criticar negativamente, sobre os últimos filmes que escrevi. Simples. Estou sendo honesto na escrita. Eu não seria, caso ficasse inventando algo, apenas para ter o lado negativo.
Link to comment
Share on other sites

 

 

Pois é, a nota, além de ser bem subjetiva, não significa nada, comparada com o texto. Cada parágrafo fala sobre um aspecto especial. Roteiro, direção, fotografia. Enfim, basta ler, caso tenha interesse, em vez de julgar apenas por um número.
[/quote']

 

Bem, eu acho que seus textos (que já são bons) ficariam melhores se você não se privasse de falar dos defeitos que achou. Dariam uma impressão mais honesta e mais completa da sua opinião.

 

Mas se discorda, beleza. É uma crítica construtiva.

 

Quando os defeitos me incomodam, eu cito. O que vocês têm que entender, é que, não tenho o que criticar negativamente, sobre os últimos filmes que escrevi. Simples. Estou sendo honesto na escrita. Eu não seria, caso ficasse inventando algo, apenas para ter o lado negativo.

 

Entendi. Tava achando que você se privava de falar dos defeitos do filme.

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

Eu não falei em concordância em nenhum momento.

[/quote']

 

Eu falei que discordo sempre de tua postura. Tu falou que se eu discordasse não responderia seus posts. Eu disse que é o contrário disso.

 

Tá parecendo o Sall e o bolha porra.06

Como discordar de posturas quando se fala em opiniões de filmes? É ser muito pelinha mesmo. 06

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

Pois é, a nota, além de ser bem subjetiva, não significa nada, comparada com o texto. Cada parágrafo fala sobre um aspecto especial. Roteiro, direção, fotografia. Enfim, basta ler, caso tenha interesse, em vez de julgar apenas por um número.
[/quote']

Bem, eu acho que seus textos (que já são bons) ficariam melhores se você não se privasse de falar dos defeitos que achou. Dariam uma impressão mais honesta e mais completa da sua opinião.

Mas se discorda, beleza. É uma crítica construtiva.

 

Quando os defeitos me incomodam, eu cito. O que vocês têm que entender, é que, não tenho o que criticar negativamente, sobre os últimos filmes que escrevi. Simples. Estou sendo honesto na escrita. Eu não seria, caso ficasse inventando algo, apenas para ter o lado negativo.


Entendi. Tava achando que você se privava de falar dos defeitos do filme.

 

Não, eu cito quando realmente é necessário. Certos erros, não atrapalham o andamento, a cena, ou até mesmo o efeito. Coisa mínima, por isso, deixo de lado. Dos últimos filmes que assisti, não lembro de qualquer erro que DEVE ser analisado.
Link to comment
Share on other sites

 

Eu não sei se o Luccasf já participou de algum fórum mas tenho a impressão de que ele fica muito "armado" e qualquer coisa que alguém diga (mesmo que seja uma pergunta sincera motivada pela curiosidade), o cara já acha que estão o julgando e querendo ditar a forma como ele tem que escrever. Relaxe cara, desarme-se... 

 

2ª vez que faço uma mera pergunta (já que vc dedica um longo texto para cada filme comentado, achei curioso a ausencia de "poréns" e pontos negativos nele. só isso...) e vc vem com 7 pedras na mão...

 

Ou então ele, e mais alguns, estão com sérios problemas de interpretar simples posts e perguntas. Po, até o Scofield entrando na onda...06

 

 

 

 
Link to comment
Share on other sites

 

Eu acho estranho falar tanto de um filme, não mencionar os defeitos e dar nota 7 ou 8. Mas não acho que o Lucas está com má intenção, apenas acho que não fica bem o texto assim, porque parece que falta algo. Com a explicação que ele deu fez mais sentido... Ficou claro que temos opiniões diferentes sobre o que vale comentar num texto sobre um filme. E algumas vezes eu acho que meus próprios textos parecem estranhos comparados com a nota... Não vou me precipitar numa opinião negativa sobre o Lucas. É só me colocar no lugar dele e lembrar de todas as vezes em que as pessoas me compreenderam mal, porque não sabiam o suficiente, não me entenderam ou simplesmente por má vontade.

 

 

Lucy fer2010-12-28 22:57:49

Link to comment
Share on other sites

Machete, de Robert Rodriguez - Conseguiram fazer o que em MacGruber não deu certo: transformar a piada em uma piada de 90 minutos com um mínimo de perda.

 

Death Proof, de Quentin Tarantino - Como é bom ver/ouvir um filme tão fluente em tudo. Além do show habitual do Taranta, as garotas da vez merecem palmas tb, especialmente as do 2º tempo.

 

The Damned, de Luchino Visconti - Zooms antológicos, movimentos de câmera: idem, e tudo o que um Visconti tem que ter.
Link to comment
Share on other sites

ADORAÇÃO - 7/10 - Atom Egoyan consegue realizar um drama relativamente eficiente sobre fé, religião, família e terrorismo a partir de uma narrativa em que um garoto, supostamente, assume a identificação de filho de um terrorista a partir de um projeto de escola assistido por sua professora. O mais interessante é que o filme permite que se aborde uma série de questões que envolvem a natureza do terrorismo a partir da opinião de uma série de personagens de maneira orgânica, utilizando a Internet para estabelecer esse mural de pontos de vista a partir do seu drama pessoal. Os segredos envolvendo a verdadeira história de seus pais e o passado da professora acabam ficando em segundo plano, a montagem que apresenta alguns eventos fora da ordem cronológica acabam não apresentando muitos méritos, mas ainda assim é um filme pelo qual vale a pena assistir, discutir e argumentar. Thiago Lucio2010-12-29 04:39:58
Link to comment
Share on other sites

Essa discussão da cotação, estrelas e/ou notas já foi discutida por vários críticas de entretenimento... Lembro de um artigo do Bruno Carvalho no Ligado em Série, no qual ele falava a respeito da questão da cotação nas avaliações que ele fazia dos seriados... Se não me engano, o Pablo Villaça falou sobre isso também em algum momento da carreira dela como crítico...

 

Particularmente, quando escrevo minhas opiniões a respeito dos filmes que vejo, fico meio receoso de colocar alguma tipo de nota... Mas, obviamente, se escolhe-se dar uma nota logo após (ou antes) da sua crítica, e essa nota não é máxima, por uma questão simples os defeitos vistos no filme, que levaram a perda da nota, devem ser apontados ao longo do seu texto... Se não são apontados, as coisas ficam esquisitas e não dá pra entender, mesmo, pq da perda da nota... Mas, as notas sempre vão levar a discussões... Lembro de ler a crítica do Pablo sobre Tron, para o qual ele deu 3 estrelas... E ao lê-la e relê-la, me perguntei pq ele não deu 4 ao invés de 3 estrelas, pq no meu entender, ao ler a crítica, ele apontou falhas que em outros filmes fizeram com que ele desse 4 estrelas, enquanto no Tron ele deu 3...

 

Resumo da ópera: deu nota 8, aponte as falhas que fizeram o filme perder 2 pontos. Melhor do que ser questionado e ser chamado de incoerente... rs...
Link to comment
Share on other sites

 

 

Essa discussão da cotação' date=' estrelas e/ou notas já foi discutida por vários críticas de entretenimento... Lembro de um artigo do Bruno Carvalho no Ligado em Série, no qual ele falava a respeito da questão da cotação nas avaliações que ele fazia dos seriados... Se não me engano, o Pablo Villaça falou sobre isso também em algum momento da carreira dela como crítico...

 

Particularmente, quando escrevo minhas opiniões a respeito dos filmes que vejo, fico meio receoso de colocar alguma tipo de nota... Mas, obviamente, se escolhe-se dar uma nota logo após (ou antes) da sua crítica, e essa nota não é máxima, por uma questão simples os defeitos vistos no filme, que levaram a perda da nota, devem ser apontados ao longo do seu texto... Se não são apontados, as coisas ficam esquisitas e não dá pra entender, mesmo, pq da perda da nota... Mas, as notas sempre vão levar a discussões... Lembro de ler a crítica do Pablo sobre Tron, para o qual ele deu 3 estrelas... E ao lê-la e relê-la, me perguntei pq ele não deu 4 ao invés de 3 estrelas, pq no meu entender, ao ler a crítica, ele apontou falhas que em outros filmes fizeram com que ele desse 4 estrelas, enquanto no Tron ele deu 3...

 

Resumo da ópera: deu nota 8, aponte as falhas que fizeram o filme perder 2 pontos. Melhor do que ser questionado e ser chamado de incoerente... rs...
[/quote']

Vejo isso como medo de ser questionado, o que considero estúpido (a não ser o pessoal que não gosta mesmo de dar notas). Damos as notas que quisermos para filmes, é ridículo fazer as coisas porque os outros acham mais bonito fazer assim (vamos todos viver no mundo kakético? 06). Naturalmente um comentário vale mais do que um número. Se quisermos explicar, explicamos, não ficou satisfeito, foda-se. É tão simples. 06

Mr. Scofield2010-12-29 10:03:42

Link to comment
Share on other sites

 

 

Dificilmente assisto filmes ruins. Pra ser sincero, nem lembro qual foi o último.
[/quote']

 

Não entendi. Como assim "dificilmente assisto filmes ruins"? Como você pode adivinhar se um filme é bom ou não antes de vê-lo? Ou você nunca assiste filmes que você nunca viu?

 

tumblr_le1ngpKU2i1qet1qso1_250.jpg

 

 

 

06

Link to comment
Share on other sites

 

 

Vejo isso como medo de ser questionado, o que considero estúpido (a não ser o pessoal que não gosta mesmo de dar notas). Damos as notas que quisermos para filmes, é ridículo fazer as coisas porque os outros acham mais bonito fazer assim (vamos todos viver no mundo kakético? 06). Naturalmente um comentário vale mais do que um número. Se quisermos explicar, explicamos, não ficou satisfeito, foda-se. É tão simples. 06

[/quote']

 

Que bobagem. Scofa, claro que todo mundo é livre para fazer o que quiser e ninguém é obrigado a explicar nada. Claro que se isso fosse válido para tudo viveríamos em um mundo de loucos.

 

Aliás, se todos usassem essa sua estratégia, não teríamos discussão alguma. Um cara chegaria e diria. Tal filme é uma bosta, nota 10! O outro questionaria e ele falaria: "Foda-se, faço o que eu quiser e não preciso me explicar.06"

 

Mas eu sei porque o scofa defende o lance das notas. O cara consegue subdividir os filmes que vê em milésimos.06

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

Vejo isso como medo de ser questionado, o que considero estúpido (a não ser o pessoal que não gosta mesmo de dar notas). Damos as notas que quisermos para filmes, é ridículo fazer as coisas porque os outros acham mais bonito fazer assim (vamos todos viver no mundo kakético? 06). Naturalmente um comentário vale mais do que um número. Se quisermos explicar, explicamos, não ficou satisfeito, foda-se. É tão simples. 06

[/quote']

 

Que bobagem. Scofa, claro que todo mundo é livre para fazer o que quiser e ninguém é obrigado a explicar nada. Claro que se isso fosse válido para tudo viveríamos em um mundo de loucos.

 

Aliás, se todos usassem essa sua estratégia, não teríamos discussão alguma. Um cara chegaria e diria. Tal filme é uma bosta, nota 10! O outro questionaria e ele falaria: "Foda-se, faço o que eu quiser e não preciso me explicar.06"

 

Mas eu sei porque o scofa defende o lance das notas. O cara consegue subdividir os filmes que vê em milésimos.06

 

É que é absolutamente besta ver uma discussão de páginas a fio que pode ser encerrada em um post, mas parece que (novamente) há medo em dizer: "bom, já postei os argumentos, não gostou, foda-se". 06

 

Link to comment
Share on other sites

Guest
This topic is now closed to further replies.
 Share

×
×
  • Create New...