Jump to content
Forum Cinema em Cena
Nacka

O Que Você Anda Vendo e Comentando?

Recommended Posts

 Metropia
Curioso filme sueco, mix de “Wall-E” com “1984” . A idéia de futuro pós-apocaliptico deprê, caótico e cinzento já foi mostrada em “A Estrada” , “Filhos da Esperança” e “Blade Runner” , assim como a ideia de futuro opressor com  situações conspiratorias ( “Brazil, o filme” , “ Matrix” , etc), mas nunca mesclado num longa de animação pra adultos. O único interessante é isso, a estética da embalagem e bela direção de arte, já q o roteiro usa e abusa tds os clichês do gênero, alem do próprio ritmo do filme ser lento, evidenciando as limitações dos pixeis europeus se comparados com os dinâmicos da Pixar. Com jeitão de antiga vinheta da MTV de hora e meia vale apenas pelo interesse a designers (eu!), e por alguns bons momentos bizarros: como o sexo entre o personagem principal e uma loira misteriosa; e pelo programa de TV q premia vagas na Europa a imigrantes ilegais ou os descarta de forma agressiva. 8/10

 

metropia.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Revisto:

 

Kingdom of Heaven (Ridley Scott, 2005)

 

Desta vez vi a versão do

diretor, que deve ter sido feita às pressas e a edição ficou mais

precária do que já era. Junte-se à isso a mania do Scott de recorrer à

auto-cópia, ao tenebroso de ruim Bloom e ao patético vilãozinho francês e

temos uma quase bomba total. Salvam-se (e muito) todas as cenas onde o

Saladim aparece. O ator está impecável.

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Não considero Shaun o melhor (talvez nem top 10)' date=' mas Despertar (1978) é top 3 fácil.

 

Day é bom também, mas em prefiro Zombi 2, Return of the Living Dead, Despertar, entre outros.

 

Preciso ver Zombieland, dizem que é bom também

 
[/quote']

Shaun é excelente, foi o filme que me estimulou a entrar no fórum e em listas de discussão, inclusive, mas Night of the Living Dead é imbatível, top 1 há anos luz do segundo colocado.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dead and Buried - Os Mortos Vivos é pra mim um dos melhores, senão o melhor. Claro que sou fã do Romero, Fulci, mas esse conseguiu sobressair.

 

Tops:

 

1 - Os Mortos Vivos (Dead and Buried)

2 - Noite dos Mortos Vivos

3 - Zombi (Lucio Fulci)

4 - Dia dos Mortos

5 - Children Shouldn't Play With Dead Things

Share this post


Link to post
Share on other sites

E qual teu top 10?

Os cinco primeiros praticamente imortais' date=' os demais talvez percam alguma posição para outro que eu veja depois.

 

1. Despertar dos Mortos (George A. Romero, 1978)
2. Zombi 2 (Lucio Fulci, 1979)
3. The Beyond (Lucio Fulci, 1981)
4. Demons 2 (Lamberto Bava, 1986)
5. A Volta dos Mortos Vivos (Dan O'Bannon, 1985)
6. A Noite dos Mortos Vivos (George A. Romero, 1968)
7. Dia dos Mortos (George A. Romero, 1985)
8. O Extermínio 2 (Juan Carlos Fresnadillo, 2007)

9. REC (Jaume Balagueró, Paco Plaza, 2007)

10. Morte do Demônio (Sam Raimi, 1981)

Night of the Living Dead é imbatível, top 1 há anos luz do segundo colocado.

Esse é muito bom, mas não é do tipo que eu tenha vontade de assistir várias vezes, como os primeiros do meu top.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

E qual teu top 10?

Os cinco primeiros praticamente imortais' date=' os demais talvez percam alguma posição para outro que eu veja depois.

 

1. Despertar dos Mortos (George A. Romero, 1978)

2. Zombi 2 (Lucio Fulci, 1979)

3. The Beyond (Lucio Fulci, 1981)

4. Demons 2 (Lamberto Bava, 1986)

5. A Volta dos Mortos Vivos (Dan O'Bannon, 1985)

6. A Noite dos Mortos Vivos (George A. Romero, 1968)

7. Dia dos Mortos (George A. Romero, 1985)

8. O Extermínio 2 (Juan Carlos Fresnadillo, 2007)

9. REC (Jaume Balagueró, Paco Plaza, 2007)

10. Morte do Demônio (Sam Raimi, 1981)

[/quote']

Já vi todos os da sua lista. Detesto A Volta dos Mortos Vivos e, quanto a 28 Days Later (o primeiro Extermínio) é excepcional, o segundo é beeeeem inferior. No entanto, não os considero filmes de zumbis.

The Evil Dead seria meu segundo colocado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 Pois é... Achei a mesma coisa de "O Grande Dave". Entretanto, confesso que os comentários do Soto me deixaram interessado em conferir o filme.

 

 Obrigado Por Fumar - 4,0/5,0 (Revisto)

 

 Simplesmente delicioso, inteligente, espirituoso e muito bem conduzido. Aaron Ekhart em seu melhor papel até agora. Perfeito na pele de Nick Taylor, o cínico lobista da indústria de cigarros.   

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

The Ghost Writer (Roman Polanski, 2010)

 

Fabuloso esse aqui. O

Polanski é impressionante em manter o espectador ligado sem precisar de

nada mirabolante para isso. O controle que ele tem sobre o todo é muito

foda. E puta que pariu as duas cenas finais desse filme, coisas lindas

de morrer. É impossível não terminar o filme o considerando foda demais.

 

Revisto:

 

Gran Torino (Clint Eastwood, 2008)

 

Grande filme. Realmente é uma

versão envelhecida da persona Clint que passeou pelas telas por tantos

anos. A rabugentice do Clint é engraçadíssima e o final é lindo por ser

completamente oposto à tudo que esse grande personagem já fez no cinema.

Pena que os garotos asiáticos quase estragam. São muito ruins.

 

 

 

kakoserrano2010-07-21 12:36:15

Share this post


Link to post
Share on other sites
The Ghost Writer (Roman Polanski' date=' 2010)

Fabuloso esse aqui. O Polanski é impressionante em manter o espectador ligado sem precisar de nada mirabolante para isso. O controle que ele tem sobre o todo é muito foda. E puta que pariu as duas cenas finais desse filme, coisas lindas de morrer. É impossível não terminar o filme o considerando foda demais.


[/quote']

 

Ui, fabuloso, é? 06

 

Mas sério, além do filme ser fantástico eu acho que esse será um turning point na carreira do Ewan McGregor.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Entendo essa idéia do Tensor. Na verdade eu achei toda a trama bem vagabunda. O Polanski salvou bem o filme. Com um diretor mais fraco, era filme pra sair direto em vídeo. E também nem achei memorável, apenas muito bom.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Parenti Serpenti (Mario Monicelli, 1992)

Excelente filme, o melhor a que assisti nesse mês. Parenti Serpenti possui um clima aconchegante proporcionado pela calorosa fotografia a qual contrasta com a podridão existente na família que a película retrata.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Zombieland (Ruben Fleischer,2009) - Previsível e com vários clichês, mas é bom. O país pós-apocalíptico e deserto cria um cenário perfeito, Zombieland é como se fosse o maior parque de diversões do mundo, um país em ruínas só para sair por aí estourando miolos de zumbis e correndo sem limites pelas estradas desertas. Até tem conflito entre os sobreviventes, mas é naquele contexto amigável. O que importa é criar ação e quando dá tempo falar um pouco de cada um. Achei legal ouvir os pensamentos do protagonista (estilo Beleza Americana). Gostei do elenco, acho até que se fosse com outros poderia estragar a trama.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Big Nothing (Jean-Baptiste Andrea, 2006)

 

Grande nome o desse

filme. O resume completamente. É uma tentativa de Burn After Reading sem

os Coen. Poderia chamar de comédia de erros, mas não tem comédia, só

erros. Vale pela Alice Eve, que é muito gata.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

CondenaoBrutal.jpg

 

Condenação Brutal (Lock Up, John Flynn, 1989) - 1/5

Quando um presidiário ensina outro a dirigir, enquanto os dois fingem que estão em Atlantic City e uma musiquinha meiga toca, dá até vergonha. O ambiente é pesado, mas de nada adianta se o diretor não sabe fazer a gente se importar com os personagens e se chocar com a brutalidade. E quando recorre a cenas como a que eu descrevi, é pior ainda. Stallone tentando atuar faz um papel ridículo. E eu não entendi por que existem aqueles carros, em que eles mexem aparentemente para nada, dentro do presídio. É o pior filme de prisão que eu já assisti.

 

Lucy in the Sky2010-07-21 21:44:54

Share this post


Link to post
Share on other sites

Zombieland (Ruben Fleischer' date='2009) - Previsível e com vários clichês, mas é bom. O país pós-apocalíptico e deserto cria um cenário perfeito, Zombieland é como se fosse o maior parque de diversões do mundo, um país em ruínas só para sair por aí estourando miolos de zumbis e correndo sem limites pelas estradas desertas. Até tem conflito entre os sobreviventes, mas é naquele contexto amigável. O que importa é criar ação e quando dá tempo falar um pouco de cada um. Achei legal ouvir os pensamentos do protagonista (estilo Beleza Americana). Gostei do elenco, acho até que se fosse com outros poderia estragar a trama.
[/quote']

 

Antes de ver eu já tinha uma simpatia pela história por ser praticamente um filme de Left4Dead.

 

Quando vi, só achei mais divertido. 01.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Did You Hear About the Morgans? (Marc Lawrence, 2009)

 

Muito,

muito idiota esse aqui. Eu gosto do Grant, ele é um daqueles atores que

se apoiam fortemente em sua persona, que me agrada bastante. Já a Parker

é um mistério pra mim. Baranguíssima, não atua nada e é idolatrada. De

qualquer forma, o filme não ajuda em nada, nada.

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Talvez a cena do Bill Murray seja a melhor do ano' date=' e o Woody Harrelson ta sensacional. A atuação dele muito dificilmente não entra pros meus 5 indicados no prêmio CeC.[/quote']

 

Sério? Também vou incluí-lo, mas entre os piores.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×
×
  • Create New...