Jump to content
Forum Cinema em Cena

A Noite do Chupacabras


Jorge Soto
 Share

Recommended Posts

Rodrigo Aragão, diretor do cultuado Mangue Negro está produzindo seu segundo longa. A Noite do Chupa Cabras deve estrear em julho de 2011 durante a abertura do Festival de Cinema Fantástico de Porto Alegre, o Fantaspoa.

A produção já tem sinopse e seu primeiro teaser. Confira abaixo:

“Um jovem casal retorna para a sua terra de origem, no interior do Espírito Santo, numa jornada por entre florestas e montanhas repletas de mistérios, lendas e belezas naturais. Douglas reencontra os parentes transtornados pela morte misteriosa de todos os animais da fazenda e os velhos conflitos que desde o passado atormentam duas famílias rivais. Os irmãos Silva estão cada vez mais certos da vingança planejada pelos Carvalho, porém, o pai sabe que algo muito mais sinistro se esconde na mata. As famílias em guerra, se deparam com um mal maior do que eles podem mensurar. Entre brigas, perseguições, caçadas e muitos tiros, a mítica figura do Chupa Cabras apresenta pela primeira vez sua face assassina.”

 

 

Trailer
06

 

 

 

 

 

Tough Guys- A brutal família Silva em A Noite do Chupa Cabras

A_Noite_do_Chupacabras__5.jpg

A_Noite_do_Chupacabras__6.jpg

A_Noite_do_Chupacabras__7.jpg

A_Noite_do_Chupacabras__8.jpg

Estas são algumas das primeiras fotos do filme divulgadas por Rodrigo Aragão, mostrando basicamente o bucólico cenário onde deve transcorrer a ação do filme e a galeria de personagens. Na foto acima vemos Alzir Vaillant, Kika Oliveira (a Rachel de
Mangue Negro
) e Ricardo Araújo. O diretor por enquanto prefere fazer segredo quanto à aparência da criatura (interpretada por Walderrama dos Santos, o anti-herói de
Mangue Negro
), que ele garante ser sua mais ousada realização - foi a primeira vez que construiu um monstro de corpo inteiro - mas podemos ver, entre estas fotos, o resultado do ataque do Chupacabras. A última foto tem Joel Caetano, o herói do filme, ao lado da simpática Mayra Alarcón, namorada de Aragão e eventual heroína da trama. Você pode ler um pouco mais sobre os bastidores da produção no blog da
.

Link to comment
Share on other sites

  • 7 months later...

 É muito bom ver q finalmente tem alguem se preocupando com o cinema fantastico no nosso país alem do Mojica.

 

 

 

 

iagree10

 

 

 

enfim, saiu o trailler oficial 1606

 

A Noite do Chupacabras, do cineasta Rodrigo Aragão (Mangue Negro), filme mais aguardado do ano acaba de ganhar seu primeiro trailer oficial.

O filme conta a história de um jovem casal que retorna para a sua terra de origem, no interior do Espírito Santo, numa jornada por entre florestas e montanhas repletas de mistérios, lendas e belezas naturais. Douglas reencontra os parentes transtornados pela morte misteriosa de todos os animais da fazenda e os velhos conflitos que desde o passado atormentam duas famílias rivais. Os irmãos Silva estão cada vez mais certos da vingança planejada pelos Carvalho, porém, o pai sabe que algo muito mais sinistro se esconde na mata. As famílias em guerra, se deparam com um mal maior do que eles podem mensurar. Entre brigas, perseguições, caçadas e muitos tiros, a mítica figura do Chupacabras apresenta pela primeira vez sua face assassina.

A Noite do Chupacabras está programado para estrear em junho no Festival de Cinema Fantástico de Porto Alegre, o Fantaspoa. Confira abaixo o primeiro trailer do filme:

 

 

 

 

 

Ficha técnica

Produtor Executivo: Hermann Pidner
Direção: Rodrigo Aragão
Direção de Fotografía: Secundo
Produção de campo: Ana Carolina Braga, Kika Oliveira e Mayra Alarcón
Efeitos especiais e Efeitos visuais: Rodrigo Aragão, Douglas Belasco e Reginaldo
Direção de Arte: Giovanni Coio e Ulisses Debian
Cenário: Walderram dos Santos
Figurino: Ana Cristina e Mayra Alarcón
Continuidade: Giovanni Coio
Trilha sonora: Projeto Mangueré
Edição musical, Sonoplastia e mixagem: Hermano Pidenr
Pirotecnia e Eletrônica: Alzir Vaillant, Jorgemar de Oliveira e Rodrigo Aragão

Elenco:

Chupa Cabras: Walderrama dos Santos
Kika: Kika Oliveira
Maria Alicia: Mayra Alarcón
S. Pedro: Markus Konká
Dona Clara: Margó
Douglas: Joel Caetano
Ricardo: Ricardo Araújo
Alzir: Alzir Vaillant
Jorge: Jorgemar de Oliveira
Roberto: Fonzo Squizzo
Ivan: Petter Baiestorf
Bruno: André Lobo
Agnaldo: Foca Magalhães
Velho Chico: Cristian Verardi
F. Matilde: Milena Zacché
F. Tadeu: Luiz Tadeu Teixeira
Seu Otto: Afonso Abreu

A_Noite_do_Chupacabras__3.jpgdouglas_silva_chupacabras03.jpg

a-noite-do-chupa-cabras-032.jpg

Douglas_s.png
Jorge Soto2011-03-31 09:54:09
Link to comment
Share on other sites

  • 1 year later...

Noite do Chupacabras, A: Limão quente no horror brasileiro!

 

Por matheusferraz– 26/07/2012

 

a-noite-do-chupa-cabras-2011-7-300x225.jpgAlguns anos atrás, o discurso era que o cinema brasileiro carecia de filmes de horror. Num cenário onde reinavam favela movies e comédias descartáveis com o padrão Globo de qualidade, sobrava pretensão e faltava sangue. Sangue fresco e abundante, daquele derramado não por vampiros e assassinos tipo exportação, mas por monstros da nossa terra, que falassem português errado e estivessem conectados com as crendices e superstições do nosso povo.

Em 2008, o cenário era um pouco diferente. Os cineastas independentes haviam sacado suas câmeras, e uma nova onda de filmes de horror caseiros deixavam claro que o brasileiro queria horror, muito horror. Claro que não se pode ignorar que produtoras como Canibal, Bulhorgia e Black Vomit já estavam na ativa há algum tempo, mas é só dar uma passada no Infernotícias, blog do meu amigo e colega Renato Rosatti, para ver a quantidade de produções amadoras/independentes que surgiram naquela época. Não se podia dizer que o cinema brasileiro não tinha sangue e mutilações. Mas faltava alguma coisa.

a-noite-do-chupa-cabras-2011-6-300x200.jpgBoas intenções e improviso fazem bom cinema, mas ainda tínhamos necessidade de um filme que contivesse não apenas isso, mas uma qualidade técnica e artística superior, e que atingisse mesmo aquele espectador esnobe, que vaia quando percebe que o efeito especial é falso. Todas as fichas estavam em Encarnação do Demônio, parte final da trilogia do Zé do Caixão, mas, infelizmente, apesar do alto valor de produção, o filme afundou comercial e artisticamente, vítima de seus excessos e dessa vontade de ser “o grande filme de horror nacional“.

Mas eis que chega um capixaba chamado Rodrigo Aragão, com uma pérola chamada Mangue Negro, filme de zumbis com claras influências de Evil Dead e Fome Animal, que, com uma história simples e direta, aliada a efeitos maquiagem excepcionais, atingiu o alvo que Encarnação do Demônio errou de longe.

a-noite-do-chupa-cabras-2011-5-250x300.jpgAssim, Aragão e sua produtora Fábulas Negras entraram no radar dos infernautas como a grande esperança do horror nacional, e não foi pouca a expectativa criada em cima do seu novo filme, A Noite do Chupacabras. Prometendo um monstro 100% brasileiro, um nível técnico ainda mais incrementado e um roteiro mais complexo, o filme ganhou ainda mais notoriedade quando, no elenco, foram anunciados os videomakers Joel Caetano (da Recurso Zero Filmes) e Petter Baiestorf (da Canibal Filmes).

A Noite do Chupacabras segue a tendência, já consolidada em Mangue Negro, de fazer um produto com a cara e a alma do Brasil. Desde a trilha sonora, passando pelos personagens e ambientação, tudo é verde e amarelo. O foco do filme é a rixa entre duas famílias: os Carvalho e os Silva. Por conta de série de eventos violentos, os membros dos dois clãs entram em guerra, não poupando na crueldade na batalha para exterminar uma à outra. Caetano faz o (aparentemente) inocente Douglas Silva, enquanto Baiestorf interpreta o sádico Ivan Carvalho, melhor personagem do filme, que rouba cada cena em que aparece.

a-noite-do-chupa-cabras-2011-4-300x200.jpgSó que, no meio da batalha, surge o monstro do título, interpretado por Walderrama dos Santos, enterrado sob a genial maquiagem criada pelo próprio Aragão. Guiado pelo cheiro de sangue derramado pelos rivais, o Chupacabras aumenta ainda mais a contagem de corpos. Para aqueles que acham que o título do filme indica algo na linha do trash, é impressionante como o monstro consegue transmitir a sensação de ameaça, especialmente quando persegue a mulher grávida de Douglas, Maria Alícia (a ótima Mayra Alarcón).

O banho de sangue é digno do Peter Jackson dos bons tempos, com tiros, cortes, mordidas, rasgões, socos chutes e facadas, até o ponto em que os personagens fiquem cobertos de vermelho. Seria muito fácil apoiar tudo nos efeitos especiais, mas Aragão acerta ao basear o filme nos personagens, e cria vários tipos memoráveis para mutilarem uns aos outros. O que mais diverte é o vilão Ivan (mérito também para a atuação de Baiestorf, demonstrando grande talento como ator), mas os personagens secundários são ótimos também. Aliás, é notável como no meio de tanta violência, o filme consegue encaixar um momento de diálogo brilhante, onde o personagem de Caetano tira alguns esqueletos do armário.

a-noite-do-chupa-cabras-2011-01-300x225.jpgDentre alguns pecados da edição, o erro mais gritante acaba sendo montagem da cena do ataque do Chupacabras à casa da família Silva, que fluiria melhor se fosse encaixada de forma mais dinâmica no tiroteio que acontece em paralelo. Também é uma pena que Walderrama dos Santos, um dos melhores atores do filme, tenha tão poucas falas em sua aparição “humana“. Aliás, a cena mais assustadora não envolve o Chupacabras, e sim, uma outra criatura do folclore brasileiro (numa interpretação satânica de Cristian Verardi).

Embora causando menos impacto que Mangue Negro, A Noite do Chupacabras é, sem dúvida, um produto mais bem-acabado. Isso faz dele um filme melhor? Depende de como se olha. Enquanto Mangue Negro apostava num gênero mais definido, A Noite do Chupacabras se arrisca mais. E mesmo que não acerte o tempo todo, Aragão se prova anos-luz a frente de muito aspirante a gênio que tenta abraçar o mundo. E ele promete para ano que vem fechar sua trilogia de eco-terror com Mar Negro. É esperar para ver!

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...