Jump to content
Forum Cinema em Cena
Sign in to follow this  
graci

Kenneth Branagh

Na sua opinião, qual é o melhor filme de Kenneth Branagh  

  1. 1. Na sua opinião, qual é o melhor filme de Kenneth Branagh

    • Thor
      1
    • The Magic Flute
      0
    • Hamlet
      4
    • Frankenstein
      1
    • outros
      0


Recommended Posts

Só esqueceste de votar na tua opção.

 

Anyway, escolho Hamlet também.

 

Thor ficou legalzinho, mas deve ter no máximo uns 30% do Branagh ali como realizador. O perímetro criatívo deve ter sido ridículo.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
deixar de fora da enquete os otimos Henry V' date=' Muito Barulho por Nada e Voltar a Morrer e Para o Resto de Nossas Vidas deixou a enquete algo tendenciosa.. 09[/quote']

Sei lá pq, gosto mais dele dirigindo que atuando.

 

Gosto de "Voltar a Morrer" que ele fez com a então mulher dele e de "Muito Barulho Por Nada", surpresa aqui é o Denzel ..aff!

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 Visto THOR

 

thor-poster-18Mar2011-02.jpg

 

 Com THOR, Branagh cria uma aventura bem interessante, e algo relativamente novo ao subgênero super heroi, ao abandonar o carater normalmente mais urbano destes filmes,e abraçar algo mais fantastico.

 

 O personagem titulo vivido por Chris Hemsworth pode não ter o carisma de um Robert Downey JR, mas tem o suficiente para despertar o interesse de seu personagem. Mas o destaque do filme vai para o vilão Loki(Tom Hiddleston), que surge como o personagem mais tridimensional do filme.

 

 Entretanto, faltou a THOR cenas de ação mais elaboradas, e o romance do protagonista com Jane Foster(Natalie Portman) não convence, defeito ampliado por tal romance ter certa importancia na narrativa. Mas ainda sim, THOR é um filme divertido, que vale a conferida.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu já achei que a única coisa que sustenta essa Bomba chamada THOR, é o carisma do ator principal.

 

 

 

O filme é ruim, até a Natalie Portman, no piloto automático tá mal demais, mas o cara convence muito. Se ele fosse mal, o filme teria sido um dos maiores fracassos do cinema, estilo "o vidente".

 

 

 

O que são os "amigos" do Thor nesse filme? Vergonha alheia total.

 

 

 

Achei os efeitos muito ruins, Asgard parecer mais um plano de algum jogo do Sega CD.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 Não achei THOR uma bomba, longe disso. Na minha opinião, o filme cumpre bem o que se propõe a fazer, sendo um bom filme do gênero.

 

 Alguns efeitos deixaram mesmo a desejar, entre eles o visual de Asgard. Natalie Portman, geralmente excelente, esta mesmo no piloto automatico e o romance dela com o progagonista não convence, e Lady Sif e os amigos de Thor são mesmo personagens dispensaveis dentro do filme.

 

 Mas o filme tem outras qualidades. A historia é super bem contada, e Branagh conseguiu dar o ritmo certo para que o filme gerasse empolgação. Tom Hiddlestone esta muito bem no papel de Loki, entregando um excelente vilão com toques shaekesperianos. E Anthony Hopkins confere o tom certo a Odin.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 Visto FRANKENSTEIN DE MARY SHELLEY

 

 maryshelleysfrankensteinbox.jpg

 

 

  Bastante curiosa esta versão do clássico romance de Mary Shelley, que a exemplo do que Francis Ford Copolla havia feito com DRÁCULA DE BRAM STOCKER dois anos antes se propõe a ser a adaptação mais fiel de seu material base.

 

  Adepto de tramas shakespearianas, Kenneth Branagh (que além de dirigir também protagoniza a pelicula) dá a narrativa fortes contornos dramáticos, muitas vezes beirando ao teatral. Isso muitas vezes acaba por prejudicar o filme, já que por mais que esta seja uma historia carregada de tragédias, algumas sequências acabam soando simplesmente exageradas.

 

  Entretanto, Branagh acerta na escolha do elenco, a começar pela auto escalação. O ator/diretor faz de Victor Frankenstein um homem que lentamente começa a ser consumido por sua obsessão de "curar a morte", e que simplesmente não percebe o egoísmo e as consequências de suas ações. Já Robert De Niro cria uma das versões mais sensíveis do monstro. Por fim, em uma escolha inusitada como a mocinha Elizabeth, a talentosa Helena Bonham Carter consegue nos cativar como a sua donzela sonhadora que vê seus sonhos sendo destruídos pela obsessão do amado.

 

 Não é a minha adaptação favorita da obra de Mary Shelley, e nem chega a ser um grande filme. É até chato em alguns momentos, mas deve agradar quem curte uma narrativa calcada nas tragédias shakespearianas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...