Jump to content
Forum Cinema em Cena

David Cronenberg


Mr. Ibanez
 Share

Melhor filme:  

26 members have voted

  1. 1. Melhor filme:

    • M. Butterfly
      0
    • The Dead zone
      2
    • Camera
      0
    • Videodrome
      6
    • A mosca
      12
    • Mistérios e paixões
      2
    • Marcas da violência
      14
    • Scanners
      5
    • Spider - Desafie sua mente
      2
    • eXistenZ
      0
    • Crash - Estranhos prazeres
      2
    • Outro (cite)
      3


Recommended Posts

  • 1 month later...

 

 

David Cronenberg fala sobre possível sequência - 30/03/2009 18:15

O diretor David Cronenberg revelou ao site da MTV sobre a possibilidade de uma sequência de Senhores do Crime, filme de 2007 estrelado por Viggo Mortensen e Naomi Watts.

"Nós estamos avançando neste assunto e estamos animados com a ideia de fazer uma sequência", disse Cronenberg. Segundo a fonte, os "animados com a sequência" incluem Mortensen; Steven Knight, o roteirista do primeiro filme; Paul Webster, o produtor, e a Focus Features.

De acordo com o diretor, ele se reunirá em breve com Knight e Webster para conversarem sobre como será o novo roteiro. "Tenho ideias fortes sobre o que gostaria de ver, mas gostaria de saber o que eles têm a dizer. Depois disso, Steven (Knight) vai trabalhar em um script. Se todos nós gostarmos, faremos o longa", declarou Cronenberg.

O diretor ainda revelou que esta é a primeira vez que sente vontade de produzir uma continuação de um projeto próprio. Para ele, ainda há o que ser falado sobre Nikolai, personagem de Mortensen, pois em um filme não caberiam toda as pesquisas feitas sobre ele. Não se sabe entretanto se outros personagens, como os interpretados por Naomi Watts e Vincent Cassel, voltariam ao longa ou mesmo se os atores estariam dispostos a fazê-los

easternpromises_02.jpg

 

Legal grande notícia acho Senhores do Crime fod........ um excelente filme policial, mais uma obra ótima de Cronenberg que conseguiu explorar o universo da máfia russia.

O diretor não e sujeito a continuações, se voltar e porque existe muita coisa para a abodar da ascensão de Nikolai no lugar de Seymon.

Curto a idéia desde já, Mortensen e Cronenberg juntos e show.

 
Link to comment
Share on other sites

  • 2 months later...

Assisti hoje SPIDER- DESAFIE A SUA MENTE

spider-poster01.jpg

 

 A trama aparentemente é bem simples. Dennis Cleg(Ralph Fiennes) é um doente mental, que acaba de ser libertado do sanatorio. Ele vai para uma pensão especializada em abrigar pessoas como ele. Cleg passa então a tentar separar realidade e ficção sobre suas lembranças sobre sua mãe e seu pai(Miranda Richadson e Gabriel Byrne).

 

 Sabe aqueles filmes em q vc acha as atuações fantasticas, a proposta interessante e a direção otima, mas mesmo assim o filme não consegue te pegar? Foi oq aconteceu comigo em relação a SPIDER.

 

 Ralph Fiennes, um dos meus atores favoritos, esta muito bem no papel titulo. Uma das propostas do filme, ao meu ver, é contar uma historia na visão de um doente menta,  e a dupla Fiennes e Cronenberg faz isso de maneira espetacular. Só na cena de abertura da estação, e na caminhada até a pensão, já podemos saber a a natureza daquele personagem. Os caras conseguem tornar interessante um personagem q praticamente só murmura o tempo inteiro.

 

 A injustamente pouco reconhecida Miranda Richardson esta otima tambem vivendo três papeis diferentes, e se entregando igualmente a todos. Por fim, apesar d ser o menos explorado do trio principal, Byrne tambem nos consegue fazer acreditar no pai do protagonista.

 

 Como eu disse, o filme é bom, a fotografia e a direção de arte estão excelentes, mas não me pegou. Talvez tenha sido a falta de ritmo(inevitavel para a proposta do filme), ou talvez a antecipação da reviravolta. 

 Enfim, o filme tem otimas atuações, uma proposta otima e bem executada, mas pra mim consegue ser apenas bom.

 

 Do Cronenberg, só vi dois

1º) MARCAS DA VIOLENCIA

2º) SPIDER- DESAFIE A SUA MENTE

 

Valeu16

 

 

 

 
Questão2009-06-21 15:01:16
Link to comment
Share on other sites

  • 1 month later...

David Cronenberg anuncia novo e curioso projeto

Diretor vai trazer às telonas romance de Don DeLillo

24/07/2009

Segundo o Hollywood Reporter, David Cronenberg vai dirigir Cosmopolis, adaptação ao cinema do romance homônimo de Don DeLillo.

Cosmopolis conta a história de um bilionário de 28 anos que cruza Manhattan atrás de um corte de cabelo. O filme ainda não tem elenco definido. As filmagens devem começar em 2010 em Nova York e Toronto.

A produção será feita pela Alfama Films, produtora sediada em Paris, juntamente com a Toronto Antenna Ltd., de Cronenberg.

Link to comment
Share on other sites

  • 4 weeks later...
  • 4 weeks later...

 Assisti hoje DEAD ZONE

B00005V8UW.02.LZZZZZZZ.jpg

 

 Baseado em um romance de Stephen King, DEAD ZONE acompanha a trajetoria de Johnny Smith(Christopher Walken) um pacato professor, que passa cinco anos em coma, após um terrivel acidente automobilistico.

 Ao acordar, Johnny tem que encarar a terrivel realidade que o mundo continuou sem ele. O grande amor de sua vida, Sarah(Brooke Adams) se casou, e já tem até um filho pequeno.

 

 O acidente tirou cinco anos da vida de Johnny Smith, mas lhe deu algo em troca. Ao tocar as pessoas, Johnny passa a ter visões do passado e futuro delas. Isso transforma Smith em uma celebridade, sendo que varias pessoas passam a buscar a sua ajuda. Entre os principais problemas do vidente estão ajudar a policia a capturar um perigoso serial killer, e decidir oque fazer a respeito da visão que teve ao tocar um inescrupuloso politico(Martin Sheen).

 

 DEAD ZONE é um excelente trabalho de Cronenberg. Recuso-me a utilizar o titulo que esse filme recebeu no brasil "NA HORA DA ZONA MORTA" q coisa horrivel. Inclusive, Cronenberg esta entre os mais azarados diretores, quando se trata de traduções por aqui, né? Normalmente as traduções, ou subtitulos de seus filmes são de doer.

 

 Christopher Walken esta brilhante como Johnny Smith. Toda a melancolia que envolve o personagem, e o fardo cada vez mais pesado que o personagem carrega é expressa em cada gesto do Walken. Realmente uma boa atuação. Embora tenha pouco tempo de tela, Martin Sheen tambem manda bem como o politico Greg Stillson, ironico e duas caras, como a maioria dos politicos.

 

 Todo o já citado clima de melancolia que permeia o filme, é muito bem apoiado pela eficiente trilha sonora, e pela fotografia, q sempre utiliza tons frios e deprecivos.

 

 Cronenberg tem uma direção bem segura aqui. dirige muito bem seus atores, e sabe bem onde posicionar sua camera. A cena em que Johnny e o xerife da cidade entram  na casa do serial killer é muito bem dirigida. Como nada é perfeito, fiquei um pouco decepcionado com o climax. Não no quesito narrativa, mas de decupagem mesmo. Pessoalmente, acho que a cena tinha um potencial de tensão muito maior, mas valeu.

 

 TOP CRONENBERG

1) DEAD ZONE

2) MARCAS DA VIOLENCIA

3) SPIDER

 

Valeu16

 

  

 

 
Link to comment
Share on other sites

 Assisti hj ao surreal VIDEODROME- A SINDROME DO VIDEO

 

videodrome.png

 

 Na trama, Max Renn(James Woods) é o dono da Civic TV, uma pequena emissora de TV a cabo, especializada em filmes pornôs. Um dos recursos de Max, é interceptar sinais piratas. Ao mesmo tempo em q começa a namorar Nicki Brand(Deborah Harry), Max intercepta videos, que envolvem tortura e assassinato, e não são encenação, aquilo acontece d fato. O nome do programa é Videodrome.

 

 Quando Max começa a sofrer uma serie de estranhas alucinações, ele começa a investigar a origem do video, envolvendo-se com uma seita de adoradores da televisão, e com misteriosas experiencias. suas descobertas vão mudar sua vida pra sempre, assim como a sua percepção da realidade.

 

 Dos filmes do Cronenberg q ví até então, VIDEODROME é com certeza o mais viajante, oq não é ruim. Chega um ponto, em q nós, assim como o protagonista, não temos mais certeza do q é realidade ou não.

 

 O filme é muito bem dirigido por Cronenberg. Eu diria q era uma historia perigosa, q em outras mãos poderia resultar em lixo, mas Cronenberg nos entrega um filme divertido e intrigante.

 

 O trabalho de maquiagem do filme é excelente. O maquiador RIck Baker colabora com cenas excelentes, como quando o protagonista tem uma fita cassete enfiada na barriga, ou quando outro personagem se desentegra.

 

 O filme parece ser uma critica a alienação da sociedade(pode ser só punheta mental da minha parte06), mas isso parece se mostrar verdade, como na cena em q Max personagem mergulha a cabeça literalmente na tela da televisão, ou a propria cena final do filme, tambem serviria d exemplo. O proprio nome de um dos personagens do filme, o Dr Oblivion(Jack Creley) é outro ponto interessante, afinal d contas, Obvilion nada mais é do q esquecimento, e o personagem é o lider de uma seita que prega que as ondas q emanam da televisão são o proximo passo da evolução humana.

 

 Enfim, VIDEODROME é Cronenberg com uma direção segurissima, uma atuação segura de James Woods, um show de maquiagem da parte de Rick Baker, tudo isso embalado por uma trama alucinogena escrita pelo proprio Cronenberg, prevendo um futuro sombrio para a humanidade.

 

 Existe uma proposta de um remake para VIDEODROME, inclusive um roteiro já esta sendo escrito. Mas é pelos mesmos responsaveis de TRANSFORMERS 2, então não esperem grande coisa dessa refilmagem, q talvez nem saia.

 

Top Cronenberg

1) DEAD ZONE

2)VIDEODROME

3)MARCAS DA VIOLENCIA

4)SPIDER

 

Valeu16

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 
Link to comment
Share on other sites

  • 3 months later...

 Visto SENHORES DO CRIME

 

senhores-do-crime-poster02.jpg

 

 Na trama, é noite de natal , e Anna(Naomi Watts) vive seu cotidiano como parteira em um hospital de Londres. Sua rotina é quebrada quando uma adolescente de origem russa chega em estado grave no hospital, e acaba morrendo durante o parto. Com a menina, foi encontrado um diario todo escrito em russo, e esse diario é a unica pista que Anna tem para encontrar uma familia para a criança recem nascida que perdeu a mãe. O problema é que suas investigações vão leva-la ao perigoso mundo da mafia russa, habitado por pessoas como o misterioso Nikolai(Viggo Mortensen).

 

 SENHORES DO CRIME é sensacional, mais um excelente trabalho da dupla Cronenberg/Mortensen, que já haviam trabalhado juntos no tambem otimo MARCAS DA VIOLENCIA. O Nikolai de Mortensen é uma figura extremamente enigmatica, não sabemos exatamente quais são os seus objetivos, oq ele vai fazer a seguir, oq ele esta pensando. Em certo momento, Anna faz a pergunta que pra mim, resume o personagem " Afinal, quem é vc"? Mortensen consegue nos passar com extrema habilidade esse enigma chamado Nikolai.

 

 Naomi Watts  trabalha com a competencia habitual, concedendo a Anna a determinação que a personagem possui. Senti q Anna acaba sendo a personagem mais fraca do filme, pois seus conflitos não são lá muito trabalhados, já q seu objetivo é bem claro, salvar o bebê. Fechando o elenco principal, temos Vincent Cassel interpretando Kiril, o "principe" da mafia russa em Londres. Cassel trabalha muito bem as claras inseguranças de seu personagem, que tenta o tempo todo demonstrar uma força que na verdade não tem. A cena do puteiro por exemplo, mostra o quanto o personagem é patetico, ou a razão pelo qual ele mandou matar um homem.

 

 A direção de Cronenberg é otima. A cena de abertura já é chocante por si só, otima e visceral. O momento em que Nikolai é atacado em uma sauna, lembra o dominio que o diretor tem nesse tipo de cena, usando uma violencia crua que ele já havia usado em seu filme anterior, MARCAS DA VIOLENCIA. Cada soco, cada navalhada é sentida pelos personagens. Enfim, SENHORES DO CRIME é um otimo drama policial, e com certeza vale a pena ser conferido. A cada filme visto, David Cronenberg ganha mais a minha admiração.

 

 Dizem que pode rolar uma sequencia. Seria interessante, acho que o universo de SENHORES DO CRIME ainda pode render

 

TOP CRONENBERG

 

1º)DEAD ZONE

2º)VIDEODROME

3º)SENHORES DO CRIME

4º)MARCAS DA VIOLENCIA

5º)SPIDER

 

Valeu16
Questão2010-01-04 00:08:04
Link to comment
Share on other sites

  • 3 weeks later...

Assisti hj a SCANNERS

 

scanners.jpg

 

 Na trama, Cameron Vale(Stephen Lack) é um mendigo, que certo dia é capturado por uma misteriosa agencia conhecida como ConSec. Lá, ele conhece o Dr Paul Ruth(Patrick Mcgoohan) que diz a Cameron que ele é um scanner, uma misteriosa raça de telepatas que surgiu há alguns anos por motivos desconhecidos. Por isso o mendigo passou anos sofrendo com vozes na cabeça, e ocasionalmente, pessoas passavam mal perto dele, pois Cameron não consegue controlar seus poderes. É claro q o Dr Ruth oferece a ele ajuda para que consiga controlar seus dons.

 

 Essa ajuda entretanto não vem de graça. O doutor quer que Cameron auxilie a agencia a localizar e destruir Darryl Revok(Michael Ironside) um poderoso scanner, e um dos primeiros pacientes do doutor, que esta reunindo um exercito de outros scanners para claro, dominar o mundo.

 

 Mais um filme com a marca Cronenberg de qualidade. SCANNERS é divertido pra caramba. A trama não é exatamente original(impossivel não lembrar de X MEN, JUMPER, entre outros), estão lá todas as caracteristicas desse tipo de historia, o grupo de Scanners do bem e do mal, o velho mentor, a agencia governamental no meio, enfim. Mas o diretor conta a historia de maneira fantastica, e sabe conduzir o suspense.

 

 Cronenberg se utiliza muito bem dos poderes dos personagens, usando a tensa trilha sonora do filme, como um complemento ao agudo som dos scanners usando seus poderes. A montagem tambem colabora demais com a narrativa fazendo uso inteligente de fusões para retratar um scanner lendo uma mente, mas sem tornar esse recurso um vicio.

 

A cena mais famosa do filme, q é o momento em q um homem tem sua cabeça explodida por um scanner já ficou datada, mas não decepciona, pois  a preparação para o climax da cena é excelente. O melhor momento de SCANNERS entretanto, é o confronto final entre heroi e vilão. Um duelo telepatico pode ser mesmo bem tenso. Por fim o final do filme vai deixar muita gente com a pulga atrás da orelha, uma sensação parecida com a q tive ao ver o final de VIDEODROME, embora SCANNERS seja um filme mais centrado do q essa obra posterior de Cronenberg.

 

TOP CRONENBERG

 

1º) DEADZONE

2º) SCANNERS

3º) VIDEODROME

4º) SENHORES DO CRIME

5º) MARCAS DA VIOLENCIA

6º) SPIDER

 

Valeu16
Questão2010-01-25 00:58:51
Link to comment
Share on other sites

  • 3 weeks later...
  • 10 months later...
  • 1 month later...

 

 Visto CRASH: ESTRANHOS PRAZERES

 

1244857499_crashposter03.jpg

 

 Na trama, James Ballard(James Spader) se envolve em um acidente de carro com Helen Ramington (Holly Hunter). Este evento faz com que James comece a se relacionar com um estranho grupo de pessoas liderados por Vaughan (Elias Koteas) que tem como fetiche a relação que existe entre sexo e desastres automobilisticos.

 

 Não existe diretor com filmografia perfeita, e Cronenberg não é exceção. Chegou o dia em que não gostei de um filme dele. CRASH é um filme extremamente chato que se resume a isso: acontece um acidente de carro, alguem transa dentro de um carro. Acontece um acidente de carro, alguem transa dentro de um carro.

 

 O filme não tem uma trama, então supõe-se que deveria ser um filme de personagens. Mas não há tentativa nenhuma de desenvolver estes personagens. E embora crie sequencias visualmente chocantes, como a cena em que o protagonista transa com uma moça de pernas quebradas, não é o suficiente para criar empatia no publico. Para um tema que deveria ser tão espinhoso, CRASH soa chato e frio. Aqui, Cronenberg errou a mão. O pior dele na minha opinião.
Link to comment
Share on other sites

Mas pra mim o filme explora muito bem o assunto. Os personagens parecem não ter mais nenhum interesse em suas vidas e descobrem nessa combinação entre sexo e acidentes de carros uma nova forma de "diversão". E o Cronenberg dispensa julgar os personagens: ele filma como se estivesse descobrindo esse mundo, assim como o espectador. Pra mim, um dos grandes filmes dos anos 90.

 

 

E falndo em Cronenberg, vi Videodrome recentemente. Outro filme sensacional do cara, tô até pretendendo rever em breve.
Link to comment
Share on other sites

 

 Discordo nesse ponto JEFFERS. Não vejo diferença do personagem do começo do filme para o final. Não sinto este mergulho neste mundo novo que os personagens descobrem.

 

 Não existe uma evolução de personagem ou involução de personagem. Não é uma questão de julgar personagens ou não. Mas a verdade é que os personagens não parecem reagir á nada. Tudo acontece de forma extremamente mêcanica, quase robotica.

 

  E o filme é extremamente repetitivo. Se tivesse 20 min ao invés de 100, não faria diferença alguma. Sei lá, achei que para um filme que trata de coisas tão intensas quanto sexo e acidentes de carro, é frio demais, robótico demais. Comigo não rolou.

 

 Já VIDEODROME eu adoro. Tá no meu Top 3 do Cronenberg. 
Link to comment
Share on other sites

  • 7 months later...
  • 2 weeks later...

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

×
×
  • Create New...