Jump to content
Forum Cinema em Cena

Oscar 2012: Indicados e Previsões


ltrhpsm
 Share

Recommended Posts

 

 

Faltam palavras ou sobram palavras?

 

 

 

"The Artist" é uma incursão deliciosa às origens do cinema, sofisticado na alegria, extremamente bem concebido. Alguém alegar falta de originalidade de um filme mudo e preto e branco me parece puro despeito. Mais que ser original, ou ousado, precisa-se de muito talento para fazer um filme tão delicioso como esse.

 

 

 

Jean Dujardin não está melhor do que o Clooney, está 1000 vezes melhor. Bérénice Bejo teria meu voto de atriz coadjuvante. O trabalho corporal dos dois é uma paleta de milhares de cores.

 

 

 

Que me desculpe o mestre John Williams, mas a trilha desse filme não somente é esplêndida, como é extremamente necessária.

 

 

 

5 estrelas! Excelente! The Help ameaçar tirar-lhe o Oscar de Melhor Filme é sinal de que, sim, 2012 pode ser mesmo o fim dos tempos.

 

 

 

SergioBenatti2012-02-10 21:05:35

Link to comment
Share on other sites

FILME:

 

1) The Descendants - 10

 

2) The Artist - 10

 

3) The Tree of Life - 10

 

4) Midnight in Paris - 10

 

5) War Horse - 8,5

 

6) Moneyball - 8,5

 

7) The Trash - 5,5

 

 

 

DIRETOR:

 

1) Hazanavicius

 

2) Mallick

 

3) Payne

 

4) Allen

 

 

 

ATOR:

 

1) Oldman

 

2) Dujardim

 

3) Clonney

 

INFINITO E ALÉM

 

4) Pitt

 

 

 

ATRIZ:

 

1) Glenn Close

 

CATARATAS DO IGUAÇU

 

2) Melry Streep

 

 

 

ATOR COADJUVANTE:

 

1) Plummer

 

DEUS

 

2) Jonah Hill

 

 

 

ATRIZ COADJUVANTE

 

1) Janet Mcterr

 

2) Chastain

 

3) Brejo

 

INFINITO E MAIS ALÉM

 

4) Octavia Spencer e sua colega de cagada Melissa McCarthy

Link to comment
Share on other sites

Vi The Iron Lady. O filme é fraco. Já a Meryl está ótima. O sotaque até me pareceu meio pesado, mas isso pouco me incomodou.

 

Na minha opinião, as atrizes que vi até agora [Davis, Streep e Mara (em menor escala)] honram a categoria de melhor atriz. Não por serem as melhores do ano (até porque isso é muito difícil de saber realmente), mas por serem dignas de estarem lá.

 

Link to comment
Share on other sites

Vistos 4 filmes indicados.

 

 

 

por enquanto gostei muito de todos, com destaque especial pro primeiro e equilíbrio entre os outros três.

 

 

 

1-Meia Noite em Paris

 

2-Os Descendentes

 

3-Histórias Cruzadas

 

4-Árvore da Vida (preciso rever pois peguei um DVD com defeito)

 

 

 

Na verdade antes que me crucifiquem pq botei Árvore da Vida em último se trata mais de uma percepção pessoal, na verdade gostei muito de ambos os filmes que o pessoal anda detratando (TH e TD), e acho que houve um exagero por parte das pessoas em falar mal desses filmes.

 

Ainda vi Millenium e Missão Madrinha, que seriam 5º e 6º respectivamente, o primeiro com quatro estrelas e o segundo com três. Além de outros filmes que só teriam chances em oscars técnicos. E a academia perdeu a oportunidade de indicar pela primeira vez na história um filme começando com "X" (permitindo assim jogar adedanha (stop) de filmes somente com indicados ao oscar), com o melhor filme da saga X-Men. Mesmo que perdesse efeitos pro Planeta dos Macacos a Origem, que mereceu a indicação solitária assim como merece levar também.

Link to comment
Share on other sites

Tentando fazer uma retrospectiva...

 

2010

 

1-TKS

 

2-BS

 

3-I

 

4-TY3

 

5-127H

 

6-TG

 

 

 

2009

 

1-UITA

 

2-IB

 

3-AE

 

4-D9

 

5-A

 

6-THL

 

7-U

 

 

 

2008

 

1-TR

 

2-SM

 

3-TCCOBB

 

4-M

 

 

 

2007

 

1-NCFOM

 

2-TWBB

 

3-A

 

4-J

 

5-MC

 

 

 

2006

 

1-TD

 

2-LMS

 

3-TQ

 

4-B

 

5-LFIJ

 

 

 

2005

 

1-M

 

2-GNAGL

 

3-Cr

 

4-Cp

 

5-BM

 

 

 

2004

 

1-TA

 

2-MDB

 

3-R

 

4-S

 

5-FN

 

 

 

2003

 

1-MR

 

2-MACTFSOTW

 

3-TLOTRTROTK

 

4-LIT

 

5-S

 

 

 

2002

 

1-TH

 

2-TP

 

3-GONY

 

4-TLOTKTTT

 

5-C

 

 

 

2001

 

1-ITB

 

2-MR

 

3-TLOTRTFOTR

 

4-ABM

 

5-GP

Link to comment
Share on other sites

 

Que metido e chique que nada, Lt e Vicking 06. É que eu moro em Dublin, e aqui felizmente os filmes chegam rápido e o cinema é barato.

 

Consegui ir ver Carnage essa semana. Me agradou, mas é inferior ao último trabalho do Polanski e não creio que seja digno de entrar numa lista dos filmes mais memoráveis do mesmo. De qualquer maneira, são 70 e poucos minutos divertidos e bem orquestrados, embora não passem disso na maioria das vezes. É sólido, no geral. O elenco tá todo muito bem, com destaque pro Waltz, que destrói em cena e tá um nível acima dos demais ( e é impressionante como ele faz bem sotaque americano).

 

Estreiou A dangerous method sexta 05. O ruim é que Shame já tá quase caindo fora, não sei se vou conseguir ver antes de saír de cartaz...

 

 

 

Beckin2012-02-11 13:58:44

Link to comment
Share on other sites

Nobres comentadores, uma curiosidade nos passou batido. O jornal O Globo a traz hoje: Israel foi indicado ao Oscar de Filme Estrangeiro 4 vezes nos últimos 5 anos.

 

 

 

Beaufort - 2008 (muito bom!)

 

Valsa com Bashir - 2009 (estupendo)

 

Ajami - 2010

 

2011 passou em branco

 

Footnote - 2012

 

 

 

Israel, menor que o estado de Sergipe, vale dizer.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Vi Carnage também. O elenco todo muito inspirado. Mas quem me surpreendeu foi a Jodie Foster. É um papel distinto de tudo que eu vi dela até aqui. No mais, ficou equilibrado, o John C. Reilly me surpreendeu demais também. Ainda falta muito para ver, mas é realmente estranho pensar que o sindicato de atores não o indicou como melhor elenco no SAG. E O Escritor Fantasma realmente é um filme magistral. O Polanski tem uma filmografia invejável. Em breve pretendo ver Repulsa ao Sexo e O Inquilino e rever O Bebê de Rosemary. E eu acho O Último Portal um filme bastante subestimado.

 

E o George Clooney demonstrando que Boa Noite e Boa Sorte não foi um acidente, mesmo que seja ligeiramente inferior ao primeiro, Tudo pelo Poder é um filme sólido e com um ritmo muito bom.

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Eu já tinha notado essa paixão por Israel, assim como pelo México: Amores Brutos, O Crime do Padre Amaro, O Labirinto do Fauno, Biutiful.  Sem contar a indicação de roteiro pra E sua mãe também.  A diferença é que nesse caso o espaço de tempo entre as indicações foi maior e ambos nunca levaram.  A França então: 2000, 2001, 2002, 2005, 2006, 2009, 2010; Alemanha: 2003, 2005, 2006, 2007, 2010; Canadá: 2004, 2007, 2011, 2012.

 

Revistos Albert Nobbs e The help.  O primeiro é médio, mas com uma Glenn Close espetacular e com grandes dúvidas de alguém estar melhor que ela.  O segundo continuo gostando muito, encantado ainda mais com Emma Stone e Chastain, Spencer excelente e Davis com mais cara de protagonista, soberba.  E mais uma vez, como é bom o trabalho da Sissy Spacek e da Cicely Tyson!

 

Link to comment
Share on other sites

Nuh, que notícia paia! :(

 

 

 

Voltando ao tópico, fui ver o franco favorito ao prêmio, The Artist. O primeiro ato do filme é bem legal, com ótimos artifícios e sacadas espertas (no melhor sentido) para conseguir narrar o filme sem falas e ser fiel a seu propósito. A inserção gradativa dos aspectos sonoros também é bastante feliz. Porém, o ato dominante do filme é extremamente enfadonho e repetitivo, mostrando uma fragilidade do filme que, por mais que seja comum ao tipo de cinema ao qual ele se refere, me incomodou bastante. A pobreza na construção das relações dos protagonistas, que muitas vezes me pareceu arbitrária, fez a mim e a um amigo refletir sobre essa espécie de condescendência que muitas vezes temos a esse tipo de obra de viés metalinguístico. A questão é que não sei se existe uma resposta correta, mas no caso de The Artist não há muito mais além do exercício puro e simples.

 

 

 

De todo modo, é um filme "nice", com alguns momentos divertidos e uma performance muito boa do Jean Dujardin. Berenice Bejó também está bem, ainda que não me impressione. No ato final, o filme dá uma recuperada no fôlego, mas ainda sem provar muito a razão de ser tão reconhecido. Talvez, a explicação esteja mesmo no fato de ser uma obra que quer dar glórias à indústria cinematográfica.

 

 

 

Mas eis que eu saio de um cinema e vou caminhando para outro, para assistir Hugo e, depois do final da sessão, me questiono: por que raios Hollywood não está dando todos os louros para Scorsese? Hugo não é só o melhor dos filmes indicados ao Oscar, como é um dos melhores filmes da carreira de Scorsese. É também um dos melhores filmes sobre cinema já realizados. E, muito provavelmente, a maior de todas as declarações de amor à sétima arte (além de ser o melhor uso do 3D até hoje). É um filme que tem suas pequenas falhas, mas que de certo modo nos convida a um outro tipo de exercício: o da entrega absoluta. Nesse caso, não interessa refletir sobre o que há de "errado", simplesmente porque o erro não existe em algo que proclama a fé absoluta no amor. Parece clichê dizer isso, mas assistir Hugo hoje à noite me fez amar ainda mais fazer parte do cinema, ainda que na minha parcela bem pequenina.Thico2012-02-12 00:58:16

Link to comment
Share on other sites

Eu realmente acho que houve um problema de marketing com Hugo. Quando ele estreou em novembro, seu buzz estava nas alturas, mas isso foi há quase 3 meses já. E a bilheteria fraca acabou prejudicando a imagem do filme. Se ele tivesse tido uma estreia limitada no fim de dezembro, ia ter chegado aos guilds no auge do seu buzz, tendo muito mais chances de levar.

Link to comment
Share on other sites

Pena pela Whitney. Cantava uma barbaridade!

 

 

 

.....

 

 

 

Vi Tiranossauro. Bom filme, não achei nenhuma maravilha, fora de série, mas coeso e discreto. Elenco fantástico. Mullan em 10 min de filme parece melhor que os indicados que vi (menos Dujardin), já Olivia Colman, Oh!! Duvido que alguma das indicadas estejam melhor que ela.

Link to comment
Share on other sites

A Separation parece que havia agradado bastante os britânicos, tanto que o London Film Critics Circle o indicou em várias categorias. Uma grande surpresa... Mas não que o filme do Almodóvar não mereça, pelo contrário, é excelente.

 

 
Oberon2012-02-12 16:51:51
Link to comment
Share on other sites

Guest
This topic is now closed to further replies.
 Share

×
×
  • Create New...