Jump to content
Forum Cinema em Cena

Oscar 2012: Comentando a Festa do Oscar


Recommended Posts

  • Replies 808
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Sim, outra interessante sacada do filme. E elas não poderiam simplesmente ir contra a ordem das coisas orquestrando uma vingança, certamente cara e inviável tendo em conta o nível de vida delas, contr

Streamings do red carpet;   Hd Streaming (é o melhorzinho por enquanto. esse talvez passa a cerimonia tbm depois)  http://www.ustream.tv/schannel/oscars2012/channel/mtv-digital   Aqui tem u

É verdade. Está na primeira página do site MSN. O melhor para Glenn Close nesse período de premiação foi o seu retorno aos holofotes. Quase nunca era lembrada nos grandes veículos da internet apesar de Damages. Esse negócio é realmente cruel. De repente tudo que é site e blog passou a saudar a carreira de uma grande atriz e tals. Aí está o poder do Oscar. Mas existem as exceções, tem um fórum americano em que torcem para atrizes como a um time de futebol. 06 E parece que existe uma onda anti-Close por lá. Vá entender a utilidade disso.

 

Eu só espero que Théresè Raquin seja um novo Ligações Perigosas no seu currículo, apesar do ilustre desconhecido na direção. Eu adoro esse filme. Aí está uma adaptação excelente de um drama de época.

 

 

 

Link to post
Share on other sites

 

finalmente visto fausto em mais uma bela legenda espanhola 06

 

o filme não tem o q acrescentar às mais de 300 adaptações do livro

 

pedante o filme em alguns momentos aliás

 

melhor pegar a magistral versão de murnau e esqueçer o resto

 

.

.

.

 

my week with marilyn,

 

filminho bem esquecivel, roteiro muito fraco

 

o branagh não se parece em nada fisicamente ao laurence olivier, mas ao menos o sotaque e a forma de falar ficou parecida

 

já a williams achei apenas razoável. não senti naturalidade em sua composição, achei um pouco forçado todas as levantadas de mão ao colocar no rosto, e ela não trasmitiu 20% do furor de sensualidade q era a marilyn na vida real (a verdade é: hj em dia alguém conseguiria tal feito?)

 

D4rk Schn31d3r2012-03-20 15:15:50

Link to post
Share on other sites

Achei Shame ótimo, diferentemente do resto da humanidade eu gostei muito do final (quase odiei, mas uma cena chave me fez perceber que é um final evidente e necessário) e acho que as não-indicações de Michael Fassbender e Carey Mulligan (ela como coadjuvante) são criminosas.

Link to post
Share on other sites

 

 

Acabei de assistir aquela abominação chamada W.E. O filme nem começa tão mal e até achei que poderia se salvar, mas a partir de certo momento começa a entrar uma cena constrangedora após a outra e o nível de cretinice se torna insuportável.

 

Spoiler (se alguém for assistir): as cenas da Wallis idosa dançando The Twist e de uma personagem devolvendo uma luva de 10 mil dólares pra um fantasma, produto de sua imaginação, deveriam entrar pros anais das mais ridículas da história.

 

 

 

 

leomaran2012-03-22 09:12:48

Link to post
Share on other sites

 

 

Spoiler (se alguém for assistir): as cenas da Wallis idosa dançando The Twist e de uma personagem devolvendo uma luva de 10 mil dólares pra um fantasma' date=' produto de sua imaginação, deveriam entrar pros anais das mais ridículas da história.

 

 

 

 

[/quote']

06

 

Parece tão ridículo que dá até vontade de ver o filme.06 Mas deve ser melhor resistir a esse impulso.

 

-felipe-2012-03-23 12:08:31

Link to post
Share on other sites

 

 

L'Apollonide distante? Oi?

 

 

 

 

 

sim, a falta no desenvolvimento de personagens dá essa sensação

 

e após o 'incidente' com a moça parece q nada mudou naquele lugar, todas continuavam a agir da mesma forma como nada tivesse acontecido, muito diferente do q aconteceu em os imperdoáveis só para citar 1 exemplo

 

.

.

.

 

revi drive, e este aumentou em meu conceito, estando entre os melhores do ano

 

ainda não o teria indicado em nenhuma categoria de atuação, mas em filme e prêmios técnicos, com certeza

 

.

.

.

 

agora minha nova obsessão é o killer joe, o último do friedkin 06

 

passaram-se meses e por enquanto nem sinal deste

D4rk Schn31d3r2012-03-26 09:56:59

Link to post
Share on other sites

Do oscar ultimamente eu tenho reclamado muito apenas das animações.

O lobby e o desinteresse de assistir certas pérolas fazem com que as indicações sejam muito previsíveis e ruins.

 

Este ano foi particularmente fraco com relação a 2010 e, principalmente, 2009. Mas ainda assim indicar Gato de Botas é pra fazer doer os olhos/ouvidos/cérebro.

Gato de Botas entraria numa lista de baixo pra cima. Atrás apenas de Jackboots on Whitehall, Carros 2 e Gnomeu e Julieta.

 

 

Fora isso, me surpreendeu muito negativamente a ausencia de Project Nim e How to Die in Oregon. Pra entrar uma abominação escrota como Hell and Back Again. E ainda por cima ganhar aquele lá que nem lembro mais o nome.

 

 

 

De qualquer forma, foi um oscar pra mim muito menos frustrante que os de 2010, 2009 e 2008.

 

 

 

Link to post
Share on other sites

 

Finalmente vi Hugo Cabret.

 

Começo boring, mas quando entra na homenagem ao Melies, melhora consideravelmente. As vezes sentia o roteiro rateando sem saber o que seguir, a homenagem ou a trajetória do menino, mas ele logo se ajustava. Não conseguia sentir os dois plots juntos. Me perguntava, sobre oq é esse filme? E tinha sempre duas respostas na cabeça... Mas enfim, é um bonito filme. Nostálgico.

 

Agora a questão é o menino, GÊNIO!!! Melhor que quase todos os indicados na categoria principal deste ano. Um atentado! Uma afronta esquecerem esse menino!!

 

A Academia vai cada vez mais mal das pernas. Quanto mais filmes eu vejo, mais chocado eu vou ficando com as indicações... E não só da AMPAS, Sindicatos e tudo mais... O que essa gente anda cheirando?

 

 

 

FeCamargo2012-03-26 22:09:45

Link to post
Share on other sites

ok fe, reconheço q o panfletário o encouraçado potenkim é um filme q não desenvolve personagens, o q não deixa de ser um grande filme por exemplo

 

mas ao contrário do filme russo onde existe uma força de indignação qd o capitão do barco manda os soldados atirarem em alguns marinheiros q não queriam comer carne estragada (no qual acaba acontecendo um motim por conta disso), as pessoas do filme francês parecem não dar a minima pela tragédia ocorrida no bordel

 

esse é o distanciamento dado pelo diretor francês q não me agradou por não ser plausivel a meu ver

 

 

 

Link to post
Share on other sites

 

 

 

 

Shame

 

Adorei o filme. Reflete sobre a censura pessoal que cada um vive. É uma discussão sobre o moralismo que a sociedade impõe ao ser humano. Tal discussão cai como uma luva numa análise da psicanálise. Belíssimo filme e extremamente coerente no que propõe. Tem uns excessos visuais, mas nada que incomode.

 

Fassbender e Muligan foram assaltados, roubados... Mais um exemplo que me faz perguntar, o que andam cheirando esses membros votantes???

 

E depois falam que foi um ano fraco... Foi um ano magnífico!!!

 

...

 

Lógico que não Dark. Elas reagem de uma forma muito coerente com o universo em que vivem. Aquilo acontece, já foi visto. Há uma indignação. Há uma vingança. Plenamente justificado.

 

 

 

 

 

 

 

 

FeCamargo2012-03-28 18:57:59

Link to post
Share on other sites

 

Finalmente Drive e O Espião que Sabia Demais vistos.

 

Minha nossa, não tem como dizer que o ano passado foi fraco. Caras como Colin Firth e Owen Wilson podem ser ótimos atores. 13 Isso já é uma proeza.

 

Essa Carey Mulligan é incrível, não vejo a hora de assistir Shame. Ryan Gosling e Tom Hardy dois dos grandes dessa nova geração e Gary Oldman, bem, o que dizer sobre esse cara. O perfeccionismo, a frieza, a forma com que o personagem anula todo aquele turbilhão a sua volta é de arrepiar.

 

Logo vou providenciar Bronson com Refn + Hardy. Curiosíssimo para saber o que saiu dessa parceria. Depois de Valhalla Riging com o grande Mads Mikkelsen e Drive fiquei mais curioso sobre o trabalho do cara.

 

E Tomas Alfredson então, demonstrou a que veio nesse filme. Deixa Ela Entrar não foi um acidente.

 

EDIT: Não posso deixar de citar a moça russa que interpreta Irina em O Espião que Sabia Demais. Que mulher linda, tomara que apareça em outros filmes no futuro.

 

 

 

Beale2012-03-29 00:10:14

Link to post
Share on other sites

Sobre L'Apollonide, primeiro não entendi a comparação com Os Imperdoáveis, que tem proposta e ambiente bem diferentes. Segundo, após o incidente passam-se alguns meses, então toda a fase mais crítica foi pulada, numa decisão interessante e coerente, ao meu ver. A mulher que ri poderia muito bem ter sido jogada na rua, mas a deixam lá mesmo com todas as dificuldades da casa, e nunca vemos um tratamento diferenciado para com ela, e a própria prefere não falar muito sobre o incidente, o que certamente foi seguido pelas demais por um pedido dela. E, ainda sobre o filme, que enquadramentos são aqueles? São vários ali lindíssimos. E que final genial? Que atriz é aquela, hein? Aliás, sendo mais justo, que elenco feminino inteiro é aquele? E quando eu lembro dos elencos de filmes encabeçados por mulheres no ano passado que foram aclamados por aí...

Link to post
Share on other sites

 

 

revisto contágio, já tinha gostado da primeira vez, e agora ele aumentou ainda mais em meu conceito

 

 

 

trilha sonora excelente dando um climão de terror, aliás, dá até p/ colocar esse como um filme de terror

 

 

 

muitas incertezas, paranóia coletiva, charlatismo e no final é isso, o

virus não escolhe credo, raça, pé de chinelo ou megastars (como gwyneth

paltrow ou kate winslet), vai passando o cabo quem estiver na frente

 

 

 

janet leigh não morreu em menos da metade de psicose? então é isso ai ... 06

 

 

 

.

 

.

 

.

 

 

 

sobre le apollonide,

 

 

 

 

 

a indignação é colocada em segundo plano já q ninguém demonstra isso no

decorrer do filme (a não ser a vitima). vc não vê ninguém comentando

sobre o ocorrido até o final onde dá a entender q as amigas dela

encontraram o retalhador em uma coincidência e não pq elas foram atrás

dele ou mandaram alguém ir atrás (como é o caso de os imperdoáveis)D4rk Schn31d3r2012-03-30 10:02:59

Link to post
Share on other sites

Sobre L'Apollonide' date=' primeiro não entendi a comparação com Os Imperdoáveis, que tem proposta e ambiente bem diferentes. Segundo, após o incidente passam-se alguns meses, então toda a fase mais crítica foi pulada, numa decisão interessante e coerente, ao meu ver. A mulher que ri poderia muito bem ter sido jogada na rua, mas a deixam lá mesmo com todas as dificuldades da casa, e nunca vemos um tratamento diferenciado para com ela, e a própria prefere não falar muito sobre o incidente, o que certamente foi seguido pelas demais por um pedido dela. E, ainda sobre o filme, que enquadramentos são aqueles? São vários ali lindíssimos. E que final genial? Que atriz é aquela, hein? Aliás, sendo mais justo, que elenco feminino inteiro é aquele? E quando eu lembro dos elencos de filmes encabeçados por mulheres no ano passado que foram aclamados por aí...[/quote']

 

 

 

 

 

Sem falar que a mulher que ri acaba representando todas as prostitutas, com aquele sorriso forçado escondendo uma vida de tristezas e desilusões.

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

Announcements


×
×
  • Create New...