Jump to content
Forum Cinema em Cena

Avante Vingadores: A ERA DE ULTRON (2015)


Recommended Posts

Ou então o Tony usa uma frequência pirata pro sinal entre a Quinjet (peças) e a Hulkbuster. Daí o Ultron usa apenas a rede online do Jarvis.

 

E dá-lhe fanficagem!  :D

 

sintonizando as frequencias (quinjet + hulkbuster + implantes corpóreos) é outra opção.

mas a criptografia teria que ser fodástica para ele não hackear o sinal.  :D

Link to post
Share on other sites
  • Replies 1.6k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Vale o tópico? Se não, vira post... AVANTE, VINGADORES! Primeiro filme nem estreou ainda, mas a sequência deve sair em 2015! Kevin Feige, presidente de produção da Marvel Studios, deixou escapar

O maior vilão do Homem Formiga é o Homem Docinho, é fato ou Homem Picnic

Eu já prefiro ser positivo e pensar no WINTER SOLDIER que tinha um trailer foda, e entregou um filme foda

Aqui as impressões do Omelete do trailer:

 

http://omelete.uol.com.br/os-vingadores-2-avengers-age-ultron/cinema/vingadores-era-de-ultron-omelete-faz-programa-ao-vivo-para-falar-sobre-o-trailer/#.VElCmSLF9JU

 

 

Segundo eles, o Serkis, pelo visu dele no trailer, deve ser um tal de Ulysses Klaw (que vira o vilão Garras Sônicas). Tem a ver com o metal que o Ultron vai usar que teria caído nas terras do Pantera Negra e tals.

 

7d624b19665eba3f10f223172876f28c.jpg

Link to post
Share on other sites

eu gostei desse lance comentado pelo omelete, do que o ultlron falou: "você quer que o mundo melhore mas não aceita que ele mude".

 

Será que o fato dos vingadores serem um braço da Hidra, e a hidra fazer experimentos com alguns mutantes, faz com que o Ultron tenha razão, no sentido que toda essa concepção de vingadores, de heróis, de lutar contra os malfeitores,.... não é na verdade justamente uma ferramenta dos hidras de deter o poder mundial, dando assim uma visão de Dr Manhattan pros Vingadores. Sendo assim, se os vingadores querem melhorar o mundo, tem que mudar tudo isso que serve de pista ou lubrificante pros interesses da Hidra.

Link to post
Share on other sites

 Decididamente os Vingadores não são um braço da Hidra. Primeiro por que quem financia a equipe não é mais a Shield como no primeiro filme, e sim as Industrias Stark. Segundo que os Vingadores estarão caçando membros da Hidra. O Capitão tem mil razões pra fazer isso, e foi revelado em O SOLDADO INVERNAL que a Hidra foi responsável pela morte do pai de Tony. Então o Stark não deve estar nada feliz com a organização.

Link to post
Share on other sites

Mas os Vingadores foram financiados pela Shield.

E vocês tem que separar as intenções dos super-heróis, e os efeitos dos super heróis e pra quem interessa esses efeitos.

 

O que eu levantei acima foi que o Ultron acredita que os vingadores estão amarrados a toda uma sociedade que favorece a hidra, a um contexto do qual servem aos interesses dessa organização, e dai eu acho que vem a ideia de "de não haver correntes nele, Ultron".

 

Estou pensando no Ultron como algo próximo ao Coringa no TDK, mas no contexto dos Vingadores, e de forma reformulada, ou melhor, só tendo o Coringa como uma singela fonte-homenagem, sem realmente ter a mesma representatividade que teve o Coringa para o universo do TDK. 

E sim, os Vingadores estão sendo financiados agora pelas Industrias Stark, mas agora os vingadores estão no meio entre o seu início e o que eles virão a se tornar, ou seja, ainda são os vingadores, porém sem terem aquele propósito do qual foram convocados pela SHIELD. 

E outra, eles continuam sendo heróis, que exercem efeito similar ao que exerciam antes na sociedade, e que pretendem continuar combatendo o crime... e as Industrias Stark não necessariamente está independente dos interesses da Hidra.

 

E sim, os Vingadores, assim como o Tony Stark e o Capitas tem mil e uma razões para ir contra a Hidra, e talvez o Ultron venha servir pra abrir os olhos dos vingadores (mesmo que o que o Ultron venha a dizer não seja necessariamente 100% correto, e que ele tenha as piores intensões ao dizer tais coisas).

E isso estaria perfeitamente de acordo com a crise de identidade que todos os filmes e histórias de quadrinhos de heróis tratam, só que no âmbito do grupo. Seria um choque que o grupo teria com sua própria identidade e com a ideia do que é ser um super herói, para que serve  e para quem.

AAaah, e talvez tenha sido essa a origem do Ultron, a ligação da Industrias Starks com a Hidra (mesmo que relação empresa-cliente), uma tecnologia que veio com o dinheiro da Hidra e que permitiu criar os softwares necessários para que possa ser criado o Ultron, e ai membros da Hidra hackeasse esse software e criasse o Ultron
 

Link to post
Share on other sites

Afirmação esquisita essa. Nada a ver. Os Vingadores não trabalharam para a Hidra. O fato é esse. 

 

Se a Hidra estava infiltrada na Shield isso são outros quinhentos.

 

E o único que ficou trabalhando 100% com a Shield foi o Capitão América depois dos Vingadores, e assim que viu o envolvimento da Hidra, ele destruiu tudo lá (Hidra, Shield e o escambau).

Link to post
Share on other sites

Não faz sentido, Indústrias stark fornecendo material para a hidra

 

Os vingadores podem até pertencer a hidra, mas em outro universo.

tipo o superman que caiu na união soviética, entre a foice e o martelo.

 

tá meio confusa essa sua teoria Adler... e mesmo que fizesse sentido, para mim, nem nas viagens temporais contidas nas hqs isso aconteceu.

Link to post
Share on other sites

 Destruir ele não destruiu né, JAIL? Ele deu foi uma bela desestabilizada na Hidra, mas a organização continua lá.

 

  Mas não vejo as coisas desta forma como o ADLER vê. Acho que essa linha de pensamento tá supervalorizando a Hidra. Não acredito que ela seja o foco do argumento do Ultron, tanto é que os Vingadores estão caçando membros da Hidra. Acho que na visão do Ultron, a Hidra é só mais um sintoma. Um problema que existe por que o sistema permitiu. Um sistema do qual os Vingadores fazem parte. Acredito que pro Ultron, os Vingadores só ficam tentando curar sintomas, ficando longe da fonte da "doença". E agindo assim, os Vingadores fazem parte do "sistema", sendo as tais "marionetes enroladas em cordas" que o Ultron cita.

 

 Então a questão não é a Hidra ou os seus interesses. É o sistema que permitiu que a Hidra existisse. O sistema que permitiu que a Hidra aprisionasse os Irmãos Maximoff por exemplo..

 

 Pelo que o trailer dá a entender, o Ultron quer mudar as coisas, pois não acredita que os Vingadores sejam "efetivos". E pelo visto seguindo o princípio de que pra haver mudança, primeiro tem que haver destruição.

Link to post
Share on other sites

Bem, se a SHIELD tinha em seus manda chuvas gente da Hidra, logo os Vingadores foram chamados (sem saber) por alguns membros da Hidra (e outros indivíduos que não eram membros da Hidra).

 

Logo, os membros da Hidra que faziam parte do comando da SHIELD tinham interesses na criação dos Vingadores.

 

Mas e qual a ligação das Industrias Stark, bem, basta algum cliente (que é membro em segredo da Hidra) pedir um produto com um software específico do qual possam construir o Ultron, por exemplo. Ou patrocinar algumas pesquisas específicas... Ou mesmo bastasse que a Hidra fizesse medidas para garantir o lucro das Industrias Stark porque sabiam que elas bancariam os Vingadores.

 

Você não precisa controlar as pessoas para controlar o mundo, basta criar funções para que pessoas as exerçam pensando que tão fazendo algo, só que na verdade, o resultado daquele trabalho beneficia interesses dessa organização.

Ou seja, os Vingadores poderiam realmente estar lutando pela paz mundial, contra invasores alienigenas, a Hidra não está interessada em controlar O COMPORTAMENTO DOS HEROIS, mas sim em ter heróis para usufruir dos efeitos que é ter os heróis contratados pela SHIELD (infectados pela Hidra).

E caçar membros da Hidra não quer dizer nada, como eu falei, os membros de alta classe da Hidra não querem controlar o comportamento dos heróis, e se os heróis estão "caçando membros da hidra", ótimo, porque cria a ilusão de que eles são independentes, sendo que o propósito do qual a Hidra teve  a necessidade da criação dos Vingadores continuam lá, e a existência dos Vingadores continuam a servir a esses propósitos. 

Bastando que os verdadeiros responsáveis estejam intocados, ou mesmo sejam partes de tudo o que está envolto. E quando falo tudo o que está envolto, quero dizer que a Hidra pode ser não uma organização material, física, um grupo de pessoas, mas sim uma organização de ideias, propostas, pensamentos, simbolismo, bastando que uma pessoa com poder aquisitivo compartilhe essa ideia e aceite fazer coisas simples (como comprar produtos das Industrias Stark, ou patrocinar as Industrias Starks para poder proteger-se das ameaças de outras raças).

 

E ai poderia fazer um paralelo interessante com o próprio Ultron, que é um software, e não um Robo, que pode invadir qualquer aparelho eletrônico por ondas magnéticas, assim como as ideias da Hidra podem convencer qualquer pessoa com poder aquisitivo.

Mas eu acho que o Whedon não iria tão longe não, realmente. Porém, eu não a descartaria, o contexto meio que "sugere" essa reviravolta, seria uma reviravolta e tanto. 

Link to post
Share on other sites

 Mas ADLER isso vai contra o que foi visto no 1º filme. Se você lembrar, após o ataque do Loki, o Fury tem uma conversa com membros do alto conselho da Shield, que dizem que o "Projeto Vingadores" foi arquivado e que Fury deveria usar o "Projeto Fase 2" pra lidar com a crise. Mas o Fury usa a autoridade que tinha na época e reúne os Vingadores por conta própria, já que na visão dele, era a resposta mais rápida que ele podia dar ao roubo do Tesseract pelo Loki.

 

 Ou seja, quando os eventos de "VINGADORES" tem início, membros do alto conselho da Shield, que sofreu infiltração pela Hidra não tem interesse na formação da equipe, vendo a iniciativa de Fury com maus olhos, mesmo diante da ameaça de Loki. Isso se confirma no final do filme, quando os membros do conselho (muitos deles membros da Hidra) mais uma vez se colocam contra a existência dos Vingadores, classificando-os como "perigosos demais". Mais uma prova que a Shield, e por consequência a Hidra, não via com bons olhos a formação da equipe. Tanto é que antes do ataque do Loki, o "Projeto Vingadores" estava arquivado em benefício do projeto Fase Dois.

 

 Por isso, mais uma vez ADLER, digo que você está supervalorizando a Hidra. Ela é uma organização poderosa, mas não acho que ela seja o "Ventríloquo" a quem o Ultron se refere no trailer. Este "Ventríloquo" é algo muito maior. Um conceito de sociedade e não uma organização.

Link to post
Share on other sites

 Mas ADLER isso vai contra o que foi visto no 1º filme. Se você lembrar, após o ataque do Loki, o Fury tem uma conversa com membros do alto conselho da Shield, que dizem que o "Projeto Vingadores" foi arquivado e que Fury deveria usar o "Projeto Fase 2" pra lidar com a crise. Mas o Fury usa a autoridade que tinha na época e reúne os Vingadores por conta própria, já que na visão dele, era a resposta mais rápida que ele podia dar ao roubo do Tesseract pelo Loki.

 

 Ou seja, quando os eventos de "VINGADORES" tem início, membros do alto conselho da Shield, que sofreu infiltração pela Hidra não tem interesse na formação da equipe, vendo a iniciativa de Fury com maus olhos, mesmo diante da ameaça de Loki. Isso se confirma no final do filme, quando os membros do conselho (muitos deles membros da Hidra) mais uma vez se colocam contra a existência dos Vingadores, classificando-os como "perigosos demais". Mais uma prova que a Shield, e por consequência a Hidra, não via com bons olhos a formação da equipe. Tanto é que antes do ataque do Loki, o "Projeto Vingadores" estava arquivado em benefício do projeto Fase Dois.

 

 Por isso, mais uma vez ADLER, digo que você está supervalorizando a Hidra. Ela é uma organização poderosa, mas não acho que ela seja o "Ventríloquo" a quem o Ultron se refere no trailer. Este "Ventríloquo" é algo muito maior. Um conceito de sociedade e não uma organização.

 

Foi arquivado, isso quer dizer que eles queriam inicialmente o projeto mas não viam necessidade ou não viam como aqueles herois pudessem formar ou estavam prontos pra formar os vingadores (esse foi o argumento da cúpula da SHIELD).

 

Mas os membros tinham sim esse projeto, e tinham, portanto, interesse nesse projeto, o Fury só ANTECIPOU-O (o primeiro vingadores é claro quanto a isso, pois se eles não acreditavam na implementação do projeto porque aqueles herois não serviam, é porque eles tinham o interesse em por-lo em prática quando fosse oportuno).

 

Ou seja, a antecipação foi apenas um contratempo, mas o projeto continuou servindo aos propósitos de quem o criou. E talvez eles não queriam criar os Vingadores para combaterem o Loki, mas acabaram se sentido forçados a faze-lo, e antecipar todos os planos.

 

Um conceito de sociedade e não uma organização.

 

Pois é, a Hidra pode ser exatamente esse conceito por trás da sociedade, e não a organização, como eu falei no meu comentário, fazendo exatamente o paralelo com o Ultron, um software que se infiltra em qualquer aparelho elétrico, assim como o conceito da Hidra que muitas pessoas de grande poder de investimento pode acabar se convencendo dele por meio de um processo de marketing bem estruturado típico dos nazistas da Hidra.

Link to post
Share on other sites

 

 

Ou seja, a antecipação foi apenas um contratempo, mas o projeto continuou servindo aos propósitos de quem o criou.

 

 Não da pra afirmar isso. A intenção inicial do projeto era que os Vingadores fossem uma tropa super humana a serviço da Shield. Não foi isso que aconteceu. Ao menos metade da equipe se desligou da organização antes mesmo do confronto final com Loki e os Chitauri em Nova York. Ou seja, o projeto não seguiu o rumo para o qual foi criado inicialmente.

 

 Quer dizer, a ideia básica "grupo de pessoas com habilidades especiais que lutam batalhas que equipes comuns não podem" funcionou. Mas qualquer sub interesse por trás disso foi por água baixo quando a equipe se desligou da Shield.

 

 Botar uma organização representando um conceito não é um pouco reducionista? Parece que é só desmantelar a Hidra e os problemas do mundo são resolvidos. Também não me parece que a capacidade de infiltração do Ultron em paralelo com as capacidades de infiltração da Hidra seja o mais importante narrativamente. Lembrando que em "O SOLDADO INVERNAL" a Hidra perdeu uma de suas principais armas que era o anonimato. Claro que ainda pode haver membros da Hidra infiltrados em várias esferas do estado e a organização continua muito poderosa, mas o Capitão America tornou as coisas bem mais complicadas para a organização ao revelar ao mundo que a Hidra ainda existe e continua ativa. Decididamente, isso não fazia parte do plano deles.

 

 Analisando o discurso do Ultron no trailer, que opõe ele aos Vingadores, onde ele acusa a equipe de serem "marionetes enroladas em cordas" enquanto o próprio Ultron se declara "Livre", dizendo "não há cordas em mim" não me parece uma referência a Hidra. Como eu disse, isso seria reducionista. Acho que Ultron se refere ali ao próprio sistema mundial, que torna não apenas a Hidra, mas outras ameaças ao mundo possível. Então na visão de Ultron, o problema não é a Hidra. Botar a Hidra como o "Ventríloquo" ao qual Ultron se refere seria simplista demais ao meu ver.

Link to post
Share on other sites

 Não da pra afirmar isso. A intenção inicial do projeto era que os Vingadores fossem uma tropa super humana a serviço da Shield. Não foi isso que aconteceu. Ao menos metade da equipe se desligou da organização antes mesmo do confronto final com Loki e os Chitauri em Nova York. Ou seja, o projeto não seguiu o rumo para o qual foi criado inicialmente.

 

 Quer dizer, a ideia básica "grupo de pessoas com habilidades especiais que lutam batalhas que equipes comuns não podem" funcionou. Mas qualquer sub interesse por trás disso foi por água baixo quando a equipe se desligou da Shield.

 

 Botar uma organização representando um conceito não é um pouco reducionista? Parece que é só desmantelar a Hidra e os problemas do mundo são resolvidos. Também não me parece que a capacidade de infiltração do Ultron em paralelo com as capacidades de infiltração da Hidra seja o mais importante narrativamente. Lembrando que em "O SOLDADO INVERNAL" a Hidra perdeu uma de suas principais armas que era o anonimato. Claro que ainda pode haver membros da Hidra infiltrados em várias esferas do estado e a organização continua muito poderosa, mas o Capitão America tornou as coisas bem mais complicadas para a organização ao revelar ao mundo que a Hidra ainda existe e continua ativa. Decididamente, isso não fazia parte do plano deles.

 

 Analisando o discurso do Ultron no trailer, que opõe ele aos Vingadores, onde ele acusa a equipe de serem "marionetes enroladas em cordas" enquanto o próprio Ultron se declara "Livre", dizendo "não há cordas em mim" não me parece uma referência a Hidra. Como eu disse, isso seria reducionista. Acho que Ultron se refere ali ao próprio sistema mundial, que torna não apenas a Hidra, mas outras ameaças ao mundo possível. Então na visão de Ultron, o problema não é a Hidra. Botar a Hidra como o "Ventríloquo" ao qual Ultron se refere seria simplista demais ao meu ver.

 

Não seguiu em partes, eles queriam super humanos, e tiveram super poderosos (melhor ainda). E como você sabe que a equipe que se desligou da SHIELD não era justamente aqueles que não queriam interesse com o pessoal da Hidra? o fato é que a SHIELD esteve infiltrada por pessoas da Hidra até o Capitas 2, e isso só já é o suficiente para dar a possibilidade dos Vingadores cumprirem o objetivo do projeto que a Hidra imaginava.

 

Botar uma organização representando um conceito não é um pouco reducionista? Parece que é só desmantelar a Hidra e os problemas do mundo são resolvidos.

 

Ai é que tá, reducinista nada, porque você acaba com a Hidra, mas o problema fica. Pois a questão ai já não é mais uma organização, e sim uma cultura, uma filosofia, uma concepção de mundo. Vira sistêmico. E ai não tem a quem atacar, mas a se perguntar como mudar, a lutar por quais interesses.... Para mim, reducionista é justamente colocar a Hidra como um grupo fanático poderoso e mafioso. 

 

A mafia deve existir, deve existir um grupo que idealizou e disseminou, mas acho que nessa hipótese que eu lancei, a Hidra já não mais se resume aos membros originais, e sim a própria defesa de um estilo de vida daqueles que compraram a ideia da Hidra (e que pode ser qualquer um, sem perceber, lendo uma simples conversa com um "amigo"...).

 

E outra, caçar mulambos da Hidra é uma coisa, pegar os reais agentes da Hidra é outra.

Link to post
Share on other sites

Não seguiu em partes, eles queriam super humanos, e tiveram super poderosos (melhor ainda). E como você sabe que a equipe que se desligou da SHIELD não era justamente aqueles que não queriam interesse com o pessoal da Hidra? o

 

 Eles não tinham interesse no Hulk, uma das criaturas mais poderosas do planeta? Não tinham interesse no Thor, literalmente um deus nórdico? Não tinham interesse no Stark, uma das mentes mais brilhantes do planeta? Para um projeto que visava formar uma equipe de super humanos, acho pouco provável que eles não tivessem interesse nesses três.

 

 Lembrando que dois dos que ficaram trabalhando pra Shield (Capitão America e Viuva Negra) não só ferraram com um de seus planos mestre, que era o Projeto Inside, como expuseram a existência da Hidra ao mundo. Acho que isso não fazia parte do plano.

 

 

 

? o fato é que a SHIELD esteve infiltrada por pessoas da Hidra até o Capitas 2, e isso só já é o suficiente para dar a possibilidade dos Vingadores cumprirem o objetivo do projeto que a Hidra imaginava.

 

 

 

  Mas os Vingadores só realizaram uma missão antes de O SOLDADO INVERNAL que foi a luta contra o Loki. Depois a equipe debandou, só voltando a se reunir após os eventos de O SOLDADO INVERNAL, e já sem nenhuma ligação com a Shield (que já havia sido exposta como tendo sido infiltrada). Portanto os Vingadores não podem ter cumprido qualquer objetivo que a Hidra imaginou pra eles. Afinal, como você espera que um exército cumpra um objetivo que você pré-determina, se você não controla esse exército?

 

 Afinal, não é por que a Hidra criou os Vingadores, que significa que a equipe é boa pros planos dele. O próprio Stark vai provar dessa teoria com o Ultron. Criatura se volta contra o criador.

 

 Ai é que tá, reducinista nada, porque você acaba com a Hidra, mas o problema fica. Pois a questão ai já não é mais uma organização, e sim uma cultura, uma filosofia, uma concepção de mundo. Vira sistêmico. E ai não tem a quem atacar, mas a se perguntar como mudar, a lutar por quais interesses.... 

 

 Mas não é necessário uma organização pra isso. O mundo já é assim por natureza. Isso, pelo que sabemos até agora, é o que o Ultron quer mudar. Isso que ele joga na cara dos Vingadores. O sistema não foi criado por uma organização do mal cujo simbolo é uma caveira com tentáculos. O sistema foi criado pelas mesmas pessoas que a equipe jurou proteger.

 

E outra, caçar mulambos da Hidra é uma coisa, pegar os reais agentes da Hidra é outra.

 

 Mulambos? Só em SOLDADO INVERNAL, o Capitão e seu grupo já pegaram poderosos como o secretário geral da Shield e o diretor de uma empresa bélica. Podiam não ser os líderes da Hidra, mas eu não os classificaria como "mulambos" dentro da organização. Imagina o que o Capitão não vai fazer com o apoio do resto da equipe e um Stark com motivações pessoais pra derrubar a organização? A Hidra só não vai cair por completo neste filme, pois eles terão que lidar com o desastre ambulante que é o Ultron, criado pelo próprio Stark alías.

 

Volto a dizer. Acho que você está superestimando a Hidra. Concentre-se nas palavras do Ultron. O que opõe ele aos Vingadores? Acho muito mais interessante a revolta do Ultron ser originada por ele detectar que as ações dos Vingadores não são verdadeiramente efetivas. Afinal, quem manipula as "cordas" a que o Ultron se refere? Ai aquela comparação que você fez com o Coringa do TDK faz mais sentido.

Link to post
Share on other sites

 

Eles não tinham interesse no Hulk, uma das criaturas mais poderosas do planeta? Não tinham interesse no Thor, literalmente um deus nórdico? Não tinham interesse no Stark, uma das mentes mais brilhantes do planeta? Para um projeto que visava formar uma equipe de super humanos, acho pouco provável que eles não tivessem interesse nesses três.

 Lembrando que dois dos que ficaram trabalhando pra Shield (Capitão America e Viuva Negra) não só ferraram com um de seus planos mestre, que era o Projeto Inside, como expuseram a existência da Hidra ao mundo. Acho que isso não fazia parte do plano.

essa parte comentarei abaixo

 

Pois é, viu como é fácil se convencer que o hulk e companhia podem ser uteis para seus interesses?

 

 

 

 

  Mas os Vingadores só realizaram uma missão antes de O SOLDADO INVERNAL que foi a luta contra o Loki. Depois a equipe debandou, só voltando a se reunir após os eventos de O SOLDADO INVERNAL, e já sem nenhuma ligação com a Shield (que já havia sido exposta como tendo sido infiltrada). Portanto os Vingadores não podem ter cumprido qualquer objetivo que a Hidra imaginou pra eles. Afinal, como você espera que um exército cumpra um objetivo que você pré-determina, se você não controla esse exército?

 

 

 

Não entendi bem, Questão, essa sua argumentativa, porque, tipo, no Soldado Invernal a gente fica sabendo que a Hidra está infiltrada na SHIELD, mas a hidra está infiltrada muito antes, antes da criação dos vingadores

 

 

 

 Afinal, não é por que a Hidra criou os Vingadores, que significa que a equipe é boa pros planos dele. O próprio Stark vai provar dessa teoria com o Ultron. Criatura se volta contra o criador.

 

 Lembrando que dois dos que ficaram trabalhando pra Shield (Capitão America e Viuva Negra) não só ferraram com um de seus planos mestre, que era o Projeto Inside, como expuseram a existência da Hidra ao mundo. Acho que isso não fazia parte do plano.

 

Você tem razão, por isso que é inútil tentar controlar o comportamento, mas pode-se criar o contexto, parafraseando o lobo de wall street, pode-se criar a demanda. Como por exemplo, entre dois povos de um país do Oriente há uma tensão, e começa-se a vender algumas armas por preços baratos para um grupo (intermediado por pessoas que creem nas ideias da Hidra, e ideias de membros de alto escalão da Hidra), Ai o outro povo começa a se sentir inferiorizado e compra armas de outros fornecedores mas que também, no final, tá ligado a membros da Hidra. Ai se tem um conflito que começa a criar proporções gigantescas, e grupos extremistas começam a culpar os EUA pela crise desse país, ai começam ataques terroristas aos EUA e os Vingadores tem que combater o vilão e os grupos desse país. Ai depois da vitória, Tony Stark para implementar paz no país, instalando um centro de tecnologia e diplomacia que permita os dois povos dialogarem e compartilharem avanços, mas isso na verdade é um caminho para o pessoal da Hidra se instalar e explorar os recursos e o povo de lá...

 

Tipo essa situação acima que acabei de criar não é que vai aparecer no filme ou faz parte da história, mas é só um exemplo de como pode-se usar os Vingadores, e como os Vingadores podem servir a interesses de seus criadores.

 

Mas ainda sim corre o risco dos Vingadores se voltarem contra seus criadores, como é o caso do Ultron, só que ai os Vingadores pegariam os bois de piranhas, aqueles membros que ocupam grandes postos na SHIELD e companhia mas que não fazem parte realmente da grande cúpula. 

 

 

 

 

 Ai é que tá, reducinista nada, porque você acaba com a Hidra, mas o problema fica. Pois a questão ai já não é mais uma organização, e sim uma cultura, uma filosofia, uma concepção de mundo. Vira sistêmico. E ai não tem a quem atacar, mas a se perguntar como mudar, a lutar por quais interesses.... 

 

 Mas não é necessário uma organização pra isso. O mundo já é assim por natureza. Isso, pelo que sabemos até agora, é o que o Ultron quer mudar. Isso que ele joga na cara dos Vingadores. O sistema não foi criado por uma organização do mal cujo simbolo é uma caveira com tentáculos. O sistema foi criado pelas mesmas pessoas que a equipe jurou proteger.

Perfeito, você está chegando onde eu quero chegar. 

 

Por mais que isso esteja ai na mente de todo mundo, 90% dos que acreditam assim não querem fazer uma guerra pra implementar isso, na verdade, só tem isso guardado pra si, pouco expondo. A Hidra estaria apenas encorajando os que compartilham dessa ideia, e convencendo os que são simpatizantes, e conquistando os interesses aqueles que potencialmente se beneficiaram com isso e que estão ignorantes quanto a isso. Ou seja, a Hidra seria o grupo radical que pega de forma radical as ideias e interesses que grande parte da população compartilha e as aplica radicalmente, nos seus extremos.

 

E para um filme de Herói, a Hidra seria na verdade apenas o vilão físico, a transição pro espectador de uma organização criminosa para uma ideia criminosa, um modo de vida criminoso. E a Hidra na história, seria o grupo que é extremamente radical, 

 

 E outra, caçar mulambos da Hidra é uma coisa, pegar os reais agentes da Hidra é outra.

 

 Mulambos? Só em SOLDADO INVERNAL, o Capitão e seu grupo já pegaram poderosos como o secretário geral da Shield e o diretor de uma empresa bélica. Podiam não ser os líderes da Hidra, mas eu não os classificaria como "mulambos" dentro da organização. Imagina o que o Capitão não vai fazer com o apoio do resto da equipe e um Stark com motivações pessoais pra derrubar a organização? A Hidra só não vai cair por completo neste filme, pois eles terão que lidar com o desastre ambulante que é o Ultron, criado pelo próprio Stark alías.

 

Volto a dizer. Acho que você está superestimando a Hidra. Concentre-se nas palavras do Ultron. O que opõe ele aos Vingadores? Acho muito mais interessante a revolta do Ultron ser originada por ele detectar que as ações dos Vingadores não são verdadeiramente efetivas. Afinal, quem manipula as "cordas" a que o Ultron se refere? Ai aquela comparação que você fez com o Coringa do TDK faz mais sentido.

Mas os chefões da SHIELD podem ser apenas bois de piranhas, podem ser apenas membros subalternos da Hidra (que eles pensavam participar da grande elite da Hidra, tanto os próprios, quanto a gente, espectador, e os Vingadores, Viúva e Capitas).

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

Announcements


×
×
  • Create New...