Jump to content
Forum Cinema em Cena

Marcou Minha Vida, Mas Não é Obra-prima


Thiago Araujo
 Share

Recommended Posts

Uma obra prima no nível de Curtindo a Vida seria Picardias Estudantis' date=' um retrato cru, sem açucar da juventude do final dos anos 70 e início dos 80. O filme é um clássico e abriu precedentes para diversas comédias adolescentes nos anos 80 que, de medíocres como vc mencionou, não tem nada (incluindo o próprio Curtindo a Vida)...

[/quote']

Hmm, nunca assisti esse filme, então não vou arriscar dizer se é ou não obra-prima, só acho que, como você mesmo disse, há DIVERSAS comédias adolescentes, seguindo o mesmo tema e não acrescentando nada a arte cinematográfica. São filmes divertidos ? Sim! Obra-prima é elevar demais seu status.
Quer um retrato cru da juventude e é obra-prima por isso? Vá assistir Trainspotting...
Curtindo a Vida é só mais um filme cheio de firulas, mostrando um adolescente carismatico e descolado, e isso temos aos montes...

Conclusão: pare com a PORRA do preconceito e esqueça que existem 'formulazinhas de báskara' para se identificar uma obra prima. O simples fato de ambos os filmes de adolescentes aqui citados ainda sobreviverem' date=' já demandam que vc mude seu raciocínio e abrace outras perspectivas menos limítrofes do que essa sua.

[/quote']

Não é preconceito nem "fórmulinha", só acho exagero achar que um filme que não inovou em nada e é igual a dezenas de outros filmes seja considerado obra-prima.
E outra, segundo seu raciocinio eu posso considerar então Beethoven (o do cachorro) como sendo obra-prima, já que é um filme que sobreviveu ao tempo (é claro, devido a sessões da tarde da vida hehe).

Quem acha é o T.O.H.... foi ele quem disse que o filme é OP. smiley2.gif

?????
Se você não acha que o filme é obra-prima porque está dizendo o contrario? Wtf' date=' que bizarro.
Falta de argumentos, Dook? Você disse acima que era obra-prima:


Uma obra prima no nível de Curtindo a Vida

Hehehehe, é só pedir argumentos que já pulou fora.

Ahh' date=' sim... discussões já começam a feder quando uma das partes resolve sugerir que obras primas seguem formulazinhas de báskara. Lição de casa: arte não segue regras, não segue fórmulas, não segue a sua vontade de pseudo-cinéfilo... Graças a Deus por isso!

[/quote']

Não sugeri em momento algum isso, você quem está dizendo agora. Tanto acho que O Encouraçado Potemkin é obra-prima quanto Fuga de NY, que são filmes totalmente diferentes.
E, pra variar, você vem com agressões verbais me chamando de pseudo-cinéfilo.
Bom, entrei nesse fórum para aprender mais sobre cinema, participo de diversas listas de discussão sobre o assunto e assisto filmes sempre que posso.
Mesmo não tendo um conhecimento tão profundo sobre essa arte como queria, estou estudando para chegar lá, diferente de você que vem ao fórum para massagear seu ego e manter sua reputação de cruzado aqui no fórum, mesmo tendo você um conhecimento bastante limitado sobre o assunto.

Travis Bickle2006-7-11 13:30:34
Link to comment
Share on other sites

  • Replies 431
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Uma obra prima no nível de Curtindo a Vida seria Picardias Estudantis' date=' um retrato cru, sem açucar da juventude do final dos anos 70 e início dos 80. O filme é um clássico e abriu precedentes para diversas comédias adolescentes nos anos 80 que, de medíocres como vc mencionou, não tem nada (incluindo o próprio Curtindo a Vida)...

[/quote']

Hmm, nunca assisti esse filme, então não vou arriscar dizer se é ou não obra-prima, só acho que, como você mesmo disse, há DIVERSAS comédias adolescentes, seguindo o mesmo tema e não acrescentando nada a arte cinematográfica. São filmes divertidos ? Sim! Obra-prima é elevar demais seu status.
Quer um retrato cru da juventude e é obra-prima por isso? Vá assistir Trainspotting...
Curtindo a Vida é só mais um filme cheio de firulas, mostrando um adolescente carismatico e descolado, e isso temos aos montes...

Só porque fala de adolescentes, "não acrescenta nada", que "temos aos montes", impede que ele seja uma obra-prima?

Conclusão: pare com a PORRA do preconceito e esqueça que existem 'formulazinhas de báskara' para se identificar uma obra prima. O simples fato de ambos os filmes de adolescentes aqui citados ainda sobreviverem' date=' já demandam que vc mude seu raciocínio e abrace outras perspectivas menos limítrofes do que essa sua.

[/quote']

Não é preconceito nem "fórmulinha", só acho exagero achar que um filme que não inovou em nada e é igual a dezenas de outros filmes seja considerado obra-prima.
E outra, segundo seu raciocinio eu posso considerar então Beethoven (o do cachorro) como sendo obra-prima, já que é um filme que sobreviveu ao tempo (é claro, devido a sessões da tarde da vida hehe).

Porque não poderia? Precisa inovar pra ser obra-prima?

Quem acha é o T.O.H.... foi ele quem disse que o filme é OP. smiley2.gif

?????
Se você não acha que o filme é obra-prima porque está dizendo o contrario? Wtf' date=' que bizarro.
Falta de argumentos, Dook? Você disse acima que era obra-prima:


Uma obra prima no nível de Curtindo a Vida

Hehehehe, é só pedir argumentos que já pulou fora.

O que ele tá dizendo é que NENHUM filme é incontestavelmente uma obra-prima ou uma não-obra-prima.

Dizer que "Curtindo a Vida" (que não vi) passa longe do status de OP é ignorância e estupidez. Só porque VC acha que não "acrescenta nada" e "repete uma fórmula" não significa que ele pode ser classificado como OP por outros.

Ahh' date=' sim... discussões já começam a feder quando uma das partes resolve sugerir que obras primas seguem formulazinhas de báskara. Lição de casa: arte não segue regras, não segue fórmulas, não segue a sua vontade de pseudo-cinéfilo... Graças a Deus por isso!

[/quote']

Não sugeri em momento algum isso, você quem está dizendo agora. Tanto acho que O Encouraçado Potemkin é obra-prima quanto Fuga de NY, que são filmes totalmente diferentes.
E, pra variar, você vem com agressões verbais me chamando de pseudo-cinéfilo.
Bom, entrei nesse fórum para aprender mais sobre cinema, participo de diversas listas de discussão sobre o assunto e assisto filmes sempre que posso.
Mesmo não tendo um conhecimento tão profundo sobre essa arte como queria, estou estudando para chegar lá, diferente de você que vem ao fórum para massagear seu ego e manter sua reputação de cruzado aqui no fórum, mesmo tendo você um conhecimento bastante limitado sobre o assunto.

Pense nas asneiras que vc disse antes.

Link to comment
Share on other sites


Só porque fala de adolescentes' date=' "não acrescenta nada", que "temos aos montes", impede que ele seja uma obra-prima?

[/quote']

Sim.


Porque não poderia? Precisa inovar pra ser obra-prima?


Não' date=' basta ser criativo.

Dizer que "Curtindo a Vida" (que não vi) passa longe do status de OP é ignorância e estupidez. Só porque VC acha que não "acrescenta nada" e "repete uma fórmula" não significa que ele pode ser classificado como OP por outros.

Acho que to falando algum dialeto nórdico aqui. A questão de ser ou não obra-prima NÃO é uma questão pessoal. Uma obra prima, independente da arte a que pertence, é uma obra de inegável importância artistica, independente se você gostou ou não. Deu pra entender?


Pense nas asneiras que vc disse antes.


Não vou me escrever muito aqui pra não ficar feio pra você. Mas só uma coisa: lambeção (ou puxação) de saco é feio. Personalidade é bom.
Link to comment
Share on other sites

Acho que to falando algum dialeto nórdico aqui. A questão de ser ou não obra-prima NÃO é uma questão pessoal. Uma obra prima' date=' independente da arte a que pertence, é uma obra de inegável importância artistica, independente se você gostou ou não. Deu pra entender [/quote']

Opa... me diga então um filme que se enquadre nestas características acima e que cuja escolha não tenha... digamos cunho pessoal...

 

Link to comment
Share on other sites

Acho que to falando algum dialeto nórdico aqui. A questão de ser ou não obra-prima NÃO é uma questão pessoal. Uma obra prima' date=' independente da arte a que pertence, é uma obra de inegável importância artistica, independente se você gostou ou não. Deu pra entender [/quote']

Opa... me diga então um filme que se enquadre nestas características acima e que cuja escolha não tenha... digamos cunho pessoal...

 

O Gabinete do Dr. Caligari, Nosferatu, O Encouraçado Potemkin, 2001, Laranja Mecânica, Era uma vez no Oeste, O Sétimo Selo... enfim, são muitos...
Alguns por iniciarem o expressionismo no cinema, outros pela magnifica e inovadora montagem, outras pela estética, enfim, são filmes que fizeram a diferença, independente de eu gostar ou não.

Link to comment
Share on other sites

Acho que to falando algum dialeto nórdico aqui. A questão de ser ou não obra-prima NÃO é uma questão pessoal. Uma obra prima' date=' independente da arte a que pertence, é uma obra de inegável importância artistica, independente se você gostou ou não. Deu pra entender [/quote']

Opa... me diga então um filme que se enquadre nestas características acima e que cuja escolha não tenha... digamos cunho pessoal...

O Gabinete do Dr. Caligari, Nosferatu, O Encouraçado Potemkin, 2001, Laranja Mecânica, Era uma vez no Oeste, O Sétimo Selo... enfim, são muitos...
Alguns por iniciarem o expressionismo no cinema, outros pela magnifica e inovadora montagem, outras pela estética, enfim, são filmes que fizeram a diferença, independente de eu gostar ou não.

Mas todos esbarram no gosto pessoal... e só pinçando um, o 2001 de Kubrick para grande parte das pessoas que gostam de cinema, é soporífero... como se vê, mesmo um filme como Curtindo a Vida... é OP inclusive por todos os motivos que você acha que ele NÃO é. E ainda tem a questão, não analisada, de que MUITOS consideram filmes como OP sem sequer tê-los assistido baseados no consenso comum ou numa breve e incompleta pesquisa no São Google...

 

Link to comment
Share on other sites


Só porque fala de adolescentes' date=' "não acrescenta nada", que "temos aos montes", impede que ele seja uma obra-prima?

[/quote']

Sim.

smiley3.gif


Porque não poderia? Precisa inovar pra ser obra-prima?


Não' date=' basta ser criativo.[/quote']

O que nega que "Curtindo a Vida" não pode ser criativo?

Criatividade = inovação? smiley5.gif

Dizer que "Curtindo a Vida" (que não vi) passa longe do status de OP é ignorância e estupidez. Só porque VC acha que não "acrescenta nada" e "repete uma fórmula" não significa que ele pode ser classificado como OP por outros.

Acho que to falando algum dialeto nórdico aqui. A questão de ser ou não obra-prima NÃO é uma questão pessoal. Uma obra prima' date=' independente da arte a que pertence, é uma obra de inegável importância artistica, independente se você gostou ou não. Deu pra entender?[/quote']

smiley3.gif


Pense nas asneiras que vc disse antes.


Não vou me escrever muito aqui pra não ficar feio pra você. Mas só uma coisa: lambeção (ou puxação) de saco é feio. Personalidade é bom.

Concordar = puxar saco? 

Link to comment
Share on other sites

Mas todos esbarram no gosto pessoal...

Nenhum esbarra no gosto pessoal' date=' todos tiveram importância para o cinema, inclusive 2001, que, apesar de "soporífero", mudou o rumo da ficção cientifica.

E ainda tem a questão, não analisada, de que MUITOS consideram filmes como OP sem sequer tê-los assistido baseados no consenso comum ou numa breve e incompleta pesquisa no São Google...

Ixi, isso ja virou mania aqui. Quem tem mais conhecimento que você = pesquisou no Google...
Já leu aquele texto do HG Wells, "Terra de Cegos" ? Reflete bem isso.

Link to comment
Share on other sites

Bom, já vi que esse "Curtindo a Vida Adoidado" é unanimidade por aqui, assim como outros filmes. Se um gosta, então todos gostam... hehehe

Até agora nada de argumentos, só criticas pessoais...

Conclusão: Sem argumentos não há discussão... Isso tá sendo praticamente um monólogo, se aparecer algum argumento (o que parece ser bem dificil) eu volto a postar aqui nesse tópico. Entendam o seguinte: GOSTO PESSOAL NÃO É ARGUMENTO.

Link to comment
Share on other sites

Bom' date=' já vi que esse "Curtindo a Vida Adoidado" é unanimidade por aqui, assim como outros filmes. Se um gosta, então todos gostam... hehehe
Até agora nada de argumentos, só criticas pessoais...
Conclusão: Sem argumentos não há discussão... Isso tá sendo praticamente um monólogo, se aparecer algum argumento (o que parece ser bem dificil) eu volto a postar aqui nesse tópico. Entendam o seguinte: GOSTO PESSOAL NÃO É ARGUMENTO.[/quote']

Por isso mesmo que "Curtindo a Vida" não é nem não é necessariamente uma OP, assim como "2001", "Dr. Caligari". NÃO EXISTE unanimidade. Eu nem sei se "Curtindo a Vida" é um bom ou um mau filme, uma bomba ou uma OP. Só acho que importância e reconhecimento não garantem que um filme seja ou não uma OP.

Críticas pessoais? Só se for à maneira como vc interpreta se um filme é ou não é uma obra-prima.

rubysun2006-7-11 15:7:34
Link to comment
Share on other sites

Hmm' date=' nunca assisti esse filme, então não vou arriscar dizer se é ou não obra-prima, só acho que, como você mesmo disse, há DIVERSAS comédias adolescentes, seguindo o mesmo tema e não acrescentando nada a arte cinematográfica. São filmes divertidos ? Sim! Obra-prima é elevar demais seu status.[/quote']

Releia o post... Eu disse que considerava Picardias OP, dentro do contexto (proposto pelo T.O.H.) de que Curtindo a Vida seja OP...

Quer um retrato cru da juventude e é obra-prima por isso? Vá assistir Trainspotting...

Trainspotting fala da juventude dos anos 90 que' date=' em muitos aspectos, é uma continuação direta da juventude dos anos 80 que filmes como Picardias Estudantis, Clube dos Cinco, Curtindo a Vida Adoidado, entre outros, retrataram tão bem...

Curtindo a Vida é só mais um filme cheio de firulas, mostrando um adolescente carismatico e descolado, e isso temos aos montes...

Fato ou opinião?

Não é preconceito nem "fórmulinha"' date=' só acho exagero achar que um filme que não inovou em nada e é igual a dezenas de outros filmes seja considerado obra-prima.[/quote']

Pois é... vc acha que não inovou em nada, outros podem achar...

Eu, por exemplo, acho que Homem-Aranha é apenas um filme que fala de um nerd que choraminga pela sua paixão de adolescente... Outras pessoas acham que é o filme de suas vidas e a melhor adaptação de HQs da história. Exagero? Eu acho... Mas daí a querer impor que este exagero (que é uma impressão minha somente) seja um fato consumado e inquestionável (como vc quer colocar) é um pouco demais...

E outra' date=' segundo seu raciocinio eu posso considerar então Beethoven (o do cachorro) como sendo obra-prima, já que é um filme que sobreviveu ao tempo (é claro, devido a sessões da tarde da vida hehe).[/quote']

Se foi isso que vc depreendeu do meu raciocínio, sinto garoto... sua acefalia ganha contornos tremendos e uma amplitude imensurável...

?????
Se você não acha que o filme é obra-prima porque está dizendo o contrario? Wtf' date=' que bizarro.
Falta de argumentos, Dook? Você disse acima que era obra-prima:

Uma obra prima no nível de Curtindo a Vida

Hehehehe, é só pedir argumentos que já pulou fora.

Nice move, however, it was very predictable and very silly...

Tirado do contexto da discussão em tela, sim, o meu post pode dar a entender que acho Curtindo a Vida uma OP...

Dentro do contexto - que é o que nos interessa - o significado do post é outro. Logo, vc tem duas alternativas:

a) Continuar achando que EU acho Curtindo a Vida OP e, assim, provar mais uma vez para todos os participantes do tópico o quão acéfalo tu és;

B) Parar com o joguinho de palavras e essa necessidade de parecer retórico tirando meus posts do contexto e pervertendo o que eu disse.

The ball is on your court, pal.

Não sugeri em momento algum isso' date=' você quem está dizendo agora.[/quote']

Ah, não? E o que é isso?

A questão de ser ou não obra-prima NÃO é uma questão pessoal. Uma obra prima' date=' independente da arte a que pertence, é uma obra de inegável importância artistica, independente se você gostou ou não. [/quote']

Hmmmmmmmmmmmmmmmm....

Tanto acho que O Encouraçado Potemkin é obra-prima quanto Fuga de NY' date=' que são filmes totalmente diferentes.[/quote']

Contradição estúpida... Qual a inovação de Fuga de NY? Qual a importância artística deste que nem de longe é o melhor filme de Carpenter? O que nos leva mais uma vez à sua pérola de humor involuntário que tenho o prazer de quotar de novo:

A questão de ser ou não obra-prima NÃO é uma questão pessoal. Uma obra prima' date=' independente da arte a que pertence, é uma obra de inegável importância artistica, independente se você gostou ou não. [/quote'] 

Onde Fuga de NY entra aí em cima?

Em tempo: eu acho Fuga de NY uma OP, um dos melhores filmes de Carpenter (perde para The Thing e Eles Vivem).

Bom' date=' entrei nesse fórum para aprender mais sobre cinema, participo de diversas listas de discussão sobre o assunto e assisto filmes sempre que posso.
Mesmo não tendo um conhecimento tão profundo sobre essa arte como queria, estou estudando para chegar lá, diferente de você que vem ao fórum para massagear seu ego e manter sua reputação de cruzado aqui no fórum, mesmo tendo você um conhecimento bastante limitado sobre o assunto.[/quote']

Apelou, perdeu...

bebe_chorao2.jpg

Link to comment
Share on other sites

Mas todos esbarram no gosto pessoal...

Nenhum esbarra no gosto pessoal' date=' todos tiveram importância para o cinema, inclusive 2001, que, apesar de "soporífero", mudou o rumo da ficção cientifica. [/quote']

Nenhum? Me diga como 2001 mudou o rumo da ficção científica...

E ainda tem a questão' date=' não analisada, de que MUITOS consideram filmes como OP sem sequer tê-los assistido baseados no consenso comum ou numa breve e incompleta pesquisa no São Google...

[/quote']

Ixi, isso ja virou mania aqui. Quem tem mais conhecimento que você = pesquisou no Google...
Já leu aquele texto do HG Wells, "Terra de Cegos" ? Reflete bem isso.

Essa frase aqui sobre o Dook é sua e está a poucos posts acima:

"Mesmo não tendo um conhecimento tão profundo sobre essa arte como queria, estou estudando para chegar lá, diferente de você que vem ao fórum para massagear seu ego e manter sua reputação de cruzado aqui no fórum, mesmo tendo você um conhecimento bastante limitado sobre o assunto"

Leia bem o que eu escrevi e perceba que eu não fiz referências a você Travis. Mas a carapuça serviu... se o Dook e outros aqui, têm um conhecimento limitado sobre cinema você é o quê? PHD no assunto? Quanto aos argumentos que pede, leia de novo o que escreveu, o que você acha que contribui para que Curtindo a Vida... não seja considerado uma obra prima? Tudo aquilo, conta a FAVOR do filme... definições acadêmicas sobre o que é ou não obra prima caem por terra diante do gosto pessoal que pode não influenciar, mas no final das contas é o que realmente importa.

 

Link to comment
Share on other sites

Bom' date=' já vi que esse "Curtindo a Vida Adoidado" é unanimidade por aqui, assim como outros filmes. Se um gosta, então todos gostam... hehehe
Até agora nada de argumentos, só criticas pessoais...
Conclusão: Sem argumentos não há discussão... Isso tá sendo praticamente um monólogo, se aparecer algum argumento (o que parece ser bem dificil) eu volto a postar aqui nesse tópico. Entendam o seguinte: GOSTO PESSOAL NÃO É ARGUMENTO.[/quote']

Ok, argumento é 'personagens são complexos pq nos lembramos deles'...

smiley36.gif

Link to comment
Share on other sites

Contradição estúpida... Qual a inovação de Fuga de NY? Qual a importância artística deste que nem de longe é o melhor filme de Carpenter? O que nos leva mais uma vez à sua pérola de humor involuntário que tenho o prazer de quotar de novo:

Ora' date=' também acho que não é o melhor do Carpenter, mas nem por isso deixa de ser OP. O filme é muito criativo, e eu disse que a criatividade pode sim gerar obras-primas, e, além disso, o filme inova ao mesclar elementos de filmes tipicamente B com filmes blockbuster.
Toda obra-prima TEM que ser criativa, independente da arte, não precisa necessariamente ser uma inovação, mas tem que ser criativa, e isso Fuga de NY é muito.
Se quiser contradizer isso, me diga apenas uma obra-prima, seja ela da arte que for, que não seja criativa e/ou inovadora, apenas uma.
Agora me diga, mesmo sem inovação, qual a criatividade de "Curtindo A Vida Adoidado" mesmo?. É aí que está o ponto cara, o filme é clichê.

Apelou, perdeu...

Concordo, mas foi voce que comecou... Você me desculpa? Por favor, por favor!!smiley19.gif

Link to comment
Share on other sites



Se quiser contradizer isso' date=' me diga apenas uma obra-prima, seja ela da arte que for, que não seja criativa e/ou inovadora, apenas uma.
Agora me diga, mesmo sem inovação, qual a criatividade de "Curtindo A Vida Adoidado" mesmo?. É aí que está o ponto cara, o filme é clichê.

[/quote']

Fato ou opinião?

Link to comment
Share on other sites

Leia bem o que eu escrevi e perceba que eu não fiz referências a você Travis. Mas a carapuça serviu... se o Dook e outros aqui' date=' têm um conhecimento limitado sobre cinema você é o quê? PHD no assunto? Quanto aos argumentos que pede, leia de novo o que escreveu, o que você acha que contribui para que Curtindo a Vida... não seja considerado uma obra prima? Tudo aquilo, conta a FAVOR do filme... definições acadêmicas sobre o que é ou não obra prima caem por terra diante do gosto pessoal que pode não influenciar, mas no final das contas é o que realmente importa.

[/quote']

Bom, vou quotar algo que eu mesmo escrevi:

Mesmo nao tendo um conhecimento tão profundo dessa arte como queria

[/Quote]

Sei das minhas limitações e aceito isso. smiley2.gif

Travis Bickle2006-7-11 15:37:19
Link to comment
Share on other sites



Se quiser contradizer isso' date=' me diga apenas uma obra-prima, seja ela da arte que for, que não seja criativa e/ou inovadora, apenas uma.
Agora me diga, mesmo sem inovação, qual a criatividade de "Curtindo A Vida Adoidado" mesmo?. É aí que está o ponto cara, o filme é clichê.

[/quote']

Fato ou opinião?

Jesus, se voce acha que é opiniao responda a pergunta, oras!

 

Bom' date=' já vi que esse "Curtindo a Vida Adoidado" é unanimidade por aqui, assim como outros filmes. Se um gosta, então todos gostam... hehehe
Até agora nada de argumentos, só criticas pessoais...
Conclusão: Sem argumentos não há discussão... Isso tá sendo praticamente um monólogo, se aparecer algum argumento (o que parece ser bem dificil) eu volto a postar aqui nesse tópico. Entendam o seguinte: GOSTO PESSOAL NÃO É ARGUMENTO.[/quote']

Ok, argumento é 'personagens são complexos pq nos lembramos deles'...

smiley36.gif

Mais um flood hein Dook. Moderação, moderação. smiley36.gif

Travis Bickle2006-7-11 15:36:52
Link to comment
Share on other sites

Contradição estúpida... Qual a inovação de Fuga de NY? Qual a importância artística deste que nem de longe é o melhor filme de Carpenter? O que nos leva mais uma vez à sua pérola de humor involuntário que tenho o prazer de quotar de novo:

Ora' date=' também acho que não é o melhor do Carpenter, mas nem por isso deixa de ser OP. O filme é muito criativo, e eu disse que a criatividade pode sim gerar obras-primas, e, além disso, o filme inova ao mesclar elementos de filmes tipicamente B com filmes blockbuster.[/quote']

Discordo... não vejo nada de blockbuster em Fuga de NY...

E qual é a importância artística de Fuga de NY?

Se quiser contradizer isso' date=' me diga apenas uma obra-prima, seja ela da arte que for, que não seja criativa e/ou inovadora, apenas uma.[/quote']

Eu não preciso citar outro filme para contradizer o seu filme... Basta eu apenas discordar e explicar como fiz acima.

Link to comment
Share on other sites



Se quiser contradizer isso' date=' me diga apenas uma obra-prima, seja ela da arte que for, que não seja criativa e/ou inovadora, apenas uma.
Agora me diga, mesmo sem inovação, qual a criatividade de "Curtindo A Vida Adoidado" mesmo?. É aí que está o ponto cara, o filme é clichê.

[/quote']

Fato ou opinião?

Jesus, se voce acha que é opiniao responda a pergunta, oras!

A pergunta é quase que retórica. Vc apresenta aquilo como fato, mas o único fato é que aquilo é uma opinião. Se vc acha que "Curtindo a Vida" é clichê, ok, mas isso é opinião sua, não é um fato que vale para todos e que negue a possibilidade do filme ser uma obra-prima, conceito relativo.

Link to comment
Share on other sites

Leia bem o que eu escrevi e perceba que eu não fiz referências a você Travis. Mas a carapuça serviu... se o Dook e outros aqui' date=' têm um conhecimento limitado sobre cinema você é o quê? PHD no assunto? Quanto aos argumentos que pede, leia de novo o que escreveu, o que você acha que contribui para que Curtindo a Vida... não seja considerado uma obra prima? Tudo aquilo, conta a FAVOR do filme... definições acadêmicas sobre o que é ou não obra prima caem por terra diante do gosto pessoal que pode não influenciar, mas no final das contas é o que realmente importa.

[/quote']

Bom, vou quotar algo que eu mesmo escrevi:

Mesmo nao tendo um conhecimento tão profundo dessa arte como queria

[/Quote]

Sei das minhas limitações e aceito isso. smiley2.gif

Você aparentemente aceita suas limitações mas tem uma maneira estranha de demonstrar isso...

 

Link to comment
Share on other sites

Obras primas: Guernica - Picasso (inovação), 2001 - Kubrick (inovação), 9ª Sinfonia - Beethoven (inovação), Le Nozze de Figaro - Mozart (inovação), bom só para citar vários tipos de arte, e vários tipos de obra-prima, como vocês devem ter notado há uma semelhança em todas, vamos ver se conseguem adivinhar.

Entenderam agora o que é dizer que Curtindo a Vida é obra-prima? É colocar no patamar dessas obras artisticas.

E sim, entendi que existem "10" diferentes, mas lembrem-se que nem todo "10" é uma obra-prima. Obra prima é algo genial, fora do comum, algo que não é todo mundo que pode sair fazendo.

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements


×
×
  • Create New...