Jump to content
Forum Cinema em Cena

Oscar 2017: Previsões


Recommended Posts

  • Replies 576
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Hell or High Water é aquele típico neo-western texano, como foi com Onde os fracos não tem vez, que aparentemente é só um filme de perseguição, mas que traz muitas outras camadas nele. Aliás, se Onde

Não consegui postar nenhuma lista das várias importantes que saíram hoje. E não vou escrever uma por uma, não.  Vai esse compiladão dos Guilds até agora.   Moonlight (AFI, SAG, ACE, WGA, PGA) Manche

Simultaneamente patrimônio popular e obra de arte.

 

Ia escrever só isso. Mas "La "La Land" me estimula a falar de muita coisa. O primeiro plano, de cara, impressiona. Não sei como é possível fluir de grua para câmera na mão, daquela forma. A questão é que não é apenas esse plano, é um sucessão de planos memoráveis um atrás do outro. Aquele traveling na piscina, por exemplo, me deixou de boca aberta! É espetacular! Lembro como todo mundo saiu perguntando como é que o Fernando Meirelles fez a cena da galinha em "City of God". Gente, como é que o Damien Chazelle fez isso? E fez aquilo? E fez aquela cena acolá? Não existe por que ter discussões de "lana caprina", ao longo desse mês: o Oscar de Direção já tem dono.

 

O primeiro plano me levou a falar da Direção e agora me leva a falar do Figurino. Não sei se vocês perceberam, mas a primeira atriz cantora que aparece está com um vestido amarelo, um vestido amarelo que aparecerá em vários momentos ao longo do filme, com vários significados diferentes. É muito interessante perceber como essas audições exigem do candidato estarem com a roupa adequada ao personagem, mas como essa exigência é sacrificante para atores em início de carreira, que se veem obrigados a adquirirem esse figurino emprestado, etc. Como isso vira um tormento pra alguém em busca de emprego! São essas coisas pequenas que me encantam, que não são nem de longe a questão central do filme, mas que ajudam o espectador a entender como é árdua a luta da personagem principal. Mas, em termos de Oscar, que prazer será ver a talentosíssima Mary Zophres levar este Oscar. Ela que, criminosamente, só tem uma indicação ("True Grit"). É um trabalho referencial? sim. A pedido do Diretor, usa as cores vivas do extraordinário "Os Guarda-Chuvas do Amor". As cores acesas dos vestidos da Emma Stone e suas amigas são demais! Aliás, o que é aquele plano como um todo? Os ternos do Ryan Gosling, as roupas da banda do aniversário...É uma Los Angeles colorida, feliz, e jovial.

 

O primeiro plano me leva a falar da montagem. Não existe dúvida, será o segundo Oscar do Tom Cross. Merece a estatueta não só pelos momentos "E se", que fazem todo mundo babar de tão magníficos! Mas merece a estatueta pela costura do filme como um todo. Do início ao fim, o corte sempre foi no ponto mais adequado. E ainda há o emprego de algumas inserções extravagantes: aquelas imagens de taças de champagne sendo enchidas, como se dava antigamente...É tão na hora certa, é tão legal, é tão cinematográfico...Um trabalho redentor para alguém que veio de fazer "Joy".

 

O primeiro plano me leva a falar das canções.  "Another day of Sun" já avisa desde o início: letras espertíssimas em canções mais que assobiáveis! Alguém tem dúvida que esse filme, assim como também a obra-prima original "All That Jazz", fará o caminho inverso e virará Broadway daqui a pouco? Este filme será uma máquina de dinheiro para sempre! A bilheteria já tá lá no alto nos Estados Unidos, mas será multiplicada por muitos e muitos anos. É um trabalho para a vida! A minha canção preferida é "Someone in the Crowd", por causa da cena das atrizes. Não consigo dissociar da imagem. O que é um erro. Mas é assim que eu sou. "City of Stars" é a música-tema do filme: Los Angeles, estrelas nas calçadas e no céu. Simples, bonita e eficiente. Embora favorita, há rumores que "Audition" também será muito bem votada. De qualquer forma, Justin Hurwitz sairá com 2 estatuetas nas mãos. Eu previ a premiação dele na minha primeira lista de maio. 

 

Outro Oscar certo é a Fotografia do sueco Linus Sandgren. Não é só linda! É que é um trabalho tão insano! Adequar a luz a uma cena já é difícil, imagina quando a iluminação muda durante a cena! E isso acontece o tempo todo no filme! É um arraso! Outro ponto interessante é que a Fotografia tem de relativamente conversar com as estações do ano em Los Angeles, embora essa seja mais uma coisinha pequena, uma ironia, porque a cidade é no deserto, não muda nada. Mas ele conseguiu dar um jeito de retratar de algum modo as estações. Isso é mais uma referência a "Os Guarda-Chuvas do Amor", que tem uma marcação de tempo explícita e bem definida.

 

Mas a referência ao filme do Jacques Demy não acaba por aí. Tem no Desenho de Produção seu maior apego. David Wasco caprichou nas cores e nas texturas do filme francês. Mas isso todo mundo vê. O que me impressiona é como ele conseguiu colocar até o posto de gasolina do filme francês, por um momento, atrás do Ryan Gosling. E quantos cenários?! 100? 200? É um absurdo, é uma coisa suntuosa, pra fechar naquele plano final inqualificável de tanta beleza. Muito bom ver a galera do Tarantino, a exemplo da Mary Zophres, ser premiada. Ele que jamais foi indicado.

 

A Mixagem de som, essencial em um musical, está perfeita. Entendemos todos os versos, todas as notas. Será premiada, como é da tradição dos musicais. A Edição de Som, no entanto, é a categoria pendente. A que definirá se "La La Land" vai ou não vai passar dos 11 (Sim, passar dos 11). Mas, no que tange ao trabalho, é maravilhoso ouvir as chamdas "caricaturas sonoras", o barulhinho de, por exemplo, uma canetinha escrevendo, ampliando sua função de mero objeto. As buzinas que deixam de ser buzinas e viram um chamado dentro da suas casa.  Tudo isso é trabalho sonoro. Tudo isso "La La Land" tem aos borbotões.

 

Pra segurar toda a base técnica, há a base emocional. O trabalho dos dois atores. A química. A sintonia. Ryan Gosling não precisa provar nada pra mim, seu trabalho excepcional em "Half Nelson" já fizera isso. Uma indicação justa, pois não é fácil ser galã. O Oscar um dia virá para as mãos dele. Não é fácil ser galã em Hollywood. Melhor ser pianista de jazz. Atores nem costumam ser indicados em musicais, lembro de cabeça apenas Ron Moody em "Oliver!", Roy Scheider em "All That Jazz", Jonny Depp em "Sweeney Todd". Se vocês lembrarem de mais, digam aí. Agora o filme é todo da Emma Stone. QUE PERFEIÇÃO! Eu ri quando ela chega em casa morta e cai estatelada na cama. Ri das caras e bocas dela. Do uso magnífico dos olhos. E fiquei emocionado com as cenas de drama. Aquela cena do restaurante....o que é aquilo? Que lindeza! Que sensibilidade! Nunca pensei que uma caixa de som pudesse conter tanto romantismo!  Se ela vai ganhar o Oscar? Vamos ver. Acredito que sim. "Jackie" perdeu muito do fôlego e a Natalie já tem o seu. O momento é da Emma Stone. No mais, ela está em todas as festas de Los Angeles promovendo o filme.

 

Gente, eu amei o roteiro. Roteiros que sempre são o fraco de musicais. "West Side Story" perdeu justamente Roteiro, das suas 11 indicações(Já pararam pra pensar "La la Land" pode arrebatar mais prêmios do que "West Side Story"?! Isso é uma coisa GIGANTESCA!). Pablo deu 3 estrelas (embora no vídeo, ele aparenta ter gostado mais), acredito, muito pela ausência de densidade da história. É uma comédia romântica, ora. Não vai mudar o mundo. É pra isso que serve. As pessoas têm de parar de buscar mensagens! Mensagem quem tem é centro espírita. O "como" importa tanto quanto o "o quê". "La La land" é uma verdadeira encilopédia de cinema! E digo cinema porque, por exemplo, evoca "Juventude Transviada" ( naquela passagem sublime), que não é musical. Prestem atenção ao figurino da Emma Stone indo para lá momentos antes com uma jaquetinha vermelha! Enfim, são décadas de cinema desabando em cima da gente!

 

Damien Chazelle, seu futuro é inimaginável. E, se estivessem vivos, Gene Kelly, Fred Astaire,  Robert Wise, Jeromme Robins, Bob Fosse, Jacques Demy, concordariam.

 

"Não gosto de musical"; é isso, eu ouvi bem? Bicho, aprenda com Raul Seixas: Tem de ter cultura pra cuspir na estrutura! Não pode ficar só nesta frase.

 

Fiz esse testamento, mas poderia ter ficado com apenas a minha frase do começo: Simultaneamente patrimônio popular e obra de arte. 

Link to post
Share on other sites

 Décadas de cinema desabando em cima da gente:

 

 O jornal O Globo listou algumas referências cinematográficas que eles captaram em "La La Land" e eu aproveito para juntá-las a algumas minhas, pois o filme não sai da minha cabeça:

 

 

- "8 1/2" (1963) :  O engarrafamento que abre o filme de Fellini inspirou a já clássica cena de abertura de "La La Land" e seu "Another Day of Sun".

-  "Duas Garotas Românticas" (1967) : o balé entre automóveis está também no filme de Jacques Demy.

- "West Side Story" (1961): O número em que Mia dança animadamente com suas colegas de quarto foi inspirado no número de "I Fell Pretty" do clássico dos anos 1960.

- Charity, meu amor" (1969): a dança em volta da piscina é inspirada no número "Rich man`s frug" do filme de Bob Fosse, conforme declarou a coreógrafa Mandy Moore.

- "Cantando na Chuva"(1952): Sebastian e seu meio giro no poste de luz, como fizera então Gene Kelly.

- "A Roda Da Fortuna" (1953); "Vamos dançar" (19237): O número de sapateado é inspirada em Fred Astaire e Ginger Rogers, nos filmes de Vincente Minelli e Mark Sandrich, respectivamente.

- "Ritmo Louco" (1936): O filme de George Stevens sugeriu o Observatório Griffith e sua flutuação entre estrelas. 

- "Wall-E" (2008): Damien Chazelle indicou a dança no espaço da animação à coreógrafa Mandy Moore.

- "Melodia da Broadway" (1940): A valsa de Eleanor Powell e Fred Astaire inspirou a valsa do final.

- "New York, New York" (1977): O personagem de Robert de Niro também é um jazzista purista, como o personagem de Ryan Gosling.

- "Cinderela em Paris" (1957): Balões de gás de Audrey Hepburn.

- "Os Guarda-Chuvas do amor" (1964) : A personagem de Caterine Deneuve se chama Geneviève, mesmo nome da personagem da peça de Mia.

 

 

Quero descobrir de qual filme é a foto de Ingrid Bergman no quarto de Mia. Me ajudem! 

 

 * Atualizado: O pôster é da época de "Casablanca" (1942), mesmo. Confirmei na Vogue America.

Link to post
Share on other sites

Humor é melhor do que carta anônima para comunicar a verdade. "Hidden Figures", até agora, é a supresa da temporada pra mim. Nos últimos meses, lia aqui e acolá que o filme era uma delícia, que era muito divertido, que as atrizes estavam ótimas, que a Taraji P. Henson ia entrar na disputa de Melhor Atriz, etc. Lia, lia, e não me convencia. Agora que o filme, num fênomeno de marketing boca a boca, arrebentou nas bilheterias justamente na semana de votação aos indicados, e manteve-se igualmente bem na semana seguinte, as indicações parecem sim estar a caminho. E só não chega com mais força por que entrou tarde no jogo.

 

Vamos falar da pior coisa do filme: a sua Direção. Convencional, formulaica, sem imaginação. Só que sendo convencional, formulaica, e sem imaginação, ela consegue o grande feito de simplesmente: não atrapalhar!

 

Não atrapalhar o show de Janelle Monáe, Octavia Spencer, e Taraji P. Henson. Olha o SAG de elenco pintando aí, gente...

 

Não sei se será a Janelle ou a Octavia o nome escolhido para a quinta vaga de Atriz Coadjuvante. Eu votaria na Octavia e aposto na Octavia para essa quinta vaga. Ela encarna mais uma vez com excelente tempo de comédia o negro americano sagaz, bem-humorado, que não se deixa abater, mas que tem que se submeter a regras que ele não tolera. Ela conseguiu achar um semblante exato pra isso! Ela conseguiu mais uma vez achar um semblante pra esse sentimento. E não é o mesmo de "The Help". Pode parece que é, mas não é. Lá o semblante dela desafiava, aqui é o semblante da inteligência que "deixa passar". Fora o semblante, ela tem mais uma vez a fala mais sensacional do filme! Sua indicação seria histórica, por motivos já comentados ( repete-se, contudo, primeira vencedora do oscar negra a ser novamente indicada), e só viria a confirmar o quanto eles a adoram em Hollywood. Indicar a Janelle, todavia, seria legal, pois de fato enalteceria um grande ano, estando ela muito bem em "Moonlight".

 

Só que a protagonista se chama Taraji P. Henson, numa performance maravilhosa! Cheia de calor, cheia de energia, cheia de carisma, com aquela voz estranhamente bonita que ela tem! Eu adoro ouvi-la. Fico tentando adivinhar em qual sílaba a voz dela vai desparecer e nunca acerto. É uma voz que enche o ouvido do espectador de... carinho. Nossa, que frase estranha! Mas é bem isso mesmo o que eu quero dizer. Que ano para Atriz! Todos os 5 rostos que aparecerem na tela, na próxima terça-feira, serão justos. Já falei mil vezes neste Fórum que gostaria de trocar a imerecida indicação dela por "Benjamin Button" para a sua emocionante atuação em "Hustle & Flow". Uma pena que ela corra o risco de ficar de fora. Até a Natalie Portman está correndo risco, nesse momento. A verdade é que ninguém sabe o que acontecerá terça-feira. A única lock, neste momento, é a Emma Stone.

 

O filme ainda promete dar um calor tremendo em Roteiro Adaptado. É onde o diretor Theopdore Melfi fez um ótimo trabalho, junto de outro coautor. Pra começar, trouxe essa história à baila. Importantíssima, relevantíssima. Steven Spilberg deve estar se perguntando até agora como não viu esse livro antes. Impossível chegar ao final do filme sem os olhos marejados. Costumo brincar que humor é melhor do que carta anônima para comunicar a verdade. O filme tem um tratamento leve que funciona demais. Em nenhum momento aparece uma miltante do PC do B para fazer um discurso sobre sororidade, empoderamento, ou outra palavra feia, sabe como é?! Toda aquela situação de menoscabo às mulheres e aos negros é mostrado, sem discurso inflamatório. Resultado: a história cativa, entretém, emociona. A gente sabe que não tá vendo uma grande realização cinematográfica, mas acaba gostando do filme. Nesse sentido, "Hidden Figures", pra mim, é o oposto de "Nocturnal Animals". Outro pensamento que tive: o universo da matemática é muito cinematográfico! "Good Will Hunting", "A Beautiful Mind", etc...Deve ser por que o espectador não pode acompanhar o pensamento, então nos recorremos desesperados ao rosto dos atores, põe-se uma trilha sonora melosa do Hans Zimmer e,  záz!...Opa! Quem fez a trilha sonora de "Hidden Figures"? Deixa eu ver... Hans Zimmer. De qualquer forma, esse roteiro, esse livro, deixam claro como preconceitos jamais podem ser institucionalizados pelo Estado.

 

É por tudo isso que o filme provavelmente será indicado a Melhor Filme. Assim como provavelmente o será em Atriz, Atriz Coadjuvante, Roteiro Adaptado, e possivelmente pelo seu excelente trabalho de Figurino, Renee Ehrlich Kalfus, nunca indicada. 

Link to post
Share on other sites

Ao analisar as chances de "La La Land", eu cheguei a dizer que a categoria pendente para igualar e suplantar os recordes era Edição de Som, e agora me chegou a informação de que nenhum musical recebeu sequer uma indicação nesta categoria antes. Muito provavelmente por que é uma categoria historicamente nova, ora era suspensa, ora reitroduzida, e o número de indicados já foi de apenas 2! Na próxima terça-feira, manhã mais aguardada em todos os anos, vamos ficar ligados nisso!

 

I can`t wait!

Link to post
Share on other sites

Como está sua projeção para Atriz, Imborba?

 

Demorando a responder. Acho que disputando o prêmio mesmo estão só Amy Adams e Emma Stone. Fora isso tem uma briga insana pelas 5 vagas.

 

Dado o SAG e o resto da temporada, fica parecendo que os locks são:

 

1. Amy Adams

2. Emma Stone

3. Natalie Portman

 

A Meryl Streep é muito querida. Em uma eleição política, com 5 dias de votação ainda após o Globo de Ouro, e já tendo a indicação ao SAG, deve ter ganho votos importantes. Então:

 

4. Meryl Streep

 

Fica uma última vaga. Eu, como você, gostei muito do trabalho da Taraji P. Henson. A Emily Blunt pela indicação no SAG parece a favorita. Mas eu prefiro acreditar que a academia vai fazer uma surpresinha:

 

5. Isabelle Huppert

Link to post
Share on other sites

Não sei se será a Janelle ou a Octavia o nome escolhido para a quinta vaga de Atriz Coadjuvante. Eu votaria na Octavia e aposto na Octavia para essa quinta vaga. Ela encarna mais uma vez com excelente tempo de comédia o negro americano sagaz, bem-humorado, que não se deixa abater, mas que tem que se submeter a regras que ele não tolera. Ela conseguiu achar um semblante exato pra isso! Ela conseguiu mais uma vez achar um semblante pra esse sentimento. E não é o mesmo de "The Help". Pode parece que é, mas não é. Lá o semblante dela desafiava, aqui é o semblante da inteligência que "deixa passar". Fora o semblante, ela tem mais uma vez a fala mais sensacional do filme! Sua indicação seria histórica, por motivos já comentados ( repete-se, contudo, primeira vencedora do oscar negra a ser novamente indicada), e só viria a confirmar o quanto eles a adoram em Hollywood. Indicar a Janelle, todavia, seria legal, pois de fato enalteceria um grande ano, estando ela muito bem em "Moonlight".

 

Eu sou team Janelle Monae. Mas estou convencido pelos seus argumentos de que seria justa a indicação da Octavia Spencer, e acredito que por motivos semelhantes a academia vai escolher ela.

Link to post
Share on other sites

 Muito confuso depois de ver "Hacksaw Ridge". Se a Academia é de fato tudo que nos falam, como descartá-lo de ser um dos indicados em Best Picture? Tem mais potencial a entrar do que "Fences", por exemplo. Eu vou fechar a minha lista amanhã, com muitas dúvidas.

 

Postei a pouco sobre Edição de Som, e acabo de ver o favorito na categoria. Tradicionalmente filmes de Guerra ganham Edição de Som. Como seu parente mais próximo "Saving Private Ryan" ganhou. Mas a dupla vitória em Som não é simples, não, como a maioria pensa. Dos filmes de guerra, de cabeça, fora o citado, só "The Hurt Locker" conseguiu o feito ("Mad Max: Fury Road" não é bem Guerra, né?). Historicamente, nem mesmo a indicação dupla é garantida. "Schindler`s List" não conseguiu, por exemplo, e ainda perdeu Mixagem para "Jurassic Park". Na mesma toada, "Braveheart" e "Letters From Iwo Jima" só ganharam Edição, Mixagem não. Conclusão: é muito difícil ganhar as duas!  O cenário deve se repetir: "La La Land" ganhando Mixagem e...Aí é que está a embrulhada!...Se "La La Land" conseguir ser indicado e vencer Edição, pode se tornar o maior vencedor de todos os tempos! Isso ainda não está sendo muito comentado, mas a partir de terça-feira o será.

 

Voltando ao filme do Mel Gibson...A primeira hora foi uma tortura pra mim, um calvário, como foi assistir àquele filme tenebroso de anos atrás que vou deixar de nomear... Como podem fazer uma coisa dessas com a Rachel Griffiths? Será que nunca viram "Hilary and Jackie", não? Já tinham enculhambado com ela no pavoroso "Saving Mr. Banks" e agora repetiram a humilhação. Bom, mas aí veio a segunda hora, seu "fé no Pai que o inimigo cai", e, como sou facinho facinho pra filme de Segunda Guerra, passei a gostar. Adorei e entendi a razão para indicarem Andrew Garfield pela primeira vez e finalmente! Eu só não posso achar um crime a omissão dele por "The Social Network", por que a categoria naquele ano estava fortíssima. 

 

Gostei muito da música do Ruppert Gregson-Williams, o cara que fez "Hotel Rwanda" (todo mundo aqui sabe, amo "Hotel Rwanda"), mas ela foi tão mal usada, pesaram tanto a mão, que acho que os votantes devem considerar também o "uso da trilha sonora". Gostei, mas não indicaria. 

 

Vem a questão da Montagem. John Gilbert, 1 indicação (aquela coisa maravilhosa chamada "The Lord of The Rings: The Fellowship of the Ring"). A mão chega a coçar pra dar um Oscar pra ele, mas este ano não vai dar.  Deve ser indicado, contudo, não é lock. Estão querendo muito colocar "O.J: Made in America" aqui também. Igualmente, estão querendo muito indicar a dupla de "Manchester By The Sea", pelo uso dos flash-backs. Então a categoria de uma hora pra outra ficou cheia. Repito: Deve entrar, mas não é lock.

 

E eis a questão da Direção! Quem é o quinto nome em Direção? Garth Davis? Scorsese surgindo do nada? Tom Ford, pra gente ter alguém gatão indicado? Ou Mel Gibson? Eu, como disse, só gostei da segunda parte do filme. A primeira parte me fez só sentir saudades do vencedor do Oscar em 1930, aquela obra-prima chamada "All Quiet on the Western Front". Aquilo sim é filme de quartel! E sem perder a noção da História, outra obra-prima, "M.A.S.H", reduziu toda a formalidade agressiva a pó. Cada filme vai arrematando um ponto no bordado. Não dá pra ignorar o que já foi feito. Mesmo na hora final, que eu gostei, tem uma ceninha de banho que é cópia escarrada do recente "Unbroken". Não dá. Já vimos isso, diretor! Já vimos isso, Melzão. Trocando em miúdos, não acho que a indicação dele seria justa. Mas bem-vindo de volta! 

 

Não conhecia a história e fiquei impressionado. Um colega meu trabalhou no setor de Figurino do próximo filme do Mel. Junto com o Sean Penn. Mas isso é assunto pra outro fórum...

 

No mais, boas possibilidades de "Hacsaw Ridge" em Mixagem de Som, Edição de Som, Montagem, e Filme. Direção, talvez.

Link to post
Share on other sites

Não é que a corrida acabou, sabe?! Há competição em Atriz. Há competição em Figurino. Mas as únicas categorias nas quais "La La Land" (ainda) não é destacado favorito são Roteiro Original e Ator. Ou seja, " La La Land" irá ganhar MUITOS prêmios! Sabemos disso antes mesmo das indicações! Mas e Best Picture?

 

A gente se acostumou a seguir a linha de raciocínio da Anne Thompson: O Melhor Filme é construído "branch por branch", dizia ela, ramo por ramo, seção por seção, braço por braço, categoria por categoria. Detalhe: Isso era verdade, até a mudança de regra. Agora, Best Picture é consensual.  Aí a sua pergunta se torna relevante. E a resposta ainda está aberta. Muita gente não gosta de musical. Muita gente adora ver o cavaleiro cair do cavalo. Já vimos mudanças de última hora inacreditáveis. Meus colegas gays se jogaram na piscina quando o Jack Nicholson, enojado, teve de anunciar "Crash". Mas vai perder pra quem? Em se tratando de Best Picture, o segundo filme mais forte é uma estrutura fragmentária sobre negros gays! 

 

Esperemos os Sindicatos falarem.

Link to post
Share on other sites

 Indicados 2017- Previsão Final :

 

Best Picture

1. La La Land
2. Manchester by the Sea
3. Moonlight
4. Arrival
5. Hidden Figures
6. Hell Or High Water
7. Lion
8. Hacksaw Ridge
9. Fences ( se 9)
10. Silence ( se 10)

 

Best Director

1. Damien Chazelle, La La Land
2. Barry Jenkins, Moonlight
3. Kenneth Lonergan, Manchester by the Sea
4. Denis Villenueve, Arrival
5. Garth Davis, Lion (No Guts, No Glory)

 

Best Actor

1. Casey Affleck, Manchester by the Sea
2. Denzel Washington, Fences
3. Ryan Gosling, La La Land
4.  Andrew Garfield, Hacsaw Ridge
5. Viggo Mortensesn, Captain Fantastic

 

Best Actress

1. Emma Stone, La La Land
2. Amy Adams, Arrival
3. Natalie Portman, Jackie
4. Isabelle Huppert, Elle
5. Meryl Streep, Florence Foster Jenkins

 

Best Supporting Actor

1. Mahershala Ali, Moonlight
2. Jeff Bridges, Hell or High Water
3. Dev Patel, Lion
4. Hugh Grant, Florence Foster Jenkins
5. Lucas Hedges, Manchester By the Sea

 

Best Supporting Actress

1. Viola Davis, Fences
2. Michelle Williams, Manchester by the Sea
3. Naomie Harris, Moonlight
4. Nicole Kidman, Lion
5. Octavia Spencer, Hidden Figures

 

Best Original Screenplay

1. Manchester by the Sea
2. La La Land
3. Hell or High Water
4. Zootopia
5. The Lobster

 

Best Adapted Screenplay

1. Moonlight
2. Arrival
3. Hidden Figures
4. Lion
5. Fences

 

Best Foreign Film

1. Toni Erdmann (Germany)
2. Land of Mine (Denmark)
3. Salesman (Iran)
4. A Man Called Ove (Sweden)
5. Tanna (Australia)

 

Best Animated Film

1. Zootopia
2. Kubo and the Two Strings
3. Moana
4. My Life as a Zucchini
5. The Red Turtle

 

Best Documentary Feature

1. OJ: Made in America
2. The 13th
3. I Am Not Your Negro
4. Weiner
5. Life, Animated

 

Best Costume Design

1. La La Land
2. Florence Foster Jenkins
3. Jackie
4. The Dressmaker
5. Hidden Figures (No Guts, no Glory)

 

Best Production Design

1. La La Land
2. The Handmaiden
3. Arrival
4. Silence
5. Jackie

 

Best Cinematography

1. La La Land
2. Silence
3. Arrival
4. Moonlight
5. Lion (No Guts, no Glory)

 

Best Film Editing

1. La La Land
2. Moonlight
3. Hacksaw Ridge
4. Arrival
5. Manchester by the Sea (No Guts, no Glory)

 

Best Visual Effects

1. The Jungle Book
2. Rogue One: A Star Wars Story
3. Arrival
4. Doctor Strange
5. Fantastic Beasts and Where to Find Them

 

Best Makeup and Hairstyling

1. Deadpool
2. Florence Foster Jenkins
3. Star Trek Beyond

 

Best Original Score

1. La La Land
2. The BFG
3. Florence Foster Jenkins
4. Lion
5. Moonlight

 

Best Original Song

1. La La Land – City of Stars
2. Moana – How Far I’ll Go
3. La La Land – Audition
4. Sing Street – Drive It Like You Stole It
5. 13th - Letter to the Free (No Guts, No Glory)

 

Best Sound Mixing

1. La La Land
2. Hacksaw Ridge
3. Arrival
4. Rogue One: A Star Wars Story
5. Sully

 

Best Sound Editing

1. Hacksaw Ridge
2. Arrival
3. Rogue One: A Star Wars Story
4. The Jungle Book
5. La La Land (No Guts, no Glory)

 

Best Animated Short

1. Inner Workings
2. Piper
3. Pearl
4. Blind Vaysha
5. The Head Vanishes

 

Best Documentary Short

1. Joe’s Violin
2. Extremis
3. The Mute’s House
4. The White Helmets
5. Frame 394

 

Best Live Action Short

1. Nocturne in Black
2. Bon Voyage
3. The Way of Tea
4. The Rifle, The Jackal, The Wolf, and the Boy
5. Sing

Link to post
Share on other sites
Challenge Accepted

 

Best Picture:

1. La La Land

2. Moonlight

3. Manchester by the Sea

4. Arrival

5. Lion

6. Hacksaw Ridge

7. Hell or High Water

8. Hidden Figures

Se forem 9:

9. Silence

Se forem 10:

10. Nocturnal Animals

   

Best Director:

1. La La Land

2. Moonlight

3. Arrival

4. Manchester by the Sea

5. Silence

 

Best Actor in a Leading Role:

1. Denzel Washington (Fences)

2. Casey Affleck (Manchester by the Sea)

3. Ryan Gosling (La La Land)

4. Viggo Mortensen (Captain Fantastic)

5. Andrew Garfield (Hacksaw Ridge)

 

Best Actor in a Supporting Role:

1. Jeff Bridges (Hell or High Water)

2. Mahershala Ali (Moonlight)

3. Hugh Grant (Florence Foster Jenkins)

4. Lucas Hedges (Manchester by the Sea)

5. Dev Patel (Lion)

 

Best Actress in a Leading Role:

1. Amy Adams (Arrival)

2. Emma Stone (La La Land)

3. Natalie Portman (Jackie)

4. Meryl Streep (Florence Foster Jenkins)

5. Isabelle Huppert (Elle)

 

Best Actress in a Supporting Role:

1. Viola Davis (Fences)

2. Michelle Williams (Manchester by the Sea)

3. Naomie Harris (Moonlight)

4. Octavia Spencer (Hidden Figures)

5. Molly Shannon (Other People) (LONG LONG SHOT)

 

Best Animated Feature:

1. Kubo and the Two Strings

2. Zootopia

3. Moana

4. The Red Turtle

5. Your Name

 

Best Cinematography:

1. La La Land

2. Arrival

3. Moonlight

4. Silence

5. Lion

 

Best Costume Design:

1. Jackie

2. La La Land

3. Florence Foster Jenkins

4. Fantastic Beasts and Where to Find Them

5. Nocturnal Animals

 

Best Documentary Feature:

1. Gleason

2. 13th

3. The Ivory Game

4. I Am Not Your Negro

5. Life, Animated

 

Best Film Editing:

1. La La Land

2. Moonlight

3. Hacksaw Ridge

4. Arrival

5. Hell or High Water

 

Best Foreign Language Film:

1. Toni Erdmann

2. The Salesman

3. Land of Mine

4. The King’s Choice

5. A Man Called Ove

 

Best Makeup and Hairstyling:

1. Deadpool

2. Florence Foster Jenkins

3. A Man Called Ove

 

Best Original Score:

1. La La Land

2. Rogue One: A Star Wars Story

3. Kubo and the Two Strings

4. Lion

5. Moonlight

 

Best Original Song:

1. La La Land (City of Stars)

2. Hidden Figures (Runnin)

3. Moana (How Far I’ll Go)

4. La La Land (Audition)

5. Audrie & Daisy (Flicker) (Canção original sempre tem dessas. Chutei no espaço.)

 

Best Production Design:

1. La La Land

2. Jackie

3. Arrival

4. Silence

5. Nocturnal Animals

 

Best Sound Editing:

1. Hacksaw Ridge

2. Rogue One: A Star Wars Story

3. Arrival

4. La La Land

5. Fantastic Beasts and Where to Find Them

 

Best Sound Mixing:

1. La La Land

2. Hacksaw Ridge

3. Arrival

4. Rogue One: A Star Wars Story

5. The Jungle Book

 

Best Visual Effects:

1. The Jungle Book

2. Rogue One: A Star Wars Story

3. Arrival

4. Fantastic Beasts and Where to Find Them

5. Doctor Strange

 

Best Writing (Adapted Screenplay):

1. Moonlight

2. Arrival

3. Lion

4. Hidden Figures

5. Fences

 

Best Writing (Original Screenplay):

1. Manchester by the Sea

2. La La Land

3. Hell or High Water

4. Captain Fantastic

5. The Lobster

 

Daqui pra baixo é chute baseado no nome/estudio/produtora/especialistas. Confesso. 

 

Best Animated Short Film:

1. Piper

2. Pearl

3. Borrowed Time

4. Inner Workings

5. Sous Tes Doigts (Under Your Fingers)

 

Best Documentary Short Subject: since 1941

1. The White Helmets

2. Joe’s Violin

3. The Mute’s House

4. Watani: My Homeland

5. The Other Side of Home

 

Best Live Action Short Film:

1. Bon Voyage

2. Sing (Mindenki)

3. Timecode

4. Ennemis Intérieurs

5. Nocturne in Black

Link to post
Share on other sites

Queria mais reconhecimento pra Animais Noturnos.

 

Assisti La La Land. Gostei do filme, mas achei homenagens demais sabe? Teve um certo momento que eu tive vontade do filme ser menos carregado delas, mas não era a proposta né? É uma coisa besta, mas eu DETESTEI o merchan da Toyota no filme. A Mia vai lá e diz que o carro dela é um Prius, o cara vai ver a chave no claviculário e TODAS as chaves com símbolo da Toyota....REALLY??

 

Vai ganhar uma penca de Oscars sim, mas como dizíamos antigamente por aqui....será o estouro da boiada né? 

Link to post
Share on other sites

Queria mais reconhecimento pra Animais Noturnos.

 

Lendo o Rotten Tomatoes depois de ver o filme, achei a frase do Peter Rainer que define como eu vi Animais Noturnos:

 

"Animais Noturnos é composto de dois filmes, com o filme bom dentro do filme ruim."

 

Mas o filme bom é realmente muito bom.

 

Já o filme ruim põe em comparação um aborto e um duplo estupro seguido de assassinato. Haja falta de tato.

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

Announcements


×
×
  • Create New...