Jump to content
Forum Cinema em Cena

O Esquadrão Suicida (Dir. James Gunn, 2021)


CACO/CAMPOS
 Share

Qual personagem você gostaria que estivesse no próximo filme?  

4 members have voted

  1. 1. Qual personagem você gostaria que estivesse no próximo filme?

    • Coringa
    • Amanda Walker
    • Rick Flag
    • Katana
      0
    • Crocodilo
      0
    • Pistoleiro
      0
    • Arlequina
    • Magia
      0
    • El Diablo
      0
    • Bumerangue
      0


Recommended Posts

11 hours ago, Jorge Soto said:

um terceiro filme, dava pra ele ter o Exterminador como um vilão do Esquadrão Suicida, com o filme mostrando um duelo de mercenários entre o Esquadrão

boa!

e até o manganiello jantando elba e cena juntos, pra
ser derrotado pela equipe depois

Link to comment
Share on other sites

SEQUÊNCIA OU REBOOT: ENTENDA O ESQUADRÃO SUICIDA

Capa da Publicação

Com o lançamento de O Esquadrão Suicida nos cinemas, muitos fãs ficaram confusos sobre a ordem cronológica do filme dentro do Universo Estendido da DC e como ele se relaciona com o primeiro filme, a maior duvida sendo, é um reboot ou uma sequência? E por mais que pareça fácil definir isso, o fato é o filme não é nenhum dos dois.
Desde que foi anunciado, a Warner Bros., James Gunn e os produtores do filme pareciam se contradizer muito ao falar sobre o longa. O produtor Peter Safran, em março de 2019, disse que o filme era um “reboot total” e por esse motivo o filme não se chamava “Esquadrão Suicida 2”, contudo, no mês seguinte surgiram noticias dizendo que a Warner considerava o filme como “Esquadrão Suicida 2”.
A resposta que se manteve mais real ao que vimos no filme naquela mesma época veio de David Ayer, diretor do Esquadrão Suicida de 2016 que ao responder uma pessoa no twitter sobre o projeto de Gunn disse: “Não é uma sequência, é uma reinvenção”.
Mas isso ainda não responde a dúvida dos fãs, afinal, O Esquadrão Suicida de 2021 é um reboot ou uma sequência? Caso você não consiga aceitar que o longa não é um nem outro, existe outra resposta que pode ser dada: o filme é os dois ao mesmo tempo.
Nessa nova iteração da equipe, personagens como a Arlequina (Margot Robbie), Rick Flag (Joel Kinnaman), Capitão Bumerangue (Jai Courtney) e a líder da Força Tarefa X, Amanda Waller (Viola Davis) retornam para os mesmos papéis do primeiro filme, mas todos eles estão bem diferentes, seja em visual ou personalidade – o Bumerangue sendo a única exceção.
O novo filme também reconhece que Flag, Arlequina e Bumerangue possuem um passado juntos, mas em momento algum cita os eventos da trama de 2016. Dessa forma, temos duas opções/teorias  para acreditar que o filme é um reboot ou uma sequência:
Reboot: Eles se conhecem de outras missões da Força Tarefa X, que já está operacional à alguns anos sendo comandada por Waller, com o Capitão Bumerangue e a Arlequina já tendo participado de outras missões juntos e com Rick Flag.
Sequência: Os eventos de Esquadrão Suicida são cânones e eles se conheceram ali. Desde a fuga da Arlequina ao final do filme, ela não havia sido pela pela polícia e apenas agora retornou, porém ainda se lembra do Bumerangue e de Flag.
Porém, depois do inicio da trama, as relações interpessoais entre esses personagens, que são a única ligação com o longa de 2016, se afasta e o foco fica na relação deles com os novos personagens: Pacificador (John Cena), Sanguinário (Idris Elba), Tubarão-Rei (Sylvester Stallone), Bolinhas (David Dastmalchian) e a Caça-Ratos 2 (Daniela Melchoir).
Junto de Rick Flag e Arlequina, os novos personagens deixam a entender que essa é a primeira vez deles junto do Esquadrão Suicida, de forma que não fica claro que a equipe operou em outros momentos entre as duas histórias. O filme também deixa claro que Amanda Waller escolhe cada pessoa em sua equipe devido as habilidades específicas de cada um, ou seja, podem ter havido outras missões que não foram mostradas com outros vilões da DC.

Em uma entrevista com o Daily News em 2 de agosto, James Gunn finalmente explicou melhor o que é o filme, dizendo que ele é “uma sequência que não é uma sequência”.
“Francamente, a estranheza de fazer uma sequência que não é uma sequência era parte do apelo. Apenas porque é algo muito diferente. Eu penso em ‘Alien’ e ‘Aliens’ como um bom exemplo. Ambos são muito agradáveis, mas Aliens foi um filme muito, muito diferente [do primeiro]. E a ideia de fazer algo assim era interessante”. 
Ainda na mesma entrevista, Gunn disse que considerou mudar completamente tudo apresentado no Esquadrão Suicida de 2016, porém reconsiderou e decidiu manter apenas os elementos dos quais ele gostava.
“Primeiro eu pensei em mudar todo mundo. E eu fiquei tipo, não, quer saber, tem que ter uma Amanda Waller e não existe uma Amanda Waller melhor que Viola Davis, então como poderia tirar ela? Eu amei a Margot [Robbie] como Arlequina, mas também amei a Margot em ‘Eu, Tonya’. Ela é realmente algo especial. Então eu meio que contei a história que eu queria, enquanto pegando os elementos que realmente gostei do primeiro filme”. 
Para os fãs de quadrinhos, uma comparação interessante a se fazer é que os dois filmes são renumerações, ou volumes diferentes, de uma revista do Esquadrão Suicida, cada uma com uma equipe criativa diferente e, mesmo estando na mesma editora, elas não precisam necessariamente ser uma continuação das histórias anteriores apresentadas nesse universo.
O melhor de tudo isso é que o filme de James Gunn deixa bastante coisa em aberto para você decidir por si próprio: caso você seja um fã do filme de David Ayer e do Coringa de Jared Leto, você pode assistir o filme e aceitar que os personagens mudaram um pouco devido aos cinco anos que se passaram; já se você prefere esquecer a existência do outro longa da equipe, é só aproveitar essa história como uma nova versão do Esquadrão Suicida.
 

😍

Miniatura

Miniatura

image.png.702fc21225e1769150c56c7993266bbe.png

Link to comment
Share on other sites

ELENCO BRINCA SOBRE QUEM TERIA O MELHOR SUPERPODER

Capa da Publicação

Quando aceitou fazer novo filme de Esquadrão Suicida, James Gunn fez questão de pegar vários personagens improváveis da DC, cada um com um poder mais bizarro do que outro.
Agora, durante a rodada de entrevistas para divulgar o filme, o elenco brincou sobre quem entre eles tem o melhor poder (via Comic Book):
“Alguém tem um bom poder? É um grupo bem inútil, para ser honesto, quando você pensa sobre isso”, afirmou Jai Courtney, que voltou como o Capitão Bumerangue.
Já John Cena trouxe um ponto importante: “Eu gosto do Homem das Bolinhas, ele é muito oprimido”, ao que Juan Diego Botto (Silvio Luna), completou: “Vou com o Homem das Bolinhas também”.
“Eles o subestimam porque ele tem um nome idiota, um uniforme idiota e uma cara triste e idiota. Soa ridículo, porque ele realmente solta bolinhas, mas elas queimam tudo o que está ao redor, então elas são bem deformadas”, explicou o diretor James Gunn. Joel Kinnaman, intérprete de Rick Flag, elegeu como sua preferida uma personagem muito querida pelos fãs: “Eu escolho a Caça-Ratos. Tenho fobia de ratos e acho que é bem maluco ter o poder de acabar com as pessoas usando ratos”.
“Ela é o coração do filme, de muitas formas. Ela não é uma assassina, ela não quer matar ninguém. Ela está na prisão por ter feito algo estúpido com ratos, algo que provavelmente qualquer um de nós faria, se tívesses um rato, uma varinha e fôssemos incrivelmente pobres”, completou James Gunn.
Em cartaz nos cinemas O Esquadrão Suicida tem uma nova equipe de personagens que, por ordens de Amanda Waller, vai para a ilha de Corto Maltese acabar com o Projeto Estrela do Mar.
 

posters versao mangá

image.thumb.png.703e5fbb515bdcf3bb907ee9db0c3101.png

image.thumb.png.42dba05de965c6cd937e7d16a7c336e9.png

Link to comment
Share on other sites

Mais uma semana ruim na bilheteria para o Esquadrão Suicida do James Gunn. O filme amargou uma queda de 70% na bilheteria. Enquanto, "Free Guy" novo filme do Ryan Reynolds, estreou com 28.4 milhões de dólares. Enquento o Esquadrão Suicida fez na estreia, 26.2 milhões de dólares, ou seja, estréia bem similar ao Free Guy. Já a Viúva Negra fechou a semana com apenas 2 milhões de dólares. 

Os produtores de Duna devem estar roendo as unhas. 

Link to comment
Share on other sites

Gunn se derrete por Margot Robbie na cena da prisao

“A coisa mais difícil que eu pedi pra ela fazer era algo que nunca pensei que ela conseguiria fazer,” disse em uma entrevista recente. “Há uma cena na qual Margot está sendo pendurada por algemas acima de sua cabeça e ela tem que usar seus dedos do pé para pegar as chaves que estão com um cadáver, erguer os pés até o pulso e colocar a chave na fechadura acima de sua cabeça, destrancar isso e descer corretamente. E ela é tipo um canivete suíço humano e foi capaz de se dobrar para fazer isso sozinha. E eu estou assistindo isso que honestamente é meu momento favorito — torturar a Margot foi meu momento favorito do dia — assistindo essa cena dela fazendo a acrobacia foi simplesmente incrível e eu fiquei muito feliz que isso funcionou, eu fiquei encantado com isso. E então eu cheguei na sala de edição com a filmagem, e você tem aquela manga [do vestido] cobrindo o rosto dela então parece que é uma dublê fazendo isso no filme. Esse é meu maior arrependimento em todo o filme, que poderia ser resolvido com tesouras. Eu fiquei tão encantado com ela fazendo aquilo que não estava olhando [para a câmera].” 
 

 

image.png

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

O ESQUADRÃO SUICIDA SE TORNA O FILME DA DC MAIS ASSISTIDO NA HBO MAX

Capa da Publicação

O Esquadrão Suicida, filme de James Gunn lançado no início de agosto, se tornou a produção da DC mais assistida na plataforma HBO Max. Nos Estados Unidos, o longa teve estreia simultânea no streaming e nos cinemas.
Nas salas, não fez uma boa bilheteria – o filme faturou em sua terceira semana 143 milhões dólares em todo o mundo -, mas de acordo com um novo relatório do Deadline (via HH), dados do site Samba TV revelaram que O Esquadrão Suicida atingiu 4,7 milhões de família em seus primeiros 17 dias de streaming.
O número é superior aos 3,9 milhões de Mulher-Maravilha 1984 e os 3,2 milhões do Snyder Cut de Liga da Justiça. Mortal Kombat detém o primeiro lugar geral com 5,5 milhões e Godzilla vs. Kong está em segundo com 5,1 milhões.
O Esquadrão Suicida foi amplamente aclamado pela crítica, ostentando uma avaliação de 91% de aprovação no Rotten Tomatoes. No Brasil, o filme foi lançado exclusivamente nos cinemas e ainda pode ser encontrado em cartaz.
 

 

Link to comment
Share on other sites

JAMES GUNN SUGERE QUE PERSONAGEM PODE TER SOBREVIVIDO

image.png.49ce46b6775747f4327ef8f87b472f73.png

James Gunn não se conteve na hora de escolher quem morreria em O Esquadrão Suicida. Muitos super-vilões não resistiram sequer aos primeiros minutos do longa, mas durante uma watch party no Twitter, o diretor revelou um sobrevivente que passou despercebido.
Estamos falando do T.D.K., interpretado por um amigo pessoal de Gunn: Nathan Fillion. Seus poderes envolvem desconectar seus braços e usá-los para atacar inimigos a distância e, no longa, este é o motivo de sua derrota.
Na cena da praia em Corto Maltese, quando a primeira divisão da Força Tarefa X cai em uma emboscada, T.D.K. é um dos primeiros a perecer ao receber uma saraivada de disparos em seus braços. O ataque parece ter efeito direto no corpo do anti-herói, mas apesar da dor, os ferimentos não foram mortais.
A confirmação veio diretamente de James Gunn, que destacou em uma publicação um detalhe importante no filme:
“Importante notar que se você se olhar para os sinais vitais na central de comunicação, T.D.K. não foi dado como morto,” aponta o diretor.
Quem gostou bastante desta notícia foi o ator Nathan Fillion, que fez questão de responder o tuíte contando como foi sua reação ao descobrir que continuava vivo no resto do filme:
“Eu fiz um barulhão na hora que eu notei quando assisti no cinema. Desculpa mais uma vez pelo incômodo,” disse o ator.
Como o personagem sobreviveu a esse massacre, existem chances de um retorno triunfal em uma série ou possível sequência do longa. Onde você gostaria de ver T.D.K.? Não deixe de comentar!
O Esquadrão Suicida chegará ao catálogo do HBO Max em breve.

 

Link to comment
Share on other sites

5 hours ago, Jorge Soto said:

“(...) se olhar para os sinais vitais na central de comunicação, T.D.K. não foi dado como morto,” aponta o diretor.
Quem gostou bastante desta notícia foi o ator Nathan Fillion: “Eu fiz um barulhão na hora que eu notei quando assisti no cinema. Desculpa mais uma vez pelo incômodo”.

a cena do cara...  Talvez como foi filmada..

Sei lá, eu estranhei. Mas boto fé dele voltar, talvez na série do Pacificador.

Link to comment
Share on other sites

“1º teste de maquiagem para doença extrema das bolinhas. Dave sempre amou o trabalho de Lon Chaney, Boris Karloff e os Monstros da Universal e ficou emocionado por ser sua encarnação moderna que até começou a chorar. Achei que era um bom momento para tirar fotos”, disse Gun em um dos tweets.
image.thumb.png.056b8965adbe4350196eae68cfec5807.png

image.thumb.png.97694e2189f07cf1b237b87a9433f050.png

“Gosto de pensar que estava rindo com Dave, e não dele, mas o contraste de estar tão comovido por algo tão horrível me encantou – assim como a personalidade única de Dave, que o fez meu amigo e colaborador”, continuou Gunn, apresentando mais fotos.

image.thumb.png.523a7fccf945ab3e0598411f8db03049.png

“Muitas mudanças foram feitas na maquiagem depois disso, mas acabamos com esse efeito prático de prótese, assim como fizeram com todas as próteses ao longo do filme”, finalizou o cineasta.
image.thumb.png.c541b4408f9e3c75b85ac172506b7fb2.png

image.thumb.png.18b0cc6f81e915fe2b214cb075e9cda6.png

 

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

James Gunn conseguiu novamente. Pegou um monte de personagens da série D dos quadrinhos e os fez adoráveis. Filmão. Curti demais.

Espero que na série do Pacificador explorem um pouco o lance dele "falar" com o pai morto, apesar de todo o lance nazista meio espinhoso (poderiam adaptar essa parte).

Link to comment
Share on other sites

DUAS NOVAS FOTOS DO AYER CUT DESTACAM O CORINGA E SUA GANGUE

Capa da Publicação

Lançado em 2016, Esquadrão Suicida foi um filme que recebeu muitas críticas negativas, pondo fim aos projetos de David Ayer na DC Comics – enquanto fez dinheiro suficiente para garantir um spin-off e uma sequência/reboot. Desde seu lançamento, o diretor fala sobre como muito material foi deixado no chão da sala de edição para que o filme correspondesse aos ideais da Warner Bros., mas após ver a força do movimento do Snyder Cut, ele também decidiu embarcar nessa jornada.
Há meses, David Ayer tem fornecido aos seus fãs pequenos trechos, fotos e imagens dos bastidores de Esquadrão Suicida, tentando mostrar como sua versão do filme é diferente da versão que foi para os cinemas (e até mesmo do corte estendido lançado direto para Blu-Ray). Agora, o cineasta acaba de lançar mais duas imagens através de um post no seu Instagram Stories.
Ambas as fotos destacam um dos personagens mais controversos do filme, o Coringa de Jared Leto. Criticado por seu visual, ele também parece alheio à história do longa, mas Ayer diz que sua participação seria mais integrada em sua versão. Nas fotos que ele soltou, podemos ver o próprio Príncipe Palhaço do Crime em um momento de puro desespero, bem como um membro da gangue do vilão.
Confira as imagens a seguir:

image.png.f976f452e08a5e10a31cd25787bc0016.png
O Coringa de Jared Leto aponta uma arma para a própria cabeça, em um momento de delírio e desespero.

image.thumb.png.39ead0e8d82f35a0cc5b75fce9ae61e4.png
Um membro da gangue do Coringa, conhecido apenas como “Pastor da Cabeça de Bode”.
Infelizmente, tanto para David Ayer quanto para seus fãs, a Warner já bateu o pé dizendo que não tem plano algum de lançar o corte do diretor do filme – e faz sentido, levando em conta que o estúdio acabou de lançar O Esquadrão Suicida, sua tentativa de fazer uma “versão definitiva da equipe” para apagar o filme de 2016 da memória coletiva. Mas se até Zack Snyder conseguiu lançar sua versão de Liga da Justiça para o mundo, talvez um dia Ayer consiga.
Esquadrão Suicida está disponível em DVD, Blu-Ray e mídias digitais. Por enquanto, não há planos para o lançamento do corte de David Ayer do filme.

 

Nem o coringa aguenta mais o David Ayer. Larga o osso, homem! Vai viver.🤣

Miniatura

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...
8 hours ago, Big One said:

+ Gunn.

 

 

O Walter Hamada, chefao da DC Films, já tinha dado essa info em agosto numa entrevista e logo a galera alentou as possibilidades:

-Refazer Aves de Rapina, pois a Margot adora o Gunn 😂

-Lanterna Verde, Lobo, Gladiador Dourado e Homem-Elástico sao projetos que levam o estilo do diretor..

-Superman... na essência original do personagem, nada de coisa sombria..

https://www.hollywoodreporter.com/movies/movie-features/suicide-squad-margot-robbie-james-gunn-1234992395/

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

×
×
  • Create New...