Jump to content
Forum Cinema em Cena

Extermínio 2 (28 Weeks Later)


Jailcante
 Share

Recommended Posts

Vem aí a Continuação de Extermínio:

28 Weeks Later (Extermínio 2)   - 28 Weeks Later  (2007)
pixel.gif

Informações Técnicas

Estúdio: Fox Atomic (Distribuição, Produção)

pixel.gif

Equipe Técnica: Juan Carlos Fresnadillo (Diretor); Rowan Joffe (Roteirista); Andrew MacDonald (Produtor); Danny Boyle, Alex Garland (Produtores Executivos)

pixel.gif

Sinopse: Seis meses depois dos eventos do primeiro filme, a Inglaterra está abandonada e o exército americano começa a repovoar o país. Porém, um portador do vírus chega à Londres e, sem saber, reinicia a epidemia, provocando novo caos na população.

pixel.gif

Estréia: 11 de Maio de 2007 (EUA)

pixel.gif

Data da primeira notícia: 21/06/2004:

pixel.gif

Data da última notícia: 19/07/2006:

pixel.gif

pixel.gif

Notícias da Produção

19/07/2006:

 

(14:39) A Fox anunciou que 28 Weeks Later, continuação do terror Extermínio, será distribuído através da Fox Atomic, mais novo braço do estúdio. O lançamento está marcado para 11 de maio de 2007.

 

Ainda não há elenco, nem data para as filmagens, mas o novo diretor já está garantido: será mesmo Juan Carlos Fresnadillo, do suspense espanhol Intacto (leia nota anterior).

 

A Fox Atomic também pretende lançar em 2007 uma graphic novel intitulada, 28 Days Later: The Aftermath.

pixel.gif

16/05/2005:

 

(10:49) Enquanto participava de uma palestra sobre seu novo trabalho, Caiu do Céu, Danny Boyle revelou que já está em negociações com um diretor para 28 Weeks Later. Segundo o site Ain’t It Cool News, o escolhido foi o espanhol Juan Carlos Fresnadillo, de Intacto.

pixel.gif

04/03/2005:

 

(16:10) Danny Boyle contou ao site Latino Review que ocupa a função de produtor executivo em 28 Weeks Later, seqüência do lucrativo Extermínio. Um esboço da trama já existe: “É uma idéia boa. É, novamente, uma idéia simples e forte. A Inglaterra foi basicamente abandonada. O lugar ficou sem vida por seis meses. E os americanos chegam para recomeçar tudo”, revela o cineasta.

 

Boyle ainda afirma acreditar que Naomie Harris, protagonista do primeiro filme, não apareça na continuação.

pixel.gif

21/06/2004:

28weekslater01.jpg(10:53) A Fox Searchlight está preparando uma continuação para Exterminío, o filme de zumbis de Danny Boyle que surpreendeu o estúdio nas bilheterias americanas, arrecadando cerca de US$ 45 milhões. A produção custou apenas US$ 8 milhões.

O título provisório do projeto é 28 Weeks Later, variação do original, que se chama 28 Days Later. A história não foi revelada. Segundo a Variety, o pouco conhecido Rowan Joffe está em negociações para escrever o roteiro.

Boyle e Alex Garland, autor do script de Extermínio, devem se envolver apenas nas funções de produtores, ao lado de Andrew MacDonald, que cuidou do primeiro filme.

Um dado curioso: No programa Melhor do Brasil (Rede Record) foi eleito uma atriz pra participar de uma produção em Hollywood. O fato é que o filme que a ganhadora vai participar é o Extermínio 2. Detalhe: O filme vai ser rodado em Londres, não em Hollywood...smiley36.gif Procon!

Jailcante2007-06-15 20:26:47
Link to comment
Share on other sites

  • 5 weeks later...

Esse não me inspira muita confîança não, diretor novato e em sequência a meu ver desnecessária...

Novo Extermínio tem primeiro contratado

 

jeremy_renner.jpgSegundo a Variety, Jeremy Renner (Terra fria, Maldito coração) assinou contrato para um dos papéis principais de 28 Weeks Later, a aguardada sequência de Extermínio. O ator viverá um militar, o Sargento Doyle, um dos heróis da seqüência.

Na trama, depois de infestada, evacuada, dizimada e abandonada, a Inglaterra recebe dos Estados Unidos ajuda para um esforço de reconstrução. A população começa a voltar, mas um novo foco de contaminação - inadvertidamente causado por um transporte de material biológico - pode colocar tudo a perder. O roteiro, como o original, é de Alex Garland, também co-produtor, e Rowan Joffe.

O espanhol Juan Carlos Fresnadillo, em seu primeiro trabalho hollywoodiano, dirigirá o filme para a Fox Atomic. A estréia acontecerá em 11 de maio de 2007 nos EUA.

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

carlylerobert.jpg(09:32) Novos membros do elenco de 28 Weeks Later foram anunciados pela Fox Atomic. A principal novidade é Robert Carlyle (à esquerda), que trabalhou com Danny Boyle <?:namespace prefix = st1 ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:smarttags" />em Trainspotting. Os dois voltam a colaborar, mas desta vez o cineasta assume apenas o cargo de produtor executivo.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

byrnerose.jpgOutros atores contratados são Rose Byrne (que Boyle acabou de dirigir em seu novo filme Sunshine, ainda inédito - à direita), Catherine McCormack (Jogo de Espiões), Imogen Poots (V de Vingança), Idris Elba (da série The Wire) e o estreante Mackintosh Muggleton, de 12 anos.

 

As filmagens começaram em Londres na última sexta-feira, dia 1º de setembro.

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...
  • 7 months later...
  • 3 weeks later...

Eu adorei o filme, achei uma continuação fantastica, não ficou atras do primeiro não, tem exelentes momentos uma trilha sonora impactante, e uma direção fantastica.

 

Só lembrem da cena do metro no escuro, que cena fantastica.

 

E a cena inicial tambem é fantastica, um filme cheio de bons momentos, e ainda com uma historia boa também.

 

Os americanos tentando por ordem em um lugar e não conseguiram, será que um dia conseguiremos viver em ordem??

 

Será que algum dia tudo conseguira ser controlado para que nada saia errado. Eu sinceramente duvido.

 

5/5

 

pretendo rever este filme, e recomendo desde ja.

 
Link to comment
Share on other sites

Com vários spoilers. Se não viu, não leia.

 

Vi ontem e achei muito, muito bom. Fresnadillo sabia que sofreria comparações ingratas com o primeiro filme, por isso resolveu não competir diretamente, trocando a sensação de espanto e solidão do primeiro filme por uma desesperança onipresente. O foco é outro, muito mais global do que o primeiro filme, infinitamente mais pessimista e mais agressivo também.

 

Uma das coisas que mais me impressionaram no filme é que todas as desgraças que acontecem - e que não são poucas - resultam de boas intenções dos personagens. É a mulher que se recusa a abandonar uma criança perdida no meio do caos e acaba se separando do marido e provocando a morte de outras pessoas, a jovem que vai buscar uma foto da mãe para que o irmão caçula não esqueça de sua fisionomia e coloca a integridade física de 15 mil pessoas em risco, o marido que burla o sistema de segurança para rever a esposa à revelia dos militares e acaba contaminado, a médica que tenta salvar pessoas que poderiam ter a cura do vírus mas que, em situação diametralmente oposta, acabam espalhando-o pela Europa continental. Altruísmo fora de hora, falta de visão de longo prazo ou de senso de coletividade, as causas são várias, mas as conseqüências são sempre nefastas.

 

Muito bem filmado, com uma edição de imagens e de som sensacionais (o silêncio, aqui, causa muito mais medo que os gritos), 28 Weeks Later tem um elenco de primeiríssima qualidade (Carlyle e McCormack arrebentam) e um roteiro muito bem costurado, cheio de dubiedades morais. Quem pode exigir de Don uma atitude diferente daquela covardia que ele demonstra no começo, abandonando a mulher? E os militares, abrindo fogo contra a multidão desesperada (os pobres coitados que já haviam escapado da primeira epidemia)? Que outra postura seria razoável naquelas circunstâncias?

 

No final, todos estamos ferrados e não há escapatória. Desde Terror em Silent Hill que eu não via no cinema um filme trabalhando tão bem o tema da inexorável destruição da raça humana. Algumas cenas incrivelmente perturbadoras, como o primeiro ataque de Don, a chacina dos refugiados e a caminhada às cegas no metrô, chegam a ser um bônus.

 

Não deixem de ver esse filme na tela grande, de jeito nenhum!
Link to comment
Share on other sites

O ideal seria rever o primeiro filme mesmo, mas creio que se isso não for possível, ver esse no cinema vale a pena ainda assim.

Nenhum dos dois filmes investe muito na explicação da trama, e sim na construção de ambientes e na psicologia dos personagens. Por isso é que o prejuízo em não rever o primeiro não seria grande, acho. Basta saber que se trata de um vírus altamente infeccoso que se espalhou pela Grã-Bretanha, transformando as pessoas em maníacos canibais. Sobre o resto da história o próprio início da continuação se encarrega de situar o espectador.
Link to comment
Share on other sites

Putz!!! O que esperar desse filme?? 17  Dois camaradas que sacam muito de Cinema e que possuem olhares críticos divergindo totalmente nas suas considerações: Mr. Scofa disse que o filme é bom, mas que fica MUITO atrás do original. Já Alexei diz que Fresnadillo vai além de Boyle, fazendo um filme bem mais visceral, amargo e tenebroso (em todos os aspectos, pelo visto...) 13

 

Particularmente, acho que vou ficar doido por esse filme (concordando com Alexei, portanto), pois se Fresnadillo usou apenas1/3 da competência com que filmou “Intacto” (10),  esse filme deve ser “du caraí”!! (O trailer dá a entender que não estou errado em minhas expectativas...)

 

Que venha a estréia aqui em BH! 05       

 

PS: Alexei, não resisti e li seus comentários com spoilers e tudo!! Minha ansiedade aumentou... Droga!! 12 06
Link to comment
Share on other sites

Hummm, estou na dúvida se assisto mais uma vez "No Fim do Mundo" ou vejo esse ... por questões financeiras ...

 

A propósito, considerando-o meramente como um filme de zumbi, achei "Extermínio" mais interessante do que qualquer outro filme do George Romero embora tenha que reconhecer que se não este último não existisse talvez não haveria este de Boyle ...03

 

PS: Corrigido ...
Thiago Lucio2007-06-06 08:33:13
Link to comment
Share on other sites

 Em tempo: "Extermínio 1" e "2" NÃO SÃO filmes de zumbis...

 

Eu sei ...tanto que ... não sei se fui claro, mas quis dizer ... "considerando-os como filmes de zumbis" ... como se eu estivesse considerando um gênero ... eu sei e indentifico outras camadas nesse tipo de filme, algumas vezes eu compro, no caso de "Extermínio", outras vezes não, como no caso de alguns filmes do Romero, mas no meu comentário eu só quis considerar esse aspecto em particular das películas ...
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...