Jump to content
Forum Cinema em Cena

Tokyo2020: Previsões de Medalhas brasileiras


SergioB.
 Share

Recommended Posts

Medalhas Brasil

Total: 19

15º  no Quadro de Medalhas.

 

Ouro: (6)

Equipe de Vôlei Masculino - Vôlei

Pâmela Rosa - Skate - modalidade Street feminino

Martine Grael e Kahena Kunze - Vela - classe 49er FX

Isaquias Queiroz - Canoagem - C1 1000m

Gabriel Medina ou Ítalo Ferreira - Surf masculino

Beatriz Ferreira - Boxe - categoria -60kg

Prata: (1)

Pedro Barros - Skate - modalidade Park masculino

Bronze: (12)

Bruno Fratus - Natação - 50m Livre

Arthur Nory - Ginástica Artística - Barra Fixa

Arthur Zanetti - Ginástica Artística - Argolas

Rebeca Andrade - Ginástica Artística - Individual Geral

Rebeca Andrade - Ginástica Artística - Salto 

Luizinho - Skate - modalidade Park masculino

Ágatha/Duda - Vôlei de Praia feminino

Gabriel Medina ou Ítalo Ferreira - Surf masculino

Alison dos Santos "Piu" - Atletismo - 400m com Barreiras

Maria Suelen Altheman - Judô - +78kg

Equipe Mista - Judô 

Fernando Reis - Levantamento de Peso - categoria +109kg

Link to comment
Share on other sites

A notícia esportiva do dia foi a divulgação da escalação do time brasileiro de Hipismo.

No CCE - Conjunto Completo de Equitação, sem novidades, nossos velhos de guerra, os ótimos: Carlos Parro; Marcelo Tosi; e, o mais jovem, Rafael Losano; com Márcio Appel de reserva. Ruy Fonseca, de fora. Time da Prata em Lima 2019, que conquistou a vaga olímpica.

A questão foi a equipe do Hipismo Saltos. Surpreendeu! Marlon Zanotelli; Rodrigo Pessoa; e as surpresas Luiz Francisco Azevedo (Chiquinho Azevedo); e Yuri Mansur. Pedro Veniss ficar de fora é inacreditável. Mas parece que ele teve problema com o cavalo, assim como o Eduardo Meneses. 

O Yuri Mansur é um cara extremamente dedicado, um grande vendedor de cavalos (já vendeu milhares), bom cavaleiro, que parece que tem um ótimo cavalo, o escolhido, "Alfons Santo Antônio". Um cara que poderia ter frequentado mais a seleção, mas sempre vinha um problema de última hora. Ele é uma pessoa admirável, embora já tenha tido problemas na Justiça, um cavaleiro que começou meio tarde, e que teve muitas dificuldades financeiras na vida (não é um "riquinho"). Fico feliz por ele. 

Já o Chiquinho Azevedo é uma total surpresa. Vem de uma família de cavaleiros, o pai é dos maiores da nossa história com suas 2 medalhas olímpicas por Equipe. Um cara muito gente boa, que tem um cavalo muito reverenciado, o "Comic", com o qual competirá. Mas salvo engano a grande época dele no esporte foi entre 2011 a 2013. Um pouco longe

Quem sou eu pra julgar as decisões do técnico, Campeão Olímpico no Rio com a equipe da França, Philippe Guerdat? Formou uma equipe muito experiente, muito casca-grossa. Mas se eu tinha uma remota esperança de medalha na Equipe, agora eu já descartei. Veniss e Meneses tiveram um ano excelente, eram as escolhas naturais, depois do Marlon.

Marlon Zanotelli, no individual, continuo achando que tem chances de Bronze, sim.

Equipes de Hipismo CCE e Saltos são convocadas para Tóquio 2020

(Washington Alves/COB)

Link to comment
Share on other sites

A duas semanas do início dos Jogos, houve relativamente pouca movimentação desportiva ao redor do globo, para eles - os adversários - e para nós.

 

* Sem dúvida, o melhor resultado olímpico foi a final brasileira na Etapa do Circuito Mundial em Gstaad na Suíça. Ouro para Ágatha/Duda; Prata para Ana Patrícia/Rebecca; Bronze para as canadenses Pavan/Humana-Paredes. Noto que Carol Solberg/ Bárbara se apresentaram muito bem também durante o campeonato, quase alcançando as semifinais, perdendo por pouco para as canadenses. Elas no caminho eliminaram a forte dupla americana, sensação do circuito neste ano, Sponcil/Claes, dupla que atualmente vejo fazendo a final olímpica, nesse lotado universo de ótimas duplas. Até a dupla da Letônia, que terminou em quarto, é forte - quase ganharam de Ana Patrícia/Rebecca. Aliás, estarão no mesmo grupo qualificatório. 

Mas Ágatha/Duda atropelaram. Jogaram demais a semifinal e a final. Duda está incrível nos ataques. Senti falta dos bloqueios da Ágatha, mas o saque dela melhorou muito. Rebecca e Ana Patrícia melhoraram um pouco o físico, mas ainda sofrem nos deslocamentos, na rapidez dos gestos, principalmente à medida em que o jogo passa.

No momento, em puro chute pessimista, daria o Ouro para as americanas Sponcil/Claes, Prata para Clancy/Artacho del Solar da Austrália; Bronze para Ágatha/Duda. Mas, no feminino, muita coisa pode acontecer. 

No masculino, um bom quinto lugar para Bruno/Evandro, perdendo por pouco para a dupla catari, que posteriormente ficou com a Prata. Alison/Álvaro, com filhos pequenos, não viajaram.

Ágatha e Duda conquistam etapa de Gstaad — Foto: FIVB

(Foto: Divulgação/ FIVB)

 

* Segundo lugar na Liga Diamante de Atletismo, etapa de Mônaco, para nosso Alison dos Santos, com 47s.51, nos 400m com Barreira.  Núbia, oitavo lugar no Salto Triplo, com apenas um salto válido, 14m,11. A prova que eu mais gostei foi o 3.000m com obstáculos feminino. Podemos ter uma americana ganhando essa prova das quenianas. Em Mônaco, a americana, na última passagem pelo fosso, caiu, mas ia claramente para a vitória abaixo dos 9 minutos. Cada derrota queniana no atletismo ajuda a posição do Brasil no Quadro de Medalhas.

391180-967399-alison-santos-400m-hurdles-wc-016.jpg

 

* Porém, o resultado mais impressionante veio da Romênia. David Popovici, de apenas 16 anos, nadando no campeonato europeu para inacreditáveis 47s.30 nos 100m livre. Melhor tempo do mundo neste ano. Um fenômeno, realmente! Vai ajudar muito o país no quadro de medalhas. E ele nadará os 50m também...que medo!

David Popovici, o mais rápido nadador de 16 anos dos 100 livre da história  - Best Swimming

Link to comment
Share on other sites

Ontem à noite, vivi o próprio meme do Chico Buarque: felizão/tristasso.

Feliz pelo Bruninho e pela Ketleyn Quadros terem sido escolhidos como nossos atletas a carregarem a nossa bandeira. 

Triste pelo lastimável anúncio de Doping do Fernando Reis. Como é que pode? "GH"? Tipo...um aditivo batido desses... Que ingenuidade achar que ele passaria infenso pelo posterior Controle Olímpico. Ou talvez não, ou talvez já tenha passado. E ele nunca de fato foi "limpo", vai saber. Me senti enganado.

Mais uma medalha que se vai. Assim como uma carreira inteira que se vai.

Fernando Reis no Pan de Lima — Foto: Pedro Ramos/ rededoesporte.gov.br

(Foto: Pedro Ramos/ redoesporte.gov.br)

Link to comment
Share on other sites

Medalhas Brasil

Total: 16

15º  no Quadro de Medalhas.

 

Ouro: (6)

Equipe de Vôlei Masculino - Vôlei

Pâmela Rosa - Skate - modalidade Street feminino

Martine Grael e Kahena Kunze - Vela - classe 49er FX

Isaquias Queiroz - Canoagem - C1 1000m

Gabriel Medina ou Ítalo Ferreira - Surf masculino

Beatriz Ferreira - Boxe - categoria -60kg

Prata: (1)

Pedro Barros - Skate - modalidade Park masculino

Bronze: (9)

Bruno Fratus - Natação - 50m Livre

Arthur Nory - Ginástica Artística - Barra Fixa

Arthur Zanetti - Ginástica Artística - Argolas

Rebeca Andrade - Ginástica Artística - Individual Geral

Ágatha/Duda - Vôlei de Praia feminino

Gabriel Medina ou Ítalo Ferreira - Surf masculino

Alison dos Santos "Piu" - Atletismo - 400m com Barreiras

Maria Suelen Altheman - Judô - +78kg

Equipe Mista - Judô 

 

Link to comment
Share on other sites

 Retirei, portanto, o Bronze do Fernando Reis.

Ademais, retirei o Bonze que atribuía a Rebeca Andrade no Salto, simplesmente por que não chegam notícias de que ela fará dois saltos na classificatória - exigência necessária para disputar a final especíifica do aparelho. Ela, no fim das contas, não faz dois saltos em competição desde 2018! Ela tem salto para medalha, mas talvez o medo de nova lesão a faça se concentrar apenas no Individual Geral, no qual só é necessário um salto. Discordo dessa estratégia! Ela não deveria ser pessimista! Já está lá, ué! Vai com tudo.

Retirei o Bronze de Luizinho do Skate Park - ele que, apesar de jovem, é o atual vice-campeão mundial. Retirei porque acho que os jurados privilegiarão japoneses e americanos. Só Pedro Barros teria nome, e peito, para se sustentar no pódio. Esporte de nota é foda!

Portanto, vejo o Brasil minguando. Número total menor que no Rio. Talvez o Taekwondo e outro atleta do Boxe nos salvem. 

P.S: Estou muito tentado a colocar um Bronze para o Brasil no Vôlei Feminino. É que vi as partidas amistosas entre Itália e Sérvia, e elas - sem ritmo de jogo por que preferiram não jogar a VNL com o time principal - gente, incrível, elas foram péssimas! O Brasil ganha das duas seleções, se não melhorarem. Passe inexistente de ambos os times. 

O principal é ganhar da Sérvia na primeira fase. Para encerrar em primeiro lugar do grupo, e pegar a Turquia na outra chave. Repito, fiquei mais animado com o que vi. A Sérvia é ganhável. O Brasil só não ganha da China. A melhor de todas as seleções. 

 

Link to comment
Share on other sites

Jornalista brasileiro tem medo da notícia, nunca vi. Não é responsabilidade, é um temor. Só seguem a oficialidade!

Noticiam que dois atletas testaram positivo dentro da vila olímpica, mas não falam qual país ou esporte. Segundo apurei logo cedo em um fórum internacional de aficcionados por olimpismo, trata-se de dois atletas e um dirigente da seleção masculina de futebol da África do Sul. Só muito mais tarde, o país africano admitiu e os jornalistas reeescreveram suas matérias. O sigilo é protetivo à delegação. Mas jornalismo pra mim é furar os bloqueios. O resto é relações públicas.

Também extraoficialmente, parece que já estão certos os grupos do Taekwondo. A competição, por contar com poucos atletas, é sempre difícil, mas os brasileiros, pelo que eu vi, deram sorte, quanto às primeiras lutas.

Fiquei abismado de saber que uma canoísta da Hungria, que já estava em Tóquio, recusou-se a cumprir a ordem do comitê de seu país que determinava a vacinação de toda a deleção, e abandonou os Jogos. Socorro! 

E o Japão que em um amistoso ganhou da França no Basquete masculino, 81-75? Japão vai brilhar em vários esportes. Ficarão em terceiro lugar, no geral, na minha opinião.

Link to comment
Share on other sites

Atletas que testaram positivo hoje:

Kara Eaker - Ginasta reserva da Ginástica Artística - Estados Unidos.

Katie Lou Samuelsen - Basquete 3x3 feminino - Estados Unidos.

Zach LaVine - Basquete masculino - Estados Unidos.

Ondrej Perusic - Vôlei de Praia - República Tcheca. Ainda não foi cortado, pois estão vendo se os jogos da dupla podem ser adiados. Candidato a medalha de Bronze.

Rutger Koopelar - Salto com Vara - Países Baixos. Tinha saltado para 5m.75 recentemente. 

 

Ginasta americana Kara Eaker é reserva na equipe — Foto: Jamie Squire/Getty Images

(Foto: Jamie Squire/ Getty Images)

Link to comment
Share on other sites

Atletas que testaram positivo hoje:

Ilya Borodin - Natação - Rússia. Poderia ser até Prata nos 400m medley, nos 200m medley teria menos chances.

Taylor Crabb - Vôlei de Praia - Estados Unidos. Poderia lutar pelo Bronze.

Amber Hill - Tiro Esportivo Skeet - Grã-Bretanha - Maior favorita ao Ouro. 

Amber Hill - ISTOÉ Independente

 

* Gostei demais do organograma do Tênis de Mesa. Tudo é difícil, mas o caminho para o Calderano é acessível. Só pegaria chinês Ma Long e o japonês fera, na final. 

*No Taekwondo, o caminho da Milena Titoneli é o mais difícil disparado. O do Netinho é o mais "fácil". 

* Uma apendicite afastará Bruno Soares do tênis. Seria operado hoje. Que pena! Lamentável!

* Os fãs de ginástica brasileira estão em polvorosa, por que em um vídeo que ciruclou ontem e depois foi deletado parece que a Rebeca fará sim dois saltos, e ela executaria um Cheng! Tipo, no somatório, daria nota para uma Prata.

*Brasil 5 x 0 China, no futebol feminino. Dois gols da Marta. Vou ver o jogo agora. Decidirá o primeiro lugar da chave contra a Holanda. Como os Estados Unidos perderam para a Suécia, é melhor o Brasil terminar em segundo, do que em primeiro. Temos de jogar com o regulamento debaixo do braço!

Link to comment
Share on other sites

Medalhas Brasil

Total: 17

15º  no Quadro de Medalhas.

 

Ouro: (6)

Equipe de Vôlei Masculino - Vôlei

Pâmela Rosa - Skate - modalidade Street feminino

Martine Grael e Kahena Kunze - Vela - classe 49er FX

Isaquias Queiroz - Canoagem - C1 1000m

Gabriel Medina ou Ítalo Ferreira - Surf masculino

Beatriz Ferreira - Boxe - categoria -60kg

Prata: (1)

Pedro Barros - Skate - modalidade Park masculino

Bronze: (10)

Bruno Fratus - Natação - 50m Livre

Arthur Nory - Ginástica Artística - Barra Fixa

Arthur Zanetti - Ginástica Artística - Argolas

Rebeca Andrade - Ginástica Artística - Individual Geral

Rebeca Andrade - Ginástica Artística - Salto

Ágatha/Duda - Vôlei de Praia feminino

Gabriel Medina ou Ítalo Ferreira - Surf masculino

Alison dos Santos "Piu" - Atletismo - 400m com Barreiras

Maria Suelen Altheman - Judô - +78kg

Equipe Mista - Judô 

Link to comment
Share on other sites

* Além da boa vitória do futebol masculino contra a Alemanha, tivemos a notícia maravilhosa de que a Rebeca tentará dois Saltos. Hoje foi dia de reconhecimento dos aparelhos, o chamado "treino de pódium", e Rebeca apresentou dois saltos para a arbitragem, e, o melhor disso, um Cheng. Aliá, como notou uma jornalista inglesa, um "CHENG", um baita salto. Ela também aumentou o grau de dificuldade no Solo, do giro carpado para o giro esticado; e aumentou a dificuldade nas Assimétricas, com mais uma ligação. Mas esse Cheng aí já aumentaria a nota de dificuldade dela em pelo menos 0.8.

Pelo somatório, alguns acreditam em Prata. Eu vou ser mais comedido, e voltar com o Bronze.

* Saíram também os chaveamentos do Judô, Boxe e Taekwondo. O caminho da Bia Ferreira e do Keno Marley do Boxe são muito bons. No Judô, não gostei do caminho da Mayra. Os mais acessíveis são os da Ketleyn Quadros e do Baby (embora cruze com o Rinner na semifinal). O da Altheman não é tão fácil...No confronto entre os países, Brasil deve cruzar com o vencedor de Países Baixos x Ubzequistão, e pegar a França na Semifinal.

Covid Positivo de hoje:

Reshmie Oogink - Taekwondo categoria +67kg - Países Baixos. Infelizmente, fim da sua carreira.

OOGINK, Reshmie : Taekwondo Data

 

Inacreditável o que ocorreu com os atletas da República Tcheca no Vôlei de Praia: O médico da comissão não se vacinou! É o paciente zero! Infectou a dupla masculina, a dupla feminina, e o técnico masculino (esposo da Hermannova). Em suja defesa, disse que fazia uso de enxaguante bucal várias vezes por dia. É um absurdo! As duas duplas tinham chance de Bronze.  O Ministro da Saúde do país prometeu algum tipo de punição.

Link to comment
Share on other sites

On 7/27/2021 at 9:34 PM, Gust84 said:

@SergioB.

E aí?

Como que estão suas projeções?

Muito pistola com o kanoa?

 

Eu virei um zumbi! Só olheiras e cansaço! Alterno momentos de tristeza e de alegria; totalmente bipolar. Tristeza pelo Hugo Calderano, alegria pelo Kelvin Hoefler (nunca o imaginei com a Prata, só com o bronze). Olimpíada é muito intenso! Acontece muita coisa! Estou assistindo a tudo que posso. Completamente pistola com o favorecimento aos japoneses em vários esportes. Uma coisa é roubar da China e dos Estados Unidos, mas do Brasil? A gente já ganha tão poucas...Essa do Medina me deixou adoecido!

Mas hoje foi um dos dias mais felizes com a Prata histórica da Rebeca! Que medalha bonita! Dava a ela o Bronze, pois não contava com a desistência da Biles.

Errei concretamente duas projeções, a Pâmela do Skate (machucada; como saberíamos?) e o Nory na Barra Fixa, que saiu precocemente ( o pior é que pelas notas do pessoal, ele tinha tudo para ser Bronze mesmo). Estou putíssimo com a seleção masculina de Vôlei, com esse desempenho irreconhecível. E a dupla da Vela, infelizmente, não será Ouro, embora ainda tenham chance de medalha (estão em quinto). 

Fui ao céu com a medalha do Fernando Scheffer da natação! Passei os anos de 2019 e 2020 escrevendo que ele tinha chance de medalha! Ai está. Também elogiei o Daniel Cargnin, do Judô, falando que ele era o melhor judoca do Brasil, que ele tinha chances...Nunca foram surpresas para mim.

No Quadro de Medalhas, devo errar feio. Suíça, Sérvia, Croácia devem ficar à frente...

Esperava mais do goleiro do seu Athlético-PR, heim??!!

Link to comment
Share on other sites

As próximas horas serão as mais importantes para o Brasil nos Jogos Olímpicos:

Decisão na Vela (Tinha escrito que a dupla brasileira não tinha chance de Ouro, mas as britânicas, hoje na quinta posição, colaboraram e foram muito mal. Entregaram a liderança de bandeja); decisões no Boxe; semifinal do Futebol contra o Mexico (que, pra mim, é favorito. Estão querendo mais essa medalha); Quartas do Vôlei e vôlei de praia; Trave com a Flavinha; finais de Piu e Thiago Braz no Atletismo, mais qualificatória do Darlan Romani e Almir Jr.; decisões do Boxe, entre elas lutas contra dois cubanos favoritos; dupla da canoagem brigando pelo Bronze...

Dependendo de hoje, o Brasil faz uma boa Olimpíada ou uma Olimpíada excelente.

Nervosão, desde já!

Link to comment
Share on other sites

Quantos domingos escrevendo sobre o Time Brasil, desde fevereiro de 2019? Comecei prevendo 25 medalhas, e um 16º lugar no Quadro Geral, e terminei mais pessimista, apenas 17 conquistas, e um médio 15º lugar. Como é bom estar errado! Hoje, no encerramento dos Jogos, comemoramos o recorde total de 21 medalhas, e um histórico 12º lugar no Quadro, a pouco, a nada, do sonhado TOP 10. Fomos também o 12º com mais medalhas; o segundo país a melhorar a campanha feita em casa imediatamente após ser sede; e medalhamos em 13 esportes diferentes (Nem os Países Baixos conseguiram isso!)

Sempre encaro com reticências opiniões um tanto utópicas, muito fáceis, muito imediatas, de que o Brasil só vai melhorar esportivamente quando tivermos "os esportes na escola". Como teríamos Hipismo Adestramento na escola pública? Canoagem Slalom na escola pública? Remo na escola pública? Não temos professor de matemática nas escolas, quanto mais uma piscina para polo aquático! Encaro esse argumento, repito, como utopia cega, um "fala-fácil" infantil, e descrente de como as pessoas não conhecem de fato a situação real do espaço físico dos nossos colégios. O fato é que o Brasil melhora seu desempenho a cada Jogos Olímpicos, com uma política cheia de defeitos, cheia de desperdício de recursos, cheia de idas e vindas, baseada em clubes de formação, e projetos sociais esporádicos, mas...Estamos progredindo!

Fico feliz de ter acertado o Pedro Barros com a Prata? Não, não fico. Queria muito ele com o Ouro. Fico mais feliz de ter percebido e escrito sobre o Danielzinho na Maratona, que passou metade da prova de ontem na liderança! Fico contente de ter escrito sobre o Fernando Scheffer nos 200m, ou sobre o Marlon Zanotelli no hipismo (e seu percurso limpo, na final), mas fico mais feliz ainda com a incrível surpresa da dupla feminina no tênis, que me fez dar pulos de alegria de madrugada! Jamais cogitei, jamais cogitaria. Arrependo-me de ter desprezado o talento de Ana Marcela, na Maratona Aquática. Foi deliberado desprezo. Calou a minha boca! Que bom! Deveria ter olhado o time de futebol masculino com mais carinho, sem dar tanta importância ao propagado domínio europeu.

Quase chorei com a Rebeca Andrade! Que angústia passei nesses dois anos acompanhando sua recuperação, suas notas, suas provas...O dia que o Brasil ficou sem a classificação por equipe foi o mais triste para mim. Sempre acreditei no potencial dela como medalhista no Individual Geral! Aí está! O mundo inteiro falou de nossa ginasta da periferia, irmã de 7, filha de mãe empregada doméstica. Há talento em todo canto. Basta darmos chances, mais chances, às pessoas.

Encerro este tópico, pensando em Paris 2024. Pensando nos atletas brasileiros em Paris. Pensando em mim em Paris.

Merci Tokyo 2020

 

Jogos Olímpicos de Verão de 2024 – Wikipédia, a enciclopédia livre

 

 

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

×
×
  • Create New...