Jump to content
Forum Cinema em Cena

Cotas em Universidades


Travis Bickle
 Share

Você é a favor da adoção do sistema de cotas em universidades ?  

19 members have voted

  1. 1. Você é a favor da adoção do sistema de cotas em universidades ?

    • Sim
      10
    • Não
      43


Recommended Posts

 

Não, a seleção do vestibular (público) exige o que é necessário. Não tem nada de discriminatório. Se a maioria dos pobres (brancos e negros) não passam é porque o ensino fundamental público é ruim. Ou você acha que eles preparam as perguntas de um jeito para que os negros não passem?

 

 

Como assim não associamos à riqueza?! Em que contexto você diz isso?
[/quote']

 

E o ensino superior é bom? E o ensino público não deveria ser?Para mim já deveria ser critério suficiente para entrar na universidade. Alguém explique esta diferença? Um ensino é debilitado e ninguém quer o outro até filhos de papai brigam pelas cotas.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Olha a incoerência no critério de seleção.

 

Teoricamente a pessoa quando terminasse o ensino público estaria capacitada não só para os testes do vestibular, que supostamente utilizam os mesmos critérios aprendidos neste ensino deficitário. Como também deveria capacitar o indivíduo a entrada imediata a um ensino superior.

 

No contexto da sociedade, que associo riqueza branca, pobreza negra. Isto hoje não é assim claro, mas é uma minoria negra que dentem renda. E ai que o critério vestibular de cursinho é o processo discriminatório sim.

Link to comment
Share on other sites

  • Replies 434
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Além do mais o ponto principal da pergunta não é este. Quero entender minuciosamente por que os negros não entram as pampas nas universidades. Alguém? Ou será pro que são burros? Ou pro que não têm as mesmas oportunidades para nada?

 

Você já sabe a resposta.

E por que ao pensar negro não associamos ele a riqueza? Alguém sabe a resposta para está?

De onde você tirou isso? De algum teste apresentado pelo Fantástico?

 

Estou esperando a resposta. 03

Link to comment
Share on other sites

 

Um processo seletivo não pode ser segregado? Ou discriminatório? 17

 

Sei perfeitamente disto fiquei anos tentado entrar por este critério filha da puta (desculpa o palavreado' date=' mas são cinco anos de esforço para ver como funciona as coisas neste país de m*) de vestibular. Sendo que lá dentro você não absorve praticamente nada do que você faz na prova.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

[/quote']

 

Plutão, o vestibular da UDESC (estudual de SC) é vocacionado, tem questão de portugues e historia de sc na prova geral e conehcimentos especificos para cada curso. Acho ruim esse sistema pois você vai ter que estudar algo que você não sabe, você não teve esse conhecimento que eles estão cobrando na prova. O vestibular cxom a prova sobre tudo que você aorendeu no ensino médio é uma forma de cobrar o seu desempenho no ensino médio, o quanto você aprendeu.

 

Claroq ue isso tudo é teoricamente, sabemos as falhas que o sistema tem. Mas algum sistema de seleção tem que ter, não tem lugar pra todos na Universidade e os aluinos devem ser selecionados pelo próprio nivel de ensino!
Link to comment
Share on other sites

 

 

Mas daqui a pouco só faltam propor cotas para a pós-graduação. É a lógica não? Se for para fazer o serviço que faça direito.

De que adianta formar os negros' date=' se só os brancos têm acesso à pós-graduação? (ponto de ironia)
[/quote']

Já há quem defenda isso. Assim com há também aqueles que defendem cotas para gays. Só as cotas para mulheres em cursos de exatas que ainda nao vi ninguém defendendo.


 

Engraçado como são seletivos nos quotes...enfim...06

 

Eu falando e realmente pensaram nisso! Tão previsível...06

Mas não deixa de ser engraçado...06
Link to comment
Share on other sites

Plutão. Não negamos (pelo menos eu) que exista racismo no Brasil. Ao contrário do que pensam é uma realidade bem viva' date=' apesar de oculta. Porém, o que discordo não é a percepção da existência deste preconceito mas a solução proposta.

Aliás, o artigo que você postou, muito bom por sinal e bastante esclarecedor para quem não tem conhecimento no assunto, não propõe uma solução. Ele trabalha com os conceitos, analisa a sociedade mas deixa a desejar na hora de argumentar pelas cotas na universidade.

Para mim, isso ainda é tentar tapar o sol com a peneira. A situação "original" ainda estará lá, mas o que muda é que alguns negros serão pescados deste lamaçal. É uma atitude que remedia mas não previne.

Muito mais lógico é o governo fornecer uma educação básica de qualidade, e assim dar iguais condições a todos brasileiros. Mas parece que o governo está meio preguiçoso de trilhar este caminho, que é bem mais difícil e custoso, preferindo ficar no mais fácil (mas não mais eficaz) e que dá mais popularidade.

 

Sem contar que não sabemos o impacto destas cotas na sociedade brasileira e no imaginário. Querendo ou não, vai institucionalizar uma discriminação (ainda que alguns dizem discriminação positiva). Não que ele nunca existiu, e justamente o contrário, mas qual será o impacto disso nas mentalidades?
[/quote']

 

Como assim racismo oculto? O racismo não é só grupos raivosos que odeiam uns aos outros não. Talvez aqui seja até pior do que KKK nos EUA aqui é uma ideologia, branco bom e negro mal, branco rico e senhor ou sinhazinha e negro mal e serviçal. Os racistas estão a anos na nossa cultura ou como ele se expressa de forma majoritária na telinha da globo.  Ou vai me negar que mais de 60% do exibicionismo de vários meios de cultura e entretenimento se expressa para brancos e feito para brancos.

Veja o filme "A cor da fúria", que ele expressa bem isto. Vemos uma inversão de posição nas raças, neste filme o que deveria ser negro é branco e vice versa. Em uma das cenas um menino branco, vê que todos os super-heróis são majoritariamente negros na vitrine da loja de brinquedos. Só esta cena, já quer dizer muito a respeito do racismo aqui.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

A igualdade aqui é branca infelizmente, a forma como se expressa ainda é assim. Que igualdade racial é esta, que não se expressa nas universidades e nos melhores cargos do país. Conte nos dedos quantos são brancos no congresso e quanto são mestiços, negros e índios. E olha que somos um dos maiores países mestiços. E ai que mora o racismo e ninguém aqui quer ver isto. Como que muda isto? Como que muda uma estrutura social que favorece o branco com renda capaz de pagar bons estudos para o filho? Como que muda a estrutura social que mostra mais o negro se dando bem sendo jogador de futebol do que sendo um advogado? Entendeu? Nossa estrutura guia o negro a uma falsa democracia, uma democracia que dá a idéia que ser negro não assegura viver bem. Já viu algum presidente a república mestiço ou negro aqui?

 

Falou falou e não saiu do lugar. Nem ao menos discordou do que falei, pois quando disse oculto me referia justamente ao mito da democracia racial, que estava no texto que você mesmo colocou. E agora desmente? Querendo ou não, está idéia já transforma o racismo no Brasil em algo bem diverso do que ocorre nos EUA ou na África do Sul. Eu neguei a existência do racismo noa Brasil? Não.

 

Concordo que algo tem que ser feito, mas só criar cotas e pensar que resolveu tudo? Isso é desculpa para deixar o ensino público às moscas? Lugar onde a maioria dos negros estudam? Isso é discriminação.

Aliás, é até engraçado o Estado agindo como se fosse uma ONG, na medida em que sabe que tem uma deficiência muito séria, e ao invés de tentar acabar com isso, faz política tentando amenizar...haha

 

E o que poderia ser muito mais abrangente fica limitado. E os pobres em geral? Não têm acesso?

Vamos criar cotas para os homosexuais, pois ele são discriminados. Para os seguidores da religião X, pois são poucos que entram na universidade....

 

Como as cotas vai mudar a situação? Os que defendem nunca explicaram como será o processo. Se simplesmente tirar alguns negros desta zona crítica, vai tirar todos como consequência?
Conan o bárbaro2007-10-15 16:59:48
Link to comment
Share on other sites

Plutão. Não negamos (pelo menos eu) que exista racismo no Brasil. Ao contrário do que pensam é uma realidade bem viva' date=' apesar de oculta. Porém, o que discordo não é a percepção da existência deste preconceito mas a solução proposta.

Aliás, o artigo que você postou, muito bom por sinal e bastante esclarecedor para quem não tem conhecimento no assunto, não propõe uma solução. Ele trabalha com os conceitos, analisa a sociedade mas deixa a desejar na hora de argumentar pelas cotas na universidade.

Para mim, isso ainda é tentar tapar o sol com a peneira. A situação "original" ainda estará lá, mas o que muda é que alguns negros serão pescados deste lamaçal. É uma atitude que remedia mas não previne.

Muito mais lógico é o governo fornecer uma educação básica de qualidade, e assim dar iguais condições a todos brasileiros. Mas parece que o governo está meio preguiçoso de trilhar este caminho, que é bem mais difícil e custoso, preferindo ficar no mais fácil (mas não mais eficaz) e que dá mais popularidade.

 

Sem contar que não sabemos o impacto destas cotas na sociedade brasileira e no imaginário. Querendo ou não, vai institucionalizar uma discriminação (ainda que alguns dizem discriminação positiva). Não que ele nunca existiu, e justamente o contrário, mas qual será o impacto disso nas mentalidades?
[/quote']

 

Como assim racismo oculto? O racismo não é só grupos raivosos que odeiam uns aos outros não. Talvez aqui seja até pior do que KKK nos EUA aqui é uma ideologia, branco bom e negro mal, branco rico e senhor ou sinhazinha e negro mal e serviçal. Os racistas estão a anos na nossa cultura ou como ele se expressa de forma majoritária na telinha da globo.  Ou vai me negar que mais de 60% do exibicionismo de vários meios de cultura e entretenimento se expressa para brancos e feito para brancos.

Veja o filme "A cor da fúria", que ele expressa bem isto. Vemos uma inversão de posição nas raças, neste filme o que deveria ser negro é branco e vice versa. Em uma das cenas um menino branco, vê que todos os super-heróis são majoritariamente negros na vitrine da loja de brinquedos. Só esta cena, já quer dizer muito a respeito do racismo aqui.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

A igualdade aqui é branca infelizmente, a forma como se expressa ainda é assim. Que igualdade racial é esta, que não se expressa nas universidades e nos melhores cargos do país. Conte nos dedos quantos são brancos no congresso e quanto são mestiços, negros e índios. E olha que somos um dos maiores países mestiços. E ai que mora o racismo e ninguém aqui quer ver isto. Como que muda isto? Como que muda uma estrutura social que favorece o branco com renda capaz de pagar bons estudos para o filho? Como que muda a estrutura social que mostra mais o negro se dando bem sendo jogador de futebol do que sendo um advogado? Entendeu? Nossa estrutura guia o negro a uma falsa democracia, uma democracia que dá a idéia que ser negro não assegura viver bem. Já viu algum presidente a república mestiço ou negro aqui?

 

Falou falou e não saiu do lugar. Nem ao menos discordou do que falei, pois quando disse oculto me referia justamente ao mito da democracia racial, que estava no texto que você mesmo colocou. E agora desmente? Querendo ou não, está idéia já transforma o racismo no Brasil em algo bem diverso do que ocorre nos EUA ou na África do Sul. Eu neguei a existência do racismo noa Brasil? Não.

 

Concordo que algo tem que ser feito, mas só criar cotas e pensar que resolveu tudo? Isso é desculpa para deixar o ensino público às moscas? Lugar onde a maioria dos negros estudam? Isso é discriminação.

Aliás, é até engraçado o Estado agindo como se fosse uma ONG, na medida em que sabe que tem uma deficiência muito séria, e ao invés de tentar acabar com isso, faz política tentando amenizar...haha

 

E o que poderia ser muito mais abrangente fica limitado. E os pobres em geral? Não têm acesso?

Vamos criar cotas para os homosexuais, pois ele são discriminados. Para os seguidores da religião X, pois são poucos que entram na universidade....

 

Como as cotas vai mudar a situação? Os que defendem nunca explicaram como será o processo. Se simplesmente tirar alguns negros desta zona crítica, vai tirar todos como consequência?

 

Conan só não te levo a sério pelo fato de como você e outros não falarem com propriedade alguma sobre desigualdade social e racial de fato. Vocês só sabem isto através de informações. E diga de passagem que são fontes pra lá de duvidosas.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

O que difere e muito da realidade de vir aqui sem saber na pele o que é ser pobre ou negro (embora não seja). Com esta mentalidade de estudantes egoísta de vocês vão estar prejudicando de fato aqueles que podem ser muito melhore do que imaginam. E vão prejudicar de fato os mais necessitados sim. E eles são tão capazes e tão cheios de méritos como vocês. Acho edificante ver centenas de não burgueses trabalhar e estudar. Diferente de vocês que vivem só por conta de que mesmo? Há sim estudar. Então é fácil passar em um vestibular uma vez que a mamãe e o papai fornece as ferramentas inesgotáveis de grana e vocês ficam só por conta de estudo.  Quem de fato trabalha e estuda aqui? Quem de fato é classe baixa?

 

 

Quem pega aqui todos os dias ônibus? Eles são veículos horríveis de péssima qualidade como todos os serviços para a maioria da população. Ônibus em bairro periférico é igual a um navio negreiro.

 

Isto só é um dos inúmeros problemas para os mínimos estudantes da minha classe. E aqueles que raramente trabalham e estudam aqui não tem benefícios trabalhistas como alguns têm. Na verdade quem estuda aqui dificilmente trabalha. Então que porcaria de mérito é esse de que estão falando, não sustentam a casa, não ajudam os seus pais. As únicas pessoas que se importam são vocês mesmos e seus estudos. Assim é fácil ter mérito as custas alheias. As nossas custas! Nós que de fato pagamos mais para estar na universidade.

 

Até hoje este fórum aqui só abrigou a burguesinhos, que nunca trabalharam e estudaram. Ou estou mentido?

 

Logo era óbvio que a enquête é mentirosa uma vez que os votantes aqui se restringem unicamente a uma classe que quer se safar. Temos aqui a visão parcial de vocês classe média. Ou estou mentido?

 

Praticamente eu sou o único aqui da classe de baixa renda, que defende cota, claro que estou sendo parcial assim como vocês. Pronto! Já podem tirar a máscara de vocês de imparcialidade.10

Plutão Orco2007-10-16 10:47:15
Link to comment
Share on other sites

Eu também trabalho e estudo, pego ônibus, trem e chego em casa 1h00 da madruga todo dia. Nunca estudei em escola particular, se eu quiser um curso de idiomas tenho que virar pra pagar porque meus pais não podem me dar. Só que tem um porém, eu sou branca? Tem cota pra mim nas públicas? Não.

 

Essas cotas só seriam justas se fossem ao contrário. As universidades Federais foram criadas para os estudantes pobres que não podiam pagar uma particular. Sim, naquela época, faculdade não proliferava como hoje, as que existiam eram caríssimas, só os ricos podiam pagar.

Se faculdade pública foi feita para pobre, porque tem rico estudando lá? Só deveria estudar lá quem comprovosse que não pode pagar uma particular (o que tá difícil hoje, porque para provar que você não pode pagar, você tem que ser praticamente mendigo.)
Link to comment
Share on other sites

 

Digo e repito:

 

A Universidade não é lugar de Ação social! A Universidade não é ONG!

 

 

 

Conversa fiada e repito: Mas é lugar de selecionar pessoas de renda alta não é mesmo?

 

Plutão, ele não seleciona pessoas de renda alta, o problema é o ensino público. Xingue a vontade o ensino publico que não prepara o aluno, mas nunca o sistema universitário, dentro da universidade não tem conversa, não se v credo, raça, nem nada.

 

O vestibular seleciona os melhores preparados, o problema é o ensino publico e essa corrida que virou o ensino particular, o sistema de cursinho, o ensino médio voltado pra uma prova é o problema. Meu namorado não é rico estudou em escola publica e conseguiu passar pra escola técnjica federal e fazer ensino médio lá, no CEFET não há preparação pro vestibular, ainda sim, com o conhecimento que ele adquiriu, por ser esforçado, passou pra um curso concorrido.

 

Agora, o ensino que ele teve foi um ensino básico para a vida e nao rpo vestibular. O problema de escolas publicas estaduais e municipais é que os alunos nem chegam a ver matérias que as escolas particulares veem, que caem no vestibular, e não é dado pq cai no vestibular, mas sim pq é o curriculo do ensino médio, por isso está no vestibular.

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Votei em não.

Não sou a favor das cotas! Alem de achar discriminação acho que não é por ai que se começa a arrumar as coisas, acho injusto com quem teve chances de pagar por um bom ensino ser prejudicado assim. Ao invez de cotas o governo deveria é arrumar o ensino público, isso sim!

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

Votei em não.

Não sou a favor das cotas! Alem de achar discriminação acho que não é por ai que se começa a arrumar as coisas' date=' acho injusto com quem teve chances de pagar por um bom ensino ser prejudicado assim. Ao invez de cotas o governo deveria é arrumar o ensino público, isso sim!

 

[/quote']

 

Pois é Liz, essa sim é a solução. Mas a Universidade não pode fazer caridade, é uma instituição séria com um propósito: o desenvolvimento da ciência e pesquisa.

 

O Ensino não pode ser prejudicado por burrice do governo!

 

Como dissde o projeto de cotas era pra ser provisório, mas sabemos muito bem o quye acontece com medidas provisórias aqui. O Ensino público não sofrerá reforma e as cotas serão permanentes. E vai acontecer o que já está acontecendo. Alunos que podem pagar escola, se matricular em colégio publico e no ultimo ano fazer junto um extensivo num cursinho beeem caro, e passar nas cotas na frentre de um monte de aluno que não tem condições.

 

Conheço N pessoas que estão fazendo isso, e duas são da minha família, não me orgulho disso, mas só afirmo que isso é uma realidade, meu primo foi colocado numa escola publica para aproveitar as cotas e faz paralelo a escola um reforço num das melhores escolar particulares preparatórias aqui de Florianópolis!12

 

Link to comment
Share on other sites

Só pra reforçar o que alguém disse aí pelas páginas anteriores, mas eu não achei.

 

O sistema de cotas para negros discrimina o branco pobre. 06

 

Ok, galera, isso é uma idiotice. Eu vivo em um estado do Brasil que uma minoria realmente minoria é negra e a cor deles não está relacionada à classe social. Tem duas favelas perto de onde moro e todos ali são mais brancos que eu! 06 Aliás.. é raríssimo ver alguém negro ... a maioria do estado é branco ou "pardo" como dizem.. e os pardos não são mais pobres.

 

Além de todas as idiotices já citadas no esquema do cotas, ainda tem outra... em muitos estados ela simplesmente não faz o menor sentido. E ainda assim, já estçao falando nisso por aqui. Como assim?

 

 

Link to comment
Share on other sites

Falou bem' date=' veras. As cotas, além de chamarem os negros de burros, também chama eles de pobres. Como se todos os negros fossem afavelados miseráveis e todos os brancos fossem ricos e bem sucedidos. Essa sociedade colonial....[/quote']

 

Então concluo que existem muitos negros e pardos bem sucedidos? Pode citar ai estes vários negros e pardos bem sucedidos? Até sei quem vai ser citado de tão poucos que são.

 

Mas cite ai pelo menos cem pessoas brancas bem sucedias e cem negras e pardas. Se bem que a estratégia agora é negar a existência de negros e pardos. Está foi o fim.07 Vão negar também o holocausto?
Link to comment
Share on other sites

Falou bem' date=' veras. As cotas, além de chamarem os negros de burros, também chama eles de pobres. Como se todos os negros fossem afavelados miseráveis e todos os brancos fossem ricos e bem sucedidos. Essa sociedade colonial....[/quote']

 

É exatamente isso Anakin, tanto que o projeto foi feito baseado na idéia que o negro tem menos instrução, mais filhos ...
Link to comment
Share on other sites

Perguntar exemplos de negros bem sucedidos no meu estado é o mesmo que perguntar o exemplos de brancos pobres. São tantos' date=' mas tantos dos dois! [/quote']

 

Duvido e muito.03

 

Eu postei sério na questão de postar valores numéricos as raças? Acho que vocês não postam o que de fato é a realidade da coisa.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Para ilustrar o que digo Nelson Mandela, foi um dos primeiros presidentes negros da história do mundo. Será que isto não reflete o que posto aqui? Quantos dos nossos esmagadores políticos brancos são representativos frente aos negros. Agora entende a problemática?

Link to comment
Share on other sites

Mas para ter direito as cotas não é obrigatório ter estudado a vida inteira em escola particular? E não tem comprovante de renda não?

 

N/ão Ana, basta cursar o ensino médio numa escola publica! Tá vendo a falha no sistema?? Qualuqer um a partir de agora pode entrar numa escola publica e conseguir cota! Qualuqer um que tenha dinheiro que possa pagar um cursinho pra acompanhar no terceirão!
Link to comment
Share on other sites

N/ão Ana' date=' basta cursar o ensino médio numa escola publica! Tá vendo a falha no sistema?? Qualuqer um a partir de agora pode entrar numa escola publica e conseguir cota! Qualuqer um que tenha dinheiro que possa pagar um cursinho pra acompanhar no terceirão![/quote']

 

Aff... Achei que era o mesmo processo do Prouni.11 Conheci uma mulher que declarou o filho dela como negro no censo do ensino fundamental para no futuro usar isso para conseguir cota no ensino superior. Detalhe: o filho dela é branco.06
Link to comment
Share on other sites

 

Perguntar exemplos de negros bem sucedidos no meu estado é o mesmo que perguntar o exemplos de brancos pobres. São tantos' date=' mas tantos dos dois! [/quote']

 

Duvido e muito.03

 

Eu postei sério na questão de postar valores numéricos as raças? Acho que vocês não postam o que de fato é a realidade da coisa.

 

Para ilustrar o que digo Nelson Mandela, foi um dos primeiros presidentes negros da história do mundo. Será que isto não reflete o que posto aqui? Quantos dos nossos esmagadores políticos brancos são representativos frente aos negros. Agora entende a problemática?

 

Faz o seguinte, vai na Wikipédia e procura por "Ceará". Você vai ver que ele é chamado de "Terra da Luz"... e ele é chamado assim não só por causa do sol, mas porque foi o 1º estado a abolir a escravatura. Mas por que isso? Por que os coronéis eram pessoas boas de coração puro? Não, porque aqui NÃO TEVE ESCRAVIDÃO considerável. No Ceará praticamente não tem negros. Eu conheço poquíssimos negros cearenses... negros mesmo. A maioria são moreninhos claros.

 

Então, qual o motivo de se instaurar uma merda dessas aqui?

A coisa além de ser totalmente prejudicial, ainda é acéfala. Nem para se adaptar às regiões com mais decência.

O que mostra que o que está sendo feito é só mais uma daquelas besteirinhas de medidas emergenciais que nós temos visto há décadas e décadas no país. É tão inteligente e eficiente quanto a bolsa família.

 

Ainda que eu ache péssimo toda e qualquer forma de cotas, as cotas para estudantes de escola públicas eram ainda menos estúpidas. Por que se é pra facilitar o ingresso de jovens de baixa renda nas universidades públicas, que favoreçam todos os jovens de baixa renda, não só os negros!

 

Embora, lógico, abrindo vaga para pessoas menos preparadas, o governo está diminuindo a qualidade do ensino universitário.

Como alguns já expuseram o que deveria ser feito era melhorar o ensino público em todas as suas fases. Do ensino primário até o pré-vestibular... para colocá-los em pé de igualdade de concorrência com os alunos que estudam em escola pública. Isso casado com um programa bem estudado e de caráter regionalista (porque todo canto do Brasil é diferente, por exemplo... uma coisa boa pro sul, não necessariamente é boa pro nordeste), a fim que permita uma ampliação do mercado de trabalho e de áreas de atuação. As universidades seriam melhor infra-estruturadas e até outras universidades públicas abertas... permitindo que mais e mais pessoas consigam concluir o ensino superior e se arranjar melhor no mercado.

 

Isso no mundo ideal, claro. Na cabeça dos imediatistas que nos governam, o interessante e arranjar uma medidazinha que só precisa durar uns 4 ou 8 anos, né? O resto não importa.

 

Eu postei sério na questão de postar valores numéricos as raças? Acho que vocês não postam o que de fato é a realidade da coisa.

Deve ser difícil para você ler comentários ''pouco embasados'', afinal, você busca a defesa da veracidade de suas afirmações na wikipédia e na veja. Como alguém pode não concordar com o que você diz 13 ???

 

 

Link to comment
Share on other sites


Faz o seguinte, vai na Wikipédia e procura por "Ceará". Você vai ver que ele é chamado de "Terra da Luz"... e ele é chamado assim não só por causa do sol, mas porque foi o 1º estado a abolir a escravatura. Mas por que isso? Por que os coronéis eram pessoas boas de coração puro? Não, porque aqui NÃO TEVE ESCRAVIDÃO considerável. No Ceará praticamente não tem negros. Eu conheço poquíssimos negros cearenses... negros mesmo. A maioria são moreninhos claros.

Então, qual o motivo de se instaurar uma merda dessas aqui?
A coisa além de ser totalmente prejudicial, ainda é acéfala. Nem para se adaptar às regiões com mais decência.
O que mostra que o que está sendo feito é só mais uma daquelas besteirinhas de medidas emergenciais que nós temos visto há décadas e décadas no país. É tão inteligente e eficiente quanto a bolsa família.

Ainda que eu ache péssimo toda e qualquer forma de cotas, as cotas para estudantes de escola públicas eram ainda menos estúpidas. Por que se é pra facilitar o ingresso de jovens de baixa renda nas universidades públicas, que favoreçam todos os jovens de baixa renda, não só os negros!

Embora, lógico,
abrindo vaga para pessoas menos preparadas, o governo está diminuindo a qualidade do ensino universitário.
Como alguns já expuseram o que deveria ser feito era melhorar o ensino público em todas as suas fases. Do ensino primário até o pré-vestibular... para colocá-los em pé de igualdade de concorrência com os alunos que estudam em escola pública. Isso casado com um programa bem estudado e de caráter regionalista (porque todo canto do Brasil é diferente, por exemplo... uma coisa boa pro sul, não necessariamente é boa pro nordeste), a fim que permita uma ampliação do mercado de trabalho e de áreas de atuação. As universidades seriam melhor infra-estruturadas e até outras universidades públicas abertas... permitindo que mais e mais pessoas consigam concluir o ensino superior e se arranjar melhor no mercado.

Isso no mundo ideal, claro. Na cabeça dos imediatistas que nos governam, o interessante e arranjar uma medidazinha que só precisa durar uns 4 ou 8 anos, né? O resto não importa.


Deve ser difícil para você ler comentários ''pouco embasados'', afinal, você busca a defesa da veracidade de suas afirmações na wikipédia e na veja. Como alguém pode não concordar com o que você diz 13 ???


[/quote']

 

Ou você não sabe ler ou ignorou o que postei centena de vezes. O critério das cotas não cabe somente a negro exclusivamente, morenos claros são afro-descendentes. Negros aqui são os afro-brasileiros incluem-se mestiços. Então morenos claros são inclusos.

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Eu nunca vi besteirinhas emergenciais como estas, ainda mais na história política que mais se interessava em ações econômicas do que sociais. Pode listar? Ficou algo jogado ao vento. Exemplos por favor?

 

Diminuído qualidade do ensino universitário como você expôs soa como um preconceito aqui. Não sei o motivo mais soa. Vale lembrar que o seu amado critério de seleção e inócuo, seu único propósito e expressar a falta de infra-estrutura já existente nas universidades do país desde sua formação. Onde temos um descaso de governos anteriores até hoje, conte no dedo as universidades federais e estaduais frente às escolas de ensino médio. È discrepante e propositalmente arranjado. Tem que ter mais pessoas nas universidades sim e não menos, as cotas não mudam isto. Mas dão o lugar de direito inquestionável e inegociável a um crime cometido pelo Estado Nacional desde sua criação. Um estado que preocupa apenas com o ensino de base, para jogar no mercado um bando de peões para que ele os domine até a alma. Um estado que sempre viu negro como ameaça a elite dominadora branca desde que Dom João pisou aqui até hoje aqui neste tópico.

 

A wikipedia é uma das muitas fontes diversas de informações. Não existe só ela no mundo. O que debato aqui, não vem só de uma fonte veêm de tantas que não consigo descrever. Além disto de onde a wikipedia entra aqui? Virei rótulo agora de wikipedia boy? Só falta o Dook vir aqui e me rotular de garoto virgem. Embora não me incomodo. No entanto, se sou rotulado e desacredito por isto, logo ganho assas para fazer o mesmo aqui. Rotulando vocês de racistas. Que tal? Afinal não existem negros neste país não é mesmo? Muito menos seus descendentes. Igual ao presidente do Irã para expor seu radicalismo matou fatos históricos. Não existe o Holocausto! Esta atitude é bem similar da descrença histórica cada vez mais embutida aqui e no mundo todo. Onde alguém torna a história mais parcial possível para prevalecer a sua versão que privilegia sua condição. Algo do tipo bem 1984.

 
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements


×
×
  • Create New...