Jump to content
Forum Cinema em Cena
texer

A Dama na Água

Recommended Posts

 

Excelente as palavras saídas da boca do próprio Shyamalan - um cineasta que não tem receio de analisar seu próprio trabalho - fazendo-o sem parecer convencido - e ainda por cima alfinetar seus desafetos!

 

 

Agora, come on. Tinha uma máquina datilográfica onde Night estava escrevendo sua próxima obra e ninguém deu uma olhadela? smiley36.gif

 

Gustavo²2006-8-10 9:53:40

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bem. Saiu a nota da SET. Eu sei que a Revista tem uma queda pelos filmes do Shyamalan, mas a película recebeu 8.0smiley32.gif. Muito acima do que eu esperava. Aliás, "A Vila", recebeu a mesma nota. ;)

[/quote']

O duro é que a SET baba pelo Shy de um lado e paga boquete pra Michael Bay do outro, aproveitando pra cutucar Von Trier chamando-o de racista no caminho...

 

Pois é. Sem comentários para a resenha de "Manderlay", feita pelo Sadovski.

 

Aliás, vou colocar alguns trechos da resenha de "A Dama na Água":

- 'M. Night Shyamalan diz que A Dama na Água é o seu filme mais acessível. Verdade. Exatamente por isso que é o mais difícil. O diretor construiu seu primeiro longa-metragem totalmente linear, uma delicada obra de fantasia urbana sem grandes surpresas narrativas, mas repleta de camadas que poderão passar despercebidas por um público desatento"

- 'A Dama na Água é um filme alternativo de primeira, disfarçado de obra mainstream. Shyamalan, que nunca fez um longa raso em sua curta carreira, se livra dos grilhões da reviravolta final e tem coragem de ser pretensioso, primeiro incluindo o personagem de um crítico de cinema cínico e incorporando o papel de escritor que servirá de inspiração para grandes mudanças futuras.'

- 'A Dama na Água consegue tocar em assuntos mais profundos , como a formação de uma nação, o perigo do individualismo e o choque da guerra. Agora, isso vai importar na hora da pipoca?'

 

Comprem a revista. A matéria sobre o diretor está INTERESSANTÍSSIMA e bastante completa.

Esse filme vai ser o melhor dele!smiley17.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

8/10, a nota mais baixa que deram para um filme de Shyamalan na ocasião do lançamento nos cinemas.

 

 

Salem deu 8.5 para A Vila em 2004 e Sinais também recebeu 8.5, em 2002.

Em vídeo, A Vila levou 8.5 do Torelli, e Sinais 8.0 (do Larroude?). Corpo Fechado levou 8.5, em DVD - acho que foi do Alessandro Giannini.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Um buddy meu que já assistiu  fez duas observações (sem spoilers):

 

- É o filme com mais humor do Shy;

 

- É o filme com maior participação do Shyamalan-ator.

 

 

e ele tá certo!

 

e em termos da profundeza da história, ainda supera A Vila.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

A Dama na Água

 

 

SHYAMALA…

Bryce Dallas Howard e Paul Giamatti

É

realmente um conto de fadas' date=' além de muita pretensão de querer se

colocar no mesmo nível de histórias como “O Senhor dos Anéis”, “As

Crônicas de Nárnia” ou até mesmo “Harry Potter”, mas também pelo fato

de querer, no mundo atual, mais cínico do que nunca, contar uma

história de ninar para adultos.

 

Querer contar a história de “Lady In The Water”

é contar o filme em si. Qualquer parte mencionada aqui estragará o

prazer (ou desprazer) de assisti-lo. É possível que M. Night Shyamalan

queira ser mais do que é? E o que ele é afinal de contas? Uma grande

promessa? Um cineasta talentoso? Um roteirista criativo? Ou uma grande

farsa?

 

O

próprio diretor tem que se defender em situações como essas. Michael

Cimino deixou seu ego tomar conta da carreira e se ferrou com o “Portal

do Paraíso” de tal maneira, que nunca mais conseguiu retomar uma

carreira promissora. A mesma coisa quase aconteceu com Francis Ford

Coppola, cuja carreira não deixou de existir após “Do Fundo do

Coração”, mas enfraqueceu com bastante força. Shyamalan brigou com um

estúdio inteiro, fato não ajudado por um livro escrito e lançado

recentemente sobre a tal briga. Não é de se condenar sua atitude,

porque engravatados não entendem de cinema, entendem de lucros. Mas arriscar uma carreira por causa desse filme?

 

Não

há como entender. E não há como explicar. O discurso sobre “eu sou um

artista e tenho direito de mostrar o meu ponto de vista” não cola mais.

Pra uma pessoa que, durante um confronto com executivos da Disney,

bateu no peito e disse que um dos seus filmes é uma das maiores

bilheterias de todos os tempos, o que automaticamente lhe dava razão de

fazer o que quisesse, dinheiro É importante.

 

O filme é ruim? Poderia ser melhor. Principalmente em certas áreas de casting,

como Bryce Dallas Howard, que é muito verde ainda pra carregar um filme

como esse. Paul Giamatti entrega a atuação competente de sempre, mas

muito abaixo de outras como em “Anti-Herói Americano”, onde está

perfeito.

 

Apesar do pretexto do conto de fadas, é um filme sobre a descoberta da própria identidade. Algo que talvez nem o próprio Shyamalan tenha alcançado ainda.

 

A Dama na Água (Lady in the Water, 2006, EUA), dir.: M. Night Shyamalan - 1º de setembro nos cinemas brasileiros

[/quote']

Xi...

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites


A Dama na Água

SHYAMALA…

Bryce Dallas Howard e Paul Giamatti

 

É realmente um conto de fadas' date=' além de muita pretensão de querer se colocar no mesmo nível de histórias como “O Senhor dos Anéis”, “As Crônicas de Nárnia” ou até mesmo “Harry Potter”, mas também pelo fato de querer, no mundo atual, mais cínico do que nunca, contar uma história de ninar para adultos.


[/quote']


Xi...


Deixei só esse pedaço da crítica do renato, pois aq mais demonstra em como ele não aceita a história desde o começo.

Basicamente, o que ele quer dizer é os filmes precisam ser dirigidos por Michael Bay e companhia, para termos explosões, assassinatos, corrupções e muita pipoca no nosso colo.

Não assisti o filme ainda, como a maioria aqui tb não, mas falar q um filme de ninar para adultos não funciona, pq o mundo é muito cínico, é no mínimo muita arrogância.

racha_cuca2006-8-6 17:10:38

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ao invés do Renato fazer um comentário sobre o filme, ele preferiu tecer sua opinião sobre Shyamalan ... bom, com relação a isso ele teria todo o direito, mas como se trata do filme nada mais justo que falar a respeito dele ( e a justificativa que ele deu só piora o seu lado ) ... no mínimo estranho ... ele fez aqui o mesmo que o Pablo fez com o Bryan Singer em "Superman Returns" ... smiley5.gif

PS: Aliás, justiça seja feita pois o texto está creditado a um certo "Tooms" e não a Renato ... ou seja, troco a referência que fiz ao Renato a este certo ... cara.

Thiago Lucio2006-8-6 14:11:46

Share this post


Link to post
Share on other sites


A Dama na Água

SHYAMALA…

Bryce Dallas Howard e Paul Giamatti

 

É realmente um conto de fadas' date=' além de muita pretensão de querer se colocar no mesmo nível de histórias como “O Senhor dos Anéis”, “As Crônicas de Nárnia” ou até mesmo “Harry Potter”, mas também pelo fato de querer, no mundo atual, mais cínico do que nunca, contar uma história de ninar para adultos.

Querer contar a história de “Lady In The Water” é contar o filme em si. Qualquer parte mencionada aqui estragará o prazer (ou desprazer) de assisti-lo. É possível que M. Night Shyamalan queira ser mais do que é? E o que ele é afinal de contas? Uma grande promessa? Um cineasta talentoso? Um roteirista criativo? Ou uma grande farsa?

 

O próprio diretor tem que se defender em situações como essas. Michael Cimino deixou seu ego tomar conta da carreira e se ferrou com o “Portal do Paraíso” de tal maneira, que nunca mais conseguiu retomar uma carreira promissora. A mesma coisa quase aconteceu com Francis Ford Coppola, cuja carreira não deixou de existir após “Do Fundo do Coração”, mas enfraqueceu com bastante força. Shyamalan brigou com um estúdio inteiro, fato não ajudado por um livro escrito e lançado recentemente sobre a tal briga. Não é de se condenar sua atitude, porque engravatados não entendem de cinema, entendem de lucros. Mas arriscar uma carreira por causa desse filme?

Não há como entender. E não há como explicar. O discurso sobre “eu sou um artista e tenho direito de mostrar o meu ponto de vista” não cola mais. Pra uma pessoa que, durante um confronto com executivos da Disney, bateu no peito e disse que um dos seus filmes é uma das maiores bilheterias de todos os tempos, o que automaticamente lhe dava razão de fazer o que quisesse, dinheiro É importante.

 

O filme é ruim? Poderia ser melhor. Principalmente em certas áreas de casting, como Bryce Dallas Howard, que é muito verde ainda pra carregar um filme como esse. Paul Giamatti entrega a atuação competente de sempre, mas muito abaixo de outras como em “Anti-Herói Americano”, onde está perfeito.

 

Apesar do pretexto do conto de fadas, é um filme sobre a descoberta da própria identidade. Algo que talvez nem o próprio Shyamalan tenha alcançado ainda.

 

A Dama na Água (Lady in the Water, 2006, EUA), dir.: M. Night Shyamalan - 1º de setembro nos cinemas brasileiros


[/quote']


Xi...


Como um crítico de cinema, o Renato é um ótimo.... o que ele é mesmo?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Putz, eu estou esperando muito por esse filme..E, parece, que ele foi adiado de novo..

Meu lado "cinéfilo" ajuda a resistir a atentação de não ver o filme "antes da hora", se é que me entendem...

 

Mas está duro resistir..

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Shyamalan quase tirou seu nome de A dama na água

 

litw_poster2p.jpgO cineasta M. Night Shyamalan esteve em uma coletiva de imprensa em Londres para divulgar A dama na água (Lady in the Water), seu novo trabalho. Disse que teme tanto ser enquadrado que pensou em não assinar o filme.

"O Sexto Sentido foi o primeiro filme meu que todo mundo foi assistir, e era um filme assustador. Quando Corpo fechado saiu, senti que as pessoas pensavam que era um engano, mas o filme não foi feito necessariamente para criar sustos. Eu não percebia que já estava sendo classificado dentro daquele gênero", diz.

"Se eu me preocupasse demais com isso, não conseguiria escrever. Eu gostaria muito que as pessoas vissem Dama na água como uma parábola lírica, mas haverá pessoas que não o entenderão por já chegarem com idéias fixas na cabeça. Então, pensei seriamente em tirar meu nome do filme. Pensei nisso quando estava cogitando fazer A vida de Pi. Fiquei preocupado em pôr meu nome no projeto. É um livro fantástico com uma reviravolta no final, mas se eu colocar meu nome, imediatamente o filme perderá o equilíbrio do livro. Isso é algo contra o qual eu luto", completa.

Quando Shyamalan resolveu reinvestir nos sustos, saiu Sinais (2002). Quando conseguiu se emancipar da sina e se desvincular de gêneros, criou a obra-prima A vila (2004). Tomara, portanto, que siga pelo caminho libertário novamente - assinando os filmes ou não.

Na trama de A dama na água, o zelador Cleveland Heep (Paul Giamatti) resgata uma misteriosa jovem (Bryce Dallas Howard) da piscina do prédio e descobre que ela é, na verdade, uma criatura dos contos de fadas tentando voltar pra casa. Conforme o tempo passa - e Heep se apaixona - os moradores do prédio começam a perceber que eles também são parte daquela história, já que outros seres das fábulas espreitam e estão determinados a impedir que a moça retorne.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Eu li ontem a entrevista q ele deu para a SET e admiro mais ainda a pessoa Shyamalan e não somente seus filmes. Botar a carreira em risco' date=' por tudo q acredita eh algo q poucas pessoas fazem.

[/quote']

 

 

Espécime rara.

 

 

--------------------

 

Data para o lançamento na Região 1 do DVD:


19/12 - Lady in the Water

(Warner)

Gustavo²2006-8-9 15:46:7

Share this post


Link to post
Share on other sites

Li a maior parte da entrevista do Shy para a SET. Em uma palavra: GÊNIO. Ponto final.

A parte que ele compara os filmes de hoje ao fast food e como o público reage a isso ('cadê o meu fast food?') é hilária e oportuna. Vivemos um momento de massificação da IMBECILIDADE e isso é notado inclusive neste fórum... Quando aparece alguém para sacudir tudo e apontar novas direções, esse alguém é linchado pelos imbecis de plantão.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Li a maior parte da entrevista do Shy para a SET. Em uma palavra: GÊNIO. Ponto final.

 Vivemos um momento de massificação da IMBECILIDADE e isso é notado inclusive neste fórum... Quando aparece alguém para sacudir tudo e apontar novas direções' date=' esse alguém é linchado pelos imbecis de plantão.

[/quote']

 

senti que acabasse de alfinetar o lordshake com esse post Dook

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não Cine, não acho que ele estivesse falando do Lordshake... antes estivesse, aí a massificação da imbecilidade estaria onde não haveria dúvidas...

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...