Jump to content
Forum Cinema em Cena
Sign in to follow this  
ltrhpsm

Cidade dos Sonhos - (Mulholland Drive)

Recommended Posts

A parte de "Pesquisar" não estava funcionando, logo não posso afirmar com certeza que não há outro tópico, então criei este.

Espaço para cada um colocar o que conseguiu decifrar do filme de Lynch (eu ainda estou digerindo). smiley18.gif O efeito é este mesmo, duma porrada filha-da-puta em tudo quanto é orgão de seu corpo.

ltrhpsm2007-08-25 01:29:50

Share this post


Link to post
Share on other sites

O melhor filme da década.

[pode conter spoilers]

O título brasileiro é sugestivo - não apenas pelos acontecimentos surreais do filme, mas porque é um filme bem pessimista. Boa parte das nossas ambições ficam só no sonho; Betty/Diane é a representação da que foi tentar ganhar a vida e recebeu um nabo no traseiro. Enquanto isso, ela sonha em ser uma protagonista de um film-noir; enquanto na realidade ela está devastada - e esse retrato é realçado pela fantástica abordagem do diretor, meio realista, meio surreal e em todos os momentos soa palpável. Tudo realçado pelas trilha fodástica e pelas atuações maravilhosas. Além de toda essa maravilhosa visão pessimista das ambições do ser humano, Lynch aproveita para alfinetar a indústria e os produtores de Hollywood - ou alguém não percebeu que o Adam Kesher do sonho parecia uma auto-identificação do diretor?

O Clube Silêncio me dá arrepios até hoje.

Além de tudo, a crítica do Pablo está exemplar; melhor até que a de Magnólia.

Com certeza, um dos cinco melhores filmes que eu já vi.

rubysun2006-8-28 19:6:27

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu só fui entender o filme por "completo" na segunda assistida. Alias, eu vi ele em um dia e revi no outro. Está atualmente no meu top 2 ou 3, preciso pensar melhor.

Excelente critica a do Pablo, algumas coisas eu já havia reparado, mas outras nem me passaram pela cabeça. O filme engrandeceu mais ainda pra mim agora.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Spoilers:

 

Eu acho foda a cena que os pais a atormentam, ela sai gritando pula na cama e dá um tiro na fuça...animal. Sim, aquele diretor é o alter-ego do Lynch, a cena dos "empresários" escalando uma atriz é emblemática, o mais engraçado é ele batendo no carro dos caras com um taco de golfe...hehehe

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites


Spoilers:

Eu acho foda a cena que os pais a atormentam' date=' ela sai gritando pula na cama e dá um tiro na fuça...animal. Sim, aquele diretor é o alter-ego do Lynch, a cena dos "empresários" escalando uma atriz é emblemática, o mais engraçado é ele batendo no carro dos caras com um taco de golfe...hehehe


[/quote']

A cena do taco é demais... smiley36.gif

Mas a cena dos pais atormentando e aquele som de ratinnhos que eles fazem... ai caralho, me dá arrepios.

Remete também ao simbolismo da caixa azul, que a cada revisitada do filme, muda o sentido.

E um diálogo que sempre me intriga é aquele com o cowboy: "a atitude de um homem determina a sua vida? pense nisso" "estou pensando" "não, vc está fazendo-se de espertinho" "tsk... a resposta é sim, a atitude de um homem determina a sua vida" "então vc é daqueles que não se preocupa com uma boa vida". pode não fazer muito sentido, mas dá pra dar um boa viajada.

ainda mais se unido a... no hay banda e as analogias acima.

zaberdust.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nossa.... tive que assistir 2 vezes para começar a entender, depois li a critica do Pablo (que está ótima) e entendi melhor... mas pretendo ver mais vezes pois esse é um desses filmes que cada vez que você assiste, mas coisas descobre.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Como assim comédia??

 

haha

não... não quis dizer que o gênero do filme era comédia...

 

nem estou ofendendo o filme...

 

o filme é muita viagem... a gente só entende depois que termina e pára pra pensar sobre ele.

por isso que eu disse "comédia"... uma gíria pra dizer que é muito doideira... e talz.

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

É um filme genial, que só podia sair de uma cabeça como a de David Lynch. Mas nem vou falar, pois não me atrevo, sobre o roteiro (como muitos mencionaram, a crítica do Pablo Villaça colabora muito); fora isso nota-se uma direção exímia, como na cena em que aquele rapaz que diz ter tido um sonho com um homem atras do café e resolve "inestigar"... Nervos à flor da pele, tensão pura... O filme todo é assim, por sinal, nos deixa com o cérebro virado ao contrário.

Naomi Watts excepcional, eu quase não a reconheci quando acorda do sonho; a trilha de Angelo Badalamenti (isto?) também dá arrepios; só de pensar em algumas cenas, eu entro em transe.

É um filme que ue pretendo rever e rever daqui a alguns anos, mas ainda tenho que comer muito macarrão com carne moída para poder fazer isso e entender para falar melhor.

ltrhpsm2006-9-12 11:42:33

Share this post


Link to post
Share on other sites

Naomi Watts excepcional' date=' eu quase não a reconheci quando acorda do sonho; a trilha de Angelo Badalamenti (isto?) também dá arrepios; só de pensar em algumas cenas, eu entro em transe.[/quote']

sobre o compositor: é assim mesmo que se escreve. angelo badalamente. foda.

uma coisa engraçada é que quando eu vi o filme pela primeira vez, eu realmente achei que existiam duas loiras. quando eu não tinha sacado a jogada, pra mim, diane e betty eram pessoas distintas. smiley36.gif as teorias malucas só cessaram quando eu revi; o primeiro movimento de câmera do filme conta todo o segredo, é só rever.

e ltrhpsm, não se auto-subestime por conta de sua idade! só o fato de vc ter "respeitado" esse filme já te dá a mentalidade suficiente para perceber as nuances, fatores que independem de idade.

Share this post


Link to post
Share on other sites

É um filme bem interessante e pirado. Gostei, mas não achei tão bom assim.

SPOILERS:

Lendo a crítica do Pablo deu pra entender bastante o que o filme quer dizer! A parte do sonho (leia-se 80% do filme) não faz muito sentido, e acredito que seja essa a intenção, passar a idéia de surrealismo, como um sonho mesmo. 

O filme tem umas sacadas legais e tudo mais, mas não é bem o meu estilo de filme.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Até antes dos 20 minutos finais de projeção tudo parece se encaixar e o filme aparenta ser como qualquer outro' date=' mas depois como o Pablo disse em sua resenha, vai tentando se explicar... quando terminei de assistir não o "condenei" por não ter entendido, apenas fiquei frustrado (por não entender), achei excepcional a crítica do Pablo pois sem ela eu ficaria a ver navios.

 

E sinceramente esta diarréia mental, este jogo de charadas não me agrada.

 

Mas apesar disso não tiro os méritos de Cidade dos Sonhos, e vale a pena ser assistido pela sua peculiaridade e originalidade.[/quote']

 

Em vez de condenar o "estilo de filme" reveja até entender, garanto que vai valer a pena.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cidade dos Sonhos (Mulholand Drive - David Lynch)

Sinopse:
Um acidente automobilístico na estrada Mulholland Drive, em Los Angeles, dá início a uma complexa trama que envolve diversos personagens. Rita (Laura Harring) escapa da colisão, mas perde a memória e sai do local rastejando para se esconder em um edifício residencial que é administrado por Coco (Ann Miller). É nesse mesmo prédio que vai morar Betty (Naomi Watts), uma aspirante a atriz recém-chegada à cidade que conhece Rita e tenta ajudar a nova amiga a descobrir sua identidade. Em outra parte da cidade o cineasta Adam Kesher (Justin Theroux), após ser espancado pelo amante da esposa, é roubado pelos sinistros irmãos Castigliane.

mulholland-drive-poster10.jpg


mulholland-drive01.jpg

Premiações
- Recebeu uma indicação ao Oscar, na categoria de Melhor Diretor.


- Recebeu 4 indicações ao Globo de Ouro, nas seguintes categorias: Melhor Filme - Drama, Melhor Diretor, Melhor Roteiro e Melhor Trilha Sonora.

- Ganhou o BAFTA na categoria de Melhor Edição, além de ter sido indicado na categoria de Melhor Trilha Sonora.

- Recebeu uma indicação ao César, na categoria de Melhor Filme Estrangeiro.

- Ganhou o prêmio de Melhor Direção no Festival de Cannes.

- Recebeu uma indicação ao Grande Prêmio Cinema Brasil, na categoria de Melhor Filme Estrangeiro.

- Recebeu 5 indicações ao Prêmio Adoro Cinema 2002, nas seguintes categorias: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Roteiro Original, Melhor Crítica de Leitor (Kiko César) e Melhor Coluna (Francisco Russo).

mulholland-drive02.jpg

seta3.gif%20%2899%20bytes%29 Ficha Técnica
Título Original: Mulholland Drive
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 145 minutos
Ano de Lançamento (EUA):
2001
Site Oficial: www.mulhollanddrive.com
Estúdio: Le Studio Canal+ / Asymmetrical Productions / Imagine Television / Les Films Alain Sarde / The Picture Factory / Touchstone Television
Distribuição: Touchstone Pictures / Universal Pictures / Imagine Entertainment / Le Studio Canal+
Direção: David Lynch
Roteiro: David Lynch
Produção: Neal Edelstein, Joyce Eliason, Tony Krantz, Michael Polaire, Alain Sarde e Mary Sweeney
Música: Angelo Badalamenti
Fotografia: Peter Deming
Desenho de Produção: Jack Fisk
Direção de Arte: Peter Jamison
Figurino: Amy Stofsky
Edição: Mary Sweeney


seta3.gif%20%2899%20bytes%29 Elenco
Justin Theroux (Adam Kesher)
Naomi Watts (Betty Elms)
Laura Harring (Rita)
Ann Miller (Coco Lenoix)
Dan Hedaya (Vincenzo Castigliane)
Mark Pellegrino (Joe)
Brian Beacock (Cantor)
Robert Forster (Detetive Harry McKnight)
Michael J. Anderson (Sr. Roque)
Angelo Badalamenti (Luigi Castigliane)
Scott Coffey (Wilkins)
Billy Ray Cyrus (Gene)
Chad Everett (Jimmy Katz)
Kate Forster (Martha Johnson)
Melissa George (Cammie Rhodes)

mulholland-drive03.jpg

foto_cidade-dos-sonhos_big.jpg

Crítica do Pablo Villaça, no caso deste filme acho que válido colar ela aqui.

 

EDITADO PELA MODERAÇÃO

 

AVISO

Não é permitido colar as críticas do Pablo Villaça aqui no Fórum, apenas os links para as criticas são permitidos.

Critíca do filme Cidade dos Sonhos no CeC

 

 

Grato

Equipe Cinema em Cena
Equipe CeC2007-03-16 12:58:45

Share this post


Link to post
Share on other sites

E eu já ia avisar pra de jeito nenhum ler a crítica do Pablo antes de digerir bem o filme.06 Cometi este erro num domingo à noite, logo depois de assistir Mulholland Drive, não suportando a inquietação que ele havia provocado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Sim, mas Foras, se eu não lê-se eu não teria digerido nda... seriam apenas um amontoado de imagens... mto pouco saquei a primeira vista. sobre a crítica.... vc tem definição pra mulher de cabelo vermelho? alguém ai teria alguma teoria?

 

Líder da Semana BBBCeC

 

batgody2007-03-16 15:01:51

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...