Jump to content
Forum Cinema em Cena

Nelson Gadelha

Members
  • Posts

    360
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by Nelson Gadelha

  1. E a Judi Dench voltando a ser citada. Atriz Coadjuvante continua sendo a categoria com menos opções "empolgantes", mas ainda podem surgir outros nomes ou, claro, os nomes cogitados podem ser bem mais fortes do que imagino.
  2. Trailer de The Best Exotic Marigold Hotel, com a elite britânica. http://www.youtube.com/watch?v=6hDFGTs2Fzk&feature=player_embedded
  3. E saiu o trailer de Oranges and Sunshine, o primeiro filme do filho do Ken Loach, Jim Loach, com Emily Watson. http://blogs.indiewire.com/thompsononhollywood/2011/09/15/emily_watson_talks_oranges_and_sunshine_trailer_exclusive/#more Nelson Gadelha2011-09-15 10:25:51
  4. Querer transformar cinema em ciência exata dá nisso mesmo. Não acho Mildred Pierce um novo clássico da HBO, mas tem inúmeras qualidades, principalmente o elenco (com destaque maior para Winslet sim). Para as séries, minha torcida entre as dramáticas é para Boardwalk Empire, tanto em Série como em Direção. Torço pelo Jon Hamm em Melhor Ator, mas não ficaria surpreso se o Buscemi levasse não. Enfim, por mim, dessa vez, Mad Men poderia levar novamente Roteiro e finalmente ser premiado em uma categoria de atuação individual, mas prefiro que não leve a principal de novo. Séries cômicas vi poucas, então prefiro torcer só pelo Steve Carell e Amy Poehler por gostar de suas séries, e deles claro. E Sasha Stone deve ter visto Moneyball e Barrymore, pois já incluiu os seus protagonistas nas suas apostas para Melhor Ator.
  5. Almodóvar, Zambrano e Villaronga disputam indicação ao Oscar "A pele que habito", último filme do ganhador do Oscar Pedro Almodóvar, e outros dois dramas cujos temas são o pós-guerra e o franquismo - "La voz dormida", de Benito Zambrano, e "Pa negre", de Agustí Villaronga, o vencedor dos prêmios Goya -, são os três filmes pré-selecionados pela Academia de Cinema para representar a Espanha no Oscar. O candidato definitivo que vai concorrer ao Oscar de melhor filme em língua estrangeira e que também vai representar o cinema espanhol no prêmio Ariel do México será decidido em uma segunda votação na Academia de Artes e Ciências Cinematográficas da Espanha em 28 de setembro. Nelson Gadelha2011-09-14 13:12:39
  6. E saiu o primeiro clipe de Barrymore, com o Christopher Plummer. http://latimesblogs.latimes.com/awards/2011/09/barrymore-christopher-plummer-toronto-film-festival.html
  7. E alguém sabe dizer o que está saindo nas críticas para Hysteria, com a Maggie Gyllenhaal e Hugh Dancy? Isso se já tiverem saído algumas relevantes.
  8. Renan, entendi perfeitamente o que você disse. Estava apenas brincando mesmo por que praticamente todos os prêmios recentes de Streep são bastante criticados e tal. Enfim, não sei mais o que vou ter que fazer para indicar que estou brincando. Claro que podem considerar injustos alguns prêmios e tal, mas, naquela mesma época há um caso bem mais grave de atriz premiada duas vezes (só vi o primeiro filme, mas muito provavelmente também o segundo Oscar deve ser injusto), e outros exemplos não devem faltar. E esse da Michelle Williams também não me empolga nenhum pouco. Nelson Gadelha2011-09-13 12:07:55
  9. A primeira premiação importante é o National Board of Review, que dá a largada na temporada de prêmios no começo de dezembro, salvo engano. E sério que vão questionar os prêmios de Streep até do começo da carreira? Mas Renan, você está correto. Close tem um histórico de derrotas bem conhecido e parte como favorita (inclusive vejo ela como favorita desde que seu filme ganhou distribuição, já que esse desde o começo era um empecilho, mas foi resolvido).Nelson Gadelha2011-09-13 11:17:57
  10. Enfim, não conheço as circunstâncias exatas, se ele foi realmente prejudicado ou se foi má vontade dele ou qualquer outra coisa, tanto que nem cheguei a afirmar, fiz mais uma suposição, ou mesmo um questionamento (o FeCamargo que parece estar mais por dentro do episódio poderia tentar esclarecer, mas ele próprio pareceu não ter entendido bem o que houve).
  11. The Descendants é praticamente certo em Filme, Roteiro Adaptado e Ator. Há grandes chances também em Direção e até Edição e Atriz Coadjuvante, talvez. A chance de Warrior creio que é unicamente com os atores mesmo. E, podem até não gostar tanto de Ensaio sobre a Cegueira (eu pelo menos gostei, mas faz tempo que vi), mas para alguém que fez dois filmaços anteriormente, Meirelles não pode ser tão descartado assim. E o que me parece não é que ele necessariamente perdeu o jeito, mas provavelmente não teve a chance de trabalhar com a liberdade necessária, não? Mas, com esse projeto especificamente, nunca cheguei a me empolgar não. Nelson Gadelha2011-09-12 14:12:00
  12. Kris Tapley reporta que Rampart, novo filme de Oren Moverman, também tem recebido reações mistas em Toronto. Enfim, não esperava nada de mais desse não. http://incontention.com/2011/09/11/mixed-reaction-to-movermans-rampart-in-toronto-some-measured-praise-for-woody-harrelson/#more-42797 E o In Contention atualizou novamente suas previsões. Reduziu suas apostas em Melhor Filme para 7 (que são The Artist, The Descendants, The Help, The Ides of March, J. Edgar, Tinker, Tailor, Soldier, Spy e War Horse). Nelson Gadelha2011-09-12 09:37:51
  13. Que coincidência, ainda ontem assisti A Outra História Americana, do mesmo diretor desse Detachment, que ainda não tinha ouvido falar. Enfim, desde já de olho nesse novo filme dele. No elenco, grandes nomes também, hein? E a misturada de assuntos está grande atualmente, hein?
  14. Quando olhei rapidamente na primeira vez para a imagem Plummer sem olhar o nome do filme, achei que fosse uma biografia do Franklin Delano Roosevelt. Enfim, os dois projetos do Plummer parecem interessantes, mas, enquanto que o primeiro saiu cedo demais, o segundo ainda nem conseguiu distribuidor, então não há nada definido, claro. Mas, realmente, não custa torcer por ele.Nelson Gadelha2011-09-11 19:56:53
  15. E lendo o texto da Ana Maria Bahiana sobre os 10 anos do 11 de Setembro, o filme que me vinha à cabeça era Extremely Loud and Incredibly Close. Ok, Guerra ao Terror foi premiado, e há pouco tempo, mas o filme não trata exatamente dos atentados às Torres Gêmeas, se passa bem depois desses acontecimentos, etc. Esse Extremely Loud and Incredibly Close, de repente, me pareceu com uma força que eu jamais havia cogitado. Primeiro o óbvio, o filme terá que ser muito fraco para passar desapercebido (no Oscar então, é um cenário que me parece quase impossível). E é um filme com muita gente importante: um diretor dono de um respeitável recorde (há outro que tenha sido indicado pelos três únicos filmes que fez, ou até mais?), vários outros membros da Academia (vários até vencedores do Oscar, como Scott Rudin, Eric Roth, Hanks, Bullock). Mas isso me veio à cabeça sem saber exatamente qual será o mote do filme, porém, ainda assim, finalmente caiu a ficha do quanto esse filme não pode ser negligenciado. Já há um tempo estava de olho nele (como cinema em si, tenho boas expectativas, mas também passei a olhar com mais atenção pela lente das premiações), mas, é impressão minha, ou somente eu que esquecia o filme na hora de apontar, meio que aleatoriamente, um provável vencedor do próximo Oscar? Enfim, espero que entendam o que quis dizer.
  16. Meu preferido do Aronofsky também é O Lutador, mas também gosto dos anteriores dele (não vi Pi). Cisne Negro é muito superestimado, mas só vi uma vez, quero rever de qualquer forma. E não vai dá pra ver Meek’s Cutoff. Só vi o começo lá, com aqueles belíssimos momentos de silêncio só ao som do rio. Deu uma vontade de ver esse hoje, infelizmente terá que ficar para depois. Mas sem problemas, já vi um grande filme hoje (e que filmaço esse A Outra História Americana). E mesmo em um final de semana com baixas bilheterias, as notícias foram até boas para Contagion:
  17. Welington, calma, próximo domingo a Winslet leva o Emmy. E ontem foram divulgados os primeiros vencedores do Emmy desse ano, incluindo, além de categorias técnicas, as categorias de Melhor Elenco e atores convidados tanto em Comédia como em Drama. A HBO dominou a noite graças às muitas vitórias de Boardwalk Empire e Mildred Pierce. Glee em Melhor Elenco foi a grande piada. E falando em Michelle Williams, vou assistir o Meek’s Cutoff ainda hoje (mas acho que não vai dar para ver todo, infelizmente). O título do filme no Brasil parece que ficou como O Atalho.
  18. E, finalmente, The Help saiu do topo das bilheterias americanas. Contagion, com poucas salas a mais do que The Help, arrecadou mais de 8 milhões, enquanto que o segundo arrecadou cerca de 2,6 milhões. Warrior, que assim como Contagion também estreou ontem, arrecadou menos (1,8 milhões), porém, como foi exibido em menos salas, fez uma média maior do que The Help. E o que a crítica tinha achado desse Faust mesmo?
  19. E boas notícias para Shame ultimamente, hein? Será que Fassbender é finalmente indicado ano que vem?
  20. A Fox Searchlight adquiriu os direitos de exibição de Shame nos Estados Unidos. Fox Searchlight Pictures Presidents Nancy Utley and Stephen Gilula announced today that the company has acquired U. S. rights to the intimate and provocative drama SHAME… “Fox Searchlight contacted us immediately after the screening in Telluride to tell us how much they loved the film. Their approach to marketing and distributing the film this year was incredibly detailed and impressive. We are excited to be working with them on a film that is sparking debate and a strong emotional reaction from audiences,” said Canning and Sherman. “This is a brave statement and an important move by Fox Searchlight. I am very happy they came on board to release Shame in the U.S. It’s great to be working with a team that is so passionate about cinema,” said McQueen. http://incontention.com/2011/09/09/fox-searchlight-picks-up-mcqueens-shame/#more-42666 E, ainda sobre o filme, do Twitter de Dave Karger: Michael Fassbender now not coming to Toronto for A Dangerous Method. Is he flying to Venice to accept Best Actor for Shame? That's my guess. Será? Mas, de qualquer forma, é o cenário mais esperado para Melhor Ator mesmo.
  21. As previsões de Guy Lodge para os vencedores no Festival de Veneza: WILL WIN Golden Lion: “Shame,” Steve McQueen Silver Lion (Best Director): “Alps,” Yorgos Lanthimos Grand Jury Prize: “Faust,” Aleksandr Sokurov Best Actor: Michael Fassbender, “Shame” Best Actress: Deannie Yip, “A Simple Life” Best Screenplay: Eran Kolirin, “The Exchange” Outstanding Technical Contribution: Robbie Ryan, “Wuthering Heights” Best Young Actor: Juno Temple, “Killer Joe” SHOULD WIN Golden Lion: “Alps,” Yorgos Lanthimos Silver Lion (Best Director): “Wuthering Heights,” Andrea Arnold Grand Jury Prize: “Shame,” Steve McQueen Best Actor: Christoph Waltz, “Carnage” Best Actress: Carey Mulligan, “Shame” Best Screenplay: Yorgos Lanthimos, “Alps” Outstanding Technical Contribution: Robbie Ryan, “Wuthering Heights” Best Young Actor: Juno Temple, “Killer Joe”
  22. Esse daí foi o primeiro clipe, divulgado há uns dois dias. Hoje saiu o segundo. Close parece entregar uma atuação bem contida e o ritmo do filme parece bem lento, mas não enfadonho, muito pelo contrário. E não esperava algo bom desse Anonymous não. Bom saber. Mas o filme tende a passar desapercebido nas premiações e, diferente dos demais filmes do diretor (que salvo engano foram todos de relativo sucesso, certo?), esse pode naufragar nas bilheterias.
  23. Algumas imagens do dia no Festival de Veneza:
×
×
  • Create New...