Jump to content
Forum Cinema em Cena

rubysun

Members
  • Content Count

    4445
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

Reputation Activity

  1. Like
    rubysun got a reaction from Williampex in Michael Mann   
    é um diretor foda, mesmo eu tendo visto muito pouco dele. tem um senso estético uno, filma como ninguém. cada tomada aérea dele já vale o preço do ingresso. e quando ele pega a câmera na mão, e acompanha os personagens nas cenas de ação, é um tesão (e até rimou ).

     
    a fotografia e a edição foderosas são um show a parte.
     
    e o melhor: os personagens dele não são umas antas, e as histórias tem o dom (uma pena que isso seja considerado um dom, e não algo banal) essencial de nunca subestimar a inteligência do espectador.
     
    é uma delícia, em todos os sentidos, assistir um filme dele.
    e olha que eu só vi 4.
     
    TOP:

    Heat
    Miami Vice
    Colateral
    Ali
    O Informante é um pecado meu...
    Colateral eu preciso rever. Ali é um pouco irregular mesmo...
     
    alguém conhece a fase dele pré-Heat? dizem que não era muito ele, mas tem o comentado O Último dos Moicanos com o Day-Lewis, e uma adaptação de Dragão Vermelho nos anos 80.
  2. Like
    rubysun got a reaction from Michaelhet in David Lynch   
    É que eu vi Estrada Perdida. Paguei tanto pau que eu vou todas as músicas que eu tenho aqui do Rammstein no máximo! Está tudo lá: esquizofrenia, lembranças, manipulação, aquelas cenas pesadelo que ele não só faz com que não fiquem enfadonhas, mas que sejam absurdamente assustadoras. A consciência do protagonista personificada em vários personagens. Bom ver quem já é mais calejado na filmografia dele (principalmente Cidade dos Sonhos), porque embora esse seja o filme mais doidão dele, eu não tive tanta dificuldade. Mesmo assim, é um deleite pros masturbadores mentais, e pode ganhar novas roupagens cada vez que revisto. E, basicamente a trama é muito simples. Só precisa juntar os pedaços e deixar o pesadelo fluir.

    Meu rank dos filmes dele:
     
    01. Cidade dos Sonhos
    02. Estrada Perdida
    03. Veludo Azul
    04. Coração Selvagem
    05. O Homem-Elefante
    06. Eraserhead
    07. História Real
     
    Os 4 primeiros são OPs.
     
    Mesmo quando ele usa uma narrativa mais clássica ele consegue colocar um elemento bizarro. Tanto pela inacreditabilidade (O Homem-Elefante), quanto pelas ironias (Veludo Azul), ou pela segurança em algo completamente destoante da filmografia (História Real, que mesmo assim, gosto pacas). Flertando com o fantástico (Eraserhead), ou com o delírio (Cidade dos Sonhos, Estrada Perdida) ele consegue ser pessoal. Gostaria de ressaltar também Coração Selvagem, injustamente esquecido e subestimado por aí, é o filme mais pessoal dele, reúne os anos 50, o cinema, Elvis, o exagero, em uma viagem pelos EUA e ser muito crítico exagerando todo o modo de vida. E Bobby Peru, um dos vilões mais engraçados por aí. Mas que fica um pouco ofuscado (ok, justamente) por outros mais interessantes, como o Mistery Man, de Estrada Perdida ou o Frank de Veludo Azul...
     
    Comentem ele!
  3. Like
    rubysun got a reaction from KarenENZYPE in Martin Scorsese   
    Foi difícil montar a lista sendo que coloquei os filmes deles vistos por mim e os mais cotados dos que não vi. Não é bom critério mas sempre vai ter um coitado que ficou de fora.

    Scorsa veio da geração do final da década de 60 e começo da de 70, atingido o ápice em Taxi Driver (o meu personal top 1).

    voto em Taxi Driver... por enquanto.rubysun2006-11-13 19:38:33
  4. Like
    rubysun got a reaction from Ordibbarpkava in Martin Scorsese   
    Foi difícil montar a lista sendo que coloquei os filmes deles vistos por mim e os mais cotados dos que não vi. Não é bom critério mas sempre vai ter um coitado que ficou de fora.

    Scorsa veio da geração do final da década de 60 e começo da de 70, atingido o ápice em Taxi Driver (o meu personal top 1).

    voto em Taxi Driver... por enquanto.rubysun2006-11-13 19:38:33
  5. Like
    rubysun got a reaction from KarenENZYPE in Bombardeando Um Filmaço!   
  6. Like
    rubysun got a reaction from KarenENZYPE in Filme x Filme   
    Thico, e o próximo?
     
  7. Like
    rubysun got a reaction from tashafb1 in Filme x Filme   
    Thico, e o próximo?
     
  8. Like
    rubysun got a reaction from tashafb1 in Bombardeando Um Filmaço!   
  9. Like
    rubysun got a reaction from Israelbiax in Trilogia Matrix: Definitivo   
  10. Like
    rubysun got a reaction from Calvin in Federico Fellini   
    Conheço pouco do trabalho do diretor italiano, vi só 3 longa-metragens, mas concluo precipitadamente que ele é um diretor MUITO superestimado. Pra conhecer o trabalho dele, cheguei a analisar na internet quais eram os filmes preferidos entre os fãs dele, e deu, La Nave Va, 8 e 1/2, Amarcord e A Doce Vida.

    Só vi os três últimos. 8 e 1/2 é um bom filme, a relação desse com arte e estética e legal, mas sem muitos atrativos a mais. Ficou aquém da estima que ele leva. A Doce Vida é uma versão potencializada desse.

    Fellini tem um grande defeito. Visto pelos seus filmes, parece que ele sente prazer em não se comunicar com o expectador. Podem reclamar de preguiça minha, mas eu não vejo sentido pra um filme virar as costas quando eu quero dialogar com ele. Todos os seus filmes são episódicos (o que pra mim, não é uma boa característica) e parece que ele sente prazer em ser prolixo, seus filmes são gordurosos. A Doce Vida poderia ter dito o que disse em 40 minutos a menos. Cheguei a procurar por explicações para tais gorduras e o que encontrei era viagem maior que as dos fãzóides de Matrix. Pelo menos até agora, ficarei lisonjeado se me provarem o contrário de que essas gorduras nada mais são que exercício estético.

    Exercícios estéticos nem sempre são ruins. Poderíamos ter sido privados da narrativa não-linear de Kill Bill. Eu cheguei a pensar comigo mesmo, "ah é por causa de fatos como, a saga da Noiva no Japão é muito mais interessante que a luta com a mulher negra, vivida pela Vivica A. Fox. Mas se for assim, era só ele ter colocado a narrativa na ordem temporal no roteiro, não é o mesmo caso de Pulp Fiction, por exemplo". Era exercício estético. Atrapalhou? Não. Criticar "Kill Bill" pela narrativa não-linear é muita cabeça-dura, convenhamos. Ajudou? Não, mas pelo menos é legal, eu gosto. Se o exercício estético do Tarantino não atrapalha, o exercício estpetico do Fellini torna o filme chato, atrapalha, não tem a tal nulidade que nem Kill Bill. Qual a razão de tais gorduras e excessos? Desafio alguém a contradizer a teoria mais viável, que o italiano é um mala pretensioso.

    Gostaria de acrescentar que se Amarcord não tivesse uns episódios interessantes e/ou engraçados, ele seria um lixo completo. O filme é um exercício estético mala, e não encontrei nenhum propósito no filme, que não fosse ser uma colcha de retalhos das lembranças de FEDERICO FELLINI, e acho que a única pessoa que vê sentido total nisso é ele. Logo, o público desse filme é FEDERICO FELLINI, o que me dá a desagradável impressão de que os fãs desse filme são pseudo-intelectuais.

    Concluindo: Fellini é um diretor superestimado. E pra caralho. E um mala sem alça também.

    As afirmações acima são opiniões, e não fatos. Desafio alguém a contradizer-me.
    rubysun2006-6-19 19:22:21
×
×
  • Create New...