Jump to content
Forum Cinema em Cena

Recommended Posts

Este filme estreia em: 22 de março de 2013.

 

Sinopse: Os Croods são uma família que vivem em plena era pré-histórica. Eles sempre viveram dentro de uma caverna, já que Grug (Nicolas Cage), o pai, teme que o mundo exterior de alguma forma os atinja. Só que, um dia, a caverna onde eles moram desmorona e um incrível novo mundo se abre para eles. É a chance que a adolescente Eep (Emma Stone) tanto aguardava, já que desta forma enfim pode conhecer o que mundo tem a lhe oferecer, para desespero de seu pai. Juntos, os Croods precisam se adaptar a esta nova realidade.

 

FICHA TÉCNICA

Diretor: Kirk De Micco, Chris Sanders

Elenco: Vozes de: Nicolas Cage, Ryan Reynolds, Emma Stone, Catherine Keener, Clark Duke, Cloris Leachman.

Produção: Kristine Belson, Jane Hartwell

Roteiro: Kirk De Micco, Chris Sanders

Fotografia: Yong Duk Jhun

Trilha Sonora: Alan Silvestri

Ano: 2013

Orçamento: 120 milhões.

País: EUA

Gênero: Animação

Cor: Colorido

Distribuidora: Fox Film

Estúdio: DreamWorks Animation

Classificação: Livre para todos os públicos.

 

Trailer:

 

Comente aqui sobre a animação após assisti-la!  ;)

Link to comment
Share on other sites

Para mim,

 

Após o mediano e fracassado “A Origem dos Guardiões”, a Dream Works Animation aposta grande parte de suas fichas para o ano de 2013 em “Os Croods”, uma animação pré-histórica – temática que, por sinal, nunca fora muito abordada pelo gênero. De fato, acredito que o belo filme possui grandes chances de se tornar um sucesso (entre crianças e adultos) e garantir lugar entre as diversas animações bem sucedidas do estúdio cujas continuações são rapidamente encaminhadas.

 

A principio planejado para ser produzido a partir da técnica stop motion (que, para mim, não daria muito certo aqui), “Os Croods”, como já era esperado, é uma animação tecnicamente perfeita em todos os sentidos (explica-se o orçamento de mais de 120 milhões, gigantesco se tratando de uma animação), porém só isso não seria o suficiente para garantir o êxito do longa, afinal, hoje em dia é difícil ver um filme inconvincentemente computadorizado. Mas, felizmente, a produção comandada por Kirk De Micco e Chris Sanders, sem dúvidas, funciona ao entreter os mais variados públicos (e não somente crianças) com uma estética exuberante que enriquece e alegra a divertida e criativa trama, que conta com simpáticos personagens desenvolvidos por uma narrativa muito bem conduzida.

 

Os Croods são uma família que vivem em plena era pré-histórica. Eles sempre viveram dentro de uma caverna, já que Grug (Nicolas Cage), o pai, teme que o mundo exterior de alguma forma os atinja. Só que, um dia, a caverna onde eles moram desmorona e um incrível novo mundo se abre para eles. É a chance que a adolescente Eep (Emma Stone) tanto aguardava, já que, desta forma, enfim pode conhecer o que mundo tem a lhe oferecer, para desespero de seu pai. Juntos, os Croods precisam se adaptar a esta nova realidade e a um forasteiro (GuyRyan Reynolds), que inusitadamente entra no grupo e começa a mexer com o coração de Eep.   

 

Contando com uma introdução que toda animação deve ter – bela, dinâmica, direta e simpática –, o filme logo cativa o público com seus divertidos personagens, principalmente a protagonista feminina Eep, que enfrenta vários dilemas com seu pai superprotetor. Assim, rapidamente, o enredo do filme constrói uma atmosfera um tanto quando inventiva – embora a premissa não seja original – que assegura o ritmo da narrativa.

 

Mas não demora nada para percebermos o aparente foco principal do filme – além da relação entre pai e filha: um inusitado romance. A primeira vista, quando o personagem Guy aparece em cena, pensamos que o longa se tornará mais uma daquelas animações com uma boa introdução que logo se entrega a uma trama brega e sem nenhuma inspiração; mas, felizmente, o caso entre os dois jovens pré-históricos consegue uma proeza em não resultar irritante e, além disso, não atrapalhar o andamento da trama.

 

Após o primeiro ato, o bom roteiro (também de Kirk De Micco e Chris Sanders), apesar de cometer naturais deslizes em momentos que não funcionam, garante a envolvência do filme, que a cada plano encanta com seu já mencionado incrível visual, muito exuberante e riquíssimo em cores que tira ótimo proveito da temática pré-histórica ao incluir diversas criaturas agradavelmente criativas – que, aliás, também contribuem vitalmente para o humor do longa, já que nenhum dos personagens principais se demonstra convincentemente engraçado.

 

E já que voltei a comentar a respeito da parte técnica da animação, é importante ressaltar o ótimo 3D de “Os Croods”, que, mesmo não inovando, resulta em algo muito bem feito que proporciona uma grande imersão ao filme, criando, assim, uma eficiente interação com o público (destaque para as cenas envolvendo a descoberta do fogo por parte da família). Falando nisso, o excelente desing de produção, além de tudo, acerta em cheio ao utilizar quase sempre uma extensa profundidade de campo que torna o longa ainda mais bonito.

 

Em seu terceiro ato, “Os Croods” ganha muito dinamismo e certo tom dramático acerca das relações familiares exploradas durante todo o filme – sem dizer a moral muito eficiente que aborda a (não) razão humana na pré-história. Apesar de previsível, a parte final do filme convence plenamente ao utilizar clichês que acabam funcionando e, de certa forma, comovendo o público, que, mesmo conseguindo prever tudo momentos antes, fica ansioso pelo reencontro da adorável e aguerrida família.

 

Enfim, uma ótima animação perfeitamente produzida, muito bem conduzida, envolvente e cativante. Ótima pedida que certamente proporcionará uma ótima diversão para todos os públicos.

 

 

[...] Sem dúvidas, estará presente na lista de melhores animações desta safra.

 

 

Nota: 8/10. (****).

Link to comment
Share on other sites

  • 7 years later...

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...