Jump to content
Forum Cinema em Cena

SergioB.

Members
  • Content Count

    4354
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    95

Everything posted by SergioB.

  1. (48) Ontem à noite, revi "A Lei do Desejo". Talvez as pessoas tenham se esquecido do que foi esse filme no Brasil no meio dos anos 1990. Ele é de 1987, mas só chegou no Brasil em 1995/1996, quase clandestinamente, pois tinha uma "pesadíssima" cena de Antonio Banderas fazendo sexo passivo. Era um alarido só nas locadoras... Mais que sexo gay, a trama toda envolve o desejo quando...ultrapassado...quando sai da esfera da carne e entra na esfera da psicopatia. Começa com ciúme, termina em assassinato. Mas há incesto, pedofilia na Ingreja...Há também a questão Trans, trazida à tela pela
  2. Só lembrando que nos últimos tempos todas as regras caíram, inclusive, uma das mais duradouras, a até então extremamente necessária indicação ao SAG de elenco: "A Forma da Água" e "Green Book" venceram Best Picture sem elas. Digo, por que talvez para "Nomadland" não faça falta. O que estou começando a perceber, entretanto, é que a maioria das pessoas, na média popular, não gostou tanto assim do filme da Chloé Zhao. Lamento pelo Delroy. Chocado com Jared Leto, vindo de lugar nenhum, e sendo indicado nestes dois prêmios. Será a cena do interrogatório? Ele manda muito bem nela.
  3. Simplesmente não gostei da história desse "the Little Things" / "Os Pequenos Vestígios". Não me disse nada. Não tem a surpresa de "Seven", nem o ar enigmático de "Zodíaco", suas claras referências em [email protected] One citou a cena do interrogatório, e é a única que de fato gostei, pela quantidade de ironias. Jared Leto pra mim teve a melhor atuação, mas não justifica a indicação ao Globo de Ouro. O final é particularmente terrível. Forçadão. Então é isso, pessoal, o personagem do Denzel não quer que o Malek tenha a mesma história familiar que a dele... É esse o foco do filme. Você que não
  4. Gosto de assistir ao Globo de Ouro, embora odeie seu star system. Sempre prejudicam as grandes performances de atores "menores" em prol de quererem grandes estrelas em seu palco. Tudo por dinheiro, e nem disfarçam. Paul Raci e Delroy Lindo, mesmo assim, devem estar no Oscar. Youn Yuh-jung com menos certeza. Bom pra alavancar "The Father". Estranho os filhos do Spike Lee auxiliarem a cerimônia, e eles esnobarem completamente o filme do pai. Amanhã, os indicados ao SAG.
  5. (47) Simplesmente não gostei da história desse "the Little Things" / "Os Pequenos Vestígios". Não me disse nada. Não tem a surpresa de "Seven", nem o ar enigmático de "Zodíaco", suas claras referências em [email protected] One citou a cena do interrogatório, e é a única que de fato gostei, pela quantidade de ironias. Jared Leto pra mim teve a melhor atuação, mas não justifica a indicação ao Globo de Ouro. O final é particularmente terrível. Forçadão. Então é isso, pessoal, o personagem do Denzel não quer que o Malek tenha a mesma história familiar que a dele... É esse o foco do filme. Voc
  6. Oklahoma Panhandle Film Critics Circle: • Best Picture – Mank • Best Director – Chloé Zhao (Nomadland) • Best Actor – Chadwick Boseman (Ma Rainey’s Black Bottom) • Best Actress – Zendaya (Malcolm & Marie) • Best Supporting Actor – Aldis Hodge (One Night in Miami) • Best Supporting Actress – Glenn Close (Hillbilly Elegy) • Best Screenplay – Malcolm & Marie • Best Film Not In The English Language – The Life Ahead • Best Documentary – Miss Americana • Best Breakthrough – Maria Bakalova (Borat Subsequent Moviefilm)
  7. (46) Representente da República Tcheca no Oscar, "O Charlatão" é um razoável filme, apenas isso, sobre uma figura real, um herbalista que ministrava remédios populares, no período anterior a Segunda Guerra, e continuando depois no domínio comunista, ganhando respeito popular, e bastante dinheiro. Sempre acusado de charlatanismo, porém, creio, que o crime - para a nossa Lei Penal - seja "Curandeirismo", o personagem principal enfrentará acusações mais pesadas, de outra ordem. Aliás, talvez essa seja a única surpresa do filme. O filme é dirigido pela polonesa Agnieszka Holland, que já
  8. Acho que todo mundo daqui já sabe que é meu filme preferido (bem como de vários homens dos anos 2000). Desabei na sessão (guardei o ticket na orelha do livro). Aliás, a sala de cinema onde assisti, no Cine Belas-Artes, em Belo Horizonte, virou um rio. Só tinha marmanjo chorando. Quando se lê o livro, ficamos ainda mais admirados com a história real. O senhorzinho, realmente, seguiu o conselho, e partiu para viver a vida on the road. Não só a cena do pedido, mas todo o diálogo da montanha, a feitura a do cinto, com os olhos dele cheios de amiração, enfim, toda a participação dele no filme
  9. Atlanta film critics Circle winners: Top 10 Films 1. NOMADLAND 2. PROMISING YOUNG WOMAN 3. SOUND OF METAL 4. THE TRIAL OF THE CHICAGO 7 5. MINARI 6. ONE NIGHT IN MIAMI 7. FIRST COW 8. THE FATHER 9. MANK 10. DA 5 BLOODS Honorable Mentions: SOUL, MA RAINEY’S BLACK BOTTOM, PALM SPRINGS & TIME Best Lead Actor Winner: Riz Ahmed – SOUND OF METAL First Runner Up: Chadwick Boseman – MA RAINEY’S BLACK BOTTOM Best Lead Actress Winner: Carey Mulligan – PROMISING YOUNG WOMAN First Runner Up: Frances McDormand – NOMADLAND Best Supporting Actor Winn
  10. Society of Composers and Lyricists Awards: Outstanding Original Score for a Studio Film: James Newton Howard, News of the World Ludwig Göransson, Tenet Terence Blanchard, Da 5 Bloods Trent Reznor & Atticus Ross, Mank Trent Reznor & Atticus Ross, Jon Batiste, Soul Outstanding Original Score for an Independent Film: Emile Mosseri, Minari Lolita Ritmanis, Blizzard of Souls Sherri Chung, The Lost Husband Steven Price, David Attenborough: A Life on Our Planet Tamar-kali, Shirley Outstanding Original Score for Television or Streaming Production:
  11. Satellite nominations: Actress in a Motion Picture Drama Carey Mulligan, Promising Young Woman Frances McDormand, Nomadland Vanessa Kirby, Pieces of a Woman Viola Davis, Ma Rainey’s Black Bottom Kate Winslet, Ammonite Sophia Loren, The Life Ahead Actor in a Motion Picture Drama Anthony Hopkins, The Father Delroy Lindo, Da 5 Bloods Riz Ahmed, Sound of Metal Steven Yeun, Minari Chadwick Boseman, Ma Rainey’s Black Bottom Gary Oldman, Mank Actress in Motion Picture, Comedy or Musical Meryl Streep, The Prom Rashida Jones, On the Rocks Margot Rob
  12. (45) Anos tentando encontrar o documentário "ABC África" do gênio iraniano Abbas Kiarostami... Em 2001, ele parte para Uganda à convite de uma ONG, para mostrar o trabalho da Organização em ajudar à crianças com AIDS que ficaram órfãs. Na verdade, o documentário parece mais interessado num primeiro momento em se deslumbrar com a versatilidade das pequenas câmeras digitais, pois registram a criançada fazendo pose, rindo, cercando o cineasta. Aquelas imagens típicas de "boas-vindas" ao estrangeiro rico, e de capturar a "alegria" na pobreza. Uns 15 minutos disso. É-nos contado que naque
  13. Pandora International Film Critics Awards: • English-Language Motion Picture – Never Rarely Sometimes Always • Directing – Chloé Zhao (Nomadland) • Actor Lead – Riz Ahmed (Sound of Metal) • Actress Lead – Vanessa Kirby (Pieces of a Woman) • Actor Support – Paul Raci (Sound of Metal) • Actress Support – Ellen Burstyn (Pieces of a Woman) • Ensemble Cast – One Night in Miami • Screenwriting Adapted – I’m Thinking of Ending Things • Screenwriting Original – Promising Young Woman • International Motion Picture – Minari • Documentary Motion Picture – Collective • Animated
  14. Time Brasil nesta semana: * Domingo com muito vôlei de praia. No Circuito Brasileiro masculino, título mais uma vez pra George/Andre Stein, cada vez mais entrosados, terceiro título em seis etapas. Fizeram um jogaço de semifinal contra a dupla que mais me empolga, Renato/Adrielson, que ficaram em terceiro. São muito jovens, mas jogam demais, principalmente esse garoto Adrielson. Dá gosto de ver. Nossas duplas oplímpicas? Nem chegaram às semifinais. Alíson/Álvaro ficaram nas quartas, e Bruno/Evandro ficaram nas oitavas...É...Tá feia a coisa no masculino... Cada vez que há uma parada
  15. (44) Leão de Prata em Veneza no ano passado, esperava muito de "Nova Ordem", do diretor mexicano Michel Franco, responsável por um dos filmes mais cruéis de se assistir, "Depois de Lúcia", de 2012. É uma distopia, que registra o estopim de formação de uma Ditadura. Uma festa de casamento de elite, na Cidade do México, acontecendo indiferentemente a uma Revolta Popular - como se os ricos tivessem plena confiança de que nunca seriam atingidos - é pouco a pouco engolida pelo caos social. Os manifestantes, contra a Desigualdade, tomam a casa, e aproveitam pra roubar o dinheiro, as joias,
  16. Não achei abrupto, ele foi sofrendo pequenas humilhações, até chegar naquela, a maior de todas.
  17. Oklahoma Panhandle Film Critics Circle Awards: BEST PICTURE Borat Subsequent MovieFilm Da 5 Bloods Hillbilly Elegy Malcolm and Marie Mank Minari Nomadland Promising Young Woman Sound of Metal The Trial of the Chicago 7 BEST FILM NOT IN THE ENGLISH LANGUAGE The Life Ahead Quo Vadis, Aida? Leap Another Round Dear Comrades! BEST DOCUMENTARY Dick Johnson is Dead Crip Camp Miss Americana My Octopus Teacher Time BEST DIRECTOR Steve McQueen, SMALL AXE Lee Isaac Chung, MINA
  18. (43) Teria que ficar o dia todo refletindo e escrevendo sobre "O Diabo, Provavelmente", de 1977, do mestre Robert Bresson. Muita coisa me passando pela mente... Um filme muito poderoso, realmente. O personagem principal é um jovem niilista, que logo nas primeiras cenas, pela notícia de um jornal, saberemos que cometerá suicídio, para, logo depois, outra notícia, levantar a suspeita de que ele teria sido assassinado. O resto do filme é acompanhar esse jovem prodígio em matemática, descrente do rumo tecnológico do mundo, descrente das religiões ou da política. Mas não acompanhamos
  19. Não aguento mais esse comportamento infantil de se militar por tudo! Parece que no BBB atual (não vejo) também há uma competição feroz para ver quem milita mais. Sociedade de cristal.
  20. R.I.P. Cicely Tyson! Uma performance inesquecível em "Sounder"/ "Lágrimas de Esperança", de 1973, que lhe valeu sua única indicação ao Oscar. Fico com pena que esse lindo filme tenha caído no esquecimento. É hora de resgatá-lo. Tem resenha minha no fórum. Não foi revelada a causa mortis, aos 96 anos.
  21. Vamos, agora, levantar o outro pilar. "Odisseia", Homero. Mais de 12 mil versos contando o retorno de Ulisses a sua Ítaca, finda a guerra de Troia.
  22. (42) Nos últimos dias, meus colegas gays têm me mandado perguntas e comentários empolgados a respeito de um filme brasileiro chamado "Vento Seco", de Daniel Nolasco, que foi exibido em Berlim no ano passado. Gostei também, mas por outros motivos que não os de meus colegas. Primeiro, tenho que parabenizar pela escolha geográfica, Catalão, em Goiás. Acho demais quando o cinema brasileiro se embrenha país adentro, principalmente para filmar paisagens que não ganham a atenção costumeira. O Brasil rural é cada vez mais importante para a economia, e pra mim foi muito legal visualizar o dia
  23. New York Film Critics Online Awards: Best Picture: “Minari” (A24) Best Director: Chloé Zhao, “Nomadland” (Searchlight Pictures) Best Actor: Riz Ahmed, “Sound of Metal” (Amazon Studios) Best Actress: Carey Mulligan, “Promising Young Woman” (Focus Features) Best Supporting Actor: Leslie Odom Jr, “One Night in Miami” (Amazon Studios) Best Supporting Actress: Ellen Burstyn, “Pieces of a Woman” (Netflix) and Yuh-Jung Youn, “Minari” (A24) – *TIE* Best Screenplay: “Promising Young Woman” (Focus Features) – Emerald Fennell Best Animated Feature: “Soul” (Pixar)
  24. 2020 Hollywood Music in Media Awards (HMMA) Winners: OUTSTANDING SCORE – FEATURE FILM DA 5 BLOODS (Netflix) – Terence Blanchard THE LIFE AHEAD (LA VITA DAVANTI A SE) (Netflix) – Gabriel Yared MA RAINEY’S BLACK BOTTOM (Netflix) – Branford Marsalis MANK (Netflix) – Trent Reznor, Atticus Ross THE MIDNIGHT SKY (Netflix) – Alexandre Desplat X- NEWS OF THE WORLD (Universal Pictures / Netflix) – James Newton Howard PIECES OF A WOMAN (Netflix) – Howard Shore THE TRIAL OF THE CHICAGO 7 (Netflix) – Daniel Pemberton OUTSTANDING SCORE – INDEPENDENT FILM THE 24TH (Vertical Entert
  25. (41) Agora a pobreza é na Itália de décadas atrás. "Feios, Sujos, e Malvados", 1976, de Ettore Scola, esta comédia de humor questionável. Surpresa nenhuma encontrar críticas severas a ele por parte de pessoas mais à esquerda, que não perdem um momento para militar. Como podem representar os pobres dessa maneira? Os favelados dessa maneira? Como associar o caráter odioso de todos os personagens necessariamente com o meio? Pois é, é possível. Olhem que demais a liberdade sem o cabresto! Scola fez uma comédia cujo título é o resumo do caráter de seus inúmeros personagens. O regist
×
×
  • Create New...