Jump to content
Forum Cinema em Cena

Chiquinho

Members
  • Posts

    53
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    2

Chiquinho last won the day on November 1 2020

Chiquinho had the most liked content!

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

Chiquinho's Achievements

  1. A respeito desse futuro lançamento pra Novembro deste ano (no Brasil): Com relação ao terceiro filme (UMA NOITE ALUCINANTE 3, de 1992) vale frisar que a melhor edição é a da Shout Factory, lançada em 2015. http://dvdcompare.net/comparisons/film.php?fid=13572 https://www.blu-ray.com/movies/Army-of-Darkness-Blu-ray/134101/#Review São 3 Blu-rays, sendo que AoD (filme) saiu nas versões de 1) cinema, 2) internacional, 3) diretor/estendida, e 4) televisão. Antes da edição da Shout todas as outras tinham imagem precária e escurecida. Eu já tive DVD importado desse filme, lembro como era ruim. O corte da TV só existe em 1080i 60hz e no formato de tela-cheia, enquanto que os demais são Wide 1.85:1 ou 1.78:1 e 1080p. Sobre a duração: a versão de CINEMA, também chamada de “R-RATED” (com 1h20m), a internacional com 1h28m e a do DIRETOR, com 1h36m. O que muda não é apenas isso – segundo o site Movie-Censorship existem (só pra citar como exemplo) 117 diferenças no decorrer daquelas de cinema e diretor, totalizando 15m19s, havendo 97 cortes na de CINEMA (15m12s), 2 cortes nessa do DIRETOR (+ 10 segundos) e tomadas alternativas nas duas (se entendi direito aqui é quando uma mesma cena se desenrola por outro ângulo, tem duração levemente diferente ou colocam outro material no lugar), além do final que também muda. https://www.movie-censorship.com/report.php?ID=1978003 https://screenrant.com/army-darkness-movie-evil-dead-multiple-cuts-explained/ A versão INTERNACIONAL é basicamente aquela do DIRETOR, porém reduzida, com o final do supermercado (que não está naquela do DIRETOR, e sim na de cinema) e algumas leves diferenças. O corte editado para a TV (que não achei pelo menos pra dar uma conferida) tem 2 cenas estendidas exclusivas pra ele, embora estejam de forma mais “crua” (sem retoques da equipe de produção que indicam que é o produto final, pronto para ser exibido nos cinemas) na forma de extra de “cenas cortadas” em mídia física. Mas na versão pra TV essas cenas estão finalizadas e até a trilha do filme está pronta (não cheguei a ver, mas deve ser semelhante ao que ocorreu com Superman 4 (1987)). – A versão de CINEMA tem o final do supermercado, mais bem recebido pelo público (porém colocado a mando do estúdio e contra a vontade do diretor), e a VERSÃO ESTENDIDA/DO DIRETOR é o inverso, tem aquele mais dramático. Pra quem está se perguntando sobre a dublagem, vale frisar que a clássica que passou na Globo eu só recentemente vi disponibilizarem num site que frequento apenas pra versão internacional (ela não estava sincronizada antes, agora sim é que ajeitaram isso pro rip da Shout), que curiosamente não achei legendas PT-BR (sim, apenas a de cinema e diretor fizeram legendas PT-BR até hoje). Essa é aquela da Herbert Richers com voz do Márcio Simôes e Sylvia Salustti como Ash e Sheila. A qualidade está ruim, som abafado. Já a versão do diretor teve a redublagem da TNT e Netflix, do estúdio Álamo, com Sérgio Moreno e Marli Bortoletto pra esses dois, entre outras mudanças. A COLECIONE CLÁSSICOS diz ter colocado dublagem, mas infelizmente é apenas pra versão do diretor: https://www.colecioneclassicos.com.br/evildead A de cinema não tem dublagem mesmo nem em site de quem coloca esses áudios pra download. E não vi listarem a versão internacional pra esse box. Também não há informação sobre que fonte usaram pra imagem e som desse filme em particular. Quanto aos extras se estiverem todos legendados já valerá a pena, porque não achei com legendas em lugar nenhum. Nesses casos eu envio pro Youtube e gero automáticas em inglês (eu particularmente não preciso de legendas em português, pois assisto até sem legenda alguma). O que eles dizem: *********** Além de uma faixa extra de áudio, presente no disco Blu-ray, este DVD contém os extras de Uma Noite Alucinante 3, destacando-se: Documentário: Medieval Times: The Making of Army of Darkness (96'); Final Original (4'), Abertura Original (3'); Cenas Deletadas (11'); Trailer de Cinema (2'); Spots de TV (2'); No Set de Filmagens (5'); Por Trás das Cenas (53'); Criando os Diabetes (21'); Especial Uma Noite Alucinante 3 (19'), e muito mais. *********** O que eu não entendo é por que a COLECIONE coloca tudo em DVD, porque esse mesmo material na edição da SHOUT está em discos de Blu-ray mesmo. Isso sinaliza que a qualidade deles foi piorada, e notem que ainda que um ou outro extra só exista em resolução de DVD ele precisa estar em Blu-ray pra não perder mais qualidade ainda. Explico: peguem por exemplo documentários da trilogia DE VOLTA PARA O FUTURO. Alguns foram feitos na época dos filmes, e estão em qualidade SD (720x480). Só que a Universal soca tudo (pra Blu-ray 1080p e UHD/4K) dentro dos discos dos filmes também, então o tamanho deles e o upscale permite que tenhamos TODOS na melhor qualidade que se possa extrair. A COLECIONE jogar tudo num DVD só pra não ter que investir em mais 1 disco Blu-ray já indica que sacrificaram a qualidade de tudo, porque já vi extras somados passarem fácil do tamanho de um DVD de dupla camada, que é em torno de 7 GB. De qualquer forma (sem comentar do valor salgado $) é louvável o interesse em disponibilizar, porque os 2 primeiros filmes: - “A MORTE DO DEMÔNIO” (em inglês: THE EVIL DEAD, de 1981) - UMA NOITE ALUCINANTE 2 (também chamado somente como “UMA NOITE ALUCINANTE”), ou EVIL DEAD 2, de 1987 A gente não consegue achar dublado/legendado em português por aí. "A MORTE" vem dublado com eles, mas não dizem qual dessas duas: Tem o Francisco Brêtas como Ash (Dublavídeo, pra TV) ou o Fábio Lucindo no Blu-ray/Netflix/TVPaga, mesma Dublavídeo (provavelmente esta). O SEGUNDO FILME: Tem 3 dublagens: a da VTI (Globo), a redublagem da Centauro pra DVD e que passou na Record/TV paga, e uma exclusiva pra VHS, sem a informação do estúdio, só vi um trechinho no Youtube. OBS: no caso de Blu-rays existem aqueles de camada simples (BD-25, que como já indica colocam até 25 GB) e BD-50, dupla camada, em que geralmente o filme tem uns 30 GB (se tiver umas 2 horas pode chegar a quase 40). O resto do disco é para os extras. Exemplo: se for um documentário de 1 hora (em qualidade HD) pode ter uns 4, 5 GB (só ele). Quem coleciona há um bom tempo deve se lembrar que na época dos DVDs as distribuidoras brasileiras adoravam colocar tudo em discos de camada simples (DVD-5, 4 GB), e não DVD-9 (8 GB). Isso sacrificava a qualidade tanto da imagem como do som. Aliás, era de praxe capar extras e até limar faixas tipo DTS, a Fox fazia isso direto. É possível que a "COLECIONE" tenha feito justamente algo assim, pois uma quantidade bem pequena de filmes sai em BD-25. A maioria esmagadora saem todos em BD-50. O problema é que essa segunda mídia é mais cara. Só que se a distribuidora tiver colocado em BD-50 (o que duvido) não faz sentido ela ficar colocando discos adicionais em DVD, pois qualquer BD-50 caberia qualquer filme de Evil Dead e outros extras. Se ela colocou todos em BD-25 então independente da fonte já deu uma reduzida na qualidade, pra caber nesses 25 GB.
  2. Uma curiosidade pra quem sempre achou uma droga a Universal ter colocado redublagens em 99.9% dos discos dela (em DVD e depois Blu-ray): - Drácula de 1979. Antes de falar disso, cabe frisar que até 2019 não existia em mídia física a versão de cinema, colorida, sem as alterações porcas do diretor, que eu vou chamar aqui de "versão dessaturada", pois é quase em preto-e-branco. A da Shout Factory em 2019 restaurou isso (tem, portanto a DC/Director's Cut e a de cinema), trouxe novos extras... Enquanto que os discos em 1080p da Universal eram só a DC. - Esse filme teve dublagem da BKS, que passou no canal TCM. Inclusive eu gravei quando passaram lá, em 4:3 (tela-cheia). - Em Blu-ray na Europa a Universal curiosamente colocou a dublagem clássica. Isso é um fato extremamente raro, é como ganhar na mega-sena, pois dá pra contar nos dedos quantos filmes tiveram essa sorte. Eles preferem redublar SEMPRE (um ótimo exemplo foi a trilogia De Volta Para o Futuro, por motivos técnicos e preciosismo). Esse vídeo do BJC explica isso: - No entanto curiosamente, apesar da distribuidora ter colocado essa faixa, ela está incompleta. Durante os momentos abaixo entra o áudio original em inglês. Sim, é nesse nível de tosqueira. Você assiste com a dublagem, entra de repente o áudio original, volta a dublagem. E existe uma legenda PT-BR só pra cobrir esses buracos. Eu até anotei os tempos: 6m11 a 6m13, 6m13 a 6m16, 6m16 a 6m19, 42m28 a 42m29, 1h13m13 a 1h13m14, 1h13m16 a 1h13m18, 1h20m16 a 1h20m18, 1h21m47 a 1h21m51, 1h21m52 a 1h21m57, 1h21m57 a 1h21m59, 1h21m59 a 1h22m02 e 1h22m03 a 1h22m06 Aí alguém vai dizer: é alguma versão estendida... Pode até ser. Mas sabiam que a dublagem do canal TCM está... completa? O que aconteceu não sei, mas foi bizarro a Universal não ter ajeitado isso. E como já foi feito com outros filmes por fãs/colecionadores, talvez alguém no futuro pegue os 2 áudios e preencha um com outro. Sobre as diferentes versões: http://dvdcompare.net/comparisons/film.php?fid=29499 https://thedigitalbits.com/item/dracula-1979-ce-bd Notem também que o áudio do filme é DTS-HD MA 2.0, e a dublagem está em DTS 2.0 (não só a brasileira). OBS: a edição de colecionador da Shout em 2 discos não tem nada em português. O Blu-ray a que me referia é europeu e antigo, lançado anos antes de 2019.
  3. O filme HIGHLANDER (o original de 1986) sairá em 4K pela Lionsgate em Setembro também. https://www.blu-ray.com/movies/Highlander-4K-Blu-ray/296191/ Esse por sinal eu tive acesso em 1080p a umas edições de Highlander 2, de 1991, editadas por um fã, com base em fonte melhor que os DVDs podres que circulam por aí, em especial da versão de cinema. Mais sobre esse projeto aqui (sem links públicos): https://forum.fanres.com/search.php?action=results&sid=fe435850dc3220d716d696f3bce63064 E sobre 48 Horas (1982) e 48 Horas: Parte 2, de 1990 Ambos em 1080p pela Paramount na edição remasterizada lançada recentemente estão visivelmente bem melhores que as transferências porcas (especialmente o segundo filme) que circulavam anteriormente. Bons lançamentos. Apenas lamento que a distribuidora não disponibilize logo em 4K, e sobre o tratamento dado ao Blu-ray de Ghost, de 1990.
  4. Mais um 4K que está chegando nos próximos meses é O SILÊNCIO DOS INOCENTES, de 1991. https://www.blu-ray.com/news/?id=28951 E segue o review do filme Snatch, de 2000, um 4K com áudio e legendas em português, pela Sony: https://www.blu-ray.com/movies/Snatch-4K-Blu-ray/287819/#Review Em 1080p a Paramount está trazendo a trilogia CROCODILO DUNDEE, curiosamente terá áudio e legendas em português também (mas só vi especificação dos 2 primeiros): https://www.blu-ray.com/movies/The-Crocodile-Dundee-Trilogy-Blu-ray/295574/
  5. Em resposta ao usuário Bill do fórum do BJC, que disse: *********** Anteontem foi anunciado que a versão do diretor de Jornada nas Estrelas - O Filme (que pra mim é a melhor existente) será também remasterizada em 4K, mas pelo menos inicialmente será exclusiva do streaming Paramount+. Deve chegar só ano que vem, já que a restauração está recém começando e deverá durar de 6 a 8 meses. Pode ser que depois de uma janela no streaming lancem esta versão em disco. *********** Interessante essa do streaming. Mas se ficar na esteira daqueles de 007/James Bond então a qualidade será levemente melhor que os Blu-rays 1080p (aqui estou falando de streaming 4K dos filmes antigos, que parece que saiu pro iTunes, mas não tem ganho nem de longe que teria se saísse em mídia física, o UHD. Por aí circulam torrents dos 007 em 4K/2160p, mas são até arquivos pequenos, de até 20 GB). Aliás, lamentável a confusão envolvendo direitos dessa franquia em particular, é um crime não terem disponibilizado em UHD até hoje. No fórum Original Trilogy um usuário chegou a me passar isso aqui (OBS: links não são colocados publicamente, pelas regras desse fórum): https://originaltrilogy.com/topic/Star-Trek-The-Motion-Picture-Directors-Edition-HD-Recreation-V3-Now-Available-Released/id/56390/page/1 Se trata de um compilado entre as versões de cinema e diretor do primeiro filme de STAR TREK, de 1979. ******** Outros discos chegando nos próximos meses: Em 1080p: BINGO, de 1991, filme da Sessão da Tarde: https://www.blu-ray.com/movies/Bingo-Blu-ray/294708/ Em 4K dois clássicos: - Um Sonho de Liberdade (The Shawshank Redemption, 1994) https://www.blu-ray.com/news/?id=28904 - Mais um do Carpenter: O Enigma de Outro Mundo (The Thing, de 1982). Um que saiu tem um tempinho já em 4K foi o ELES VIVEM, de 1988. https://www.blu-ray.com/news/?id=28868
  6. Em UHD/4K estão saindo nos próximos meses: Jornada nas Estrelas: O Filme (Star Trek: The Motion Picture, 1979) * Jornada nas Estrelas 2: A Ira de Khan (Star Trek II: The Wrath of Khan, 1982) Jornada nas Estrelas 3: À Procura de Spock (Star Trek III: The Search for Spock, 1984) Jornada nas Estrelas 4: A Volta para Casa (Star Trek IV: The Voyage Home, 1986) https://trekmovie.com/2021/07/07/paramount-releasing-star-trek-tos-movies-4k-uhd-blu-ray-set/ https://www.blu-ray.com/news/?id=28863 * Aqui na versão de cinema. Destaque para o extra inédito da trilha isolada. A versão do diretor do filme original de 1979 até hoje não saiu em Blu-ray 1080p, apenas em DVD. ST:MP tem 3 versões: A de cinema com 132 minutos; A estendida de 1983 (que saiu em home vídeo), com 143; A do ano 2000, com 136 minutos, CORTE DO DIRETOR. O Movie-censorship explica rapidamente o que muda entre a de cinema e DC: https://www.movie-censorship.com/report.php?ID=2400 A sequência A IRA DE KHAN também está nessa situação: https://www.movie-censorship.com/report.php?ID=828 Aliás não vi menção a nenhum dos 4 sair em algo além da versão de cinema. *********** Também em SETEMBRO sairão os 5 primeiros filmes da franquia HALLOWEEN em 4K: https://www.blu-ray.com/news/?id=28852 Halloween (1978) Halloween II (1981) Halloween III: Season of the Witch (1982) Halloween 4: The Return of Michael Myers (1988) Halloween 5: The Revenge of Michael Myers (1989) ********** Recentemente o Blu-ray.com publicou a avaliação dos Blu-rays 1080p (infelizmente nada de 4K) de 48 Horas (1982) e 48 Horas: Parte 2 (de 1990), que somente agora (especialmente o segundo) saíram com imagem e som realmente bons. Os discos antigos tinham acho que mais de 10 anos e deixavam bem a desejar. https://www.blu-ray.com/movies/48-Hrs-Blu-ray/289799/#Review https://www.blu-ray.com/movies/Another-48-Hrs-Blu-ray/80761/#Review ***** Em 4K novamente temos o volume 2 de mais clássicos da Sony, para Setembro: https://www.blu-ray.com/news/?id=28733 Os filmes que farão parte do pacote são: - Anatomia de um Crime (Anatomy of a Murder, 1959) - Taxi Driver (1976) - Oliver! (1968) - ganhou Oscar de melhor filme - Recrutas da Pesada (Stripes, 1981) - Razão e Sensibilidade (Sense and Sensibility, 1995) - A Rede Social (The Social Network, 2010) ***** E os filmes de INDIANA JONES em 4K (pela Paramount) não vieram com nada em português. Seguem as resenhas: https://www.blu-ray.com/movies/Indiana-Jones-4-Movie-Collection-4K-Blu-ray/288048/#Review Mais lançamentos 4K recentes: SPACE JAM, de 1996: https://www.blu-ray.com/movies/Space-Jam-4K-Blu-ray/284062/#Review A FANTÁSTICA FÁBRICA DE CHOCOLATES, de 1971: https://www.blu-ray.com/movies/Willy-Wonka-and-the-Chocolate-Factory-4K-Blu-ray/284076/#Review De 1996 está pra sair JERRY MAGUIRE, com o Tom Cruise: https://www.blu-ray.com/movies/Jerry-Maguire-4K-Blu-ray/289622/#Overview ****** O último disco UHD/4K que vi sair com áudio e legendas em português foi desse filme do Clint Eastwood: - Na Linha de Fogo (In the Line of Fire, 1993) Pela Sony, em junho deste ano de 2021. https://www.blu-ray.com/movies/In-the-Line-of-Fire-4K-Blu-ray/288919/#Review Mas nunca esperem que nosso idioma venha com eles. O ÚLTIMO GRANDE HERÓI (coincidentemente também de 1993) veio em 4K sem nada: https://www.blu-ray.com/movies/Last-Action-Hero-4K-Blu-ray/289192/#Review
  7. Seguem as próximas novidades desse ano: - Ainda em Maio chega o 4K de MY FAIR LADY (Minha Bela Dama), de 1964. Já saiu a resenha/review: https://www.blu-ray.com/movies/My-Fair-Lady-4K-Blu-ray/284425/#Review - Em 4K: - Instinto Selvagem/1992 https://www.blu-ray.com/news/?id=28480 - Space Jam, filme original de 1996: https://www.blu-ray.com/news/?id=28575 - A Fantástica Fábrica de Chocolate, de 1971, aquele com o Gene Wilder: https://www.blu-ray.com/news/?id=28532 - Howard the Duck, de 1986: https://www.blu-ray.com/news/?id=28589 - Scott Pilgrim, de 2010: https://www.blu-ray.com/news/?id=28553 - Quase Famosos (Almost Famous, do ano 2000): https://www.blu-ray.com/news/?id=28556 ******** E finalmente em Blu-ray 1080p a Paramount vai trazer edições remasterizadas de 48 Horas (1982) e 48 Horas: Parte 2, de 1990: https://www.blu-ray.com/news/?id=28491 O segundo filme em especial vai ser beneficiado. Infelizmente nada de 4K. O único extra novo é do diretor comentando sobre cada filme. Espero que a distribuidora (idem pra Universal e demais) coloque algo em português, mas as chances são remotas. E também que o trabalho em cima do 1080p seja contrário ao que fizeram com Ghost (de 1990), que assim como Airplane desagradou: https://forum.blu-ray.com/showthread.php?t=328534&page=5 (pra mais detalhes basta ler as páginas 4 e 5 desse tópico acima, inclusive com fotos) ******* Falando em Paramount e de novo em 1080p eles lançaram recentemente um filme de Elvis Presley que não conheço: - Balada Sangrenta (King Creole, 1958) https://www.blu-ray.com/movies/King-Creole-Blu-ray/65879/#Review E a Kino Lorber trouxe em 1080p uma versão remasterizada do filme UM LOCAL MUITO QUENTE (The Hot Spot, de 1990): https://www.blu-ray.com/movies/The-Hot-Spot-Blu-ray/276860/#Review
  8. The film caused significant controversy because of its simulated sex scenes involving underage actors. Because of these scenes, apparently ever since the 1990's they have been removed from all possible sources, so you aren't going to find the uncut version anywhere. >>>> Traduzindo: o filme causou controvérsia por ter cenas simuladas de sexo envolvendo menores de idade. Por conta dessas cenas desde os anos 1990 elas foram removidas de todas as fontes possíveis. Por isso você não achará essa versão sem cortes em algum lugar. ******* A propósito (dica para o fórum): um filme similar e que passou recentemente no CANAL BRASIL foi AMOR ESTRANHO AMOR, de 1982, aquele famoso com a Xuxa, que inclusive parou com a palhaçada de querer proibi-lo. https://www.agazeta.com.br/entretenimento/cinema/amor-estranho-amor-filme-vetado-por-xuxa-por-decadas-volta-a-ser-exibido-0221 https://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/filmes-na-tv/xuxa-gastou-uma-fortuna-para-censurar-filme-amor-estranho-amor-saiba-quanto-51046 Já circula pela internet em sites como Memória da TV e TDC-Teladecinema um rip dessa gravação, além do DVDRip que era a única fonte que havia, este último também com dublagem em inglês. Segue um trecho: https://www.youtube.com/watch?v=dfgjFtiQ-Fg
  9. O 4K do filme OS DEZ MANDAMENTOS de 1956 tem áudio e legendas em português. Mas curiosamente apenas nos discos 2 e 3 dos Blu-rays normais (e o filme em 1080p é dividido em duas partes, enquanto que no disco 1 em 4K não tem essa divisão, mesmo com 220 minutos, ou 3 horas e 40). Não entendo essa mania de colocar essas faixas apenas no 1080p e deixar o 4K totalmente sem. Quanto ao review, ao menos de acordo com o mesmo deve ter ficado similar a Lawrence da Arábia, de 1962, o que significa que estaria no top 5 da melhor imagem do formato. https://www.blu-ray.com/movies/The-Ten-Commandments-4K-Blu-ray/282780/#Review
  10. Antes do que começaram a fazer em 2002 havia um script do George Romero (que faleceu em 2017), mas que a Capcom rejeitou, e isso em 1998: Pra quem entende inglês há um resumo acima e aqui: http://cinema-crazed.com/blog/2003/06/13/george-romeros-resident-evil-the-script-for-the-movie-we-never-saw/ E o script (first draft seria primeiro esboço) aqui: http://www.dailyscript.com/scripts/resident_evil_romero.html Pra quem não sabe quem foi Romero, basta ler essa matéria pra entender a importância dele pra existência do próprio Resident, e do gênero no cinema: https://robertosadovski.blogosfera.uol.com.br/2017/07/17/george-romero-o-cineasta-que-nos-ensinou-a-respeitar-os-zumbis-morre-aos-77-anos/ Não olhei mais a fundo o que ele bolou, mas se a justificativa é que algo ficou destoante com relação ao jogo, então a CAPCOM foi e é mais filha da puta do que eu pensava, pois ainda que ficasse devendo não seria nem de longe comparável ao que foi feito e que será repetido agora com esse novo filme que ninguém pediu. E eu posso estender isso até aos jogos, pois sinceramente depois do terceiro pra mim ao menos novas sequências se mostraram desnecessárias. Épico mesmo só os 2 primeiros, e o terceiro (Nemesis, de 1999) que não fica muito atrás. O cinema teve algumas maldições, e sair filme bom baseado em jogo é uma delas. Vocês veem aí que perderam totalmente o timing/momento de fazer um filme realmente fiel. O mesmo eu diria pra Metal Gear Solid, que no fim das contas foi inspirado em Fuga de Nova York/Los Angeles, com o Kurt Russell. Fazer algo nessa conjuntura atual, extremamente pobre e decadente de Hollywood, eu não vou nem ver os reviews. Já se algum fã fizer algo podem me chamar que eu vou conferir. Esses produtores oficiais são lixos.
  11. Tem um documentário sobre um rapaz que só fazia capas icônicas que muitos devem se lembrar. Infelizmente só tem no máximo legendas em inglês, mas vale a pena assistir. Por ele dá pra ter uma ideia de como também nesse ponto a indústria do entretenimento decaiu horrores. Quem não lembra dos antigos pôsteres ENORMES que todos faziam questão de colecionar? Uma pena que ao menos de uma década pra cá a esmagadora maioria das capas sejam totalmente LIXOS (e nesse ponto quando surgiu o DVD perdemos com relação aos laserdiscs, tal como CD de música para o VINIL), pois reparem como deixaram de colocar até mesmo de filmes antigos as que foram criadas por algum ser pensante e substituiram pelas cabeças que dizem quem é o ator principal (ou elenco, se mais de uma). Comparem esta com a próxima: Que inclusive arruina a ideia de não soltar spoilers e ser muito óbvio já na capa, um problema com vários trailers que revelam muito. Sobre o documentário, é o "Drew: The Man Behind the Poster", de 2013, sobre o Drew Struzan. ****** A respeito de novidades, o filme VELOCIDADE MÁXIMA, de 1994, vai sair em 4K: https://www.blu-ray.com/news/?id=28324 Já estou vendo que como é pela Disney não terá nada em português. E em Blu-ray 1080p está saindo lá fora também um box com 4 filmes da Sylvia Kristel, aquela atriz do clássico Emanuelle. E em 4K, embora não seja filme/seriado, vale lembrar desse recente lançamento de mais um documentário sobre o mundo animal, feito pela BBC, que sempre nos brinda com um show de imagens: https://www.blu-ray.com/movies/A-Perfect-Planet-4K-Blu-ray/284848/#Review Outro que saiu em 4K, em 2017, e que merece também uma menção honrosa, é o PLANET EARTH 2: https://www.blu-ray.com/movies/Planet-Earth-II-4K-Blu-ray/168607/#Review
  12. Outro chegando: Snatch: Porcos e Diamantes (2000) em 4K, também pra Junho: https://www.blu-ray.com/news/?id=28313 Sobre Indiana Jones, dá pra notar de longe que o Blu-ray já tem qualidade de imagem incrível. Se repetir o resultado em 4K deve ser um dos melhores discos nessa resolução, ao lado de Lawrence da Arábia, de 1962. Agora sim pode-se dizer que vale a pena investir no formato.
  13. Mais dois 4Ks chegando: - Golpe de Mestre (The Sting, 1973) https://www.blu-ray.com/news/?id=28261 - Clube dos Cafajestes (Animal House, 1978) https://www.blu-ray.com/news/?id=28262 - Shrek, de 2001: (esse já está confirmado que terá áudio e legendas em PT-BR) https://www.blu-ray.com/news/?id=28297 Todos pela UNIVERSAL. E está saindo um filme que eu não conhecia, do Sean Connery e Herbert Lom (A Pantera Cor-de-Rosa), em Blu-ray 1080p: https://www.blu-ray.com/news/?id=28295
×
×
  • Create New...