UA-130521384-1 Jump to content
Forum Cinema em Cena
Sign in to follow this  
skellington

Aquecimento Global

Recommended Posts

070530f015sg3.jpg

 

Acima, uma foto da Geleira de Rongbuk Médio, no Tibete, em 1968 e, abaixo, a foto do mesmo local, neste ano; a intenção de ativistas que divulgaram as imagens é alertar para os efeitos do aquecimento global

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho muito bom que as pessoas discutam os efeitos do aquecimento global para, enfim, pensarem em sustentabilidade. É uma pena que isso tenha que ser feito gradativamente, absorvendo essas conceitos em pequenos goles. Afinal, as pessoas absorvem mudanças muito vagarosamente. Em contraponto, temos pressa. Muita pressa para começar a reverter esse quadro.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cientistas pesquisam iceberg do tamanho de Manhattan; assista

 

David Shukman
Estação Meteorológica Eureka High Arctic, Canadá

 

t.gif

 

t.gif

Cientista%20perfura%20o%20gelo%20para%20medir%20a%20espessura%20da%20ilha

A equipe de cientistas quer saber a razão da formação da ilha de gelo

Cientistas no Pólo Norte pousaram de avião em um enorme iceberg do tamanho da ilha de Manhattan para realizar uma série de análises relacionadas a estudos sobre o efeito do aquecimento global na regiã do Ártico.

O bloco de gelo tem 16 quilômetros de comprimento, cinco quilômetros de largura e chama-se Ilha de Gelo Ayles.

Os pesquisadores chegaram à ilha flutuante com uma equipe da BBC e fincaram uma baliza de rastreamento em sua superfície. Segundo os cientistas, essa é a primeira expedição desse tipo.

Isto vai permitir o monitoramento da ilha enquanto as correntes marítimas empurram o bloco pelo Oceano Ártico.

A ilha de gelo se soltou da costa ártica do Canadá em 2005, mas foi identificada apenas recentemente.

3 mil anos

t.gif

O%20bloco%20causou%20um%20pequeno%20terremoto%20quando%20se%20soltou

O bloco causou um pequeno terremoto quando se soltouDurante 3 mil anos este bloco de gelo colossal estava seguro, fixo na costa norte canadense como parte da Plataforma de Gelo Ayles - mas agora o bloco se soltou.

Atualmente o bloco está a cerca de 600 quilômetros do Pólo Norte, uma das regiões cuja temperatura sobe mais rapidamente na Terra.

A equipe de pesquisadores, junto com a equipe da BBC, se aproximou da ilha de gelo em um pequeno avião.

Derek Mueller, da Universidade Fairbanks do Alasca, escavou uma camada de neve da superfície para alcançar a camada de gelo logo abaixo.

Mueller e Luke Copland, da Universidade de Ottawa, mediram o bloco, usando um radar capaz de penetrar no chão.

Eles descobriram que a média de espessura do gelo variava entre 42 e 45 metros, o equivalente a um prédio de dez andares e um pouco mais espesso do que o esperado.

Peso

Uma implicação pode ser que a ilha seja mais duradoura do que o esperado - estima-se que o peso total do gelo chegue a 2 bilhões de toneladas e isto levaria mais tempo para derreter do que o estimado inicialmente.

t.gif

Ilha%20de%20gelo%20tem%20o%20tamanho%20da%20ilha%20de%20Manhattan

Bloco de gelo tem o tamanho da ilha de ManhattanMas, segundo Copland, o fato de que um bloco de gelo tão espesso possa ter se soltado da costa em menos de uma hora - como aconteceu em agosto de 2005 - ilustra um problema alarmante.

"Isto mostra como a mudança climática pode desencadear mudanças repentinas mesmo em grande escala - quando o bloco de gelo se soltou, a força da ruptura registrada foi a de um pequeno terremoto", disse.

Os registros mostram que esta região do Pólo Norte - a costa norte da Ilha Ellesmere - perdeu 90% de suas plataformas de gelo no último século.

A maioria destas perdas ocorreu no período mais quente da década de 40. Nos períodos mais frios das décadas seguintes parte das plataformas de gelo mostrou sinal de estar se reformando.

"A diferença agora é que com a atual taxa de aumento de temperatura, estas plataformas de gelo provavelmente nunca serão reconstituídas", disse Mueller.

Cientistas especialistas em clima prevêem que o Pólo Norte vai continuar esquentando - e a expectativa é de que as cinco plataformas de gelo restantes também se soltem.

Antes de deixar a ilha de gelo, os cientistas instalaram um dispositivo de localização via satélite, pois o bloco continua se deslocando para oeste e pode ameaçar plataformas de petróleo e usinas de gás na costa do Alasca.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estados Unidos' date=' preocupados com a preservação do meio ambiente? Onde?

O único americano que realmente defende a preservação ambiental com unhas e dentes é Al Gore, no momento. Claro que há outros americanos engajados na causa, como Leonardo DiCaprio, mas nenhum chega perto da enorme determinação de Gore.

[/quote']

Al Gore não é tão gente boa assim, e além do mais, é uma pessoa extremamente mal informada; em uma recente entrevista disse este "Na verdade, a Amazônia não é dos brasileiros, e sim do mundo".

E isso meu amigo, pode resultar em um conflito. Com o grande arsenal bélico norte americano e sua boa vontade em usá-lo, pode fritar muita coisa por aí.

 

Não acho que norte americano seja muita flor que se cheire não.

 

A política norte americana é assim. Eles fazem merda no mundo inteiro, e agora fica apertado gastar $$ com protocolo de Kyoto e ficar meio desarmado, eles não fazem isso não.

 

Abraços cordiais.

 

Danilo []'s

Share this post


Link to post
Share on other sites

De maneira alguma. O fato de não haver evidência de que o aquecimento global é causado pela ação humana não significa que devemos nos eximir de tratar o meio ambiente com respeito. Além do mais a poluição é uma mal em si mesmo.

 

 

  O quê?? Como assim não há evidência?? Olha o Efeito Estufa por exemplo. Ele é causado pelo buraco na camada de Ozônio' date=' não é? E todos sabemos que entre seus vários causadores está o CFC (clorofluorcarboneto), gás mais nocivo à camada. Esse gás age assim, depois de ser liberado, ele leva oito anos para chegar à camada, lá ele entra em contato com os raios UV e reage com o Ozônio, transformando-o em Oxigênio. Como o oxigênio não tem o poder de barrar os raios solares, ele torna a camada mais fina e deixa os raios passarem em maior quantidade.

  Uma única molécula de CFC destrói 100.000 moléculas de Ozônio. Bom, que eu saiba, nada 'natural' produz o CFC, só o homem. Ele é usado como isolante de geladeiras, freezers; em aerosóis e na produção de plástico. Hoje em dia, acho que mais nenhum país do mundo o produz, desde o Protocolo de Montreal (1987). O Brasil, por exemplo, o parou de fabricar em 1992 (ECO 92). Porém, isso não reverte a destruição à camada já provocada por ele.

 

 Não sei de onde tiraram isso de que a culpa do homem pelo aquecimento global não é comprovada. E os gases expelidos pelas indústrias, automóveis? Isso não afeta o planeta?

 Ok. Há as causas naturais. Outro dia saiu na Super Interessante uma matéria (Vale por um bifinho?) sobre a flatulência bovina (..sério..não é brincadeira..) e os gases produzidos na agricultura, que juntos, são responsáveis por 25% do Efeito Estufa.

 Sim, é sério, perigoso, catástrofico e praticamente impossível de ser evitado. Afinal, não se pode proibir a agricultura, nem a criação de gado, nem muito menos erupções vulcânicas ou a ação cada vez mais forte do Sol (..dizem que um dia ele vai nos engolir..brrrr..).

 A natureza, Deus, ou o universo talvez estejam preparando o nosso fim. Mas precisa o homem acelerar o processo?

 E a culpa não é só de países como os EUA. Fica todo mundo dizendo:'ah..a culpa é dos Estados Unidos que não assinou o Protocolo de Kioto..'. Ok. Ele é o maior poluidor mundial, mas o Brasil encontra-se em QUARTO LUGAR. E a imensa maioria da polução nacional se deve às queimadas.

 Acho que não adianta reclamar do quintal do vizinho se o nosso também anda sujo e maltratado.

 

 Enfim, supondo-se 'pequena' a culpa do homem pelo aquecimento global, não é por isso que se deve tratar o planeta como único responsável por sua própria destruição. É aquele negócio de melhor prevenir que remediar.

 

 

 

 
[/quote']

 
Rapson2007-06-05 22:35:45

Share this post


Link to post
Share on other sites

Al Gore não é tão gente boa assim' date=' e além do mais, é uma pessoa extremamente mal informada; em uma recente entrevista disse este "Na verdade, a Amazônia não é dos brasileiros, e sim do mundo".

E isso meu amigo, pode resultar em um conflito. Com o grande arsenal bélico norte americano e sua boa vontade em usá-lo, pode fritar muita coisa por aí.

 

Não acho que norte americano seja muita flor que se cheire não.

 

A política norte americana é assim. Eles fazem merda no mundo inteiro, e agora fica apertado gastar $$ com protocolo de Kyoto e ficar meio desarmado, eles não fazem isso não.

 

Abraços cordiais.

 

Danilo [']'s

 

Não é responsabilidade exclusiva dos EUA, embora ele seja o maior poluidor do mundo a despeito da atual situação. A responsabilidade é de todos no mundo, a Mãe Natureza não se incomoda de atravessar as falsas fronteiras da humanidade para aplacar sua fúria. Vale lembrar que a China se nega a cooperar acusando os EUA e os demais países desenvolvidos de serem mais responsáveis do que o governo Chinês. Isto é medíocre e infantil, será que antes de ser chinês, brasileiro, estadunidense, inglês, francês o mundo tem de lembrar que somos humanos e deixamos de lado a nossa humanidade em prol de algo mesquinho.

 

O planeta está em colapso, não acredito que sequer duraremos alguns séculos, e ainda sim a humanidade nada em favor de sua própria destruição. Será que não existe uma consciência que somos todos humanos e que devemos nos ajudar?

 

“É espantosamente óbvio que nossa tecnologia excede nossa humanidade.” Albert Einstein

 

Começo a acreditar firmemente nestas palavras. A nossa espécie pode ser avançada em várias tecnologias. Mas somos incapazes de sermos avançados como pessoas.  <?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

Share this post


Link to post
Share on other sites

De maneira alguma. O fato de não haver evidência de que o aquecimento global é causado pela ação humana não significa que devemos nos eximir de tratar o meio ambiente com respeito. Além do mais a poluição é uma mal em si mesmo.

 

 

  O quê?? Como assim não há evidência?? Olha o Efeito Estufa por exemplo. Ele é causado pelo buraco na camada de Ozônio, não é? E todos sabemos que entre seus vários causadores está o CFC (clorofluorcarboneto), gás mais nocivo à camada. Esse gás age assim, depois de ser liberado, ele leva oito anos para chegar à camada, lá ele entra em contato com os raios UV e reage com o Ozônio, transformando-o em Oxigênio. Como o oxigênio não tem o poder de barrar os raios solares, ele torna a camada mais fina e deixa os raios passarem em maior quantidade.

  Uma única molécula de CFC destrói 100.000 moléculas de Ozônio. Bom, que eu saiba, nada 'natural' produz o CFC, só o homem. Ele é usado como isolante de geladeiras, freezers; em aerosóis e na produção de plástico. Hoje em dia, acho que mais nenhum país do mundo o produz, desde o Protocolo de Montreal (1987). O Brasil, por exemplo, o parou de fabricar em 1992 (ECO 92). Porém, isso não reverte a destruição à camada já provocada por ele.

 

 Não sei de onde tiraram isso de que a culpa do homem pelo aquecimento global não é comprovada. E os gases expelidos pelas indústrias, automóveis? Isso não afeta o planeta?

 Ok. Há as causas naturais. Outro dia saiu na Super Interessante uma matéria (Vale por um bifinho?) sobre a flatulência bovina (..sério..não é brincadeira..) e os gases produzidos na agricultura, que juntos, são responsáveis por 25% do Efeito Estufa.

 Sim, é sério, perigoso, catástrofico e praticamente impossível de ser evitado. Afinal, não se pode proibir a agricultura, nem a criação de gado, nem muito menos erupções vulcânicas ou a ação cada vez mais forte do Sol (..dizem que um dia ele vai nos engolir..brrrr..).

 A natureza, Deus, ou o universo talvez estejam preparando o nosso fim. Mas precisa o homem acelerar o processo?

 E a culpa não é só de países como os EUA. Fica todo mundo dizendo:'ah..a culpa é dos Estados Unidos que não assinou o Protocolo de Kioto..'. Ok. Ele é o maior poluidor mundial, mas o Brasil encontra-se em QUARTO LUGAR. E a imensa maioria da polução nacional se deve às queimadas.

 Acho que não adianta reclamar do quintal do vizinho se o nosso também anda sujo e maltratado.

 

 Enfim, supondo-se 'pequena' a culpa do homem pelo aquecimento global, não é por isso que se deve tratar o planeta como único responsável por sua própria destruição. É aquele negócio de melhor prevenir que remediar.

 

 

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Casa de maconha é opção contra aquecimento global

 

No terceiro relatório divulgado pelas Nações Unidas sobre o aquecimento global, a construção de residências com tecnologia auto-sustentável foi considerada importante no conjunto de ações ambientalmente corretas. As "casas verdes", que usam tecnologia auto-sustentável tanto em sua estrutura externa como interna, seriam uma boa opção para diminuir os efeitos nocivos da indústria da construção civil.

Painéis solares que absorvem e geram energia para dentro dos cômodos, e paredes feitas de areia e água do mar são idéias que já começam a ser usadas em alguns países. Segundo o professor de arquitetura Tom Woolley, da Queen's University, em Belfast – capital da Irlanda do Norte, a folha do cânhamo – usada para produzir a maconha – é uma das alternativas para a construção de moradias, pelo seu baixo custo e sua característica auto-sustentável. Woolley afirmou que apenas um hectare da plantação é suficiente para construir uma casa. A colheita de 12% nas terras britânicas permitiriam o desenvolvimento de 200 mil casas verdes para o país, diz ele.

Em York, na Inglaterra, um depósito com estrutura de madeira e palha usa energia renovável. Chamado de Eco Depot (Depósito ecológico), é uma referência de arquitetura politicamente correta. A Unido, agência de desenvolvimento industrial da ONU, está em busca de tecnologias similares para aplicá-las em algumas regiões mais pobres do mundo, a partir do material disponível no local, levando em conta os custos e danos ambientais.

A agência afirma que existem tecnologias novas que permitem construir uma sociedade ambientalmente estável, e já foram planejadas a construção de 100 "casas verdes" em Herat, no Afeganistão, com projeto de arquitetos indianos e chineses, em parceria com autoridades locais. O projeto custou U$ 3.500 por casa (aproximadamente R$ 7 mil). O gasto da construção ficou entre 30% e 50% mais barato do que as residências convencionais, e já estão sendo examinados projetos semelhantes para outras cidades.

De acordo com Tom Woolley, a utilização desses materiais de construção ainda é restrita, apesar de muitas das técnicas serem antigas e conhecidas por povos primitivos. O professor afirma que existe uma falsa idéia de que é mais caro construir casas compatíveis com o meio-ambiente, mas admite que algumas tecnologias modernas têm, de fato, um preço alto. "Porém, quando se tornarem mais populares, o preço tenderá a ser mais viável", disse.

06

Share this post


Link to post
Share on other sites

Rapson. Bom dia!

 

 

 

Quem disse que o Ser Humano não é culpado por essa reação prejudicial aos seres vivos do planeta? Seria uma falta de discernimento tirar os 98,5% da responsabilidade de todos nós, todos nós mesmos, e se alguém estiver duvidando provo com um questionamento (estranho não? Mas eficaz).

 

 

 

T+!

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

China ultrapassa os EUA e já é o maior poluidor do mundo

 

As emissões de CO2 da China ultrapassaram as dos Estados Unidos em até 8% no ano passado, o que coloca a nação oriental no primeiro lugar entre os responsáveis pelo aquecimento global. Até então, os EUA eram vistos como os principais responsáveis, em todo o mundo, pelas emissões do mesmo gás, que causa o efeito estufa, mas o país conseguiu reduzir seus lançamentos para a atmosfera em 1,4%.

Esta é a conclusão do relatório da Agência de Avaliação Ambiental da Holanda (MNP, conforme a sigla oficial), divulgado nesta quarta-feira. De acordo com a agência, as emissões totais de CO2 por parte da China em 2006 aumentaram 8,7%, enquanto que as dos EUA recuaram em 1,4% e as da União Européia ficaram estáveis em relação a 2005.

Conforme o documento, em 2006, as emissões globais de CO2 resultante do uso de combustíveis fosseis cresceram 2,6%, percentual inferior aos 3,3% de alta em 2005. Mas o avanço de 2,6% deveu-se principalmente à alta de 4,5% - o equivalente a 500 megatones a mais de CO2 - no consumo global de carvão, movimento para o qual a China contribuiu com nada menos que 66%, ou o equivalente e 9%, conforme os dados preliminares citados no estudo da MNP que usa informações sobre energia da British Petroleum. O resto do mundo contribuiu com 2% para o aumento das emissões de CO2 pelo uso de carvão como combustível.

As emissões de CO2 constatadas no estudo incluem, conforme o relatório, as que resultam dos processos industriais como produção de cimento. Segundo o estudo, até 2005, as emissões de CO2 da China ainda estavam 2% abaixo das emissões dos EUA.

As emissões de CO2 a partir do uso de gás natural aumentaram 2.5% - ou o equivalente a 130 megatoneladas de CO2 a mais - no ano passado, principalmente em virtude da contribuição da Rússia e da China. Já as emissões resultantes da combustão de derivados de petróleo apresentaram alta de apenas 0.7% (+90 megatoneladas de CO2), por causa da queda no consumo nos países da OCDE (Organização para Cooperação e o Desenvolvimento Econômico), que apresentou média de 0.9%.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olha...realmente, o Aquecimento Global é um problema e precisa de solução...agora, eu acredito que é um tremendo exagero por parte dos cientistas e da mídia essa história de que haverá uma catástrofe e que o planeta entrará em colapso...há 30 anos, por exemplo, acreditava-se justamente o contrário...acreditavam que o planeta, na realidade, ia ficar mais frio, e entrar em uma nova Era Glacial...inclusive a Folha publicou uma reportagem falando sobre isto...e ocorreu justamente o contrário...e daqui a algumas décadas a situação pode se inverter novamente também...e mesmo que o Aquecimento Global continue, não acredito que ha motivos para GRANDE preocupação...principalmente considerando que a tecnologia avança a passos largos hoje...

 

PS - Particularmente, eu adoraria um Resfriamento Global generalizado...já imaginaram patinar no Tietê congelado?

Share this post


Link to post
Share on other sites
PS - Particularmente' date=' eu adoraria um Resfriamento Global generalizado...já imaginaram patinar no Tietê congelado?[/quote']

16

 

E dá-lhe previsões apocalípticas! 09

 

Aquecimento global fará Paris ferver e Mediterrâneo, secar

Paris vai ferver e boa parte do Mediterrâneo, secar, segundo um novo estudo, que alerta para o calor que a região pode absorver por causa do aquecimento global.

De acordo com os autores, os dias mais quentes da atualidade serão os mais frescos no fim do século XXI se for mantido o ritmo atual de emissões de dióxido de carbono.

 

As ondas de calor, como a que matou 15.000 pessoas na França em 2003, serão cada vez mais intensas e mais comuns à medida que o número de dias quentes aumentar entre 200% e 500%.

 

Isto equivale a 49 dias de calor intenso adicionais em Paris, 48 mais em Atenas e Valência, e 55 mais em Tel Aviv, concluiu o estudo.

 

"Você não vai querer estar aqui no verão", disse o co-autor da pesquisa, Jeremy Pal, em entrevista por telefone do Centro Internacional de Física Teórica em Trieste, Itália.

 

O estudo dá a primeira visão do que as cidades da região mediterrânea vão sofrer à medida que as temperaturas subirem, numa média de 3 graus em 2100.

 

O Mediterrâneo é uma das regiões mais suscetíveis à mudança climática e espera-se que esquente e seque mais que outras partes do mundo.

 

Os cientistas construíram um modelo por meio do qual podem medir o impacto do aquecimento global em pequenas áreas e encontraram grandes diferenças entre várias partes do Mediterrâneo.

 

As temperaturas subirão em larga escala na França, com altas diárias de até 8,5 graus, em comparação com aumentos de quatro a sete graus em outras partes.

 

As zonas úmidas costeiras serão mais afetadas que terra adentro, enquanto as áreas mais elevadas, como os Alpes, levarão a melhor.

 

O número de dias em que o índice de calor atingirá níveis perigosos aumentará em 40 ao ano nas regiões costeiras de Espanha e Portugal, no sul da Itália e em boa parte das margens sul e leste do Mediterrâneo, projetou o estudo.

 

No interior da Espanha e no sul da França haverá de 20 a 30 dias de calor perigoso adicionais, enquanto boa parte da Europa sofrerá entre 10 e 15 dias mais.

 

"Estas são temperaturas muito ruins", advertiu Pal, professor da Universidade Loyola Marymount, na Califórnia (oeste dos EUA).

 

"Em um ano extremo, podemos falar de dois meses", acrescentou.

 

O estudo concluiu que se as emissões de dióxido de carbono forem reduzidas de forma significativa será possível mitigar a intensidade das ondas de calor.

 

Mas as temperaturas no Mediterrâneo se elevarão de qualquer forma a um ponto em que serão uma ameaça para a saúde humana, a agricultura e a estabilidade econômica, concluíram os cientistas.

 

"Achamos que a redução de emissões de gases de aquecimento global diminui o impacto, mas vemos efeitos negativos, inclusive com emissões menores", explicou Noah Diffenbaugh, professor da Universidade Purdue de Indiana, que chefiou a pesquisa.

 

"As mudanças climáticas e de comportamento que puderem ser feitas agora terão uma grande influência no que realmente ocorrerá no futuro", acrescentou.

O estudo explorou dois dos cenários mais aceitos entre os que foram desenvolvidos pelo Painel Internacional de Mudança Climática: um que mostra o que ocorrerá se as mudanças às políticas de emissões são menores e outro que considera grandes mudanças nestas políticas.

O primeiro estabeleceu um aumento das concentrações de dióxido de carbono na atmosfera de 123% em 2100, e o segundo, 62%.

Neste caso, ao invés de as temperaturas subirem sete ou oito graus em Paris, a elevação será de 6 ou 7 graus, e poderá haver a metade de dias perigosamente quentes.

O estudo foi publicado na edição de 15 de junho do periódico Geophysical Research Letters.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas pelo o que eu ouvi, a Europa corre o risco de ficar justamente mais fria, por causa do enfraquecimento da Corrente Do Golfo, que é o que mantém a Europa mais quente que outras regiões localizadas a mesma latitude...Nova York, por exemplo, fica a uma latitude de 41 graus Norte, algo semelhante a Nápoles ou Madrid...entretanto, a temperatura média anual de NY é bem mais baixa que a destas cidades, sendo comparável a de Londres, cidade localizada bem mais a norte(51ºN)...e mesmo Londres não é tão fria quanto NY no inverno...

 

...aliás, Londres está mais próxima do polo inclusive que a maioria das grandes cidades Canadenses, como Winnipeg, Toronto, Montréal, Quebec(a cidade), Ottawa, Calgary...as médias destas cidades, por outro lado, são uns 5ºC mais baixas que as de Londres...e devido a amplitude térmica muito maior nestas cidades(graças a continentalidade), a diferença no Inverno sobe ainda mais, ficando, em média, de 10ºC a 15ºC mais frios que em Londres...

 

...QUEM ME DERA QUE O BRASIL TIVESSE UM CLIMA TEMPERADO CONTINENTAL COMO O CANADÁ!
The Keymaker2007-06-22 18:32:10

Share this post


Link to post
Share on other sites

Algumas considerações:

 

1 - Não há prova de que esta mesmo havendo um "aquecimento global" fora do comum. Segundo alguns teóricos, a terra passa por ciclos de aquecimento e resfriamento com duração de 30 anos aproximadamente. Pesquisem sobre esses ciclos. Tem informação sobre isso na internet. Inclusive vi umas capas da revista Time, com reportagens de 60 e 30 anos atrás, nas quais havia um alarmante aquecimento e um alarmante resfriamento globais acontecendo, respectivamente. Agora voltamos ao aquecimento.

 

2 - Não há prova de que o suposto "aquecimento global" seja resultado de ações humanas.

 

3 - Al Gore recebeu durante muito tempo doações de empresas de cigarro, criminosos e empressas poluidoras, para suas campanhas eleitorais. Ele gasta fortunas com eletricidade e com combustíveis fosseis que movem os carros e aviões nos quais ele viaja tanto. Estranho comportamento para alguem que se diz contra o fumo e engajado na luta pelo meio ambiente. Não parece muito ecológico disperdiçar energia e andar pra cima e pra baixo de carro movido a gasolina...

 

4 - Muita gente tem a ganhar com essa histeria global sobre o aquecimento. Já perceberam que uma das melhores maneiras de parar o crescimento de um país é pressioná-lo com a desculpa de que esta poluindo e prejudicando o mundo todo? O crescimento da economia chinesa é uma ameaça aos países desenvolvidos. Então para impedi-la fazem pressão usando o meio ambiente como desculpa. Isso depois desses mesmos países desenvolvidos terem poluído muito mais para chegar onde estão.

 

5 - Segundo alguns teóricos, a atividade humana ainda não afetou nem 5% da massa de gases da atmosfera.

 

 

Há muita coisa sendo propositalmente ignorada pela mídia.

 

Acho que seria bom vcs pesquisarem mais e em diferentes fontes, antes de entrarem nessa histeria liderada pelo ex-vice-presidente americano hipócrita. 18

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Al Gore passou oito anos na casa branca e não se moveu para assinar o protocolo de Kyoto. Agora que ele está na oposição produz documentários anunciando o apocalipse climático. Oportunista...

Poisé...pior do que ele são os Chineses, que já se tornaram os maiores poluidores mundiais, e continuam poluindo sem parar...não é atoa que as cidades Chinesas, de tão poluidas, já estão "amareladas"...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu sei que é ignorância minha, mas não fico acompanhando o mundo ser destruído pelo próprio homem. Faço a minha parte. Já está bom demais.

Uma vez me disseram que o aquecimento global gera na sociedade o hedonismo. Será? 17

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

O canal 4 da tv britânica produziu um documentário que mostra o "outro

lado" do aquecimento global. É um contraponto bastante interessante em

relação a tudo que tem aparecido na mídia sobre o assunto ultimamente.

Vale a penas assistir.

 

 

 

Parte 1

 

 

 

http://br.youtube.com/watch?v=1JCVjg7H94s

 

 

 

Parte 2

 

 

 

http://br.youtube.com/watch?v=KNtvuA-D_O8

 

 

 

 

Parte 5

 

 

 

 

 

http://br.youtube.com/watch?v=0mZSKRDDBFE

 

 

 

 

Parte 7

 

 

 

 

http://br.youtube.com/watch?v=OBd8_cgLYek

 

 

 

 

 

 

Moonsorrow2007-07-07 16:23:34

Share this post


Link to post
Share on other sites

Depois de ver o palanque planfetário do Al Gore e empresas de alta tecnológica como Philips no execrável show Live Earth. Agora sou assombrado pelas recentes postagens, uma mais original do que a outra. Parece que o pessoal vive aqui comigo em Plutão.06

<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Afinal, querem saber a verdade é tudo mito mesmo. Quem disse que o homem polui o planeta? Quem disse que os países mais industrializados são os responsáveis pelo aquecimento global? É tudo ficção de algum filme do meloso do Spielberg.  Nada disto nunca existiu! A Oceania nunca entrou em guerra com a Eurásia, ambas são aliadas agora e sempre. Da-lhe 1984 vocês aqui sabem mesmo manipular as informações, conforme querem expor os seus pontos de vistas orgulhosos e inabaláveis. 14

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas pelo o que eu ouvi' date=' a Europa corre o risco de ficar justamente mais fria, por causa do enfraquecimento da Corrente Do Golfo, que é o que mantém a Europa mais quente que outras regiões localizadas a mesma latitude...Nova York, por exemplo, fica a uma latitude de 41 graus Norte, algo semelhante a Nápoles ou Madrid...entretanto, a temperatura média anual de NY é bem mais baixa que a destas cidades, sendo comparável a de Londres, cidade localizada bem mais a norte(51ºN)...e mesmo Londres não é tão fria quanto NY no inverno...

 

...aliás, Londres está mais próxima do polo inclusive que a maioria das grandes cidades Canadenses, como Winnipeg, Toronto, Montréal, Quebec(a cidade), Ottawa, Calgary...as médias destas cidades, por outro lado, são uns 5ºC mais baixas que as de Londres...e devido a amplitude térmica muito maior nestas cidades(graças a continentalidade), a diferença no Inverno sobe ainda mais, ficando, em média, de 10ºC a 15ºC mais frios que em Londres...

 

...QUEM ME DERA QUE O BRASIL TIVESSE UM CLIMA TEMPERADO CONTINENTAL COMO O CANADÁ!
[/quote']

 

Sonha meu filho! Quem sabe o improvável e o absurdo aconteçam. Tipo venha uma era glacial e o Brasil fique com temperaturas próximas das regiões de clima temperado. É absurdo, mas se me descrevessem opiniões absurdas como a suas e de outros aqui alguns anos atrás eu não acreditaria. Mas olha ainda existem opiniões e mentalidades atrás de seu tempo.  Em suma, você é prova que o impossível é perfeitamente possível. 1006

Share this post


Link to post
Share on other sites
Algumas considerações:

1 - Não há prova de que esta mesmo havendo um "aquecimento global" fora do comum. Segundo alguns teóricos' date=' a terra passa por ciclos de aquecimento e resfriamento com duração de 30 anos aproximadamente. Pesquisem sobre esses ciclos. Tem informação sobre isso na internet. Inclusive vi umas capas da revista Time, com reportagens de 60 e 30 anos atrás, nas quais havia um alarmante aquecimento e um alarmante resfriamento globais acontecendo, respectivamente. Agora voltamos ao aquecimento.

2 - Não há prova de que o suposto "aquecimento global" seja resultado de ações humanas.

3 - Al Gore recebeu durante muito tempo doações de empresas de cigarro, criminosos e empressas poluidoras, para suas campanhas eleitorais. Ele gasta fortunas com eletricidade e com combustíveis fosseis que movem os carros e aviões nos quais ele viaja tanto. Estranho comportamento para alguem que se diz contra o fumo e engajado na luta pelo meio ambiente. Não parece muito ecológico disperdiçar energia e andar pra cima e pra baixo de carro movido a gasolina...

4 - Muita gente tem a ganhar com essa histeria global sobre o aquecimento. Já perceberam que uma das melhores maneiras de parar o crescimento de um país é pressioná-lo com a desculpa de que esta poluindo e prejudicando o mundo todo? O crescimento da economia chinesa é uma ameaça aos países desenvolvidos. Então para impedi-la fazem pressão usando o meio ambiente como desculpa. Isso depois desses mesmos países desenvolvidos terem poluído muito mais para chegar onde estão.

5 - Segundo alguns teóricos, a atividade humana ainda não afetou nem 5% da massa de gases da atmosfera.


Há muita coisa sendo propositalmente ignorada pela mídia.

Acho que seria bom vcs pesquisarem mais e em diferentes fontes, antes de entrarem nessa histeria liderada pelo ex-vice-presidente americano hipócrita. 18
[/quote']

 

Acorda!

 

O primeiro de abril já passou Bush. Estamos em 9 de Julho de 2007. 06

 

06

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

×