Jump to content
Forum Cinema em Cena
crazy

Fringe

Recommended Posts

Triste um finale de Fringe sem surpresas... continuo achando que o 419 foi o maior tiro no pé da série toda. Palmas pra cena em que Walter atira na Olivia, pra mim uma das melhores da série (tanto pela imprevisibilidade quanto pelo desenvolvimento do personagem).Dark2012-05-18 13:19:00

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Pra mim final da temporada foi bastante fraco, o mais fraco de todas as temporadas. Só que tem um porém, este não era pra ser o final. A série estava caminhando para o series finale, já que todos acreditavam que não ganharia uma continuação. Quando a 5ª próxima temporada começou a se tornar real, fizeram um final alternativo pra temporada que acabou forçada e sem surpresas. O final que seria trabalhado era o que apresentava os personagens naquele futuro alternativo em que os Observadores voltaram para dominar o mundo e no fim aquele episódio acabou se tornando um tanto separado de toda a temporada, já que nem a morte da Olívia, que foi dando tanta importância, se concretizou. Agora irão trabalhar os 13 episódios para serem o mais redondinho possível e poderão apresentar o final que quiseram.

 
Eu não sei quanto a vocês, mas pra mim Fringe não precisa responder mais nada, a não ser aquele futuro.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O terceiro episódio também foi fraco.

 

1) O draminha do pai não me convenceu. Tema um tanto batido: Sacrifício para um bem maior. E é difícil de medir a real importância deste sacrifício sem saber a real probabilidade do plano de Walter de dar certo, à medida que não se sabe qual é esse plano.

 

2) Não seria mais racional reunir todas as fitas e entender o plano do Walter para só então procurar os elementos necessários para a sua execução? Pode ser que hoje o plano não dê mais certo. Os observadores podem ter percebido o seu ponto fraco e corrigido. Ou hoje pode haver opções melhores para alguns dos elementos necessários. Por exemplo, os observadores podem ter desenvolvido alguma fonte de energia abundante, de acesso mais fácil e melhor do que aquele mineral.

 

3) É muita coincidência o pessoal instalar um "museu da humanidade', com especial ênfase à Divisão Fringe no local da única mina conhecida de um mineral capaz de ser fonte de energia para o plano do Walter.

 

4) Cadê o pessoal do outro lado? Walternate, Bolivia, seu namorado? É decepcionante que o Universo paralelo não seja mais mencionado na etapa final da série. É como se fosse abandonado a temática alienígena na última temporada de X-files. Ou que os médicos de Grey´s Anatomy desistissem de medicina e fizessem Direito. Ou que Dexter fosse curado, virasse evangélico e após dopar e prender suas vítimas, começasse a ler a Bíblia e o deixasse ir após algumas horas...Ou que a proibição de bebidas fosse revogada e os gangsters de Boardwalk Empire montassem uma grande fábrica de whisky legalizada. Ou que Walt voltasse a ensinar química na última temporada de Breaking Bad e a trama principal se focasse na relação entre o professor e seus alunos Jesse, Walt Jr e alguma adolescente gostosa apaixonada pelo Walt.

 

5) Como os observadores não conseguiram desenvolver algum aparelho capaz de furar amber?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não sei prq tanto reclamam o chiam com Fringe... Concordo que deu uma mudada de foco enorme e que ficou uma enorme lacuna, mas no geral, ainda é uma das melhores séries atualmente e da história, devido a sua forma inteligente de se explorar e reinventar, além dos ótimos atores que só evoluiram com o tempo, além do fenomenal John Noble...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Recapitulando:

 

Fim da terceira Temporada: Peter não sabe que tem um filho com Bolivia. Usa a máquina para criar uma ponte fixa entre os dois mundos e curá-los da mútua destruição. Observadores deletam Peter da História.

 

Quarta Temporada: Apresenta-se o Mundo sem o Peter adulto . Introduz-se uma espécie Terceira e Quarta realidade alternativa, considerando que houve mudanças significativas nos dois mundos. Mas não explica essa nova realidade com a ausência do Peter. Nessa realidade:

1) Nina continua no comando da Massive Dinamic, porém adotou Olivia. Seria por causa dos testes de Walter? Será que isso ocorreu por que o Peter não encontrou Olivia quando crianças naquele quartel onde o Walter usava a Olivia como cobaia humana? Na realidade anterior, Nina respondia ao Bell, que vivia no mundo B. Nessa realidade, não mencionam Bell até ser revelado como o grande vilão.

2) Olivia conseguiu convocar Walter para trabalhar em Fringe mesmo sem a ajuda de Peter. Entretanto, Walter tem agorofobia e não sai de Harvard.

3) Pelo que recordo, o Peter chegou a existir, porém não foi salvo pelo Walter. E ainda criou toda a tensão entre as duas realidades.Resta a pergunta: quem teria criado a ponte se Peter nunca tivesse sido salvo?

4) A irmã da Olivia teria morrido. E nunca teve a sua sobrinha. O que isso teria a ver com a ausência de Peter?

5) O Broyles B não morreu. Mas se revela um espião, devido à promessa de tratamento para o seu filho.

6) O William de antigo herói que se sacrificou para ajudar a equipe Fringe a vencer a guerra transforma-se em um vilão de James Bond que quer destruir o mundo e reabitá-lo com monstros. Qual o sentido disso? O que tema a ver com o sumiço de Peter?

7) O sentimento dos que sentem a falta do Peter é tão forte que acaba trazendo-o de volta à vida. Olivia readquire as memórias do antigo Peter e "vira" a antiga Olivia. Contudo, aparentemente mais ninguém se lembra do Peter antigo, nem o Walt, não?

 

Quinta temporada:Avançam-se cerca de 20 anos no futuro. Algo como uma quinta realidade alternativa.

1) De seres angelicais, atemporais pacíficos e avançados, os observadores transformam-se em nazistas, torturadores e um tanto tapados. Cadê aqueles seres calmos que estão em todos os grandes eventos, em absoluto controle da situação e que podem se deslocar livremente no espaço-tempo?

2) A filha de Peter/Olivia logo some para reaparecer já adulta como membro da Fringe e espiã rebelde. É difícil para o público convencer-se da relação dela com os pais, que possuem quase a mesma idade que ela. Até por que público nunca chegou a conhecer a garota como criança. E como adulta, ela não é lá muito simpática (se bem que temos de considerar as circunstâncias).

3) Walter, Peter e Bell são achados presos em Amber? O que Bell estaria fazendo lá? Na temporada anterior, após ser derrotado por Walt, ele vira fumaça e se esconde em um vaso. Depois ele volta a ser amigo da Turma contra a invasão dos observadores?

4) O plano original dos Observadores era conquistar a Terra? Ou partiram para um plano B?

5) O roteiro esqueceu-se de Bolivia, Walternate, Agente Lee. Os observadores invadiram também o outro lado no futuro?

6) Também não escutamos nada a respeito de Nina Sharp.Morreu?

 

O problema de Fringe nestas duas últimas temporadas é a criação de realidades alternativas que recontam a estória e possuem pouca solução de continuidade em relação à temporadas anteriores. Os espectadores causais totalmente perdidos. Os fãs ficam decepcionados pela ausência de nexo da estória.

 

Além disso, a estória de uma sociedade tecnologicamente avançada dominar a humanidade já foi contada e recontada com melhores resultados em séries e filmes: Battlestar Galatica e Exterminador do Futuro são bons exemplos. Fringe não está trazendo conceitos novos e está focando em drama humano superficial.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Até onde eu entendi, a resposta pra todas as perguntas relacionadas ao Peter é a Henrietta...

Querer saber o contexto nos mínimos detalhes de todas as realidade é um tanto quanto querer demais, afinal, deve-se considerar que séries possuem tempo limitado e não podem ficar explicando tuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuudo denovo, até prq seria muito bobo explicar tudo, portanto eu aceitei tudo de boa, curioso, querendo saber tudo, mas suspendendo minhas crenças sobre tudo que já tinha visto na série anteriormente...

 

 

Os observadores nunca foram seres angelicais e pacíficos... Sempre os vi como figuras sem emoção, controladores e perigosos, tendo visto os experimentos que faziam, como a sonda supersônica e suas obsessões por apagarem o Peter e consequentemente a Henrietta...

 

O September foi o único que se atreveu fazer alguma coisa para salvar o Peter e isso o tornou um agente "duplo"...

 

E a mesma reação que vc tem quanto à relação entre Peter/Olívia e Henrietta é a que a Olivia possui... Ela está com problemas quanto à isso...

 

Já o prq de todos estarem presos no Ambar? Ainda tem chão a série, pouco, mas tem, vamos aguardar...

Share this post


Link to post
Share on other sites

em alguns pontos o richard4 tem razão, tem muita coisa q a gente não entende e não sabe nem o q aconteceu..

quanto aos obs. eles no começo so faziam isto msm observar, sem interferir, estavam como q

avaliando a humanidade, creio eu né?!

quanto ao mundo alternativo, eu acho q quando destruíram a ponte ele desapareceu..::

masss a gente quer o que em se tratando de J.J :(

Share this post


Link to post
Share on other sites

Realmente exagerei no angelical... Mas eles eram aparentemente pacíficos. E mais importante, eles davam a impressão de serem superpoderosos, de terem todas as respostas, tecnologia avançadíssima, capacidade de conseguir se locomover perante múltiplas realidades. Na presente temporada, eles parecem nazistas tapados. Não conseguiram detectar a Henrietta como espiã, sendo essa filha de Olivia e Peter. Além disso, há outros espiões infiltrados fornecendo inteligência impunemente. E demoraram quase um dia para chegar até a cidade em que a Resistência foi vista.

 

Se fossem detalhes, eu até deixaria passar. O problema é que são questões fundamentais para a série que não estão bem contadas. Essa construção de realidades sem o Peter não foi bem feita.. Será que devemos supor que todas as diferenças entre as realidades se devem à falta de influência direta do Peter, que não teria sido salvo pelo Observador? E jogaram fora todos os eventos mais importantes das três primeiras temporadas. O público não sabe se determinado evento ocorreu ou não, ou se aconteceu de modo diverso. Por exemplo, o Bell foi de fundamental ajuda nas primeiras temporadas, tendo até sacrificado a própria vida na esperança de acabar com a guerra. Na quarta temporada, ele era o grande vilão. Então, devemos assumir que ele não ajudou a Equipe Fringe nessa nova realidade sem o Peter? E estou me referindo a grandes eventos da série. E a gravidez da Bolivia? Que fim levou? Era um enorme evento na série e foi simplesmente apagado, não originou nenhum conflito, ficou só na expectativa.

 

Nessa quinta temporada, os roteiristas estão perdendo tempo focando em dilemas de personagem desconhecidos cujos destinos são indiferentes ao público: o loyalist e adorável alimentador de pombas Razinski e o lider leproso do "museu da humanidade". E pior, esses personagens tendem a desaparecer por completo da série. Não cumprindo função nenhuma na estória, exceto por destacar a "humanidade de Henrietta" influenciada pela mãe ao libertar o Razinski e a esperança depositada no plano de Walter pelos humanos remanescentes, capazes de sacrificarem suas vidas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Realmente exagerei no angelical... Mas eles eram aparentemente pacíficos. E mais importante, eles davam a impressão de serem superpoderosos, de terem todas as respostas, tecnologia avançadíssima, capacidade de conseguir se locomover perante múltiplas realidades. Na presente temporada, eles parecem nazistas tapados. Não conseguiram detectar a Henrietta como espiã, sendo essa filha de Olivia e Peter. Além disso, há outros espiões infiltrados fornecendo inteligência impunemente. E demoraram quase um dia para chegar até a cidade em que a Resistência foi vista.

 

bem essa parte ai, ficou meia sem noção msm, tb achei mega estranho e sem sentido, masss

vamos aguardar para vê se pelo menos conseguem fechar sem muitos pontos de ? :(

Share this post


Link to post
Share on other sites

Simplesmente FENOMENAL a Series Finale de Fringe...

 

Para aplaudir de pé a atuação de John Noble...

 

A série evoluiu demais nestes 5 anos, conseguiu, embora com algumas dificuldades e mudanças bruscas no rumo, agradar em cheio ao que se propôs... Terminou dignamente... FELIZMENTE!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Faz muito tempo que não posto nada no fórum, mas final de Fringe não poderia passar em branco de forma alguma. Final sensacional, amarrou tudo de forma exemplar, fez homenagens aos grandes momentos de toda a série, apresentou atuações impecáveis, foi uma verdadeira explosão de sentimentos, teve de tudo, até a Gene! Pra quem viu a série desde aquele primeiro episódio que "vazou", acompanhou toda a evolução que a série passou nestes anos e comemorou ano após ano pela renovação da próxima temporada, recebeu um final digno da série. É isso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...