Jump to content
Forum Cinema em Cena

Amor e outras drogas


Lucasfilmes
 Share

Recommended Posts

E então alguém já viu esse filme? Infelizmente eu ia ver "O Vencedor" mas perdi o horário, então para não perder a viagem, eu fui de cara azeda ver a comédia romântica estrelando a Anne Hathaway.

 

E olha, tenho que dizer, até que fui surpreendido. Não quer dizer que o filme seja lá essas coisas, afinal eu tinha 0 de expectativas... e eu tenho uma inexplicável antipatia pela Hathaway, simplesmente não gosto dessa atriz. Ainda assim um filme um tanto melhor que a maioria do comédias românticas, que sejamos honestos, é um dos estilos de filmes mas desgastados e manjados que existem.

 

E por deus, esse filme é manjado, de todas as maneiras possíveis. Mas é agradável, embora tenha seus personagens secundários não tenham importância e significado algum para a história, o casal de protagonistas são mais clichês impossíveis, como o galã homem-menino bonitão, carimático e inteligente (a ponto de ser um gênio) amante de sexo casual e a artista inteligente e independente  com um corpo de modelo (e sim, ela vive naqueles galpões industriais cheios de tintas e veste macacões.... arghhh). E o filme tem toda as passagem obrigatórias, incluindo aquela montagem com música mostrando a evolução do relacionamento para dar mais intimidade da audiência com o relacionamento. Ah, e a heroina tem uma doença.... ugh..

 

Enfim, básico ao extremo, mas entretem, então acho que passa. Mas é uma penas que "Amor e outras drogas" seja um pouco mais que mostrar duas pessoas lindas encontrando o amor... que é a proposta de 99% das comédias românticas.

 

 

 

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

... Não quer dizer que o filme seja lá essas coisas' date=' afinal eu tinha 0 de expectativas... e eu tenho uma inexplicável antipatia pela Hathaway, simplesmente não gosto dessa atriz...

 

...Enfim, básico ao extremo, mas entretem, então acho que passa. Mas é uma penas que "Amor e outras drogas" seja um pouco mais que mostrar duas pessoas lindas encontrando o amor... que é a proposta de 99% das comédias românticas.

[/quote']

 

06 mais um para o clube...

 

É o único tipo de filme que NÃO PROCURO VER. Como vc falou, 99% das vezes é a msma coisa de sempre.
Link to comment
Share on other sites

 

 

06 mais um para o clube...

 

É o único tipo de filme que NÃO PROCURO VER. Como vc falou' date=' 99% das vezes é a msma coisa de sempre.
[/quote']

 

Bom, a crítica, principalmente a americana, não anda perdoando uma comédia romântica sequer, ainda mais suas variações, como aquele romance de espionagem do Tom Cruise e Cameron Diaz, e é um gênero que jovens atores em ascensão evitam. Estranhamente, Natalie Portman depois do melhor papael da sua carreira em Cisne Negro foi fazer uma comédia romântica muito paredida com essa (duas pessoas atraentes que só querem fazer sexo casual) com o Ashton Kutcher, cujos filmes só andaram bombando ultimamente.

 

Comédias românticas atualmente são vistas como um purgatório para atores que um dia já foram o assunto do momento e torcem que um dia possam voltar a trabalhar com os gigantes de Holywood. E esse purgatório é comandado por Matthew McConaughey

 

E eu nem sei se dá para chamar esse filme de comédia, certamente tem momentos que ele tenta ser engraçado no começo, tem personagens secundáros que supostamente deveriam ser alívios cômicos, como o irmão gordo do protagonista perfeito, mas ele não faz nada além de ser... hum... gordo.

 

O que eu achei de melhorzinho foi o protagonista de Jake Gyllenhaal, que me passou mesmo a impressão de um homem que não consegue ter uma boa imagem de si mesmo, incapacitando a si mesmo de ter uma relação saudável seja com mulheres ou com a família. Mas ele também fez a cena mas ridícula do filme, em que seu personagem sofre FISICAMENTE na hora de eu dizer "eu te amo"... ugh

 

E hey! eu não sou o único a ter antipatia pela Hathaway. Obviamente não tenho nada contra a pessoa, e admito que ela sabe fazer o trabalho dela, ainda assim tem algo nela que simplemente me causa desconforto, eu não consigo gostar dela.

Link to comment
Share on other sites

É sim uma comédia clichezona, sem nenhuma graça.

Que herege isso, fazer graça sobre uma pessoa jovem com mau de Parkinson... aff!

Mas o filme é gostosinho de assistir pelo casal,  são lindos  estão bem e tem uma puta química... e tome cenas hot, de nudez e tudo.

 

Eu daria fácil uns 7,5 (mas como dizem sou boazinha nas notas)

 

 
Link to comment
Share on other sites

Nah, 7,5 está bom. não diria uma puta química entre os protagonistas, mas pelo menos eles aparentam gostar um do outro, o que não se pode dizer de diversas outras comédias românticas, em que os astros parecem detestar cada segundo em que estão trabalhando nesse filme.

As cenas de nudez realmente são um tanto picante para esse tipo de filme. Claro, sempe rola um sexo, afinal hollywood pensa que tudo que queremos ver nos filmes é pessoas bonitas fornicando uma com as outras, mas geralmente é uma bunda, um peito, nesse caso eles são mais ousados... mas sem frontal.

 

Mas para 2011 isso nem chega a ser um ponto para levar muito em consideração. Sim eles estão nús, e dai? Não é todo mundo que tem 15 anos...

 

Eu dou 6,5, para passar, e só.

 

 

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

O que há de novo nesse filme? A tão comentada "química" entre os protagonistas? Falar de Vigra e Parkison na mesma história, que mau gosto!

 

Quem viu Doce Novembro não precisa gastar sua grana pra ver esse.02

 

A única coisa que me fará ver esse filme é o jake " galã homem-menino bonitão" gyllenhaal!10
Link to comment
Share on other sites

Eu também não curti esse filme e muito se deve ao roteiro raso e artificial e a mão pesada de Zwick para transitar entre a comédia, o romance e o drama. O grande atrativo é o casal central, pois são atores interessantes, mas não necessariamente pq seus personagens são. É uma comédia romântica dramática para hipocondríacos. 4.5/10 Thiago Lucio2011-02-15 22:24:53
Link to comment
Share on other sites

  • 1 month later...

 

Revi ontem e ainda gosto desse filme. Acho ele  engraçado, bonitinho, com aquela pitada de melodrama fofa de comédia romântica no final que dá tudo certo.

 

Só discordo da ADLIZ, acho que o filme não quer falar de Viagra e Parkinson ao mesmo tempo, o lance do filme é a industria farmacêutica, é uma leve crítica, ou apenas menciona os problemas dessa industria e o quanto ela fatura e a gente "pensa nisso". Mas acho que isso nem é o foco do filme, apenas serviu de pano pro desenrolar da história.

 

Só não consegui sentir o clima dos anos 90 com tanta força, quanto parecia que  o filme queria que você sentisse.

 

Fran Pierri2011-03-24 09:27:02

Link to comment
Share on other sites

  • 3 weeks later...

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...