Jump to content
Forum Cinema em Cena

Jailcante

Members
  • Posts

    26916
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    193

Everything posted by Jailcante

  1. Brendand Fraser entra pro elenco do filme. Em notícia, diz que filme está na metade das filmagens.
  2. Mas por parte da Scarlet, ela sempre disse que processo é por dinheiro, ela não acha que recebeu o justo pelo filme por causa da Disney ter colocado no streaming. A Disney é que enfiou a pandemia no meio pra se fazer de coitada.
  3. Gosto muito do primeiro filme em NY, do segundo em LA até que não, achei ele meio brocha (e nem tem cara de sequel e sim, um soft remake). Mas se o John e Kurt quiserem fazer outros, por favor: quero.
  4. Pesadelo (Nightmare, Dir.: Romano Scavalloni, 1981) 2/4 Um cara que acaba de sair do hospício tem constantes pesadelos de mortes, e fica atormentado por eles, enquanto assassinatos reais acontecem. Achei um filme meio bagunçado. Poderia ter rendido bem mais se tivesse trabalhado melhor suas ideias. Começa lento com o cara pertubados e andando por aí, lembrando mais um gialo, mas depois até que ganha certo ritmo quando ele fica obcecado por uma família e fica stalkeando ali o povo. Tem uns plot twist meio óbvios (talvez não era na época, mas hoje já dá pra saber). É um filme slasher meio 'boca do lixo' sujão, que até ensaia ser algo maior, mas ficou no meio termo. Spoiler: Um dos twist do fala que o filho do cara talvez fosse psicopata também e tivesse matado o pai de propósito (quando tá no carro da polícia, ele dá um sorriso bizarro em certo momento, meio que deixando claro que ele seria como o pai). Seria MUITO interessante mesmo saber que o filho estava ali junto do pai nos assassinatos, talvez até incentivando o pai e até cometendo alguns deles, e aí esse sorriso seria dele assumindo isso, mas não. Essa revelação ficou meio brocha, porque o menino ali estava só defendendo a família mesmo quando matou o pai, não pareceu encenação. Essa cena final, dele sorrindo, ficou pro filme ter uma continuação (com o filho matando gente?), mas ficou meio solta demais já que esse sequel nunca veio.
  5. Deve ser que nem Halloween pelo jeito, vão considerar só filme original mesmo.
  6. Que coisa, os dois dublavam a dupla e foram embora praticamente juntos. R.I.P. vozes lendárias.
  7. Outro processo, mas não é contra a Disney (Mickey fala 'ufa!'): Gerard Butler processa os produtores do 'Invasão à Casa Branca' (2013): Gerard Butler Sues Over ‘Olympus Has Fallen’ Profits The actor files a $10 million fraud claim against Millennium Media. In a lawsuit filed on Friday in Los Angeles Superior Court, Gerard Butler alleges being owed at least $10 million from the success of Olympus Has Fallen, the 2013 blockbuster about an assault on the White House. Butler brings a fraud claim with the assertion that defendants Nu Image, Millennium Media and Padre Nuestro Productions never intended to pay him net profits. The film has grossed about $170 million worldwide, yet he says he hasn’t seen a penny in net profits, with an audit of accounting statements raising flags in multiple areas on the revenue side both domestically and foreign. The actor nods to how the producers are currently fighting with the DGA over pension payments and states that Nu Image and Millennium are deducting residuals never paid out. The suit also attacks a “comprehensive, premeditated scheme” to allegedly hide money and deprive Butler of net profits with word of agreements with distributors structured so that not all gross receipts have to be reported. The case is being handled by attorneys at Greenberg Glusker. Millennium didn’t immediately comment about the suit https://www.hollywoodreporter.com/business/business-news/gerard-butler-sues-olympus-has-fallen-1234990987/ Pelo que entendi, o filme fez um sucesso (até teve sequels), mas ele não viu o dinheiro correspondente entrar no bolso dele.
  8. Graças que foi só um susto mesmo.
  9. O Larry Zerner foi ator no Sexta-feira 13 Parte 3, mas hoje é advogado e especialista nesses lances de Hollywood. Ele deu uma esclarecimento sobre essa coisa toda Disney x Scarlet. Muitos estão questionando se a Emma Stone (por Cruela) e a Emily Bunt (por Jungle Cruise) poderiam processar a Disney, mas são coisas diferentes. As duas foram contratadas pela própria Disney, então não poderiam. Scarlet está questionando que a Disney interferiu no seu contrato com a Marvel, que produziu o Viúva Negra. Scarlet argumenta que Marvel e Disney são duas entidades separadas e a Disney meteu o bedelho onde não poderia. Ele diz que esse argumento, provavelmente, não vai funcionar.
  10. E o Taika ainda vai dirigir o Flash Gordon, que agora vai ser Live-Action e não mais uma animação. Faz sentido ele dirigir esse filme, já que o filme do Flash Gordon é um "Thor Ragnarok dos anos 80". Considero que esse periga ser o 'Thor Ragnarok parte 3' hehehe
  11. Já tá na hora de abrir o novo tópico? Já abriram o Golden Derby pra essa temporada.
  12. Kevin Feige tinha feito apelo pra não ter lançamento simultâneo na Disney+ da Viúva Negra, e quer que Disney aja certo com a Scarlet. Só Kevin tem poder de dá um basta nisso. Se nem ele conseguir, aí vai ficar complicado mesmo.
  13. Também acho uma questão "fácil" de resolver: Se Disney não acordou nada com ela sobre o lançamento no streaming, então não tem nem o que discutir. Scarlet não passa mais frio na vida, porque está coberta de razão. Só quero ver o migué que Disney vai tentar fazer pra se livrar dessa.
  14. Scarletinha linda e colhuda. Processar Disney não é pra qualquer um mesmo. E nem só ela estaria chateada com esse lançamento no Disney+... VIÚVA NEGRA: KEVIN FEIGE ESTÁ “FURIOSO” COM LANÇAMENTO DO FILME, DIZ SITE O chefe da Marvel Studios não queria que o filme fosse lançado no streaming. Após muitos atrasos devido a pandemia da Covid-19, Viúva Negra finalmente chegou aos cinemas e no Disney+. Porém, nem todo mundo que está por trás do filme ficou feliz com a decisão de lançar o longa no streaming, tanto que a própria Scarlett Johansson está processando a Disney por quebra de contrato. Mas parece que a atriz não é a única dentro da Marvel Studios descontente com a decisão. Uma nova informação vinda do What I’m Hearing… (via Comic Book), um newsletter criado pelo antigo editor do The Hollywood Reporter e advogado de entretenimento, Matthew Belloni, diz que Kevin Feige também não ficou feliz com a decisão. Não é de hoje que os fãs do Universo Cinematográfico da Marvel ouvem rumores de que Kevin Feige não queria que Viúva Negra fosse lançado no Disney+ através do Premier Access, com fontes dizendo que ele não tinha nenhum problema em esperar um longo tempo para que fosse seguro fazer um gigantesco lançamento nos cinemas. Contudo, a Disney forçou o lançamento do filme de forma limitada. Segundo Belloni, o chefe da Marvel Studios está “com raiva e envergonhado” pelo fracasso comercial que Viúva Negra se tornou, já que o lançamento limitado nos cinemas durante um momento de insegurança fez com que o público não fosse ver o filme. A informação diz: Segundo o jornalista, a Disney se negou a comentar sobre o assunto. Ontem, contudo, a empresa se posicionou em relação ao processo de Scarlett Johanson, dizendo: Por enquanto, o filme solo da Viúva Negra está em cartaz nos cinema e disponível no Disney+ pelo Premier Acess. https://www.legiaodosherois.com.br/2021/viuva-negra-kevin-feige-furioso-lancamento-rumor.html
  15. Dalenogare disse que o Shyamalan seguiu fielmente a HQ (é uma HQ francesa), mas mudou o ato final, e o final que ele colocou não tem muita ligação com o resto do filme. Ele não amarrou muito bem o lance.
  16. É, não vai ter ligação nenhuma mesmo... J.K. Simons em negociações pra voltar como Comissário Gordon no filme da BatGirl. Deixa-me adivinhar... Filha adotiva?
  17. É, acho que Natashinha volta mais não mesmo. Quem tinha alguma esperança, já pode deixar pra lá... Scarlet tá processando Disney pela quebra de contrato por lançar o filme no streaming junto dos cinemas.
  18. Mandarin na cadeia: 'Você diminuiu meu nome, mas vou transformar você num guerreiro digno.'
  19. Minha fanfic: Em algum momento da vida, lá pelos anos 70 ou 80, Peggy consegue viajar no tempo (não me pergunte como) e aí tenta voltar ao passado para evitar o desaparecimento do Capitão. Isso faz um evento Nexus surgir. AVT age aí, a desintegra e ela some da linha do tempo. Capitão, nas suas andanças no tempo pra devolver as joias, descobre esse evento (não me pergunte como), e aí depois de devolver a última joia vai atrás da Peggy momentos antes dela viajar no tempo pra evitar seu sumiço. Ele foi só pra evitar o evento, mas acaba ficando ali e vivendo com ela. Por isso, a AVT não age com o Capitão porque ele acaba por evitar um evento Nexus antes mesmo deles meterem o bedelho. Fim. hehehe
  20. Que esse novo filme nos faça esquecer que o filme de 2018 sequer existiu. (Como queria que aquele lance de apagar memória do 'Homens de Preto' existisse pra poder apagar aquele troço da cabeça)
  21. Escolheram o ator que vai viver nova versão do personagem já vivido pelo Roger Moore numa série dos anos 1960 e Val Kilmer num filme dos anos 1990. Rege-Jean Page, da série Bridgerton da Netflix vai estrelar e também vai ser produtor executivo do filme. O roteiro por A dúvida é a direção. Dexter Fletcher estava cotado, mas ainda não tem confirmação. Rege-Jean Page to Star in Paramount’s ‘The Saint’ Reboot (Exclusive) Playwright-actor Kwame Kwei-Armah is writing the film. Page, the breakout actor from Neflix’s Bridgerton, has come aboard to star in and executive produce the studio’s reboot of The Saint. At the same time, playwright and actor Kwame Kwei-Armah has been brought in to write a new draft of the script for the adventure thriller. This is Page’s second project with Paramount following the upcoming Dungeons & Dragons. Producing The Saint are Lorenzo di Bonaventura and Brad Krevoy, as well as Robert Evans, who died in 2019 and will receive a posthumous credit. The moves put new energy behind the long-gestating project, which as late as last year had Chris Pine attached and Dexter Fletcher directing. That iteration of the project is now shelved, although Fletcher’s current involvement remains unclear. The filmmaker is well-regarded within the studio — he is currently directing the making-of-The Godfather limited series The Offer for Paramount+. Saint is based on the early 20th century adventure novels by Leslie Charteris that featured a mysterious man named Simon Templar taking down various bad guys. The character proved quite popular, appearing in comics, serials and, of course, movies and television. Roger Moore famously starred in the 1960s British TV series of the same name, while Val Kilmer starred in Paramount’s 1997 film The Saint as a master of disguise. The logline for the new version is being kept under wraps. Kwei-Armah co-wrote 892, an indie drama now shooting with John Boyega in the lead. He is also writing the Spike Lee musical All Rise. As a playwright, he won the Peggy Ramsey award and is currently serving as artistic director of The Young Vic in London. Page’s work as Bridgerton heartthrob Simon Basset made him one of Hollywood’s most sought-after actors, with legions of fans disappointed when news came down in April that he would not be returning for the Netflix period drama’s second season. Since his ascension to the top of Hollywood ranks, he lined up roles in the Russo brothers’ The Gray Man with Chris Evans and Ryan Gosling, as well as Paramount’s Dungeons & Dragons movie. Saint, which would reteam him with Paramount, would be his first time headlining a studio feature. Page is repped by CAA, Mosaic, The Artists Partnership and attorney Greg Slewett. Kwei-Armah is repped by United Agents, Gotham Group, Redefine Entertainment and Lichter, Grossman. https://www.hollywoodreporter.com/movies/movie-news/rege-jean-page-the-saint-movie-1234988363/
×
×
  • Create New...