Jump to content
Forum Cinema em Cena

O Caso da Menina Eloá


Rodrigo AS
 Share

Recommended Posts

Ah! Mas que a imprensa por aqui é meio cachorrona é sim... aff!

 

Mas se quer saber ela tem o seu papel.

Em alguns caos eles sabem mais até que os pprios policias que lá estão.

O comandante havia dito ontem que Naiara não tinha levado tiro, que havia se machucado na porta, na cozinha sei lá, mas o dentista que a atendeu disse que foi uma bala que estilhaçou os ossos do nariz e boca, acho.

Disse ainda que Eloá havia levado dois tiros, são 3 na cabeça, virilha e um na nuca.

 

As vezes o papel da mídia [é escancarar o que a polícia quer camuflar.
Link to comment
Share on other sites

  • Replies 182
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

"E a mídia? Qual a responsabilidade da mídia' date=' principalmente a televisiva, no caso do sequestro de Santo André? Vão todos lavar as mãos?"[/quote']

Tu sabe que seria bom começar a questionar a participação da mídia, de tão perto que chega a interferir... aff!

É lógico que os jornalistas alegarão que só estão cumprindo o seu papel...

 A mídia é necessária sim e faz seu papel. Ruim é a mídia sem ética. 

 

Fico pensando se os atiradores de elite não poderiam acertar os ombros do cara, e a polícia invadir... 17

 

 
MariaShy2008-10-18 19:43:12
Link to comment
Share on other sites

Acabei de ler no G1 uma reconstituição do crime e parece que os disparos que acertaram as meninas foram feitos depois que a polícia entrou.

 

Depois da invasão foram feitos 5 disparos. 2 em Eloá, 1 em Nayara, 1 no escudo do PM e outro na aprede, ou seja, lambança.

 

Parece que tinha um móvel impedindo a entrada pela porta.

 

Pela planta do prédio, acho que a invasão deveria ter sido feita ou pelos fundos ou pela janela onde o PM ficou entalado.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Mas o comandante disse que só entraram pq ouviram tiros! 17

 

"...Comandantes da operação revelaram que Lindemberg Fernandes Alves brigava muito com a ex-namorada durante os 4 dias em que a manteve em cárcere privado em Santo André (SP). "A amiga contou que durante as brigas ele batia na ex-namorada", contou o coronel Eduardo José Félix.

A ex-namorada não parecia se abater com as agressões, que envolviam chutes e tapas, e discutia com Lindemberg e "até o provocava", contou o coronel reproduzindo depoimento da amiga da garota.

Durante o tempo em que ficou no apartamento, a amiga informou que Lindemberg não ficava o tempo todo com a arma apontada para elas. "Haviam momentos de descontração, de conversas sobre dia-a-dia", diz o coronel que podia ouvir o que era dito no local por escutas..."

 

Fonte:Uol Notícias

MariaShy2008-10-18 19:55:38
Link to comment
Share on other sites

Eu não acredito em certas coisas que to lendo aqui.

 

A polícia cometeu alguns erros, sim. Mas acho que estão crucificando demais a polícia. Nossa imprenssa sim que é podre, que cria caso, como falado a cima, deram confiança pro bandido. A polícia não lida apenas com o bandido, lida com a população, com advogados, com a família e com a mídia, que é a que mais atrapalha. As coletivas estão me dando nojo, tenho vontade de vomitar com as perguntas tendenciosas dos jornalistas.

 

E falando das 100 horas, há sequestros que duram mais, muito mais tempo, desse mesmo jeito. São casos complicados que exigem tempo mesmo!

 

E vejo que todos aqui são bons negociadores!09

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

Eu não acredito que os disparos que os policiais deram foram que acertaram nas meninas' date=' alias acho que a midia atrapalhou o bastante, e agora dizem que a culpa é da policia. Vamos ser sinceros, a policia cagou chamando a menina de volta até o apartamento...mas a midia cagou bem mais dando confiança para um bandido18...[/quote']

 

Sim sim kika, a polícia nesses casos trabalha apenas com armas não letais! Eles usaram balas de borracha, outra munição que não lemrbo o nome, uma que dá um soco que o cara voa longe e usaram bombas de luz e som.

 

Link to comment
Share on other sites

Creio que a polícia e a imprensa deram muita moral para esse cara! Acredito que mais uma vez nossa polícia mostrou seu despreparo para situações críticas.<?:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

Eu queria saber se tem algum psicólogo na lista que pudesse comentar sobre a Síndrome de Estocolmo (acho que uma definição rasteira seria: estado desenvolvido por pessoas que são vítima de sequestro. A vítima acaba se identificando/tentando conquistar a simpatia do sequestrador), será que  é possível que a amiga tenha desenvolvido tal síndrome ao querer retornar ao cativeiro?

 

Link to comment
Share on other sites

Nem sei se este seria o caso, já que as vítimas conheciam o cara.

 

By uol:

"A ex-namorada não parecia se abater com as agressões, que envolviam chutes e tapas, e discutia com Lindemberg e "até o provocava", contou o coronel reproduzindo depoimento da amiga da garota".
[/quote']

 

Segundo depoimentos de amigos do casal, ele já batia nela desde do começo da relação e ninguém da família dela acreditava. Pelas atitudes de Eloá  nas vezes que aparecia na janela do apartamento, sorrindo e acenando, acho que não acreditava realmente que o namorado fosse cumprir o que prometia.

 

Mas volto a insistir e nisso todos são unânimes: A polícia cometeu um grande erro deixando a amiga voltar ao apartamento.

 

 
Link to comment
Share on other sites

 

Engraçado' date=' Anakin?!... aff! [/quote']

 

 

 

Você não viu a cena da escada? Os policiais afoitos subiram uma escada para entrar pela janela. Quando ele começou a subir, a escada desceu e o policial quase que esmaga a mão nela. Aí ele sobe e quase fica entalado naquela janelinha e, pelo que deu pra perceber, caiu com tudo no chão do apartamento.

 

 

 

Só faltou o tema de Benny Hill...

Link to comment
Share on other sites

Nem sei se este seria o caso, já que as vítimas conheciam o cara.

 

By uol:

"A ex-namorada não parecia se abater com as agressões, que envolviam chutes e tapas, e discutia com Lindemberg e "até o provocava", contou o coronel reproduzindo depoimento da amiga da garota".
[/quote']

 

Segundo depoimentos de amigos do casal, ele já batia nela desde do começo da relação e ninguém da família dela acreditava. Pelas atitudes de Eloá  nas vezes que aparecia na janela do apartamento, sorrindo e acenando, acho que não acreditava realmente que o namorado fosse cumprir o que prometia.

 

Mas volto a insistir e nisso todos são unânimes: A polícia cometeu um grande erro deixando a amiga voltar ao apartamento.

  

Acho que não dá p/ esquecer que as meninas tinham 15 anos.

Não sei se estavam entendendo bem a gravidade da coisa.

 

Laure, talvez tu tenha razão com relação a Naiara, que diz que durante esses 4 dias eles até conversavam sobre o dia-a-dia... afff! 17 13

 
Link to comment
Share on other sites


Jovem baleada após seqüestro no ABC tem morte cerebral, diz equipe médica


Após ser mantida refém por mais de 100 horas, Eloá levou tiro na cabeça.
Testes apontaram que cérebro não tem atividade.






Juliana Cardilli

Do G1, em Santo André




Tamanho da letra









var midiaEmbed = {
tema: "cinzaEscuro",
imagem: '/GMC/foto/0,,15725605-EX,00.jpg' ,
banda: 'TIPO_TXT' ,
corFundo : "FFFFFF",
corFonte : "000000",
corLink : "FF00FF",
corBorda : "00FF00",
autoStart: false,
midiaId: 898497
};


var embed = new GMCEmbed(midiaEmbed);
embed.print();

A jovem Eloá Cristina Pimentel, de 15 anos, que foi mantida refém
durante mais de 100 horas pelo ex-namorado em Santo André, no
ABC, teve morte cerebral confirmada às 23h30 deste sábado
(18), segundo informou o secretário de Saúde do município,
Homero Nepomuceno Duarte.



 Ainda no sábado, a neurocirurgiã Grace Mayre Lydia havia
previsto que a menina "neurologicamente, nunca sairia dessa
situação". Apesar disso, ela informou que a jovem
"tinha sinais vitais e o coração batia".



 A médica disse que Eloá estava em estado gravíssimo e que a
equipe seguia um protocolo de exames que serviam como base
para avaliar se seu quadro indicaria a morte cerebral. A médica
afirmou que, apesar de retirada da sedação, ela seguia em
coma. Por volta das 23h deste sábado, o exame da atividade
cerebral começou a ser feitoo.



 Perguntada se a paciente apresentou alguma atividade cerebral no
primeiro exame, feito pouco antes das 17h deste sábado (18), a
médica respondeu: “não apresenta, por isso que nós retiramos
tudo [os medicamentos que a mantinham em coma induzido] para
verificar o estado real”.


04


Link to comment
Share on other sites

Respondendo a sua pergunta

 

Presos de CDP ameaçam seqüestrador de Eloá

São Paulo - Detido no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pinheiros, na zona oeste de São Paulo, Lindembergue Alves está sozinho numa cela do Segundo Pavilhão - ele não teria sido aceito pelos detentos do Primeiro Pavilhão. Seu humor, segundo oficiais que o acompanharam, sofria alterações bruscas: ora Alves se mostrava extremamente agressivo, ora choroso. Em alguns momentos, o seqüestrador pareceu transtornado. Pouco antes da invasão, ele disse ao grupo que negociava sua rendição: "Tenho um anjinho e um diabinho do meu lado. Estou ouvindo mais o diabinho."

 

Os presos do CDP não aceitam a presença de Alves. Segundo famílias que fizeram a visita costumeira dos sábados aos presos, a chegada do seqüestrador ao Cadeião, às 2 horas de ontem, provocou irritação nas diversas celas. Os presos já teriam cobrado da diretoria a transferência de Alves e ameaçado matá-lo. N sexta-feira, traficantes do Jardim Santo André haviam ameaçado expulsar a família do seqüestrador e matá-lo na cadeia, por "afetar o movimento de venda de drogas nas imediações".

 

"Quando souberam que ele estava aí, já começaram a se mexer para expulsar esse cara", comentou a cozinheira Marinalva Pereira Oliveira, de 29 anos, mulher de um detento. Ela e muitas outras mulheres afirmaram que há alvoroço na detenção. "Eles vão fazer a maior bagunça até que o diretor resolva tirar ele daí", garantiu. Inicialmente, o seqüestrador havia sido levado para o 6º Distrito Policial de Santo André, onde se recusou a falar sobre o ocorrido, segundo a Secretaria de Segurança Pública. Foi transportado para a sede do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), para o Instituto Médico-Legal (IML) de Santo André e, finalmente, para o CDP paulistano. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Link to comment
Share on other sites

"... Na sexta-feira, traficantes do Jardim Santo André haviam ameaçado expulsar a família do seqüestrador e matá-lo na cadeia, por "afetar o movimento de venda de drogas nas imediações".

 

"Quando souberam que ele estava aí, já começaram a se mexer para expulsar esse cara", comentou a cozinheira Marinalva Pereira Oliveira, mulher de um detento. Outras mulheres afirmaram que há alvoroço na detenção. "Eles vão fazer a maior bagunça até que o diretor resolva tirar ele daí", garantiu..."

Aff! Persona non grata...

Pior que a família tb paga pelo erro do mala! 09
MariaShy2008-10-19 09:58:29
Link to comment
Share on other sites

O Brasil deve ser o único pais do mundo onde o sequestrador é atendido pela Polícia e sua especializada equipe "Negociadores" em sua solicitação de sequestrar outra pessoa dando sua "palavra de honra" que irá libertá-la juntamente com a outra sequestrada!!!!

 

Normalmente nestess casos o sequestrador "solta" refém a cada solicitação para a polícia. No caso para ter Luz.... água... comida ou outro benefício. Para cada benefício ele deve soltar um refém como prova de que está disposto para negociação.

 

No Brasil esta estratégia se inverteu. O sequestrador exigiu sequestrar outra pessoa e a polícia especializada atendeu esta reinvindicação. Seria cômico não fosse trágico!!!!

 

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

"... Na sexta-feira' date=' traficantes do Jardim Santo André haviam ameaçado expulsar a família do seqüestrador e matá-lo na cadeia, por "afetar o movimento de venda de drogas nas imediações".

 

"Quando souberam que ele estava aí, já começaram a se mexer para expulsar esse cara", comentou a cozinheira Marinalva Pereira Oliveira, mulher de um detento. Outras mulheres afirmaram que há alvoroço na detenção. "Eles vão fazer a maior bagunça até que o diretor resolva tirar ele daí", garantiu..."

Aff! Persona non grata...

Pior que a família tb paga pelo erro do mala! 09
[/quote']

 

 A família vai pagar mesmo...infelizmente. Ainda mais depois que as irmãs disseram que ele é uma pessoa calma e tranquila
Kika2008-10-19 14:39:09
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements


×
×
  • Create New...