Jump to content
Forum Cinema em Cena

Filmes Negros


garbo
 Share

Recommended Posts

na veja dessa semana veio uma matéria bem interessante sobre o Tyler Perry, e a maioria aqui já deve ter reparado na imensidade de filmes negros (geralmente comédias dirigidas por um negro, estreladas apenas por negros, e direcionadas para a comunidade negra americana). tem até sites especializados em filmes negros, quais são os próximos projetos, que filme tal ator negro vai fazer etc, e esses filmes costumam ser detonados pela critica e ignorados pelo público branco, que no entanto faz questão de passar no imdb e dar nota 1 pro filme. o próprio tyler perry, como a Veja menciona, fez vários sucessos de bilheteria nos últimos anos (filmes que nem chegam no Brasil, vale a pena mencionar) e ainda assim hollywood parece ignorá-lo e não quer-lo. A mesma Hollywood que aposta suas fichas em Adam Sandler e Rob schneider. Porque? O ublico negro não gera reconhecimento? Os filmes são muito ruins? O que vocês acham que leva a essa segmentação, e porque ela não acontece no Brasil também?

 

Link to comment
Share on other sites

 Não sei se é essa a pergunta, mas os norte-americanos são, em sua maioria, francamente racistas.

  

 Me lembro de que  Halle Barrey ganhou um Oscar e tb Denzel Washington.

 Não teno certeza, mas acho que apenas 7 ou 8 negros conseguiram ganhar o Oscar até hoje... aff!

 

 By the way Spike Lee é estupendo! 10

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Vou sair um pouco do assunto aqui antes: na verdade, creio que a segmentação que existe nos filmes e comédias americanas muitas vezes se reproduz no mundo real. Nos States, ocorre uma forte segregação racial em alguns locais, muito mais forte que no Brasil (onde o preconceito é não-declarado).

Bom, como sabem, sou  negro e não gosto de nada disso. Qualquer tipo de divisão desse tipo pra mim (e não só essa, mas seja racial, sexual, religiosa, etc) é maléfica é deplorável. As pessoas devem se destacar pelo que elas são e não pela cor, religião ou whatever. O que tenho visto é que, mesmo se houver evolução nesse sentido, ainda assim temo por uma radicalização no sentido oposto (como essa tendência citada): assim, os negros passam a discriminar brancos, mulheres passam a querer ser melhores que homens e assim por diante. E o pior: tudo ser visto como normal e legal pela sociedade (afinal, anos de repressão!). Não creio que fazer o mesmo que outrora pessoas fizeram com estas classes resolva o problema.

Logo, não vou idolatrar um ator negro porque é negro e muito menos desprezá-lo por NÃO ser negro (como vejo em alguns casos extremos). Reconheço talentos quando vejo e admiro-os independente da cor que tiverem ou da religião que praticarem.

Os negros não são melhores ou piores que ninguém...são iguais a todo mundo.

Quanto ao reconhecimento de Hollywood, pra mim continua sendo o refrão de uma sociedade racista pavorosa. A reprodução de tudo isso é algo que infelizmente ainda ocorre e ocorrerá por muito tempo. Gostaria de ver algum dia os negros ostentado a igualdade de condições com os brancos se for possível e sem guerras ou provocações.  Para isso, acho que teria que ter nascido há muitos anos a frente, creio eu.

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

Quanto ao reconhecimento de Hollywood, pra mim continua sendo o refrão de uma sociedade racista pavorosa. A reprodução de tudo isso é algo que infelizmente ainda ocorre e ocorrerá por muito tempo. Gostaria de ver algum dia os negros ostentado a igualdade de condições com os brancos se for possível e sem guerras ou provocações.  Para isso, acho que teria que ter nascido há muitos anos a frente, creio eu.

 

[/quote']

mas será que esses filmes não conseguem reconhecimento devido a falta de qualidade? Spike lee por exemplo faz filmes bons e é um cineasta renomado por lá.

Mas aí já entra a questão do sandler que eu citei.

 

e se esse preconceito e racismo declarado é só por parte dos americanos, porque esses filmes que fazem grande sucesso de bilheteria por lá nem sequer chegam ao Brasil?

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

Não acho que seria possível dar uma resposta para sua pergunta, pelo menos não a que acho que as pessoas querem ouvir.

Na verdade, acho que a resposta para ela se encontra na mesma esfera de abrangência que faz com que segmentemos a problemática do circuito comercial cinematográfico brasileiro a essas questões específicas, quando são parte de um todo global. Para mim as coisas não ocorrem simplesmente assim. Sou fã de filmes de terror desde os anos 80. Vi centenas de filmes desse gênero e até me "especializei" neles. Entretanto, só com o advento da internet fui descobrir que existem filmes como Guinea Pig, Cannibal Holocaust, Audition, August Underground (para citar um americano) e muitos, muitos outros. Com um perfil totalmente distinto daqueles que eu assistia. Por exemplo, Takashi Miike é pra mim um dos melhores diretores atuais...ele praticamente inexiste no Brasil...seria justo compará-lo com Spike Lee? Se bem me lembro O Plano Perfeito em 2006 esteve no cinema, críticos famosos escreveram sobre ele, um número razoável de pessoas que conheço foram ver o filme por achar a estória interessante e hoje existe lá o dvd para quem quiser alugar. Creio que em pouco tempo a Globo pode anunciá-lo como uma atração de Tela Quente. Mas e sobre Crows Zero, o último filme de Takashi? Você já ouviu falar? (coloquei em inglês porque não há tradução para o português, obviamente)

Ou seja, existe uma estrutura complexa que define o circuito brasileiro de filmes. E ela vai muito além de qualidade ou filmes "bons"  ou a questão do racismo. São marketing, perfil que eles consideram que atendem aos interesses do brasileiro, o que gostamos, etc.

Uma estrutura como filmes de negros para negros é uma característica muito peculiar americana que não é reproduzida no Brasil, mesmo com o domínio da cinematografia desse país em relação ao nosso, então não faz parte do circuito comercial.

Simplesmente não atende a um público alvo significativo, como os filmes de terror ou de arte mais reflexivos e de conduta mais complexa. Enfim, isso não é questão de qualidade. Porque dificilmente encontro alguém que conhece um Stalker, por exemplo?

 

 

 

Mr. Scofield2008-04-08 07:50:45

Link to comment
Share on other sites

 

Vou sair um pouco do assunto aqui antes: na verdade, creio que a segmentação que existe nos filmes e comédias americanas muitas vezes se reproduz no mundo real. Nos States, ocorre uma forte segregação racial em alguns locais, muito mais forte que no Brasil (onde o preconceito é não-declarado).

Bom, como sabem, sou  negro e não gosto de nada disso. Qualquer tipo de divisão desse tipo pra mim (e não só essa, mas seja racial, sexual, religiosa, etc) é maléfica é deplorável. As pessoas devem se destacar pelo que elas são e não pela cor, religião ou whatever. O que tenho visto é que, mesmo se houver evolução nesse sentido, ainda assim temo por uma radicalização no sentido oposto (como essa tendência citada): assim, os negros passam a discriminar brancos, mulheres passam a querer ser melhores que homens e assim por diante. E o pior: tudo ser visto como normal e legal pela sociedade (afinal, anos de repressão!). Não creio que fazer o mesmo que outrora pessoas fizeram com estas classes resolva o problema.

Logo, não vou idolatrar um ator negro porque é negro e muito menos desprezá-lo por NÃO ser negro (como vejo em alguns casos extremos). Reconheço talentos quando vejo e admiro-os independente da cor que tiverem ou da religião que praticarem.

Os negros não são melhores ou piores que ninguém...são iguais a todo mundo.

Quanto ao reconhecimento de Hollywood, pra mim continua sendo o refrão de uma sociedade racista pavorosa. A reprodução de tudo isso é algo que infelizmente ainda ocorre e ocorrerá por muito tempo. Gostaria de ver algum dia os negros ostentado a igualdade de condições com os brancos se for possível e sem guerras ou provocações.  Para isso, acho que teria que ter nascido há muitos anos a frente, creio eu.

 

[/quote']

 

1010101010

 

Eu sei que é super clichê o que eu vou falar, e 98% das pessoas no Brasil devem falar também: eu odeio preconceito e não admito isso, em nenhum tipo (acredite somente se quiser!).

 

Sou branca e odeio usar essa palavra. Tipo sou branca, sou negra mimimi e daí e tal. É como dizer sou loira. Que diferença isso vai fazer pra uma pessoa?

 

É fato: a sociedade que a gente vive acaba gerando preconceitos que eu eventualmente tenho e me odeio por isso. Não contra negros, é mais com os... desculpe usar as palavras "manos". Os que tem aqui são mau encarados, usam roupas típicas de traficantes, andam em bandos a noite e usam palavras pejorativas pra te chamar, andam sempre de capuz etc. E aí, são ladrões, delinquentes etc ou só são caras que curtem hip hop e querem fazer pose? Well, aqui na minha cidade a maioria é da segunda opção!! 09 E aí hein? A gente atravessa a rua quando vê os caras...

Acho que isso acontece muito com os negros aqui no Brasil. Até hoje todos os amigos que eu tive que tinham pele escurinha eram gente fina 06 Pelo motivo óbvio que DÃ, eles eram meus amigos e eu só faço amigos que eu considero legais né?

Minha família é meio conservadora, condena meu namoro (que todos devem saber com quem é), e minha mãe é meio racista, já falou que nunca me deixaria namorar com um negro ¬¬ Mas ah é, o assunto é cinema! 02

 

Eu não vi nada desses ditos "filmes negros". E eu não sou fã de terror, não vi também nenhum dos citados pelo Mr. Scofield. Mas isso acontece direto também com dramas que eu gosto. Eles não lançam no Brasil pq não se encaixa no padrão do "povão" brasileiro, logo não vai ter lucro e tal, uma jogada de marketing $$$.

 

É que nem os filmes da Globo. Passa MUITA merda, tipo esses filmes do Ben Stiller 14 O foda é que o pessoal GOSTA, se eu perguntar pras minhas ex colegas os filmes preferidos delas, vai tá cheio de coisas como Uma Noite No Museu e As Branquelas e tal. O que fazer sobre isso?

 

 

Ps: Algum de vcs, me diz o filme que vocês consideram o "melhor filme negro" (argh que estranho falar isso 06) que eu quero ver 03)

Ps²: Vocês consideram feio baixar filmes da net? Eu acho que não vou encontrar esses filmes na locadora 06

 

Link to comment
Share on other sites

Quanto ao reconhecimento de Hollywood, pra mim continua sendo o refrão de uma sociedade racista pavorosa. A reprodução de tudo isso é algo que infelizmente ainda ocorre e ocorrerá por muito tempo. Gostaria de ver algum dia os negros ostentado a igualdade de condições com os brancos se for possível e sem guerras ou provocações.  Para isso, acho que teria que ter nascido há muitos anos a frente, creio eu.
[/quote']
mas será que esses filmes não conseguem reconhecimento devido a falta de qualidade? Spike lee por exemplo faz filmes bons e é um cineasta renomado por lá.
Mas aí já entra a questão do sandler que eu citei.

e se esse preconceito e racismo declarado é só por parte dos americanos, porque esses filmes que fazem grande sucesso de bilheteria por lá nem sequer chegam ao Brasil?

 

 Não sei se o Brasil   se daria a esse trabalho, visto que por aqui há muito filmes exaltando a raça negra.

acho que tais não chegam aqui, pq sempre visam bilheteria.

 
Chica2008-04-08 11:26:07
Link to comment
Share on other sites

 

 

Ps: Algum de vcs' date=' me diz o filme que vocês consideram o "melhor filme negro" (argh que estranho falar isso 06) que eu quero ver 03)

Ps²: Vocês consideram feio baixar filmes da net? Eu acho que não vou encontrar esses filmes na locadora 06

[/quote']

Alguns vc encontra na locadora mesmo, como O pequenino, Diário de uma Louca, ATL ou As Branquelas. Já o melhor eu não saberia te dizer...

 

Link to comment
Share on other sites

Bom dia pessoal,

 

 

 

Pela própria dificuldade do ator negro ter espaço no cinema estadunidense é que acredito que a 95% dos atores negros que estão no cinema estão em um nível para pegar qualquer papel principal em qualquer filme e em relação às séries, gosto de todas, sou muito fã mesmo, é um humor diferenciado do perfil estadunidense e que agrada pela criatividade de gestos e expressões, então sou suspeito para falar... 06.gif

 

 

Link to comment
Share on other sites

mas será que esses filmes não conseguem reconhecimento devido a falta de qualidade? Spike lee por exemplo faz filmes bons e é um cineasta renomado por lá.Mas aí já entra a questão do sandler que eu citei.e se esse preconceito e racismo declarado é só por parte dos americanos' date=' porque esses filmes que fazem grande sucesso de bilheteria por lá nem sequer chegam ao Brasil?[/quote']

 

 

 

No caso de Tyler Perry, Diário de Uma Louca foi lançado nos cinemas do Brasil e com uma divulgação razoável (cartazes na rua e banners de propaganda em alguns sites da internet). Provavelmente deve ter tido uma bilheteria infima e acabou não sendo lançado os outros filmes do diretor no Brasil.

 

Isso não acontece só com filmes de comédia negros. Os filmes com Will Ferrell nunca pegaram muito no Brasil. Ricky Bobby, uma comédia de Nascar (tipo Formula 1), nem chegou a ser lançado, mesmo tendo uma ótima bilheteria e boas críticas lá fora.

 

 

 

Sobre a questão dos negros, um grande problema é que a maioria dos papéis que não são escritos pensando numa cor (ou seja, não são escritos pensando num personagem branco ou negro), acabam indo para atores brancos. As vezes temos excessões, como Will Smith em Eu Sou a Lenda, ou Denzel Washington em The Manchurian Candidate, mas a grande maioria acaba ficando mesmo com atores brancos. Afinal, porque, digamos, Terrence Howard não poderia ficar com o papel de Jason Bourne na trilogia Bourne? Ou qualquer papel do inexpressivo Hayden Christensen ser dado a um ator negro de talento?

 

Isso acaba tb batendo na questão de que no cinema mundial temos muitos mais atores brancos em evidência do que negros. Porque? Porque negros se interessam menos pela arte? óbvio que não, mas porque acaba sendo muito mais difícil para um ator negro se tornar conhecido (e portanto ter chances de concorrer para bons papéis) do que brancos.Isso acontece em decorrência do racismo que existe em todo mundo, mas é bem mais escancarado nos Estados Unidos do que aqui, por exemplo.

 

Ver as falhas é fácil, só que o problema é pensar em maneiras de reduzi-las. Isso que é difícil. Yoh2008-04-08 10:10:51

Link to comment
Share on other sites

 

Sobre a questão dos negros' date=' um grande problema é que a maioria dos papéis que não são escritos pensando numa cor (ou seja, não são escritos pensando num personagem branco ou negro), acabam indo para atores brancos.[/quote']

Esse trecho do post do Yoh toca num ponto crucial quando se trata do problema q os negros enfrentam, não só no cinema, mas em toda a mídia: as pessoas dão preferência aos brancos. Acho incomodo ver os casais de séries e filmes americanos, todos separados por cor. Ou a família é toda branca ou toda negra. É preciso existir filmes para brancos e filmes para negros (o mesmo vale para as séries). Seria bom ver essas pessoas misturadas, mas na ficção não existe mistura pq no mundo real ela tbm não existe. Quando a segregação q ocorria antigamente nos Estados Unidos foi deixando de ser aplicável no país, ela não sumiu, apenas começou a mudar para se transformar em algo não oficial, ainda que seja óbvia, e com regras menos rígidas. Essa realidade obviamente se reflete no cinema.

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

Não acho que seria possível dar uma resposta para sua pergunta, pelo menos não a que acho que as pessoas querem ouvir.

Na verdade, acho que a resposta para ela se encontra na mesma esfera de abrangência que faz com que segmentemos a problemática do circuito comercial cinematográfico brasileiro a essas questões específicas, quando são parte de um todo global. Para mim as coisas não ocorrem simplesmente assim. Sou fã de filmes de terror desde os anos 80. Vi centenas de filmes desse gênero e até me "especializei" neles. Entretanto, só com o advento da internet fui descobrir que existem filmes como Guinea Pig, Cannibal Holocaust, Audition, August Underground (para citar um americano) e muitos, muitos outros. Com um perfil totalmente distinto daqueles que eu assistia. Por exemplo, Takashi Miike é pra mim um dos melhores diretores atuais...ele praticamente inexiste no Brasil...seria justo compará-lo com Spike Lee? Se bem me lembro O Plano Perfeito em 2006 esteve no cinema, críticos famosos escreveram sobre ele, um número razoável de pessoas que conheço foram ver o filme por achar a estória interessante e hoje existe lá o dvd para quem quiser alugar. Creio que em pouco tempo a Globo pode anunciá-lo como uma atração de Tela Quente. Mas e sobre Crows Zero, o último filme de Takashi? Você já ouviu falar? (coloquei em inglês porque não há tradução para o português, obviamente)

Ou seja, existe uma estrutura complexa que define o circuito brasileiro de filmes. E ela vai muito além de qualidade ou filmes "bons"  ou a questão do racismo. São marketing, perfil que eles consideram que atendem aos interesses do brasileiro, o que gostamos, etc.

Uma estrutura como filmes de negros para negros é uma característica muito peculiar americana que não é reproduzida no Brasil, mesmo com o domínio da cinematografia desse país em relação ao nosso, então não faz parte do circuito comercial.

Simplesmente não atende a um público alvo significativo, como os filmes de terror ou de arte mais reflexivos e de conduta mais complexa. Enfim, isso não é questão de qualidade. Porque dificilmente encontro alguém que conhece um Stalker, por exemplo?

 

 

 

[/quote']

mas aí voce citou filmes pouco comerciais, que não fizeram sucesso nem mesmo nos EUa. Já os filmes negros são grandes sucessos de bilheretira e ainda assim não chegam por aqui. Tirando os filmes negros, você se lembra de algum filme que tenha feito muito sucesso nos eua e não tenha chegado por aqui (e cinema, dvd, ou o que seja)?

 

e por que todas as comédias negras são críticadas tão pesadamente? Será que todos os filmes voltados para o público negro são necessariamente ruin?

 

Link to comment
Share on other sites

Garbo, o felipe me citou nomes de "comédias negras", e EU ACHEI UMA 14 toooodas!

 

Não é por preconceito, sério. Eu achei elas ruins mesmo, com histórias bobas e mal feitas.

 

 

 

Ps: Algum de vcs' date=' me diz o filme que vocês consideram o "melhor filme negro" (argh que estranho falar isso 06) que eu quero ver 03)

Ps²: Vocês consideram feio baixar filmes da net? Eu acho que não vou encontrar esses filmes na locadora 06

[/quote']

Alguns

vc encontra na locadora mesmo, como O pequenino, Diário de uma Louca,

ATL ou As Branquelas. Já o melhor eu não saberia te dizer...

 

O Pequenino = 141414

Diário de Uma Louca = 1414

As Branquelas = 14

 

Isso não faz todos filmes serem ruins claro! Por isso que eu pedi dicas de "filmes negros" pra mim ver, por que esses aí eu não gostei 07

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

mas aí voce citou filmes pouco comerciais, que não fizeram sucesso nem mesmo nos EUa. Já os filmes negros são grandes sucessos de bilheretira e ainda assim não chegam por aqui. Tirando os filmes negros, você se lembra de algum filme que tenha feito muito sucesso nos eua e não tenha chegado por aqui (e cinema, dvd, ou o que seja)?

 

e por que todas as comédias negras são críticadas tão pesadamente? Será que todos os filmes voltados para o público negro são necessariamente ruin?

[/quote']

Porque você só considera fonte de referência os Estados Unidos? Sinônimo de sucesso para você é fazer sucesso nos States? Não acha que está restringindo demais e saindo de uma armadilha e caindo em outra? Ou que é o conceito de "sucesso" que tem que mudar?

E a Europa? A Ásia? Por que esse conformismo com o domínio da cultura americana sobre a nossa e esse inconformismo com os filmes negros?

Olha só...é MUITO perigoso falar dessa forma, há uma série de coisas implícitas na discussão que você não considera para enfocar nesse assunto. O que determina um circuito comercial pode ultrapassar muito a questão do preconceito (se formos discutir por esse aspecto, cairemos em um "lugar comum", aliás...teremos discursos de pessoas indignadas, condenações falando que pessoas querem ver os negros se destacando, enfim, levantar uma bandeira negra e acho que a coisa não é por aí).

Por exemplo: Você se perguntou se são mesmo os brancos que votam para dar nota 1 no imdb ou se o filme é ruim mesmo? Quais são os fatores que a levam a essa dedução?

Será que TODOS os filmes negros são mesmo sempre criticados? Will Smith desbancou muita gente para um papel central em I Am Legend, por exemplo. O pessoal falou sobre vários outros filmes acima.

Será que todas as comédias negras são criticadas pesadamente? Me lembro de muita gente falando bem do (péssimo) As Branquelas, por exemplo.

Será que não estamos fechando os olhos para uma problemática que possui muito mais fatores que esses?

Mr. Scofield2008-04-09 11:30:03

Link to comment
Share on other sites

"Sou

fã de filmes de terror desde os anos 80. Vi centenas de filmes desse

gênero e até me "especializei" neles. Entretanto, só com o advento da

internet fui descobrir que existem filmes como Guinea Pig, Cannibal

Holocaust, Audition, August Underground (para citar um americano) e

muitos, muitos outros."

 

O cara tem bom gosto 05

 

Qto ao topico... eu jah vi enesimos blackmovies, maioria eh mesmo muito ruim. Legais eram os Blaxploitations dos anos 70 e que o Tarantino até chupinhou em "Jackie Brown". Seriados como Shaft, etc...

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

 

Não acho que seria possível dar uma resposta para sua pergunta, pelo menos não a que acho que as pessoas querem ouvir.

Na verdade, acho que a resposta para ela se encontra na mesma esfera de abrangência que faz com que segmentemos a problemática do circuito comercial cinematográfico brasileiro a essas questões específicas, quando são parte de um todo global. Para mim as coisas não ocorrem simplesmente assim. Sou fã de filmes de terror desde os anos 80. Vi centenas de filmes desse gênero e até me "especializei" neles. Entretanto, só com o advento da internet fui descobrir que existem filmes como Guinea Pig, Cannibal Holocaust, Audition, August Underground (para citar um americano) e muitos, muitos outros. Com um perfil totalmente distinto daqueles que eu assistia. Por exemplo, Takashi Miike é pra mim um dos melhores diretores atuais...ele praticamente inexiste no Brasil...seria justo compará-lo com Spike Lee? Se bem me lembro O Plano Perfeito em 2006 esteve no cinema, críticos famosos escreveram sobre ele, um número razoável de pessoas que conheço foram ver o filme por achar a estória interessante e hoje existe lá o dvd para quem quiser alugar. Creio que em pouco tempo a Globo pode anunciá-lo como uma atração de Tela Quente. Mas e sobre Crows Zero, o último filme de Takashi? Você já ouviu falar? (coloquei em inglês porque não há tradução para o português, obviamente)

Ou seja, existe uma estrutura complexa que define o circuito brasileiro de filmes. E ela vai muito além de qualidade ou filmes "bons"  ou a questão do racismo. São marketing, perfil que eles consideram que atendem aos interesses do brasileiro, o que gostamos, etc.

Uma estrutura como filmes de negros para negros é uma característica muito peculiar americana que não é reproduzida no Brasil, mesmo com o domínio da cinematografia desse país em relação ao nosso, então não faz parte do circuito comercial.

Simplesmente não atende a um público alvo significativo, como os filmes de terror ou de arte mais reflexivos e de conduta mais complexa. Enfim, isso não é questão de qualidade. Porque dificilmente encontro alguém que conhece um Stalker, por exemplo?

 

 

 

[/quote']

mas aí voce citou filmes pouco comerciais, que não fizeram sucesso nem mesmo nos EUa. Já os filmes negros são grandes sucessos de bilheretira e ainda assim não chegam por aqui. Tirando os filmes negros, você se lembra de algum filme que tenha feito muito sucesso nos eua e não tenha chegado por aqui (e cinema, dvd, ou o que seja)?

 

e por que todas as comédias negras são críticadas tão pesadamente? Será que todos os filmes voltados para o público negro são necessariamente ruin?

Eu acho que trata-se exclusivamente de uma questão cultural. O problema do negro americano não é um problema universalizável... e isto, segundo parâmetros comerciais, poderia descaracterizar tais filmes no nosso mercado. Por exemplo, "Dois Filhos de Francisco" foi o maior sucesso de bilheteria brasileira... Agora, cite UM americano que conheça ou que deseje ver este filme... É um filme sobre uma dupla brasileira, sem um tema universal, etc. Um filme restrito per si ao nosso mercado. E talvez estes "filmes negros" sejam assim no que diz respeito ao revés.

 

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

dizer isso é até sacanagem...samuel l jackson tá em quantos filmes? denzel e terence howard em outros tantos, will smith é o mega astro do momento, qts diretores não desenvolvem uma tematica, personagens e tramas focando nesse publico? só de cabeça aqui posso te dizer, john singleton, craig brewer, spike lee entre outros...

Diogo Simões2008-04-22 05:55:15
Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

Eu sou afrobrasileiro ou seja negro e acho muito importante temos um fórum que fala de filmes negros que hoje graça a deus e uma realidade e está aí para todos que se interessam poder assitir se bem que alguns cinemas e canais abertos(Globo) nuncam passam obras de interesse e conteúdo mas vamos voltar ao assunto os filmes negros são uma forma de retratar as origens,costumes,postura e moda do povo negro e olha que por Hollywood décadas produziu centenas de filmes com o protagonista e elenco totalmente branco contando várias histórias em superproduções que se tornaram inúmeros sucessoe marcaram gerações como os negros e outras raças não existissem. E claro que em um filme e  aparecia um negro(a) ou outro mas sempre em pontas e papéis pequeno como escravo,ladrão ou empregado de forma bem reduzida ou insignificante.Mas claro que talento e personalidade são capaciades distintas que sempre contam e muitos atores de cor acabarm vencendo o racismo e conquitando o frutos dos seus nobres esforços como a empregada do O Vento Levou 1939 Hattie Mcdanie ganhou o oscar de atriz codjuvantesl mas não pode a premier do filme em Atlanta por ser negra.Com a luta dos direitos civis para os negros em décadas de 50/60 surgiu um galã jovem destemido que participou de inúmeras produções e conseguria o estrelato e oscar em 1964 o sr.Sidney Pottier que ficará famoso aqui no Brasil por Ao Mestre com Carinnho.

Mas só no periodo da 70 que surgiu o segmento de filmes baratos destinados a público negro como Shaft de 1971 com Richard Roundtree que trarias mais longas com Pam Grier,Byron Brown,Richard Pryor e etç

Entretanto com o sucesso de vários atores como Denzel,Freeman,Snipes Whoopi e outros e natural que surgissem cineatas negros que teriam autonomia e coragem de trabalhar em projetos arriscados ao traduzir os anseios e desejo dos negros(a) em serem vistos nas telas e isto venho com SPIKE LEE que começou a carreira em longas políticos e destinados a concietização dos negros e deixou a sua obra prima o FAÇA A COISA CERTA que continua tão atual quanto polêmico que abre com a inesquicivel com FIGTH THE POWER do Public Enemy e termina com o conflito entre os italianos e policiais contra os negros do gueto e sem dúvida um filme para ser visto e revisto.e abriu o filão que continuou com o  John Singleton que foi o diretor mais jovem ao ser indicado ao oscar com o triste e nostágilco os DONOS DA RUA  c/ Ice Cube,Gooding Jr,Fishburne que mostrou a crônica diária dos negros como paterniade precoce,racismo e violência e populizaria o hip hop e os astros envolvidos.

E seguiram muitos filmes negros por aí que foram bons ou ruins como o Perigo Para Sociedade,Sexta Feira em Apuros,Malcom X,Duro Aprendizado

e muito destas obras falaram do racismo e problemas sociais que infelizmente existe entre os brancos e negros mostrando várias vezes que o preconceito e um ato grotesco e irracional tanto dos brancos para os negros e negros para os brancos mostrando que certas feridas vão ser difícil de ser cicatrizadas mas muitos destas obras nos traz a serenidade

que o diálago e o melhor entendimento de respeito mútuo e que bom que existam filmes negros para que alguns possam conhecer este universo black antes mesmo de julga-lo e indenpendente disto filme tem que ter bons longas com conceito e qualidades

E por isso que tem cineastas com Spike Lee,Siglenton,Carl Frklin,Antoine Fucca,Albert e Allen Hughes que já trabalharam inclusive com atores brancos como Clive Owen(Plano Perfeito),Mark Whalberg(Quatro Irmãos),

Johnny Depp(Do Inferno),Mery Streep(Um Amor verdadeiro) Edward Norton(A Última Noite) que são bons exemplos  que união de  raças e etnias podem gerar trabalho e reconhecimento para todos
Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

 

 

 

mas aí voce citou filmes pouco comerciais, que não fizeram sucesso nem mesmo nos EUa. Já os filmes negros são grandes sucessos de bilheretira e ainda assim não chegam por aqui. Tirando os filmes negros, você se lembra de algum filme que tenha feito muito sucesso nos eua e não tenha chegado por aqui (e cinema, dvd, ou o que seja)?

 

e por que todas as comédias negras são críticadas tão pesadamente? Será que todos os filmes voltados para o público negro são necessariamente ruin?

[/quote']

Porque você só considera fonte de referência os Estados Unidos? Sinônimo de sucesso para você é fazer sucesso nos States? Não acha que está restringindo demais e saindo de uma armadilha e caindo em outra? Ou que é o conceito de "sucesso" que tem que mudar?

E a Europa? A Ásia? Por que esse conformismo com o domínio da cultura americana sobre a nossa e esse inconformismo com os filmes negros?

Olha só...é MUITO perigoso falar dessa forma, há uma série de coisas implícitas na discussão que você não considera para enfocar nesse assunto. O que determina um circuito comercial pode ultrapassar muito a questão do preconceito (se formos discutir por esse aspecto, cairemos em um "lugar comum", aliás...teremos discursos de pessoas indignadas, condenações falando que pessoas querem ver os negros se destacando, enfim, levantar uma bandeira negra e acho que a coisa não é por aí).

Por exemplo: Você se perguntou se são mesmo os brancos que votam para dar nota 1 no imdb ou se o filme é ruim mesmo? Quais são os fatores que a levam a essa dedução?

Será que TODOS os filmes negros são mesmo sempre criticados? Will Smith desbancou muita gente para um papel central em I Am Legend, por exemplo. O pessoal falou sobre vários outros filmes acima.

Será que todas as comédias negras são criticadas pesadamente? Me lembro de muita gente falando bem do (péssimo) As Branquelas, por exemplo.

Será que não estamos fechando os olhos para uma problemática que possui muito mais fatores que esses?

1 - eu citei o cinema americano e não os outros pq se formos considerar o cinema de todo o mundo realmente tem muita coisa que não sai no Brasil, mas praticamente todos os filmes americanos, pelo menos os de estudio, saem por aqui, menos os filmes negros.

E não acredito que Eu sou a lenda se encaixe na denominação de filme negro, pelo contrario, é voltado pro publico em geral independente do protagonista ser negro ou não. A procura da felicidade não é um filme negro, Ao mestre com carinho não é um filme negro. Nem mesmo os do Spike Lee são filmes negros, são filmes sobre negros, mas direcionados para todos os publicos, alguns até mais pro publico branco.

No topico eu me referia a filmes feitos e voltados para o publico negro. Filmes dos quais os brancos passam longe e nem se dão ao trabalho de assistir, ou pelo menos essa é a impressão que fica quando voce lê em blogs, foruns ameericanos, ou até mesmo naquelas paginas de discussão do IMDb.

 

Aliás, é até curioso pois já vi muitos brancos (pessoas que afirmavam ser brancas pela internet) acusando tais filmes de racismo por mostrar um mundo meio idealizado onde só existem negros e nenhum branco jamais cruza a tela. O que vces acham?

garbo2008-05-16 11:41:51

Link to comment
Share on other sites

Garbo como você disse sabiamente o Spike Lee não faz filmes negros(black) mas sobre os negros e de um jeito meio miltante e planfetários tendo como protagonista sempre atores negros e muitas as vezes acusado de racista e reacionário por isso.Entretanto os anos lhe deram experiência e maturidade e começou a trabalhar com atores brancos debutou com excelente O Verão de Sam de 1999 com John Leguizamo,Mira Sorvino e Andrien Brody e mostrou a comunidade italiana e a disco dos ano 70 e seus figurinos extravagentes e seguiu com drama pesado de 2002 A Última Noite com Edward Norton,Barry Peper e Philip Seymour Hoffman contando as últimas 24 horas de um traficante mauricinho antes de ir para prisão, ambos filmes com protagonista e ponto vista dos brancos e negros como codjuvantes ou mais ate mais como figurantes.

Então deve haver comunidade negras ou guetos que a maioria da população e da mesma etnia e quando se retrata isto com fidelidade algumas pessoas estrahnam mas isto e normal.

Eu Sou A Lenda,O Gansgter não acho que são filmes sobres negros mas tem sim protagonistas negros com um mundo normal com negros e brancos vivendo com suas diferenças e tocando a suas vidas
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

Announcements

×
×
  • Create New...